Página 1 dos resultados de 1081 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Aproveitamento de subprodutos da industrialização do maracujá para elaboração de iogurte; Use of industrial byproducts of passion fruit for preparing yogurt

Toledo, Nataly Maria Viva de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.52%
As indústrias beneficiadoras de frutas são responsáveis por gerar grandes quantidades de resíduos, entre eles, os do maracujá. A polpa do maracujá é um dos principais produtos comercializados a partir da fruta, sendo as cascas e sementes os subprodutos resultantes de seu processamento. O objetivo deste trabalho foi desenvolver iogurte com adição de polpa e farinha de maracujá elaborada a partir dos subprodutos da industrialização da fruta. No total, foram avaliadas sete amostras de iogurte dentre as quais cinco apresentavam em sua composição a farinha de maracujá. Foram realizadas análises físico-químicas, microbiológicas, verificação de resíduos de agrotóxicos, teste de aceitação sensorial, verificação da intenção de compra, análise descritiva quantitativa (ADQ), estimativa da vida útil e elaboração dos rótulos dos produtos. Todos os iogurtes adicionados de farinha apresentaram elevados teores de fibra alimentar. Não foram detectados resíduos de agrotóxicos nas amostras do subproduto do maracujá. Observou-se que a incorporação da farinha de maracujá apresentou efeitos positivos na viscosidade e teor de minerais do iogurte, e negativos para aspectos como cor e pH. Verificou-se maior aceitação dos provadores para o iogurte sem adição de farinha. No entanto...

Estudo de alcaloides harmânicos em sementes de Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Degener (maracujá azedo) por SBSE/CLAE-Flu dual; Study of harman alkaloids in seeds of Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Degener (sour passion fruit) by dual SBSE/HPLC-Flu

Rodrigues, Thyago Roberto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/11/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.43%
Há muitos estudos sobre plantas medicinais brasileiras, porém a carência de pesquisas relacionadas à segurança alimentar de plantas brasileiras usadas como alimento ainda é consideravelmente grande. A maioria dos alcaloides são substâncias tóxicas que podem ser encontrados em uma grande variedade de plantas medicinais e alimentícias, inclusive em espécies de Passiflora chamadas popularmente no Brasil de "maracujá". As pesquisas sobre as diversas espécies de Passiflora, em grande parte estão relacionadas com as folhas e frutos e na maioria das vezes as sementes são consideradas como resíduo. As metodologias analíticas modernas para análises na área de alimentos, utilizando SBSE com fase extratora de PDMS, tem o objetivo de facilitar o preparo de amostras complexas e diminuir os resíduos orgânicos gerados na etapa de preparo da amostra. Para isso, este estudo teve como objetivo a análise de alcaloides harmânicos pelo método SBSE/CLAE-Flu dual, adaptado para a quantificação de harmana e de harmina em sementes de maracujá azedo. O método foi especifico e linear para os alcaloides estudados (r2 = 0,996 para harmana e r2 = 0,999 para harmina). Os ensaios de repetibilidade e de precisão intermediária confirmam a precisão do método. Os testes de recuperação (entre 92...

Influência do estádio de maturação e do cultivo na composição de voláteis do maracujá (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg)

Macoris, Mariana Serrão
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 209 f.
POR
Relevância na Pesquisa
37.5%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Alimentos e Nutrição - FCFAR; Os compostos voláteis desempenham papel fundamental para o aroma e o sabor das frutas. Os principais compostos responsáveis pelo aroma do maracujá são da classe dos ésteres, terpenos e aldeídos, que contribuem para o aroma doce, frutal, floral e verde da fruta. A concentração dos compostos antioxidantes nas frutas depende sobremaneira de fatores genéticos, condições edafoclimáticas, estádio de maturação e tipo de cultivo. Os objetivos deste trabalho foram obter informações a respeito das etapas que envolvem o estudo da composição de voláteis das frutas e realizar o levantamento dos compostos voláteis do maracujá já identificados visando dar suporte ao trabalho experimental; determinar a influência do tipo de cultivo e do estádio de maturação no conteúdo de compostos fenólicos totais (TPC) e na atividade antioxidante total (AAT) da polpa de maracujá; avaliar a aceitação sensorial do suco preparado com polpa de maracujá obtido por cultivo orgânico e convencional e as características físico-químicas da polpa ao longo da maturação; determinar a composição de voláteis da polpa de maracujá orgânico e convencional...

Aplicação da razão isotópica do carbono (13C/12C) para detecção de adulteração em bebidas a base de maracujá – Passiflora edulis Sims. f. flavicarpa Deg

Diniz, Ana Paola Castro
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: ix, 73 f. il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.33%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Agronomia (Energia na Agricultura) - FCA; O presente trabalho teve como objetivo desenvolver metodologia isotópica para detectar possíveis adulterações em bebidas comerciais de maracujá. A análise isotópica foi feita nas matérias-primas (suco concentrado de maracujá e açúcares comerciais) e aditivos (acidulante, antioxidante, e aromatizante), polpa, suco tropical adoçado e néctares. Também foram realizadas análises químicas como Brix, pH, acidez titulável e ratio nas matérias-primas e nas bebidas à base de maracujá. Foram fabricados em laboratório produtos conforme os padrões de identidade e qualidade estabelecidos pelo Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA) e produtos adulterados, com concentrações de carbono C3 e C4 conhecidas, para que a precisão do método fosse avaliada. Foi verificada a influência da presença de aditivos alimentares nas mensurações de W13C das bebidas. Além disto, foram feitos gráficos (oBrix vs. % fonte C3) para determinar a legalidade das bebidas a base de maracujá encontradas no mercado brasileiro; The present work had as objective develops methodology isotopic to detect possible adulterations in commercial beverage of passion fruit. The isotopic analysis was made in the raw materials (passion fruit and commercial sugars) and addictive...

Qualidade e conservação pós-colheita de maracujá roxinho do kênia, sob sanitização e armazenamento

Nunes, Kelly de Nazaré Maia
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: viii , 80 f.: il. color., grafs. , tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.39%
Pós-graduação em Agronomia (Horticultura) - FCA; O maracujá é um fruto de clima tropical, muito apreciado pelo seu suco. Pode ser consumido in natura ou destinado a indústrias. Após a colheita o fruto apresenta vida útil de apenas três a sete dias em condições de temperatura ambiente, enquanto que mantido em câmara fria, a vida pós-colheita pode atingir um período de três a cinco semanas. Aliado a câmara fria, podem ser usados sanitizantes para aumentar o tempo de armazenamento de espécies vegetais. Este trabalho foi dividido em dois capítulos, o objetivo geral deste trabalho foi avaliar a influência da santização em água ozonizada associada a temperatura, na qualidade e conservação de fruto de maracujá “Roxinho do Kênia” (Passiflora edulis var. edulis Sims). No primeiro capítulo o objetivo foi avaliar a utilização da sanitização com água ozonizada na conservação das características físicas e químicas de maracujá Roxinho do Kênia (Passiflora edulis var. edulis Sims) armazenados em temperatura de ambiente e refrigerada. No segundo capítulo objetivou-se avaliar a influência do armazenamento (temperatura ambiente e refrigerada) e o efeito do ozônio em alguns compostos com propriedades antioxidantes dos frutos de maracujá Roxinho do Kênia (Passiflora edulis var. edulis Sims). O delineamento estatístico adotado foi inteiramente casualizado em esquema fatorial (3 x 7)...

Efeito da polpa de maracujá amarelo (Passiflora. edulis f. flavicarpa Deg) sobre os danos genotóxicos e nefrotóxicos imediatos induzidos pela cisplatina em ratos espontaneamente hipertensos

Konta, Eliziani Mieko
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 86 f.
POR
Relevância na Pesquisa
37.33%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Pós-graduação em Alimentos e Nutrição - FCFAR; Os antioxidantes, principalmente os encontrados na dieta, são agentes responsáveis pela inibição e redução dos danos oxidativos causados pelas espécies reativas nas células. A cisplatina (cDDP), um potente agente antineoplásico utilizado com frequência no tratamento de tumores sólidos, tem seu uso clínico limitado devido aos efeitos adversos como nefrotoxicidade, genotoxicidade e supressão da medula óssea. Como a geração de espécies reativas pode resultar em danos ao DNA pela ação destas espécies ou indiretamente via produtos de degradação da peroxidação lipídica, nosso estudo avaliou o possível efeito protetor da adição da polpa de maracujá amarelo na dieta de ratos espontaneamente hipertensos (SHR) e Wistar normotensos, contra a nefrotoxicidade e genotoxicidade induzida pela cDDP. Os resultados obtidos nas condições experimentais estabelecidas neste trabalho mostraram que a cDDP promoveu um aumento dos níveis das substâncias reativas aos ácido tiobarbitúrico, bem como decréscimo nos níveis de glutationa nos rins dos animais SHR, reforçando a hipótese que a peroxidação lipídica está relacionada com o mecanismo de nefrotoxicidade. O tratamento com doses múltiplas da polpa de maracujá amarelo não alterou os outros parâmetros da função renal no período analisado. Embora o efeito protetor da polpa de maracujá contra os danos induzidos ao DNA em células renais e hepáticas não tenha sido evidente nos resultados obtidos pelo Ensaio do Cometa...

Influência de encapsulantes e do método de secagem nas propriedades físico-químicas e atributos de qualidade de polpa de maracujá (Passifora edulis f. flavicarpa)

Pedro, Maria Angélica Marques
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 204 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
37.5%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Engenharia e Ciência de Alimentos - IBILCE; Os objetivos deste trabalho foram analisar a influência do tipo e da quantidade de aditivos, além de diferentes métodos de secagem da polpa de maracujá em pó, nas isotermas, propriedades termodinâmicas de sorção e nos atributos de qualidade do produto obtido. No capítulo 1 descreve-se o efeito de diferentes aditivos - maltodextrina DE 10 e goma arábica - sobre as isotermas de sorção nas temperaturas de 20, 30, 40 e 50 ºC de polpa de maracujá em pó obtida por secagem a vácuo. O modelo de GAB se ajustou aos dados de sorção. As isotermas apresentaram comportamento da curva do tipo II, na classificação de Brunauer. Observou-se que a adição de maltodextrina DE 10 e de goma arábica à polpa de maracujá desidratada reduziu a umidade de equilíbrio em relação à umidade da polpa pura e não houve diferença considerável entre as umidades de equilíbrio das amostras da polpa com 18% de goma arábica e polpa com 18% ou 55% de maltodextrina. O aumento da concentração da maltodextrina não teve influência sobre os valores de umidade de equilíbrio. O calor isostérico de sorção da polpa em pó aumentou com o decréscimo da umidade...

Compostos bioativos presentes em cultivares de maracujá

Nachbar, Flavia Regina Furlan
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 36 f.
POR
Relevância na Pesquisa
37.47%
A produção de maracujá vem ganhando grande importância no Brasil, notadamente a partir das últimas três décadas, o que coloca o país numa situação de destaque no ranking mundial, sendo o maior produtor do mundo. As principais espécies produzidas e exploradas comercialmente são: Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg., o maracujá amarelo ou azedo e Passiflora alata Dryand, o maracujá doce. Apesar de serem espécies bem difundidas, há poucos estudos que as relacionem. Desta forma, o presente trabalho objetivou comparar as polpas das duas espécies, avaliando suas semelhanças e diferenças através de testes físico-químicos e determinando seus compostos bioativos. O estudo foi conduzido no Laboratório de Controle de Qualidade de Alimentos, no Departamento de Alimentos e Nutrição, da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Faculdade de Ciências Farmacêuticas, campus Araraquara. Para analisar e comparar as espécies estudadas foram utilizadas amostras “in natura” e congeladas de ambas as espécies e foram determinados os compostos bioativos (carotenoides totais, fenólicos totais e flavonóides totais), ácido ascórbico, acidez total titulável (ATT), atividade sequestrante de radicais livres (DPPH) e sólidos solúveis totais (SST). Todas as análises foram realizados em triplicata. Em todas as determinações...

Estudo do albedo de maracuja e de seu aproveitamento em barra de cereais; Study of passion fruit albedo and its industrial use in cereal bars

Fernando Cesar Akira Urbano Matsuura
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/02/2005 PT
Relevância na Pesquisa
37.43%
Existem consideráveis perdas de produtos agrícolas nas diversas etapas da cadeia produtiva, desde a produção no campo até o momento de consumo, passando pela elevada geração de resíduos no processamento agroindustrial de produtos animais e vegetais. Estima-se que o aproveitamento das matérias-primas vegetais não ultrapasse 80% a 85% e que os resíduos gerados possam chegar a até 30%. Além da preservação ambiental, o aproveitamento desses resíduos abrange questões econômicas e sociais. O Brasil é um grande produtor mundial de maracujá, principalmente o amarelo, e o albedo, resíduo do consumo "in natura" e do processamento, representa 12% a 32% da fruta. Os resíduos das frutas e hortaliças comumente podem conter fibras, vitaminas, minerais, substâncias fenólicas e flavonóides, entre outros, que podem ser benéficos à saúde humana, mas também podem possuir compostos tóxicos e antinutricionais que necessitam ser eliminados antes do uso. Pesquisas sobre os resíduos vegetais do processamento agroindustrial têm envolvido o tratamento dos resíduos; a extração de componentes específicos dos resíduos, como a pectina e o óleo das sementes do maracujá; e o aproveitamento integral dos resíduos em produtos alimentícios...

Bebida de maracuja natural "light" pronta para beber : formulação, produção e estudo de vida-de-prateleira.; Passion fruit juice beverage with different sweetener systems : formaulation, production and shelf life study.

Renata De Marchi
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/12/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.39%
O mercado de bebidas à base de frutas está em constante expansão. Os consumidores querem desfrutar de bebidas que vão além de apenas saciar a sede, e que ofereçam vantagens nutricionais e conveniência. Paralelamente à preferência dos consumidores por bebidas saudáveis, há uma crescente tendência ao consumo de bebidas de baixa caloria. Os consumidores estão cada vez melhor informados sobre a importância de uma dieta saudável, com menor ingestão de açúcar e gordura. Assim, o presente trabalho teve como objetivo formular, produzir, avaliar a aceitação em dois diferentes mercados consumidores ? Brasil e Estados Unidos, determinar o perfil sensorial e estudar a vida-de-prateleira de bebidas de maracujá naturais, prontas para beber, adoçadas com sacarose (referência), aspartame, sucralose, e mistura aspartame/acesulfame-K (4:1) (light), respectivamente, durante 180 dias de estocagem. A bebida de maracujá referência foi formulada utilizando-se metodologia de superfície de resposta e testes de aceitação. O conteúdo de polpa de maracujá e a concentração de sacarose, selecionados para serem usados em tal bebida foram, respectivamente, 2,5°Brix (resultantes da mistura: polpa de maracujá e água) e 10%. Para a formulação das bebidas light...

Provaveis correlações entre a biossintese de carotenoides e a maturação de maracuja

Carlos Alberto Bento da Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em /10/1972 PT
Relevância na Pesquisa
37.5%
o maracujá é um fruto que, ultimamente, está chamando atenção para sua industrialização, principalmente pela aceitação comercial de seu suco. Várias aplicações estão sendo exploradas, tais como suco puro ou suco diluído, esterilizados ou preservados (mais comuns no Brasil); suco congelado, misturas com outros sucos = como, por exemplo, mistura de 5 a 10 % com suco de maçã - ou preparação de “punches”, “cordials”, “squashes”, bebidas carbonatadas, em mistura com bebidas alcoólicas e como aromatizante em produtos de confeitaria. O maracujá roxo (Passiflora edulis Sims.) e o maracujá amarelo (Passiflora edulis forma flavicarpa Degener) são os mais explorados comercialmente. A colheita do maracujá é feita; geralmente após a queda do fruto da planta sem que sejam utilizados como referências; resultados de análises físico químicas do suco. o teor em suco está acima de 30 % em relação ao peso do fruto. Seus constituintes químicos seguem mais ou menos padrão de outros frutos, ressaltando-se apenas a presença de amido. Os pigmentos identificados em suco de maracujá roxo são os carotenóides fitoflueno, alfa-caroteno, beta-caroteno e zeta-caroteno. Existem xantofilas mas não estão identificadas. Alguns exemplos da ocorrência de carotenóides em sucos de frutos explorados industrialmente são dados neste trabalho...

Avaliação do extrato da semente do maracujá (Passiflora edulis Sims) obtido por extração com dióxido de carbono supercrítico

Canozzi, Joana Bercht
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 152 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.33%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Química, Florianópolis, 2013.; Interesses políticos, preocupações acerca de questões ambientais e a dependência energética de reservas esgotáveis como o petróleo, têm motivado o desenvolvimento da indústria dos biocombustíveis. O biodiesel derivado de óleos vegetais e gorduras animais é uma alternativa verde ao diesel de petróleo. Esse combustível é obtido a partir da transesterificação de óleos e gorduras. Há diversos métodos para condução desta reação dentre elas a transesterificação supercrítica, a qual não requer a utilização de catalisadores, entretanto demanda a aplicação de condições drásticas de pressão e temperatura para alcance das condições críticas do solvente. Entre os maiores desafios da indústria do biodiesel estão: a busca por matérias-primas capazes de suprir biodiesel de boa qualidade; e a redução dos custos associados ao processo. Produtos derivados do maracujá movimentam tanto o mercado nacional como o internacional, sendo o Brasil responsável por 90% da produção mundial deste fruto. As sementes do maracujá configuram um subproduto dessa indústria com baixo valor agregado...

Resistência de genótipos de maracujá-azedo à bacteriose (Xanthomonas axonopodis pv. passiflorae) e à virose do endurecimento do fruto (Cowpea aphid-borne mosaic virus); Resistance of passionfruit genotypes to the bacteriose (Xanthomonas axonopodis pv. passiflorae) and the virose of the hardening of the fruit (Cowpea aphid-borne mosaic virus)

Viana, Carla Azevedo dos Santos
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.39%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Fitopatologia, 2007.; A virose do endurecimento do fruto (Cowpea aphid-borne mosaic virus) e a bacteriose, causada por Xanthomonas axonopodis pv. passiflorae são consideradas algumas das principais doenças que atingem a cultura do maracujá-azedo (Passiflora edulis f. flavicarpa Deg.). O objetivo desse trabalho foi avaliar e selecionar materiais genéticos com resistência a essas doenças. O trabalho consistiu de quatro experimentos conduzidos em casa-de-vegetação na Estação Biológica da Universidade de Brasília (UnB), sendo dois para avaliar a resistência à virose, com o emprego de apenas um método de inoculação e dois para avaliar a resistência à bacteriose, com o emprego de dois métodos de inoculação distintos. Nos quatro ensaios, foi utilizado o delineamento de blocos casualizados, com 4 repetições e 12 plantas por parcela, em esquema de parcela subdividida. No primeiro ensaio para resistência à virose, foram avaliados 36 genótipos em seis épocas. No segundo ensaio, foram avaliados 18 genótipos em dez épocas. No primeiro ensaio para resistência à bacteriose, foram avaliados 18 genótipos em quatro épocas...

Produção, caracterização e aplicação biotecnológica de pectinases produzidas pelo fungo Aspergillus oryzae cultivado em casca de maracujá-amarelo

Jaramillo, Paula Marcela Duque
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
37.43%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Departamento de Biologia Molecular, Pós-Graduação em Biologia Molecular, 2014.; CAPÍTULO 1 - Como consequência da produção significativa de suco, as cascas, como um dos principais resíduos, tem se tornado um problema ambiental e para isso tem sido necessário determinar formas viáveis para transformá-las em produtos úteis ou de dispor adequadamente delas buscando um impacto ambiental positivo e um interesse econômico. O trabalho objetivou produzir, purificar parcialmente e caracterizar pectinases secretadas pelo fungo Aspergillus oryzae quando crescido em casca de maracujá-amarelo como única fonte de carbono por 10 dias a 28°C em agitação constante (120 rpm). Após ultrafiltração com membrana de 10 kDa, o concentrado foi avaliado na sua capacidade de reduzir a viscosidade do suco de goiaba e no processo de biopurga têxtil, obtendo resultados satisfatórios. Posteriores etapas cromatográficas, filtração em gel (Sephacryl S-200) e troca iônica (HiTrap Q FF.), purificaram parcialmente uma pectinase, PEC-P1, a qual foi caracterizada quanto ao melhor pH e temperatura, efeito de íons e compostos fenólicos, especificidade pelo substrato, termoestabilidade e análises de gel de eletroforese SDS-PAGE e zimograma. Além disso...

Maracujá: germoplasma e melhoramento genético.

FALEIRO, F. G.; JUNQUEIRA, N. T. V.; BRAGA, M. F. (Ed.).
Fonte: Planaltina, DF: Embrapa Cerrados, 2005. Publicador: Planaltina, DF: Embrapa Cerrados, 2005.
Tipo: Livros científicos (ALICE) Formato: il.; 677 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.55%
Quarta reunião técnica de pesquisas em maracujazeiro; Recursos genéticos de passiflora; Melhoramento genético do maracujá: passado e futuro; Potencial de espécies silvestres de maracujazeiro como fonte de resistência a doenças; Emprego de espécies silvestres no melhoramento genético vegetal: experiência em outras espécies com análise de retrocruzamento avançado de QTLs (AB-QTL); Espécies de maracujá com potencial agronômico; Problemas e perspectivas de avaliação de doenças como suporte ao melhoramento do maracujazeiro; Germoplasma e melhoramento genético do maracujazeiro - desafios da pesquisa; Citogenética clássica e molecular em passifloras; Genética quantitativa aplicada ao melhoramento genético do maracujazeiro; Marcadores moleculares aplicados ao melhoramento genético do maracujazeiro; Ecofisiologia do maracujazeiro e implicações na exploração diversificada; Auto-incompatibiliade do maracujá - implicações no melhoramento genético; Propagação vegetativa do maracujazeiro-conquista de novas adesões; Cultura de tecidos aplicada à manutenção de germoplasma in vitro e ao melhoramento genético do maracujá (Passiflora spp.); Estudos morfológicos, anatômicos, histoquímicos e ultra-estruturais da organogênese in vitro do maracujazeiro; Métodos biotecnológicos aplicados ao melhoramento genético do maracujá; Problemas e perspectivas do maracujá ornamental; Utilização das passifloraceae de borboletas; O maracujá e suas propriedades medicinais - estado da arte; Maracujá no contexto do desenvolvimento e conquistas da produção integrada de frutas no Brasil; Espécies de maracujá: caracterização e conservação da biodiversidade; Transformação genética do maracujazeiro para resistência a doenças; Maracujá-doce: melhoramento genético e germoplasma; Novas variedades e transferência de tecnologia; Aspectos fitotécnicos: desafios da pesquisa.; 2005

Efeito da banana da Terra verde e do albedo do maracujá sobre o perfil lipídico de ratos

BARBOSA, Eloiza Helena Carrijo
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Nutricao e Saude; Ciencias da Saude Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Nutricao e Saude; Ciencias da Saude
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.52%
Were prepared meal green plantain and albedo of passion for the development of this work. After determining the chemical composition of the meal there was a biological test aimed to evaluate the effects of soluble fiber present in the flour of passion fruit albedo and resistant starch of the flour of green plantain, and the mixture of the meal on the levels lipid levels of hypercholesterolemic rats. For testing we used 40 male Wistar rats were divided into five groups of eight rats each. Four supplemented diets were prepared with high concentration of soluble fiber and resistant starch from the flour of passion fruit peel and green plantain respectively and a standard diet. The experimental groups were divided into Banana - 10% of resistant starch and 5% cellulose, Passion Fruit - 10% soluble fiber and 5% cellulose, Mix - 5% resistant starch, 5% cellulose and 5% soluble fiber , Cellulose - 15% cellulose and Standard. The Banana group had a lower intake of diet if differing from other groups. The fecal weight was higher in groups Passion Fruit, pulp and mix. The results show the potential beneficial effect of soluble fiber intake in the control of hypercholesterolemia and soluble and insoluble fiber on intestinal transit. Resistant starch from the green plantain results were not significant on the serum lipid profile of rats. It follows therefore that the albedo of the flour mixture of flour and passion of passion with the albedo of green plantain modulated so as to reduce the serum lipid profile in rats fed a hypercholesterolemic diet...

Manejo de abelhas do gênero Xylocopa (Apidae, Xylocopini) para incremento da frutificação do maracujá-amarelo (Passiflora edulis f. flavicarpa Degener)

Junqueira, Camila Nonato
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
37.43%
A produtividade do maracujá-amarelo não atinge níveis ideais em áreas com baixa densidade ou ausência de seus polinizadores efetivos, abelhas do gênero Xylocopa. Estas abelhas apresentam tamanho e comportamento de forrageamento adequados para a polinização do maracujá-amarelo e são facilmente atraídas por ninhos-armadilha. O objetivo deste trabalho foi determinar procedimentos de manejo de ninhos de X. frontalis e X. grisescens e avaliar a eficiência destes procedimentos no incremento da produção e da qualidade de frutos de maracujá-amarelo em áreas de cultivos comerciais. No período de março de 2008 a janeiro de 2010, foram realizados os experimentos de manejo de ninhos na Fazenda Experimental Água Limpa, Uberlândia – MG. Foram construídos dois ranchos entomológicos, nos quais foram disponibilizados 192 ninhos-armadilha/rancho, confeccionados com gomos de bambu. Adicionalmente 12 ninhos de X. grisescens e 17 ninhos de X. frontalis, em diferentes estágios de desenvolvimento, foram introduzidos nesses ranchos. Os experimentos acerca da eficiência da introdução de ninhos em áreas de cultivo comerciais de maracujá-amarelo no incremento da produção e da qualidade de frutos foram realizados de novembro de 2010 a junho de 2011...

Clarificação de suco de maracujá por microfiltração: análise experimental e modelagem matemática

Domingues, Rui Carlos Castro
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
37.52%
O maracujá amarelo (Passiflora edulis) é comercializado mundialmente e o Brasil é o maior produtor mundial, sendo que cerca de 95% de sua produção voltada para o mercado de bebidas. O processamento convencional de sucos de frutas envolve diversas etapas em batelada, envolvendo uma grande demanda de tempo e recursos energéticos. Processos de separação com membranas podem ser utilizados para a remoção de micro-organismos, sem que o suco seja submetido a tratamentos térmicos indesejados, possibilitando a obtenção de uma polpa concentrada e fibrosa e uma fração clarificada e esterilizada, conservando suas propriedades sensoriais. Neste trabalho foram estudados procedimentos de pré-tratamento da polpa de maracujá antes da microfiltração, como a centrifugação, tratamento enzimático e de pré-clarificação com quitosana. Foi avaliado o efeito da combinação destes pré-tratamentos nas características físico-químicas da polpa de maracujá, bem como o seu efeito no fluxo de permeado durante a microfiltração. Foi estudado o efeito da pressão transmembrana (PTM) no fluxo de permeado e as características físico-químicas do mesmo. Depois de levantados os dados experimentais de fluxo de permeado, foi aplicado o modelo matemático proposto por FIELD et al. (1995) para se efetuar a descrição dos mecanismos de fouling ocorridos. Foi utilizado um módulo de microfiltração...

Aplicação das tecnologias supercrítica e convencionais para o reaproveitamento dos resíduos do processamento de maracujá (Passiflora edulis f. flavicarpa)

Oliveira, Daniela Alves de
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 205 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.43%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Alimentos, Florianópolis, 2015.; O Brasil é o maior produtor e consumidor mundial de maracujá amarelo (Passiflora edulis f. flavicarpa) fresco e processado. Uma grande quantidade de sementes de maracujá ainda é subutilizada pelas indústrias de suco. Uma parte desse subproduto tem sido utilizada para produzir óleo devido ao seu alto teor de ácidos graxos insaturados. O novo resíduo gerado após a produção de óleo por prensagem a frio, a torta de semente, pode ainda ser uma fonte potencial de compostos bioativos (e.g., antioxidantes e antimicrobianos), porém a exposição à luz, ao oxigênio e ao calor pode causar sua degradação. A coprecipitação com polímeros biocompatíveis e biodegradáveis, como por exemplo o poli (D,L-lactídeo-co-glicolídeo) (PLGA), pode ser usada para preservar compostos importantes. Este estudo pode ser dividido em duas partes principais. Na primeira, diferentes métodos de extração foram aplicadas às sementes e à torta de sementes de maracujá avaliando seu desempenho em termos de rendimento global de processo, teor de compostos fenólicos total (método de Folin-Ciocalteau)...

Contribuição ao estudo da estabilização fisica do suco do maracuja integral (Passiflora edulis f. flavicarpa desg.)

Deborah dos Santos Garruti
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/11/1989 PT
Relevância na Pesquisa
37.43%
Neste trabalho foi estudado, a nível de laboratório, o fenômeno da sedimentação espontânea da polpa do suco de maracujá integral (Passiflora edulis f. flavicarca Deg), objetivando-se uma melhor compreensão dos fatores que influenciam a sua estabilidade física. Como matéria-prima, para os experiment os, foi utilizado suco de maracujá preservado quimicamente, processado em indústria da região de São Paulo, o qual foi denominado "suco integral". Inicialmente uma amostra desse suco integral foi homogeneizada dípcnnicament c, sendo chamada de "sue o homogeneizado" Posteriormente foram determinados a distribuição e o tamanho das partículas suspensas. Duas frações foram, então , separadas por centrifugação dos sucos: a polpa, e o liquido sobrenadante, denominado "suco centrifugado" A partir da "polpa integral" e da "polpa homogenei¬zada" preparou-se suspensões de diversas concentrações , tanto em água como em suco centrifugado (com e sem espessartesí, com as quais foi realizada uma série de ensaios de velocidade de =-.ed imenfc ac 5o . Na tentativa de minimizar ou evitar a separação de fases que ocorre no suco no mercado, utilizou-se, isoladament e ou combinados entre si, nove diferentes espessantes comerciais...