Página 1 dos resultados de 24888 itens digitais encontrados em 0.014 segundos
Resultados filtrados por Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Memória Social e Patrimônio Cultural; Progama de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural; UFPel; BR

Fotografia e memória: o acervo Inah Emil Martensen nas décadas 1940-1950; Fotografia e memória: o acervo Inah Emil Martensen nas décadas 1940-1950

MACALOSSI, ângela Marina
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Memória Social e Patrimônio Cultural; Progama de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Memória Social e Patrimônio Cultural; Progama de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.51%
The research presented here concerns the matters ofanalysis and reading of pictures of a group of 26 artists whose artwork belong to the Municipal Photographic Library Ricardo Giovannini, at the city of Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brazil. The pictures are part of the Inah Emil Martensen's Collection. The name of the collection is a tribute to one of the most distinguished persons of the cultural scene in Rio Grande at the 19th century. We will explain more about her relevance in this study. According to oral reports, we can infer that Inah Emil Martensen was a very important and activeperson in the artistic and cultural life of Rio Grande. Inah Emil Martensen acted as artist, influent woman, teacher, manager and event promoter. It was becauseof her relevance for the community that the Municipal Center of Culture was named after her, it is now called Municipal Center of Culture Inah Emil Martensen. In addition of a brief incursion into the universe of this emblematic figure in the history of Rio Grande, this research will examine more specifically the pictures of the 26 artists who were likely exhibiting in this municipality between 1940 and 1950. The photographs made this collection, once unknown,recognized and prominent among the community and the researchers. This study is about the subject of reading historical photographs...

O revelar da memória: as ações sociais e culturais do Movimento Circulista em Pelotas/RS; O revelar da memória: as ações sociais e culturais do Movimento Circulista em Pelotas/RS; O revelar da memória: as ações sociais e culturais do Movimento Circulista em Pelotas/RS; O revelar da memória: as ações sociais e culturais do Movimento Circulista em Pelotas/RS

SOUZA, Janaína Timm de
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Memória Social e Patrimônio Cultural; Progama de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Memória Social e Patrimônio Cultural; Progama de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.58%
This dissertation deals with the Pelotense Workers' Circle founded in 1932. The main objective of this research is to verify, through the process of rememorization, how the social and cultural activities contributed to the realization of the circulism. For this analysis, is used as reference the Pelotense Workers' Circle, for being the pioneer in circulist motion. Recording time was defined as the 1930 s and 1940 s. The study is the collection of primary sources, mostly the work of unpublished research. And this work is oriented from the theoretical concepts of memory, Jacques Le Goff, Michael Pollak and Paul Ricoeur, and its relation to social context; A presente dissertação trata do Círculo Operário Pelotense fundado em 1932. O objetivo central dessa pesquisa é verificar, através do processo de rememorização, de que forma as atividades sociais e culturais contribuíram para a efetivação do circulismo. Para tal análise, é utilizada como referência o Círculo Operário Pelotense, por ser o pioneiro no movimento circulista. Como registro temporal foi delimitado as décadas de 1930 e 1940. O estudo parte do levantamento de fontes primárias, em sua grande maioria inédita aos trabalhos de pesquisa. E este trabalho se orienta a partir do referencial teórico dos conceitos de memória...

Inventário para a Memória da Indústria Gráfica em Pelotas-RS 1920; Inventário para a Memória da Indústria Gráfica em Pelotas-RS 1920

LESCHKO, Nadia Miranda
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Memória Social e Patrimônio Cultural; Progama de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Memória Social e Patrimônio Cultural; Progama de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.58%
This paper aims to contribute to the formation of a graphics memory to support taking the inventory as a means of printing industry in Pelotas / RS / Brazil in the 1920's, this consisting of companies operating in the merge of graphic designs. Pelotas was chosen as an area of concentration of research in view of its historical background and studies conducted in the area of memory. The focus is temporal bounding the 1920 s on the basis of regional importance that the city obtained as a major producer of culture and information. The research took place at the Pelotas Public Library as source reviewed journals and graphic works produced at the time. The structure of the work consists of the first chapter containing historical charts of the processes, the second chapter contains the methodology, data from field research and inventory summary of the companies operating the decade and the third chapter related data from previous chapters and an analytical inventory of the printing industry in Pelotas - RS; O presente trabalho tem como objetivo colaborar para a constituição de suportes para uma memória gráfica tendo como meio o inventário da indústria gráfica em Pelotas/RS na década de 1920, este composto por empresas que atuavam na impressão em série de projetos gráficos. Pelotas foi escolhida como espaço de concentração da pesquisa tendo em vista sua trajetória histórica e os estudos realizados na área de memória. O foco delimitador temporal é a década de 1920 em função da importância regional que a cidade obteve como pólo produtor de cultura e informação. O local de pesquisa foi a Bibliotheca Pública Pelotense tendo como fontes examinadas os periódicos e peças gráficas produzidas na época. A estrutura do trabalho consiste em primeiro capítulo contendo histórico dos processos gráficos...

A Colônia Francesa de Pelotas e seus Acervos Culturais: Memória, História e Etnia; A Colônia Francesa de Pelotas e seus Acervos Culturais: Memória, História e Etnia

Betemps, Leandro Ramos
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Memória Social e Patrimônio Cultural; Progama de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Memória Social e Patrimônio Cultural; Progama de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.65%
Cette étude historique vise à comprendre les supports de mémoire qui sont formés, sélectionnés et utilisés par un groupe d'individus, descendants de familles françaises qui sont arrivés à la ville de Pelotas, au sud du Rio Grande do Sul en 1880, pour fonder l implantation agricole de Santo Antonio. Ces supports sont de différents types, écrite, visuelle, orales ou des matériaux et forment un fond culturel capable de fournir une compréhension de l'espace, de les relations sociales, des permanences et des ruptures historiques et de l'identité de ce groupe ethnique, dit français. Les supports sont été créé au cours de la trajectoire historique du groupe en tant que les individus cherchaient des stratégies pour la survie économique et pour la reproduction culturelle. Par conséquent, la recherche se concentre sur la relation entre la mémoire sociale et les supports de mémoire de la communauté ethnique. Dans cette recherche, trois familles d origine française, descendants des fondateurs de l implantation agricole, ont été interrogés, dans chaque famille jusqu à quatre générations, ont donné des témoignages. Le choix de ces familles a été par la différence dans leur trajectoire historique qui ont eu. L une est toujours vivant dans à Saint Antoine...