Página 1 dos resultados de 1417 itens digitais encontrados em 0.064 segundos

Reformismo Ilustrado, censura e práticas de leitura: usos do livro na América Portuguesa; Enlightened Reformism, Censorship and Reading Practices: The Uses of Books in Portuguese America

Villalta, Luiz Carlos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/08/1999 PT
Relevância na Pesquisa
86.11%
Esta tese propõe-se a investigar os usos do livro na América Portuguesa, fazendo referências também a Portugal. Embora concentre-se nos anos compreendidos entre 1750 e 1822, para compreender as especificidades deste mesmo período, recua quando necessário ao século XVI. Primeiramente, apresenta um quadro das referências culturais e dos alvos de ataque da censura portuguesa e dos leitores no período do Reformismo Ilustrado: de um lado, as teorias corporativas de poder da Segunda Escolástica, os milenarismos e o anti-cientificismo e, de outro, a Ilustração e, ainda, as linhas gerais do Reformismo Ilustrado português, de Pombal ao Príncipe Regente D. João VI. Em segundo lugar, focaliza a atuação da censura e da Coroa em relação aos livros, isto é, os usos prescritos e interditados, avaliando os parâmetros censórios e suas modificações sob o Reformismo Ilustrado; acompanhando as práticas de controle e, inversamente, de difusão que afetaram a circulação e a posse de livros; e, ainda, examinando as concessões de licença para a leitura de livros proibidos. Por fim, aborda os usos do livro no mundo luso-brasileiro, através da análise da distribuição da posse de livros e da composição das bibliotecas; depois...

Lições de coisas e sua transposição para livros de leitura brasileiros (1907-1945): a história da educação pela clivagem do impresso; Primeiras lições das cousas and its transposition to Brazilian reading books (1907-1945): the history of education seen through printing press process

Medina, Camila Beltrão
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/04/2012 PT
Relevância na Pesquisa
106.22%
Nos últimos anos, ampliaram-se significativamente os espaços de produção em história da educação no Brasil, provavelmente, em decorrência do crescente número de pesquisadores voltados a estudos que abarquem universos educacionais e escolares. Um balanço das pesquisas mais recentes nesse campo permite observar que as discussões historiográficas sobre a educação se estendem para além das fronteiras dos fatos e dados históricos e evidencia o grande interesse sobre temas voltados a desvendar práticas que constituíram o arcabouço do nosso sistema educacional e pedagógico contemporâneo. Um recurso investigativo reside na análise de materiais didáticos manipulados por professores e alunos que, por estarem presentes no interior das salas de aula, oferecem indícios do que acontecia na escola além do discurso. Desse modo, o trabalho aqui apresentado, pretende analisar Livros de Leitura produzidos entre os anos de 1907 e 1945 basicamente em duas perspectivas: como objeto de estudo e como fonte. No domínio da investigação que considera os materiais didáticos de leitura como objeto de estudo, propõe-se como uma das possibilidades de aprofundamento a melhor compreensão da sua materialidade, destacando o lugar do autor e do editor no contexto de sua produção e circulação. No que diz respeito à análise de conteúdos...

As práticas de leitura literária de adolescentes e a escola: tensões e influências; Literary reading practices by adolescents and the school

Oliveira, Gabriela Rodella de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 08/10/2013 PT
Relevância na Pesquisa
86.09%
Esta tese tem por objetivo descrever, analisar e interpretar as práticas de leitura literária de adolescentes que frequentam a escola. Para tanto, optou-se por uma pesquisa de caráter exploratório realizada com alunos do primeiro ano do ensino médio matutino de quatro escolas paulistas, duas da rede pública estadual e duas da rede particular, três delas situadas na capital e uma delas pertencente à região metropolitana da cidade de São Paulo. A coleta dos dados, realizada nos estabelecimentos escolares no segundo semestre de 2011, se deu por meio da articulação entre questionários com perguntas fechadas e abertas respondidas por 289 alunos e entrevistas realizadas com 63 desses alunos em aproximadamente cinco horas de gravações. A análise dos dados evidencia: 1) o forte apelo da cultura de massa presente nas práticas de leitura literária de best-sellers que os adolescentes de todos os extratos sociais escolhem fazer por conta própria; 2) a tensão existente entre os estudantes e a leitura dos livros requisitados pela escola causada pela obrigatoriedade, pelas dificuldades encontradas de ordem linguística ou de intelecção e pelos prazos e avaliações implicados nessas leituras; 3) a desconsideração, por parte dos agentes escolares...

As faces do livro de leitura

Oliveira, Cátia Regina Guidio Alves de; Souza, Rosa Fátima de
Fonte: Centro de Estudos Educação e Sociedade (CEDES) Publicador: Centro de Estudos Educação e Sociedade (CEDES)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 25-40
POR
Relevância na Pesquisa
106.08%
Este trabalho pretende ser uma contribuição para a compreensão da história do livro didático no Brasil, mais especificamente no tocante ao estado de São Paulo. Trata-se da análise de alguns dos livros de leitura mais utilizados nas escolas primárias no final do século XIX e início do XX (1890-1920), compreendendo o livro como um objeto cultural. Delineamos as suas diferentes faces e o seu uso na escola, considerando o conteúdo, a finalidade, o formato, a produção editorial e a autoria, fazendo a interseção entre a história das disciplinas escolares e a história da leitura.; This study is a contribution to understanding the historical development of reading books in Brazil, in particular in the state of São Paulo, an analyse of some text books more frequently used in the primary schools at the end of XIX century and at the beginning of XX century (1890-1920), as a cultural instrument. We describe their different faces and their use in the school in terms of contents, objectives, format, publisher production and copyright. We attempt to determine the intersection between teaching in classroom and history of reading.

A coleção de leitura escolar: série Thales de Andrade (1928-1964) : reflexões sobre leitura escolar

Stanislavski, Cleila de Fátima Siqueira
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 204 f. : il. color.
POR
Relevância na Pesquisa
86.25%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Educação - FFC; Esta Tese de Doutorado tem como objetivo analisar a constituição de um modelo de leitura escolar instituído pela Coleção de Leitura Escolar: Série Thales de Andrade da Companhia Editora Nacional. Os livros que a compõe são Ler Brincando, Espelho, Vida na Roça, Trabalho, Saudade, Campo e Cidade e Alegria, do autor Thales Castanho de Andrade. Os livros eram destinados para o ensino e aprendizagem nas escolas brasileiras, no século XX. Apresentam características similares entre eles instituindo um modelo de leitura escolar apresentado e agrupado na coleção, definindo-se a partir das idéias educacionais, sociais e culturais do início do século XX. O modelo de leitura era voltado para as escolas isoladas rurais daquele momento. Para a análise foram estudadas a materialidade dos livros (Chartier); documentos editoriais no que se refere às políticas de aquisição dos livros entre Estado e editora; na busca dos leitores pretendidos, encontrados na análise dos dados da editora, do autor e dos próprios livros; e o mercado editorial. Segundo Roger Chartier (1991)...

Medidas de controle da circulação do livro didático para o ensino de leitura e escrita em São Paulo: atuação da commissão revisora de 1918

Oliveira, Fernando Rodrigues de; Trevisan, Thabatha Aline
Fonte: Associação Sul-Rio-Grandense de Pesquisadores em História da Educação Publicador: Associação Sul-Rio-Grandense de Pesquisadores em História da Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 103-125
POR
Relevância na Pesquisa
86.11%
In order to contribute to the understanding of the history of the teaching of reading and writing and the history of political movement of textbooks in Sao Paulo, Brazil, we present the results of the analysis of the documents produced by the Review Commission Textbook, established in 1918 by the General Board of Education of São Paulo State. This commission aimed to review which books among the already approved by previous committees, should continue as recommended for use in elementary schools in São Paulo. For this, the commission has prepared various reports, which are representative of the actions of the state government to control the circulation and use of textbooks in elementary schools in the early twentieth century.; In order to contribute to the understanding of the history of the teaching of reading and writing and the history of political movement of textbooks in Sao Paulo, Brazil, we present the results of the analysis of the documents produced by the Review Commission Textbook, established in 1918 by the General Board of Education of São Paulo State. This commission aimed to review which books among the already approved by previous committees, should continue as recommended for use in elementary schools in São Paulo. For this...

O que avaliam as avaliações de livros didatico de ciencias - 1. a 4. series do Programa Nacional do Livro Didatico?

Flavia de Barros Ferreira Leão
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em //2003 PT
Relevância na Pesquisa
85.99%
A presente pesquisa discute os Documentos de Avaliação de Livros Didáticos de Ciências de 1ª a 4ª série do ensino fundamental produzidos no Plano Nacional de Livro Didático (PNLD), buscando identificar que elementos do ensino de Ciências e características do livro didático são considerados com maior relevância nesses programas. Também se discute a questão do livro didático sob o enfoque das pesquisas acadêmicas e o histórico do Livro Didático no Brasil no século XX, especialmente o surgimento do PNLD (Plano Nacional do Livro Didático). O estudo apresenta uma descrição dos quatro documentos de avaliação de Livros Didáticos já divulgados no PNLD: Definição de Critérios para Avaliação de Livros Didáticos – de 1ª a 4ª série de 1994; Guia de Livro Didático de 1ª a 4ª série de 1996; Guia de Livro Didático de 1ª a 4ª série de 1998; Guia de Livro Didático de 1ª a 4ª série de 2000/2001. A seguir, faz uma análise detalhada dos pareceres da avaliação das coleções de livros de Ciências - 1ª a 4ª séries feitas pelos documentos de avaliaçã o. Conclui-se que os critérios de avaliação adotados pelo documento: Definições de Critérios para Avaliaç ão de Livros Didáticos - 1ª a 4ª séries...

As lições de Meninice : um estudo sobre as representações de livros de leitura inscritas na série graduada de leitura Meninice (1948/1949), de Luiz Gonzaga Fleury; The lessons of Meninice : a study about representations of book reading entered in graduated series Meninice (1948/1949), of Luiz Gonzaga Fleury

Ilsa do Carmo Vieira Goulart
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/12/2013 PT
Relevância na Pesquisa
96.2%
Com o intuito de investigar, relacionar e compreender quais e como as representações sobre o livro de leitura se constroem histórico e socialmente, concretizadas numa produção material e impressa, esse trabalho intenta contribuir para com os estudos sobre a história do livro didático no Brasil, no decorrer da primeira metade do século XX. Para a efetivação de tal propósito a pesquisa se direciona aos discursos presentes em diferentes fontes documentais, como os relatórios dos Anuários do Ensino do Estado de São Paulo, periódicos que circularam na época, como Revista Ensino, Revista Escolar, Revista Educação e o Jornal O Estado de São Paulo. Os discursos produzidos nas três décadas do século XX sobre os livros didáticos constituíam-se por interesses políticos para se implementar um ensino nacionalizado e uniformizado, com isso percebe-se uma construção e apresentação de ideias sobre o que seria e como deveria ser estruturado um livro de leitura considerado de qualidade. Neste sentido, a pesquisa prioriza apreender o que tais enunciados trazem como marca de uma representatividade de "bom" livro de leitura, tomando como corpus investigativo os livros que compõem a série graduada de Língua Portuguesa, Meninice (1948/1949)...

A série didática Fontes

Silva Filho, Vidomar
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 423 p.| il., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
86.17%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Lingüística, Florianópolis, 2013; A série didática Fontes compunha-se de uma cartilha de alfabetização e quatro livros de leitura, criados por Henrique da Silva Fontes. Adotada oficialmente para uso nas escolas primárias de Santa Catarina a partir de 1920 e utilizada até meados dos anos de 1950, a Série Fontes participou da formação de milhares de crianças catarinenses. Os livros de leitura, que constituem os dados privilegiados nesta pesquisa, consistem em antologias que reúnem textos tanto de Henrique Fontes quanto de outros autores. No campo da Linguística Aplicada, utilizando como base epistemológica a filosofia da linguagem do Círculo de Bakhtin e como abordagem teórico-metodológica a Análise Dialógica do Discurso (ADD), analisamos, nos quatro livros de leitura da Série de Leitura Fontes, a autoria, aqui tratada como posição enunciativa e como função organizadora do todo do enunciado. Tomando a Série Fontes em sua condição de enunciado, historiamos primeiramente o contexto social mais amplo da interação, especialmente o sistema educacional catarinense, desde a primeira metade do século XIX até a terceira década do século XX...

4.1 Clube de Leitura Juvenil Letras Soltas, uma experiência de sucesso na Biblioteca Municipal da Maia

Silva, Suzana de Sousa e; Silva, Joaquim Jorge Moreira da
Fonte: Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti Publicador: Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti
Tipo: Parte de Livro
POR
Relevância na Pesquisa
85.96%
Capítulo 4 "Práticas de Leitura em contexto de biblioteca" do livro: Ler em família, ler na escola, ler na biblioteca: boas práticas; Letras Soltas é a denominação de um projeto de promoção da leitura, sob a forma de um Clube de Leitura Juvenil, desenvolvido pela Biblioteca Municipal da Maia, com início em fevereiro de 2007 e final previsto para junho de 2011. Nasceu como um espaço de exercício de leitura, potenciando uma relação de proximidade com os livros, onde os jovens possam melhorar a competência leitora, trocar ideias e desenvolver o seu sentido crítico a partir de um livro em língua portuguesa, de autores de várias nacionalidades. Com esta reflexão pretende-se dar a conhecer a experiência de sucesso que constituiu a criação e desenvolvimento deste Clube de Leitura Juvenil. Uma vez este terminado, é possível, agora, fazer a avaliação global do projeto procurando, simultaneamente, encontrar as razões para o considerar um caso de sucesso, e os aspetos negativos ou suscetíveis de melhoria em posteriores iniciativas do género. Estruturalmente, esta comunicação divide-se em três partes: Na primeira parte, expõe-se, ainda que de forma sintética, o enquadramento teórico/conceptual subjacente à opção metodológica do modelo de ‘clube de leitura’ adotado. A segunda...

Práticas de leitura da população portuguesa no início do século XXI

Neves, José Soares da Silva
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
85.98%
Tese especialmente elaborada para obtenção do grau de Doutor em Sociologia na especialidade de Sociologia da Comunicação, da Cultura e da Educação; A presente tese caracteriza a população portuguesa no início do século XXI quanto às práticas de leitura e traça os perfis sociais dos vários tipos de leitores. Fundada na sociologia da leitura e na perspectiva teórica de Wendy Griswold, na qual os conceitos de cultura de leitura e classe de leitores são fulcrais, analisa-se ao longo da pesquisa as práticas de leitura e, em particular, a leitura como prática cultural, em suportes impressos, livros, jornais e revistas. Tendo em conta a generalização das novas tecnologias de informação nas sociedades contemporâneas procura-se identificar as suas implicações nas práticas de leitura. Para além das práticas declaradas caracteriza-se a cultura de leitura portuguesa de acordo com os processos de socialização e as representações da leitura. A partir dos comportamentos face à leitura, dos tipos de leitores e dos perfis sociais procurase chegar a uma definição, ancorada na categoria socioprofissional e operacionalizada segundo a tipologia ACM, da classe de leitores portuguesa, de acordo com a hipótese de que esta se aproxima da categoria profissionais técnicos de enquadramento...

As faces do livro de leitura

Oliveira,Cátia Regina Guidio Alves de; Souza,Rosa Fátima de
Fonte: Centro de Estudos Educação e Sociedade Publicador: Centro de Estudos Educação e Sociedade
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2000 PT
Relevância na Pesquisa
106.08%
Este trabalho pretende ser uma contribuição para a compreensão da história do livro didático no Brasil, mais especificamente no tocante ao estado de São Paulo. Trata-se da análise de alguns dos livros de leitura mais utilizados nas escolas primárias no final do século XIX e início do XX (1890-1920), compreendendo o livro como um objeto cultural. Delineamos as suas diferentes faces e o seu uso na escola, considerando o conteúdo, a finalidade, o formato, a produção editorial e a autoria, fazendo a interseção entre a história das disciplinas escolares e a história da leitura.

Das mãos do autor aos olhos do leitor. Um estudo sobre livros escolares: A Série de Leitura Graduada Pedrinho de Lourenço Filho (1950/1970)

Cunha,Maria Teresa Santos
Fonte: Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho Publicador: Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2011 PT
Relevância na Pesquisa
86.12%
Objeto importante da cultura escolar os manuais escolares se firmam como elemento material para uso de professores e alunos e como representação de todo um modo de conceber e praticar o ensino. Os manuais escolares aqui problematizados para investigação circularam a partir da década de 1950 até a década de 1970, com o nome de Série de Leitura Graduada Pedrinho - de autoria do Professor Manuel Bergström Lourenço Filho (1897-1970) e foram amplamente utilizados em Santa Catarina e no Brasil como livros de leitura. Este trabalho pretende examinar, nesta coleção de manuais escolares, personagens leitores/as e prescrições relacionadas ao ato de ler. Procurar-se-á evidenciar, no conjunto de seus textos e imagens, cenas de leitura que contribuíram para conformar a leitura e os impressos como ícones da cultura escolar.

Medidas de controle da circulação do livro didático para o ensino de leitura e escrita em São Paulo: atuação da commissão revisora de 1918

Oliveira,Fernando Rodrigues de; Trevisan,Thabatha Aline
Fonte: Associação Sul-Rio-Grandense de Pesquisadores em História da Educação Publicador: Associação Sul-Rio-Grandense de Pesquisadores em História da Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2015 PT
Relevância na Pesquisa
86.1%
Com o objetivo de contribuir para a compreensão da história do ensino de leitura e escrita e a história das políticas de circulação dos livros didáticos em São Paulo, Brasil, apresentam-se resultados da análise dos documentos produzidos pela Commissão Revisora de Livros Didáticos, instituída em 1918 pela Diretoria Geral da Instrução Pública de São Paulo. Esta comissão teve como objetivo rever quais livros, dentre os já aprovados por comissões anteriores, deveriam continuar como recomendados para uso nas escolas primárias paulistas, relativamente ao ensino de leitura e escrita. Para tanto, foram produzidos diferentes relatórios, os quais são representativos das ações do governo paulista para controle da circulação e do uso dos livros didáticos nas escolas primárias no início do século 20.

Os acervos, os espaços e os projetos de leitura em instituições públicas de educação infantil do Recife

Albuquerque, Cinthia Silva de; Brandão, Ana Carolina Perrusi Alves (Orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
86.2%
A presente pesquisa objetivou investigar os espaços de leitura disponíveis em instituições educativas voltadas para o atendimento de crianças menores de seis anos e analisar as formas de acesso e de utilização de livros de literatura infantil que essas instituições têm proporcionado às crianças pequenas. Partindo do pressuposto de que a formação de leitores se inicia já na etapa da Educação Infantil e que para isso as crianças precisam ter acesso a bons livros de literatura e vivenciar experiências significativas de leitura mediadas por suas professoras, buscamos, especificamente, identificar os espaços de leitura existentes em instituições de Educação Infantil; analisar como estão organizados esses espaços; conhecer o acervo disponível nas salas das crianças, em bibliotecas ou em outros espaços de leitura dentro das instituições e identificar as estratégias que professores e coordenadores pedagógicos utilizam para criar diferentes possibilidades de acesso e de uso do livro de literatura pelas crianças. Para alcançar tais objetivos, utilizamos uma abordagem qualitativa que englobou a observação dos espaços de leitura nas instituições educativas visitadas e a realização de entrevistas. Os dados foram coletados em oito instituições da cidade do Recife: duas Creches com atendimento integral a crianças de zero a três anos...

A tirinha cômica em questão: atividades de leitura no livro didático de língua portuguesa

Cavalcante, Julianny de Lima Dantas
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem; Linguística Aplicada; Literatura Comparada Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem; Linguística Aplicada; Literatura Comparada
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
85.97%
You can see nowadays a more constant questioning about the validity and effectiveness of the practices of teaching reading currently introduced in elementary school. The intelligibilities generated from many voices, and built on the border between many consciences, it can contribute to understand and to some extent, alleviate skewed or outdated understandings about the teaching of reading and its goals in the school environment. By understanding the dynamics of these practices, which always need to be modified because of new social demands, we recognize the validity of working with the prospect of reading in its historical, social and dialogic dimension (Bakhtin, 1981, 2003). The Portuguese language textbook (LDP), in turn, being one of the fundamental bases of reading in school, makes a justified and necessary active production of knowledge about the theoretical and methodological conceptions that underlie the work with reading and on how that work is effectively routed. Our aim in this essay is precisely analyze reading activities in four Portuguese textbooks (Teacher s Manuals) for the 6th grade of elementary school, focusing on the proposed activities from a specific discursive genre, in this case, the comic strip. Through this research...

Leitura elaborada: instrumento para a leitura em língua estrangeira?

Paula, Edetilde Mendes de
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
85.97%
O objetivo principal deste trabalho é fazer uma análise da concepção de leitura implícita no manual do professor, da série de livros didáticos de Língua Alemã, como Língua Estrangeira, Themen aktuell, em particular do livro 1, para verificar se as orientações sugeridas por esse manual são pertinentes ao tipo de texto e atividades de leitura propostas. Um outro objetivo é analisar o tipo de informação contida nesses textos destinados à leitura. Considerando a importância da leitura no processo de aprendizagem de uma Língua Estrangeira, torna-se relevante não só conhecer melhor a concepção de leitura subjacente nesse livro didático, como também analisar as informações explícitas e implícitas contidas nesses textos específicos para o desenvolvimento da habilidade de leitura. Nesta pesquisa, não há interferência direta sobre o objeto observado, por tratar-se de uma pesquisa com base documental, de caráter interpretativo, pois tem como objetivo analisar a concepção de leitura no referido livro didático. Este estudo é o resultado das reflexões sobre hipóteses tecidas pela pesquisadora em busca de entender alguns questionamentos levantados por ela, enquanto professora de Língua Alemã, em relação à leitura e suas concepções. Desse modo...

Aquelas leituras formadoras de culturas (Caicó-RN, século XIX)

Figueiredo, Franselma Fernandes de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Educação; Educação Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Educação; Educação
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
86.23%
La lecture faite du livre Seridó − XIXème siècle (Fazendas & livros), des historiens Medeiros Filhos et Faria, a été ce qui a déclenché l écrit de cette thèse de doctorat. La lecture intensive de ce livre a conduit au corpus documentaire de la recherche (livres scolaires, religieux et laïques, chronique, discours, documents ecclésiastiques, inventaires, testaments, mémoires d'enfance, articles journalistiques, rapports), et aussi au corpus du référentiel théorico-méthodologique de l'histoire culturelle de la lecture, en correspondance avec Roger Chartier et Robert Darnton. Dans la rigueur de l'écriture de la thèse, la recherche relative à la thématique lecture et absorptions culturelles nous a menés à définir comme objet d'étude les pratiques culturelles appropriées pertinemment aux lectures faites, entendues, murmurées, de nombreuses fois répétées et mémorisées, de livres scolaires imprimés, religieux et laïques qui circulaient à Caicó, dans les années mille huit cents. En vue de la lecture intensive et de l'extensive, l'objectif est d analyser, d'une part, des indices d'absorptions ou appropriations culturelles des enseignements de ces pratiques de lecture et, d'autre part, les entrelacements des enseignements relatifs à l'oralité...

Dinâmicas de leitura recreativa pelos alunos do ensino secundário

Almeida, Maria Alice Pereira de
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
95.99%
A leitura é parte integrante da vida do indivíduo. Ler é o resultado de uma aprendizagem contínua que se inicia muito antes da aprendizagem dos caracteres de leitura, e que se vai aperfeiçoando à medida que se adquire a capacidade de descodificar as mensagens, de interpretar e compreender o seu conteúdo. A formação do indivíduo passa necessariamente pela leitura. É importante que os jovens se envolvam nas práticas de leitura, quer estas sejam de carácter obrigatório - a nível escolar - quer sejam de leitura por prazer. O gosto e o desejo de ler leva a uma leitura prazerosa no indivíduo que a pratica. Neste trabalho, estudo de caso, pretende-se averiguar se os alunos do ensino secundário têm hábitos de leitura, se leem com gosto e qual o tempo que despendem na leitura diária. A metodologia de trabalho foi a aplicação de um inquérito por questionário a todos os alunos da Escola Básica e Secundária de Sever do Vouga do ensino regular e a análise dos dados das requisições domiciliárias correspondentes aos anos escolares 2011-2012 e 2012-2013. Da análise dos resultados obtidos foi possível concluir que os alunos do ensino secundário leem menos do que os alunos que frequentam o ensino básico, que ocupam o seu tempo livre no computador na internet a divertirem-se ou a fazerem trabalhos escolares e a ver televisão. O tempo utilizado por estes alunos para a leitura de livros não escolares ou seja leitura recreativa é muito pouco...

The book and reading in the space of performance: the case of Jane Austen Book Club; O livro e a leitura no espaço da performance: o caso de "O Clube de Leitura" de Jane Austen

Oliveira, Carmen Irene Correa de; Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro; Ribeiro, Leila Beatriz; UNIRIO; Wilke, Valéria Cristina Lopes; Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 23/05/2012 POR
Relevância na Pesquisa
85.97%
We propose to discuss the role of filmic narratives with the book as an object of representation in the context of the imaginary of shapes and types of knowledge, of ways of reading organization and of practices that have the book as object. Finally, we have the dialogical perspective of the works, its time, the subject readers and its context. For this project, we bring the filmic text The Jane Austen Book Club (2007), based on a book (The Jane Austen book club by Karen Joy Fowler), which focuses on personal and intimate dramas from people at different times of sharing, unfolding for six months, and that presents individual experiences which are mixed with the characters’ plots from the books of the English author. We highlight in the film, book and reading as narrative elements, characters accomplices of small dramas. In The Jane Austen Book Club, we perform an extrapolation in order to put the two moments - the performance and reading - in the practices developed by the participants of the club. They find the work of Austen in individual reading and in the performance that puts everyone in a continuous space of action and transformation. We believe, finally, that individual reading and the club meetings make it possible to think of the reception (individual reading) and performance (reading/collective analysis) in a combination that allows a constant revitalization of the work...