Página 1 dos resultados de 130 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Sistemas técnicos e usos do território: o caso da rede brasileira de socioeconomia solidária; Technical systems and uses of territory: the case of "Rede Brasileira de Socioeconomia Solidária"

Costa, Janete Jacques da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/10/2006 PT
Relevância na Pesquisa
27.16%
O trabalho aborda a questão dos diferentes usos que o mesmo território pode ter, especialmente em metrópoles como o Rio de Janeiro e São Paulo. Através da formação de um movimento social que utiliza as técnicas contemporâneas para reunir, numa rede social, cooperativas que são uma alternativa de trabalho e renda para trabalhadores antes desempregados ou subempregados. São atores sociais não hegemônicos que propõem um novo uso para sistemas técnicos criados para atender aos interesses de atores hegemônicos. Esses trabalhadores criam uma nova forma de gestão,propondouma globalização a partir do local. Unidos por uma outra globalização, mais humana e solidária.; This research deals with the question of different uses that the same territory might have, specially in metropolises such as Rio de Janeiro and São Paulo. Through the formation of a social movement which uses contemporary techniques to gather, in a social network, cooperatives which are an alternative of work and income for workers who were unemployed or subemployed. Nonhegemonic social actors who propose a new use for technical systems created to meet the interests of hegemonic actors. They create a new kind of administration, proposing the globalization of the place from local. United by another globalization...

Configurações do vazio: arquitetura e não-lugar; Configurations of the void: architecture and no-place

Pratschke, Anja
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/09/1996 PT
Relevância na Pesquisa
17.16%
Encontramos-nos em um momento histórico que privilegia a rediscussão de certos conceitos referentes a diversas áreas do conhecimento, indo da arte à biologia, da filosofia à matemática, passando pela arquitetura. Entre estas diversas questões atuais, este trabalho escolhe a do vazio como assunto central, tratado em duas instâncias: uma, as suas configurações urbanas; a outra, seu papel como elemento conceitual na arquitetura contemporânea. Escolhendo projetos de arquitetura que incluem tais questionamentos entre suas preocupações centrais, quer-se evidenciar a relação de interdependência e de enriquecimento mútuo entre dois tipos de vazio: os resultantes da dinâmica urbana tipicamente metropolitana, e aqueles concebidos no processo projetual de arquitetura. Através de cinco projetos, assinados por cinco arquitetos contemporâneos em quatro diferentes metrópoles, mostra-se o papel específico de cada um destes vazios. Além disso, a primeira parte aborda a questão da memória e da temporalidade, em São Paulo. A segunda parte trata do fim da história única, em Berlim, segundo a definição hegeliana. Finalmente, a terceira parte, relativa às cidades japonesas de Osaka e Tokyo, procura discutir a concepção japonesa do vazio...

Dinâmicas econômicas e transformações espaciais: a metrópole de Belém e as cidades médias da Amazônia Oriental - Marabá (PA) e Macapá (AC); Economical dynamics and spatial transformations: the Belem metropolis and the medium sized cities of oriental Amazon - Maraba (PA) and Macapa (AP).

Amaral, Márcio Douglas Brito
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 21/03/2011 PT
Relevância na Pesquisa
17.16%
Esta pesquisa tem como objetivo central contribuir para o conhecimento da relação entre metrópole e cidade média a partir da análise das transformações recentes na relação estabelecida entre a metrópole de Belém e as cidades médias da Amazônia oriental Marabá (sudeste do Pará) e Macapá (capital do Estado do Amapá). Diferentes autores e instituições vêm se dedicando nos últimos anos ao entendimento dessa transformação na relação de Belém com as cidades da região amazônica. A principal hipótese por eles defendida é a de que Belém tem perdido importância regional e, em alguns casos, tem seu papel de metrópole questionado, seja pelo crescimento de metrópoles regionais, como Manaus e São Luís, seja pela maior presença de metrópoles extra-regionais, como Goiânia, Brasília e São Paulo, em espaços antes comandados hegemonicamente por Belém. Nesta tese, busca-se sustentar que o fundamento da hipótese desses autores e instituições e do seu esquema argumentativo é de base piramidal e se baseia numa visão métrica dos territórios. Procura-se argumentar que houve uma mudança na relação estabelecida entre a metrópole de Belém e as cidades médias da Amazônia oriental, principalmente em função da forma difusa com que os investimentos públicos e privados foram realizados na região...

Gestão integrada de políticas públicas relacionadas às mudanças climáticas na região metropolitana de São Paulo; Integrated Management of Public Policies Related to Climate Change in the Metropolitan Region of São Paulo

Campos, Paula Prado de Sousa
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/12/2014 PT
Relevância na Pesquisa
17.16%
O planejamento e a gestão de políticas públicas aplicadas às mudanças climáticas exigem por parte de diferentes atores mediados pelo Estado, adoção de estratégias de adaptação e mitigação. Estas políticas envolvem setores distintos e precisam ser capazes de interferir e corrigir a evolução das atividades de uso/ocupação/transformação do solo urbano de forma que as atividades favoreçam o equilíbrio entre as dimensões ambientais, econômicas e sociais nas metrópoles. O desafio de associar as políticas climáticas e urbanas passa pela complexidade dos diálogos federativos nas metrópoles brasileiras. Estes aspectos da gestão e planejamento de políticas a nível inter federativo atuam no sentido de dificultar a gestão integrada e a realização dos objetivos das políticas com impacto na questão climática. Admitindo a relevância da legislação como elemento estruturador do processo de implementação de políticas públicas, o presente estudo tem por objetivo identificar, no texto das políticas urbana e climática de alguns municípios integrantes da Região Metropolitana de São Paulo, assim como na legislação correspondente do Estado de São Paulo e da União, elementos de articulação e integração para a superação dos desafios apontados. Para isso foi utilizada pesquisa documental e técnica de análise de conteúdo partindo de quadro de categorias teóricas...

Reestruturação produtiva e imigração laboral nas indústrias de confecção metropolitanas: uma perspectiva comparativa entre São Paulo e Nova Iorque

Coutinho, Beatriz Isola
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 139 f. : mapas.
POR
Relevância na Pesquisa
17.16%
Pós-graduação em Ciências Sociais - FCLAR; O massivo deslocamento de trabalhadores por entre as fronteiras nacionais coloca a questão imigratória como tema fundamental ao atual conflito entre capital e trabalho. A presente dissertação estuda a relação entre a imigração laboral e a indústria de confecção na cidade de São Paulo e na cidade de Nova Iorque, no contexto da reestruturação produtiva do capitalismo. A partir de 1980, surgiram nessas metrópoles pequenas fábricas de vestuário marcadas pela presença de trabalhadores estrangeiros e por condições precarizadas de trabalho. Por meio de uma perspectiva comparativa entre as imigrações históricas e as contemporâneas envolvidas no setor têxtil-vestuário de ambas as metrópoles, pretende-se demonstrar a importância dos significados que a migração internacional imprimiu sobre a indústria de confecção. Tal reconhecimento implica na aquiescência de que a subcontratação de trabalhadores estrangeiros repousa em um vínculo privilegiado entre os imigrantes e a indústria da moda. Ademais, as fábricas de trabalhadores imigrantes mostram-se como locais privilegiados para a observação de uma classe de trabalhadores transnacionais que constrói suas trajetórias de mobilidade social ascendente fora de suas pátrias-mães...

Geografia e consumo: dinâmicas sociais e a produção do espaço urbano

Ortigoza, Silvia Aparecida Guarnieri
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Outros Formato: 283 f. : il., tabs., figs., quadros
POR
Relevância na Pesquisa
17.16%
As reflexões elaboradas nesta pesquisa se preocuparam em abordar o consumo como categoria de análise geográfica e, por meio de seu entendimento, compreender os principais impactos na produção do espaço urbano, na atualidade. Observadas as metrópoles de São Paulo, Lisboa, Seoul e Dubai, construiu-se um pensamento que considera a metrópole como espaço-sedutor. Nesta investigação, elaborou-se uma leitura das paisagens do consumo nas referidas metrópoles e várias foram as contradições encontradas nas relações de consumo e na produção do espaço urbano, e para debatê-las foi essencial o uso do método dialético. O reconhecimento das articulações entre a produção, a circulação, o comércio e o consumo, dentro do processo de generalização da mercadoria, também ganhou importância neste estudo. Ao final da pesquisa procurou-se abordar o consumo como dimensão social da questão ambiental, e assim outros conflitos foram apontados, entre eles a existência de uma geografia da felicidade paradoxal e a emergente necessidade de se minimizarem os impactos ambientais do consumo; The reflections elaborated in this research concerned about approaching the consumption as an analysis of geographical category and, through its understanding...

Estratégias de reprodução social em áreas periurbanas : os produtores de vinho artesanal comercial em Jundiaí; Social reproduction strategies in periurban areas : the producers of commercial artisanal in Jundiaí

Malimiria Norico Otani
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/02/2010 PT
Relevância na Pesquisa
17.16%
Transformações recentes que envolvem a produção de uva e vinho em São Paulo vêm estimulando uma articulação dos produtores para formulação de políticas públicas que promovam a revitalização da vitivinicultura no estado. Um dos problemas identificados foi a falta de informações consolidadas, de onde decorre a necessidade de um diagnóstico sócioeconômico e produtivo do setor. Buscando preencher parte desta lacuna, esta pesquisa teve como principal objetivo traçar o perfil dos vitivinicultores artesanais de Jundiaí e definir uma tipologia, além de avaliar as perspectivas de sua continuidade como atividade importante para a reprodução social destes agricultores familiares. Por localizarem-se próximos às duas maiores metrópoles de São Paulo, os agricultores familiares de Jundiaí estão estabelecidos em área de forte transformação do setor rural, com múltiplas formas de ocupação, característica de conformações de espaço periurbano. Além da produção, a propriedade rural é também área de moradia, condição esta facilitada pela infra-estrutura disponível na região. A proximidade às metrópoles favorece a inserção ao mercado de trabalho regional e a comercialização dos produtos - agrícolas e não-agrícolas - elaborados pelos produtores. As gerações mais jovens...

A interferência das torres e antenas de telefonia celular no território das regiões metropolitanas

Tofeti, Alexandre Resende
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
17.47%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Geografia, 2007.; A partir dos anos 1990 observa-se na paisagem das grandes metrópoles a multiplicação de torres e antenas de telefonia celular. Embora em décadas anteriores já existissem torres de rádio e de telefone fixo, essas não eram objetos constantes na paisagem. Tal constância significa, segundo Milton Santos, uma “tecnificação da paisagem” que faz parte do período por ele denominado de “técnico-científico-informacional”. O celular é, atualmente, um objeto básico da vida cotidiana. Sua popularização remete não mais a um símbolo de status de uma determinada classe social e sim a uma necessidade dos vários segmentos da sociedade como um todo. Uma das conseqüências da crescente demanda pelo celular, principalmente nas metrópoles, é o aumento do número de torres e antenas. Sua presença no meio geográfico interfere no território, pois a torre e a antena dotam o espaço de um tipo de radiação (não-ionizante) que amplia a mobilidade e a troca de informações. Em outras palavras, considera-se que a tríade torre-antena-celular pertence a um sistema de objetos e ações de telefonia móvel que interfere na dinâmica do território. O objetivo desta pesquisa é analisar as transformações espaciais que a implantação de torres e antenas provoca nos territórios metropolitanos...

Arranjo institucional, articulação governamental, gestão de recursos financeiros e planejamento na governança metropolitana : a referência de Montreal e a experiência brasileira

Eghrari, Susan
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
17.16%
As forças globalizadoras, a intensa urbanização e os fluxos de informação, mercados e pessoas atuam dinamicamente na formação de grandes aglomerados de cidades interligadas, constituindo metrópoles. Em conjuntos metropolitanos de diferentes continentes, a amplitude de problemas e a necessidade de serviços de interesse comum requerem formas complexas de gerenciamento. No Brasil, uma fase desenvolvimentista definiu inicialmente nove regiões metropolitanas e representou décadas de institucionalização centralizada. Mesmo diante de processos estabelecidos de planejamento e disponibilidade de recursos, essas áreas apresentaram dificuldades crescentes. Uma fase de redemocratização estabeleceu tendências a um aumento das entidades metropolitanas, em um quadro de descentralização, descrédito do planejamento centralizado e reduzido apoio financeiro. Uma fase mais recente, neodesenvolvimentista, encontra mais de 50 regiões metropolitanas e mostra tendências a uma descentralização e a diferentes tipos de gestão, sem contar com recursos suficientes para enfrentar problemas que se propagam. Um dos pressupostos da análise é que o percurso histórico e o contexto socioeconômico e político influenciam na construção de distintas formas de enfrentamento das questões metropolitanas. Considera-se ainda que o agenciamento desses processos relaciona-se ao que tem sido chamado de governança - um conjunto de condições que permitiriam não apenas a formulação de projetos comuns como também sua implementação. Uma aproximação sobre a região metropolitana de Montreal explora quatro critérios que expressariam condições básicas de governança: 1) arranjo institucional e marcos regulatórios; 2) articulação e coordenação das esferas de ação governamental; 3) gestão de recursos financeiros; 4) formas de planejamento e concertação. Considerando os avanços e limitações observados...

Drinking Patterns and the Association between Socio-Demographic Factors and Adolescents’ Alcohol Use in Three Metropolises in China

Lu, Shijun; Du, Songming; Hu, Xiaoqi; Zou, Shurong; Liu, Weijia; Ba, Lei; Ma, Guansheng
Fonte: MDPI Publicador: MDPI
Tipo: Artigo de Revista Científica
EN
Relevância na Pesquisa
27.47%
The current study was designed to investigate the drinking patterns and association between socio-demographic factors and adolescents’ alcohol use among high school students from China’s three metropolises, Beijing, Shanghai, and Guangzhou. Using a self-administered questionnaire, we conducted a cross-sectional survey among 13,811 high school students from 136 schools between May and June 2013. A two-stage stratified sampling method was used for subject selection. The prevalence of lifetime drinking was 52.5%; in addition, 38.5% of the students were past-year drinkers, while 20.1% of them had consumed alcohol in the past 30 days. During the past year, 29.7% of the students reported that they drank once per month or less, and 22.0% of the students drank less than one standard drink (SD) per occasion. For the students who were not living with their mothers, as well as the students in higher socioeconomic status (SES), the adjusted odds of past and current drinking were significantly higher, compared with those who lived with both parents and low SES. Due to the high prevalence of alcohol consumption among junior and senior high school students in metropolises, attention should be paid by parents, school administrators, educational and public health agencies for making efforts collectively to reduce alcohol availability and drinking among adolescents.

Fronteiras de papel: uma an?lise da perspectiva metropolitana em planos diretores da Regi?o Metropolitana de Bel?m

SANTOS, Tiago Veloso dos
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
17.66%
Na atualidade do processo de urbaniza??o no Brasil, a quest?o metropolitana emerge como fundamental para o entendimento da urbaniza??o da sociedade e do territ?rio nacional. A import?ncia das metr?poles revela uma face importante da din?mica s?cio-espacial brasileira: a concentra??o da malha urbana em pouco mais de uma dezena de epicentros nacionais e regionais. Diante desta realidade, um dos temas mais complexos no ?mbito das metr?poles ? a gest?o metropolitana, e tal debate permeia boa parte das discuss?es sobre o tema, sejam elas de ordem econ?mica, social, urban?stica ou jur?dica. Considerando-se a estrutura institucional da Constitui??o de 1988, os mecanismos e instrumentos de regula??o urbana em n?vel nacional afirmam o munic?pio como base territorial das pol?ticas urbanas, refletindo-se no estabelecimento do Plano Diretor como instrumento de pol?tica urbana obrigat?rio em ?mbito municipal. Tal op??o das pol?ticas de planejamento e gest?o acaba se traduzindo em conflito direto com a realidade urbana brasileira, visto que as metr?poles constituem vetor essencial da expans?o da malha urbana. Com base nessas premissas, aprofunda-se o tema do planejamento metropolitano a partir da an?lise dos planos diretores de munic?pios que comp?em uma das metr?poles brasileiras...

Scale Economies and Cities

Gill, Indermit S.; Goh, Chor-Ching
Fonte: World Bank Publicador: World Bank
Tipo: Artigo de Revista Científica
Relevância na Pesquisa
17.16%
This paper summarizes the policy-relevant insights of a generation of research on scale economies. Scale economies in production are of three types: internal economies associated with large plants, localization economies that come from sharing of inputs and infrastructure and from greater competition among firms, and urbanization economies that are generated through diversity and knowledge spillovers. The benefits (and costs) of localization and urbanization are together called “external (dis) economies” because they arise due to factors outside any single household, farm or firm. The empirical literature yields some stylized facts. Internal scale economies are low in light industries and high in heavy industries. External scale economies are amplified by economic density and dissipate with distance from places where economic activity is concentrated. Scale economies are most visibly manifest in towns and cities. To simplify somewhat, towns allow firms and farms to exploit internal scale economies, medium-sized cities help firms in an industry exploit localization economies, and large cities and metropolises provide urbanization economies to those who locate within or nearby. Scale economies have implications for policy makers. The first is that because urban settlements rise and thrive because market agents demand their services...

Juventude e vulnerabilidade social :no contexto intra-urbano de Natal, RN

Silva, Algéria Varela da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
17.16%
The use of the term social vulnerability in the study of the reproduction of the social inequalities in Brazil, still, is recent. The social vulnerability is linked to the indicators of social risk. The work approaches the youth's social vulnerability and your relationship with the education, considering the youth a, among other groups socially excluded, vulnerable, in the Brazilian metropolises. It is guided by the methodological theoretical formulations on this thematic one developed by the Rede Metrópoles in the ambit of the project, " Observatory of the Metropolises: territory, social cohesion and democratic governability ( Project Millennium CNPq) and your unfoldings in the Natal group. Empirically, forehead a methodological proposal - still in construction - and it accomplishes a " pilot " study for the city of Natal with base in the data of the Census of IBGE 2000, that proposes mensurar the importance of the social characteristics of the neighborhood on the considered youths' educational acting those that are in the strip from 15 to 24 years. It considers that the youths' educational " earnings as being influenced not only for the social context of the family, also, for your space location in the city - social context of the neighborhood. With base in the results can verify that the youths of the city of Natal present situations of social vulnerability so much in the ambit of the family as expresses in the social space of the neighborhood. Such vulnerability are verified in the low educational indexes...

Swell : a proposition for coastal metropolises in the age of rising seas and distributed centralization; Proposition for coastal metropolises in the age of rising seas and distributed centralization

Dorsey, Talia (Talia H.)
Fonte: Massachusetts Institute of Technology Publicador: Massachusetts Institute of Technology
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 83 p.; 60457448 bytes; 60457273 bytes; application/pdf; application/pdf
ENG
Relevância na Pesquisa
27.47%
Premised upon the certain realities of the rise of urban sprawl, globalized dynamic networks, and sea levels, this thesis seeks to question these forces and mobilize the inherent potentials that lie within their intersections. Is contemporary urban form appropriate to contemporary urban culture? Do developing trends within network dynamics offer new potentials for spatial form? Does the forecasted flooding of coastal metropolises offer new grounds for such speculations? How might design begin to actively operate within such a scenario? Aligned within a tradition of visionary conceptions rooted in such considerations, this thesis project is a synthetic proposition of a new urban paradigm for dynamic water-based expansion -- one driven by and resulting from the particularities of its contemporary cultural position.; by Talia Dorsey.; Thesis (M. Arch.)--Massachusetts Institute of Technology, Dept. of Architecture, 2006.; This electronic version was submitted by the student author. The certified thesis is available in the Institute Archives and Special Collections.; Includes bibliographical references (p. 81-83).

Physical Health and Cognitive Function Independently Contributed to Functional Disability among Chinese Older Adults: Data from Two Asian Metropolises

Feng, Lei; Ng, Tze-Pin; He, Yanling; Li, Chunbo; Kua, Ee-Heok; Zhang, Mingyuan
Fonte: SAGE-Hindawi Access to Research Publicador: SAGE-Hindawi Access to Research
Tipo: Artigo de Revista Científica
EN
Relevância na Pesquisa
27.16%
Objective. We aimed to examine the independent contributions of physical health and cognitive function to disability among Chinese older adults living in two Asian metropolises and explore the potential influences of environment. Design and Participants. Cross-sectional analysis based on data from two population-based studies: the Shanghai Survey of Alzheimer's Disease and Dementia (n = 4639) and the Singapore Longitudinal Ageing Study (n = 2397). Disability was defined as needing help in at least one activity of daily living. Results. The prevalence of functional disability was higher in Shanghai sample (5%) than that in Singapore sample (1.8%). Number of chronic diseases, self-rated health status, cognitive function (measured by the Mini-Mental State Examination), and environment (Singapore versus Shanghai) significantly contributed to functional disability independent of each other. The adjusted Odds Ratio was 1.35 (95%CI 1.22–1.50), 2.85 (95% CI 2.36–3.43), 0.89 (95% CI 0.85–0.94), and 0.68 (95% CI 0.48–0.96), respectively. The strength of associations between health variables and disability appeared to be influenced by environment. Conclusion. Physical health and cognitive function independently contributed to functional disability. The associations are modulated by environmental factors.

Are Chinese Dentists Ready for the Computerization of Dentistry? A Population Investigation of China's Metropolises

Hu, Jian; Yu, Hao; Luo, En; Song, Enmin; Xu, Xiangyang; Tan, Hongbao; Wang, Yining
Fonte: American Medical Informatics Association Publicador: American Medical Informatics Association
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2009 EN
Relevância na Pesquisa
27.47%
The authors studied current levels of computerization in dental clinics and the attitudes of dentists towards dental computerization in metropolises in China. A survey consisting of 22 questions was e-mailed or mailed to a random sample of 354 dentists. Of all respondents, 80.5% reported using a computer in their practice. The authors found that administrative tasks were the first to be computerized. A majority of respondents supported the statement that computerization is a benefit to patient care. The authors found that the computerization of dental clinics in Chinese metropolises is a few years behind that of western nations.

Metrópoles desgovernadas; Uncontrolled metropolises

Maricato, Erminia
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Estudos Avançados Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Estudos Avançados
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/04/2011 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
37.47%
Apesar de sua importância econômica, política, social, demográfica, cultural, territorial e ambiental, há, nas metrópoles brasileiras, uma significativa falta de governo, evidenciada pelas incipientes iniciativas de cooperação administrativa intermunicipal e federativa. Este artigo aborda as mudanças estruturais - no processo de urbanização/ metropolização - devidas à reestruturação produtiva do capitalismo global, e, na escala nacional, trata da mudança no marco institucional - jurídico/político - que passou de concentrador e centralizador, durante o regime militar, para descentralizador e esvaziado, após a Constituição de 1988. O recuo verificado nas políticas sociais durante os anos 1980 e 1990, notadamente em transporte, habitação e saneamento, além do desmonte dos organismos metropolitanos, conduziu nossas metrópoles a um destino de banalização das tragédias urbanas. Em que pese sua urgência, a questão metropolitana não sensibiliza nenhuma força política ou instituição que lhe atribua lugar de destaque na agenda nacional.; Despite its economic, political, social, demographic, cultural, territorial and environmental importance, there is a significant lack of government in the brazilian metropolises...

Metrópolis brasileras: sus desafios urbanos y perspectivas; Brazilian metropolises: their urban challenges and their perspectives

Meyer, Regina Maria Prosperi; Grostein, Marta Dora
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2006 POR
Relevância na Pesquisa
27.89%
Este artigo aborda as metrópoles brasileiras do ponto de vista de suas questões urbanas e procura indicar suas potencialidades. A análise considera que, apesar da grande distinção entre as 26 unidades que compõem o quadro metropolitano brasileiro, há um conjunto de dinâmicas de transformação muito semelhante em todas elas. Para entender essas dinâmicas o artigo procura focalizar as alterações incorporadas no próprio processo de metropolização, as quais estão adquirindo características novas, tanto nas áreas mais centrais e consolidadas quanto nos novos arranjos espaciais nas escalas interurbanas e regionais. O artigo sublinha que ao longo das duas últimas décadas do século 20, as metrópoles brasileiras aprofundaram o duplo papel de agentes e arenas do processo de transformação socioeconômica, política e territorial vivido pelas regiões onde se localizam. Visto como uma grande riqueza da nação, seu quadro urbano metropolitano tem o potencial de criar, no território, o funcionamento de uma rede urbana metropolitana coesa e conectada. Rede a qual nascerá de trocas mais intensas e permanentes em diversos níveis, desde os culturais até os econômicos. O artigo aponta ser necessário traçar uma política metropolitana para o território nacional baseada no fortalecimento dos sistemas de grandes infra-estruturas...

Da relevância pública dos espaços livres um estudo sobre metrópoles e capitais brasileiras; About Public Importance of the Open Spaces the Case of Brazilian Metropolises and Brazilian Capitals

Queiroga, Eugenio Fernandes
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Estudos Brasileiros Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Estudos Brasileiros
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 26/06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.66%
Os espaços livres possuem enorme importância para as cidades – em que pese serem frequentemente mal tratados pelos agentes públicos e privados – sejam como espaços do cotidiano, como lugar de convivência nas mais diversas escalas, como lócus preferencial das manifestações políticas e de tantas outras práticas sociais. Os espaços livres, privados ou públicos, são os principais elementos capazes de prestar serviços ambientais no meio urbano. Discorre-se aqui sobre a relevância pública dos espaços livres de capitais e metrópoles brasileiras na contemporaneidade. Apresentam-se conceitos que não apenas permitam melhor compreensão do tema, mas que também podem ser úteis para a produção de políticas públicas efetivamente interessadas na melhoria da qualidade do espaço urbano de cidades e metrópoles brasileiras.; The open spaces have enormous importance for cities – even though they are often treated badly by public and private actors – they are spaces of everyday life, places of coexistence in several scales, preferred locus of political demonstrations and many other social practices. Open spaces, private or public, are the main elements that can provide environmental services in urban areas. It discusses the public importance of open spaces of Brazilian capitals and Brazilian metropolises nowadays. The paper presents concepts that not only allow better understanding of the subject and may be useful for the production of public policies really interested in improving the quality of urban spaces in cities and metropolises in Brazil.

Deficits JUVENIS OU Deficit DE LUGARES? O DESEMPREGO E A OCUPAÇÃO DOS JOVENS NOS MERCADOS DE TRABALHO DAS METRÓPOLES DO NORDESTE E DO SUDESTE; DEFICIT OF THE YOUTHS OR DEFICIT OF JOBS? UNEMPLOYMENT AND EMPLOYMENT OPPORTUNITIES FOR YOUTHS IN THE LABOUR MARKET OF THE NORTHEASTERN AND SOUTHEASTERN METROPOLISES

Borges, Ângela Maria Carvalho
Fonte: Revista da ABET Publicador: Revista da ABET
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 20/12/2008 POR
Relevância na Pesquisa
27.16%
O estudo analisa os padrões de incorporação dos jovens entre 18 e 29 anos nos mercados de trabalho metropolitanos do Nordeste e do Sudeste, com ênfase no grau de exposição destes trabalhadores ao desemprego e ao trabalho precário e levando em conta as dimensões de idade, gênero e escolaridade e renda domiciliar. Baseada em dados da PNAD, a análise problematiza algumas abordagens amplamente disseminadas sobre a relação juventude e trabalho no Brasil contemporâneo.; This paper analysis the insertion patterns of youths aged 18 to 29 years into the labor markets of the Northeastern and Southeastern metropolises, with emphasis on the degree of unemployment and precarious labor typical of this workforce. The investigation, based on PNAD (National House Survey) 1995 and 2005, takes into consideration issues of age, gender, schooling and family income. The results are discussed critically related with approaches that are broadly disseminated in specialized literature on youth and labor relationship in contemporary Brazil.