Página 1 dos resultados de 59 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

A rede de Capistrano de Abreu (1853-1927): uma análise historiográfica do rã-txa hu-ni-ku-~i em face da Sul-americanística dos anos 1890-1929; The Capistrano de Abreu´s scientific network: how the South-american languages were studied between 1890-1929

Christino, Beatriz Protti
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 26/03/2007 PT
Relevância na Pesquisa
36.23%
Resumo Esta pesquisa teve por objetivo compreender, em função de seu contexto de produção e recepção, as soluções descritivas reconhecíveis no rã-txa hu-ni-ku-~i, obra sobre o Caxinauá (família Pano), escrita pelo brasileiro João Capistrano de Abreu (1853-1927) e publicada em 1914. De maneira a delinear o circuito de circulação do saber em que aquele trabalho se encontrava inserido, foi realizada uma investigação do ideal de ciência e do modelo de organização social do grupo de especialistas, de diversas nacionalidades, que se dedicaram ao exame das línguas e culturas da América do Sul, entre os anos de 1890 e 1929. De outro lado, levantaram-se as estratégias de segmentação e categorização de unidades lingüísticas do Caxinauá adotadas por Capistrano de Abreu e verificou-se a adequação descritiva de algumas das propostas de análise identificadas. Palavras-chave: Historiografia da Lingüística; Línguas Pano; Caxinauá; Americanística; Capistrano de Abreu (1853-1927).; This research aims to analyse the linguistic description of the Cashinaua language (a Pano language) presented by the Brazilian researcher João Capistrano de Abreu (1853-1927) in his study entitled rã-txa hu-ni-ku-~i (published in 1914) with respect to its context of production and reception. The analysis comprises the concept of science and the patterns of social relationship that characterized the international scientific community devoted to the study of South-American languages and cultures during the years 1890-1929. In addition...

A recepção à gramática gerativa no Brasil (1967-1983): um estudo historiográfico; The reception to the generative grammar in the Brazil (1967-1983): a historiography study

Batista, Ronaldo de Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 17/05/2007 PT
Relevância na Pesquisa
36.39%
No final da década de 1960, começaram a circular no cenário acadêmico brasileiro as primeiras notícias a respeito da Gramática Gerativa de Noam Chomsky. A conseqüência desse momento inicial de recepção das idéias lingüísticas norte-americanas foi a formação de um grupo de especialidade que reuniu pesquisadores que se reconheceram como gerativistas e passaram a aplicar teorias e métodos da Gramática Gerativa a dados do português. Esta tese propõe uma reconstrução desse período da história da lingüística brasileira, seguindo métodos e propostas interpretativas da Historiografia Lingüística, a partir de categorias analíticas como programas de investigação, grupos de especialidade, reconstruções externa e interna, formas de argumentação, retóricas de ruptura, continuidades e descontinuidades.; At the end of the 60s, the first news about Noam Chomsky's Generative Grammar spread among Brazilian Scholars. The first consequences of these North-American linguistic ideas was the creation of a study group that joined researchers who started applying Generative Grammar theories and its methods to Portuguese language data. This thesis aims at reconstructing this period of Brazilian Linguistics. In order to do so...

O período dos estudos lingüísticos brasileiros dito científico na questão da colocação pronominal (1880-1920); The period of brazilian linguistic studies said scientific on the issue of placing pronominal (1880-1920)

Teixeira, Silvana Gurgel
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2008 PT
Relevância na Pesquisa
56.76%
Esta dissertação investiga a dita cientificidade do período dos estudos lingüísticos brasileiros na Questão da colocação pronominal a partir de aparatos teóricos do campo de pesquisa da Historiografia Lingüística. Constituíram o corpus principal de análise os textos gramaticais dos agentes: Mário Barreto (1879-1931), Alfredo Augusto Gomes (1859-1924), Maximino de Araújo Maciel (1865- 1923), Manuel Pacheco Silva Junior (1842-1899) & Lameira de Andrade (-), Eduardo Carlos Pereira (1855-1923), Ernesto Carneiro Ribeiro 1839-1920, João Ribeiro (1860-1934), Júlio César Ribeiro (1845-1890) e Manuel Said Ali (1861-1953). As análises indicam que a recepção positiva às orientações entendidas como científicas: histórica e naturalista, para o tratamento da língua, localizava-se mais na retórica dessa geração do que propriamente no modo como o problema da colocação pronominal foi tratado lingüisticamente, pois observou-se nos textos um tratamento predominantemente pedagógico. A co-ocorrência de abordagens encontrada no modo como a Questão foi tratada por essa geração sugere a não presença absoluta de uma descrição de língua promovida pela nova corrente, por isso conclui-se que não seria adequado afirmar que a gramática realizada com a Questão...

Língua, cultura e civilização: um estudo das idéias lingüísticas de Serafim da Silva Neto; Language, culture and civilization: a study of the linguistic ideas of Serafim da Silva Neto

Moraes, Jorge Viana de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/10/2008 PT
Relevância na Pesquisa
56.61%
Neste trabalho analisamos o pensamento crítico do filólogo brasileiro Serafim da Silva Neto, sobre o português do Brasil. Para ele a língua era uma manifestação espiritual do homem, que estava atrelada à cultura e à civilização. Nosso objetivo é o de examinar, no discurso do filólogo, a relação entre estes conceitos e explicá-los à luz da história, do contexto em que ele estava inserido. Para tanto, o corpus compõe-se de duas obras do autor: Introdução aos Estudos da Língua Portuguesa no Brasil, de 1950 e Língua, Cultura e Civilização, de 1960. A análise é precedida da contextualização da época em que Silva Neto atuou, para que, assim, pudessem ser estabelecidas as bases teóricas sobre as quais está fundamentado seu pensamento crítico. Teoricamente, o trabalho está vinculado ao quadro da Historiografia Lingüística, já que visa a descrever e analisar como o autor desenvolveu seu pensamento crítico acerca do português do Brasil. Nesse sentido, seguiu-se a proposta teóricometodológica de Auroux (2006), para quem, ser um historiador da ciência é poder construir ligações causais.; In this work we analyze the critical thought of the Brazilian philologist Serafim da Silva Neto, on the Portuguese of Brazil. For Serafim...

Dominicanos e jesuítas na emergência da tradição gramatical Quechua - século XVI; Dominicans and Jesuits in the emergence of grammar tradition Quechua - XVI century

Cordeiro, Roberta Henriques Ragi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/04/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.33%
Esta investigação tem o objetivo de comparar as duas primeiras gramáticas produzidas sobre o quechua no século XVI. A primeira, Grammatica o arte de la lengua general de los incas de los reynos del Peru, foi escrita pelo dominicano Domingo de Santo Tomás (1499-1570) e publicada em Valladolid, no ano de 1560. A segunda, Arte y vocabulario en la lengua general del Peru llamada quichua, y en la lengua española, de autoria anônima, surgiu das atividades do Terceiro Concílio Limenho (1582-1583) e foi publicada em Lima, no ano de 1586. A hipótese inicial deste trabalho é a de que ambos os textos configuram modelos distintos de descrição gramatical da língua-objeto, se levadas em consideração as especificidades históricas e políticas que contextualizam a produção e circulação das duas gramáticas examinadas. Do ponto de vista lingüístico, os textos gramaticais materializam continuidades e descontinuidades em relação ao repertório gramatical latino de base e em relação ao quadro universalista renascentista que situa tais produções. Procurou-se demonstrar que o tratamento dos metatermos gramaticais e as opções metodológicas verificadas em cada caso encaminham concepções distintas para o homem e a língua quechua e diferentes projetos de colonização para o Peru do século XVI.; This report has the objective to compare the two first grammar books produced by the quechua in the sixteenth century. The first one Grammatica o arte de la lengua general de los incas de los reynos del Peru...

A Grammatica portugueza, de Júlio Ribeiro: um corte epistemológico na gramaticografia brasileira e a questão da língua portuguesa no Brasil.; The Portuguese Grammar, by Julio Ribeiro: an epistemological gash in the Brazilian grammaticography and the matter of the Portuguese language in Brazil.

Vidal Neto, Jose Bento Cardoso
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/09/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.61%
A Grammatica portugueza, de Júlio Ribeiro, publicada em 1881, foi o primeiro compêndio que se ocupou em gramatizar a variante brasileira do Português. Além disso, como apontou Leite (2005a), Ribeiro foi o primeiro gramático a registrar marcas da hiperlíngua brasileira. Esta Dissertação visou a discutir e compreender as condições que possibilitaram a Ribeiro estes pioneirismos, principalmente em relação aos registros do Português do Brasil. Para realizar tal tarefa, estudamos o corte epistemológico realizado pelo autor em nossa gramaticografia, uma vez que Ribeiro negou os principais valores do Racionalismo e vinculou-se ao Naturalismo. Esta mudança teórica - a despeito da manutenção da influência do modelo Prescritivista - alterou a forma pela qual a gramática tradicional deveria descrever a língua e foi, com efeito, relevante para que se incluíssem, pela primeira vez em uma gramática, marcas de nossa variante linguística. Para realizar este estudo, nos atrelamos teórico-metodologicamente aos conceitos de Auroux (1992;1998a), especificamente, no que tange ao processo de gramatização e à hiperlíngua e também no que diz respeito à significativa importância exercida pelos instrumentos lingüísticos. O corpus foi a própria Grammatica...

Traços da língua, vestígios da ordem: a configuração do prescritivismo na obra de Gladstone Chaves de Melo; Traces of the language, traces of order: the configuration of prescriptivism in the work of Gladstone Chaves de Melo

Gomes Junior, Saul Cabral
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/08/2011 PT
Relevância na Pesquisa
46.55%
Este trabalho, inserido no âmbito da Historiografia Linguística, visa a investigar as manifestações do prescritivismo na produção metalinguística de Gladstone Chaves de Melo. O corpus analisado abrange de A atual decadência da língua literária, ensaio com que Melo inicia sua produção científica, a Na ponta da língua, coletânea de artigos em que o filólogo e outros autores elucidam questões gramaticais e ortográficas. O método utilizado é aquele proposto por Swiggers (1990), para quem há dois tipos de procedimento historiográfico, os quais não se excluem: a focalização do contexto e a investigação do conteúdo. A fundamentação teórica tem como base a noção de horizonte de retrospecção, estabelecida por Auroux (2006), e, sempre que o material de estudo o permite, faz-se uso das proposições de Bakhtin (1999) e de Benveniste (1995). Comprova-se que, na produção metalinguística do autor, o prescritivismo manifesta-se em quatro fases: 1) Traços prescritivistas na descrição dialetológica, estágio em que o pesquisador realiza uma síntese das características dialetais brasileiras; 2) O estabelecimento da gramatização, fase em que o filólogo elabora uma gramática, formalmente constituída; 3) Os contornos prescritivos do novo semblante científico...

A emergência da hipótese do Relativismo Linguístico em Edward Sapir (1884-1939); The emergence of the hypothesis of linguistic relativity in Edward Sapir (1884-1939)

Cunha, Adan Phelipe
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/02/2013 PT
Relevância na Pesquisa
46.47%
Esta dissertação teve por objeto delinear alguns fatores relativos ao processo de emergência da leitura dos trabalhos do linguista e antropólogo norte-americano Edward Sapir (1884-1939) como um dos proponentes de um conjunto de afirmações acerca da natureza das línguas naturais, agrupadas sob o rótulo relativismo linguístico, cujo debate recebeu bastante atenção dos antropólogos linguistas estadunidenses, na primeira metade do século XX. Costuma-se afirmar que o relativismo linguístico seja uma hipótese, que alega que a língua pode moldar a percepção da realidade, o pensamento ou a cultura. Visto o nome de Sapir estar associado ao de Whorf, como o rótulo hipótese Sapir-Whorf indica, e que este rótulo tem sido bastante utilizado atualmente para se referir ao relativismo linguístico, efetuou-se o rastreamento de alguns conceitos fundamentais nesta discussão, dentro do quadro teórico proposto por Sapir, tal como suas concepções acerca da língua, da cultura e do pensamento, com vistas a avaliar a procedência de sua recepção como um relativista. Havido sido este trabalho conduzido sob a metodologia da Historiografia Linguística, buscamos também resgatar os fatores contextuais nos quais tais proposições teóricas emanaram. Por fim...

O tratamento da sintaxe em gramáticas brasileiras do século XIX: estudo historiográfico; The treatment of syntax in Brazilian Portuguese grammars of the 19th century: a historiographical study

Polachini, Bruna Soares
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/07/2013 PT
Relevância na Pesquisa
36.45%
Esta pesquisa teve como principal objetivo analisar continuidades e descontinuidades no tratamento da sintaxe em gramáticas brasileiras do português do século XIX. Para tanto, as seis obras selecionadas, a saber, Morais Silva (1806), Coruja (1873[1835]), Sotero dos Reis (1866), Freire da Silva (1875), Ribeiro (1881), Maciel (1894[1902]), foram examinadas em relação às quatro capas, ou dimensões, que Swiggers distingue no conhecimento linguístico. Na análise da capa teórica, correspondente a visão global da linguagem e concepção das tarefas e do estatuto dos estudos linguísticos, foram analisados os termos gramática, língua e linguagem. Na análise da capa técnica, relativa a técnicas de análise e métodos de apresentação dos dados, abordaram-se termos da seção de tratamento da sintaxe das obras presentes em seis temas: a definição mesma de sintaxe, sentença e seus membros, concordância, hierarquia dos itens da sentença, sintaxe figurada e vícios. Já a capa documental, definida por Swiggers como a documentação linguística e filológica (número de línguas, tipos de fontes de dados, por exemplo) sobre o qual se baseia o estudo linguístico, permitiu a análise dos dados linguísticos eleitos como exemplos nas gramáticas e um exame...

Quatro séculos de Gramaticografia Quéchua: emergência e desenvolvimento da categoria de Caso Nominal em perspectiva historiográfica; Four centuries of Quechua grammar production: emergence and development of the category of nominal case in historiographical perspective

Cordeiro, Roberta Henriques Ragi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/04/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.64%
O objetivo geral deste Trabalho, contextualizado no campo da historiografia linguística, é proceder a um estudo sistemático sobre a emergência e o desenvolvimento da produção gramatical quéchua, em âmbito hispano-americano, entre os séculos XVI e XIX. Para tanto, buscamos examinar os domínios contextuais/institucionais, documentais e metodológicos que organizam as práticas linguísticas, nesse contexto, em perspectiva historiográfica. Tencionamos, ainda, de maneira específica, mapear a sistematização da metalinguagem gramatical relativa à categoria de caso nominal nos nomes substantivos, na língua andina, observando as continuidades e descontinuidades das perspectivas linguísticas que enquadram tal categoria no plano metodológico. Os autores considerados nesta Investigação são os seguintes: Santo Tomás (1560), Anônimo (1586), González Holguín (1607), Huerta (1616), Torres Rubio (1619), Roxo Mexia y Ocón (1648), Aguilar (1690), Melgar (1691), Nieto Polo (1753), Mossi (1857), Montaño (1864), Nodal (1872), Anchorena (1874), Mossi (1889), Paris (1892) e Grimm (1896).; The general objective of this report, contextualized in the field of linguistic historiography, is to carry out a systematic study about the emergence and development of Quechua grammar production...

Línguas africanas e português brasileiro: análise historiográfica de fontes e métodos de estudo no Brasil (sec. XIX-XXI); African languages and Brazilian Portuguese: a historiographical analysis of sources and study methods in Brazil (19th-21st centuries)

Borges, Patricia de Souza
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 09/03/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.45%
As relações entre as línguas africanas e o português brasileiro é tema recorrente nos estudos linguísticos produzidos no Brasil, desde o século XIX (cf., por exemplo, Macedo Soares 1942[1874/1891]) e parece estar em evidência no panorama contemporâneo, como o demonstra o número de trabalhos recentemente publicados. Ao analisar a história desta produção linguística, Bonvini (2009) propõe que os trabalhos produzidos podem ser distinguidos em duas tendências: influência e crioulização. Segundo ele, ambas as hipóteses sobre essas relações apresentam deficiências, especialmente quanto a dois aspectos: o tratamento das fontes e a metodologia de estudos empregada. Quanto às fontes, os trabalhos teriam sido formulados sem apoio em dados linguísticos precisos e identificados. Quanto à metodologia, as análises estariam centradas em aspectos léxico-semânticos ou morfossintáticos, níveis que Bonvini julga inadequados para tratar a questão. A partir dessas críticas, cumpre indagar: quais foram as fontes usadas nos trabalhos sobre as relações entre as línguas africanas e o português brasileiro? Toda a produção sobre o tema desenvolveu-se a partir dos mesmos princípios metodológicos? Houve mudanças no tratamento do tema: da hipótese da influência à crioulização? Nosso projeto teve como objetivos mapear e analisar a produção que investigou as relações entre o português brasileiro e as línguas africanas no Brasil e discutir a periodização para a história dessa produção. Tal análise foi baseada no conceito de programa de investigação...

Historiografia-linguística da semântica estrutural de Greimas; Linguistic Historiography of structural semantics of Greimas

NESTOR, Paulo Henrique do Espírito Santo
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Letras e Linguística; Lingüística, Letras e Artes Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Letras e Linguística; Lingüística, Letras e Artes
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.72%
The studies of meaning brought many internal and external controversies to the Linguistics, since the early thoughts from Plato and Aristotle in the old Greece. In the twentieth century, such discussions were intensified and built a polarization, in which there were the ones who defended the relevance of the studies on meaning, and the ones who believed to be impossible to develop those researches. In addition, the Linguistic Historiography is the approach developed in this thesis, in order to interpret the work Structural Semantics` theoretical productivity from the author Algirdas Julien Greimas, one of the linguists who defended vehemently the importance and legitimacy of the meaning analysis. Moreover, this guideline is justified due to the pertinence of this work in the linguistics setting, highlighted in different texts that deal with it as a watershed in the language studies. The Strcutural Semantics was published for the first time in French (1966), and it portrays surprisingly many aspects concerning the existing ideas in that period related to the meaning. Perhaps, Greimas lived in the most productive moment for the language studies of the twentieth century. Furthermore, it was in this period that Course in General Linguistics (Ferdinad de Saussure)...

Origem e desenvolvimento das idéias lingüísticas de William Labov; Origin and development of William Labov s linguistic ideas

SILVA, Daniel Marra da
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Letras e Linguística; Lingüística, Letras e Artes Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Letras e Linguística; Lingüística, Letras e Artes
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.49%
This Dissertation aims at tracing the linguistic historiographic trying to show the relevance of his studies of the nature of language and the internal and social factors which motivate its change and their importance for the development of and its genesis context, it was attempted to know his social history along with the socioeconomic, historical and political contexts. Labov first majored in English and Philosophy and, after that, in Chemistry, area in which he worked for a decade until his return to University in 1961, when he started his studies in Linguistics. During this decade, the United States society was going through its deepest social revolution which was motivated by a movement that was committed with the attitudes of the left-wing politics, minority rights, black consciousness, drugs, war experience and protests. Among these deep changes of behavior and general tendencies, Labov developed his most important researches which would, later, lead the claims for a new way of approaching Linguistics. This author must be seen as a very original figure with a passion for science. His originality is to be found in his capacity to develop an approach of empirical objectivist character, which methods are similar to those of the exact sciences. His capacity of analyzing and understanding the world around him allowed the author to judge as incoherent the behavior of the linguists of his time who seemed to ignore the facts of the real world. His every day life experience and non-conformist and progressive behavior allowed him to propose a new approach for the study of language which would become a great area of study. These characteristics...

Laying down the country : Norman B. Tindale and the linguistic construction of the North-West of South Australia / Paul Monaghan.

Monaghan, Paul Edward
Fonte: Universidade de Adelaide Publicador: Universidade de Adelaide
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 132018 bytes; application/pdf
Publicado em //2003 EN
Relevância na Pesquisa
36.42%
This thesis critically examines the processes involved in the construction of the linguistic historical record for the north-west region of South Australia. Focussing on the work of Norman B. Tindale, the thesis looks at the construction of Tindale's Pitjantjatjara, Yankunytjatjara and Antikirinya representations. It argues that Tindale effectively reduced a diversity of indigenous practices to ordered categories more reflective of Western and colonial concepts than indigenous views. Tindale did not consider linguistic criteria in depth, had few informants, worked within arbitary tribal boundaries, was biased towards the category 'Pitjantjatjara' and was informed by notions of racial/linguistic purity. These factors which shaped the linguistic record must be taken into account when interpreting records for use as historical and native Title evidence.; Thesis (Ph.D.)--University of Adelaide, School of European Studies and General Linguistics, 2003; "June 2003"; 2 maps in pocket on back cover.; Bibliography: leaves 285-308.; xiv, 308 leaves : ill., maps ; 30 cm.

Història, narrativitat i gir lingüístic. Algunes consideracions

Espinet, Francesc
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Article; info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em //2000 CAT
Relevância na Pesquisa
36.64%
En aquest article s'intenta discutir quines han estat les aportacions de la narrativitat i del gir lingüístic a la historiografia i a la teoria de la història, en el context de la crisi de les ciències socials en el darrer quart de segle, presidit a Occident per la globalització capitalista i per l'eclosió identitària.; An attempt to discuss what have been the contributions of narrative and of linguistic turn to historiography and the theory of history in the context of the crisis within social science in the last quarter of a century, dominated in the West by capitalist globalisation and an emerging sense of identity.

Considerações sobre uso e Norma na Gramática Portuguesa – O Methodo Grammatical Para Todas as Linguas (1619), de Amaro de Roboredo; Considerations on Norm and use of Portuguese Grammar in The Seventeenth Century – Amaro de Roboredo’s Methodo Grammatical Methodo Grammatical para todas as Linguas (1619)

Leite, Marli Quadros
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 04/12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.55%
Nosso objetivo neste trabalho é mostrar como, em um manual de ensino de línguas, intitulado Methodo grammatical para todas as línguas, publicado em 1619, Amaro de Roboredo ,registrou aspectos do uso e da norma do português. Esta pesquisa se inscreve no campo da epistemologia e da historiografia linguística (Auroux 2007), especificamente no que concerne à reconstrução da história dos saberes linguísticos, no âmbito da gramaticografia portuguesa. Para desenvolvimento desses temas, este artigo se subdivide em três partes: primeiro, há a inserção do autor e de sua obra em seu tempo, colocando-o frente às ideias linguísticas em vigor; isso nos leva à segunda parte, em que se discute a apresentação e concepção do Methodo, assim como suas causas e consequências (tardias) e tudo o que isso implicou para o ensino do português; a terceira e última parte traz o estudo sobre o registro do uso e da norma do português, no rastro da exposição das regras para o ensino do latim. A pesquisa nos leva à conclusão de que Roboredo, mesmo sem o objetivo de descrever ou normalizar a língua portuguesa, deixou, em seu método para ensino de línguas, registros importantes sobre peculiaridades de uso e norma dessa língua, especialmente na parte reservada ao “curioso português”...

A gramática histórica no Brasil da década de 1930: uma análise em torno do argumento da influência; Historical grammar in Brazil of the 1930’s: an analysis based on the argument of influence

Batista, Ronaldo de Oliveira
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 04/12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.66%
Em texto clássico na área dos estudos historiográficos em linguística (“On the Problem of ‘Influence’ in Linguistic Historiography”), Konrad Koerner coloca como uma das questões problemáticas nas reconstruções da história o tratamento da influência e seu papel no desenvolvimento de abordagens a respeito de línguas e linguagem. Partindo dessa base teórica e tomando como objeto de análise Pontos de Gramática Histórica de Ismael de Lima Coutinho (1938), propõe-se um estudo de caso que coloca o foco de observação no desenvolvimento dos estudos gramaticais no panorama brasileiro de produção e recepção de teorias e métodos descritivos e analíticos, tendo em vista buscar elementos de interpretação de uma produção gramatical de feição diacrônica e estabelecer uma narrativa historiográfica em torno da categoria de análise argumento da influência.;  In a classic text of historiographic studies in Linguistics (“On the Problem of ‘Influence’ in Linguistic Historiography”), Konrad Koerner distinguishes the treatment of in­fluence and its role in the development of approaches to languages as one of the problematic questions in reconstructions of history. Taking this theoretical basis as a starting point and with Ismael de Lima Coutinho´s Pontos de Gramática Histórica (1938) as an object of analysis...

Título em inglês; A Nova Gramática do Português Contemporâneo. Tradição e modernidade

Leite, Marli Quadros
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 02/08/2006 POR
Relevância na Pesquisa
36.42%
In this paper we analyze the ‘Nova gramática do Português Contemporâneo’ (New Grammar of Contemporary Portuguese), written by Celso Cunha and Lindley Cintra (1985). We start from the presupposition that traditional grammar is, from the cultural and historical point of view, an important linguistic tool (Auroux, 1998) for society. Our goal is to show that traditional grammar also displays the historical aspects of the language, including data of the linguistic reality (hyperlanguage). This is a paper in linguistic historiography and intends to examine a content that, in this case, is the register of aspects of the brazilian variety of portuguese as a linguistic tool.; A partir da premissa de que a gramática tradicional é, sob o ponto de vista cultural e histórico, um Instrumento lingüístico (Auroux, 1998) importante à sociedade, tratamos de analisarA nova gramática do português contemporâneo, de Celso Cunha e Lindley Cintra (1985). Nosso objetivo é mostrar que a gramática tradicional é, também, um lugar em que ficamregistrados aspectos da história da língua, aí incluídos dados da realidade lingüística (hiperlíngua). O trabalho inscreve-se no quadro da historiografia lingüística e tem a finalidade de examinar um conteúdo...

Título em inglês; Notas sobre as “Prosas Portuguesas” de Rafael Bluteau e a historiografia lingüística do século XVIII

Gonçalves, Maria Filomena
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 02/08/2003 POR
Relevância na Pesquisa
46.55%
Besides the "Vocabulario Portuguez e Latino" (1712-1728), Rafael Bluteau is also author of the "Prosas Portuguezas" (1727-1728), originated in the specific context of the literary academism of late 17th century and the early 18th century. In the "Prozas", the father of the Portuguese Lexicography debates subjects of linguistic nature such as lexical renewal, the foreign word and the meaning of certain words. Characterized by their eulogistic nature, the "Prosas" are both privileged sources of the linguistic historiography of Portuguese and important additions to the historic lexicology of the Portuguese Language.; Além do Vocabulário Portuguez e Latino (1710-1728), Rafael Bluteau também é autor das Prosas Portuguezas (1727-1728), produzidas no contexto específico do academismo literário de finais de seiscentos e princípios de setecentos. Nas Proza, o fundador da lexicografia portuguesa discute temas de natureza linguística como a renovação vocabular, os estrangeirismos e o significado de algumas palavras. Caracterizadas pelo seu caráter apologético, as Prosas são fontes privilegiadas da historiografia linguística do português, ao mesmo tempo que dão importantes achegas para a lexicologia histórica do Português.

LÉXICO, IDEOLOGIA E A HISTORIOGRAFIA LINGÜÍSTICA DO SÉCULO DAS IDENTIDADES

Coelho, Olga
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 23/12/2004 POR
Relevância na Pesquisa
46.45%
Este texto exemplifica como os períodos e contextos da história do conhecimento científico podem ser examinados pela perspectiva da Historiografia da Lingüística. Seu objetivo é demonstrar que o historiógrafo, ao lidar com qualquer tema dessa área, deve fornecer uma verdadeira teia explicativa dos fatos. O tema abordado é o da reivindicação de autonomia para o português do Brasil em dicionários produzidos durante a segunda metade do século XIX. Propomos que aspectos referentes aos métodos empregados nessas descrições do léxico brasileiro teriam dificultado a aceitação da reivindicação no período, embora o contexto fosse altamente favorável para sustentá-la. Abstract This paper exemplifies how periods and contexts into the history of scientific knowledge can be examined through the perspective of Linguistic Historiography. Its aim is demonstrate that an explanatory web of facts must be provided by the historiographer when he works with any issue in that area. The issue in focus is the claim of autonomy to Brazilian Portuguese in certain dictionaries that was produced in the second half of the 19th century. According to our hypothesis, some aspects related to the methods applied in those Brazilian lexis descriptions would make the acceptance of that claim difficult in the period...