Página 1 dos resultados de 16707 itens digitais encontrados em 0.019 segundos

À procura da identidade de Heinz : um modelo de compreensão da motivação moral

Ferreira, António Jorge Saraiva
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
36.85%
RESUMO: As teorias psicológicas da moralidade dividem-se na conceptualização da motivação moral, o tema desta dissertação. Os modelos construtivistas, apoiados na epistemologia genética, privilegiam a cognição como factor determinante mas, as teorias que enfatizam o funcionamento individual admitem que as emoções e a identidade interferem na tendência de cada pessoa agir moralmente. Particularmente apoiados na segunda perspectiva, testámos um modelo preditor da motivação moral com três variáveis, identidade, identidade moral e integridade, todas avaliadas por medidas psicométricas, em duas amostras. A primeira era composta por 320 estudantes do 12º ano de uma escola do concelho de Lisboa, com idades compreendidas entre 18 e 20 anos (M=18,22; Dp=0,49), 108 masculinos e 194 femininos e a segunda era composta por 174 sujeitos, estudantes finalistas de cursos profissionais de uma escola do concelho de Lisboa frequentada por alunos provenientes de ambientes sociais caracterizados pelo stresse sócio-económico e familiar, e até, em bastantes casos, que já tinham participado em actos ilegais relacionados com furto, vandalismo, tráfico de drogas, e agressões, com idades compreendidas entre 18 e 22 anos (M=18,98; Dp=1...

As relações entre identidade, integridade e motivação moral em adolescentes

Santos, Margarida Rocha
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.83%
O objetivo do estudo foi analisar as relações entre identidade, integridade e motivação moral em sujeitos adolescentes. Apoiados numa perspetiva que enfatiza a identidade e as emoções como fatores determinantes da ação moral do individuo, utilizámos três medidas, Prova de Motivação para Ação Moral (Ferreira, 2011), Escala de Integridade (Ferreira, 2011) e o Inventário Psicossocial das Forças do Ego (Markstrom e colaboradores, 1997, traduzida por Ferreira, 2011).A amostra foi composta por 177 sujeitos, 107 do 10º ano, 56 masculinos e 51 femininos (M= 15,62; Dp=,71) e 70 do 12º ano, 25 masculinos e 42 femininos (M=17,49;Dp =,70), de duas escolas secundárias do concelho de Almada. Verificou-se que existem diferenças individuais na consciência moral e na atribuição de emoções o que apoia a perspetiva de que as emoções e a identidade também participam nos processos de motivação moral. Blasi (204) e Ferreira (2011). A intensidade das emoções atribuídas varia em função do tipo de consciência moral. Foi ainda verificada associação entre a integridade e a consciência moral e atribuição de emoções, nas transgressões por mentira e fraude, o que dá suporte à noção que à importância da integridade para a ação moral defendida por Schlenker (2008).; The aim of the study was analyze the relationship between identity...

A identidade e a integridade são preditores da motivação moral? Estudo em adolescentes

Marques, Ana Gonçalves
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.83%
Com o objectivo de analisar os factores que induzem o comportamento moral, apoiámo-nos nas teorias psicológicas que salientam a importância do papel das emoções, da identidade e da integridade na motivação para a acção moral. Assim, definimos a existência de diferenças individuais na motivação moral, e elegemos a identidade e a integridade como variáveis que podem estar associadas à motivação moral, avaliada pela consciência moral e pela intensidade das emoções atribuídas aos transgressores. Participaram no presente estudo 95 adolescentes, com idades compreendidas entre os 15 e os 18 anos (M = 16,65; Dp = 1,15), 51 do género feminino e 44 do género masculino. Para avaliar a motivação moral, a identidade e a integridade, utilizámos a PMAM, PIES e IS, respectivamente. Os resultados confirmaram a existência de diferenças individuais na consciência moral e na atribuição de emoções e, igualmente, uma relação entre ambas. As emoções atribuídas variam claramente em função do tipo de avaliação, consciência moral, mais negativa para a avaliação das condutas como transgressão, sendo a não transgressão a que aparece associada às emoções mais positivas. A integridade aparece associada a ambas as medidas enquanto a identidade apenas está associada à atribuição de emoções. A integridade é a única variável preditora da atribuição emocional. Estes resultados confirmam o papel das variáveis de self na motivação moral.; In order to analyze the factors which induce moral behavior...

Correlação entre grau de psicopatia, nível de julgamento moral e resposta psicofisiológica em jovens infratores; Correlation between psychopathy, moral judgment level and psychophysiological response in juvenile offenders

Barros, Daniel Martins de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/05/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.84%
Introdução: A psicopatia sempre foi associada a comportamentos imorais e frieza emocional, além de risco de reincidência criminal. Embora a frieza dos psicopatas seja bem estabelecida, não há consenso sobre o nível de discernimento moral desses indivíduos, existindo teorias propondo que eles não apresentam desenvolvimento moral adequado enquanto outras propõem que o que lhes falta é querer agir, não saber discernir o certo do errado. Já quando analisamos a relação entre essas três variáveis, psicopatia, imoralidade e frieza, os dados são ainda mais díspares, não existindo consenso sobre a necessidade ou não da presença de emoções para o amadurecimento moral. O estudo de sujeitos infratores encarcerados é interessante nesse contexto, uma vez que permite o controle de variáveis de confusão envolvidas nessa inter-relação, como influências ambientais, vivência criminal, grau de psicopatia, uso de drogas e QI. Em se tratando de jovens infratores, há ainda a vantagem de se estudar uma amostra homogênea quanto à idade. Objetivos: Verificar se existe correlação entre os níveis de maturidade moral e os graus de frieza emocional e de psicopatia, tomando por base uma população de jovens em medida sócio-educativa de internação na Fundação Casa. Adicionalmente...

A estrutura da sensibilidade moral dos psiquiatras do Brasil; Moral sensitivity framework on Brazilian psychiatry

Liboni, Marcos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/12/2005 PT
Relevância na Pesquisa
36.83%
INTRODUÇÃO: A importância da bioética tem uma demanda importante na prática médica e é muito pouco discutida na psiquiatria. Antes de se pensar o panorama bioético do paciente e do contexto de tratamento, deve-se avaliar a postura bioética do profissional envolvido na relação médico-paciente. Como em outras áreas da psicologia e da psiquiatria, o uso de instrumentos de avaliação de atitudes tem se mostrado útil na discussão de várias situações e comportamentos. No campo da relação médico-paciente na psiquiatria, o Questionário de Sensibilidade Moral (QSM), uma escala dimensional com respostas tipo Likert sobre questões éticas (divididas em 6 dimensões propostas para a sensibilidade Moral) na enfermagem e na psiquiatria, mostra-se como um instrumento específico e útil na investigação das atitudes morais do médico. OBJETIVOS: Conhecer a estrutura da sensibilidade moral dos médicos psiquiatras do Brasil. Descrever o panorama das variáveis epidemiológicas e demográficas da população estudada. Investigar as relações de algumas variáveis epidemiológicas (demográficas e culturais) com a estrutura da sensibilidade moral dos médicos psiquiatras do Brasil. MÉTODOS: Comparar estatisticamente os resultados das dimensões da escala com as variáveis epidemiológicas colhidas no momento da avaliação. RESULTADOS: Foram avaliados 522 médicos psiquiatras do Brasil. As variáveis epidemiológicas investigadas foram: a idade...

Moral e política: o princípio da autonomia e o reino dos fins na Filosofia Kantiana; Moral and politics: the principle of autonomy and the kingdom of ends

Ruas, Gonçalo Nunes Barrilaro
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/02/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.83%
O estudo do princípio da autonomia, conceito central na filosofia moral de Kant, permite compreender a origem da lei moral. A fórmula da autonomia prescreve que a lei moral é fruto da vontade e não depende de fatores externos: nós somos colegisladores de uma lei a que nos submetemos. A tese da unidade do imperativo categórico assevera que o imperativo categórico é uno e apenas um. Portanto, ao aplicar-se o imperativo categórico na política através da fórmula da lei universal estáse efetivamente a aplicar o princípio supremo da moralidade num contexto sócio político. A fórmula do reino dos fins faz com que esta associação seja mais presente, principalmente através da analogia entre súditos e soberanos de uma lei moral, que na política se dá através da relação entre chefe de Estado e cidadãos. Com o conceito de 'reino dos fins' dá-se um passo em frente e a ideia de co-legislação é aplicada, segundo cremos, por um processo sócio-político na Paz Perpétua. Por sua vez, expõese o pensamento de vários autores que interpretam conceitos morais de um ponto de vista político. No entanto, nos afastamos dessa interpretação por reconhecermos que na Filosofia Moral kantiana não existe uma evidência suficiente para essa asserção. A relação é...

Assédio moral no direito do trabalho e a aplicação da teoria da indenização punitiva no quantum indenizatório

Guedes, Fernando Grass
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.83%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Jurídicas, Programa de Pós-Graduação em Direito, Florianópolis, 2015.; O presente trabalho tem o objetivo de verificar, a partir da análise do modelo jurisprudencial brasileiro, se as indenizações por dano moral em decorrência de assédio moral no Direito do Trabalho são concedidas com caráter punitivo, bem como se o sistema normativo brasileiro permite a utilização da teoria da função punitiva para a quantificação do seu valor. Diante destas questões, a partir do estudo das causas e consequências do instituto do assédio moral no Direito do Trabalho, o trabalho estabelece a sua natureza jurídica, bem como apresenta uma proposta de um conceito operacional do assédio moral. A partir de uma pesquisa jurisprudencial realizada no âmbito do Tribunal Superior do Trabalho, busca-se estabelecer uma classificação quanto às condutas vedadas que geram o assédio moral, bem como, quanto aos principais critérios utilizados pelos julgadores no arbitramento do quantum indenizatório nas condenações por dano moral decorrentes de assédio moral no âmbito das relações de trabalho. Ainda, o presente trabalho analisa as principais teorias...

Ética e metafísica na filosofia de Iris Murdoch : a peregrinação moral em busca do bem

Pinto, Rafael da Silva
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
36.84%
Dissertção (mestrado)—Universidade de Brasilia, Instituto de Ciencias Humanas, Departamento de Filosofia, 2010.; Interpretação da filosofia moral de Iris Murdoch. A presente dissertação é estruturada em torno de três temáticas correlatas a fim de buscar uma compreensão abrangente da ética e da metafísica da filósofa. São elas: o pluralismo das visões morais, o bem e o vazio. A pergunta fundamental que orienta a investigação é sobre a possibilidade ou não de compatibilizar o pluralismo das visões morais e a soberania do Bem. Esta relação ocorre por meio de uma filosofia moral concebida como iconoclasmo criativo, que se nutre da tensão entre forma e contingência, explorando as fissuras e as ambigüidades de vários cenários e conceitos morais tais como retratados por sistemas filosóficos, pelas obras de arte, pela religião e tantas outras atividades humanas investigadas. Por meio da crítica de correntes filosóficas preponderantes, a filósofa delineia o seu programa de recuperação de conceitos e imagens metafísicos, esclarecendo a sua centralidade para o pluralismo moral, concebido como a exploração imaginativa do mistério vinculado às visões morais dos indivíduos. O caráter assistemático de sua filosofia bem como a pluralidade de formas adotadas para investigar cenários morais diversos integram a sua concepção de moralidade como uma peregrinação individual em busca do Bem...

Sofrimento moral no trabalho da enfermagem

Bulhosa, Michele Salum
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.87%
Disserta????o(mestrado) - Universidade Federal do Rio Grande, Programa de P??s-Gradua????o em Enfermagem, Escola de Enfermagem, 2006.; Quest??es envolvendo problemas morais,dilemas morais e sofrimento moral est??o presentes no cotidiano do trabalho da enfermagem, pois ao cuidar do paciente, diferentes decis??es precisam ser tomadas. Quando as trabalhadoras de enfermagem se sentem impossibilitadas, por constrangimentos institucionais ou por outros, de agir conforme sua tomada de decis??o, podem apresentar sofrimento moral. Para compreender como as trabalhadoras de enfermagem vivenciam problemas, dilemas e sofrimento moral no cotidiano de seu trabalho, realizamos uma etnoenfermagem, proposta por Leininger, mediante observa????es e entrevistas com uma equipe de enfermagem, de uma Unidade da Clinica M??dica, pertencente a um Hospital Universit??rio localizado no extremo sul do Rio Grande do Sul. A partir da an??lise dos dados, foi poss??vel construir duas grandes categorias: a) o cuidado fragilizado da equipe de enfermagem como fonte de sofrimento moral: uma quest??o de organiza????o do trabalho, em que enfocamos a insufici??ncia de recursos materiais e humanos; o pouco controle das medica????es, gerando, falta e sobra dos mesmos; o n??o reconhecimento do respaldo institucional para o exerc??cio da autonomia da enfermeira; b) o cuidado fragilizado do paciente como fonte de sofrimento moral: uma quest??o de humaniza????o do trabalho...

Julgamento moral e argumentação : uma abordagem dialógica aos processos do desenvolvimento da moralidade

Pinho Souto, Ricardo; Leitão Santos, Selma (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.83%
O presente trabalho investigou a constituição do julgamento moral e do desenvolvimento moral em adolescentes submetidos à medida sócio-educativa. Situado no eixo linguagemcognição, o objetivo principal da pesquisa foi relacionar processos de construção social de conhecimentos no terreno moral com a argumentação, entendida como prática social. Considerando a questão moral como problema desde os primeiros momentos da tradição do pensamento filosófico, a atual investigação aborda a temática sob o prisma psicológico. Nesse percurso, questões da ordem do desenvolvimento humano tornam-se centrais. Os problemas desenvolvimentistas acerca da moral foram pioneiramente investigados por Jean Piaget. Foi realizada revisão na teoria do desenvolvimento moral piagetiana. Em Piaget, aspectos teóricos, metodológicos e analíticos mostraram-se relevantes para a presente tese. Piaget pesquisa o desenvolvimento moral utilizando, entre outros recursos, respostas oferecidas por crianças frente a dilemas morais. Piaget: encontra três estágios morais principais: a) anomia moral; b) heteronomia moral; e c) autonomia moral. Na esteira do pensamento de Piaget, desponta o referencial kohlberguiano e neo-kohlberguianol. Essas pesquisas preservam o núcleo conceitual do paradigma cognitivista-desenvolvimentista: a primazia da razão frente à moralidade e a universalidade dos valores. Foi percebido que grande parte das pesquisas no âmbito do julgamento e desenvolvimento moral tem seu foco na análise de produtos. A revisão do paradigma cognitivista assinalou para uma possível exploração dos aspectos processuais envolvidos no discurso e raciocínio moral. Expõe-se e critica-se a perspectiva denominada monologismo . O monologismo busca solução para as questões da linguagem e da cognição pressupondo uma essencialidade para o sujeito e uma objetividade para as categorias constituintes do mesmo. Em contraste...

O desenvolvimento moral das crianças na escola: a percepção da comunidade

Camargo, Liseane Silveira
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
36.85%
Este estudo refere-se ao desenvolvimento da moralidade infantil na instituição escolar. A escola é uma instituição social e que trabalha com o desenvolvimento da aprendizagem. Entre as suas funções está a formação moral das crianças – função que permeia o trabalho educativo. O desenvolvimento moral, com base nos estudos de Jean Piaget, é oportunizado através das relações sociais que envolvem regras, autoridade e respeito. O estudo apóia-se na forma como são estabelecidas as relações sociais e o respeito entre os envolvidos na relação. Piaget apresenta dois tipos de moral: a moral heterônoma, baseada no respeito unilateral, e a moral autônoma, baseada no respeito mútuo. O desenvolvimento da moralidade visa a autonomia moral, como uma meta. Para o seu alcance são necessárias condições sociais e cognitivas que permitam ao indivíduo observar o contexto e os demais pontos de vista existentes nas relações. Esta pesquisa buscou investigar como representantes da comunidade escolar (aluno, família, professor, funcionário e equipe diretiva) de uma instituição escolar da rede estadual do Rio Grande do Sul, do município de Porto Alegre, percebem, nas funções da escola, o desenvolvimento da moralidade e o quanto se percebem atuantes nesta formação. É uma pesquisa qualitativa...

Implicações dos níveis de desenvolvimento moral de Kohlberg na educação superior: um estudo de caso

Bordignon, Nelson Antonio
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Tese de Doutorado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
36.83%
Esta tese em educação tem por objetivo identificar o nível e o estágio de desenvolvimento moral, em um Estudo de Caso, de um grupo de professores da Educação Superior. O referencial teórico que fundamenta a pesquisa é a teoria do Desenvolvimento Moral de Lawrence Kohlberg (1927-1987). A investigação empírica se realiza no Centro Universitário La Salle – Unilasalle – Canoas, Rio Grande do Sul/Brasil. Os sujeitos da pesquisa são professores de Educação Superior com idade que varia de 33 a 65 anos, com tempo de magistério de 6 a 30 anos de experiência nas áreas de ensino, pesquisa, extensão e administração universitária, atuam em 17 cursos de graduação dos 28 oferecidos pela Instituição. A metodologia usada é a discussão de dilemas morais de Kohlberg, sendo usados três deles: o Dilema de Heinz, o Dilema de Joe e o Dilema do Dr. Jeferson (APÊNDICE E). Cada dilema compreende uma sucessão de situações às quais o pesquisado respondeu, apresentando sua justificativa para cada uma delas. Uma entrevista semiestruturada com cada um dos professores completou a avaliação dos dilemas morais. A análise dos dados coletados foi realizada com base na metodologia de Bardin, considerando-se as categorias de identificação...

Moral competence and the psychopath.

Tieu, Matthew
Fonte: Universidade de Adelaide Publicador: Universidade de Adelaide
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2013
Relevância na Pesquisa
36.85%
Various theories of moral judgment have been proposed in light of recent empirical research in cognitive neuroscience and moral psychology. Some of the evidence is thought to indicate that emotional and intuitive processes are primarily responsible for moral judgement. There is also evidence to suggest that conscious deliberative reasoning can influence those emotional and intuitive processes and thus determine the content of moral judgment. Whilst empirical research helps to identify important capacities that underpin moral judgment, it is uncertain which of those capacities are necessary and sufficient for moral competence as distinguished from moral performance (a distinction that is central to the cognitive sciences). The analysis of moral competence must also take into consideration the way in which we conceptualize moral judgement. Morality is traditionally understood as a normative enterprise based on moral reasoning and moral justification. Given that moral judgments are concerned with prescribing action, it is therefore conceived of as a form of practical reasoning. Central to the theory of moral judgment as practical reason is the implication that only rational agents are able to make morally relevant judgments. This implies that those who lack rational agency are incapable of making moral judgments. In this thesis I argue that the practical reason requirement incorrectly excludes people (such as children...

The metaphysics of moral subjectivity : theory without practice?

VAHA, Milla Emilia
Fonte: Instituto Universitário Europeu Publicador: Instituto Universitário Europeu
Tipo: Tese de Doutorado
EN
Relevância na Pesquisa
36.85%
Examining Board: Professor Christian Reus-Smit, University of Queensland (EUI Supervisor) Professor Kimberly Hutchings, London School of Economics and Political Science Professor Mervyn Frost, King's College London Professor Friedrich Kratochwil, Central European University (formerly EUI).; Defence date: 16 July 2013; In this work I aim to offer a theory of moral subjectivity of the state that helps to explain, in an analytically sound way, what is required for theorising about states as moral agents within a system of very different types of state-units, and, furthermore, enables one to explore what kind of consequences the practices of moral subjectivity might have for that very same system. The argument that I present has two levels. The first level consists of two theoretical claims about exploring the moral subjectivity of the state in International Relations. The first claim is that in order to argue meaningfully about the moral subjectivity of the state one has to take seriously the state's being-in-theworld qua state. By relying on Immanuel Kant's political philosophy and practical metaphysics, I will offer a theory that is applicable when one wishes to conceptualise the state as an autonomous entity in its own right, and...

Desenvolvimento moral : Relações entre consistência do raciocínio moral, atribuição de emoções e acção moral

Guerreiro, Vincent
Fonte: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida Publicador: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.85%
Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário; O presente estudo pretende contribuir para o estudo de outras variáveis que podem explicar melhor a relação entre raciocínio e acção moral. Especificamente, procurou-se testar de forma exploratória, a hipótese de que indivíduos que estão sobre alçada da justiça, por isso com marcas claras de comportamentos de transgressão moral: 1) apresentam um raciocínio moral de fraca consistência, considerando uma determinada forma de resolver um dilema moral como a mais justa, mas considerando igualmente que outras respostas dadas a esses dilemas, na realidade menos justas, são tão justas como as respostas que deram inicialmente; 2) antecipam que sentiriam emoções pouco negativas se cometessem essas transgressões morais; e 3) apresentam justificações mais centrados nos custos e benefícios que tais transgressões trazem para si mesmos ou para os que lhes são próprios e menos centradas em preocupações genuinamente morais como quebra de princípios morais que violam critérios de justiça fundamentais (e.g., de preocupação como os outros que são penalizados com tais transgressões). Como instrumento para realização deste estudo no âmbito de dar resposta as hipóteses de investigação...

Educación moral y literatura infantil : estudio de la formación moral en la infancia a partir de algunas teorías de los sentimientos morales

Olarte Sánchez, Alba Lucía
Fonte: Escuela de Ciencias Humanas Publicador: Escuela de Ciencias Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/bachelorThesis; info:eu-repo/semantics/acceptedVersion Formato: application/pdf
Publicado em 04/10/2013 SPA
Relevância na Pesquisa
36.88%
Este trabajo realizado como requisito de grado del programa de Filosofía de la Universidad Colegio Mayor de Nuestra Señora del Rosario, aborda el tema de la educación moral en la infancia a partir del análisis y discusión de algunas teorías de la moral. También hace un acercamiento a la literatura infantil en lo relativo a la función que se le puede atribuir como recurso o herramienta para la formación moral. De este modo, el trabajo se estructura siguiendo una argumentación que primero pretende esclarecer los conceptos que se vinculan con el tema de la educación moral como los son el de socialización, el de infancia, el de desarrollo, el mismo concepto de educación moral, y otros que permiten identificar y problematizar esta cuestión en relación con los niños y las particularidades de su comportamiento, sus procesos cognitivos y el modo en que se dan sus relaciones sociales. Por ello el trabajo recoge aportes de la sociología y de la psicología que complementan el tema, que es observado aquí, principalmente, desde la filosofía moral. Estos conceptos ayudan a estructurar el problema que se plantea relativo a la manera cómo se construye lo moral en la infancia. A partir de ellos se desarrolla el resto del texto...

Sofrimento moral e a dimensão ética no trabalho da enfermagem

Lunardi, Valéria Lerch; Barlem, Edison Luiz Devos; Bulhosa, Michele Salum; Santos, Silvana Sidney Costa; Lunardi Filho, Wilson Danilo; Silveira, Rosemary Silva da; Bao, Ana Cristina Pretto; Dalmolin, Graziele de Lima
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
36.85%
Trabalhadores de enfermagem vivenciam problemas morais, dilemas morais e sofrimento moral, no seu cotidiano profissional. O sofrimento moral manifesta-se quando os trabalhadores apresentam dificuldades para executar situações moralmente adequadas, segundo suas consciências. O texto tem como objetivo enfocar o sofrimento moral dos trabalhadores de enfermagem e sua relação com problemas morais e dilemas morais, abordando conceitos, vivências de sofrimento moral e possíveis estratégias a serem adotadas para o seu enfrentamento. Enfocar o sofrimento moral provocado pelo enfrentamento de problemas e dilemas morais no trabalho da enfermagem parece fundamental, não apenas para desvelar um fenômeno ainda pouco conhecido, mesmo que vivenciado quase que diariamente, mas, também, para destacar a necessidade de problematização e valorização da dimensão ética do trabalho em saúde.; Nurses face moral problems, moral dilemmas and moral distress in their professional daily. The moral distress manifests itself when nurses demonstrate difficulties to face situations morally appropriate following their conscious. The study aims to focus about the nurses' moral distress and their relationship with moral problems and moral dilemmas presenting concepts...

Sofrimento moral na enfermagem e suas implicações para as enfermeiras: uma revisão integrativa

Dalmolin, Graziele de Lima
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.86%
Dissertação(mestrado) - Universidade Federal do Rio Grande, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, Escola de Enfermagem, 2009.; O cotidiano da enfermagem, freqüentemente, é permeado por situações conflituosas, as quais se constituem em fonte de dilemas morais e sofrimento moral para as enfermeiras. Dessa forma, apresentou-se como objetivo geral conhecer a produção científica acerca do sofrimento moral na enfermagem, na literatura científica nacional e internacional publicada nos últimos 10 anos; e como objetivos específicos: conhecer as implicações do sofrimento moral para a vida das enfermeiras; identificar aproximações entre as manifestações de sofrimento moral e burnout; e, conhecer as possíveis estratégias de enfrentamento do sofrimento moral. A metodologia utilizada foi a revisão integrativa, realizada em cinco fases: formulação e identificação do problema; coleta de dados; avaliação dos dados; análise e interpretação dos dados coletados; e, apresentação dos dados. Para a coleta de dados, utilizou-se as palavras-chave: sofrimento moral, burnout e enfermagem, nas bases de dados da CINAHL, MEDLINE e SAGE, tendo sido selecionados um total de vinte e um artigos, submetidos à análise, realizada em quatro etapas: redução dos dados com sua organização em subgrupos; visualização dos dados...

A fundamentação moral do direito na filosofia de Kant

Helfenstein, Mara Juliane Woiciechoski
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.84%
Esta tese tem o objetivo de investigar o estatuto dos princípios fundamentais do direito, apresentados por Kant na Doutrina do direito, parte constitutiva da obra Metafísica dos costumes, a fim de mostrar como Kant fundamenta a sua teoria do direito racional. A questão fundamental no que concerne à teoria do direito de Kant, e que há muitos anos suscita o debate entre os intérpretes, diz respeito à possibilidade ou não do direito encontrar os fundamentos de seus conceitos e princípios fundamentais na teoria moral elaborada por ele na Fundamentação da metafísica dos costumes e na Crítica da razão prática. Recentemente pode-se observar um crescente número de estudiosos que afirmam a independência da Doutrina do direito da teoria moral kantiana e, consequentemente, a independência dos princípios a priori do direito do imperativo moral. Contrariamente a essa posição, esta tese procura mostrar que Kant fundamenta o direito em sua teoria moral - o direito pressupõe a teoria moral e seu princípio fundamental, o imperativo moral, - e que essa é a única maneira de interpretarmos a Doutrina do direito se não quisermos fazer afirmações que entrem em contradição com o pensamento do próprio autor. A tese que afirma a fundamentação moral do direito se baseia em duas afirmações...

Intensidade Moral nas Decisões de Marketing Turístico: proposta de uma escala de mensuração; Moral Intensity in Tourism Marketing Decisions: a proposed scale of measurement; La Intensidad Moral em las Decisiones de Marketing Turístico: propuesta de uma escala de medición

Paes, Taís Alexandre Antunes; Costa, Francisco José da
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 07/12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.84%
Las actividades turísticas están ganando importancia en las últimas décadas de ser unaactividad que ha contribuido al desarrollo social y económico en muchas regiones. Estaactividad tiene importancia, ya que la toma de decisiones de un gerente puede generar beneficios o los daños en la sociedad en el turismo. Por lo tanto, este trabajo presenta unobjetivo de desarrollar una escala para medir la intensidad de la construcción moralteniendo en cuenta el contexto de la tomada de decisiones éticas de los directivos del turismo. La revisión de la literatura indica que la construcción de la intensidad moral no tiene unaescala validada para este contexto. La construcción de la intensidad moral fue propuesta por Jones (1991) que se basó en el análisis del tema moral en sí mismo, teniendo en cuenta quecada individuo reacciona de manera diferente en distintas intensidades en la cara desituaciones éticas. Este considera la construcción de la intensidad moral se compone de seis características: magnitud de las consecuencias, el consenso social, la probabilidad de efecto, la inmediatez temporal, la proximidad y la concentración de efecto. Teniendo en cuenta las consideraciones presentadas três cenarios fueron desarrollados en diferentes contextos(sociales...