Página 1 dos resultados de 176 itens digitais encontrados em 0.057 segundos

Asma e saúde oral: relação e estratégias preventivas

Costa, Ana Luísa Moreira
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: aplication/PDF
POR
Relevância na Pesquisa
65.88%
À excepção da cárie dentária, a asma é a patologia crónica de maior prevalência na infância. Diversos estudos têm demonstrado um risco acrescido em termos de patologia oral por parte das crianças asmáticas, ainda que não tenha sido encontrado um consenso relativamente a esta problemática. Atendendo ao facto de que estas crianças constituem um grupo numeroso e tendencialmente crescente na consulta de Odontopediatria, todas as particularidades relacionadas com a sua Saúde Oral deverão merecer uma atenção cuidada por parte dos Médicos Dentistas. Reveste-se de extrema importância determinar a existência deste comprometimento da Saúde Oral em crianças asmáticas, quais as evidências inerentes e ainda as eventuais implicações quer clínicas, quer em termos de Saúde Pública. A amostra foi constituída por 107 crianças asmáticas, 59 do sexo masculino e 48 do sexo feminino, de idades compreendidas entre os 5 e os 12 anos (média: 8,67 anos (dp=2,53)); a observação e registo, efectuados segundo os critérios estabelecidos pela OMS para este tipo de levantamentos epidemiológicos, visaram a cárie dentária, alterações periodontais, determinação do fluxo salivar total estimulado, capacidade tampão e concentração salivar de S.mutans e Lactobacillus; foram ainda indagados factores de índole social...

Relatório de actividade clínica

Andrade, Gonçalo António Correia Urbano Lopes de
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
65.85%
O Relatório de Actividade Clínica tem como objectivo o relato da actividade clínica levada a cabo pelo autor na Clínica Dentária Universitária, durante o presente ano lectivo, tendo por base a prestação de cuidados medico dentários em contexto formativo tutelado no âmbito do Mestrado Integrado em Medicina Dentária da Universidade Católica Portuguesa. Assim, pretende-se que se justifiquem as opções tomadas, em cada caso, bem como o relato das experiencias, pelo autor vividas, e a fundamentação teórica e a aprendizagem subjacente a este processo. A experiência adquirida no enfrentar das várias situações a que o autor foi sujeito, revelaram formas diferentes de abordagem em cada caso, sujeitos a variações de diagnósticos, de comportamentos, de condições oferecidas, de ambientes externos e de motivos culturais e geográficos. Em cada área disciplinar se pretende atingir os objectivos propostos pela unidade com vista a execução de cada técnica de acordo com protocolos definidos bem como a aquisição de determinadas competências que nos futuro permitirão que cada acto médico seja “baseado na evidência”. Os dois ambientes clínicos pelos quais o autor passou no decorrer do ano lectivo, fruto de uma experiência no Programa ERASMUS durante 3 meses permitiram a recolha de dados quer relativos à população alvo de tratamentos quer aos prestadores desses mesmos cuidados médicos. Assim...

Contribuição para a utilização de um sistema informático de apoio à decisão clínica no diagnóstico de patologias de tecidos duros na cavidade oral : estudo piloto

Simões, Artur Filipe Coelho
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /07/2012 POR
Relevância na Pesquisa
45.84%
Introdução: Sistemas de apoio à decisão clínica (SADC) são programas de computador, desenvolvidos para dar apoio especializado a profissionais de saúde no processo de tomada de decisão clínica. Em Medicina Dentária, imagens radiográficas são um dos principais suportes auxiliares para um diagnóstico correto. O ORAD II é um SADC desenvolvido para avaliar as características clínicas e radiográficas de lesões intraósseas da cavidade oral, a fim de auxiliar no diagnóstico clínico. Objetivo: Avaliar a fiabilidade deste SADC, em pacientes submetidos a biópsia de lesões dos tecidos duros da cavidade oral. Material e Métodos: Imagens radiográficas de lesões intraósseas de 19 pacientes (correspondente a 20 lesões) de uma Clínica Universitária e de uma Clínica Privada foram analisadas por dois Professores e dois Estudantes. Os seus parâmetros foram introduzidos no programa informático ORAD II. Todas as patologias observadas tinham diagnósticos previamente obtidos por biópsia e confirmação histopatológica, não conhecidos pelos operadores. Procedeu-se à comparação dos diagnósticos obtidos através do SADC com o resultado histopatológico, em termos de taxas de sucesso (1ª, 2ª ou 3ª opção) e insucesso. Resultados: 40% das respostas do Professor 1 foram coincidentes com o resultado histopatológico. O Professor 2 obteve 25% e os Estudantes 1 e 2...

Factores de risco para a incidência de patologia peri-implantar

Nobre, Miguel Alexandre de Araújo, 1977-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
45.9%
Tese de mestrado, Epidemiologia, Faculdade de Medicina, Universidade de Lisboa, 2012; Contexto – A patologia peri-implantar consiste numa reacção inflamatória acompanhada de perda do osso de suporte na zona dos tecidos circundantes do implante em função podendo conduzir ao insucesso do implante. É necessário produzir mais conhecimento na área dos factores de risco associados a esta patologia. Objectivo – O objectivo geral deste estudo consistiu na identificação dos possíveis factores associados ao aumento do risco para a ocorrência de patologia peri-implantar e consequente insucesso do implante. Materiais e Métodos - Este estudo caso-controlo de base hospitalar incluiu um total de 1350 participantes (270 casos e 1080 controlos) reabilitados com implantes dentários do sistema Nobel Biocare no Centro de Implantologia e Reabilitação Oral Fixa Malo Clinic- Lisboa. Os casos apresentaram diagnóstico de patologia peri-implantar efectuado a partir de 4 métodos clínicos e radiológicos complementares e os controlos sem diagnóstico de patologia periimplantar. Os casos e controlos foram emparelhados relativamente às variáveis idade (intervalo etário de 2 anos), género e tempo de seguimento do implante (intervalo de 2 meses). Foi efectuada uma análise bivariada para avaliar a diferença entre os grupos de casos e controlos em relação às variáveis independentes. As variáveis independentes identificadas individualmente como factores associados à incidência da patologia peri-implantar foram novamente testadas em modelo de regressão logística binário tendo sido calculado o seu “odds ratio” (OR) relativamente à incidência da patologia peri-implantar. Resultados – A partir do modelo de regressão logística verificou-se que as variáveis que representaram factores de risco para a incidência de patologia peri-implantar foram: Desajuste passivo (OR=39.97); História de periodontite (HP) (OR=24); Presença de bolsas periimplantares >4mm (BPI) (OR=3.57); Nível ósseo (NO) localizado no terço médio do implante (OR=9.59); Tipo de material utilizado na prótese (TMUP) (Metalo-cerâmico: OR=5.87; Acrílico: OR=2.44); Presença de placa bacteriana (PB) (OR=3.57); as interacções PB*Proximidade de peças dentárias (PROXI) (nomeadamente a presença de um dente e um implante adjacentes ao implante...

Avaliação estomatológico-dentária da cavidade oral na raposa vermelha (Vulpes vulpes)

Silva, Andreia Lopes da
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
55.92%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária, Ciências Veterinárias; O presente estudo foi realizado no Hospital Veterinário da UTAD, tendo sido efectuado com base em 32 raposas vermelhas (Vulpes vulpes), a mais representativa de todas as raposas, pertencente à família Canidae e teve como principais objectivos a identificação e a classificação da patologia estomatológico-dentária mais frequente nesta espécie. Sendo um predador, a raposa foi perseguida durante séculos devido ao seu alegado hábito de se alimentar de animais domésticos. Apesar do antagonismo existente entre as raposas e o homem, neste particular, actua como um método eficaz de controlo de pragas. São animais com grande adaptabilidade ao habitat e à dieta, sendo predadoras carnívoras, extraordinariamente oportunistas, que como tal, em certas ocasiões são consideradas omnívoras. A cavidade oral, de vital importância para o adequado funcionamento e equilíbrio de todo o organismo, pode ser abrangida por um vasto leque de afecções com múltiplas etiologias (hereditárias, congénitas, infecciosas, inflamatórias, traumáticas, tóxicas, auto-imunes, metabólicas, degenerativas e neoplásicas), que em casos extremos e crónicos podem apresentar expressão sistémica...

A contribution for a better comprehension of donkey dentistry: a study based on the Mirandês and Zamorano-Leonés donkeys (Equus asinus)

Rodrigues, João Brandão
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Tese de Doutorado
ENG
Relevância na Pesquisa
46%
Tese de Doutoramento em Ciências Veterinárias; No Nordeste de Portugal e na zona Oeste da Província de Zamora em Espanha, os burros desempenham um papel chave na agricultura tradicional. Estas regiões são as principais áreas de distribuição das duas raças autóctones de burros ameaçadas, utilizadas neste estudo: o Mirandês e o Zamorano-Leonés. Na área da Medicina Estomatológico-dentária Veterinária, a investigação e o trabalho clínico em cavalos evoluiu substancialmente nos últimos anos, a nível mundial, mas o conhecimento específico destas temáticas nos burros continua de algum modo num patamar inferior. A obtenção de dados científicos nesta ou noutras áreas do conhecimento, relativamente a estas raças ameaçadas, é tida pelo autor como uma ferramenta extremamente importante numa estratégia mais ampla de conservação in situ. Com base neste princípio, realizou-se um estudo clínico com o objetivo de investigar a prevalência da patologia estomatológicodentária, através da observação de 800 burros (400 de cada uma das raças referidas), divididos em 7 grupos etários (idades compreendidas entre os 0 e os 34 anos), em 86 localidades, com um especial enfoque no bem-estar animal e na preservação dos recursos genéticos. Em 74% dos animais observados foram diagnosticadas situações patológicas relacionadas com os dentes incisivos...

Patologia dentária em mamíferos exóticos

Faria, Paula João Santos Filipe
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária Publicador: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em 13/09/2009 POR
Relevância na Pesquisa
45.97%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária; O estágio curricular no qual se baseia esta dissertação decorreu na Clínica Veterinária VetOeiras, sob a orientação científica do Dr. Rui Patrício. Na primeira parte deste trabalho é apresentada a casuística resultante do acompanhamento das actividades médico-cirúrgicas durante os cinco meses do estágio curricular. Na sequência destas actividades e do interesse pessoal na área foi efectuada, na segunda parte deste trabalho, uma revisão bibliográfica sobre patologia dentária em pequenos mamíferos, nomeadamente coelho, porquinho da índia, chinchila, cão da pradaria e miomorfos. É cada vez mais comum a escolha de pequenos mamíferos como animais de estimação. Os dentes elodontes aumentam a susceptibilidade a problemas dentários tais como má oclusão, sobrecrescimento dentário e abcessos odontogénicos, agravados pela ausência de controlo estrito dos reprodutores, deficiências de maneio alimentar e ocorrência de patologia secundária concomitante. Embora a compreensão da fisiologia oral e os meios de diagnóstico actualmente ao dispôr permitam delinear planos terapêuticos apropriados, que visam restaurar a normalidade da anatomia e função dentárias...

Aditivos fitogênicos para frangos de corte experimentalmente inoculados com Salmonella enterica sorovar Enteritidis; Phytogenics additive for broiler experimentally inoculated with Salmonella enterica serovar Enteritidis

Barnabé, Ana Caroline de Souza
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ciência Animal (EVZ); Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ciência Animal (EVZ); Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
55.73%
In this study, 300 1 day-old male Cobb chicks were used to evaluate, with the objective of evaluating the effects of phytogenic additives on performance, gut integrity and immune system of broilers inoculated with Salmonella enterica serovar Enteritidis (SE). The birds were divided into five treatments with six repetitions each. Treatment (Ttm) 1 - group inoculated orally with 0.1 mL of sterile buffered saline 0.85% (placebo), Ttm 2 - phytogenic received additives in the feed at a dosage of 0.10 kg/ton feed of the initial age until 35 days (Contr. FA); Ttm 3 - group inoculated orally with 0.5 mL of buffered saline 0.85%, containing approximately 5.0X105 CFU/0.5mL Salmonella enterica serovars Enteritidis (Contr. positive SE); Ttm 4 - group inoculated orally with 0,5 mL of buffered saline 0.85%, containing approximately 5.0X105 CFU/0.5mL of SE and received as antimicrobial growth promoter (AGP) bacitracin methylene disalicylate at a dosage of 55 ppm in the feed until 35 days of age (SE + AGP); Ttm 5 - group inoculated orally with 0.5 mL of buffered saline 0.85%, containing approximately 5.0X105 CFU/0.5 mL SE received phytogenic additives in the feed at a dosage of 0.10 kg/ton of feed of 1 to 35 days old (SE + FA). Performance was evaluated and six birds for treatment were weighed...

Estudo das caracter??sticas fenot??picas, fatores de patogenicidade e suscetibilidade de isolados de Sporothrix schenckii frente a desinfetantes; Stufy of the phenotypic characteristics, pathogenicity factors and susceptibility of the Sporothrix schenckii isolates against disinfectants

MADRID, Isabel Martins
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Veterin??ria; Programa de P??s-Gradua????o em Veterin??ria; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Veterin??ria; Programa de P??s-Gradua????o em Veterin??ria; UFPel; BR
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
55.73%
Sporotrichosis has been receiving attention in any world in the several areas of the health as an important fungal disease. So, this work aimed: (i) to study cases of sporotrichosis diagnosed in the south region of Rio Grande do Sul in a period of ten years, (ii) to study the morphological and pathogenicity characteristics of S. schenckii isolates, (iii) to determine the sensitivity of S. schenckii isolates to the commercial disinfectants. Sporotrichosis cases were analysed as for geographical distribution, it clinical forms of the disease, presence of the fungus in different anatomical sites and tecidual inflammatory response. The 42 S. schenckii isolates originating from clinical cases, environment isolates and reference strains used in the phenotypic study were evaluated as for macromorphology in Sabouraud agar added of chloramphenicol, potato agar and ??gar lactrimel, incubated 25??C and 35??C for 21 days. The micromorphology was analyzed in potato agar to 25??C whereas the termotholerance was evaluated in ??gar Sabouraud added of 1% yeast extract, incubated 41??C for seven days. Ultraestructural study of nine clinical isolates and two reference strains of S. schenckii were carried by transmission electron microscopy. Susceptibility of 12 S. schenckii isolates to disinfectants was performed by the techniques of broth microdilution...

Quantitative cell-cycle protein expression in oral cancer assessed by computer-assisted system

Soares, C.P.; Zuanon, J.A.S.; Teresa, D.B.; Fregonezi, P.A.; Neto, C.B.; Oliveira, M.R.B.; Donadi, E.A.; Martinelli-Kläy, C.P.; Soares, E.G.
Fonte: Murcia : F. Hernández Publicador: Murcia : F. Hernández
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
ENG
Relevância na Pesquisa
55.81%
The knowledge of cell-cycle control has shown that the capacity of malignant growth is acquired by the stepwise accumulation of defects in specific genes regulating cell growth. Histologic diagnosis might be improved by a quantitative evaluation of more specific diagnosis biomarkers, which could help to precisely identify pre-malignant and malignant oral lesions. The aim of the present study is to evaluate whether computer-based quantitative assessment of p53, PCNA and Ki-67 immunohistochemical expression, could be used clinically to foresee the risk of oral malignant transformation. This retrospective study was carried out in ninety-five oral biopsies, 27 were classified as fibrous inflammatory hyperplasia, 40 as leukoplakia and 28 as oral squamous cell carcinoma. Sixteen out of the 40 leukoplakia were diagnosed as non-dysplastic leukoplakia, the other 24 being dysplastic leukoplakia, of which 50.0% were classified as moderate to severe dysplasia. Comparison of the four groups of oral tissues showed significant rises in p53 and Ki-67 positivity index, which increased steadily in the order benign, premalignant, and malignant. In contrast, it was not possible to relate higher PCNA levels with pre-malignant and malignant oral lesions. We therefore conclude that PCNA immunohistochemistry expression is probably an inappropriate marker to identify oral carcinogenesis...

Caracterização multiparamétrica da saúde oral de uma amostra de crianças portuguesas diabéticas tipo 1: potenciais determinantes de intervenção preventiva e terapêutica

Costa, Ana Luísa Moreira
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
45.99%
Introdução: A diabetes mellitus tipo 1 (DM1) é uma doença crónica, tendencialmente debilitante, de incidência crescente, que afeta essencialmente crianças e jovens adultos. Fatores genéticos e ambientais parecem constituir a sua base etiológica multifactorial, igualmente caracterizada pela destruição autoimune das células β pancreáticas produtoras de insulina permanecendo, no entanto, muitos dos mecanismos envolvidos por esclarecer. A DM1 e a saúde oral relacionam-se estrita e reciprocamente, reconhecendo-se nos pacientes diabéticos uma maior susceptibilidade a patologias orais de natureza inflamatória, catabólica e crónica, com hipotético impacto particularmente a nível salivar, ainda que sem consenso generalizado. Este trabalho teve como objetivo a identificação de potenciais determinantes da DM1 na saúde oral das crianças, particularmente relacionados com parâmetros salivares microbiológicos, imunológicos, metabolómicos e comportamentais/ambientais. Materiais e métodos: Foi efetuado um estudo clínico observacional do tipo analítico e transversal (seccional cruzado) cumprindo os requisitos éticos e legais exigidos. A amostra compôs-se de 133 crianças com DM1 e 72 não diabéticas saudáveis, dos 5 aos 15 anos...

Relatório de atividade clínica

Alexandre, Igor André Beleza
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 11/06/2015 POR
Relevância na Pesquisa
55.79%
A Medicina Dentária constitui uma área do conhecimento médico incumbida de zelar, não só, pelo seu domínio de atuação clínico específico, mas também pelo bem-estar do paciente a nível sistémico nas suas várias dimensões: física, mental e social. Neste contexto, encontra-se sujeita a um processo de constante transformação, no qual o desenvolvimento técnico prossegue a par da evolução do conhecimento e dos princípios éticos que guiam estes profissionais de Saúde. Este trabalho propõe-se a ilustrar cada uma destas valências, utilizando como base para tal, o trabalho clínico e científico realizado pelo autor na Clínica Dentária Universitária da Universidade Católica Portuguesa, buscando caracterizá-lo segundo parâmetros clínicos e científicos considerados relevantes. Para isso é efectuada uma análise estatística dos atos clínicos realizados pelo autor procedendo-se à caracterização da amostra populacional assistida, bem como à interpretação, tipificação e resolução de algumas situações de âmbito clínico. Procura ainda retratar o Estado da Arte e os respectivos fundamentos decorrentes da evidência científica, fornecendo uma leitura epidemiológica e clínica da população servida...

Relatório de atividade clínica

Santos, Simone Paulos
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 01/06/2015 POR
Relevância na Pesquisa
55.89%
No âmbito da conclusão do Mestrado Integrado em Medicina Dentária na Universidade Católica Portuguesa, é solicitada a realização, a apresentação e a discussão, em Prova Pública, de um Relatório de Atividade Clínica que descreva e reflita sobre a atividade clínica desenvolvida pelo aluno, durante todo o quinto ano do Curso de Medicina Dentária, no período compreendido entre Setembro de 2014 e Maio de 2015. A formação nesta etapa é essencialmente prática, com a sedimentação dos conhecimentos até aqui adquiridos e indispensáveis à boa prática médica dentária, bem como o desenvolvimento da capacidade de autonomia em procedimentos técnicos - ser capaz de abordar o doente no contexto clínico, praticar o tratamento da doença, formular um raciocínio clínico com base nos conhecimentos adquiridos nos anos transatos e propor um plano de tratamento. Pretende-se que em cada área disciplinar se atinjam os objetivos propostos pela unidade curricular, com vista a execução de cada técnica de acordo com os protocolos definidos pelas áreas. Durante a prática clínica, foram frequentadas diversas áreas disciplinares: Dentisteria Operatória, Ortodontia, Oclusão, Cirurgia Oral, Endodontia, Periodontologia, Prótese Removível...

Estudio de la eficacia analgésica del Dexketoprofeno Trometamol 25 mg. vs. Ibuprofeno 600 mg. tras su administración oral en pacientes sometidos a una intervención quirúrgica oral

Jiménez Martínez,Esther; Gasco García,Carmen; Arrieta Blanco,Juan José; Gómez del Torno,Javier; Bartolome Villar,Begoña
Fonte: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Ed. impresa) Publicador: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Ed. impresa)
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/04/2004 SPA
Relevância na Pesquisa
55.73%
-Objetivos: Comparar la eficacia analgésica de dos antiinflamatorios no esteroideos (AINES), pertenecientes a la familia de los ácidos propiónicos, tras intervenciones quirúrgicas orales con el fin de valorar cual de ellos es más efectivo con el mínimo de efectos secundarios y la menor dosis. Normalmente el dolor tras una intervención quirúrgica oral está considerado como moderado-intenso, siendo los AINES los fármacos de elección para este tipo de dolor. Como sabemos, el gran problema de estos fármacos reside en los efectos indeseables. Demostramos la eficacia del enantiómero-S(+) de estos fármacos ya que de ellos depende la analgesia y nos permiten utilizar una menor dosis del fármaco. -Diseño: Se entregan a los pacientes cuestionarios con tablas de valoración del dolor y se realizan distintas apreciaciones: dolor postquirúrgico, dolor en la primera hora tras la administración del analgésico, inflamación, hemorragia, hematoma, etc... . Valoramos el efecto de los distintos fármacos empleados en el estudio en función de las coordenadas eficacia-tiempo, así como el efecto anti-inflamatorio y sus efectos secundarios. -Resultados: Se comprueba que existe un dolor moderado tras una intervención quirúrgica oral...

Aplicaciones de la citología exfoliativa en el diagnóstico del cáncer oral

Diniz Freitas,Márcio; García García,Abel; Crespo Abelleira,Antonio; Martins Carneiro,José Luis; Gándara Rey,José Manuel
Fonte: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Ed. impresa) Publicador: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Ed. impresa)
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/10/2004 SPA
Relevância na Pesquisa
55.71%
La citología exfoliativa es una técnica sencilla, no agresiva y bien aceptada por los pacientes, por lo que podría ser útil en el diagnóstico precoz del cáncer oral. Sin embargo, su utilización como método diagnóstico de atipias epiteliales y especialmente del carcinoma oral de células escamosas ha perdido importancia, sobre todo debido a su baja sensibilidad representada por el elevado número de resultados falsos negativos. Se atribuye esta baja sensibilidad a diversos factores, entre ellos: toma inadecuada de la muestra, error en la técnica e interpretación subjetiva de los hallazgos citológicos. Afortunadamente, en los últimos tiempos, el desarrollo del análisis cuantitativo, la citomorfología, el análisis del ADN, la detección de marcadores tumorales y el análisis molecular ha contribuido al resurgir de esta técnica.

Aspectos odontoestomatológicos en oncología infantil

Cabrerizo Merino,Mari del Carmen; Oñate Sánchez,Ricardo Elías
Fonte: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Ed. impresa) Publicador: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Ed. impresa)
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/02/2005 SPA
Relevância na Pesquisa
55.77%
Las neoplasias infantiles han ido adquiriendo a lo largo de los últimos años una relevancia progresiva en el ámbito de la pediatría. Esta importancia, se ha visto acompañada por una espectacular mejoría en el tratamiento del cáncer infantil, alcanzando supervivencias a largo plazo incluso del 90% en algunos tumores, lo que hace que este tipo de población requiera una mayor asistencia médico-sanitaria a todos los niveles pues estos avances, crean una nueva responsabilidad que consiste en preveer y, en lo posible, evitar las complicaciones derivadas de la propia neoplasia y de su tratamiento. Entre los efectos secundarios existentes, se encuentran las manifestaciones orales, de carácter agudo o crónico, que suponen una frecuente causa de malestar, focos potenciales de infecciones sistémicas y secuelas a largo plazo, que estarán en función del momento evolutivo de desarrollo en el que se encuentre el niño. La incidencia y severidad de una mayoría de complicaciones orales, se asocian con factores preexistentes (caries, gingivitis y mala higiene) que afectan notoriamente al inicio, aumento y persistencia de las mismas. Es lamentable que el paciente desarrolle un problema en la cavidad bucal que una medida preventiva o un tratamiento oral e higiénico simple pudieran prevenir o reducir.

Aplicaciones de la citologia oral por raspado (exfoliativa) en el cáncer y precáncer oral

Acha,Amelia; Ruesga,María T.; Rodríguez,María J.; Martínez de Pancorbo,María A.; Aguirre,José M.
Fonte: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Ed. impresa) Publicador: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Ed. impresa)
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/04/2005 SPA
Relevância na Pesquisa
65.85%
La citología por raspado es un procedimiento simple e incruento que ha sido objeto de controversia sobre su validez real en patología oral. En los últimos tiempos ha resurgido en base a su aplicación en el precáncer y el cáncer oral, tanto como metodología diagnóstica como predictiva y para la monitorización de los pacientes. Se han desarrollado nuevas técnicas sobre aspectos diagnósticos, como la aplicación "brush biopsy", y múltiples estudios moleculares sobre las células recogidas. En esta revisión analizamos los aspectos más novedosos en relación con las aplicaciones de la citología por raspado o exfoliativa en la patología oral cancerosa y precancerosa, dirigida de un modo especial a los estudios moleculares y sus implicaciones diagnósticas y pronósticas.

Metástasis en hueso maxilar superior de adenocarcinoma de esófago: Presentación de un caso clínico

Sánchez Jiménez,Juan; Acebal Blanco,Faustino; Arévalo Arévalo,Rafael E.; Molina Martínez,Manuel
Fonte: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Ed. impresa) Publicador: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Ed. impresa)
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/07/2005 SPA
Relevância na Pesquisa
55.73%
Las metástasis en cavidad oral son lesiones raras que representan aproximadamente el 1% de todas las neoplasias malignas de cavidad oral. Las metástasis orales se localizan en un 80-90% en mandíbula, siendo mas raras en maxilar superior. Las metástasis en tejidos blandos de boca son raras, y es encía donde con mayor frecuencia se localizan las metástasis en tejidos blandos en boca. Los tumores primarios que metastatizan a boca son los más frecuentes pulmón, mama y riñón. Las metástasis en cavidad oral es como consecuencia de una diseminación a distancia de la enfermedad e indica un mal pronóstico, con una supervivencia corta. Aquí presentamos un caso clínico de un paciente diagnosticado de adenocarcinoma de esófago que presentó metastasis en hueso maxilar superior izquierdo.

Epidemiología de la patología de la mucosa oral más frecuente en niños

Rioboo Crespo,Mº del Rosario; Planells del Pozo,Paloma; Rioboo García,Rafael
Fonte: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Ed. impresa) Publicador: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Ed. impresa)
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/12/2005 SPA
Relevância na Pesquisa
55.88%
El odontólogo responsable de tratar al niño debe tener en cuenta la posibilidad de encontrar cualquier condición patológica a nivel de la mucosa oral sobre todo a edades tempranas. Por ello, hemos tratado de aunar en nuestro estudio tanto la información más actualizada como nuestra propia experiencia para intentar ofrecer los datos de mayor interés, desde el punto de vista epidemiológico, que nos permita diagnosticar la patología de la mucosa oral más frecuente en la población infantil. Los estudios epidemiológicos realizados estos últimos años han mostrado la dispar apreciación de los diferentes investigadores y una gran variabilidad en las prevalencias de las lesiones mucosas orales en las diferentes zonas del mundo. Tanto lo expuesto con anterioridad como la falta de uniformidad en los criterios de elaboración de los estudios epidemiológicos explica que el porcentaje de las lesiones orales observadas en los diferentes grupos de niños estudiados nos ofrezcan una gran variabilidad con porcentajes comprendidos entre el 4,1% y 52,6%. Las lesiones que más frecuentemente han sido tenidas en cuenta por los diferentes autores y que más aparecen en los diferentes estudios son: la estomatitis aftosa recurrente, el herpes labial...

Expresión de E-cadherina, laminina y colágeno IV en la evolución de displasia a carcinoma epidermoide oral

Santos García,Antonio; Abad Hernández,M. Mar; Fonseca Sánchez,Emilio; Julián Gonzalez,Roberto; Galindo Villardón,Purificación; Cruz Hernández,Juan Jesús; Bullón Sopelana,Agustín
Fonte: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Internet) Publicador: Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Internet)
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/04/2006 SPA
Relevância na Pesquisa
55.75%
Objetivos: Estudiar la pérdida o reducción de la adhesión celular mediada por E-cadherina en leucoplasias, carcinomas epidermoides y metástasis ganglionares. Estudiar la pérdida de continuidad de la expresión de laminina y colágeno IV en la membrana basal epitelial en el desarrollo biológico de las leucoplasias y carcinomas orales. Material y método: Hemos estudiado 124 muestras de pacientes portadores de leucoplasias y carcinomas orales con diversos diagnósticos que abarcan desde epitelio normal (13 muestras), displasias leves (2), displasias moderadas (12), carcinomas in situ (13) carcinomas microinvasores (11) Carcinoma epidermoide oral (64 muestras) y metástasis ganglionar (9). Se construyeron 7 bloques de tissue microarrays con aguja de 2mm y se realizó un estudio mediante técnica inmunohistoquímica para E-cadherina (clona 36, T.D. ABD Company), Laminina (078P, Biogenex) y Colágeno IV (PHM12, Biogenex). Resultados: En Displasias Leves y Moderadas presentan pérdida de expresión de E-cadherina, Laminina, y Colágeno IV (20%). En Carcinomas in situ y Microinvasores, presentaron pérdida de expresión de E-cadherina (73%), y en Laminina y Colágeno IV (57%). En los carcinomas epidermoides, encontramos pérdida de expresión de E-cadherina (90%) y discontinuidad en la M. basal (70%). Todas las metástasis ganglionares presentaron pérdida de E-cadherina y discontinuidad en Laminina y Colágeno IV. Conclusiones: La pérdida de expresión de E-cadherina se incrementa al aumentar el grado de displasia de las lesiones. La perdida de continuidad en la expresión de laminina y Colágeno IV sigue una evolución paralela desde displasias a metástasis ganglionares. La disminución en la expresión de los tres marcadores ha sido significativa en la evolución de las lesiones orales.