Página 1 dos resultados de 305 itens digitais encontrados em 0.022 segundos

Management accounting in Portuguese hotel enterprises : the influence of organizational and cultural factors

Santos, Luís Lima; Gomes, Conceição; Arroteia, Nuno
Fonte: Instituto Politécnico de Leiria Publicador: Instituto Politécnico de Leiria
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.17%
Nowadays the increase in competition within the hotel and lodging industry is becoming more notorious. Management accounting has evolved in order to respond to the increasing challenges imposed by the management and the competitive economy. So, the interest in management accounting within the lodging industry is growing and it is considered useful to support the decision making process. In the literature, there may be found several studies that refer determinants that influence management accounting, supported by the contingency theory. Contingency theories of management accounting have produced new results. Analyzing the contingency theory from a functionalism perspective, management accounting is influenced by external environment, technology, organization structure, organization size, organization strategy and national culture. The present research project has selected as object of study the hotels in Portugal. We opted for the development of a questionnaire at several hotels. The data was subjected to statistical analysis. This study as the objective of characterizing management accounting in the Portuguese lodging industry, particularly in hotels, identifying the techniques adopted, the deepness of their use, the degree of satisfaction of management with these techniques and their adequacy for the decision-making process...

The influence of the environmental and organizational factors in the management accounting of the Portuguese hotels

Gomes, Conceição; Santos, Luís Lima; Arroteia, Nuno
Fonte: Instituto Politécnico de Leiria Publicador: Instituto Politécnico de Leiria
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2013 ENG
Relevância na Pesquisa
65.96%
This article presents an overview of the development of Management accounting (MA) in Portuguese hospitality industry. So, we have analyzed the MA techniques that are currently being used by different types of hotels. The sample includes 61 hotels, which were analyzed in the years 2010, 2011 and 2012. MA is a tool incorporated in the daily management practices of Portuguese hotels. However, we verified that the hotels have different behaviors in this area, which entailed a comprehensive study on the causes of this diversity. We applied the contingency theory to explain our findings, because this theory is based on the premise that the MA techniques are not used equally by all organizations. The findings indicate that the intensity of competition, perceived environmental uncertainty, decentralization, formalization and standardization influence the MA techniques in a hotel.

Management accounting in Portuguese hotel enterprises : update research

Santos, Luís Lima; Gomes, Conceição; Arroteia, Nuno; Almeida, Paulo
Fonte: Instituto Politécnico de Leiria Publicador: Instituto Politécnico de Leiria
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2013 ENG
Relevância na Pesquisa
65.96%
Management accounting (MA) techniques have evolved in the recent years in the various companies. We have studied the MA techniques that are currently being used by different types of hotels. The sample includes 61 hotels, which were analyzed between 2010 and 2012. MA is a tool incorporated in the daily management practices of Portuguese hotels. However, we verified that the hotels have different behaviors in this area, which entailed a comprehensive study on the causes of this diversity. We applied the contingency theory to explain our findings, because this theory is based on the premise that the MA techniques are not used equally by all organizations.

Empresas que se destacam pela qualidade das informações a seus usuários externos também se destacam pela utilização de artefatos modernos de contabilidade gerencial?; Do companies who stand out for information quality for external users also stand out for the use of modern management accounting artifacts?

GUERREIRO, Reinaldo; CORNACHIONE JÚNIOR, Edgard Bruno; SOUTES, Dione Olesczuk
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.02%
Estudos empíricos têm indicado baixo grau de utilização de artefatos modernos de Contabilidade Gerencial propostos pela literatura. No âmbito teórico, a teoria da contabilidade engloba o pressuposto de que a contabilidade deveria atender eficazmente os seus usuários externos e internos. Este estudo tem dois objetivos principais: avaliar se (a) empresas brasileiras que se destacam pelo seu porte na economia brasileira utilizam artefatos modernos de Contabilidade Gerencial e (b) empresas que se destacam pela qualidade de suas informações aos usuários externos, também, se destacam pela maior utilização de artefatos modernos de Contabilidade Gerencial de apoio a usuários internos. Uma amostra de 90 empresas foi examinada, selecionadas dentre empresas listadas entre as 500 maiores empresas (edição de 2005 de Melhores e Maiores) e dentre o rol de empresas que foram indicadas ao Prêmio ANEFAC-FIPECAFI-SERASA, Troféu Transparência, entre os anos-base de 1996 a2004. Dados foram coletados por meio de questionário endereçado ao gestor da área de Contabilidade Gerencial, contendo questões relativas ao grau de utilização de artefatos tradicionais e modernos de Contabilidade Gerencial. Os resultados do estudo demonstram que (a) as empresas da amostra utilizam artefatos modernos de Contabilidade Gerencial e (b) a amostra de empresas indicadas para o prêmio não se diferencia...

Pesquisa acadêmica em contabilidade gerencial no Brasil: análise e reflexões sobre teorias, metodologias e paradigmas; Management accounting research in Brazil: analyses and reflections on theory, methodology and paradigms

NASCIMENTO, Artur Roberto do; JUNQUEIRA, Emanuel; MARTINS, Gilberto de Andrade
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
76.06%
O trabalho teve por objetivo identificar e analisar as características epistemológicas da produção acadêmica da pesquisa em contabilidade gerencial no Brasil. Realizou-se uma pesquisa empírico-analítica com técnicas de análise bibliométrica e de conteúdo dos trabalhos do Congresso da Associação Nacional do Programas de Pós-Graduação em Ciências Contábeis [ANPCONT] de 2007 e 2008, Congressos de Contabilidade e Controladoria da Universidade de São Paulo [USP] e Encontros Nacionais da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração [ANPAD] dos anos de 2005 a 2008, perfazendo um total de 287 trabalhos. Os resultados indicam: (a) baixa utilização de referências que abordem as teorias da contabilidade gerencial, baixa incidência de referências a artigos publicados em periódicos internacionais e alta idade média dos trabalhos citados, 10 anos; (b) as estratégias de pesquisa se concentram em pesquisas de campo (38%), levantamentos descritivos (16%), ou trabalhos documentais (9%), sem geração de teorias substantivas ou trabalhos de natureza explicativa; (c) em relação às teorias, observa-se que 83% dos trabalhos se baseiam somente em conceitos contábeis ou legislação, enquanto 17% utilizam teorias da economia...

Arranjos entre fatores situacionais e sistema de contabilidade gerencial sob a ótica da teoria da contingência; Arrangements between situational factors and management accounting system based on the contingency theory

Guerra, Almir Rogério
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/03/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.06%
Contrariando o caráter universalista das abordagens clássicas anteriores, a Teoria da Contingência defende que não há uma melhor forma de se organizar. Conforme o contexto ambiental apresentado, a organização deve se estruturar de uma maneira diferente. No âmbito da contabilidade gerencial, os estudiosos desta teoria argumentam que não há como desenvolver um Sistema de Contabilidade Gerencial (SCG) que tenha a mesma eficiência em todas as situações. Diferentes ambientes requerem diferentes modelos de estratégia e estrutura organizacional, o que termina por impactar a forma como o SCG é organizado. Amparada então pela teoria contingencial, a presente pesquisa tem por objetivo identificar e analisar os arranjos promovidos pelo encaixe existente entre os fatores ambientais e organizacionais nas maiores empresas atuantes no mercado brasileiro. Os fatores empregados são: ambiente, tecnologia, estratégia, estrutura organizacional, atributos do SCG e desempenho organizacional. Para cada fator, há uma ou mais variável que procura mensurar o quanto as características tratadas estão presentes. A coleta dos dados se deu por meio de questionários enviado às empresas constantes no projeto Melhores & Maiores, edição 2006. A amostra final é composta por 104 participantes...

O desenvolvimento da contabilidade gerencial nas empresas: uma perspectiva de ciclo de vida; Management accounting development in organizations: a life cycle perspective

Necyk, George Anthony
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/03/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.07%
Este trabalho teve como objetivo ampliar o entendimento de como a Contabilidade Gerencial se desenvolve ao longo do tempo em uma organização, tomando como base um modelo de estágios de ciclo de vida. Pressupõe-se que, em cada estágio de ciclo de vida, a organização assume características particulares e tem necessidades de informações específicas, o que impacta em suas práticas contábeis gerenciais. O modelo de ciclo de vida de Miller e Friesen (1984), para organizações em geral, e o trabalho de Moores e Yuen (2001), que o aplicou ao estudo da Contabilidade Gerencial, ambos baseados na Teoria da Configuração, formam o principal referencial teórico deste trabalho. A estratégia de pesquisa utilizada foi a de um estudo de caso único, que se justifica pela complexidade do tema e pela abordagem longitudinal retrospectiva. A empresa objeto deste estudo foi uma indústria de transformação com mais de 40 anos de idade. O horizonte de análise compreendeu o intervalo da história da empresa que iniciava de 1994 e findava em 2006, o momento presente, conforme os relatos dos profissionais da empresa selecionados como participantes da pesquisa. De um modo geral, as características observadas nos períodos identificados foram compatíveis com a descrição dos estágios correspondentes no referencial teórico. Foi possível constatar como a evolução dos estágios de ciclo de vida afeta o desenvolvimento da Contabilidade Gerencial dentro do mesmo estágio e na transição entre estágios distintos. Observou-se que o processo de transição não é necessariamente linear...

Gestão e mensuração de custos: semelhanças e divergências entre a microeconomia e a contabilidade gerencial; Cost management and cost measurement: similarities and divergencies between microeconomics and management accounting

Panarella, Paulo Jorge Miranda
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/09/2010 PT
Relevância na Pesquisa
66.17%
Este trabalho teve como objetivo identificar e inventariar as similaridades e as discrepâncias entre a Microeconomia e a Contabilidade Gerencial em relação à gestão e à mensuração de custos de entidades individuais. Estudos anteriores dessa natureza se limitaram à Teoria Neoclássica da Firma comparativamente à Contabilidade Societária. Este estudo modifica este padrão de comparação. Para suprir lacunas da Teoria Neoclássica da Firma, outros três referenciais teóricos da Microeconomia foram adicionados: a Organização Industrial (em relação à Gestão Estratégica de Custos), a Economia dos Custos de Transação (em relação ao Custeio Baseado em Atividades) e a Teoria Behaviorista (contraponto da Teoria Neoclássica para diferenciar entre métodos de custeio). A Contabilidade Gerencial é a referência para conceituar custos contábeis bem como servir de base para as comparações restantes. A metodologia empregada foi a da pesquisa bibliográfica, seguida de um processo de reflexão crítica, e se baseou nas literaturas da Economia e da Contabilidade Gerencial. Como resultado ficou demonstrado que, no plano teórico, a Contabilidade Gerencial é consistente com as teorias econômicas, o que explica as semelhanças...

Controle gerencial como prática social e organizacional: análise crítica a partir de três paradigmas de pesquisa; Management control as social and organizational practice: a critical analysis from three research paradigms

Nascimento, Artur Roberto do
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/05/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.13%
A tese investiga controle gerencial como prática social e organizacional a partir de três paradigmas de pesquisa. Foi realizada etnografia em empresa brasileira, utilizando-se de shadowing, teoria fundamentada, entrevistas, observação, análise retórica, de documentos e visuais. No paradigma neofuncionalista, desenvolve teoria fundamentada construcionista para entender como controles sociotécnicos interagem com socioideológicos. Apesar de possuir tecnologias sociotécnicas, tais como "custeio baseado em atividades", "balanced scorecard", "orçamento empresarial", "planejamento", elas não são utilizadas como previsto na literatura gerencialista. Ao invés disso, formas sutis de controles socioideológicos, como retórica, políticas de recrutamento, controles sociais, liderança carismática, combinadas com tecnologia de controle híbrida desenvolvida pela empresa, fazem com que funcionários avaliem, implicitamente, custos e viabilidade econômica de suas ações. Essa tecnologia foi apresentada, inicialmente, como ferramenta de inovação, mas no estudo revelou-se como um controle totalizante, mais rígido do que os existentes na literatura. O papel gerencial da contabilidade é fornecido pela demonstração de resultados societária sintética para análise da participação nos lucros. Desse modo...

Aproximação entre contabilidade gerencial e contabilidade financeira com a convergência contábil brasileira às normas IFRS; Approach between management accounting and financial accounting with the Brazilian accounting convergence to IFRS standards

Gilio, Luciano
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/11/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.02%
Este trabalho investiga se a adoção das normas IFRS - International Financial Reporting Standards, por meio dos pronunciamentos técnicos do Comitê de Pronunciamentos Contábeis - CPC, resultou em aproximação significativa dos conceitos usados pela contabilidade gerencial e pela contabilidade financeira nas empresas brasileiras. Com a adoção das normas internacionais de contabilidade (as normas do International Accounting Standards Board - IASB) no Brasil, chamada de convergência contábil brasileira, a contabilidade financeira passou por significativa alteração de padrões. Essa alteração ocorreu por meio de pronunciamentos do CPC ou pela adoção das IFRS. Amparadas por uma estrutura conceitual básica que incluiu a primazia da essência sobre a forma no reconhecimento, mensuração e evidenciação na contabilidade, essas novas normas introduziram conceitos como a mensuração a valor justo de ativos que usam a essência econômica das transações como premissa para o registro contábil. Por sua vez, a contabilidade gerencial possui a discricionariedade necessária para usar a essência econômica na apuração de transações para os usuários internos das companhias tomarem decisões. Observou-se um número reduzido de pesquisas que estudaram...

Analysis of the Factors Affecting Resistance to Changes in Management Accounting Systems

Angonese,Rodrigo; Lavarda,Carlos Eduardo Facin
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2014 EN
Relevância na Pesquisa
66.05%
Despite changes in the environment and management accounting practices, studies indicate that management accounting systems do not change or change at a much slower rate than expected. The stability of the management accounting systems used by companies may relate to resistance to changing these systems. This study analyzes the factors that contribute to resistance to implementing an integrated management system from the perspective of institutional theory, grounded in the old institutional economics. Methodologically, this study provides a qualitative assessment of the problem and a descriptive analysis of the resistance factors through a case-study approach. The data were collected using semi-structured interviews and analyzed through content analysis. Two companies were selected for this study due to their differing characteristics. The following seven factors were analyzed for resistance to implementing integrated management systems: institutional power, ontological insecurity, trust, inertia, lack of knowledge, acceptance of routines and decoupling. However, there was no evidence to characterize hierarchical power. The research findings indicate that changing management accounting systems, through the implementation of an integrated management system...

Social research evolution in management accounting : reflection using Bunge’s theory

Barrachina Palanca, Mercedes; Ripoll, Vicente; Gago Rodríguez, Susana
Fonte: Elsevier Publicador: Elsevier
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/plain; application/pdf
Publicado em /05/2004 ENG
Relevância na Pesquisa
66.05%
Actually Management Accounting is considered for an important group of researchers as a social science. This is a consequence of an evolution from an economic view to social-oriented perspectives. Following Mario Bunge’s theory, we establish that break point in 1980s. Until 1980s, the accounting research was dominated by an economic analysis with both utilitarian and cognitive objectives. The scientific growth was in surface, without any relevant change in the foundations of Management Accounting. The development of new concerns regarding social implications promotes a growth in-depth in the 1980s. Socio-economic analysis, both in interpretative and critical research, is developed following utilitarian and cognitive objectives. We defend that Management Accounting, to consolidate its status as a social science, needs an evolutionary, reflexive and trans-disciplinary thinking, in both theoretical and empirical dimension. Utilitarian and cognitive approaches must be developed and in a coordinated way. Dialogue between different theoretical perspectives will support the utilitarian objective. Dialogue between different methods and findings, in particular case studies, will contribute to both utilitarian and cognitive dimensions

Produção científica de contabilidade gerencial em âmbito internacional: uma análise a partir da modelagem de redes complexas; Management accounting scientific production in international scope: an analysis from the modeling of complex networks

Benjamim Junior, Valdomiro
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/03/2015 PT
Relevância na Pesquisa
66.01%
O objetivo desta dissertação de mestrado foi examinar a configuração atual do campo de pesquisa de Contabilidade Gerencial a partir dos enfoques temáticos e das relações dos teóricos dentro da comunidade de pesquisadores da área com apoio da Teoria das Redes Complexas. Discute-se a evolução temática das últimas décadas e a configuração das relações entre os teóricos nessa rede de publicação, apresentando assim, um mapa estrutural dessa rede de produção científica. A justificativa deste estudo reside no fato de que ao compreender a rede em sua plenitude, os atores podem compreender e analisar, sob uma melhor crítica, as informações que circulam, e assim, também, melhor interagir com outros atores. A questão central aqui tratada foi a compreensão da tendência temática e autoral observada do campo da Contabilidade Gerencial que se obtém a partir do mapeamento dos trabalhos publicados no período de 2001 a 2011, segundo a análise da rede de pesquisadores que publicam nos principais periódicos mundiais. Baseia-se em teorias e técnicas ainda pouco exploradas para a compreensão da área contábil, quais sejam as Teorias das Redes Complexas e dos Sistemas Complexos de maneira mais geral. Este trabalho se apresenta de forma exploratória e descritiva e pretende ser uma continuação e adaptação do trabalho de Hesford et al. (2007). Várias medidas e simulações de redes foram elaboradas por meio de um banco de dados no qual foram reunidos autores citados e autores que citaram nos artigos publicados. Os resultados mostram que a quantidade de artigos em Contabilidade Gerencial tem permanecido constante em relação percentual (27%) com o total de artigos em Contabilidade de maneira geral nos últimos trinta anos. Além dos periódicos especializados em Contabilidade Gerencial (MAR e JMAR)...

Economic Transition, Strategy and the Evolution of Management Accounting Practices: The Case of India

Lanen, William; Anderson, Shannon W.
Fonte: MIT - Massachusetts Institute of Technology Publicador: MIT - Massachusetts Institute of Technology
Formato: 3275840 bytes; application/pdf
EN_US
Relevância na Pesquisa
65.91%
Liberalization of the Indian economy in 199I increased the intensity of international competition and changed the internal information needs of Indian managers. This paper explores the evolution of a broad range of management accounting practices in 14 firms using a contingency theory framework. Differences in management accounting practices in 1996 are examined in relation to firms' experience and exposure to world markets prior to liberalization and as a function of contemporaneous differences in competitive strategy. We find evidence of changes associated with shifts in the external environment.; University of Michigan Business School

Um caso de mudança na contabilidade gerencial: a dinâmica política e social; A case of management accounting change: the political and social dynamics

Wanderley, Cláudio de Araújo; Cullen, John
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/12/2012 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
66.06%
O principal objetivo do presente estudo é explicar a dinâmica política e social do processo de mudança na contabilidade gerencial em uma companhia de distribuição elétrica brasileira privatizada, articulando e estudando as interconexões entre os ambientes inter e intra-organizacionais (nível político e econômico; nível do campo organizacional e nível intra-organizacional). Este trabalho adota o estudo de caso interpretativo como método de pesquisa para analisar as mudanças na contabilidade gerencial que aconteceram na companhia estudada durante um período de 8 anos, isto é, entre 2000 (o ano de privatização) até 2007. Este artigo defende que, para compreender essas mudanças na contabilidade gerencial, é importante discutir e entender a dinâmica social e política do ambiente inter e intra-organizacional, já que as práticas e os critérios no nível do campo organizacional, em combinação com a lógica intra-organizacional, formaram o sistema de contabilidade gerencial da companhia. Para explicar as mudanças na organização sob análise, este trabalho fundamentou-se nos construtos propostos por Dillard, Rigsby et al. (2004) para articular e compreender os três níveis do sistema social e político. Esses construtos são baseados nos eixos de tensão de Weber e na teoria de estruturação de Giddens. A análise deste caso indica que aconteceram profundas mudanças nos sistemas gerenciais da companhia após o processo de privatização...

Em busca de um melhor entendimento da contabilidade gerencial através da integração de conceitos da psicologia, cultura organizacional e teoria institucional; The search for a better understanding of management accounting by integrating concepts from psychology, organizational culture and institutional theory

Guerreiro, Reinaldo; Frezatti, Fábio; Casado, Tânia
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2006 POR
Relevância na Pesquisa
76.11%
Pesquisas empíricas constatam que apesar de fatores indutores e facilitadores do ambiente externo, o que se observa é o baixo grau de implementação de novas técnicas e conceitos de contabilidade gerencial nas empresas. A teoria institucional é uma abordagem sociológica que tem sido aplicada na área contábil para estudar esse fenômeno. Essa teoria foca a contabilidade como uma instituição dentro da empresa, isto é, uma rotina formada por hábitos que dá sentido a determinado grupo de pessoas. O ponto central sobre o qual repousa a teoria institucional é a idéia de hábitos de um grupo de pessoas: a instituição é estruturada a partir de rotinas e as rotinas dependem de hábitos. A hipótese de pesquisa que se coloca é que determinados conceitos da psicologia e da cultura organizacional podem contribuir para uma melhor compreensão da abordagem institucional aplicada à Contabilidade Gerencial. Nesse contexto, o objetivo deste ensaio é aprofundar o nível de entendimento sobre as causas do gap que existe entre a teoria e a prática da Contabilidade Gerencial. O método de pesquisa utilizado envolve a correlação entre a abordagem institucional com a abordagem de cultura organizacional e ainda com o conceito de inconsciente da psicologia...

Empresas que se destacam pela qualidade das informações a seus usuários externos também se destacam pela utilização de artefatos modernos de contabilidade gerencial?; Do companies who stand out for information quality for external users also stand out for the use of modern management accounting artifacts?

Guerreiro, Reinaldo; Cornachione Júnior, Edgard Bruno; Soutes, Dione Olesczuk
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.02%
Estudos empíricos têm indicado baixo grau de utilização de artefatos modernos de Contabilidade Gerencial propostos pela literatura. No âmbito teórico, a teoria da contabilidade engloba o pressuposto de que a contabilidade deveria atender eficazmente os seus usuários externos e internos. Este estudo tem dois objetivos principais: avaliar se (a) empresas brasileiras que se destacam pelo seu porte na economia brasileira utilizam artefatos modernos de Contabilidade Gerencial e (b) empresas que se destacam pela qualidade de suas informações aos usuários externos, também, se destacam pela maior utilização de artefatos modernos de Contabilidade Gerencial de apoio a usuários internos. Uma amostra de 90 empresas foi examinada, selecionadas dentre empresas listadas entre as 500 maiores empresas (edição de 2005 de Melhores e Maiores) e dentre o rol de empresas que foram indicadas ao Prêmio ANEFAC-FIPECAFI-SERASA, Troféu Transparência, entre os anos-base de 1996 a2004. Dados foram coletados por meio de questionário endereçado ao gestor da área de Contabilidade Gerencial, contendo questões relativas ao grau de utilização de artefatos tradicionais e modernos de Contabilidade Gerencial. Os resultados do estudo demonstram que (a) as empresas da amostra utilizam artefatos modernos de Contabilidade Gerencial e (b) a amostra de empresas indicadas para o prêmio não se diferencia...

FROM TEXT TO CONTEXT: MANAGEMENT ACCOUNTING USE IN MICRO AND SMALL COMPANIES UNDER THE THEORETICAL PERSPECTIVE OF BAKHTIN; DO TEXTO AO CONTEXTO: O USO DA CONTABILIDADE GERENCIAL PELAS PEQUENAS EMPRESAS SOB A PERSPECTIVA TEÓRICA DE BAKHTIN

Vaz, Patricia Villa Costa; Espejo, Márcia Maria dos Santos Bortolocci
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 29/09/2015 POR
Relevância na Pesquisa
65.95%
This article aims to apply Bakhtin’s communication theory in management accounting, in order to reduce the possible reasons for their limited use in micro and small companies. To this end, we propose a theoretical model of analysis and an initial investigation, seeking their application in the suggested context. Two case studies were conducted, each one with one accountant and five of its clients micro companies. In both cases it was performed data triangulation with documental research to confirm information. Considering bakhtinian theoretical aspects, the results indicated that it is possible to reduce communication noise between accountant and entrepreneur through: the accountant availability in settling questions, clear and simple language, reducing the use of technical jargon, entrepreneurs improvement with management courses, accounting closer to the administrative reality, accounting valuation by the accountants and also by the micro companies managers, to realize their potential information, decoupling the image of accounting for tax purposes only.; O presente artigo tem por objetivo analisar a compreensão do interlocutor a respeito da Contabilidade Gerencial sob a perspectiva teórica de Mikhail Bakhtin sobre a formação do discurso. Bakhtin é um linguista russo que dedicou sua vida à compreensão da comunicação humana...

Management Accounting Research: Mainstream versus Alternative Approaches; Management Accounting Research: Mainstream versus Alternative Approaches

Wanderley, Claudio de Araujo; Universidade Federal de Pernambuco; Cullen, John; The University of Sheffield
Fonte: Universidade Federal de Minas Gerais - Departamento de Ciências Contábeis Publicador: Universidade Federal de Minas Gerais - Departamento de Ciências Contábeis
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares; Pesquisa Teórica; Pesquisa Teórica Formato: application/pdf
Publicado em 26/04/2013 POR
Relevância na Pesquisa
66.2%
The objective of this study is to present the management accounting research field by analysing the differences between mainstream and alternative approaches. Research in the field of management accounting can be characterised by its methodological diversity which includes interpretive research, critical research and the traditional functionalist and positivist research. A variety of research methods have also been used, including surveys, fieldwork, case studies and ethnographic studies, as well as studies that have adopted a more conventional quantitative approach, such as contingency-type studies. In addition, researchers have drawn on a wide range of theories, including traditional positivistic theories, such as economic theory and contingency theory, and alternative theories, such as institutional theory, structuration theory, actor network theory, middle-range thinking, labour process theory, political economy, and Foucault’s theory. Therefore, management accounting is a heterogenic field of research with a non-dominant paradigm. Finally, it was advocated that alternative studies are more adequate than mainstream research, because the latter fails to locate management accounting as a social practice.; The objective of this study is to present the management accounting research field by analysing the differences between mainstream and alternative approaches. Research in the field of management accounting can be characterised by its methodological diversity which includes interpretive research...

Contingency Factors Influence on the Attributes of Management Accounting System: a study of textile companies in the State of Rio Grande do Sul; Influência de Fatores Contingenciais nos Atributos do Sistema de Contabilidade Gerencial: um estudo em empresas têxteis do Estado do Rio Grande do Sul

Beuren, Ilse Maria; Universidade Federal do Paraná - UFPR; Fiorentin, Marlene; Universidade Regional de Blumenau – FURB
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 14/04/2014 POR
Relevância na Pesquisa
65.91%
The goal of this study is to determine whether contingency factors (environment, technology, strategy, organizational structure and size) influence on the attributes of management accounting system of textile companies of Rio Grande do Sul. A questionnaire was sent to the owners of 38 companies registered in the Trade Union of the cities Farroupilha e Sarandi, and were obtained 14 replies. To the data was applied the entropy technique to verify the amount of information of the responses. The results indicated that the environment variable was verifies as the one which influences the most, with an emphasis on the customer tastes and preferences and technology applied to the production process. On the other hand, competition for the purchase of inputs/components and competition attitudes was considered as the variable which influences less the companies. It was concluded that the contingency factors of environment, technology, strategy, organizational structure and size, whether with more or less information weight, influence the attributes of the Management Accounting System.; http://dx.doi.org/10.5007/2175-8077.2014v16n38p195O estudo objetiva verificar se os fatores contingenciais (ambiente, tecnologia, estratégia, estrutura e porte organizacional) influenciam nos atributos do Sistema de Contabilidade Gerencial em empresas têxteis do Rio Grande do Sul. Um questionário foi enviado aos proprietários das 38 empresas têxteis cadastradas no Sindicato do Comércio das cidades de Farroupilha e Sarandi...