Página 1 dos resultados de 117 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

Estudo químico de compostos de Solanum Lycopersicum com atividade antifúngica para Moniliophthora perniciosa; Chemical studies of antifungic compounds from Solanum lycopersicum against Moniliophthora perniciosa

Andrino, Felipe Gabriel
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/02/2011 PT
Relevância na Pesquisa
67.78%
O fungo fitopatogênico hemibiotrófico Moniliophthora perniciosa, causador da doença Vassoura-de-Bruxa no cacaueiro (Theobroma cacao), é um dos maiores responsáveis pela contribuição do declínio da produção brasileira de cacau e constitui um problema fitopatológico em todas as regiões cacauicultoras. O gênero Solanum, do qual faz parte o tomate, berinjela, batata entre outros, é bem conhecido na literatura por conterem compostos que exibem atividade biológica tais como antifúngica, antiviral, moluscida, anticancerígena entre outras. O presente trabalho explorou o potencial de extrato bruto de folhas de Solanum lycopersicum como agente inibidor no controle de crescimento e desenvolvimento de três biotipos de M. perniciosa (cacau, solanácea e liana). Através de ensaios biológicos e métodos cromatográficos foi identificado o metabólito secundário -tomatina como responsável pela atividade antifúngica. Este glicoalcalóide, que apresentou potente atividade antifúngica em ensaios in vitro, foi utilizado como agente de controle no desenvolvimento do fungo e manifestação dos sintomas em plantas in vivo, onde foi verificado uma redução significativa no número de plantas com sintomas.; The hemibiotrophic phytopathogenic fungi Moniliophthora perniciosa...

Genômica funcional da interação cacaueiro (Theobroma cacao L.) x Moniliophthora perniciosa por meio do sistema modelo Micro-Tom (Solanum lycopersicum L.); Functional genomics of the interaction cocoa (Theobroma cacao L.) x Moniliophthora perniciosa by means of the model system Micro-Tom (Solanum lycopersicum L)

Scotton, Danielle Camargo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 21/09/2012 PT
Relevância na Pesquisa
67.95%
A cultura do cacaueiro (Theobroma cacao L.) na região sul da Bahia foi dizimada com a introdução do fungo Moniliophthora perniciosa. Novas fontes de resistência têm sido buscadas e alternativas são necessárias para assegurar a produção de cultivares considerando a variabilidade genética do patógeno. A descoberta de genes de resistência e de defesa presumíveis a partir de abordagens genômicas impõe a necessidade de estabelecimento de uma plataforma de análise funcional para comprovar a função dos genes identificados e/ou esclarecimento dos mecanismos envolvidos; isto requer o desenvolvimento de métodos de manipulação e/ou inserção de genes, permitindo a superexpressão ou silenciamento de genes de interesse. Os primeiros cacaueiros transgênicos só foram desenvolvidos a poucos anos, e a eficiência do processo ainda é limitada. Há grande influência genotípica na capacidade embriogênica, que reduz a eficiência de obtenção de transgênicos. Micro-Tom tem sido considerado um modelo para pesquisas em tomateiro, sendo uma cultivar miniatura, ciclo de vida curto, porte reduzido e de fácil transformação. MT pode ser usada no estudo da interação com o fungo M. perniciosa, visto a disponibilidade de isolados do biótipo-S que infectam o tomateiro...

Uma segunda familia de proteinas indutoras de necrose encontrada em Moniliophthora perniciosa, causador da doença Vassoura-de-Bruxa em cacaueiros; A seconda family of necrosis inducing protein found in Moniliophthora perniciosa the casual agent of witche´s broom disease in cacao

Gustavo Henrique Alcala Zaparoli
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 05/10/2007 PT
Relevância na Pesquisa
67.86%
O fungo basidiomiceto hemibiotrófico Monilophthora perniciosa é o agente causador da doença Vassoura-de-Bruxa em cacaueiros. A infecção é caracterizada pela hipertrofia e hiperplasia dos tecidos da planta durante a fase biotrófica do fungo, formando as denominadas vassouras-verdes, que sofrem necrose e completa degradação durante a fase saprotrófica do fungo, formando as vassouras-secas. Encontramos no genoma de M. perniciosa pelo menos cinco seqüências codificando possíveis proteínas similares aos membros da família Cerato-platanina, uma classe de proteínas inicialmente encontrada no fitopatógeno Ceratocystis fimbriata. Um dos genes de M. perniciosa cerato-platanina (MpCP1) foi expresso “in vitro” e mostrou ter capacidade de induzir necrose em folhas de tabaco e cacaueiro. A proteína apresenta-se em solução como um dímero e é capaz de recuperar a capacidade de necrose após tratamento de denaturação térmica. Análises de transcrição “ex planta” mostraram que MpCP1 é mais expresso no micélio biotrófico do que no saprotrófico. O perfil de necrose apresentado é diferente do causado pelas MpNEPs (outra família de elicitores presente em M. perniciosa), mas quando aplicadas em conjunto nas plantas, MpCP1 e MpNEP2 apresentam um efeito sinergético muito semelhante ao encontrado em plantas naturalmente infectadas pelo fungo.; The hemibiotrophic basidiomycete Moniliophthora perniciosa is the causal agent of the Witches’ Broom Disease of cacao. The infection in pod is characterized by the formation of hypertrophic and hyperplasic tissues in the biotrophic phase...

Morfogenese de basidiomatas e identificação de genes relacionados a frutificação em Moniliophthora perniciosa; Morphogenesis of basidiomatas and identification of genes related to fruiting of Moniliophthora perniciosa

Acassia Benjamim Leal Pires
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/06/2009 PT
Relevância na Pesquisa
67.9%
Moniliophthora perniciosa é um basidiomiceto hemibiotrófico patogênico ao cacaueiro e outras espécies vegetais. Sua ação na planta consiste em provocar superbrotamentos, epinastia, hiperplasia e, por fim, necrose de tecidos, que passam a ser a matéria prima para a produção de seus esporos, no interior de estruturas chamadas basidiomatas. A proposta deste trabalho foi entender como o fungo se prepara para a produção de basidiomatas e que genes podem estar relacionados a esse processo. Para isso, foram feitas análises morfológicas do micélio anterior à emergência de basidiomatas com o auxílio de estereomicroscopia, microscopia de luz e microscopia de varredura. As modificações apresentadas pelo micélio antes de sua frutificação mostram um comportamento similar ao de outros Agaricales. Modificações e aspecto das hifas, e a formação de uma camada superficial a partir de fusão de hifas, foram correlacionadas à emergência de primórdios. As fases de nódulo hifal, agregado, primórdio inicial e primórdio diferenciado foram detectadas. A análise morfológica permitiu, também, inferir aspectos morfogenéticos. Para a análise dos genes envolvidos foi feita uma biblioteca de cDNA representativa de toda a fase de frutificação do fungo. Os 2759 ESTs (Expressed Sequence Tags) foram analisados in silico para a busca de genes candidatos. A expressão gênica foi avaliada para alguns ESTs selecionados. Um macroarranjo foi feito com 192 clones e hibridizado com cDNAs obtidos do micélio em momentos anteriores à formação dos basidiomatas. Adicionalmente...

Regulação da transcrição gênica e bases moleculares do desenvolvimento sexual homotálico do fungo Moniliophthora perniciosa; Transcriptional regulation and molecular basis of Moniliophthora perniciosa homothallic sexual development

Ludimila Dias Almeida
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/02/2015 PT
Relevância na Pesquisa
67.91%
O ciclo sexual de basidiomicetos é controlado pelo sistema mating type. Este é formado por dois loci multigênicos não ligados A e B, o locus A codifica duas proteínas homeodomínio HD1 e HD2, capazes de heterodimerização, enquanto o locus B apresenta genes para receptores de feromônio e feromônios. Em fungos heterotálicos, o desenvolvimento sexual depende da especificidade entre os quatro alelos, sistema este chamado tetrapolar, e é ativado apenas por interações específicas entre alelos parentais necessariamente diferentes, assegurando que hifas geneticamente iguais sejam incompatíveis. Em contrapartida, a condição na qual hifas geneticamente iguais são compatíveis é denominada homotalismo. Fungos basidiomicetos são tipicamente heterotálicos, no entanto, apesar de pertencer a este filo, o fitopatógeno Moniliophthora perniciosa, causador da doença Vassoura de Bruxa no cacaueiro, é classificado como homotálico primário. Curiosamente, apesar desta classificação, M. perniciosa contém um sistema genético tetrapolar, sendo o primeiro fungo descrito com essa característica. Neste trabalho, foi realizada a caracterização dos loci mating type em M. perniciosa e verificamos o perfil transcricional destes genes com o objetivo de entender os mecanismos moleculares que atuam no seu comportamento homotálico. Primeiramente...

Theobroma cacao cystatins impair Moniliophthora perniciosa mycelial growth and are involved in postponing cell death symptoms.

PIROVANI, C. P.; SANTIAGO, A. da S.; SANTOS, L. S. dos; MICHELI, F.; MARGIS, R.; GESTEIRA, A. da S.; ALVIM, F. C.; PEREIRA, G. A. G.; CASCARDO, J. C. de M.
Fonte: Planta, Heidelberg, v. 232, n. 6, p. 1485?1497, 2010. Publicador: Planta, Heidelberg, v. 232, n. 6, p. 1485?1497, 2010.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
EN
Relevância na Pesquisa
67.71%
Three cystatin open reading frames named TcCys1, TcCys2 and TcCys3 were identified in cDNA libraries from compatible interactions between Theobroma cacao (cacao) and Moniliophthora perniciosa. In addition, an ORF named TcCys4 was identified in the cDNA library of the incompatible interaction. The cDNAs encoded conceptual proteins with 209, 127, 124, and 205 amino acid residues, with a deduced molecular weight of 24.3, 14.1, 14.3 and 22.8 kDa, respectively. His-tagged recombinant proteins were purified from Escherichia coli expression, and showed inhibitory activities against M. perniciosa. The four recombinant cystatins exhibited Ki values against papain in the range of 152?221 nM. Recombinant TcCYS3 and TcCYS4 immobilized in CNBr?Sepharose were efficient to capture M. perniciosa proteases from culture media. Polyclonal antibodies raised against the recombinant TcCYS4 detected that the endogenous protein was more abundant in young cacao tissues, when compared with mature tissues. A *85 kDa cacao multicystatin induced by M. perniciosa inoculation, MpNEP (necrosis and ethylene-inducing protein) and M. perniciosa culture supernatant infiltration were detected by anti-TcCYS4 antibodies in cacao young tissues. A direct role of the cacao cystatins in the defense against this phytopathogen was proposed...

The genome projects of the closely related cacao pathogens Moniliophthora roreri and Moniliophthora perniciosa.

CARAZZOLLE, M. F.; COSTA, G. G. L.; HERAI, R. H.; R. JÚNIOR, O.; NASCIMENTO, L. C.; TEIXEIRA, P. J.; TIBURCIO, R. A.; MONDEGO, J. M. C.; PEREIRA, G. A. G.
Fonte: In: INTERNATIONAL CONFERENCE OF THE BRAZILIAN ASSOCIATION FOR BIOINFORMATICS AND COMPUTATIONAL BIOLOGY, 6., 2010, Ouro Preto. Abstracts... [S.l.: s.n.], 2010. Publicador: In: INTERNATIONAL CONFERENCE OF THE BRAZILIAN ASSOCIATION FOR BIOINFORMATICS AND COMPUTATIONAL BIOLOGY, 6., 2010, Ouro Preto. Abstracts... [S.l.: s.n.], 2010.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Formato: p. 22.
EN
Relevância na Pesquisa
67.75%
The basidiomycetes Moniliophthora roreri and Moniliophthora perniciosa are the etiologic agents of the two most devastating diseases in cacao (Theobroma cacao ): frosty pod rot and the witches? broom, respectively. The species are very closely related and even hybrid cells have been previously obtained. In cacao, both species infect pods, causing necrosis, and M. perniciosa is also able to invade other tissues causing changes in plant metabolisms, such as hyperplasia and hypertrophy. In order to understand the molecular basis of these organisms, we sequenced the genome of these two species. We also obtained transcriptomic data (RNA-seq) in several different conditions including the interaction between cacao and both pathogens. This work reports a pipeline utilized to assembly and compare these genomes, and to identify differential gene expression between libraries. The genomic and transcriptomic sequences for both organisms were obtained using high-throughput sequencing technology (454/Roche and Solexa/Illumina). The Solexa and 454 reads were assembled into longer contigs using de novo assembler Velvet and Newbler, respectively. The hybrid assembly was performed through the combination of Solexa contigs and 454 contigs resulting in ?nal hybrid contigs using a pipeline developed in our group. Ab initio and comparative gene predictions were obtained with Augustus and Exonerate programs using previous training set (including RNA-seq data) and the closely related organisms...

Purification, characterization and structural determination of UDP-N-acetylglucosamine pyrophosphorylase produced by Moniliophthora perniciosa

SANTOS JUNIOR, Manoelito C.; GONÇALVES, Priscila A.; TARANTO, Alex G.; KOBLITZ, Maria G. B.; GÓES-NETO, Aristóteles; PIROVANI, Carlos P.; CASCARDO, Júlio C. M.; CRUZ, Sandra H. da; ZINGALI, Russolina B.; PEREIRA, Gonçalo A. G.; DIAS, Cristiano V.; AS
Fonte: Sociedade Brasileira de Química Publicador: Sociedade Brasileira de Química
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
67.68%
The enzyme UDP-N-acetylglucosamine pyrophosphorylase (PyroMp) from Moniliophthora perniciosa (CCMB 0257), a pathogenic fungal strain and the causative agent of the witches' broom disease in Theobroma cacao, was partially purified by precipitation with ammonium sulfate and gel filtration on Sephacryl S-200. The buffer for enzyme extraction was sodium phosphate, 0.050 mol L-1, pH 7.0, containing 1.0 mol L-1 NaCl. Response surface methodology (RSM) was used to determine the optimum pH and temperature conditions. Four different isoenzymes (PyroMp I, PyroMp II, PyroMp III and PyroMp IV) were obtained with optimal pH ranging from 6.9-8.4 and optimum temperature ranging from 28 to 68 °C. The 3D structure of pyrophosphorylase of M. perniciosa was determined by comparative modeling. The model obtained showed a good quality, possessing 78.6% of amino acids in energetically allowed regions. The model was then submitted for DM simulation and showed a good geometric quality (91.1% Ramachandran plot). The active site of the enzyme was found to be extremely well conserved. This model will be useful for developing new inhibitors against witches' broom disease.; A enzima UDP-N-acetilglicosamina pirofosforilase de Moniliophthora perniciosa (CCMB 0257)...

Purification, characterization and structural determination of chitinases produced by Moniliophthora perniciosa

Galante, Rafaela S.; Taranto, Alex G.; Koblitz, Maria G.B.; Góes-Neto, Aristóteles; Pirovani, Carlos P.; Cascardo, Júlio Cézar de Mattos; Cruz, Sandra Helena da; Pereira, Gonçalo Amarante Guimarães; Assis, Sandra A. de
Fonte: Academia Brasileira de Ciências Publicador: Academia Brasileira de Ciências
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
67.64%
The enzyme chitinase from Moniliophthora perniciosa the causative agent of the witches' broom disease in Theobroma cacao, was partially purified with ammonium sulfate and filtration by Sephacryl S-200 using sodium phosphate as an extraction buffer. Response surface methodology (RSM) was used to determine the optimum pH and temperature conditions. Four different isoenzymes were obtained: ChitMp I, ChitMp II, ChitMp III and ChitMp IV. ChitMp I had an optimum temperature at 44-73ºC and an optimum pH at 7.0-8.4. ChitMp II had an optimum temperature at 45-73ºC and an optimum pH at 7.0-8.4. ChitMp III had an optimum temperature at 54-67ºC and an optimum pH at 7.3-8.8. ChitMp IV had an optimum temperature at 60ºC and an optimum pH at 7.0. For the computational biology, the primary sequence was determined in silico from the database of the Genome/Proteome Project of M. perniciosa, yielding a sequence with 564 bp and 188 amino acids that was used for the three-dimensional design in a comparative modeling methodology. The generated models were submitted to validation using Procheck 3.0 and ANOLEA. The model proposed for the chitinase was subjected to a dynamic analysis over a 1 ns interval, resulting in a model with 91.7% of the residues occupying favorable places on the Ramachandran plot and an RMS of 2.68.

Avaliação da diversidade genética e associação com patogenicidade de isolados de Moniliophthora perniciosa oriundos da Amazônia Brasileira; Evaluation of the genetic diversity and its association with pathogenicity of Moniliophthora perniciosa isolates from the Brazilian Amazon

Freitas, Angela Sanche Artero
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/09/2012 PT
Relevância na Pesquisa
67.93%
O fungo Moniliophthora perniciosa é o agente causal da vassoura de bruxa no cacaueiro (Theobroma cacao L.). Três biótipos distintos (biótipos -C, -L e -S) são reconhecidos de acordo com a especificidade quanto ao hospedeiro. O presente estudo teve como objetivo a análise da diversidade genética com o uso de marcadores microssatélites de 134 isolados dos biótipos -C, -L e -S de M. perniciosa coletados principalmente na Amazônia Brasileira e áreas de cultivo. A diversidade genética foi associada com virulência e/ou agressividade dos isolados a acessos diferenciais (suscetíveis ou resistentes) de T. cacao. Os biótipos -S e -L apresentaram uma diversidade gênica e genotípica superior em comparação com o biótipo-C. A população do biótipo-C com maior diversidade genotípica foi a do Acre, seguida pelo Oeste do Amazonas, ambas correspondendo a áreas em que se encontra cacaueiro nativo no Brasil. A população com menor diversidade genotípica foi a da Bahia, que corresponde a uma área onde a presença de M. perniciosa foi registrada mais recentemente, no final da década de 1980. Dos 134 isolados, 83 correspondem a genótipos multilocos únicos, sendo encontrados apenas dois indivíduos com genótipos idênticos para o biótipo-S...

Avaliação da contribuição dos hormônios vegetais na interação Moniliophthora perniciosa x Solanum lycopersicum; Evaluation of the contribution of plant hormones in the interaction Moniliophthora perniciosa x Solanum lycopersicum

Deganello, Juliana
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
68%
A vassoura-de-bruxa consiste numa importante enfermidade do cacaueiro (Theobroma cacao), causada pelo basidiomiceto Moniliophthora perniciosa e caracterizada pelos sintomas de inchamento e indução de brotações laterais nos ramos infectados. O mecanismo de resistência do cacaueiro a M. perniciosa ainda é desconhecido e o longo ciclo de vida da espécie dificulta o seu estudo. Isolados do biótipo-S do patógeno infectam o tomateiro (Solanum lycopersicum), cuja cultivar miniatura \'Micro-Tom\' (MT) consiste num potencial modelo genético para o estudo da interação. A avaliação desse modelo foi iniciada com a caracterização sintomatológica de MT à inoculações com isolados de M. perniciosa do biótipo-S. Os sintomas avaliados nas plantas infectadas foram engrossamento do caule e desenvolvimento de \'vassouras laterais\'. Na caracterização histopatológica da interação MT e M. perniciosa por microscopia eletrônica de varredura foi observada a germinação preferencial de basidiósporos na base dos tricomas com pontos de penetração através de ferimentos e diretamente pela epiderme. Foi observado por microscopia óptica, aumento no volume celular de plantas infectadas e, a microscopia eletrônica de transmissão detectou a colonização da região intercelular pelo fungo com formação de matriz extracelular envolvendo a hifa. A contribuição dos hormônios vegetais na patogênese foi avaliada por meio de mutantes e plantas transgênicas no background \'Micro-Tom\' com alterações nas vias de biossíntese ou percepção hormonal. As classes hormonais e genótipos avaliados foram brassinosteróide (curl3)...

Vassoura-de-bruxa : caracterização de um metanol oxidase extracelular e do secretoma de Moniliophthora perniciosa; Witche¿s broom disease : characterization of an extracellular methanol oxidase and of the secretome of Moniliophthora perniciosa

Bruno Vaz de Oliveira
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
67.98%
O fungo basidiomiceto Moniliophthora perniciosa é o agente causador da vassoura-de-bruxa do cacaueiro, doença que se tornou um dos principais problemas fitopatológicos do Brasil. O fungo possui duas fases de vida, biotrófica e necrotrófica, as quais estão associadas aos sintomas de vassoura-verde e vassoura-seca, respectivamente, durante a progressão da doença. Em vista dos grandes prejuízos econômicos causados pela vassoura-de-bruxa, foi iniciado o Projeto Genoma Vassoura-de-Bruxa, cujo objetivo é a decodificação genética do fungo com o intuito de identificar genes candidatos que possam estar relacionados ao estabelecimento e à progressão da doença para serem caracterizados. M. perniciosa é capaz de utilizar metanol como fonte única de carbono. Na maioria dos organismos estudados, a enzima metanol oxidase (MOX) é a responsável pelo metabolismo de metanol através do metabolismo peroxissomal, à qual também está associada uma catalase (CAT). Em plantas, uma das principais fontes de metanol é a pectina presente na estrutura da parede celular vegetal. Algumas espécies de fungos fitopatogênicos tem a capacidade de secretar oxalato como produto da enzima oxaloacetato acetilhidrolase (OAH), o qual é capaz de quelar íons cálcio da estrutura das pectinas...

Caracterização funcional e estrutural de proteinas indutoras de necrose e etileno (NEPs) do fungo Moniliophthora perniciosa, causador da doença Vassoura-de-Bruxa em cacau; Functional and structural characterization of necrosis and ethylene inducing proteins (NEPs) in Moniliophthora perniciosa, the casual agent of witches' broom disease in cacao

Odalys Garcia Cabrera
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/03/2007 PT
Relevância na Pesquisa
67.86%
A doença Vassoura-de-bruxa do cacaueiro (Theobroma cacao) é causada pelo fungo basidiomiceto Moniliophthora perniciosa e atualmente constitui um dos maiores problemas fitopatológicos do Brasil. Análises do genoma de M. perniciosa permitiram identificar três genes codificadores para proteínas indutoras de necrose e etileno (NEPs) descritas em oomicetos, bactérias e alguns fungos ascomicetos. Os genes codificadores das proteínas NEP de M. perniciosa (MpNEPs) parecem estar localizados no mesmo cromossomo e foram nomeados 1 e 2 (o terceiro gene está incompleto) segundo a descoberta no genoma (1) ou em uma biblioteca de cDNA de interação M. perniciosa-cacaueiro (2). Os genes codificadores para estas proteínas foram clonados, e expressos usando um sistema de expressão heterólogo em E. coli produzindo proteínas de fusão a cauda de histidinas. As proteínas recombinantes foram purificadas usando colunas de afinidade a metais. MpNEP1 e MpNEP2 apresentam alta similaridade em sua seqüência de aminoácidos e são capazes de induzir necrose e síntese de etileno tanto em folhas de tabaco quanto em cacau. Ambas as MpNEPs apresentam perfis de expressão diferencial nas fases de vida do fungo: MpNEP1 é expressa de forma similar nas fases biotrófica e saprofítica enquanto que MpNEP2 é mais expressa na fase biotrófica. Importantes diferenças no comportamento físico das proteínas foram detectadas: MpNEP1 se comporta como um agregado (dímero ou trímero) em solução e é sensível a tratamento térmico enquanto que MpNEP2 se comporta como monômero e mantém a atividade de necrose depois de submetida a altas temperaturas. Estas diferenças sugerem que estas proteínas podem ter funções complementares durante o desenvolvimento da doença. Esta é a primeira vez que se descreve a presença desta família de proteínas em fungos basidiomicetos e seu estudo pode ser de grande importância para a compreensão dos mecanismos da doença Vassoura-de-bruxa; The hemibiotrophic basidiomycete Moniliophthora perniciosa is the causal agent of Witches? broom disease of Theobroma cacao...

Caracterização de um gene similar a taumatina expresso pelo fungo causador da Vassoura de bruxa, Moniliophthora perniciosa; Caracterization of a thaumatin-like gene expressed by Moniliophthora Perniciosa fungus, the causative agent of cacao Whiches Broom disease

Sulamita de Freitas Franco
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/12/2008 PT
Relevância na Pesquisa
67.9%
Moniliophthora perniciosa é um fitopatógeno de grande importância econômica no Brasil, em especial na região do sul da Bahia, por causar a doença do cacaueiro conhecida como Vassoura de Bruxa. Esse fungo possui um ciclo de vida hemibiotrófico, apresentando duas fases distintas: a primeira biotrófica/parasítica e a segunda saprotrófica/necrotrófica. O banco de dados gerados pelo projeto genoma Vassoura de Bruxa vem sendo estudado com o intuito de desvendar as vias metabólicas utilizadas pelo patógeno na colonização do cacaueiro. Curiosamente, foi verificada a expressão de um gene similar a taumatina pelo fungo. As taumatinas de plantas são expressas durante a resposta hipersensitiva (HR) em interações planta-patógeno, sendo classificadas como PR-5 (pathogenesis related protein). Taumatinas possuem atividade antifúngica e são capazes de clivar ß-glucanas. Uma nova função foi descrita para uma taumatina de trigo: a de inibição de xilanase. Recentemente, as taumatinas vêm sendo estudadas também em nematódeos, artrópodos e fungos. O trabalho aqui descrito visou à clonagem do gene de M. perniciosa similar a taumatinas MpTLP1 e a expressão da proteína recombinante MpTLP1, bem como o estudo da expressão desse gene durante o desenvolvimento de M. perniciosa. Análises de Northern blot mostram que esse gene é induzido quando o fungo é incubado com extrato de cacau e ácido salicílico. Dados de Real time PCR mostram que esse gene é mais expresso na fase biotrófica do fungo. Esses resultados sugerem a participação de MpTLP1 na interação planta-patógeno. MpTLP1 foi expressa em E.coli e renaturada a partir de corpos de inclusão. A proteína renaturada não apresentou atividades antifúngica e ß-glucanolítica. Esses resultados podem ser atribuídos a sua renaturação ineficiente...

Silenciamento gênico por RNAi em Moniliophthora perniciosa; Genic silencing by RNA in Moniliophthora perniciosa

Ana Cristina Caribé dos Santos
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/02/2010 PT
Relevância na Pesquisa
67.93%
O fungo Moniliophthora perniciosa, agente causal da doença "vassoura-de-bruxa" (VB) do cacaueiro (Theobroma cacao L.) é responsável pela diminuição da produção de cacau no Brasil e em outras regiões da América do Sul e Central. Esse decréscimo está diretamente associado a graves problemas sociais e ambientais, particularmente nas regiões amazônica e Sul da Bahia. A interação cacau-M. perniciosa envolve mecanismos genéticos complexos e pouco estudados em nível molecular. Portanto, este trabalho objetivou estabelecer uma metodologia de silenciamento gênico por RNA de interferência (RNAi) em M. perniciosa, visando análises funcionais de genes relacionados à sua patogenicidade. RNAi é uma eficiente ferramenta para reprimir a expressão gênica experimentalmente, portanto, uma alternativa tecnológica muito promissora. Devido ao fato de RNAi ser um mecanismo pós-transcricional que promove o silenciamento de genes com alta especificidade e de modo sistêmico é considerado uma ferramenta versátil para o estudo de fungos filamentosos heterocarióticos. O trabalho foi conduzido em três etapas integradas: 1) estabelecimento e avaliação das condições adequadas para eletroporação e regeneração de protoplastos de M. perniciosa...

Analise da influencia das fontes de carbono na patogenicidade do Moniliophthora perniciosa pathogenicity em Theobroma cacao; Analisys of carbon sources influence on Moniliophthora perniciosa pathogenicity in Theobroma cacao

Fatima Cerqueira Alvim
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 15/10/2009 PT
Relevância na Pesquisa
68.01%
O fungo basidiomiceto hemibiotrófico Moniliophthora perniciosa, agente causal da doença vassoura-de-bruxa (VB) em Theobroma cacao, é o principal patógeno da lavoura cacaueira nas Américas e no Caribe. O presente trabalho apresentou como objetivo primordial identificar proteínas relacionadas com a patogenicidade deste fungo. No primeiro capítulo desta tese foi demonstrado o efeito de diferentes fontes de carbono sobre a morfologia e fisiologia do M, perniciosa. O fungo foi crescido em fontes de carbono fermentáveis e/ou não-fermentáveís. Foram observadas diferenças significativas na morfologia do micélio que se correlacionaram com a fonte de carbono utilizada. Foram observadas também diferenças qualitativas e quantitativas marcantes para as proteínas secretadas (secretoma) pelo micélio. O ensaio biológico efetuado em folhas de Nicotiana tabacum revelou que a capacidade do secretoma em induzir necrose nos tecidos vegetais também diferia em função da fonte de carbono utilizada pelo fungo durante o seu crescimento. O glicerol, como fonte única de carbono, foi identificado como o composto que mais induziu a atividade necrótica do secretoma do patógeno. O nível do chaperone molecular BiP (Binding Protein) em meristema de cacau aumentou em resposta à infiltração do secretoma de M. perniciosa...

Padrões de evolução genica e genomica em Moniliophthora perniciosa (Basiomicota, Agaricales), agente causal da vassoura de bruxa; Paterns of genomic evolution in Moniliophthora perniciosa (Basiomicota, Agaricales) causal agent of witche's broom disease

Ricardo Augusto Tiburcio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/02/2010 PT
Relevância na Pesquisa
67.93%
Moniliophthora perniciosa (Stahel) Aime & Phillips-Mora é um fungo basidiomiceto hemibiotrófico causador da vassoura de bruxa no cacau (Theobroma cacao L.). Esta doença é caracterizada pela produção de ramos hiperplásicos e hipertróficos e frutas partenogênicos durante a fase biotrófica, seguido por necrose dos tecidos infectados durante a fase necrotrófica. Esta é a principal doença da produção de cacau na América do Sul e no Caribe, tendo causado uma diminuição de mais de 65% na produção no sul da Bahia, a principal região produtora do país. Vários genes relacionados à patogenicidade foram encontrados em M. perniciosa como parte do Projeto Genoma da Vassoura de Bruxa. No entanto, os padrões de evolução destes genes, que poderiam ajudar a compreender a evolução da fitopatogenicidade dessa espécie, ainda não foram estudados. Também não foram estudados as mudanças ocorridas no genoma desta espécie durante a sua evolução. Estas mudanças são particularmente relevantes uma vez que a maioria das espécies estreitamente relacionadas com M. perniciosa não é fitopatogênica. Desta forma a compreensão da evolução deste modo de vida na espécie poderia ajudar a entender a evolução de fungos fitopatógenos em geral. Este trabalho tem como objetivo ampliar o conhecimento sobre o surgimento da patogenicidade em M. perniciosa analisando a evolução dos genes potencialmente relacionados a ela...

Estudo da via alternativa de transporte de elétrons de Moniliophthora perniciosa e Moniliophthora roreri : possível papel no desenvolvimento dos patógenos e infecção do cacaueiro; The mitochondrial alternative oxidase of Moniliophthora perniciosa and Moniliophthora roreri : its possible function in fungal development and pathogenesis

Daniela Paula de Toledo Thomazella
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
68.05%
Moniliophihora perniciosa e Monüiophthora roreri são basidiomicetos fitopatogênicos. causadores de duas das mais devastadoras doenças fúngicas do cacaueiro: a Vassoura de bruxa e a Frosty Pod Rot (Momlíase), respectivamente. Apesar do grande impacto socioeconómico dessas doenças, aspectos importantes relacionados ao metabolismo destes patógenos ainda não são suficientemente compreendidos O estudo do metabolismo mitocondrial é particularmente relevante, pois compreende processos celulares vitais para a sobrevivência do organismo, como a regulação da produção de energia (ATP) e a manutenção do balanço redox da célula. Este trabalho teve como objetivo entender a importância da enzima mitocondrial oxidase alternativa (AOX) no metabolismo e desenvolvimento dos fungos M. perniciosa e M roreri- A AOX é uma oxidase terminal capaz de realizar o transporte de elétrons mitocondrial, catalisando a redução do oxigênio a água, de maneira desacoplada da síntese de ATP. Em M. perniciosa, a expressão do gene aox (Mp-aox) mostrou-se bastante relacionada ao ciclo de vida hemibiotrófico deste fungo. Níveis de expressão relativamente elevados deste gene foram observados no micélio biotrófico cultivado in vitro. De acordo...

Purification, characterization and structural determination of UDP-N-acetylglucosamine pyrophosphorylase produced by Moniliophthora perniciosa

SANTOS JUNIOR, Manoelito C.; GONÇALVES, Priscila A.; TARANTO, Alex G.; KOBLITZ, Maria G. B.; GÓES-NETO, Aristóteles; PIROVANI, Carlos P.; CASCARDO, Júlio C. M.; CRUZ, Sandra H. da; ZINGALI, Russolina B.; PEREIRA, Gonçalo A. G.; DIAS, Cristiano V.; AS
Fonte: Sociedade Brasileira de Química Publicador: Sociedade Brasileira de Química
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
67.68%
The enzyme UDP-N-acetylglucosamine pyrophosphorylase (PyroMp) from Moniliophthora perniciosa (CCMB 0257), a pathogenic fungal strain and the causative agent of the witches' broom disease in Theobroma cacao, was partially purified by precipitation with ammonium sulfate and gel filtration on Sephacryl S-200. The buffer for enzyme extraction was sodium phosphate, 0.050 mol L-1, pH 7.0, containing 1.0 mol L-1 NaCl. Response surface methodology (RSM) was used to determine the optimum pH and temperature conditions. Four different isoenzymes (PyroMp I, PyroMp II, PyroMp III and PyroMp IV) were obtained with optimal pH ranging from 6.9-8.4 and optimum temperature ranging from 28 to 68 °C. The 3D structure of pyrophosphorylase of M. perniciosa was determined by comparative modeling. The model obtained showed a good quality, possessing 78.6% of amino acids in energetically allowed regions. The model was then submitted for DM simulation and showed a good geometric quality (91.1% Ramachandran plot). The active site of the enzyme was found to be extremely well conserved. This model will be useful for developing new inhibitors against witches' broom disease.; A enzima UDP-N-acetilglicosamina pirofosforilase de Moniliophthora perniciosa (CCMB 0257)...

Genetic variability of Moniliophthora perniciosa isolated from Theobroma sp.

SOUSA, N. R.; SOUZA, M. G. de; SOUZA, A. das G. C. de; MIRANDA, E. C. de; SILVA, G. F. da
Fonte: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE INTERAMERICANA DE HORTICULTURA TROPICAL, 61., 2015, Manaus. Anais... Brasília, DF: Embrapa, 2015. p. 97. Publicador: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE INTERAMERICANA DE HORTICULTURA TROPICAL, 61., 2015, Manaus. Anais... Brasília, DF: Embrapa, 2015. p. 97.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE)
EN
Relevância na Pesquisa
67.58%
The fungus Moniliophthora perniciosa is the causal agent one of the main cacao (Theobroma cacao) and cupuassu (Theobroma grandiflorum) disease, of which have origin probably in the Amazon basin. The genetic knowledge is important for better understanding of plant pathogen evolution and control strategies. The aim of this study was to determinate genetic variability of Moniliophthora perniciosa isolates from T. grandiflorum and T. cacao trees growing in seven states of Brasil: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Bahia.; 2015