Página 1 dos resultados de 5 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Relações entre arte e público no MASP: um olhar do presente em direção a 1970

Sertorio, Patricia Valeria
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/10/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.69%
O presente estudo tem como objetivo refletir sobre as relações entre arte e público, ou seja, a mediação e os agentes de mediação que se estabeleceram no sistema da arte. O estudo compreende as mudanças ocorridas nas relações entre arte e público a partir do século XVIII, o surgimento dos museus modernos, e o trabalho realizado no Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand - MASP, desde sua criação, investigando as origens filosóficas e educacionais que nortearam as propostas dos agentes mediadores que atuaram no Museu. Com base em material documental e entrevistas, procurou-se esclarecer como foi feita a mediação educativa na década de 1970, e refletir sobre a contribuição dessas propostas de mediação para o Serviço Educativo do MASP atuante hoje.; The present study aims to reflect about the relationship between art and public, that is, mediation and the conciliation officers who settled in the art system. The study comprises changes in the relationship between art and audience from the 18TH century, the emergence of modern museums, and the work done at the Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand - MASP, since its inception, investigating the philosophical and educational backgrounds that guided the proposals of the mediators who worked at the Museum. Based on documentary material and interviews...

Albert Löfgren: resgate, sistematização e atualidade do pensamento de um pioneiro nos campos da climatologia, fitogeografia e conservação da natureza no Brasil; Albert Löfgren: rescue, systematization and the current thinking of a pioneer in the fields of climatology, plant geography and nature conservation in Brazil

Persiani, Adriana
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 09/11/2012 PT
Relevância na Pesquisa
26.94%
Esta pesquisa analisou a trajetória intelectual e a produção científica do naturalista sueco Johan Albert Constantin Löfgren (1854-1918) contribuindo, assim, com a história das ciências naturais no Brasil na transição entre os séculos XIX e XX. Para atingirmos este objetivo realizamos uma análise do conteúdo da sua produção técnico-científica para identificamos a estruturação das suas publicações (temáticas e abordagens predominantes). Este processo possibilitou a seleção dos tópicos aprofundados na análise do discurso, cuja decodificação revelou a visão de ciência e o papel do conhecimento; o conteúdo geográfico a ele inerente, vinculado à formação e organização do espaço e de formação da identidade nacional; seu pioneirismo em várias áreas do saber; sua atuação em importantes instituições de pesquisa; e, a atualidade de seu pensamento. Apesar de estrangeiro, Löfgren inseriu-se muito bem na sociedade brasileira do século XIX: estabeleceu relações sociais; manteve contato com o governo de diversas províncias e com instituições científicas nacionais e internacionais; e, assumiu a chefia de importantes seções ligadas a institutos de pesquisas, tais como a Seccção Botanica e Meteorologia da Commissão Geographica e Geologica de São Paulo...

O Museu Sertório: uma coleção particular em São Paulo no final do século XIX (primeiro acervo do Museu Paulista)

Carvalho,Paula Carolina de Andrade
Fonte: Museu Paulista, Universidade de São Paulo Publicador: Museu Paulista, Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2014 PT
Relevância na Pesquisa
57.13%
Este artigo pretende rastrear e recuperar a coleção particular conhecida como Museu Sertório, que, embora tenha se constituído como o primeiro núcleo do acervo do Museu Paulista, é um tema ainda pouco explorado na historiografia. De propriedade do coronel Joaquim Sertório, a coleção tornou-se um museu privado na cidade de São Paulo, ganhando relevância na segunda metade do século XIX. As peças a ele pertencentes foram doadas ao governo paulista em 1890, tornando-se o embrião do acervo do Museu Paulista, que viria a ser inaugurado, em 1895, no Monumento do Ipiranga.

Museu do Ipiranga

Makino, Mioko
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 30/08/1999 POR
Relevância na Pesquisa
47.17%
The Museu do Ipiranga, or Museu Paulista da USP is a University of São Paulo integration organism and dedicates itself to the study of the History of the Brazilian society's Material Culture. The building that houses it was built as a Monument to Independence. The collections were began with the Museu Sertório collection, which was bought, at the end of 1890, by Counselor Francisco de Paula Mayrink, and donated by him to the State Government. The collection was subordinated to the State of São Paulo Geographical and Geological Commission between 1890 and 1893. In August 1893, it was determined that the Monument would be used as the Museum's headquarters. The collections were transferred and reorganization was authorized. The museum was solemnly inaugurated and open to the public on September 7th 1895. In 1934, it became a University of São Paulo complementary institute, and it was finally incorporated to it in 1963. The Museu Paulista owns more than 130 thousand pieces concentrated in three areas: Objects, Textual Documentation and Iconography, covering the period ranging from the 16th to mid 20th Centuries.; O Museu do Ipiranga ou Museu Paulista da USP é órgão de integração da Universidade de São Paulo e dedica-se ao estudo da História da Cultura Material da sociedade brasileira. O edifício...

O Museu Sertório: uma coleção particular em São Paulo no final do século XIX (primeiro acervo do Museu Paulista)

Carvalho, Paula Carolina de Andrade
Fonte: Universidade de São Paulo. Museu Paulista Publicador: Universidade de São Paulo. Museu Paulista
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
57.48%
Este artigo pretende rastrear e recuperar a coleção particular conhecida como Museu Sertório, que, embora tenha se constituído como o primeiro núcleo do acervo do Museu Paulista, é um tema ainda pouco explorado na historiografia. De propriedade do coronel Joaquim Sertório, a coleção tornou-se um museu privado na cidade de São Paulo, ganhando relevância na segunda metade do século XIX. As peças a ele pertencentes foram doadas ao governo paulista em 1890, tornando-se o embrião do acervo do Museu Paulista, que viria a ser inaugurado, em 1895, no Monumento do Ipiranga.; This research intends to trace and recover information about the private collection known as Museu Sertorio, which became Museu Paulista's first main collection. This subject matter hasn't been bestowed upon it by the specialized historiography. This collection, a private museum in São Paulo, belonged to Colonel Joaquim Sertorio, and it became famous in the second half of the 19th century. This museum was donated to São Paulo estate government in 1890, from which Museu Paulista was created; it officialy opened in 1895 at the Ipiranga Monument.