Página 1 dos resultados de 28 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

A importância do punk em Portugal : o movimento punk nacional e o caso estudo da banda Mata-Ratos (1982-2010)

Lemos, Paulo Bettencourt
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
57.11%
Esta tese aborda o Punk, uma subcultura juvenil baseada na música, atendendo sobretudo ao seu surgimento e desenvolvimento em Portugal. Através da sua prévia contextualização a nível internacional, a dissertação pretende evidenciar, analisando o impacto que a música Punk e seus diversos subestilos tiveram no nosso país, que as dinâmicas da globalização, apesar de predominantemente de carácter económico e financeiro, são também de carácter cultural e artístico. São assim analisados nesta dissertação factores e contributos que esta subcultura fomentou em Portugal, terminando com o caso de estudo da mais antiga banda Punk nacional actualmente em actividade, os Mata-Ratos.; This thesis addresses Punk, a youth subculture based on music, and analyzes its emergence and development in Portugal. Through previous international context, the paper aims to highlight, by analyzing the impact of Punk and its various substyles had in our country, that the dynamics of globalization, although predominantly economic and financial, are also of cultural and artistic. The dissertation analyzes the main factors of this urban tribe and the contributions given by it to the Portuguese culture, ending with the case study of the earliest punk band currently in activity...

A Industrialização do Movimento Punk

Lemos, Paulo Bettencourt
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
47.02%
Embora o Punk tenha surgido em finais da década de 70 como uma contra-cultura revolucionária que se opôs aos valores sociais vigentes da sociedade inglesa, rapidamente a indústria absorveu este movimento social. A atual aceitação social da prévia rebeldia Punk deu-se através da sua comercialização, onde foi possível ao mainstream suavizar os seus aspetos mais agressivos popularizando assim agrupamentos musicais do género. A vulgarização do Punk ocorreu deste modo através da incorporação comercial da sua música e estética. Neste relatório de estágio reflete-se sobre o papel e a influência da indústria no Punk. Através de uma análise ao festival Mighty Sounds, compreenderemos como a comercialização desta tribo urbana tornou este fenómeno facilmente reconhecido a nível mundial e qual o impacto da indústria nos movimentos do underground, desconhecidos pelo grande público, e que se encontram fora dos mediatismos comerciais e noticiosos.; Relatório de estágio em Comunicação e Jornalismo, apresentado ao Departamento de Informação, Comunicação e Filosofia da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra

"Corpo diplomático" : punk e modificação corporal

Jesus, Jennifer Daniela Fernandes de
Fonte: FEUC Publicador: FEUC
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.9%
Esta investigação debruça-se sobre os processos de construção identitária, especificamente através do uso de marcas corporais por indivíduos que se identificam como punks em Coimbra. O objeto desta análise é o corpo modificado, através de piercings e tatuagens e a forma como estas modificações corporais remetem para a vivência e identidade punk. Assim, esta análise tem como principal foco a heterogeneidade e pluralidade de discursos sobre o corpo, produzidos por indivíduos que se identificam como punks. Por este meio, recorreu-se a um conjunto de técnicas metodológicas, numa abordagem qualitativa: entrevista e observação. Os discursos analisados a partir das entrevistas constituíram-se como fontes heurísticas para perceber os processos de construção identitária. Por outro lado, fizeram-se também observações em Repúblicas de Coimbra de modo a perceber a dinâmica do punk e do corpo. Desde o seu surgimento, a cultura punk destaca-se pela forma como os seus membros adotam o corpo como manifesto e a modificação corporal como elemento de composição do seu estilo. Assim, um dos principais focos da análise foi a procura de uma compreensão sobre os significados, as perceções e as motivações que levam indivíduos identificados com o movimento punk a marcar o corpo. Deste modo...

O punk sob o olhar da mídia: um estudo léxico-discursivo; The punk under the gaze of the media: a lexical-discursive study

Melão, Cesar Augusto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
47.37%
A mídia de massa constitui um grupo detentor de um grande poder no âmbito discursivo, uma vez que esse grupo tem acesso e pode controlar as informações que vão a público. O movimento punk, por outro lado, representa diversas minorias na sociedade e sua principal ferramenta de divulgação de ideias é a arte, principalmente a música. O discurso punk, porém, tem um alcance bastante limitado em comparação com a mídia de massa. Tendo em mente essa assimetria de poder, analisamos, nesta dissertação, o discurso da mídia em relação ao punk brasileiro. Desde sua chegada ao Brasil, o punk é alvo de várias confusões, acusações e controvérsias. Sem o mesmo destaque que teve nos anos 1980, o movimento punk, hoje em dia, não tem muita expressividade na mídia de massa. Quando ele é veiculado, em geral, é em razão de algum episódio que envolva violência física ou crimes. Em novembro de 2011 um caso de briga entre punks e neonazistas acabou com um punk morto e um neonazista gravemente ferido. Esse acontecimento teve um destaque notável na mídia, diversos periódicos e programas televisivos abordaram o assunto e até dedicaram programas inteiros para falar sobre o assunto. Esse caso serviu como recorte metodológico para compormos nosso corpus. Selecionamos textos que abordam a vida do jovem assassinado...

Micropolítica do feminino e estética de confrontamento em Patti Smith e Ana Cristina Cesar; Micropolitics of the feminine & aesthetics of confrontation in Patti Smith and Ana Cristina Cesar

Alves, Paulo Ricardo Pereira e
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/10/2013 PT
Relevância na Pesquisa
26.5%
Unindo crítica cultural à pesquisa acadêmica, pretendemos mapear a poesia de Patti Smith e Ana Cristina Cesar, partindo de seus respectivos contextos da década de 1970 o movimento punk nova-iorquino, nos Estados Unidos, e a poesia marginal, no Brasil , para então explorar seus pontos de convergência, no que tange a uma micropolítica do feminino e a uma estética de confrontamento. Pensamos ambas as poetas como cartógrafas de uma época e das transformações intrínsecas a essa época, mapeadas por elas no fazer poético, no corpo da linguagem, por meio de uma política-estética; por elas somos levados à política como estética; à política menor, do eu mínimo, de Deleuze, em caráter contingente, de subjetividade e feminilidade. Discutimos também como, a voz do feminino localizado em Patti e Ana C. dá vazão à abertura de um novo tipo de experimentalismo que se integra a uma genealogia de arte/cultura e ao legado da poesia moderna travando diálogo com elementos catalisadores do pós-moderno que desembocariam no contemporâneo.; By merging cultural criticism and academic research, we aim to rummage the poetic works of Patti Smith and Ana Cristina Cesar, starting from their respective contexts in the 1970s the New York punk scene in the United States...

Vivo na cidade: a experiência urbana na cultura punk; Living (alive) in the city: the urban experience in punk culture.

Santos, Débora Gomes dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/05/2015 PT
Relevância na Pesquisa
37.06%
O advento do punk assinalou um ponto de inflexão dentro do universo cultural pop. A música punk, elemento centralizador da identidade do movimento, emergiu com a proposta de romper com as tradicionais premissas de aptidão e técnica cada vez mais presentes na música de meados da década de 1970. O retorno a um desenho musical simples e visceral somado à valorização de uma realidade cotidiana ordinária trouxe para o centro da composição tanto sonoridades características das grandes cidades quanto narrativas relativas à vida no âmbito da metrópole, fazendo da música punk um potente veículo de absorção e transmissão de experiências urbanas. Assim, este trabalho explora a música como elemento catalisador de formas de apropriação e ação na dimensão da cidade e a música punk enquanto lente para a análise do fenômeno urbano, em particular pela observação de quais olhares o punk brasileiro lança sobre o espaço urbano no contexto periférico da cidade de São Paulo. Na produção das bandas punks que emergiram na cidade no início da década de 1980, período fundamentalmente marcado por um truncado processo de redemocratização, observa-se uma acentuação das questões colocadas pelo punk no plano internacional. No contexto brasileiro a linguagem agressiva do punk foi superlativada pela ânsia da juventude carente em expressar a própria experiência de crise em meio à particular complexidade da metrópole paulistana. A contundência e a densidade da música punk evidenciam...

Somos expressão, não subversão! : a gurizada punk em Porto Alegre

Pereira, Angélica Silvana
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
57.12%
Esta Dissertação tem como objetivo discutir as diversas tramas narrativas pelas quais jovens ditos punks narram si mesmos, narram os outros e como são narrados em diversos espaços sociais de Porto Alegre. Tais sujeitos se encontram em espaços públicos da cidade, partilhando e atribuindo significados às suas práticas, através de vestimentas, músicas, bandas e diversos materiais que produzem por e para jovens punks de diversos lugares do mundo. Esses materiais, bem como as histórias contadas por alguns desses jovens, evidenciam diferentes posições de sujeito que ocupam, a partir dos lugares e dos papéis sociais que assumem. Os caminhos teóricometodológicos para esse estudo foram calcados no campo teórico dos Estudos Culturais e na etnografia pós-moderna, tendo nos diários de campo sua base para a construção de dados, além de conversas transcritas, textos de fanzines e imagens. Nas análises, focalizei os modos como tais jovens são representados nas narrativas de si mesmos e dos ‘outros’ acerca do ser/estar punk em Porto Alegre hoje, ano de 2006. Analisei também os pertencimentos dos jovens ao movimento punk, através dos processos de identificação pelos quais constituem suas identidades. Observou-se que através das práticas culturais específicas da cultura punk os jovens com os quais estive em contato se constituem como sujeitos...

Produção de fanzine e circulação de informação no movimento Anarcopunk no Brasil nos anos 1990: um estudo do Favo de Fel

Ferreira, Glauber West
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.66%
Este estudo busca contribuir para o diálogo interdisciplinar entre os campos da Comunicação e da Informação. Através da investigação de processos e artefatos de trocas simbólicas, busca compreender a relação entre comunicação e movimentos sociais, caracterizando as particularidades que se manifestam nesse contexto. Para isso, explora o universo dos fanzines no movimento anarcopunk, uma das manifestações da contracultura no Brasil. A partir da análise do fanzine Favo de Fel, propõe a identificação de algumas categorias comunicativas e informacionais significativas para o entendimento do fanzine no contexto dos movimentos sociais. Levanta, através da técnica de análise de conteúdo, os dados necessários para compor um conjunto de características representativas das estratégias comunicacionais e de performance informacional na composição, publicação e distribuição de fanzines. Reflexões sobre o impacto deste tipo de publicação no seio dos movimentos sociais são experimentadas. Prepara, igualmente, um terreno temático introdutório para outras investigações de caráter mais aprofundado no campo da motivação na aquisição de conhecimento, sobre procedimentos não convencionais de troca de informação e sobre autodidatismo. Conclui que os procedimentos levados a cabo pelos autores e leitores de fanzines desconstroem o modus operandi conservados pelos veículos convencionais de comunicação e nas instituições legitimadoras do aprendizado. Ao mesmo tempo...

Enterrado, mas ainda vivo!: identidade punk e território em Londrina

Turra Neto, Nécio
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 179 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
26.82%
Pós-graduação em Geografia - FCT; O presente trabalho traz um estudo da cultura punk e de seu território na cidade de Londrina – Pr. Através da metodologia da observação participante, o autor adentrou no universo do movimento e compartilhou com seus membros sete meses de sua história. Esta história é contada no trabalho e, a partir dela, o autor constrói sua argumentação sobre a questão da identidade cultural punk e sua territorialidade.; This paper is a study of the punk culture and its territory in the city of Londrina – Paraná, Brazil. Through the methodology of participant observation, the author thoothed in the universe of the movement and acompanied with its members seven months of its history. This history is reported in this paper and, with it, the author structures his argumentation about the question of the punk identity and its territory.

Punkzoeira

Andrade, Marcelo; Moraes, Márcio; Valves, Cristiane
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Áudio
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.5%
Programa especial sobre o movimento punk, tanto no país como no mundo.

Punk rock é só pro seu namorado

Araújo, Tatiana Brandão de
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 168 p.| il.
POR
Relevância na Pesquisa
36.5%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Literatura, Florianópolis, 2014.; A pesquisa, de natureza qualitativa, se insere na Linha de Pesquisa Crítica Feminista e Estudos de Gênero. Esta investigação tem como cerne teórico a teoria queer com base em autores como Jack Halberstam (2005), Annemarie Jagose (1996) e Richard Miskolci (2012). Embora a sexualidade seja um tema presente nesta dissertação, a questão principal se refere à (hetero)normatividade e aos padrões sociais imbricados nela. Para entabular essas discussões o objeto desta pesquisa é o cinema, o meio através do qual se estabelecem os diálogos com a teoria citada. Ao longo do texto alguns filmes e cenas específicas são apresentados para formular uma discussão teórica inserida no campo da representação imagética, neste caso o cinema. A partir de um caminho teórico e histórico sobre as principais questões abordadas na dissertação, a ideia principal consiste em reunir o cinema e a música, como dois espaços de voz, focando na participação de mulheres no rock n roll e, principalmente, abordando o movimento feminista estadunidense que ocorreu no cenário alternativo musical...

Rock Progressivo e Punk Rock : Uma análise sociológica da mudança na vanguarda estética do campo do Rock

Gatto, Vinicius Delangelo Martins
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
36.75%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Sociologia, 2011.; Esta dissertação possui como objetivo explicar sociologicamente a transição na vanguarda estética do campo do Rock. Entre 1967 e 1977, o campo do Rock conheceu os períodos de maior sucesso comercial e de prestígio primeiramente do Rock Progressivo e em um segundo momento do Punk Rock. Que motivos sociológicos explicam esta transição? Considera-se aqui que a arte não é uma esferada ilhada e separada do restante da sociedade. Por outro lado, a arte pode possuir, sim, um aspecto mais autonônomo entretanto os desenvolvimentos nos campos artísticos são mediados pelos desenvolvimentos sociais mais gerais. É fundamental para este trabalho a noção de campo de Bourdieu. Se as transições nos campos artísticos são perpassados pelos desenvolvimentos sociais mais gerais isto quer dizer que cada movimento ou vanguarda artística tem de lidar necessariamente com o seu período histórico e com as condições materias objetivas de produção e do capital. Esta preocupação com a estrutura econômica é tratada com base no trabalho do téorico Fredric Jameson. Há uma preocupação em demonstrar desenvolvimentos micro sociais...

As cenas punk em Portugal (1977-2012): um olhar sociológico a partir da análise das redes de produção, distribuição e consumo de fanzines e e-zines

Quintela, Pedro; Guerra, Paula; Feixa, Carles; Farrajota, Marcos
Fonte: Universidade do Porto Publicador: Universidade do Porto
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
37.16%
Although the production, distribution and consumption of fanzines is prior to the emergence of punk in the UK and USA, it was with this phenomenon that it became relevant, as an area of freedom of thought and creativity, and alternative to conventional media. Since the 1970s the fanzines scene clearly expanded, at different levels: thematically, graphically, but also in terms of territorial coverage and the kind of medium used. In this paper we present the preliminary results of an ongoing research on the emergence, development and transformation of punk, underground and do-it-yourself practices, in which the fanzines and, more recently, e-zines are interesting examples. This research was made in the context of a broader research project on the role, development and consolidation of the punk movement in Portugal, between 1977 to 2012. In this paper we came from a broader set of fanzines and e-zines associated with the Portuguese punk movement , produced over the past decades (particularly between 1990, 2000 and 2010), as well as qualitative analysis of interviews that have been conducted with some actors involved in the production and consumption of zines. We analyze some of the most relevant aspects related with the Portuguese punk fanzines#8217; networks of production...

Criminologia cultural e rock : criminologias : discursos para a academia

Linck, José Antônio Gerson ... [et al]
Fonte: Lumen Juris Publicador: Lumen Juris
Tipo: Livro
PT_BR
Relevância na Pesquisa
26.5%
Divulgação dos SUMÁRIOS das obras recentemente incorporadas ao acervo da Biblioteca Ministro Oscar Saraiva do STJ. Em respeito à Lei de Direitos Autorais, não disponibilizamos a obra na íntegra. STJ00090863 343.9:78 C929c (2011)

O Alto José do Pinho por trás do punk rock

Gomes de Barros, Lydia; Duarte Gomes da Silva, Eduardo (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.81%
A presente dissertação se propõe a investigar a maneira pela qual os media apreendem, elaboram e constituem uma representação do movimento de música alternativa do Alto José do Pinho, articulado em torno de grupos denominados punks; como a construção dessa realidade pela mídia retorna à comunidade; de que forma ela reconfigura as inter-relações no bairro ao longo do período pesquisado; e sob que condições é retroalimentada a relação entre os meios massivos e este subúrbio. Também é objetivo deste trabalho lançar luz sobre as singularidades dessa cena punk, cristalizar as tensões estabelecidas entre o movimento musical e os moradores do bairro e compreender até que ponto essa cena cultural determina as formas de socialidade naquele campo social

Transformações do design gráfico no seriado Peter Punk da Disney

SANTORO JUNIOR, David
Fonte: Universidade Municipal de São Caetano do Sul Publicador: Universidade Municipal de São Caetano do Sul
Tipo: Tese ou dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
57.17%
Dissertação apresentada ao Mestrado Acadêmico do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Municipal de São Caetano do Sul; A pesquisa tem o objetivo de investigar as transformações que a linguagem gráfica do movimento punk, especificamente o design gráfico, pois esta sofreu alterações, a fim de adequar-se ao seriado “Peter Punk” do canal Disney XD. Este estudo está vinculado a linha de pesquisa Linguagens na Comunicação: mídias e inovação, uma vez que inovações na linguagem gráfica foram inseridas no estilo punk original, para que ele fosse aceito pelo público infanto-juvenil do canal Disney XD. É um estudo de comunicação com foco na linguagem do design gráfico. A comunicação estudada é a visual, inserida na cultura midiática. A partir de um mapeamento da área de Comunicação em seus domínios e interfaces de pesquisa, este estudo trata do território da mensagem, dos códigos e sua relação com o contexto social e cultural. Refere-se, também, a uma pesquisa qualitativa em nível exploratório, envolvendo revisão bibliográfica, pesquisa documental e análise de conteúdo. O levantamento teórico contextualiza culturas inovadoras, tais como a Disney e o punk, que emergiram para o mundo no final dos anos 70 com uma linguagem visual que traduzia suas visões contestadora e agressiva. Assim como os dadaístas e artistas da Pop Art...

O discurso da rebeldia: uma análise de um texto punk; The Discourse of Rebellion: an Analysis of a Punk Text

Melão, César Augusto
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 07/06/2010 POR
Relevância na Pesquisa
57.38%
O presente artigo descreve os resultados de uma pesquisa maior realizada durante o ano de 2008. Tal pesquisa teve por objetivo analisar o discurso do movimento punk do Brasil, manifesto nas letras de canções de seis bandas de destaque de diferentes regiões do país. São elas: Ratos de Porão (São Paulo, SP), Cólera (São Paulo, SP), Garotos Podres (Mauá, SP), Camisa de Vênus (Salvador, BA), Mukeka di Rato (Vila Velha, ES) e Replicantes (Porto Alegre, RS). Para fins analíticos, adotaram-se os pressupostos teóricos definidores da concepção de linguagem e de discurso preconizada pelo pensador russo Mikhail Bakhtin e por outros autores do chamado Círculo de Bakhtin. A análise se baseia particularmente na composição dialógica dos discursos. Nesse sentido, focaliza-se nos textos o dialogismo mostrado, ou seja, é dada evidência aos discursos aos quais expressamente responde o discurso punk em seu fazer enunciativo. A partir da análise de uma canção, pretende-se mostrar ao menos alguns aspectos do caráter geral do movimento punk, sempre situando essa análise no contexto maior do conjunto das manifestações dos adeptos desse movimento. Espera-se que este artigo possa dar ao leitor uma caracterização do discurso punk e...

Fanzine punk como mídia alternativa

Rossetti, Regina; Santoro Junior, David
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/save
Publicado em 28/11/2014 POR
Relevância na Pesquisa
47.04%
O movimento punk partiu da Inglaterra para o mundo no início da década de 80. Por ter sido incompreendido e discriminado, o significado da expressão foi distorcido pelas mídias tradicionais, que não ofereciam espaço para que os punks buscassem informações e expressassem seu pensamento. Dado este contexto, o lema "Faça você mesmo" prevaleceu e eles construíram sua própria mídia alternativa para se comunicarem: os fanzines punks. Este artigo objetiva caracterizar o fanzine como um meio de comunicação alternativo no movimento. Por meio de pesquisa bibliográfica em livros e artigos de publicações recentes sobre o movimento punk e fanzines e sobre o pensamento das tecnologias na era da informação, conclui-se que os fanzines foram a principal mídia alternativa de divulgação do movimento.

La moda como objeto de información: el caso del movimiento feminista punk Riot Grrrl; Fashion as an information object: the case of the punk feminist movement Riot Grrrl; A moda como objeto de informação: o caso do Movimento Feminista Punk Riot Grrrl

Castro, Kedma Lima de; Universidade da Amazônia - UNAMA; Castro, Jetur Lima de; Universidade Federal do Pará - UFPA; Oliveira, Alessandra Nunes de; Universidade Federal do Pará - UFPA
Fonte: Mestrado Interdisciplinar em Ciência, Gestão e Tecnologia da Informação - UFPR Publicador: Mestrado Interdisciplinar em Ciência, Gestão e Tecnologia da Informação - UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artículo evaluado por pares; Exploratorio; documental; ; Exploratory; documental; Avaliado pelos pares; Exploratório; documental Formato: text/html; application/zip; application/pdf
Publicado em 14/09/2015 POR
Relevância na Pesquisa
57.36%
Introduction: In considering the issue of fashion as an object of information, the study aims to present the behavior and attire characteristics of the punk feminist movement Riot Grrrrl as constituents of a singular language and discourse space and, therefore, subject to further investigations by the area of Library and Information Science. Method: This is an exploratory research of bibliographic and documentary base. Results: it presents the historical scene of punk feminist movement Riot Grrrrl within the punk background, analyzing the theme of feminism, the discussion of gender and its relationship with the overall fashion context. It was revealed that the Riot Grrrrls´ behavior and attire act as way of gender and political dissent. Conclusion: the visual reinterpretation of a punk feminist movement supported in their radical ideologies and their impact on the fashion world shows the representative nature of attire and behavior as emancipatory forms in the social, configured as discourse spaces and, therefore, as an information attribute.; Introdução: Ao se considerar que a moda pode ser entendida como objeto de informação, o objetivo do trabalho é apresentar as características de indumentária e de comportamento do movimento feminista punk Riot Grrrrl como constituintes espaço de discurso e de linguagem e...

Adoração ao “Lixo e o Podre”: Conceituações sobre o Movimento Punk na Revista Veja

Reinaldo, Alessandro
Fonte: Temática Publicador: Temática
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 24/03/2015 POR
Relevância na Pesquisa
47.08%
Neste artigo propomos identificar e discutir o tratamento noticioso sobre o movimento musical punk (surgido na década de 1970) na revista brasileira Veja, no período de 1977 a 2001. Este movimento de caráter juvenil, em constante conflito valorativo com os processos de controle social pode ser delimitado nas identidades de Violência e Moda? Através da interpretação dos dados coletados e a utilização do método proposto na Análise de Conteúdo, discutiremos a construção das caracterizações dadas pela revista Veja como forma de simplificação do movimento punk.Palavras-chave: Movimento Punk. Culturas Juvenis. Revista Veja. Análise de Conteúdo.