Página 1 dos resultados de 276 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Ensino experimental das ciências e literacia científica dos alunos: um estudo no 1º ciclo do ensino básico

Sousa, Maria da Graça Sequeira Pereira Matos de
Fonte: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Educação Publicador: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Educação
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.8%
Este trabalho tem a ver com a promoção da literacia científica em alunos do 1º Ciclo do Ensino Básico através do ensino experimental das ciências e com o estudo das características sociológicas (Relações entre Sujeitos, Espaços e Discursos) que se estabelecem na sala de aula aquando da realização das actividades experimentais. Assim sendo, os principais objectivos consistiram em caracterizar a prática pedagógica (Pp) de duas professoras (uma que tinha participado no Programa de Formação em Ensino Experimental das Ciências para professores do 1º CEB e outra não) em função de características sociológicas (o Que e o Como da Pp) e relacionar essa prática com a aprendizagem científica dos alunos, nomeadamente, nas competências que exigem elevado nível de abstracção (competências cognitivas complexas), fomentadoras de elevado nível de literacia científica. Para a realização do trabalho tivemos em consideração as teorias de Bernstein, Vygotsky e Brunner e fundamentámo-nos em estudos já realizados pelo Grupo de Estudos Sociológicos da Sala de Aula ao nível do 1º e 2º CEB (Morais et al, 1993, 2000; Pires, 2002; Pires et al, 2004). Do estudo faziam parte duas turmas de 4ºano de escolaridade de duas escolas de uma cidade do interior...

Aprendizagens não formais em ciências: contributos das actividades de um museu para a literacia científica

Dias, Mário Ana Isabel Jorge
Fonte: Edições universitárias Lusófonas Publicador: Edições universitárias Lusófonas
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
56.75%
A análise dos relatórios do Programa Internacional de Avaliação dos Estudantes (PISA, 2006) da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) e do Third International Mathematics and Science Study (TIMSS, 1995) revelam que os jovens portugueses apresentam baixos níveis de literacia científica. Estes estudos avaliam se os estudantes desenvolveram algumas capacidades e competências que são consideradas essenciais para que participem plenamente na sociedade. As áreas de estudo avaliadas nestes estudos são a leitura, matemática e ciências, sendo a literacia científica aquela em que nos centramos, neste trabalho. Como os museus têm por objectivo facilitarem o acesso a conhecimentos científicos aos visitantes e têm, ainda, preocupações com as questões de literacia científica, nomeadamente por parte das crianças e jovens, têm vindo a desenvolver espólios, actividades e programas de férias que contemplem estas vertentes (Gil, 2003; Wertsch, 2002). Nesta investigação pretendem-se estudar as actividades lúdico-científicas desenvolvidas nos períodos de férias escolares no Museu de Ciência e no Museu Nacional de História Natural. Estes programas de férias decorrem em ambiente informal e consistem em actividades nas diversas áreas científicas contempladas nestes dois museus: matemática...

Literacia científica e aprendizagem ativa na disciplina de química no 3º ano do ensino médio

Locateli, Diogo
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.8%
O estudo que se apresenta tem por finalidade relacionar o desenvolvimento da competência da literacia científica e uma efetiva alfabetização científica, com o aprofundamento dos conhecimentos significativos dos alunos, visando o sucesso educativo, na disciplina de Química. Em consequência, privilegiou-se a aplicabilidade da Química ao cotidiano ao aluno, considerando-se uma aprendizagem ativa e a avaliação do grau de literacia científica de alunos concludentes do Ensino Médio, numa Escola de educação pública. A pesquisa conjugou duas abordagens metodológicas, quantitativa e qualitativa, o que permitiu a comparação de resultados, obtidos nos inquéritos por questionário, aplicados a alunos, concludentes do Ensino Médio, com percepções, registradas nos inquéritos por entrevista, de professores de Química. Os resultados comprovam as percepções convergentes de alunos e professores, quanto à importância do conhecimento científico, numa relação entre Ciência e sociedade. Neste entendimento, conclui-se que a literacia científica deve ser desenvolvida, na disciplina de Química, recorrendo à aprendizagem ativa, utilizando estratégias e atividades próximas do cotidiano dos jovens. Assim, é essencial motivar os alunos com práticas inovadoras e laboratórios equipados...

Literacia científica : conceitos e dimensões

Carvalho, Graça Simões de
Fonte: Lidel Publicador: Lidel
Tipo: Parte de Livro
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
56.85%
Neste capítulo aborda-se o conceito de literacia científica, referindo-se a sua origem e dando ênfase a cinco dimensões que a caracterizam. São estas: os grupos de interesse nesta temática, as inúmeras concepções de literacia científica, os níveis de literacia, os objectivos e benefícios, e ainda a avaliação da literacia científica de populações, em particular de crianças e jovens em idade escolar.

APTIDÕES COGNITIVAS, ATITUDES E LITERACIA CIENTÍFICA: UM ESTUDO DE CASO COM ALUNOS DO 9º ANO DE ESCOLARIDADE

Oliveira, Beatriz; Pomar, Clarinda; Neto, António; Lemos, Gina C.; Rebelo, Nicole; Silva, João
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Aula
POR
Relevância na Pesquisa
66.84%
A investigação tem revelado que as aptidões cognitivas se podem constituir como um bom indicador e preditor do rendimento escolar e dos níveis de literacia científica evidenciados pelos alunos. Para além das variáveis cognitivas, terão ainda primordial importância nos níveis de literacia científica as atitudes dos alunos face às disciplinas escolares que mais potenciam o desenvolvimento destas aptidões científicas, como é o caso da disciplina de Ciências Físico-Químicas. Utilizando uma abordagem interdisciplinar, este estudo procurou identificar e compreender os níveis de literacia científica dos alunos do 9º ano de escolaridade que frequentam uma Escola Secundária da cidade de Évora com 3º ciclo, cruzando variáveis cognitivas (inteligência fluida e raciocínio) e escolares (atitudes face à disciplina de Ciências Físico-Químicas). Utilizando como instrumentos de recolha de dados a Bateria de Provas de Raciocínio (BPR 7/9), o Questionário de Atitudes Face às Ciências Físico-Químicas (QAFCFQ) e um conjunto de itens libertos do programa PISA, procedeu-se a uma análise de dados multivariada, a qual permitiu evidenciar o efeito que as aptidões cognitivas e as atitudes provocam nos níveis de literacia científica dos alunos...

Os desafios da literacia científica na formação inicial de professores de biologia e geologia: concepções e práticas de professores estagiários

Fialho, Isabel José Botas Bruno
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
66.77%
Em Portugal, como em muitos outros países do mundo, vive-se um período de mudança na organização curricular do ensino básico, particularmente na área das ciências naturais. Os novos currículos reflectem as tendências actuais da educação científica, propostas por diversas organizações internacionais. Estes documentos, da política educativa, apontam para um novo paradigma do ensino da ciência assente em algumas ideias centrais das quais se destacam: "formação para a literacia científica e cidadania", a "utilização de experiências educativas activas, significativas, diversificadas, integradoras e socializadoras", a "flexibilidade curricular", a "iríterdisciplinaridade", a aprendizagem construtivista", a "contextualização do ensino", a "valorização dos conhecimentos dos alunos", "a ênfase em temáticas baseadas nas relações ciência-tecnologia-sociedade e as suas interacções com o ambiente"; o "ensino centrado em competências"; a "incidência em actividades de resolução de problemas, actividades de pesquisa e actividades experimentais" e o "uso das novas tecnologias de informação e comunicação". Um ensino desta natureza exige novas formas de estar e de agir por parte dos professores de ciências e exige uma formação adequada às novas orientações da educação científica. A investigação tem revelado...

Potencialidades e limitações de sessões de discussão de controvérsias sociocientíficas como contributos para a literacia científica

Reis, Pedro; Hilário, Teresa
Fonte: Universidade de Sorocaba Publicador: Universidade de Sorocaba
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /12/2009 POR
Relevância na Pesquisa
66.73%
A presente investigação pretendeu avaliar potencialidades de sessões de discussão em torno de controvérsias sociocientíficas na promoção da literacia científica dos alunos. Para tal, procedeu-se a uma investigação, de índole essencialmente qualitativa, numa turma de Biologia do décimo segundo ano, constituída por vinte e cinco alunos com 17-18 anos. Esta turma foi organizada em grupos, ficando cada um deles encarregue de conceber e dinamizar, sob a supervisão da professora, uma sessão de discussão em torno de conteúdos curriculares de natureza controversa, nomeadamente, manipulação da fertilidade humana, manipulação da informação genética humana e engenharia genética. Nessas sessões, que decorreram posteriormente à abordagem dos temas em aula, participaram os alunos envolvidos no estudo e outra turma convidada, do décimo primeiro ano, proveniente de uma área diferente da área científico tecnológica. As sessões foram alvo de observação por parte da professora, simultaneamente investigadora, e sempre que possível por um segundo observador. Após concluídas as várias sessões, que decorreram ao longo do ano lectivo, procurou-se aceder às concepções dos alunos acerca das potencialidades e limitações da discussão...

Literacia científica, poesia e cidadania: diálogos (im)prováveis?

Melão, Dulce
Fonte: Escola Superior de Educação e Ciências Sociais: Instituto Politécnico de Leiria Publicador: Escola Superior de Educação e Ciências Sociais: Instituto Politécnico de Leiria
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em 01/06/2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.69%
A atual sociedade em rede, pautada por fluxos informacionais elevados, exige aos cidadãos competências em literacia científica fundamentais à sua participação plena na sociedade. Neste contexto, uma visão holística da construção do conhecimento institui-se como um dos objetivos fundamentais da Escola, favorecedor de um exercício de cidadania ativo e responsável. Assim, os objetivos principais deste artigo serão: (1) refletir sobre a importância da literacia científica para a (re)construção da cidadania; (2) (re)ver o papel do professor na formação para cidadania; (3) discutir a relevância das competências transversais e o recurso ao diálogo entre poesia e ciência enquanto pilares de uma visão holística de saberes em atualização permanentes. Finalmente, sugere-se que, apesar de alguns testemunhos nesse sentido, há ainda múltiplos caminhos a desbravar para a construção de novas pontes para o conhecimento.

Contributo dos blogues de ciência para a construção da literacia científica cívica no século XXI

Malho, Arminda; Melão, Dulce; Pereira, Isabel
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /12/2013 POR
Relevância na Pesquisa
66.78%
Numa sociedade marcada pela superabundância de informação que exige, cada vez mais, o posicionamento crítico dos cidadãos, os blogues de ciência constituem um dos modos de interação possível para o debate de tópicos com relevância para um exercício de cidadania responsável, podendo promover a literacia científica cívica. Assim, neste artigo, tendo como referencial metodológico um estudo de caso respeitante à análise de quatro blogues alojados no metablogue “Blogs de ciência”, procura-se indagar que características dos quatro blogues de ciência selecionados poderão potenciar a literacia científica cívica. Os blogues selecionados têm como temática principal a sustentabilidade ambiental, dado ser um tema transversal de potencial interesse para todos os cidadãos. O cruzamento das características dos blogues com o conteúdo dos posts gerados permitiu concluir que os blogues de ciência poderão ser uma das formas de potenciar a literacia cívica científica, abrindo um espaço de debate aos cidadãos sobre temas da ciência.

A literacia científica e a literacia em leitura: um estudo de caso com alunos do nono ano

Costa, Teresa Alexandra Mendes da
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
66.82%
Tese de mestrado, Educação (Didáctica das Ciências), Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2009; Nas últimas décadas a literacia tem sido uma das áreas de incidência das Ciências da Educação pelas transformações sociais e culturais profundas que se produziram e que estão associadas a um crescimento exponencial da informação e da tecnologia. Estas transformações com frequência seguem-se a intensos debates acerca de possibilidades ecológicas, económicas, políticas e de impacto social para as quais os indivíduos devem apresentar um conjunto de convicções. Todas estas actividades constituem contextos ideais nos quais os alunos podem participar e tornarem-se activos. Este trabalho pretende assim ser um contributo para a tomada de decisão dos alunos, através de situações de contexto real recorrendo à literacia, de modo a reflectir a premência de uma maior articulação entre as áreas científicas e linguísticas, postulando-se assim a literacia como uma das grandes metas para o ensino e aprendizagem da ciência. Assumindo que, a partir dos resultados expressos através da implementação de uma unidade didáctica a alunos do nono ano de escolaridade, analisada à luz de uma metodologia de estudo de caso ser-se cientificamente literado constitui um longo processo que se inicia através das práticas do professor e contexto de sala de aula...

Contributos de uma comunidade virtual de aprendizagem para a literacia científica

Fonseca, Tânia Marisa Dias Almeida
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
66.57%
Tese de mestrado, Educação (Tecnologias de Informação e Comunicação e Educação), Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2009; O avanço tecnológico verificado nas últimas décadas, tem permitido a escola desenvolver de sinergias, faciltando o trabalho colaborativo com os agentes sociais que a rodeiam. A necessidade de diversificar as práticas educacionais, capazes de promover a mobilização de capacidades dos alunos no desenvolvimento de competências essenciais à prática da cidadania, tem levado ao aumento da busca e adopção de estatégias motivadoras e inovadoras com recurso às Tecnologias de Informação e Comunicação. No presente estudo recorreu-se ao paradigma interpretativo numa abordagem qualitativa na forma de estudo de caso, apresentando-se o estudo como um exemplo de uma prática pedagógica na área disciplinar de Área de Projecto do 12º ano, desenvolvida durante um ano lectivo, cujo objectivo foi envolver os alunos num processo de tomada de decisão sobre questões sócio-cientificas. A criação de uma Comunidade Virtual de Aprendizagem, com recurso a ferramentas da Web 2.0, teve por base uma abordagem Ciência-Tecnologia-Sociedade-Ambiente como forma de promover nos alunos o questionamento...

Potencialidades e limitações de sessões de discussão de controvérsias sociocientíficas como contributos para a literacia científica

Hilário, Teresa; Reis, Pedro
Fonte: Universidade de Sorocaba Publicador: Universidade de Sorocaba
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
66.73%
A presente investigação pretendeu avaliar potencialidades de sessões de discussão em torno de controvérsias sociocientíficas na promoção da literacia científica dos alunos. Para tal, procedeu-se a uma investigação, de índole essencialmente qualitativa, numa turma de Biologia do décimo segundo ano, constituída por vinte e cinco alunos com 17-18 anos. Esta turma foi organizada em grupos, ficando cada um deles encarregue de conceber e dinamizar, sob a supervisão da professora, uma sessão de discussão em torno de conteúdos curriculares de natureza controversa, nomeadamente, manipulação da fertilidade humana, manipulação da informação genética humana e engenharia genética. Nessas sessões, que decorreram posteriormente à abordagem dos temas em aula, participaram os alunos envolvidos no estudo e outra turma convidada, do décimo primeiro ano, proveniente de uma área diferente da área científico tecnológica. As sessões foram alvo de observação por parte da professora, simultaneamente investigadora, e sempre que possível por um segundo observador. Após concluídas as várias sessões, que decorreram ao longo do ano lectivo, procurou-se aceder às concepções dos alunos acerca das potencialidades e limitações da discussão...

Práticas profissionais promotoras de literacia científica

Aguieiras, Anabela Machado, 1970-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.69%
Tese de mestrado, Educação (Supervisão e Orientação da Prática Profissional), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2011; O cariz científico e tecnológico que marca a nossa sociedade faz com que a educação em ciência assuma um papel fulcral para o desenvolvimento do indivíduo, promovendo a apropriação de conhecimentos e atitudes essenciais à vida em sociedade. Neste estudo, pretende-se partir à descoberta de novos modos de conceber o ensino e a aprendizagem das Ciências Físico-Químicas, no ensino básico, à luz da necessária implementação de práticas profissionais promotoras de literacia científica. Baseia-se num sentimento de uma fraca eficácia do ensino das ciências, fruto de várias investigações, que obriga a repensar as práticas de ensino, de acordo com as novas exigências, expressas nas competências a desenvolver, para desse modo formar indivíduos literatos em ciência. O modelo reflexivo desenvolvido pela investigadora num contexto de supervisão tem como objectivos principais a criação de um olhar crítico sobre algumas práticas, o seu questionamento e o confronto com práticas e concepções alternativas, com vista à adopção de práticas educativas renovadoras. Adoptou-se uma abordagem interpretativa seguindo a metodologia de investigação sobre as práticas. Como instrumento de recolha de dados realizou-se um estudo preliminar que consistiu na aplicação de um teste com um conjunto de questões científicas seleccionadas a partir dos ciclos do PISA...

As competências em literacia científica em manuais escolares

Antunes, Maria Plantier Santos Lobo, 1961-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.62%
Tese de mestrado, Educação (Didática das Ciências), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2012; Este estudo incide sobre a análise das atividades de aprendizagem e sobre a avaliação formativa da área curricular “Gestão Sustentável dos Recursos” pertencente ao Currículo Nacional do Ensino Básico-Competências Essenciais1 em manuais escolares. Trata-se de apurar recorrendo a uma metodologia de natureza qualitativa e interpretativa, a ênfase do desenvolvimento de competências veiculada pelos manuais escolares analisados, de modo a averiguar a sua sintonia com a estrutura conceptual do PISA 2006 cujo contexto da avaliação em Ciência inclui o tema da “Gestão Sustentável dos Recursos”. Pretendemos contribuir para a reflexão sobre as atividades de aprendizagem em manuais, uma vez que estes instrumentos didáticos são considerados poderosos por influenciarem estudantes e professores na compreensão e comunicação do conhecimento científico. Os resultados mostram sintonia, nos princípios, entre as estruturas conceptuais do Currículo e as do PISA 2006. Ao nível dos manuais estudados, esta sintonia não é perfeita dado que dão primazia à competência ”Explicação científica de fenómenos ” em detrimento da “Identificação de questões científicas” ligada à compreensão dos aspetos característicos da Ciência como forma de investigação. A análise dos dados evidencia com efeito...

A promoção da literacia científica e da cidadania através de ativismo fudamentado

Esperto, Ana Paula Alves, 1964-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
66.69%
Tese de mestrado, Educação (Didática das Ciências), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2013; O presente estudo descreve e avalia as potencialidades e as dificuldades de uma iniciativa de ativismo centrada na resolução de problemas associados a questões socio-científicas (QSC), na promoção da literacia científica e no desenvolvimento de competências essenciais para o exercício de uma cidadania participada, interventiva e responsável. O estudo incidiu em 28 alunos de uma turma do sétimo ano do Ensino Básico, que realizaram atividades de resolução de problemas contextualizadas em situações do quotidiano, relacionadas com problemas sociais enquadrados no âmbito da temática, Educação Rodoviária. Foi adotada uma metodologia de investigação mista, com orientação interpretativa, onde o investigador investiga a sua própria prática através da aplicação de uma proposta didática em contexto natural. Os instrumentos utilizados na recolha de dados incluem, a redação de notas de campo, os registos escritos (trabalhos dos alunos e respetivas apresentações), os questionários que foram aplicados antes e depois da intervenção (pré e pós teste) e as transcrições de entrevistas em grupo focal no final da intervenção. Os dados foram analisados com o objetivo de avaliar as potencialidades e as dificuldades de iniciativas de ativismo centradas na resolução de problemas associados a QSC e no desenvolvimento de competências. Esta abordagem proporcionou a alteração de algumas conceções e comportamentos dos alunos face à ciência...

Literacia e pensamento crítico: um referencial para a educação em ciências e em matemática

Tenreiro-Vieira,Celina; Vieira,Rui Marques
Fonte: Editora Autores Associados Publicador: Editora Autores Associados
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2013 PT
Relevância na Pesquisa
56.79%
É hoje amplamente defendida uma educação em ciências e em matemática, numa perspectiva de literacia, que habilite cada um a contribuir para a melhoria da qualidade de vida de todos e um ambiente sustentável para as gerações atuais e futuras. Nessa linha, em conjugação com o facto de o pensamento crítico emergir como proeminente e estreitamente ligado à literacia científica e matemática, o presente artigo centra-se em estudos desenvolvidos pelos autores com a finalidade de conferir clareza e inteligibilidade a esse campo, estabelecendo um referencial que possa ser usado para orientar a formação de professores e a educação em ciências e em matemática das crianças e jovens. O referencial aqui apresentado configura-se como um suporte à construção de ideias claras acerca de literacia científica, literacia matemática e pensamento crítico, passíveis de serem congruentemente plasmadas no desenvolvimento de materiais didáticos e de práticas pedagógico-didáticas intencional e fundamentadamente orientadas para o promover da literacia crítica dos alunos.

A promoção da literacia científica no ensino da física e da química através da realização de uma atividade de investigação.

Mendes, José; Reis, Pedro
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.8%
Este estudo analisa as potencialidades de uma atividade de investigação do Projeto Internacional PARSEL na promoção da literacia científica, no ensino da Física e da Química, em alunos do oitavo ano de escolaridade, utilizando um blog como suporte à realização da atividade. Especificamente, procurou dar resposta aos seguintes aspetos: (i) verificar se a realização da atividade do projeto PARSEL é promotora da literacia científica; (ii) verificar se a atividade tem impacto e aumenta o interesse dos alunos pelo ensino das ciências, em particular das Ciências Físico-Químicas; (iii) identificar as potencialidades educativas que os alunos atribuem à atividade realizada; (iv) identificar as dificuldades que os alunos manifestam na realização da atividade. Para tal, utilizou-se uma metodologia de investigação qualitativa com orientação interpretativa, onde o investigador investiga a sua própria prática através da aplicação de uma proposta didática em contexto natural. Neste estudo participaram 52 alunos de três turmas do 8.º ano de escolaridade de uma escola de Estremoz, Portugal. Os resultados obtidos permitiram verificar que foram estabelecidas condições facilitadoras do desenvolvimento de competências indispensáveis à literacia científica e que a atividade promoveu um maior interesse dos alunos pelo ensino das ciências.; This study examines the potential of a research activity of the International Project PARSEL in promoting scientific literacy in the teaching of physics and chemistry with eighth grade students. It aims to address the following aspects: (i) verify the impact of the activity on students’ scientific literacy; (ii) verify the impact of the activity on students' interest in science education; (iii) identify the educational potential that students recognize in the activity; (iv) identify students’ difficulties during the completion of the activity. This study uses a qualitative research methodology with interpretative orientation...

Autoconceito Profissional dos Professores de Matemática e Ciências: Sua Adequação e Relação com a Literacia Científica e o Género

Fonseca, Sónia; Veiga, Feliciano
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
66.57%
O presente estudo teve como objectivo geral estudar as oscilações no auto-conceito profissional dos professores de ciências e de matemática, quer em termos da sua adequação (baixo versus elevado), quer em função das variáveis: literacia científica e género. A amostra foi constituída por 242 professores, do grupo 230 (Matemática e Ciências da Natureza). Os instrumentos utilizados foram o Teacher Self-Concept Evaluation Scale (TSCES) e a Escala de Representações dos Professores acerca dos Comportamentos de Cidadania Docente (ERP-CCID). A análise dos resultados permitiu encontrar que o auto-conceito profissional dos professores se mantém positivo em aspectos específicos, se correlaciona negativamente com o tempo de serviço e positivamente com a cidadania docente e com a formação havida. Os resultados corroboram a literatura revista. O estudo termina com a descrição de limitações e com a apresentação de sugestões para novas investigações.; La présente étude a eu pour objectif général d‟étudier les oscillations du concept de soi professionnel des enseignants de sciences et des mathématiques, soit en termes de son adéquation (bas versus haut), soit en fonction des variables littératie scientifique et genre. L'échantillon a été constitué par 242 enseignants de Mathématiques et de Sciences Naturelles. Les instruments utilisés ont été le Teacher Self-Concept Evaluation Scale (TSCES)...

Contribuição de um blog na promoção da literacia científica no ensino da física e da química no 3.º ciclo do ensino básico

Mendes, José Alexandre Justo, 1979-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.78%
Tese de mestrado, Educação (Didáctica das Ciências), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2011; Este estudo analisa as potencialidades de uma atividade de investigação do Projeto Internacional PARSEL na promoção da literacia científica, no ensino da Física e da Química, em alunos do oitavo ano de escolaridade, utilizando um blog como suporte à realização da atividade. Especificamente, procura dar resposta aos seguintes aspetos: (i) Verificar se a realização da atividade do projeto PARSEL é promotora da literacia científica; (ii) Verificar se a atividade tem impacto e aumenta o interesse dos alunos pelo ensino das ciências, em particular das Ciências Físico-Químicas; (iii) Verificar qual a perceção dos alunos, sobre a relevância da ciência e tecnologia para o dia a dia; (iv) Estudar as potencialidades do blog, como ferramenta auxiliar na realização de uma atividade; (v) Identificar as potencialidades educativas que os alunos atribuem à atividade realizada; (vi) Identificar as dificuldades que os alunos manifestam na realização da atividade. Para se atingir estas finalidades, utilizou-se uma metodologia de investigação qualitativa com orientação interpretativa, onde o investigador investiga a sua própria prática através da aplicação de uma proposta didática em contexto natural. Neste estudo participaram 52 alunos de três turmas do 8º ano de escolaridade de uma escola de Estremoz. Foram utilizados vários métodos de recolha de dados: observação naturalista...

Literacia científica e trabalho prático: um estudo para a inovação pedagógica em contexto escolar

Carreira, Sílvia Mateus
Fonte: Universidade da Madeira Publicador: Universidade da Madeira
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em /06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.62%
Na presente tese o Trabalho Prático (TP) foi analisado procurando-se discernir as suas potencialidades na criação de práticas pedagógicas heterodoxas onde o aluno seja socialmente participativo na construção de conhecimento. A investigação fundamentou-se na metodologia etnográfica, tendo a recolha de dados ocorrido durante o desenvolvimento de TP na disciplina de Biologia do 12ºAno de escolaridade. A análise reflexiva dos dados permitiu compreender as vivências culturais do grupo turma, possibilitando criticar as práticas pedagógicas desenvolvidas como continuidade ou rutura com o modelo tradicional de ensino. As conclusões apontam para a importância do TP na humanização da ciência e para a necessidade de conjugar diferentes modalidades de TP, vincando a dimensão social, enquanto meio para o desenvolvimento da Literacia Científica dos alunos. Esta implica que o conhecimento seja socialmente construído, envolvendo a partilha e negociação de uma rede comum de significados. Para tal, o trabalho de grupo aparece como matriz de desenvolvimento do TP potenciado pela democratização do acesso à informação possibilitada pelo uso das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC). Neste âmbito, a heterogeneidade cultural dos alunos da turma é uma mais valia na prática social e a customização da aprendizagem uma possibilidade...