Página 1 dos resultados de 2036 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Estudo do metabolismo de carboidratos e de lipídios em tecidos de caranguejos Chasmagnathus granulatus (Dana, 1851) submetidos ao estresse osmótico : inverno e verão

Chitto, Ana Lucia Fernandes
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.29%
Este estudo teve como objetivo verificar o efeito do estresse osmótico sobre a via gliconeogênica a partir de glicerol em brânquias e sobre a concentração de lipídios totais em diferentes tecidos de Chasmagnathus granulatus, no inverno e no verão, bem como a atividade das enzimas gliconeogênicas glicose-6-fosfatase (G6Fase) e frutose 1,6-bifosfatase (FBFase). Foram determinadas as concentrações de lipídios totais em brânquias anteriores (BA) e posteriores (BP), hepatopâncreas, músculo da quela e hemolinfa de animais do grupo controle (20‰) ou submetidos a 1, 3 e 6 dias de estresse hipo (0‰) ou hiperosmótico (34‰) no inverno e no verão. Em BPs a concentração de lipídios totais foi maior do que nas BAs de inverno e verão. No hepatopâncreas, durante o estresse hiperosmótico, a concentração de lipídios foi maior no inverno do que no verão. No verão, a concentração de lipídios totais diminuiu nas BPs, no hepatopâncreas e no músculo durante o estresse hiperosmótico, sugerindo que os lipídios estão sendo utilizados como substrato energético durante a aclimatação ao estresse. O aumento da concentração de lipídios totais nas brânquias e no hepatopâncreas sugere a participação da lipogênese no ajuste metabólico ao estresse hiposmótico no inverno. A formação de glicose foi determinada a partir de [14C] - glicerol-...

Oxidos de coleterol, colesterol, lipidios totais e acidos graxos em produtos caneos processados.; Oxides of cholesterol, total and acid cholesterol, greasy lipídios in processed cárneos products.

Sueli Regina Baggio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 26/07/2004 PT
Relevância na Pesquisa
37.43%
Produtos cárneos processados como lingüiça, salsicha, mortadela, presunto e salame são muito apreciados pela população, mas, em geral, são considerados alimentos que apresentam altos teores de colesterol, lipídios totais e ácidos graxos saturados. O alto teor de colesterol sangüíneo é uma das causas das doenças cardíacas coronarianas e o colesterol sangüíneo é influenciado não só pelo teor de colesterol dos alimentos como também pela quantidade de ácidos graxos saturados. Além disso, o colesterol é um lipídio insaturado susceptível à oxidação, levando à formação de vários produtos de oxidação, os quais são considerados mais prejudiciais que o próprio colesterol na formação de placas ateroscleróticas e estão associados a vários efeitos biológicos indesejáveis. Os ácidos graxos trans também estão relacionados com o desenvolvimento de ateroscleroses e doenças cardiovasculares, são mais preocupantes que os ácidos graxos saturados porque além de aumentarem o nível de lipoproteínas de baixa densidade (LDL), diminuem o nível de lipoproteínas de alta densidade (HDL). Assim, o presente trabalho teve por objetivo determinar os teores de óxidos de colesterol, colesterol, lipídios totais e composição de ácidos graxos em produtos cárneos processados e verificar o efeito do preparo térmico e do armazenamento sobre estes componentes. Foram analisados produtos processados de carne de peru (salsicha...

Produção e caracterização de filmes compostos de metilcelulose, glucomanana, pectina, gelatina e lipidios; Production and characterization of composite films based on methilcellulose, glucomannan, pectin, gelatin and lipids

Hulda Noemi Chambi Mamani
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/02/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.29%
Uma alternativa interessante na produção de filmes comestíveis com propriedades mecânicas e de permeabilidade melhoradas é a mimetização de estruturas biológicas como a parede celular e a cutícula dos tecidos vegetais por conterem na sua composição polissacarídeos, proteínas e lipídios. O objetivo do presente trabalho foi produzir e caracterizar filmes compostos de glucomanana, pectina, metilcelulose, gelatina e lipídios. O trabalho foi desenvolvido em três etapas: (1) produção de filmes a partir dos polissacarídeos: glucomanana, pectina e metilcelulose, (2) produção de filmes à base de polissacarídeos e gelatina em diferentes proporções e pHs e (3) produção de filmes à base de misturas de polissacarídeos/gelatina e lipídios: cera de carnaúba, ácidos graxos esteárico e palmítico, estearoil-2-lactil-lactato de sódio (SSL) e éster de sacarose (ES). Nesta última etapa, os lipídios foram incorporados na forma de emulsão (contendo todos os lipídios) e na forma de dispersão (contendo SSL ou ES). Os filmes foram caracterizados quanto às suas propriedades mecânicas, permeabilidade ao vapor de água (PVA), morfologia, solubilidade, absorção de água, opacidade e estrutura (infravermelho e raios X). Na primeira etapa foram obtidos filmes com propriedades mecânicas melhoradas a partir da mistura metilceluloseglucomanana- pectina na proporção 1:4:1...

Estudo comparativo da sorção de lipidios em cabelos caucasiano e negroide; Comparative study of the lipid sorption in caucasian and afro hair

Chrislane Pires Lisboa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/08/2007 PT
Relevância na Pesquisa
37.1%
Os lipídios são compostos naturalmente presentes no cabelo e possuem importante papel nas suas propriedades. Apesar de serem vastamente utilizados em formulações cosméticas, especialmente naquelas destinadas a cabelos negróides, pouco se estudou sobre a interação desses compostos com a fibra capilar. Neste trabalho foi estudada a interação dos lipídios ácido oléico e colesterol e do composto colato de sódio com cabelo negróide e cabelo caucasiano através da sorção. As mechas de cabelo caucasiano e negróide foram tratadas com soluções de ácido oléico nas concentrações de 0,03 e 0,3 % m/V, nas temperaturas de 25, 40 e 50 °C. A sorção foi calculada pela diferença entre as concentrações inicial e final das soluções por titrimetria. O colesterol foi utilizado nas concentrações de 0,18 e 0,25 % m/V a 25 e 40 °C e sua concentração foi determinada pela absorção em l = 450 nm. A sorção do colato de sódio foi avaliada semi-quantitativamente pela presença do colato na superfície das fibras através da absorção na região do infravermelho utilizando acessório de ATR. A sorção de ácido oléico em cabelo negróide foi duas vezes maior (40 mg/g) do que em cabelo caucasiano (23 mg/g). O colesterol não foi sorvido pelo cabelo negróide e nem pelo cabelo caucasiano. A sorção do colato de sódio foi maior em cabelo negróide do que no cabelo caucasiano em concordância com o tratamento com ácido oléico. O processo de sorção foi favorecido em maiores concentrações dos lipídios e em temperatura de 25 °C. O tamanho e a polaridade da molécula e o solvente onde ela se encontra foram fatores determinantes para a sorção em cabelo. A maior sorção do ácido oléico e do colato de sódio em cabelo negróide do que em cabelo caucasiano evidenciam as diferenças físico-químicas desses dois tipos de cabelo e deve estar relacionada a menor concentração lipídica do cabelo negróide; Lipids are compounds naturally present in human hair and play an important role in its properties. Despite of being vastly used in cosmetic formulations...

Rápida extração de lipídios e transesterificação de triacilgliceróis de amostras cárneas assistidos por micro-ondas; Fast lipid extraction and triacylglycerides transesterification of meat samples by microwave assisted process

Aline Lisbôa Medina
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 11/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.32%
O uso da energia de micro-ondas tem sido explorado para extração de compostos e para aceleração de reações químicas em diferentes amostras. Os métodos convencionais utilizados para extração de lipídios possuem limitações, como longo tempo, grande volume de solventes, e ainda a possibilidade de degradação dos compostos de interesse. Neste estudo foram desenvolvidos, com o uso de delineamento composto central rotacional, novos métodos de extração de lipídios e de transesterificação de triacilgliceróis em carnes, assistidos por micro-ondas. As condições utilizadas no procedimento para extração de lipídios foram: 300 mg de amostra, 54 °C e 15 minutos. O método de extração de lipídios em carnes assistido por micro-ondas resultou na obtenção de teores de lipídios sem diferença estatística do método de Folch. Além disso, não foi observada alteração na composição de ácidos graxos e formação de produtos de oxidação lipídica durante a extração, o que permite o uso do método sem a possibilidade de alteração química dos compostos. Para a transesterificação dos triacilgliceróis foram desenvolvidos dois métodos, sendo que no primeiro, a transesterificação é realizada no lipídio previamente extraído e no segundo método...

Efeitos de diferentes lipídios dietéticos sobre bifidobactérias, pH fecal e lesões pré-neoplásticas em ratos tratados com dimetilhidrazina

França, Franciane da Silva
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 97 p.| il., tabs., grafs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.22%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Farmácia; Ambos os fatores genéticos e ambientais estão envolvidos na etiologia do câncer colorretal (CCR). A composição da dieta assume destaque entre os fatores de risco ambientais para o desenvolvimento do CCR. Enquanto dietas ricas em ômega-6 têm sido associadas à indução da tumorigênese intestinal, dietas ricas em ômega-3 e 9 têm demonstrado efeito protetor neste processo. Neste contexto, a hipótese do presente estudo é que a dieta rica em lipídios pode influenciar na carcinogênese colorretal que por sua vez pode alterar o equilíbrio da microbiota intestinal. Assim o objetivo geral deste estudo foi avaliar o efeito da adição de diferentes lipídios na dieta (óleo de canola, óleo de oliva, óleo de milho e colesterol) sobre a quantidade de bifidobactérias, pH fecal e o desenvolvimento de lesões pré-neoplásicas induzidas pela dimetilhidrazina em ratos. Para tal, 80 ratos machos Wistar foram aleatoriamente divididos em grupos (n=8) de acordo com a dieta e tratamento com a dimetilhidrazina (DMH) (150 mg/kg de peso corporal i.p.): CN (controle), CAN (óleo de canola 10%), OLI (óleo de oliva 10%)...

Efeitos da suplementação com óleo de peixe sobre alterações no metabolismo da glicose e dos lipídios induzidas por glicocorticoide em ratos

Barbosa, Amanda Marreiro
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 97 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.1%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Nutrição, Florianópolis, 2014.; A dexametasona (Dex) é um glicocorticoide sintético usado como potente anti-inflamatório na prática clínica. Quando administrada em excesso, a Dex pode promover alterações no perfil glicêmico e lipídico. Os ácidos graxos polinsaturados ômega n-3 (AGPIs n-3) presentes no óleo de peixe (OPe) podem ser usados como potentes moduladores do metabolismo da glicose e dos lipídios. Com isso, nós investigamos os efeitos da suplementação com OPe sobre alterações no metabolismo da glicose e dos lipídios ocasionadas por 15 dias de tratamento com Dex. Foram utilizados ratos machos adultos divididos em 4 grupos: CTL, salina 1 ml/kg p.c. e óleo mineral 1 g/kg p.c., DEX, dexametasona 0,5 mg/kg p.c. e óleo mineral 1 g/kg p.c., OP, óleo de peixe 1g/kg p.c. e salina 1 ml/kg p.c e DOP, óleo de peixe 1g/kg p.c. e dexametasona 0,5 mg/kg p.c, tratados por 15 dias. A Dex e salina foram administradas via intraperitoneal e o óleo de peixe e óleo mineral, via gavagem. Foram analisados a massa corpórea, glicose sanguínea, componentes plasmáticos (triacilglicerol-TAG, colesterol total-CT...

Composição química e classes de lipídios em peixe de água doce Curimatã comum, Prochilodus cearensis

MAIA,Everardo L.; OLIVEIRA,Cláudia C. S. de; SANTIAGO,André P.; CUNHA,Francisca E. A.; HOLANDA,Francisco C. A. F.; SOUSA,Janaína A.
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/1999 PT
Relevância na Pesquisa
37.1%
O presente trabalho teve como objetivo obter dados quantitativos sobre as classes de lipídios presentes no filé de curimatã, Prochilodus cearensis. Os lipídios totais (LT) foram fracionados em classes de lipídios neutros (LN), gliceroglicolipídios (GL) e glicerofosfolipídios (PL) através de cromatografia em coluna aberta de sílica gel 60 (70-230 mesh). As análises foram realizadas em quatro lotes de amostras contendo cada uma três exemplares, adquiridos em feiras livres de Fortaleza-CE, nos meses de março, maio, junho e julho de 1998. Os LT representaram em média 3,8% em relação ao peso fresco da amostra. A classe lipídica dominante foi de LN com média de 75,1% dos LT ou 2,9g/100g de filé. Os GL e PL contribuíram em média com 1,6% (61mg/100g de filé) e 23,3% (885mg/100g de filé), respectivamente. A composição química centesimal apresentou média de 76,3% de umidade, 18,6% de proteína total e 1,3% de cinza.

INFLUÊNCIA DO TEOR DE NITROGÊNIO NO CULTIVO DE Spirulina maxima EM DOIS NÍVEIS DE TEMPERATURA: Parte II: PRODUÇÃO DE LIPÍDIOS

MACEDO,Ricardo Verthein Tavares de; ALEGRE,Ranulfo Monte
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2001 PT
Relevância na Pesquisa
37.1%
A microalga Spirulina maxima foi cultivada em meios com 2,5g/L KNO3 (2,5N), proposto por PAOLETTI et al [10] e considerado meio padrão, em meios com 0,2g/L KNO3 (0,2N) e em ausência de nitrogênio (0,0N) nas temperaturas de 25°C e 35°C. A composição da biomassa celular seca apresentou a 35°C um aumento médio dos lipídios totais, de 2,8 vezes do meio com ausência de nitrogênio (0,0N) e 2,9 vezes do meio 0,2N em relação ao meio padrão. A 25°C apresentou um aumento médio de 3,1 vezes do meio com ausência de nitrogênio (0,0N) e 3,2 vezes do meio 0,2N em relação ao meio padrão. A biomassa em forma de gel de cada tratamento foi recolhida e feita a extração dos lipídios totais, os quais foram pesados em base seca. As análises estatísticas dos resultados, em estimativa não linear com superfície de resposta e regressão múltipla com análise de resíduos, mostraram para o aumento dos lipídios totais uma função linear com a temperatura (T) e não linear com o nitrogênio (N), ajustando-se a um modelo onde o coeficiente de regressão R=0,99459 e a equação LIPT = A+B²T+CN ².

Teores de colesterol, lipídios totais e ácidos graxos em cortes de carne suína

Bragagnolo,Neura; Rodriguez-Amaya,Délia B.
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2002 PT
Relevância na Pesquisa
37.17%
A carne suína é um alimento considerado rico em colesterol, lipídios e ácidos graxos saturados. De acordo com a AMERICAN HEART ASSOCIATION, para manter baixos níveis de colesterol sangüíneo, a alimentação deve ser pobre em colesterol e lipídios, principalmente gordura saturada. No presente trabalho foram determinados os teores de colesterol, lipídios totais e ácidos graxos em lombo, pernil, paleta e toucinho, comercializados em açougues da cidade de Campinas, São Paulo. Foi verificado também o efeito da inclusão da gordura externa nos níveis destes componentes. O teor médio de lipídios totais foi de 3 a 5g/100g nos cortes de carne e 83g/100g no toucinho. O colesterol variou, em média, de 42 a 53mg/100g, sendo menor no lombo e maior no toucinho. Não houve diferença significativa (p³0,05) no nível de colesterol entre lombo com e sem gordura externa. Em todos os cortes e no toucinho, foram identificados trinta e seis (36) ácidos graxos, os principais dos quais foram: 18:1ômega9, 16:0, 18:2ômega6, 18:0, 16:1ômega7 e 18:1ômega7. O total de ácidos graxos saturados, monoinsaturados e poliinsaturados variou de 33 a 41%, 42 a 48% e 11 a 25%, respectivamente.

Composição química, teor de colesterol e caracterização dos lipídios totais de tilápia (Oreochromis niloticus) e pargo (Lutjanus purpureus)

Vila Nova,Candida M. Vieira Maia; Godoy,Helena Teixeira; Aldrigue,Mauro Luiz
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2005 PT
Relevância na Pesquisa
37.26%
A composição química, o teor de colesterol e a caracterização dos lipídios totais da tilápia e do pargo, espécies de peixes de água doce e salgada, respectivamente, foram avaliadas por serem consumidas e apreciadas no Nordeste do Brasil. A tilápia foi avaliada sob três condições distintas: I- tilápia em meio doce; II) tilápia adaptada em meio salgado; III) tilápia revertida, em meio doce. Determinou-se o teor de umidade, cinzas, proteína bruta, lipídios, colesterol e os lipídios neutros e fosfolipídios. Os teores de colesterol foram de 10,05; 8,22; 8,75 e 12,75mg/100g para as amostras de tilápia I, II, III e pargo, respectivamente. Os lipídios neutros variaram de 59,0 a 68,9% e os fosfolipídios de 17,1 a 31,0% nas tilápias e, no pargo variaram de 59,5 a 72,5% (neutros) e os fosfolipídios de 25,1 a 34,1%. A recuperação total variou de 85,4 a 97,7%. O teor de lipídios nas tilápias foi de 0,59 a 0,99% e no pargo 1,18%. As tilápias e o pargo apresentaram predominância de lipídios neutros. Mesmo sob condições diferenciadas, as tilápias apresentaram excelente qualidade nutricional além de baixo teor de colesterol, também presente no pargo.

Influência do consumo alimentar de ácidos graxos trans no perfil de lipídios séricos em nipo-brasileiros de Bauru, São Paulo, Brasil

Bertolino,Carla Novaes; Castro,Teresa Gontijo; Sartorelli,Daniela S.; Ferreira,Sandra R.G.; Cardoso,Marly Augusto
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.1%
A influência da alteração do consumo de ácidos graxos trans nos níveis de lipídios séricos foi avaliada em 328 nipo-brasileiros de primeira (issei) e segunda geração (nisei), entre 40 e 79 anos, em 1993, participantes de dois inquéritos de saúde e nutrição realizados em 1993 e 2000. A relação entre a diferença do consumo de ácidos graxos trans e a diferença entre os níveis de lipídios séricos entre os dois inquéritos foi analisada em modelos de regressão linear múltiplos. Em ambos os gêneros, observou-se redução estatisticamente significante no consumo total de gordura trans, acompanhado de redução dos níveis séricos de LDL colesterol e aumento do HDL colesterol em sete anos de seguimento. Os valores médios de ingestão de gordura trans (percentual das calorias totais) em 1993 e 2000 foram: 5,1% e 3,4% para mulheres e 4,7% e 3,3% para homens, respectivamente. Apesar da ausência de associação entre as alterações do consumo de ácidos graxos trans e alterações no perfil de lipídios séricos, o nível de ingestão de gordura trans foi acima do recomendado pela OMS (até 1% das calorias totais).

Ingestão de lipídios na dieta e indicadores antropométricos de adiposidade em policiais militares

Donadussi,Cristina; Oliveira,Ana Flávia; Fatel,Elis Carolina de Souza; Dichi,Jane Bandeira; Dichi,Isaias
Fonte: Pontifícia Universidade Católica de Campinas Publicador: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.26%
OBJETIVO: Investigar se há relação entre a ingestão de lipídios e os indicadores antropométricos de adiposidade em policiais militares do Município de Cascavel, (PR). MÉTODOS: A amostra constituiu-se de 183 policiais militares do sexo masculino do 6º Batalhão da Polícia Militar de Cascavel (PR), com idade entre 21 e 50 anos. Avaliou-se o peso, a estatura, o índice de massa corporal, a circunferência abdominal e a ingestão alimentar, por meio do recordatório de 24horas. Relacionaram-se os resultados de ingestão de lipídios da dieta com os indicadores antropométricos índice de massa corporal, circunferência abdominal e percentual de gordura corporal. RESULTADOS: O diagnóstico nutricional mais freqüente em 117 (63,9%) dos policiais, segundo o índice de massa corporal, foi de sobrepeso e obesidade; 22 (12,0%) apresentaram risco elevado para complicações metabólicas associadas à obesidade pelo indicador circunferência abdominal e 26 (18,6%) elevado percentual de gordura corporal. A ingestão de lipídios se mostrou aumentada em 53 (70,7%) dos 75 inquéritos validados, no entanto apenas 24 (32,0%) ingeriam lipídios saturados acima da recomendação. Houve correlação positiva apenas entre a ingestão de lipídios totais e o indicador antropométrico de adiposidade circunferência abdominal (p=0...

Propriedades físicas de lipídios estruturados obtidos a partir de banha e óleo de soja

Silva,Roberta Claro da; Gioielli,Luiz Antonio
Fonte: Divisão de Biblioteca e Documentação do Conjunto das Químicas da Universidade de São Paulo Publicador: Divisão de Biblioteca e Documentação do Conjunto das Químicas da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.1%
Os lipídios do leite humano são essenciais para o desenvolvimento de recém-nascidos. A composição dos ácidos graxos e a sua distribuição nas cadeias dos triacilgliceróis devem ser alvos de estudos em fórmulas infantis. Este trabalho pretende obter lipídios estruturados que possuam características semelhantes às da gordura do leite humano. Misturas binárias de banha e óleo de soja formuladas em diferentes proporções (80:20, 60:40, 50:50, 40:60, 20:80) foram submetidas à reação de interesterificação química. A composição em ácidos graxos, índice de iodo, conteúdo de gordura sólida, consistência e ponto de fusão foram analisados nas misturas antes e após a interesterificação. A adição de óleo de soja provocou decréscimo no conteúdo de gordura sólida e consistência da banha. A interesterificação química alterou o comportamento destas propriedades nas misturas binárias da banha com o óleo de soja, em todas as proporções, possivelmente em função do aumento de triacilgliceróis di e trissaturados produzidos pela randomização. As interações entre banha e óleo de soja apresentaram efeito monotético, antes e após a interesterificação química. Dentre as misturas modificadas, as que continham banha com 20 e 40% de óleo de soja foram as que mais se aproximaram da composição em ácidos graxos dos lipídios do leite humano.

Consumo de carboidratos e lipídios no desempenho em exercícios de ultra-resistência

Ferreira,Antonio Marcio Domingues; Ribeiro,Beatriz Gonçalves; Soares,Eliane de Abreu
Fonte: Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte Publicador: Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2001 PT
Relevância na Pesquisa
37.1%
A nutrição é uma importante ferramenta dentro da prática desportiva. Dentre as modalidades esportivas, a nutrição exerce uma grande influência nos chamados "esportes de desafio", que são as provas de ultra-resistência ou de longa duração. O custo energético de uma prova de ultra-resistência pode variar de 5.000 a 18.000kcal por dia. É amplamente aceito que o consumo de carboidratos antes e durante exercícios prolongados irá retardar o aparecimento da fadiga, poupando o glicogênio hepático e muscular e fornecendo glicose diretamente para os músculos em atividade. Recomenda-se que a dieta de atletas de ultra-resistência possua 70% ou mais, ou de 7 a 10 gramas por quilo de peso corporal de carboidratos. Porém, apesar da melhora apresentada com a nutrição bem planejada, alguns pesquisadores procuram desenvolver novas intervenções nutricionais, visando a melhora do rendimento, que continuam a ser estudadas, como a suplementação com lipídios, através do consumo de triglicerídeos de cadeia média (TCM) ou de dietas ricas em lipídios nos dias que antecedem a competição. Sendo assim, esta revisão possui como objetivo elucidar como os carboidratos e os lipídios podem influenciar o desempenho nos exercícios de ultra-resistência.

Isolamento de leveduras produtoras de lipídios a partir de amostras ambientais do sul do Brasil

Uebel, Lívia da Silva; Boeira, Carolina Zulian; Spier, Franciela; Burkert, Carlos André Veiga
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Outros
POR
Relevância na Pesquisa
37.17%
Levando-se em consideração a enorme quantidade de glicerina gerada na produção de biodiesel e seu baixo custo, torna-se necessário encontrar alternativas para converter este substrato em produtos de alto valor agregado, como lipídios microbianos. Por outro lado, existe um grande interesse em encontrar espécies de micro-organismos ainda não catalogados que sejam produtores de insumos de interesse para a indústria, e poucos micro-organismos são conhecidos por acumular lipídios em um nível significativo. O objetivo deste trabalho foi isolar cepas de leveduras silvestres produtoras de lipídios a partir da biodiversidade presente em amostras ambientais. Foram coletadas amostras de solos, flores, folhas e cascas de árvores na região da Planície Costeira do Rio Grande do Sul. Estas foram pesadas (1 g) e transferidas para frascos Erlenmeyer de 250 mL contendo 50 mL de meio de enriquecimento, sendo estes incubados a 28°C por 24 h. Após este período foi retirado 1 mL de cada cultivo, adicionando a 9 mL de água destilada estéril, sendo 0,1 mL inoculado em placas de Petri contendo ágar YM com auxílio de alça de Drigalski, incubando-se a 30ºC por 120 h. As colônias obtidas foram re-isoladas pelo método de esgotamento em estrias em placas de Petri contendo ágar YM...

Perfil e qualidade nutricional dos lipídios dos queijos ricota, coalho, mussarela e prato

Cavalcanti Guilherme, Ruth; Barbosa Guerra, Nonete (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.32%
A forte relação existente entre ocorrência de Doenças Crônicas Não Transmissíveis DCNT, especialmente das doenças cardiovasculares e o consumo de lipídios, bem como a crença de que todo e qualquer queijo de coloração branca possui baixo teor de lipídios, motivaram a avaliação do perfil e da qualidade nutricional dos lipídios de quatro tipos de queijo, dois de coloração branca (ricota e coalho) e dois de cor amarela (mussarela e prato) com o objetivo de conhecer a quantidade e natureza da gordura destes queijos, tendo em vista seu emprego em dietas para prevenção e controle das doenças crônicas não transmissíveis. Além de lipídios totais, colesterol e ácidos graxos, nas amostras de cinco diferentes marcas por tipo de queijo foram determinados os índices de aterogenicidade (IA), trombogenicidade (IT) e as relações ácidos graxos hipocolesterolêmicos/ hipercolesterolêmicos (HH), ácidos graxos polinsaturados/ saturados (P/S) e w6/w3. Os resultados dos lipídios totais, independentemente da marca e da cor, foram superiores ao estabelecido para queijos magros. Todas as marcas de ricota, bem como 40% dos queijos de coalho e 20% das do tipo mussarela foram classificadas como semigordo, enquanto todos os tipo prato...

Lipídios dietéticos e eficiência energética

Almeida da Silva, Jaide; Flores, Hernando (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.29%
Existe muita controvérsia na literatura a respeito da associação entre lipídios dietéticos, obesidade e doenças cardiovasculares. Até os dias atuais ainda não é possível estabelecer com embasamento cientifico as recomendações de ingestão de carboidratos e lipídios. O presente estudo teve como objetivo estudar os efeitos da dietas ricas em lipídios na eficiência energética de 10 voluntárias adultas saudáveis, as quais foram alimentadas durante 15 dias, com dieta rica em lipídios, em média 60% do valor calórico total, consumindo preparações culinárias comuns. Através da calorimetria indireta mediu-se o consumo de oxigênio das voluntárias durante repouso e atividade padrão em bicicleta ergométrica por 10 minutos antes e depois da dieta experimental. Os resultados indicam que houve aumento significativo (p<0,05) no consumo de oxigênio, o que pode explicar a manutenção do peso ou diminuição do mesmo, apesar da alimentação ser rica em calorias e gordura de origem animal, também não houve alteração nos lipídios séricos. Sendo assim os resultados indicam que o consumo de uma dieta com teor de gordura semelhante ao leite materno diminui a eficiência energética (aumenta consumo de oxigênio) em humanos o que pode explicar o não aumento do peso ou manutenção do mesmo...

Obtenção de lipídios estruturados por interesterificação de triacilgliceróis de cadeia média e longa.; Synthesis of structured lipids obtain from interesterification reaction of medium and long chain tryacylglicerols.

D'Agostini, Denise
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/11/2001 PT
Relevância na Pesquisa
37.17%
Através da mistura de óleos e gorduras e de posterior interesterificação, é possível obter compostos denominados de lipídios estruturados. Estes compostos formados pelo rearranjo de triacilgliceróis de cadeias médias e longas apresentam características físicas, químicas e nutricionais diferentes dos lipídios que lhes deram origem. Devido a sua potencial capacidade para a prevenção e tratamento de doenças, também podem ser considerados "nutracêuticos" por apresentarem vantagens clínicas que se encontram associadas aos ácidos graxos de cadeia média (AGCM) e à estrutura particular de sua molécula lipídica formada pela interesterificação. Esta pesquisa empregou dois métodos de modificação de óleos e gorduras: mistura e interesterificação. As matérias-primas utilizadas foram gorduras refinadas de palma e de palmiste, e triacilgliceróis de cadeia média (Trigliceril CM). Foi utilizado um planejamento de dez experimentos. Para as respostas analíticas foi aplicado um modelo de regressão múltipla, do tipo cúbico especial. Os resultados foram apresentados em diagramas triangulares. Estabeleceu-se ainda a correlação entre medidas quantitativas de aspectos morfológicos microscópicos com as características físicas das gorduras. Foram realizadas análises dos pontos de amolecimento e fusão...

Oxidos de colesterol, colesterol, lipidios totais e composição de acidos graxos em carne de peru

Sueli Regina Baggio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/02/2000 PT
Relevância na Pesquisa
37.22%
Considerando que o colesterol é um esterol largamente distribuído no reino animal, susceptível à oxidação quando exposto ao ar, a temperaturas elevadas, luz, radiação ou à combinação destes fatores, pode ocorrer a formação de vários produtos de oxidação, tais como: 25-hidroxicolesterol; colestan-3 beta-5alfa-6 beta-triol; 5,6alfa-epoxicolesterol; 5,6 beta-epoxicolesterol; 7alfa-hidroxicolesterol; 7 beta-hidroxicolesterol; 7-cetocolesterol e colesta-4,6-dien-3-ona. Estes compostos são considerados mais aterogênicos do que o próprio colesterol na formação de placas ateroscleróticas. A oferta de carne de peru tem aumentado muito nos últimos anos com a suposta característica de apresentarem baixos teores de colesterol, lipídios totais e de ácidos graxos saturados. Esses componentes influenciam no nível de colesterol sanguíneo, sendo que altos níveis é um dos fatores de risco às doenças cardiovasculares. Com base nestes fatos, os objetivos do trabalho foram: (1) otimizar e validar uma metodologia para a determinação simultânea, por cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE), de óxidos de colesterol e colesterol em carne de peru; (2) determinar os teores de óxidos de colesterol, colesterol, lipídios totais e a composição de ácidos graxos em carne de peru. Cinco diferentes lotes de amostras compostas de carne de peru...