Página 1 dos resultados de 193 itens digitais encontrados em 0.061 segundos

Caracterização elétrica de dispositivos tipo ISFET com estrutura Si/SiO2/Si3N4 para medição de pH utilizando pseudoeletrodos de Pt, Ag e Au.; Electrical characterization of ISFET devices with Si/SiO2/Si3N4 structure to measure pH using Pt, Ag, and Au pseudoelectrodes.

Scaff, Robson
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/07/2008 PT
Relevância na Pesquisa
75.85%
Neste trabalho, foi realizado um estudo da caracterização elétrica dos ISFETs com estrutura Si/SiO2/Si3N4, utilizando pseudoeletrodos de Pt, Ag e Au como alternativas aos eletrodos convencionais para medições de pH. Primeiramente, foram empregados três métodos reportados na literatura (extrapolação linear para obtenção da tensão de limiar, segunda derivada para obtenção da tensão de limiar e corrente de sublimiar, respectivamente) com o objetivo de obter a sensibilidade dos ISFETs (mV/pH) e analisar a confiabilidade dos resultados utilizando eletrodo de referência padrão de Ag/AgCl. Posteriormente, tendo como base o eletrodo de Ag/AgCl, foram estudados os desempenhos de pseudoeletrodos de Pt, Ag e Au nas medidas de pH. Como resultado, observou-se que os pseudoeletrodos de Pt e Ag apresentaram sensibilidades compatíveis com o eletrodo de referência padrão de Ag/AgCl (~50mV/pH) para pH ácido na faixa de 1 a 3. Já o pseudoeletrodo de Au, manteve um comportamento aproximadamente linear ao longo de toda a faixa de pH estudada (1 a 10), porém, com sensibilidade inferior na faixa de 32 à 34mV/pH.; In this work, it is presented a study of the electrical characterization of Si/SiO2/Si3N4 estructured ISFETs using Pt, Ag and Au pseudoelectrodes as alternative references to the conventional ones for pH measurements. At first...

Avaliação da toxicidade de águas de chuva a organismos aquáticos; Evaluation of toxicity of rainwater on aquatic organisms

Martins, Renata de Souza Leão
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/10/2009 PT
Relevância na Pesquisa
75.7%
A degradação da qualidade do ar na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP) bem como seus efeitos à saúde humana vem sendo estudados há algumas décadas. No entanto, pouco se sabe a respeito dos efeitos causados aos ambientes aquáticos e sua biota. A deposição atmosférica úmida é considerada como importante rota de remoção dos poluentes presentes na atmosfera terrestre. Desse modo, este trabalho teve como objetivo avaliar a toxicidade de amostras de águas de chuva de dois locais, utilizando diferentes organismos-teste. As amostras foram coletadas no Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares, município de São Paulo, e também no distrito de Taiaçupeba, pertencente ao município de Mogi das Cruzes, SP. As coletas foram realizadas manualmente, com recipientes com capacidade para 20L. Em seguida, as amostras foram levadas ao laboratório para medição de pH e condutividade, onde também foram fracionadas para os ensaios ecotoxicológicos e análise cromatográfica dos íons majoritários. Para as amostras coletadas no IPEN, foram realizados ensaios de toxicidade aguda com o microcrustáceo Daphnia similis e com a bactéria marinha luminescente Vibrio fischeri, além dos ensaios de toxicidade crônica com o microcrustáceo Ceriodaphnia dubia e com a alga Pseudokirchneriella subcapitata. As amostras coletadas em Taiaçupeba foram testadas com os mesmos organismos-teste...

Análise do comportamento de sensores EGFET como função do tempo, iluminação, área da superfície e temperatura; Analysis of the behavior of EGFET sensor as a function of time, illumination, surface área and temperature.

Fernandes, Jessica Colnaghi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/10/2011 PT
Relevância na Pesquisa
65.97%
O transistor de efeito de campo de porta estendida (EGFET) é um dispositivo composto por uma membrana sensível a íons e um MOSFET comercial, que pode ser aplicado para a medição do teor de íons em uma solução. O filme fino de óxido de estanho dopado com flúor (FTO) foi utilizado como a membrana seletiva do EGFET, e todo o sistema foi utilizado como sensor de pH. Os sensores de pH desenvolvidos a partir de transistores de efeito de campo (FETs) detectam o campo elétrico criado pelos íons da solução. A alteração do pH no organismo afeta a estrutura e a atividade das macromoléculas biológicas, por isso a detecção da alteração do pH no organismo é de grande importância. O objetivo deste trabalho foi o estudo da influência de alguns agentes externos sobre o FTO para ser utilizado como membrana sensível a íons do EGFET como sensor de pH. O sensor padrão apresentou uma resposta linear no escuro por volta de 37 mV/pH, para uma área de membrana de 230 mm2 . Foram estudados o efeito da evolução da medida no tempo, o efeito da iluminação, o efeito da alteração da área de contato do filme fino de FTO com a solução de pH e o efeito da alteração da temperatura da solução de pH. Para as medições feitas no escuro a dependência do tempo foi diferente das medições feitas na presença de luz UV-VIS. Para pHs ácidos a presença da luz faz com que o valor da corrente Ids diminua em relação a mesma medição no escuro enquanto que para pHs básicos...

Metrologia em química: validação do método analítico e estimativa da incerteza da medição para pH de etanol combustível (pHe)

Villa de Paula, Paulo Ricardo
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 41 f. : il. color., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
76.13%
Pós-graduação em Química - IBILCE; Anhydrous ethanol and fuel are arrays that require energy as quality specification of the pH measurement parameter, which is set to the aqueous medium. The formation of human, HR resources, with metrological knowledge in chemistry, able to generate and interpret data from the measurement of this parameter and other important from the point of view of accuracy metrology must do so with knowledge, awareness and relevance of their work (Bievre et al, 2010; Gauster, 1991; VALCÁRCEL, 2000). This work included the study of regulatory standards for the measurement of the above parameters in order to obtain the estimated uncertainty of the measurements of pHe. Procedures for the validation of the analytical method for measuring pHe well as the formation of HR trained in the quality system to operate in the core of ABNT NBR 10891:2013 and ASTM D6423: 2008. Purpose of this study was also to know the minutiae of measuring pH in ethanol medium. The training metrological accuracy and pH monitoring was carried out in an aqueous medium. Regarding the ABNT NBR 10891:2006 and development work three samples of different ethanol fuel stations in the values obtained were in conformity with those recommended by ANP Resolution No. 7:2011 fuel between 6.0 < pHe <8.0. To estimate the uncertainty of measurement of pHe validation procedure had four performance parameters...

Diamond microelectrodes for corrosion studies; Microeléctrodos de diamante para estudos de corrosão

Silva, Eduardo Luís Trindade da
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
ENG
Relevância na Pesquisa
65.97%
Este trabalho teve como objetivos a produção, caracterização e aplicação de microelétrodos (MEs) de diamante como sensores amperométricos e potenciométricos em sistemas de corrosão nos quais a agressividade do meio e a presença de produtos de corrosão, constituem obstáculos que podem diminuir o desempenho, ou inviabilizar a utilização, de outros tipos de sensores. Os microeléctrodos são baseados em filmes finos de diamante dopado com boro (BDD – Boron Doped Diamond) depositados sobre fios de tungsténio afiados, através do método de deposição química a partir da fase vapor, assistida por filamento quente (HFCVD – Hot Filament Chemical Vapor Deposition). A otimização das diversas etapas de fabricação dos MEs deu origem ao desenvolvimento de um novo sistema de afiamento eletroquímico para obtenção destes fios e a várias opções para a obtenção dos filmes de diamante condutor e seu isolamento com resinas para exposição apenas da ponta cilíndrica. A qualidade cristalina dos filmes de diamante foi avaliada por espectroscopia de Raman. Esta informação foi complementada com uma caracterização microestrutural dos filmes de diamante por microscopia eletrónica de varrimento (SEM), em que se fez a identificação da tipologia dos cristais como pertencendo às gamas de diamante nanocristalino ou microcristalino. Os filmes de BDD foram utilizados na sua forma não modificada...

Utilização de gastroscopia no despiste da EGUS / SUGE (Equine Gastric Ulcer Syndrome / Síndrome de Úlcera Gástrica Equina)

Simões, Joana de Sousa Azevedo
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária Publicador: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em 30/05/2011 POR
Relevância na Pesquisa
75.7%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária; A Síndrome de Úlcera Gástrica Equina (SUGE) tem recebido nas últimas décadas uma atenção crescente, devido à sua elevada prevalência, e às suas repercussões económicas e no bem-estar dos animais. Pensa-se que a SUGE terá uma etiologia multifactorial, envolvendo vários factores de risco que predispõem à lesão da mucosa ao alterarem a acidez gástrica, a concentração de ácidos gordos voláteis ou o aporte sanguíneo. São considerados factores de risco a intensidade e regime de exercício físico, a dieta, a estabulação permanente, a terapêutica com anti-inflamatórios não esteroides e o stress. A bactéria Helicobacter pylori não foi isolada até à data em equinos, embora tenha sido descoberta outra espécie enterohepática – Helicobacter equorum. Contudo, foi identificado ADN tipo-Helicobacter em vários cavalos com ulceração gástrica. A gastroscopia é o único método de diagnóstico definitivo in vivo disponível e as úlceras são frequentemente achados gastroscópicos em animais assintomáticos, já que os sinais clínicos são normalmente inespecíficos e ligeiros. Este trabalho teve como objectivo avaliar a presença da SUGE num grupo de 12 cavalos Puro Sangue Lusitanos (PSL) por meio de gastroscopia...

Confiabilidade metrológica de algumas soluções tampão utilizadas para a medição de pH

Fraga, Isabel Cristina Serta; Couto, Paulo Roberto Guimarães; Ribeiro, Renato Vargas; Souza, Vanderléa de
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Trabalho apresentado em evento / Paper
POR
Relevância na Pesquisa
116.06%
7 f. : il.; A grande maioria dos problemas atuais relativos à saúde, meio-ambiente e controle de produtos industriais, demandam cada vez mais de um número maior de amostras a serem analisadas e em níveis de concentração cada vez menores, destacando, assim, a crescente necessidade de garantia e controle de qualidade das medições em química. A medição de pH é realizada mundialmente, em larga escala, em laboratórios químicos, bioquímicos, industriais e hospitalares, e ainda, universidades e centros de pesquisas, constituindo assim, provavelmente a medição de utilização mais ampla, dentre as técnicas instrumentais empregadas em química. É importante assinalar que a maioria das reações bioquímicas e microbiológicas são favorecidas em faixas de pH determinadas, requerendo medições em todas as etapas dos processos. Estas medições tornam-se indispensáveis, especialmente quando se trata de produtos destinados ao consumo humano, abrangendo alimentos e bebidas, medicamentos e produtos de higiene pessoal. Através das medições de pH de diferentes soluções tampão comercializadas, em âmbito nacional, pôde-se fazer estudos comparativos entre seus valores nominais informados nos rótulos com os determinados em pHmetro...

A medição de pH em álcool etílico anidro combustível utilizando diferentes eletrodos

Borges, Paulo Paschoal; Fraga, Isabel Cristina Serta; Souza, Vanderléa de; Dias, Júlio Cesar; Marques, Bianca de Souza Rossini; Barbosa, Thales de Paula
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Trabalho apresentado em evento / Paper
POR
Relevância na Pesquisa
116.06%
p. 5 : il.; O pH é um dos parâmetros do álcool etílico anidro combustível (AEAC) que é especificado em normas internacionais, entre elas a ASTM, sendo de primordial importância em função das características corrosivas que esse combustível pode apresentar para os motores automotivos. Considerando a dificuldade em se medir o valor de pH em matrizes não aquosas, a necessidade de resultados de medições rastreáveis ao Sistema Internacional de Unidades (SI) e com confiabilidade metrológica, que são barreiras que podem ser superadas através do uso de materiais de referência certificados (MRC), o Inmetro iniciou os estudos para o desenvolvimento e produção de MRC para AEAC. Este trabalho visa apresentar os estudos de medição de pH com o uso de diferentes eletrodos e variação da temperatura. O tempo de medição utilizado foi de 30 s com a condição de agitação da amostra antes da medição. Pode-se concluir que não houve diferença significativa entre os valores de pH apresentados pelos eletrodos utilizados, bem como o efeito da mudança da temperatura e da interação temperatura versus eletrodo, para um nível de confiança de 95%. É importante ressaltar que esses resultados fazem parte de uma das etapas necessárias ao desenvolvimento do MRC de AEAC.

A Importância da Metrologia Química em determinações eletroanalíticas de pH

Fraga, Isabel Cristina Serta; Ordine, Alberto Pires; Damasceno, Jailton Carreteiro; Dias, Júlio Cesar; Getrouw, Monique Audrey; Borges, Paulo Paschoal
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Trabalho apresentado em evento / Paper
POR
Relevância na Pesquisa
75.82%
1 f. :il.; A Metrologia é a ciência da medição, abrangendo todos os aspectos teóricos e práticos relacionados às medições, qualquer que seja a incerteza , em quaisquer campos da ciência ou da tecnologia, sendo de grande relevância para o desenvolvimento das atividades econômicas, científicas e tecnológicas de um país.

Certificação de material de referência caracterizado pelo sistema primário de medição de pH

Ordine, Alberto Pires; Borges, Renata Martins Horta; Borges, Paulo Paschoal; Fraga, Isabel Cristina Serta; Souza, Vanderléa de; Dias, Júlio Cesar; Marques, Bianca de Souza Rossini; Souza, Nathaly Bomfim Candido de
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Trabalho apresentado em evento / Paper
POR
Relevância na Pesquisa
116.08%
4 f. :il.; A Divisão de Metrologia Química do Inmetro implantou, em 2003, o sistema primário de medição de pH. Este sistema tem a finalidade de fornecer rastreabilidade e confiabilidade às medições de pH no País, uma vez que a medição é uma das mais realizadas nos mais diversos laboratórios. Para alcançar estes objetivos, faz-se necessário o uso de material de referência certificado (MRC), porém este tipo de material apresenta uma grande carência no Brasil. Este trabalho visa apresentar os estudos necessários à certificação de uma solução tampão de pH no valor de 4,00 a 25o C. Na caracterização deste MRC, empregou-se o sistema primário de medição de pH e nos estudos de homogeneidade e estabilidade, foi utilizado um medidor de pH acoplado ao eletrodo combinado de pH. Algumas ferramentas estatísticas como análise de variância (ANOVA), teste de Cochran, de Grubbs e análise de resíduos foram usadas na avaliação dos resultados dos estudos de homogeneidade e estabilidade do material de referência. O material de referência foi certificado com o valor de pH igual a 4,007 ± 0,022, (k = 2; para um nível de confiança de aproximadamente 95%), com prazo de validade de um ano.

Caracterização de uma solução diluída de ácido clorídrico pelo sistema primário de coulometria

Borges, Paulo Paschoal; Fraga, Isabel Cristina Serta; Souza, Vanderléa de; Marques, Bianca de Souza Rossini; Dias, Júlio Cesar
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Trabalho apresentado em evento / Paper
POR
Relevância na Pesquisa
75.71%
3 f. :il.; O sistema primário de coulometria ora sendo implantado no Inmetro objetiva determinar a pureza de materiais de referência de grande utilidade em análises volumétricas tanto nas indústrias quanto em laboratórios de análises químicas. Por este sistema, através da certificação de materiais de referência de compostos químicos puros e soluções de alta pureza, será garantida a rastreabilidade das medições químicas ao mol, que é a unidade de quantidade de substância do Sistema Internacional de Unidades (SI). Este trabalho visa a apresentar o sistema coulométrico do Inmetro e a sua utilização na determinação da concentração de uma solução de ácido clorídrico de valor nominal de 0,01 mol·kg−1. O resultado da titulação coulométrica a corrente constante obtido com o uso do sistema primário de coulometria foi 0,0103855 mol·kg−1 ± 0,040% (k=2; com um nível de confiança de 95%). Esta solução, cuja concentração foi determinada com elevada exatidão, é usada como material de referência para a obtenção do potencial padrão do eletrodo Ag-AgCl pelo sistema primário de medição de pH do Inmetro, durante a certificação de materiais de referência de pH.

Certification of pH reference material by primary pH system; Certificación de un material de referencia de pH mediante un sistema primario

Borges, Paulo Paschoal; Fraga, Isabel Cristina Serta; Ordine, Alberto Pires; Borges, Renata Martins Horta; Souza, Vanderléa de; Dias, Júlio Cesar; Marques, Bianca de Souza Rossini; Souza, Nathaly Bomfim Candido de
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Capítulo de Livro / Book Chapter
ENG
Relevância na Pesquisa
95.84%
8 p. :il.; The Certified Reference Material (CRM) is mainly used to guarantee the traceability and reliability of the chemical measurements. In order to develop some CRM that are important to Brazil, INMETRO is certificating pH buffer solutions, because pH is one of the most important measurements that are carried out in the laboratories. This work has the aim to show the certification of a pH buffer solution of potassium hydrogen phthalate, pH 4.00 at 25.0 ºC, prepared at INMETRO and characterized by the primary pH measurement system. On the other hand, the homogeneity and stability studies were made using pH meter-glass electrode assembly. The property value of the reference material obtained after certification was 4.007 ± 0.022, at 25.0 ºC for a shelf life of twelve months. _____________________________________________; RESUMEN: El material de referencia certificado (MRC) es principalmente utilizado para que sea garantida la trazabilidad y la confiabilidad de las mediciones químicas. Para desarrollar algunos MRCs que son importantes para el Brasil, el INMETRO está certificando disoluciones de pH, visto que el pH es una de las mediciones más importante que están siendo realizadas en los laboratorios. Este trabajo tiene el objetivo de presentar la certificación de una disolución de pH 4...

pH measurement capability through the primary pH measurement of carbonate buffer solution

Borges, Paulo Paschoal; Fraga, Isabel Cristina Serta; Marques, Bianca de Souza Rossini; Dias, Júlio Cesar; Sobral, Sidney Pereira; Silva Junior, Wiler Batista da; Ribeiro, Carla de Matos; Lopes, Jéssica Corrêa; Cunha, Valnei Smarçaro da
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Trabalho apresentado em evento / Paper
ENG
Relevância na Pesquisa
75.81%
3 f. :il.; The Chemical Metrology Division (Dquim) from National Institute of Metrology, Standardization and Industrial Quality – Inmetro established in 2003 the primary system of pH measurement. The main use of this system is to provide reliability and traceability to the pH measurements in Brazil since its measurement is one of the most important analyses carried out in many laboratories all over the country. In order to show comparability and capability in primary pH measurement, Inmetro participated in both the keycomparisons CCQM-K18 and in the supplementary comparison that followed, named CCQM-K18.1, to measure the pH in a carbonate buffer solution of nominal value of pH 10. Both exercises were organized by Consultative Committee for Amount of Substance (CCQM) of the International Bureau of Weights and Measures (BIPM). This work aimed at showing the development and optimization of the primary pH system from Inmetro in order to participate in the supplementary key-comparison. Inmetro´s results in that supplementary comparison have shown its capability in primary measurement of pH 10.

Evaluation study of different glass electrodes by an interlaboratory comparison for determining the pH of fuel ethanol

Gonçalves, Mary Ane; Gonzaga, Fabiano Barbieri; Fraga, Isabel Cristina Serta; Ribeiro, Carla de Matos; Sobral, Sidney Pereira; Borges, Paulo Paschoal; Rocha, Werickson Fortunato de Carvalho
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
75.79%
6 p. : il.; This work evaluated different combined glass electrodes by means of an interlaboratory comparison in order to determine the pH of fuel ethanol. Four electrodes with different reference electrode systems (Ag/AgCl or Pt/redox pair), liquid junctions (single or double) and internal filling solutions (aqueous KCl or ethanolic LiCl) were used in comparison with the Orion Ross Sure-flow® N◦ 8172 BN electrode, a specific electrode advised by the ASTM D6423 standard. Three fuel ethanol samples with different water contents (0.1, 0.6 and 6.8%, w/w) were analyzed by nine laboratories. The results showed that all the electrodes with aqueous KCl filling solution and single liquid junction, including the Orion® electrode, presented equivalent results. The sole electrode with ethanolic LiCl filling solution showed pH results lower than the other electrodes, whereas the sole electrode with double liquid junction, showed pH results slightly higher than those with similar filling solution containing single liquid junction. On the other hand, only the latter two electrodes presented acceptable repeatability limit values. The results indicate a need to revise the ASTM D6423 standard with the purpose of enlarging the number of electrodes that can be used to measure the pH of ethanol fuel...

Relatório final da comparação interlaboratorial para avaliação do desempenho de eletrodos na medição de pHe em etanol combustível

Inmetro, Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia; Santos, Damares da Silva; Fraga, Isabel Cristina Serta; Gonçalves, Mary Ane; Santos, Paulo Roberto da Fonseca; Cunha, Valnei Smarçaro da; Ribeiro, Carla de Matos; Gonzaga, Fabiano Barbie
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Relatório Técnico / Report
POR
Relevância na Pesquisa
106.21%
44 f.: il.; O potencial do íon hidrogênio, denominado pH, é um dos parâmetros utilizados para a avaliação da qualidade de etanol combustível e tem sido aplicado como um indicativo do risco de corrosão que pode ser provocado por etanol de baixa qualidade. Por se tratar de um parâmetro que pode ser determinado por um procedimento simples de medição, e sem a exigência de equipamentos sofisticados e analistas especializados, a medição de pH em etanol combustível, denominada pHe, tem sido amplamente empregada com essa finalidade [1]. Diversas organizações nacionais e internacionais, através de regulamentações ou normas, têm estabelecido valores desejáveis de pH variando no intervalo de 6,5 a 9,0. Ao longo dos últimos anos, vários aspectos relacionados à medição do pH em matrizes não aquosas vem sendo discutidos, principalmente no que se refere à medição de pHe em matriz de etanol, tais como o uso de diferentes eletrodos de pH, a necessidade de medições rastreáveis ao Sistema Internacional de Unidades (SI), além da garantia da confiabilidade metrológica dessas medições. A determinação do pHe em etanol combustível é uma forma de se expressar a força ácida do meio, uma vez que esse parâmetro reflete a concentração de íons H+ livres em solução. Dessa forma...

Relatório final do ensaio de proficiência em medição de ph - 1ª rodada : ph 4,00 e ph 6,86

Inmetro, Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia; Santos, Paulo Roberto da Fonseca; Santos, Damares da Silva; Cunha, Valnei Smarçaro da; Borges, Paulo Paschoal; Marques, Bianca de Souza Rossini; Borges, Cleber Nogueira; Fraga, Isabel Cri
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Relatório Técnico / Report
POR
Relevância na Pesquisa
116.19%
29 f.: il.; A medição de pH consiste em determinar o potencial do íon hidrogênio em uma solução, o qual indicará se a solução é ácida ou alcalina. O pH é uma das medições mais realizadas nos laboratórios de análises clínicas, centros de pesquisas, universidades, indústrias, entre outros. Sua medição é de fundamental importância em diferentes áreas, tais como, saúde, ambiental, biotecnológica e em inúmeros processos industriais. As medições de pH devem ser realizadas corretamente, com qualidade e confiabilidade, senão podem afetar negativamente a saúde e a qualidade de vida dos cidadãos. Tendo em vista a importância da medição de pH para o País, o Inmetro em 2003, implantou o Sistema Primário de Medição de pH [1], no Laboratório de Eletroquímica (Label) da Divisão de Metrologia Química (Dquim), levando em consideração as recomendações estabelecidas pelo Grupo de Trabalho em pH da IUPAC [2]. Esse sistema primário tem por objetivo caracterizar material de referência (MR) para medição de pH e dessa forma, prover rastreabilidade e confiabilidade às medições de pH aos laboratórios do País, bem como aos dos países vizinhos, pois, atualmente, ele é o único sistema primário da América do Sul. Para a garantia da comparabilidade...

Relatório final do ensaio de proficiência em medição de ph – 2ª rodada : ph 4,00 a 25 ºc

Inmetro, Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia; Santos, Damares da Silva; Gonzaga, Fabiano Barbieri; Santos, Paulo Roberto da Fonseca; Cunha, Valnei Smarçaro da; Andrade, Joyce Costa; Dias, Júlio Cesar; Borges, Paulo Paschoal; Sobral,
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Relatório Técnico / Report
POR
Relevância na Pesquisa
116.18%
30 f.: il.; A medição de pH consiste em determinar o potencial do íon hidrogênio em uma solução, o qual indicará se a solução é ácida ou alcalina. O pH é uma das medições mais realizadas nos laboratórios de análises clínicas, centros de pesquisas, universidades, indústrias, entre outros. Sua medição é de fundamental importância em diferentes áreas, tais como, saúde, ambiental, biotecnológica e em inúmeros processos industriais. As medições de pH devem ser realizadas corretamente, com qualidade e confiabilidade, senão podem afetar negativamente a saúde e a qualidade de vida dos cidadãos. Tendo em vista a importância da medição de pH para o País, o Inmetro em 2003, implantou o Sistema Primário de Medição de pH [1], no Laboratório de Eletroquímica (Label) da Divisão de Metrologia Química (Dquim), levando em consideração as recomendações estabelecidas pelo Grupo de Trabalho em pH da IUPAC [2]. Esse sistema primário tem por objetivo caracterizar material de referência (MR) para medição de pH e dessa forma, prover rastreabilidade e confiabilidade às medições de pH aos laboratórios do País, bem como aos dos países vizinhos, pois, atualmente, ele é o único sistema primário da América do Sul. Para a garantia da comparabilidade...

Relatório final do ensaio de proficiência em medição de pH – 3ª rodada : pH 6,86 a 25 ºc

Inmetro, Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia; Santos, Damares da Silva; Gonzaga, Fabiano Barbieri; Santos, Paulo Roberto da Fonseca; Cunha, Valnei Smarçaro da; Andrade, Joyce Costa; Dias, Júlio Cesar; Borges, Paulo Paschoal; Sobral,
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Relatório Técnico / Report
POR
Relevância na Pesquisa
116.18%
23 f.: il.; A medição de pH consiste em determinar o potencial do íon hidrogênio em uma solução, a qual indica seu nível de acidez ou alcalinidade. O conhecimento do valor de pH é importante em diferentes áreas, sendo a medição de pH uma das mais realizadas em laboratórios de análises clínicas, centros de pesquisas, universidades, indústrias, entre outros. Devido ao impacto direto na vida dos cidadãos, é de suma importância que as medições de pH sejam realizadas de forma correta, com qualidade e confiabilidade. Nesse contexto, em 2003, o Inmetro implantou, no Laboratório de Eletroquímica (Label) da Divisão de Metrologia Química (Dquim), o Sistema Primário de Medição de pH [1], levando em consideração as recomendações estabelecidas pelo Grupo de Trabalho em pH da IUPAC [2]. Esse sistema tem a função de caracterizar materiais de referência (MR) para medição de pH e, dessa forma, prover rastreabilidade e confiabilidade aos resultados das medições de pH realizadas nos laboratórios do País e também de países vizinhos, tendo em vista ser o único sistema primário da América do Sul. Para a garantia da comparabilidade, confiabilidade e qualidade dos resultados das medições, o Inmetro realiza Ensaios de Proficiência (EP) através do Programa de Ensaios de Proficiência da Diretoria de Metrologia Científica e Industrial. A participação em EP é uma das ferramentas necessárias aos laboratórios de ensaios e calibração para a manutenção da acreditação segundo a Norma ISO/IEC 17025 [3]. A obtenção de resultados satisfatórios em ensaios de proficiência é...

A importância do sistema secundário de pH na cadeia de rastreabilidade de suas medições no país

Dias, Júlio Cesar; Borges, Paulo Paschoal; Gonzaga, Fabiano Barbieri; Fraga, Isabel Cristina Serta; Cunha, Valnei Smarçaro da
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Trabalho apresentado em evento / Paper
POR
Relevância na Pesquisa
95.89%
4 p.; É importante ter um sistema secundário de medição de pH, o qual está sendo desenvolvido e implantado no Inmetro, como forma de garantir a continuidade da rastreabilidade, comparabilidade e a confiabilidade das medições de pH no país

Effect of NaCl and HCl concentrations on primary pH measurement for the certification of standard materials

Souza, Vanderléa de; Ordine, Alberto Pires; Fraga, Isabel Cristina Serta; Getrouw, Monique Audrey; Borges, Paulo Paschoal; Damasceno, Jailton Carreteiro; Couto, Paulo Roberto Guimarães
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
75.81%
7 p. : il.; pH is an important parameter to control the production of food, medicine, petrochemical products and others. Thus, standard reference materials used to calibrate pH meters are necessary to guarantee reliability of the measurements. The Chemical Metrology Division (Dquim) of the National Metrology Institute of Brazil (Inmetro) has as one of its missions the certification of standard reference materials. In the case of pH, it will be done by the pH primary measurement system of Inmetro, in operation at Dquim since 2003. The buffer solution of nominal pH value equal to 6.865 will be the first to be certified. The study of some measurement parameters has already been accomplished, and will lead to the improvement of the primary pH measurement. In this paper, the effect of NaCl and HCl concentrations on the primary pH measurement is discussed, based on the results obtained by Inmetro in the regional comparison SIM 8.11P.