Página 1 dos resultados de 457 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

Técnicas de inspecção de programas para inter-relacionar as vistas comportamental e operacional

Berón, Mario; Henriques, Pedro; Pereira, Maria João; Uzal, Roberto
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR; POR
Relevância na Pesquisa
46.29%
A Compreensão de Programas (CP) é uma disciplina da Engenharia de Software destinada a criar modelos, métodos, técnicas e ferramentas, baseadas num processo da aprendizagem e num processo de engenharia, com o objectivo de alcançar um profundo conhecimento dos sistemas de software. O processo da aprendizagem implica a análise da forma como os programadores entendem os programas. Esta temática é bem descrita no contexto dos Modelos Cognitivos. O processo de engenharia necessita de ser abordado através de tópicos como: Métodos de Extracção da Informação, Administração da Informação e Visualizaçãoade Software. A pesquisa em todas estas áreas faz com que seja possível abordar a construção de boas ferramentas de CP. Além disso, esta tarefa dá a possivilidade de inter-relacionar o domínio do programa (componentes de software) e o domínio do problema (comportamento do sistema). Esta última actividade é um dos grandes desafios no contexto da compreensão de programas. Neste artigo, descrevemos as pesquisas e os resultados obtidos nos tópicos descritos nos parágrafos precedentes. Estas tarefas fazem parte de nossa tese de doutoramento denominada: Técnicas de Inspecção de Programas para Inter-Relacionar a Vista Operacional e a Vista Comportamental de Sistemas de Software.

Estrategias para facilitar la comprensión de programas

Berón, Mario; Uzal, Roberto; Henriques, Pedro; Pereira, Maria João
Fonte: Universidad Nacional de la Patagonia San Juan Bosco Publicador: Universidad Nacional de la Patagonia San Juan Bosco
Tipo: Artigo de Revista Científica
SPA
Relevância na Pesquisa
46.29%
La Comprensión de Programas es una disciplina de la Ingeniería de Software cuyo objetivo es proveer Modelos, Métodos, Técnicas y Herramientas para facilitar el estudio y entendimiento de los sistemas de software. A través de un extenso estudio y experiencia en el desarrollo de productos de comprensión se pudo comprobar que el principal desafío en esta área consiste en: Relacionar el Dominio del Problema con el Dominio del programa. El primero hace referencia a la salida del sistema. El segundo a las componentes de software usadas para producir dicha salida. La construcción de este tipo de relación es muy compleja e implica el estudio de disciplinas tales como: Modelos Cognitivos, Visualización de Software, Estrategias de Interrelación de Dominios y Métodos de Extracción de la Información. En este artículo se presentan líneas de investigación cuyos objetivos son: • Analizar los productos de comprensión existentes. • Construir productos innovadores basados en los conceptos comunes a las grandes áreas mencionadas en el paragrafo anterior.

Juízos e valores morais: a perspectiva de investigação dos modelos organizadores do pensamento; Moral judgment and values: an investigation perspective of organizing models of thinking; Juicios y valores morales: perspectiva de investigación de los modelos organizadores del pensamiento

VASCONCELOS, Mário Sérgio; ARANTES, Valéria Amorin; SOUZA, Leonardo Lemos de; TREVISOL, Maria Teresa Ceron; BELLOTO, Maria Elvira
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
36.36%
As ideias propostas neste estudo teórico têm como objetivo ampliar as perspectivas de investigação sobre juízos e valores morais. Após uma reflexão crítica sobre teorias que contribuíram com importantes conceitos no campo da Psicologia Moral, foram feitos alguns apontamentos que nos parecem promissores nessa área, tendo por referencial teórico-metodológico a Teoria dos Modelos Organizadores do Pensamento. Essa teoria procura destacar que apenas os recursos cognitivos operatórios não são suficientes para explicar como o sujeito apreende e julga a realidade. Nessa perspectiva, conclui-se como fundamental o papel dos conteúdos na organização das representações mentais relacionadas aos juízos e valores morais.; The ideas proposed on this theoretical study have as an aim to amplify the perspectives of investigation about moral judges and values. After a critical reflection about theories that contributed with important concepts in Moral Psychology field, we made some notes that we think are very hopeful in this area using as theoretical and methodological reference the Theory of Organizing Models of Thinking. This theory detaches that only the operative cognitive resources arent enough to explain how the subject learns and judges the reality. In this perspective...

O papel dos valores cognitivos e não-cognitivos na atividade científica: o modelo reticulado de Larry Laudan e as estratégias de Hugh Lacey; The role of cognitive and non-cognitive values in scientific practices: the reticulated model by Larry Laudan and the research strategies by Hugh Lacey

Koide, Kelly Ichitani
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.46%
A investigação aqui realizada examina o papel que os valores cognitivos e nãocognitivos desempenham nas práticas científicas. Essa análise fundamenta-se em uma comparação entre os modelos propostos por Hugh Lacey e por Larry Laudan para explicar a dinâmica da atividade científica. Veremos que, no modelo desenvolvido por Lacey, cuja idéia central reside nas estratégias de pesquisa, ambos os tipos de valor possuem papéis legítimos na atividade científica. Já no modelo reticulado, proposto por Laudan, o autor admite apenas os valores cognitivos como constituintes da racionalidade científica. A partir de uma comparação entre ambos os modelos, pretendemos mostrar que o modelo de Lacey parece ser mais abrangente do que o modelo reticulado, na medida em que este último poderia ser considerado como uma parte do primeiro.; The present investigation examines the role of cognitive and non-cognitive values in scientific practices. This analysis is based on a comparison between the models proposed by Hugh Lacey and Larry Laudan to explain the dynamics of scientific activity. We will see that in Laceys model, whose main idea are the strategies of investigation, both kinds of values have legitimate roles in scientific activity. In the reticulated model...

Juízos e valores morais: a perspectiva de investigação dos modelos organizadores do pensamento

Vasconcelos, Mario Sergio; Arantes, Valéria Amorin; Souza, Leonardo Lemos de; Trevisol, Maria Teresa Ceron; Belloto, Maria Elvira
Fonte: Universidade de São Paulo (USP), Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo (USP), Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 207-217
POR
Relevância na Pesquisa
36.36%
As ideias propostas neste estudo teórico têm como objetivo ampliar as perspectivas de investigação sobre juízos e valores morais. Após uma reflexão crítica sobre teorias que contribuíram com importantes conceitos no campo da Psicologia Moral, foram feitos alguns apontamentos que nos parecem promissores nessa área, tendo por referencial teórico-metodológico a Teoria dos Modelos Organizadores do Pensamento. Essa teoria procura destacar que apenas os recursos cognitivos operatórios não são suficientes para explicar como o sujeito apreende e julga a realidade. Nessa perspectiva, conclui-se como fundamental o papel dos conteúdos na organização das representações mentais relacionadas aos juízos e valores morais.; Las ideas propuestas en este estudio teórico visan ampliar las perspectivas de investigación sobre juicios y valores morales. Después de reflexionar críticamente sobre teorías que dieron importante contribución conceptual en el campo de la Psicologia Moral, hacemos algunas indicaciones que parecen ventajosas en el área, tomamos como referencial teórico-metodológico la Teoría de los Modelos Organizadores del Pensamiento. Esa teoría busca destacar que no sólo los recursos cognitivos operatorios son suficientes para explicar como el sujeto apreende y juzga la realidad. de esa perspectiva...

Mecanismos metafóricos e mecanismos cognitivos : provérbios e publicidade

Teixeira, José
Fonte: Arco/Libros Publicador: Arco/Libros
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /11/2007 POR
Relevância na Pesquisa
36.29%
A categorização humana baseia-se num esquema cognitivo muito semelhante ao esquema do processo metafórico. Como o falante admite que os seus mecanismos cognitivos são idênticos aos dos outros falantes e que o "entendimento colectivo" espelha a soma dos "entendimentos individuais", facilmente admite e aceita que socialmente se instituam modelos (cristalizados, entre outras expressões fixas, nos provérbios) que proponham que uma determinada realidades deve ser metaforizada noutra. Quer as expressões fixas, quer os provérbios possuem uma enorme força semântica e pragmática. Acentuam a sensação de pertença de grupo, na medida em que funcionam como uma senha de reconhecimento dentro de uma língua e, sobretudo, dentro de uma mesma forma de ver e de conceber o mundo. Assim, reforçam a sensação de segurança, de protecção, porque nos fazem sentir inseridos em algo que nos é familiar e conhecido. Os provérbios e expressões fixas são, assim, não apenas fórmulas linguísticas estereotipadas, mas modelos colectivos a nível de percepção do mundo. Esta percepção colectiva serve às mil maravilhas a uma das actividades mais omnipresentes e mais lucrativas na nossa actual sociedade de informação: a publicidade

Modelos teóricos em ciência da informação - abstração e método científico

Sayão,Luís Fernando
Fonte: IBICT Publicador: IBICT
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2001 PT
Relevância na Pesquisa
46.39%
Analisa a importância dos modelos enquanto recurso metodológico e instrumento de abstração destinado à aquisição de novos conhecimentos, representação e compreensão da realidade, especialmente no contexto das áreas cujo interesse são os fenômenos relacionados à informação, como a informática e a ciência da informação. Examina, na literatura sobre modelos e modelagem, a natureza, características básicas, funções e principais tipos de modelos. Analisa a adequação dos instrumentos de modelagem ao desenvolvimento de sistemas de informação, considerando todo o quadro perceptivo dos usuários e enfatizando a aplicação de modelos aos sistemas de recuperação de informação, principalmente aqueles que privilegiam aspectos cognitivos. Conclui que mais pesquisas sobre a representação de como as pessoas se posicionam diante da informação são extremamente necessárias para a concepção de sistemas de informação que preencham as necessidades de seus usuários.

Uso conjunto de dois modelos cognitivos para a compreensão do processo de escolha do consumidor

Mello,Sérgio Carvalho Benício de; Leão,André Luiz Maranhão de Souza; Souza Neto,Arcanjo Ferreira de
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia de Produção Publicador: Associação Brasileira de Engenharia de Produção
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2005 PT
Relevância na Pesquisa
46.22%
O presente estudo tem por objetivo gerar um melhor entendimento do comportamento do consumidor, baseando-se em dois modelos cognitivos: risco percebido e conjunto de consideração. Neste sentido, teve foco no processo de avaliação e na escolha de alternativas dos consumidores, considerando diferentes percepções de risco em dois contextos de serviços. Uma amostra de 772 respondentes foi consultada através de um questionário estruturado. Os resultados indicam que a quantidade de marcas a serem consideradas como alternativa de consumo está associada apenas a algumas das dimensões do risco percebido. Também foram identificados quais atributos são considerados mais importantes na prestação dos serviços analisados e as estratégias redutoras de risco mais utilizadas pelos consumidores com diferentes níveis de percepção de risco. Conclusões e implicações gerenciais também são discutidas.

Ambientes cognitivos para projetação: um estudo relacional entre as mídias tradicional e digital na concepção do projeto arquitetônico

Lopes de Carvalho, Gisele; Brito Dantas, Ney (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.32%
Os arquitetos dependem de representações para externalizar seus pensamentos projetuais. Tradicionalmente, eles têm usado esboços a lápis (mídia tradicional) na concepção de projetos arquitetônicos. Recentemente, alguns arquiteto, introduziram a mídia digital nesta fase. O principal objetivo desta Tese é o de investigar os processos cognitivos dos arquitetos durante a concepção do objeto arquitetônico usando ambas as mídias (tradicional X digital). Três temáticas deram o suporte teórico a nossa pesquisa: (1) o processo projetual arquitetônico (focando a concepção); (2) os processos cognitivos aplicados à Arquitetura e (3) os meios de representação arquitetônica (lápis e papel X CAD) aplicados à concepção arquitetônica. Dados empíricos foram coletados a partir da: (1) filmagem de dois grupos de sujeitos, usando ambas as mídias, executando duas tarefas isomórficas (projetos); (2) representação gráfica dos modelos mentais destas tarefas; (3) aplicação de questionários e (4) análise dos protocolos verbais retrospectivos das tarefas. Esses grupos foram observados na UFPE (Brasil) e na Universidade de Sheffield (Inglaterra). O desenvolvimento e a análise de um esquema de códigos do comportamento projetual dos sujeitos (segmentações e categorias de ações cognitivas) possibilitou um estudo relacional da atividade projetual em termos das ações cognitivas primitivas adotadas pelos sujeitos nas duas mídias

Processos cognitivos que operam na configuração de narrativas: uma pesquisa exploratória dos fenômenos que subjazem à compreensão de textos

Oliveira, Giezi Alves de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem; Linguística Aplicada; Literatura Comparada Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem; Linguística Aplicada; Literatura Comparada
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.32%
This paper investigates the cognitive processes that operate in understanding narratives in this case, the novel Macunaíma, by Mário de Andrade. Our work belongs to the field of Embodied-based Cognitive Linguistics and, due to its interdisciplinary nature, it dialogues with theoretical and methodological frameworks of Psycholinguistics, Cognitive Psychology and Neurosciences. Therefore, we adopt an exploratory research design, recall and cloze tests, adapted, with postgraduation students, all native speakers of Brazilian Portuguese. The choice of Macunaíma as the novel and initial motivation for this proposal is due to the fact it is a fantastic narrative, which consists of events, circumstances and characters that are clearly distant types from what is experienced in everyday life. Thus, the novel provides adequate data to investigate the configuration of meaning, within an understanding-based model. We, therefore, seek, to answer questions that are still, generally, scarcely explored in the field of Cognitive Linguistics, such as to what extent is the activation of mental models (schemas and frames) related to the process of understanding narratives? How are we able to build sense even when words or phrases are not part of our linguistic repertoire? Why do we get emotionally involved when reading a text...

Modelos Neurais de Consciência: uma Análise Neurofilosófica

Sousa,Carlos Eduardo B. de
Fonte: Universidade Estadual Paulista, Departamento de Filosofia Publicador: Universidade Estadual Paulista, Departamento de Filosofia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2015 PT
Relevância na Pesquisa
46.22%
Modelos neurocognitivos têm sido propostos para investigar a consciência. O objetivo é responder à pergunta sobre como o cérebro é capaz de produzir estados conscientes qualitativos. Os modelos são representações teóricas baseadas em algumas pesquisas empíricas. Contudo, a questão central, aparentemente trivial para alguns autores, refere-se à representatividade e confiabilidade dos modelos, i.e., saber se são capazes de explicar como a consciência emerge de processos neurais. Esses modelos são considerados como guia no estudo científico da consciência: os modelos cognitivos de Dennett (Multiple Draft) e Baars (Global Workspace), os modelos neurobiológicos de Edelman (Dynamic Core), Dehaene et al. (Global Neuronal), de Damásio (Somatic Markers Hypothesis), e o modelo neurodinâmico (Neurodynamic Model) proposto por Freeman. O presente texto visa a analisar a coerência e a plausibilidade dos modelos, i.e., se realmente explicam a “consciência” e suas propriedades em termos neurais ou se explicam apenas mecanismos neurobiológicos subjacentes no cérebro. O objetivo é avaliar escopo e limites dos modelos além da aplicabilidade na resolução do problema da consciência.

Modelos cognitivos da tonalidade

Martingo, Ângelo
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Educação do Porto. Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Educação do Porto.
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2004 POR
Relevância na Pesquisa
46.22%
São apresentados os modelos cognitivos da tonalidade desenvolvidos por Shepard (1964; 1982a), Longuet- Higgins (1987), Lerdahl (1988; 2001), e Krumhansl (1983; 1990), com particular incidência no modelo de Lerdahl. Um breve exame comparativo evidencia as potencialidades deste último como instrumento de investigação no âmbito dos estudos de performance bem como na área da percepção. Palavras-chave: Percepção; Tonalidade; Lerdahl; Longuet-Higgins; Krumhansl; Shepard.

O uso de modelos cognitivos na previsão da eficácia da publicidade: Um estudo comparativo

Baptista, Miguel A.
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //1992 POR
Relevância na Pesquisa
46.29%
O artigo contém a apresentação e comparação experimental de dois modelos cognitivos aplicáveis ao contexto publicitário. Os modelos em questão são o modelo de elaboração provável (F'etty & Cacioppo, 1981) e o modelo da Tríade (Poiesz, 1989). Ambos indicam as condições necessárias para que uma mensagem publicitária seja eficaz. Finalmente é descrito o experimento e são discutidas as suas implicações metodológicas e práticas. Com as operacionalizações usadas o modelo de elaboração provável conseguiu melhores índices de previsão. A conclusão principal é que o modelo da Tríade necessita operacionalizações radicalmente diferentes. ------ ABSTRACT ----- This article contains a presenbtion and expenmen.. tal comparison of two models in advertising context. The models in question are the Elaboration Likeli-. hood Model (E.L.M.) (Petty e Cacioppo, 1981) and the ?fiad-model (Poiesz, 1989). Both models are. cognitive in nature and give conditions under which processing of (advertising) information will occur. Finally the experiment is described and its pratica1 and methodological implications are discussed. With the used operationalizations, the E.L.M. achieved higher scores of prediction of advertisement-effectiveness than the Triad-model. The main conclusion is that the Triad model need radically different operationalizations to show a11 its virtues.

Modelación de procesos cognitivos con aplicaciones en educación matemática

Jiménez Gajardo, Abelino Enrique
Fonte: Universidad de Chile Publicador: Universidad de Chile
Tipo: Tesis
ES
Relevância na Pesquisa
36.38%
Ingeniero Civil Matemático; Esta memoria fue concebida con el intento de ser un aporte a la Educación desde la Modelación Matemática de Procesos Cognitivos. En el Capítulo 1, se hace un recorrido por los principales aspectos de la Cognición Matemática y el Sentido Numérico, analizando el porqué de su importancia y los distintos enfoques para su estudio. El Capítulo 2 trata del problema de Representación de Estímulos y cómo medir su grado de similaridad. Junto con mostrar resultados clásicos de Psicofísica, se analizan los dos modelos de representación numérica más conocidos; el modelo de escala comprimida y el modelo lineal con variabilidad escalar. Se demuestra que ambos modelos pertenecen a una familia más general de representaciones que cumplen con las mismas propiedades fundamentales. Además, se describe una situación experimental en donde los modelos hacen predicciones distintas. En el Capítulo 3 se trabaja el problema de estimación de cantidades, esto es, frente a un determinado estímulo numérico no simbólico, por ejemplo, nubes de puntos, secuencias de tonos, etc. se pide estimar la numerosidad del estímulo. Para ello se propone y estudian dos modelos para explicar dicho fenómeno. Para uno de estos modelos...

La opinión pública interior en un sindicato histórico de clase : paradojas de la reminiscencia y modelos cognitivos

Fermín Bouza
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Article; info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em //1998 SPA
Relevância na Pesquisa
56.39%
La definición de la situación en el interior del sindicato es un hecho colectivo, que tiene, sin embargo, un núcleo más activo en los sectores más próximos al centro (cargos sindicales y delegados afiliados). Esa definición se hace desde unos hábitos cognitivos históricos enmarcados en toda una cultura sindical que toma la forma de ideología (postulados sistemáticos) en los escritos de la organización y genera una opinión pública interior. Cambiar o no esa cultura es un vasto problema estratégico cuyo alcance desborda este ámbito analítico.; The definition of a situation inside a labour union is a collective fact which has, however, a more active nucleus close to the central sectors (hierarchy, member delegates). This definition is reached through historical cognitive habits which are inside every labour unions culture and gives rise to an ideology (sistematic postulates) in the organization writings and produces an internal public opinion. To modify or not modify that culture is a broad strategic question which is outside this analysis.

Juízos e valores morais: a perspectiva de investigação dos modelos organizadores do pensamento; Juicios y valores morales: perspectiva de investigación de los modelos organizadores del pensamiento; Moral judgment and values: an investigation perspective of organizing models of thinking

Vasconcelos, Mário Sérgio; Arantes, Valéria Amorin; Souza, Leonardo Lemos de; Trevisol, Maria Teresa Ceron; Belloto, Maria Elvira
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2010 POR
Relevância na Pesquisa
36.38%
As ideias propostas neste estudo teórico têm como objetivo ampliar as perspectivas de investigação sobre juízos e valores morais. Após uma reflexão crítica sobre teorias que contribuíram com importantes conceitos no campo da Psicologia Moral, foram feitos alguns apontamentos que nos parecem promissores nessa área, tendo por referencial teórico-metodológico a Teoria dos Modelos Organizadores do Pensamento. Essa teoria procura destacar que apenas os recursos cognitivos operatórios não são suficientes para explicar como o sujeito apreende e julga a realidade. Nessa perspectiva, conclui-se como fundamental o papel dos conteúdos na organização das representações mentais relacionadas aos juízos e valores morais.; Las ideas propuestas en este estudio teórico visan ampliar las perspectivas de investigación sobre juicios y valores morales. Después de reflexionar críticamente sobre teorías que dieron importante contribución conceptual en el campo de la Psicologia Moral, hacemos algunas indicaciones que parecen ventajosas en el área, tomamos como referencial teórico-metodológico la Teoría de los Modelos Organizadores del Pensamiento. Esa teoría busca destacar que no sólo los recursos cognitivos operatorios son suficientes para explicar como el sujeto apreende y juzga la realidad. De esa perspectiva...

O MODELO COGNITIVO IDEALIZADO NO PROCESSAMENTO METAFÓRICO

Sperandio, Natália Elvira
Fonte: DLCV - Língua, Linguística & Literatura Publicador: DLCV - Língua, Linguística & Literatura
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Revisão de Literatura Formato: application/pdf
Publicado em 15/08/2014 POR
Relevância na Pesquisa
46.29%
O presente artigo possui como principal objetivo produzir uma discussão acerca do processo de construção de sentido a partir de sua dimensão cognitiva. Com essa finalidade recorremos à Teoria dos Modelos Cognitivos Idealizados (TMCI), em especial ao modelo metafórico. A partir da discussão teórica e análise desenvolvida observamos que as categorias resultantes do modelo metafórico são construídas de forma indireta; que diferentes modelos, e submodelos, são utilizados em sua estrutura e organização; como também a presença de duas estruturas provenientes do modelo cognitivo de imagem esquemática.

Reformas administrativas y sus marcos cognitivos:Entre el Burocratismo, el Postburocratismo, la responsabilización o la Hibridez

Gómez Cárdenas,Carlos Wladimir
Fonte: Documentos y aportes en administración pública y gestión estatal Publicador: Documentos y aportes en administración pública y gestión estatal
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2011 ES
Relevância na Pesquisa
36.43%
Los actuales procesos de reformas administrativas del Estado en América Latina adquirieron un lugar central en las diferentes esferas políticas, económicas, administrativas y desde luego académicas con la ya famosa vuelta al Estado propuesta por autores centrales de la Ciencia Política y la Administración Pública. En términos generales en los países de la región se han implementado tres tipos o modelos particulares de políticas de reformas administrativas. A saber: Weberianas, Gerenciales y de responsabilización. Estos modelos de reformas respondieron a ciertos diagnósticos, metas y medidas administrativas específicas. Respondieron en últimas a marcos cognitivos diferenciados y contrapuestos que han orientaron la puesta en marcha de estas políticas en la región durante las últimas dos décadas. La tensión o enfrentamiento particular entre estos marcos cognitivos en lugar de una imposición de un marco sobre otro a traído como resultado una suerte de hibridez en la estructura cognitiva que orienta los actuales procesos de reforma administrativa del Estado. Bajo este contexto el presente artículo evidencia no sólo el enfrentamiento o tensión teórica entre estas grandes corrientes o marcos cognitivos del management público...

Modelos conceptuales en medicina psicosomática

Uribe Restrepo,Miguel
Fonte: Revista Colombiana de Psiquiatría Publicador: Revista Colombiana de Psiquiatría
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2006 ES
Relevância na Pesquisa
46.13%
En este trabajo se presentan algunos modelos conceptuales que permiten un acercamiento al campo de la medicina psicosomática. El modelo psicoanalítico ha tenido una influencia histórica, y ha evolucionado a través de conceptos derivados como la alexitimia. La idea básica sigue siendo la dificultad de mentalizar o procesar las emociones, con una descarga somática posterior. Los modelos cognitivos han hecho interesantes aportes recientes, y permiten una exploración conjunta con imágenes funcionales de cerebro. También se discuten los términos de alostasis, el modelo del estrés, la psiconeuroinmunología y la importancia de eventos tempranos en la respuesta posterior del organismo ante situaciones adversas. Finalmente, se destaca el impacto de los aspectos sociales en el estado de salud del individuo.

Procesos básicos en una aproximación cognitivo-conductual a los trastornos de personalidad

Pérez Nieto,Miguel Ángel; González Ordi,Héctor; Redondo,Marta M.ª
Fonte: Clínica y Salud Publicador: Clínica y Salud
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/01/2007 SPA
Relevância na Pesquisa
36.33%
El presente trabajo pretende revisar el protagonismo de procesos psicológicos básicos en la actual conceptualización de los trastornos de personalidad (TTPP), sus modelos explicativos más relevantes y las terapias cognitivo-conductuales centradas en estos trastornos. Para ello se revisará la tendencia actual a una aproximación más dimensional que categorial a los TTPP señalando la mayor relevancia implícita que en esa perspectiva tendrán los procesos psicológicos básicos. Para revisar el protagonismo de estos procesos se presentarán distintos modelos teóricos: el modelo de los siete factores, la aproximación desde el modelo de los cinco grandes, el modelo biosocial, y aproximación desde los modelos cognitivos. También se presentarán los principios de las dos terapias cognitivo-conductuales propias de los TTPP. Una vez presentado el estado actual de la cuestión se revisa el papel de la percepción, la atención, la memoria, el aprendizaje, la emoción y la impulsividad y su afrontamiento y regulación en la los modelos y terapias cognito-conductuales presentados, discutiendo sobre la necesidad de darles mayor protagonismo.