Página 1 dos resultados de 861 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

Avaliação da memória de trabalho em crianças com transtorno do déficit de atenção e hiperatividade; Assessment of working memory in children with attention deficit hyperactivity disorder; Évaluation de la mémoire de travail dans des enfants avec bouleversement du déficit d’attention et hiperatividade; Evaluación de la memoria de trabajo en niños con transtorno de déficit de atención e hiperctividad

MESSINA, Lucinete de Freitas; TIEDEMANN, Klaus Bruno
Fonte: Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo Publicador: Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
46.53%
Esse projeto investigou as habilidades cognitivas da Memória de Trabalho de crianças e adolescentes com o “Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade” (TDAH). Foi aplicado teste TIHC - Teste Infantil de Habilidades Cognitivas informatizado, avaliando principalmente cinco habilidades cognitivas Raciocínio Indutivas (RI), Memória de Armazenamento Auditiva (MAA) e Visual e Memória de Trabalho Auditiva (MTA) e Visual (MTV) usando o modelo de Cattell-Horn-Carroll. O teste foi aplicado em 62 sujeitos sendo 32 com TDAH do Hospital das Clínicas-SEPIA-USP e 30 sujeitos controle “normal” do Ensino Fundamental da rede municipal de 1ª à 8ª séries com idades entre 7 e 15 anos, de ambos os sexos. As análises executadas indicaram a existência de diferenças em diversos aspectos relacionados à memória nos tipos peculiares de crianças com TDAH. Verificou-se que as crianças com TDAH obtiveram bom desempenho nas provas de memória visual em detrimento as provas de memória auditiva. A correlação dos resultados do TIHC verificara que o tempo de reação da prova de memória de armazenamento visual manteve uma correlação significativa com a prova de cálculo.; This research investigated the cognitive abilities and the Working Memory in children and youngsters with Attention-Deficit/Hyperactivity Disorder (ADHD). The results of a computerized test called Infant Cognitive Abilities Test (TIHC)...

Avaliação de estratégias de comunicação e da memória visual na embalagem de alimentos processados dirigidos ao público infantil; Evaluation of communication strategies and visual memory of packaging of processed foods targeted to children

Geraldo, Ana Paula Gines
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/08/2010 PT
Relevância na Pesquisa
56.43%
INTRODUÇÃO. A indústria pode estimular o consumo de grande variedade de alimentos de alta densidade energética por meio do marketing, tendo participação decisiva na formação dos hábitos alimentares das crianças. Pouco se conhece sobre a memória da criança em relação às embalagens de alimentos industrializados dirigidos para esse público. OBJETIVO. Descrever o conteúdo de comunicação das embalagens de salgadinho e biscoito doce recheado utilizado como estratégia de marketing, a memória visual de crianças em relação à embalagem desses produtos e relacioná-las ao estado nutricional, ano escolar, sexo, freqüência de consumo de salgadinho e biscoito recheado e freqüência de ida ao supermercado. MÉTODOS. A avaliação da memória visual foi realizada pela técnica de desenho com 152 alunos matriculados no ensino fundamental I de uma escola da rede privada da cidade de Taubaté, São Paulo. Foram coletados os dados antropométricos e calculado o IMC e dados de freqüência de ida ao supermercado e de freqüência de consumo de salgadinho e bolacha doce recheada. Através dos desenhos foram identificadas as marcas citadas pelos alunos e categorizados os componentes de marketing presentes nas embalagens. Foram calculadas a freqüência de cada componente do desenho e realizado o teste qui-quadrado para analisar a sua relação com as variáveis em estudo. RESULTADOS. Em relação à memória visual das embalagens de salgadinho...

Visuospatial working memory in young adults and in children with learning difficulties; Memória de trabalho visuoespacial em adultos e em crianças com dificuldades de aprendizagem

Garcia, Ricardo Basso
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/04/2013 EN
Relevância na Pesquisa
46.47%
Visuospatial working memory (VSWM) comprises specialised subsystems devoted to storage of visual features and spatial locations. Recently, research has been focused on understanding feature binding in memory and how bound objects are temporarily held in working memory. In the current thesis we have addressed two broad questions: What is the nature of bound visual representations in working memory? Is there a specific deficit in binding in individuals with learning difficulties? In Study 1, young adults were required to recall locations, objects and object-location bindings under visual or spatial concurrent task conditions. A clear double dissociation pattern was observed: movement discrimination mainly disrupted location memory, whereas colour discrimination mainly disrupted object memory. Such selective interference was also observed for object-location memory, suggesting that bound object representations depend on the updating of specific feature information. In Study 2, two groups of children with specific learning disabilities dyslexia and nonverbal learning disability (NLD) were compared to typically developing children in three tasks that required forward and backward recall of locations, colours, and colour-location bindings. Only children with NLD have impairments in memory for locations and colours...

A função executiva de atualização de informações na memória de trabalho para a ordem serial de eventos visuais e espaciais; The executive function of updating information in working memory for the serial order of visual and spatial events

Santana, Jeanny Joana Rodrigues Alves de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/09/2013 PT
Relevância na Pesquisa
56.56%
No modelo dos multicomponentes da memória de trabalho o problema do armazenamento da ordem serial de eventos visuais e espaciais ainda é muito discutido. A literatura sugere que recursos do executivo central (o sistema de controle atencional da memória de trabalho) são utilizados para manter a representação da posição serial dos estímulos visuais e espaciais na memória. Mais precisamente, é proposto que a função executiva de atualização de informações esteja envolvida com este processo. Esta função promoveria a modificação contínua da representação mental conforme a entrada de novas informações no sistema cognitivo. Entretanto, não está esclarecido se ocorre uma dissociação visual e espacial no uso de recursos da função executiva de atualização de informações para o registro da ordem serial. O objetivo do presente estudo foi verificar o envolvimento da função executiva de atualização da informação na memória para a ordem de eventos visuais e espaciais. Os participantes foram estudantes universitários (n = 71) que realizaram as tarefas de memória delineadas segundo o paradigma de tarefas duplas. Neste procedimento as tarefas primárias de memória visual e espacial foram combinadas a tarefas secundárias executivas de tempo de reação de escolha (CRT) e tarefas que exigiam recursos de atualização da informação (tarefa de tempo de reação de escolha para um item anterior CRT-1). Na tarefa CRT o participante deveria julgar dois tons auditivos como sendo de alta ou baixa frequência. Na tarefa CRT-1 esta resposta deveria ser atrasada em um item...

A natureza da representação visual e espacial na memória de trabalho: evidências baseadas na apresentação de informação visual irrelevante; The nature of visual and spatial representation on working memory: evidence based on the presentation of irrelevant visual information

Carrazzoni, Paola Passareli
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/03/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.53%
O termo Memória de Trabalho descreve um sistema de curto prazo envolvido com a manipulação e o armazenamento de informações necessárias para a realização de tarefas cognitivas complexas como a aprendizagem e a compreensão. Neste estudo investigamos os processos de dissociação de características visuais e espaciais na memória de trabalho. Os dois primeiros experimentos tiveram como objetivo avaliar o uso dos flickers cromático e acromático na dissociação de características visuais e espaciais em tarefas de recordação e reconhecimento de sequências. O Experimento 1 indicou que, na tarefa de recordação, a condição visual foi prejudicada pelo flicker cromático, visual, mas não pelo flicker acromático, e nenhum resultado significativo foi encontrado na condição espacial. No Experimento 2, uma tarefa de reconhecimento, ambas as interferências prejudicaram o desempenho dos participantes, mas não de forma diferencial, ou seja, a interferência visual não afetou exclusivamente a tarefa visual nem a interferência espacial afetou exclusivamente a tarefa espacial. Verificaram-se indícios de conjunção incidental nas provas negativas da condição visual. A comparação entre o desempenho dos participantes nas tarefas de recordação e reconhecimento indicou um melhor desempenho na tarefa de reconhecimento do que na tarefa de recordação. O experimento 3 buscou equiparar a dificuldade das provas visual e espacial a fim de identificar a capacidade para a realização de tarefas exclusivamente visuais...

A estrutura da memória de trabalho visual: evidências baseadas no efeito do ruído visual dinâmico; The structure of visual working memory: evidences based on dynamic visual noise effect.

Vasques, Rafael
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/04/2014 PT
Relevância na Pesquisa
56.57%
O modelo de memória visuoespacial de Logie integra de forma coerente uma grande quantidade de dados experimentais, contudo tem dificuldades em explicar os efeitos de informações visuais irrelevantes, tal como o Ruído Visual Dinâmico (RVD). O RVD interfere em memórias criadas a partir de imagens mentais, mas tem efeito menos consistente nas tarefas de memória visual. Uma das suposições para a ausência do efeito do RVD em tarefas de memória visual é que os estímulos visuais são codificados inicialmente, por um curto intervalo de tempo, em uma memória visual pré-semântica e, em seguida, armazenados em uma memória semântica mais estável, não acessível à informação visual irrelevante. Neste estudo avaliamos o efeito do RVD sobre o desempenho em tarefas de memória com estímulos com diferentes níveis de nomeabilidade. Nossa suposição era que estímulos mais facilmente nomeáveis seriam mais rapidamente codificados em termos semânticos, e portanto ficariam menos tempo expostos aos efeitos do RVD. Matrizes do Visual Patterns Test, classificadas em função da nomeabilidade, foram utilizadas como estímulos em tarefas de memória de reconhecimento (Exp. 1), de recordação (Exp. 2) e de recordação baseada em dicas verbais (Exp.3). O efeito do RVD foi contrastado com o efeito de um Ruído Visual Estático (RVE) no Exp. 1 e com uma situação sem ruído nos Exp. 2 e 3. A carga de memória...

Criação de um paradigma para a avaliação do hipocampo direito através da memória visual estudo exploratório

Branco, Rita Isabel Esequiel Castelo
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 09/11/2014 POR
Relevância na Pesquisa
56.4%
Enquadramento teórico: O lobo temporal, especialmente a sua região medial (nomeadamente o hipocampo), é crucial para o funcionamento da memória. A teoria do material-especifico pressupõe que lesões desta região providenciam a lateralização da informação quanto ao seu material-específico (verbal vs não verbal). A literatura sugere que o lobo temporal medial esquerdo é especifico para a memória verbal, enquanto que, o lobo temporal medial direito é especifico para a memória não verbal. No entanto, é notada uma inconsistência nos resultados, sendo que em alguns estudos a lateralização da informação não é evidente. Uma das possíveis explicações para esta divergência, é o facto de as tarefas de memória não verbal disponíveis não avaliarem corretamente devido à componente verbal presente na memorização dos estímulos, criando assim uma dificuldade em aceder ao funcionamento da região cerebral em questão. Esta avaliação assume um papel especialmente importante na avaliação de pacientes com epilepsia do lobo temporal (TLE). Objetivo: Criar uma tarefa para avaliação da memória não verbal, de modo a que a verbalização dos estímulos não interfira no processo de memorização. Metodologia: Foi realizado um pré-teste de 23 desenhos aplicados a 30 sujeitos saudáveis. Posteriormente foram selecionados 5 desenhos e foi-lhes atribuído um sistema de cotação equivalente ao do subteste R.V da WMS-III. Foi aplicada a Tarefa Experimental e o subteste R.V a 3 pacientes de epilepsia submetidos a uma hipocampectomia direita e 6 sujeitos de controlo. Foi comparado qualitativamente o desempenho de cada paciente com dois controlos homogéneos. Foi feita uma análise estatística para comparar a amplitude da diferença demonstrada no desempenho entre provas. Resultados: Os resultados revelaram que todos os participantes apresentaram um desempenho inferior na Tarefa Experimental do que na R.V. No entanto...

Componentes funcionais da memória visuoespacial

Galera,Cesar; Garcia,Ricardo Basso; Vasques,Rafael
Fonte: Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo Publicador: Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 PT
Relevância na Pesquisa
56.38%
O estudo da memória de trabalho está centrado no fracionamento desse sistema em subsistemas especializados na armazenagem de informação verbal, visuoespacial e multimodal. Neste artigo abordamos o fracionamento da memória visuoespacial em seus componentes visuais e espaciais. A presença de códigos visuais na memória de trabalho é sugerida pelos efeitos de similaridade visual e de informação visual irrelevante. A memória espacial parece depender fortemente de recursos da atenção e sua relação com a memória visual ainda é controversa.

Relação da memória visual com o desempenho ortográfico de crianças de 2ª e 3ª séries do ensino fundamental

Barbosa,Patricia Manfrin Fontes; Bernardes,Neide Guzmán Blanco; Misorelli,Mari Ivone; Chiappetta,Ana Lúcia de Magalhães Leal
Fonte: CEFAC Saúde e Educação Publicador: CEFAC Saúde e Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2010 PT
Relevância na Pesquisa
56.36%
OBJETIVO: neste estudo procurou-se relacionar a memória visual ao desempenho ortográfico da escrita de crianças da 2ª e 3ª séries do ensino fundamental. MÉTODOS: foram analisadas 61 crianças de ambos os sexos, com idades variando entre 8 e 9 anos de idade. Avaliadas em sala de aula, pelas examinadoras, no 2º semestre do ano letivo de 2006, utilizando-se de três etapas distintas: Avaliação do ditado oral de palavras isoladas, Avaliação da leitura silenciosa de palavras isoladas e Análise da memória visual por meio da Figura Complexa de Rey. RESULTADOS: verificou-se que os erros ortográficos diminuem no ditado visual, quando comparado ao ditado oral; crianças que cometem mais erros ortográficos nos ditados têm pior desempenho na Figura Complexa de Rey; crianças de 3ª série possuem menor frequência de erros ortográficos e melhor desempenho em Figura Complexa de Rey, quando comparadas às crianças de 2ª série. CONCLUSÃO: a memória visual é fator importante no desenvolvimento ortográfico, levando a criança a compreender melhor a aquisição de regras ortográficas.

Memória visual e de localização na epilepsia do lobo temporal mesial

Pereira, Adriana Gutterres
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.46%
Introdução: A epilepsia do lobo temporal (ELT) é considerada a forma clínica mais conhecida das epilepsias localizadas. Em centros especializados, no atendimento a pacientes portadores de epilepsia, cerca de 30% dos pacientes não obtém controle farmacológico das crises. Para estes pacientes, a cirurgia de epilepsia é alternativa adicional ao tratamento farmacológico. Uma vez que as estruturas temporais mesiais (amígdala e hipocampo) são vitais para a consolidação a longo prazo de informações recém-adquiridas, a testagem da memória desses pacientes se torna o momento mais importante da avaliação, a ablação de um hipocampo só é bem tolerada se o hipocampo contralateral estiver funcional. A avaliação da memória verbal tem-se mostrado eficiente na detecção da função do hipocampo esquerdo, o mesmo não ocorrendo com a memória não-verbal e sua relação com o hipocampo direito. Por isso, buscou-se apurar a acurácia de métodos específicos com estímulos não verbalizados, na tentativa de verificar, de uma forma mais confiável, as funções de memória do lobo temporal mesial direito. Objetivo: Estudar a participação do hipocampo, no desempenho da memória de localização e viso-espacial remota, em pacientes com epilepsia refratária do lobo temporal mesial esquerdo e direito. Metodologia Estudo transversal...

Avaliação da memória visual, em indivíduos saudáveis, pela ressonância magnética funcional

Costa, Danielle Irigoyen da
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
56.46%
Introdução: A Ressonância Magnética Funcional (RMf), como método de investigação nãoinvasivo do funcionamento cerebral, permite a localização topográfica das áreas relacionadas à memória e outras funções corticais superiores em indivíduos normais. Embora não nos forneça, no momento atual, a riqueza e a dinâmica das inter-relações dos processos cognitivos, vem trazendo grandes avanços ao conhecimento científico, planejamento terapêutico de patologias que envolvem o Sistema Nervoso Central e para a pesquisa em Neurociência. Objetivo: Este estudo buscou investigar, com RMf, as regiões encefálicas ativadas por diferentes tarefas de memória visual em uma amostra de voluntários saudáveis. Metodologia: Foi realizado um estudo transversal para avaliação da ativação funcional das áreas encefálicas relacionadas à memória visual, em um grupo de 15 voluntários hígidos. Todos os sujeitos realizaram avaliação neuropsicológica, preencheram duas escalas para investigação de sintomatologia neuropsiquiátrica (Inventário de Depressão de Beck e Inventário de Ansiedade de Beck), responderam a um questionário para exclusão de qualquer patologia que pudesse alterar a performance durante as tarefas propostas (Questionário para exclusão de patologia neurológica ou psiquiátrica)...

Funções de memória após lobectomia temporal anterior e amigdalohipocampectomia seletiva: um estudo comparativo

Azambuja, Luciana Schermann
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.53%
Objetivo: Comparar os efeitos das duas técnicas cirúrgicas, lobectomia temporal anterior (LTA) e amigdalohipocampectomia seletiva (AH) no desempenho de memória em pacientes com epilepsia refratária ao tratamento medicamentoso, que apresentavam esclerose mesial temporal (EMT). Além disso, a pesquisa visa determinar as variáveis que são correlacionadas com os déficits de memória no período pós-operatório. Metodologia: Foram comparadas as mudanças nos resultados dos testes de memória em 154 pacientes submetidos a cirurgia do lobo temporal devido a esclerose hipocampal (LTA n=63 ou AH n=91). O desempenho de memória foi analisado a partir da Escala de Memória Weschler revisada (WMS-R) e do teste de aprendizado verbal de Rey (APVER). A regressão logística foi utilizada para avaliar o impacto na memória das variáveis: tipo de cirurgia, idade de início das crises, lobo temporal operado, tempo entre as avaliações, escolaridade e dominância manual. Resultados: Não foram encontradas diferenças significativas entre as técnicas cirúrgicas no que diz respeito ao desempenho de memória imediata tanto verbal, quanto visual e aprendizado verbal (p>O,O5). No entanto, na técnica LTA, observou-se um pior desempenho de memória tardia...

Memória visual imediata e tardia no teste de retenção visual de Benton: comparação intra e intergrupos etários

Wong, Cristina Elizabeth Izábal
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
56.42%
A presente Dissertação de Mestrado, que aborda a temática da memória visual e envelhecimento no âmbito da neuropsicologia cognitiva, está composta por tres seções. Na primeira, serão abordados os pressupostos teóricos da função neuropsicológica memória e do paradigma clínico que está sendo utilizado para operacionalizar sua avaliação, o Teste de Retenção Visual de Benton (TRVB), assim como a influência de fatores sócio-demográficos, com ênfase na idade e no processo de envelhecimento. Na segunda seção apresentar-se-á uma revisão sistemática de estudos com testes de memória visual, com ênfase no TRVB, que investigaram o possível papel de fatores sócio-demográficos no desempenho nesta tarefa. Os cinco estudos incluídos mostraram relação entre alta escolaridade e melhor desempenho, assim como influência da idade. Na terceira seção será apresentado o estudo empírico que visou a verificar se há diferenças entre adultos jovens e idosos na evocação imediata, tardia e na cópia de estímulos visuais, com comparações entre e intragrupos. Participaram dois grupos de indivíduos saudáveis: 19 adultos jovens e 19 adultos idosos, de alta escolaridade. Houve diferenças entre grupos e intragrupos: (1) os adultos jovens desempenharam-se significativamente melhor do que os idosos em cópia...

La memoria visual de la escuela

Collelldemont, Eulàlia
Fonte: Murcia : Facultad de Educación, Universidad de Murcia Publicador: Murcia : Facultad de Educación, Universidad de Murcia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
56.17%
El artículo versa sobre la memoria visual de la escuela incidiendo tanto en las motivaciones que orientan la producción de imágenes como sobre el acercamiento a ellas que hoy podemos realizar. Parte así del análisis de los motivos de producción de imágenes según los períodos de la evolución escolar, prosigue una reseña de las distintas posibilidades de formación de memoria a través de las representaciones gráficas de la escuela y, finalmente, se plantean las principales características así como retos del tratamiento museológico y museográfico de la imagen escolar. El objetivo del artículo es, por lo tanto, realizar una aproximación a las imágenes concibiéndolas como bienes gráficos que requieren un avance en las formas de conservación, difusión e investigación que están desarrollando los centros de gestión del patrimonio educativo.

Adaptação transcultural e propriedades psicométricas do subteste Visual Reproduction (Reprodução Visual I e II) da Wechsler Memory Scale - Fourth Edition (WMS-IV), (Escalas de Memória de Wechsler) para uma população do Brasil; Transcultural Adaptation of the subtest Visual Reproduction I and II of the Wechsler Memory Scale - IV (WMS-IV) (Wechsler Memory Scale) to one culture from Brazil.

Spedo, Carina Tellaroli
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/04/2012 PT
Relevância na Pesquisa
56.53%
Instrumentos de avaliação da memória episódica não verbal são escassos. Além disto, consideramos a crescente necessidade de esforços para a adaptação transcultural de instrumentos de memória para nosso contexto. O subteste Visual Reproduction I e II (Reprodução Visual I e II) faz parte da Wechsler Memory Scale (WMS) e se trata de uma escala mundialmente utilizada e adaptada a diversas culturas, sendo considerada padrão ouro dentre as medidas de avaliação da memória. No presente estudo, utilizamos o subteste Reprodução Visual, da WMS na sua quarta edição (WMS-IV). O Reprodução Visual (RV) é subdividido em três domínios de investigação da memória visual (evocação imediata, evocação tardia e reconhecimento) e uma tarefa opcional para avaliação da percepção visual, habilidades construtivas e atenção aos detalhes (cópia). Além disto, o escore de cada um dos três domínios avaliados podem ser contrastados, de modo que se obtenham informações sobre a retenção, o quanto a memória é melhor ou pior do que as habilidades construtivas e, por último, o quão o sujeito evoca livremente ou precisa de pistas para evocar a informação aprendida. Esta versão da WMS-IV é uma revisão da WMS-III, cujos estudos resultaram em algumas alterações metodológicas e de conteúdo...

A integração da informação visual e espacial na memória de trabalho: evidências baseadas no efeito do ruído visual dinâmico; The integration of visual and spatial information in working memory: evidence based on the effect of dynamic visual noise

Pereira, Mariana Sant'Anna
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/10/2012 PT
Relevância na Pesquisa
56.57%
Neste projeto investigamos a memória para as informações visual e espacial armazenadas separadamente e de forma conjugada, utilizando o ruído visual dinâmico (RVD) como interferência seletiva. No experimento 1 foi estudado o efeito do (RVD) sobre o desempenho de uma tarefa de memória visual e de memória espacial em situações nas quais essas informações foram apresentadas separadamente. Os resultados mostraram efeito generalizado do RVD em ambas as tarefas de memória, o que levou-nos a questionar a validade da tarefa espacial. No segundo experimento foi realizada uma padronização dos estímulos e parâmetros experimentais desta tarefa. Como esperado, o ruído afetou somente a condição visual. Para verificar o efeito do RVD em uma tarefa de memória para a conjunção visuoespacial foi delineado um terceiro experimento no qual a memória para as características isoladas foi comparada com a memória para a conjunção, sob efeito do ruído. A hipótese era de que se o RVD afetasse a memória espacial em uma tarefa de conjunção visuoespacial, isto seria uma evidência de que aparência visual e posição espacial são armazenados de forma integrada, em uma representação única. Esta hipótese foi confirmada pelos resultados: o ruído afetou a conjunção de informações...

Alimentos processados na alimentação infantil: análise da memória visual de escolares da cidade de Taubaté, São Paulo; Processed foods in infant feeding: analysis of the visual memory of schoolchildren in Taubaté city, São Paulo

Geraldo, Ana Paula Gines; Silva, Maria Elisabeth Machado Pinto e
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/04/2012 ENG; POR
Relevância na Pesquisa
56.23%
OBJETIVO: descrever a memória visual de crianças em relação à embalagem de salgadinho e biscoito doce recheado e relacioná-las ao estado nutricional, série escolar e sexo. MÉTODO: foi realizada a técnica de desenho com 152 alunos de 6 a 10 anos, matriculados no ensino fundamental I de uma escola da cidade de Taubaté, São Paulo. Foram coletados dados antropométricos, calculado o IMC, a freqüência de cada componente do desenho e realizado o teste qui-quadrado para analisar a sua relação com as variáveis em estudo. RESULTADOS: para as embalagens de salgadinho, os componentes que apareceram com maior freqüência nos desenhos foram marca (54,6%), imagem do produto (45,4%) e personagem (27,0%) e as cores mais utilizadas a vermelha (36,8%), a azul (30,3%) e a amarela (22,4%). Para os biscoitos apareceram com maior freqüência marca (62,5%) e personagem (30,9%) e as cores mais utilizadas a azul (36,8%) e marrom (26,3%). As cores identificadas pelas crianças, tanto para salgadinho, como para biscoito condizem com os produtos comercializados. As meninas se lembraram mais da imagem do salgadinho (p = 0,016) e dos personagens na embalagem do biscoito (p = 0,04). Não foram observadas diferenças estatísticas significativas entre a lembrança dos componentes da embalagem e o estado nutricional e entre a cor escolhida e sexo da criança. CONCLUSÕES: observa-se que as estratégias de marketing são instrumentos amplamente utilizados na indústria alimentícia com foco na criança e que seus produtos comerciais...

Componentes funcionais da memória visuoespacial

Galera, Cesar; Garcia, Ricardo Basso; Vasques, Rafael
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Estudos Avançados Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Estudos Avançados
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2013 POR
Relevância na Pesquisa
56.47%
Research on working memory has been focused on fractionating specialized subsystems responsible for storage of verbal, visuospatial and multimodal information. In the present paper, we review the fractionation of visuospatial working memory into separate visual and spatial components. The availability of visual codes in working memory is supported by the effects of visual similarity and irrelevant information. Spatial memory seems to depend on attention resources and its relationship with visual memory is still controversial; O estudo da memória de trabalho está centrado no fracionamento desse sistema em subsistemas especializados na armazenagem de informação verbal, visuoespacial e multimodal. Neste artigo abordamos o fracionamento da memória visuoespacial em seus componentes visuais e espaciais. A presença de códigos visuais na memória de trabalho é sugerida pelos efeitos de similaridade visual e de informação visual irrelevante. A memória espacial parece depender fortemente de recursos da atenção e sua relação com a memória visual ainda é controversa.

Assessment of working memory in children with attention deficit hyperactivity disorder; Évaluation de la mémoire de travail dans des enfants avec bouleversement du déficit d’attention et hiperatividade; Avaliação da memória de trabalho em crianças com transtorno do déficit de atenção e hiperatividade; Evaluación de la memoria de trabajo en niños con transtorno de déficit de atención e hiperctividad

Messina, Lucinete de Freitas; Tiedemann, Klaus Bruno
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2009 POR
Relevância na Pesquisa
46.53%
Ce projet a enquêté aux habilités plus cognitives de la Mémoire de Travail d’enfants et d’adolescents avec le « Bouleversement du Déficit Atenção et de Hyperactivité » (TDAH). L’essai TIHC-Teste Infantile à d’Habilités Plus cognitives informatisé a été apliqué, en évaluant principalement 5 habilités les plus cognitives Raisonnement Inductives (IL RIT), Mémoire de Stockage Auditif (MAA) et Aspect et Mémoire de Travail Auditive (MTA) et Aspect (MTV) en utilisant le modèle de Cattell-Horn-Carroll. L’essai a été appliqué dans 62 sujets, en étant 32 avec TDAH de l’Hôpital du Clínicas-SEPIA-USP et 30 sujets contrôle « normal » de l’enseignement fondamental du filet municipal de 1ª à la 8ª séries, avec des âges entre 7 à 15 ans, des tous les deux sexes. Les analyses exécutées ont indiqué l’existence de différences dans de divers aspects rapportés à la mémoire dans les types particuliers d’enfants avec TDAH. Il s’est vérifié que les enfants avec TDAH ont obtenu bonne performance dans les preuves de mémoire visuelle dans détriment les preuves de mémoire auditive. La corrélation des résultats de TIHC s’est vérifiée que le temps de réaction de la preuve de mémoire de stockage visuel a maintenu une corrélation significative avec la preuve de calcul.; Ese proyecto investigó las capacidades cognitivas y la memoria de trabajo en niños y jóvenes con transtorno de déficit de atención e hiperctividad (TDAH). Se aplicó el test TIHC-Teste Infantil de Habilidades Cognitivas informatizado...

Adaptación en población infantil del test neuropsicológico de aprendizaje y memoria visual (DCS): neurodesarrollo de la memoria figurativa

González-Pérez,Pedro Alberto; Hernández,Sergio; Martín-González,Raquel; Verche,Emilio; Quintero,Itziar; Bravo,Jezabel; García-Quintas,Ana; García-Marco,Enrique
Fonte: Acción Psicológica Publicador: Acción Psicológica
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/12/2013 SPA
Relevância na Pesquisa
66.35%
El desarrollo de instrumentos destinados a evaluar las habilidades de aprendizaje y memoria visual ha sido limitado. De ello se deduce la escasez de estudios sobre el desarrollo neuropsicológico de esta función. El Test Neuropsicológico de Aprendizaje y Memoria Visual (DCS) puede contribuir a solventar esta situación. El objetivo central de este trabajo ha sido la adaptación a una población infantil española de una forma concreta de administración de la citada prueba y el estudio del patrón de desarrollo neuropsicológico del aprendizaje y la memoria para material no-verbal. Se administró la prueba a 79 niños con edades comprendidas entre los 6 y 12 años. Los resultados evidenciaron la adecuación de las versiones paralelas de administración, la inexistencia de diferencias en función del sexo y una coherente consistencia interna de la prueba en torno a dos factores, uno relacionado con las estrategias de aprendizaje y evocación libre y otro relacionado con el recuerdo por reconocimiento. Se objetivó además un incremento significativo en el rendimiento en el test en función de la edad.