Página 1 dos resultados de 123 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

Licença médica e gerenciamento de pessoal de enfermagem; Sick leave and nursing personnel management; Licencia médica y gerenciamiento de personal de enfermería

ESTORCE, Thiago Puliesi; KURCGANT, Paulina
Fonte: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
46.39%
As licenças médicas da equipe de enfermagem exigem ações gerenciais imediatas quando a meta é a assistência de qualidade. Este estudo, descritivo-exploratório e quantitativo, busca caracterizar esse fenômeno em um hospital universitário entre 2003 e 2007. As licenças médicas somaram 3.207 afastamentos e 32.022 dias perdidos. Afastamentos de até dois dias representaram 54% do total e 7% dos dias perdidos; afastamentos acima de 15 dias, 5% do total e 66% dias perdidos. Assim, as licenças médicas constituem importante ferramenta no gerenciamento de pessoal de enfermagem.; Sick leaves in the nursing team demand immediate managerial actions when health care has quality as a goal. This descriptive-exploratory, quantitative study was performed with the purpose of characterizing that phenomenon in a university hospital between 2003 and 2007. The medical leaves added up to 3,207 leaves and 32,022 days lost. Leaves lasting up to two days accounted for 54% of the total leaves and to 7% of the days lost; leaves of more than 15 days, 5% of the total, and 66% of the lost days. Hence, sick leaves consist of an important tool in nursing personnel management.; Las licencias médicas del equipo de enfermería exigen acciones gerenciales inmediatas cuando la meta es la calidad de la atención. Este estudio descriptivo exploratorio y cuantitativo busca caracterizar dicho fenómeno en un Hospital Universitario en período entre 2003 y 2007. Las licencias médicas totalizaron 3207 solicitudes y 32.022 días perdidos. Las licencias de hasta dos días representan el 54% del total y 7% de los días perdidos; las licencias por encima de quince días...

Excluídos no trabalho? Análise sobre o processo de afastamento por transtornos mentais e comportamentais e retorno ao trabalho de professores da rede pública municipal de São Paulo; Excluded at work? Analysis on the process of sick leave due mental and behavioral disorders and return to work of teachers of the São Paulo municipal public system

Macaia, Amanda Aparecida Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 04/02/2014 PT
Relevância na Pesquisa
36.11%
Introdução - Os trabalhadores no Brasil geralmente retornam ao trabalho nas mesmas condições que geraram seus afastamentos. No ano de 2012 os professores foram o terceiro grupo profissional que mais se afastou e retornou ao trabalho (RT) em readaptação funcional, entre os servidores públicos da rede municipal de São Paulo. Transtornos mentais e comportamentais (TMC) foram um dos diagnósticos mais frequentes. Objetivos - Conhecer e analisar os processos de afastamentos por TMC e RT entre os professores da rede pública municipal de SP. Métodos - Estudo qualitativo, de caráter exploratório, realizado por meio de entrevistas individuais centradas no problema, em linha de narrativa oral e grupos focais. Participaram 20 professores ativos e readaptados, com histórico de licenças médicas por TMC e RT. A análise dos dados envolveu transcrição, codificação aberta, axial e seletiva. Resultados - As categorias temáticas discutidas foram: a) afastamentos do trabalho por TMC; b) RT; c) estratégias para o cuidado da saúde e permanência no trabalho; d) período de afastamento até o retorno ao trabalho; e) preconceitos no trabalho; f) perícia médica; g) autonomia dos professores em modificações das condições e organização do trabalho. Os participantes foram na maioria mulheres...

Estudo de coorte prospectivo das características do absenteísmo na administração pública: atestação médico-odontológica na saúde do servidor; Prospective cohort study of the characteristics of absenteeism public administration: medical-dental certification of the server health

Capelari, Marcos Maurício
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/04/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.19%
O absenteísmo médico-odontológico é relatado como sendo responsável pela perda de dias e horas de trabalho, refletindo-se em prejuízos econômicos nos setores público e privado, não obstante a sua essência nos remeta a uma reflexão muito mais profunda, no que diz respeito à Saúde e aos seus agravos, enquanto fatores causais desta condição, muitas vezes impostos ao trabalhador pelo próprio ambiente de trabalho. O presente estudo teve por objetivo avaliar as características e o perfil do Absenteísmo na Administração Pública, o envolvimento e a atestação médico - odontológica relacionados ao afastamento do servidor do seu trabalho, além da relação entre Patologias Médicas e odontológicas, sob uma óptica baseada em evidências de uma pesquisa pautada na Incidência. Além disto, como objetivo secundário, foi conduzida uma atualização da revista da literatura com fulcro nos aspectos legais, éticos, normativos e científicos, no que tange às atestações de estados de saúde. A partir de um estudo preliminar do tipo exploratório retrospectivo, transversal, descritivo e analítico, realizado anteriormente com o propósito de se estabelecer a relação entre absenteísmo e doenças, tanto de origem médica...

A Importância do serviço social na junta médica da Assembléia Legislativa do estado de Santa Catarina

Zaguini, Luciane Dalla Barba
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Relevância na Pesquisa
36.29%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Serviço Social.; O presente Trabalho de Conclusão de Curso aborda a temática sobre importância do Serviço Social na Junta Médica da Assembléia Legislativa do Estado de Santa Catarina, a partir da pesquisa realizada nesta Instituição, no período de agosto até outubro de 2005. Inicialmente, caracteriza-se o cenário de prática, apresentando o resgate da história sobre o Poder Legislativo do Estado de Santa Catarina. Em seguida, explana-se sobre a Divisão de Saúde e Assistência e as suas respectivas Sessões. Aborda-se as Políticas de Saúde no Brasil vigentes após a VIII Conferência Nacional de Saúde e a Constituição de 1988, além da Saúde do Servidor Público. Na seqüência, contextualiza-se sobre o Absenteísmo e a Somatização. Posteriormente, faz-se uma reflexão sobre o Serviço Social no atual mundo do trabalho e na Instituição. Trata-se de um a pesquisa de natureza qualitativa, na qual se faz uso de dados primários e secundários. Como fonte de dados primários, ou seja, dados coletados pela primeira vez, emprega-se como instrumento o questionário semi-estruturado, com perguntas abertas e fechadas, importante componente na realização da pesquisa qualitativa. Para a pesquisa documental...

Integração de exames de diagnóstico em sistemas de informação médica

Guerra, Luís Miguel dos Santos
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
36.5%
Dissertação mest., Imagiologia Médica, Universidade do Algarve, 2008; O trabalho realizado no âmbito das Ciências da Computação no apoio às Ciências Médicas descrito nesta tese tem por objectivo demonstrar a exequibilidade na utilização de sistemas livres, para a leitura e partilha de exames de diagnóstico, no âmbito dos sistemas de saúde. Para tal, o serviço de Imagiologia do Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio serviu de fonte para obtenção das imagens. No decurso do trabalho, ultrapassando o objectivo inicial proposto, pretendeu-se criar um sistema de arquivo e comunicação de imagens (PACS), baseado em software com licença livre, que pudesse receber e enviar exames obtidos por modalidades técnicas de Radiologia Convencional, Tomografia Computorizada, Ressonância Magnética e Ultrassonografia. Considerou-se que as aplicações testadas deviam ser capazes de integrar os formatos, para imagens médicas, mais comuns e que o PACS a criar deve operar segundo os protocolos de comunicação vigentes de modo a poder comunicar com outras aplicações médicas. Escolheu-se as aplicações mais significativas, recolhidas livremente na Internet, segundo critérios funcionais para a visualização de imagens médicas e na perspectiva de actualizações periódicas futuras. No final...

Fatores de risco para absenteísmo com licença médica em trabalhadores da indústria de petróleo

Oenning,Nágila Soares Xavier; Carvalho,Fernando Martins; Lima,Veronica Maria Cadena
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.31%
OBJETIVO : Identificar fatores de risco para o absenteísmo com licença médica em trabalhadores de empresa de petróleo. MÉTODOS : Estudo caso-controle (120 casos e 656 controles) aninhado a um estudo de coorte retrospectivo com todos os trabalhadores de uma empresa de petróleo na Região Norte-Nordeste do Brasil entre 2007 e 2009. A variável resposta utilizada para representar o absenteísmo com licença médica foi a incidência média de faltas com licenças médicas no período, definida pela razão entre o total de dias de licenças médicas e os dias potencialmente trabalháveis no período. Análise de regressão logística foi utilizada para investigar a associação entre incidência média de faltas > 5,0% no período e as variáveis sexo, cargo, idade, tempo de atuação, regime de trabalho, tabagismo, hipertensão arterial, índice de massa corporal, atividade física, risco coronariano, sono, glicemia, diabetes não controlado, doença do aparelho cardiovascular, digestivo, aparelho locomotor, neurológica, neoplasia, posturas forçadas no trabalho, satisfação com o trabalho...

Licença médica e gerenciamento de pessoal de enfermagem

Estorce,Thiago Puliesi; Kurcgant,Paulina
Fonte: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2011 PT
Relevância na Pesquisa
46.31%
As licenças médicas da equipe de enfermagem exigem ações gerenciais imediatas quando a meta é a assistência de qualidade. Este estudo, descritivo-exploratório e quantitativo, busca caracterizar esse fenômeno em um hospital universitário entre 2003 e 2007. As licenças médicas somaram 3.207 afastamentos e 32.022 dias perdidos. Afastamentos de até dois dias representaram 54% do total e 7% dos dias perdidos; afastamentos acima de 15 dias, 5% do total e 66% dias perdidos. Assim, as licenças médicas constituem importante ferramenta no gerenciamento de pessoal de enfermagem.

Indicadores de absenteísmo e diagnósticos associados às licenças médicas de trabalhadores da área de serviços de uma indústria de petróleo

Oenning,Nágila Soares Xavier; Carvalho,Fernando Martins; Lima,Verônica Maria Cadena
Fonte: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO Publicador: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.62%
OBJETIVOS: Determinar indicadores do absenteísmo por licença médica (LM) em trabalhadores da área de serviços de uma indústria de petróleo, identificando as patologias associadas. MÉTODOS: Este estudo descreve resultados de estudo coorte retrospectivo com 782 trabalhadores de uma empresa de petróleo no período de 1º de janeiro de 2007 a 31 de dezembro de 2009. RESULTADOS: 542 trabalhadores tiveram eventos de faltas ao trabalho que geraram licença médica. Registrou-se 3,3 episódios de LM por trabalhador e 69,3% dos trabalhadores tiveram pelo menos um episódio de LM. Os episódios de LM duraram em média 6,6 dias, com desvio padrão de 9,8 dias. A maior proporção de episódios de absenteísmo por LM deveu-se às doenças do sistema osteomuscular e tecido conjuntivo. Dezesseis dentre os 782 trabalhadores apresentaram 17 episódios de LM associadas ao trabalho (acidente típico, de trajeto e doença ocupacional). CONCLUSÕES: O estudo ratificou a importância do afastamento por doenças do sistema osteomuscular e o impacto das doenças ocupacionais no absenteísmo por licença médica, detectando índices semelhantes ao da literatura, numa população pouco explorada do ponto de vista epidemiológico.

A bilionária indústria da educação médica continuada nos EUA: mais uma forma de interferência das empresas na relação médico-paciente

Teixeira,Mônica
Fonte: Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental Publicador: Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.27%
O artigo trata de mais uma das formas pelas quais a indústria impacta a clínica médica. A indústria farmacêutica e de dispositivos médicos financia atividades de Educação Médica Continuada com o objetivo de promover a utilização de tratamentos que a ela interessam. A Educação Médica Continuada é obrigatória em muitos estados dos EUA para a renovação da licença para o exercício de profissões médicas e para-médicas. O congresso dos EUA discute como regular a questão, no contexto da reforma do sistema de saúde posta em discussão pelo atual presidente do país.

Licença médica

Brasil. Superior Tribunal de Justiça (STJ)
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Legislação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.5%
Licença médica. P.A. n. 363/90.

Licença médicas concedidas mês de abril

Brasil. Superior Tribunal de Justiça (STJ)
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Legislação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.16%
Licenças médicas concedidas no mês de abril de 1990. P.A. 371/90.

Licença médicas de junho/1990

Brasil. Superior Tribunal de Justiça (STJ)
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Legislação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.16%
Licenças médicas concedidas no mês de junho de 1990. Processo P.A.: 506/90.

Absenteísmo-doença entre servidores públicos municipais de Goiânia; Sickness absence among government employees from the goiânia municipality

Leão, Ana Lucia de Melo
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Saúde Coletiva (PRPG); Pró-Reitoria de Pós-graduação (PRPG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Saúde Coletiva (PRPG); Pró-Reitoria de Pós-graduação (PRPG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.11%
Background: Sickness absence (SA), known as work disability justified by sick leave, can be an indicator of workers health status. In municipal government, like the rest of the country, the prevalence of SA and its main causes are still poorly documented, and are restricted to the analysis of some occupational groups, especially those who engage in health care or in institutions education. Estimates of the magnitude of SA vary widely and socio-demographic aspects related to nature and working conditions are among the main factors associated with the frequency and duration. Aims: To study the prevalence and the factors related to SA workers from the public sector in the municipality of Goiânia. Methods: Cross-sectional population-based study assessing prevalence and factors associated with sick leave lasting longer than three days for the health treatment from 2005 to 2010, in civil servants. Outcomes: 40.578 sick leave were assessed among 14.484 absent workers which generated 944.722 absent days. The indicators of sickness absence in that period were: prevalence of sick leave of 39.0%, higher among education professionals (47.7%) and health (41.9%), the mean duration of SA was 40 days / year per worker away and the average duration of Licenses was 23 days per episode. Predominance of female sexual workers...

Absenteísmo no corpo de bombeiros militar do município de Campo Grande, MS

Fiorin, Priscila Maria Marcheti
Fonte: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Publicador: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.16%
Absenteísmo é a ausência do empregado ao trabalho decorrente de motivos pessoais ou de adoecimentos. A profissão bombeiro gera estresse físico e mental, é permeada por vários riscos à saúde em consequência das atividades exigidas no seu exercício. Este estudo teve como objetivo conhecer os motivos que levam ao absenteísmo no Corpo de Bombeiros Militar do município de Campo Grande, MS. Estudo transversal com dados secundários referentes a atestados de ausência ao trabalho publicados no boletim geral do Corpo de Bombeiros, anos de 2009, 2010 e 2011. Foram 1584 ausências ao trabalho relacionadas a atestados médicos por doença, luto, licença maternidade/paternidade ou afastamento parcial para algum tipo de atividade. Dentre os atestados médicos houve predomíno de homens, entre 30 e 39 anos, com 10 a 19 anos de corporação e graduação hierárquica de Sargento, Cabo ou Soldado. Em junho de 2010 a jornada de trabalho mudou de 24h/48h para 24h/72h (trabalho/descanso). Não houve diferença estatisticamente significativa no número de atestados médicos por doença com essa alteração. Não houve diferença estatisticamente significativa entre o número de dias afastados por doença com a mudança de jornada de trabalho. Os principais diagnósticos médicos segundo a Classificação Internacional das Doenças (CID-10) e seus respectivos índices de absenteísmo no período do estudo foram: doenças osteomuscular e do tecido conjuntivo (4...

Licenças médicas entre trabalhadores da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo no ano de 2004

Sala,Arnaldo; Carro,Adriana Rosa Linhares; Correa,Aniara Nascimento; Seixas,Paulo Henrique D'Ângelo
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.16%
O adoecimento dos trabalhadores, e o conseqüente absenteísmo, é tema relevante para o setor público, em virtude dos altos índices de afastamentos por doença verificados. Busca-se caracterizar o perfil de licenças médicas entre os funcionários da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo (SES-SP), Brasil. Foram coletados dados dos 58.196 trabalhadores da SES-SP contratados sob regime jurídico do funcionalismo público no ano de 2004, bem como os respectivos episódios de licenças médicas. O percentual geral de absenteísmo por doença foi de 2,8%, com diferenças entre tipos de unidades da SES-SP e entre agrupamentos de funções exercidas. Os maiores percentuais de absenteísmo foram encontrados entre trabalhadores em funções operacionais (3,4%) e em funções assistenciais (3,3%) em hospitais. O total de dias de licença por doença de cada profissional apresentou associação com a função exercida, a faixa etária e o sexo. Os resultados apontam para a necessidade de estabelecer políticas que incidam sobre a organização do trabalho, com intervenções inovadoras nos espaços profissionais.

Licença médica e gerenciamento de pessoal de enfermagem; Licencia médica y gerenciamiento de personal de enfermería; Sick leave and nursing personnel management

Estorce, Thiago Puliesi; Kurcgant, Paulina
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/10/2011 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
46.39%
As licenças médicas da equipe de enfermagem exigem ações gerenciais imediatas quando a meta é a assistência de qualidade. Este estudo, descritivo-exploratório e quantitativo, busca caracterizar esse fenômeno em um hospital universitário entre 2003 e 2007. As licenças médicas somaram 3.207 afastamentos e 32.022 dias perdidos. Afastamentos de até dois dias representaram 54% do total e 7% dos dias perdidos; afastamentos acima de 15 dias, 5% do total e 66% dias perdidos. Assim, as licenças médicas constituem importante ferramenta no gerenciamento de pessoal de enfermagem.; Las licencias médicas del equipo de enfermería exigen acciones gerenciales inmediatas cuando la meta es la calidad de la atención. Este estudio descriptivo exploratorio y cuantitativo busca caracterizar dicho fenómeno en un Hospital Universitario en período entre 2003 y 2007. Las licencias médicas totalizaron 3207 solicitudes y 32.022 días perdidos. Las licencias de hasta dos días representan el 54% del total y 7% de los días perdidos; las licencias por encima de quince días, 5% del total y 66% de los días perdidos. De tal modo, las licencias médicas constituyen una importante herramienta en el gerenciamiento del personal de Enfermería.; Sick leaves in the nursing team demand immediate managerial actions when health care has quality as a goal. This descriptive-exploratory...

Fatores de risco para absenteísmo com licença médica em trabalhadores da indústria de petróleo; Factores de riesgo para el ausentismo con licencia médica en trabajadores de la industria del petróleo; Risk factors for absenteeism due to sick leave in the petroleum industryFactores de riesgo para el ausentismo con licencia médica en trabajadores de la industria del petróleo

Oenning, Nágila Soares Xavier; Carvalho, Fernando Martins; Lima, Veronica Maria Cadena
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/02/2014 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
46.63%
OBJETIVO : Identificar fatores de risco para o absenteísmo com licença médica em trabalhadores de empresa de petróleo. MÉTODOS : Estudo caso-controle (120 casos e 656 controles) aninhado a um estudo de coorte retrospectivo com todos os trabalhadores de uma empresa de petróleo na Região Norte-Nordeste do Brasil entre 2007 e 2009. A variável resposta utilizada para representar o absenteísmo com licença médica foi a incidência média de faltas com licenças médicas no período, definida pela razão entre o total de dias de licenças médicas e os dias potencialmente trabalháveis no período. Análise de regressão logística foi utilizada para investigar a associação entre incidência média de faltas >; 5,0% no período e as variáveis sexo, cargo, idade, tempo de atuação, regime de trabalho, tabagismo, hipertensão arterial, índice de massa corporal, atividade física, risco coronariano, sono, glicemia, diabetes não controlado, doença do aparelho cardiovascular, digestivo, aparelho locomotor, neurológica, neoplasia, posturas forçadas no trabalho, satisfação com o trabalho, relacionamento com a chefia e atenção concentrada no trabalho. RESULTADOS : A incidência média de faltas com licenças médicas >; 5...

NURSING PROFESSIONALS’ SICK LEAVE: CHARACTERISTICS AND ACTIONS ADOPTED BY NURSE MANAGERS; LICENCIAS DE SALUD DE PROFESIONALES DE ENFERMERÍA; LICENÇAS SAÚDE DE PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM: CARACTERÍSTICAS E AÇÕES ADOTADAS PELOS ENFERMEIROS-CHEFE

Faria, Josimerci Lamana Ittavo; Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto - FAMERP; Kurcgant, Paulina
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 28/06/2014 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
36.31%
Este estudio tuvo como objetivos comprender la percepción del enfermero gerente acerca del evento Alejamiento por Licencia de Salud, las acciones administrativas adoptadas por él y el impacto causado por esas acciones. La investigación fue de naturaleza cualitativa y los datos fueron obtenidos por medio de entrevista con enfermeros jefes de cuatro unidades de internación de un hospital universitario y analizados de acuerdo a la propuesta de análisis de contenido. Los participantes perciben las licencias de salud como un problema administrativo y las acciones administrativas adoptadas delante de las licencias de salud tuvieron la finalidad de evitar agravios a la salud del profesional; verificar las licencias de salud; adecuar las escalas de actividades a las situaciones causadas por el déficit de personal; y readaptar los profesionales que vuelven de las licencias de salud con restricciones para el trabajo. No hubo cambio efectivo en las narrativas de los colaboradores acerca de las acciones administrativas adoptadas.; This study aimed to understand the perception of the nurse manager in relation to the event of Absence from work due to Sick Leave, the managerial actions he adopts, and the impact caused by these actions. This qualitative research involved the Chief Nurses of four inpatient units in a Teaching Hospital. The statements were analyzed using Bardin’s proposal for content analysis. The study subjects perceive episodes of sick leave as a managerial problem...

Fatores de risco para absenteísmo com licença médica em trabalhadores da indústria de petróleo

Oenning,Nágila Soares Xavier; Carvalho,Fernando Martins; Lima,Veronica Maria Cadena
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.31%
OBJETIVO : Identificar fatores de risco para o absenteísmo com licença médica em trabalhadores de empresa de petróleo. MÉTODOS : Estudo caso-controle (120 casos e 656 controles) aninhado a um estudo de coorte retrospectivo com todos os trabalhadores de uma empresa de petróleo na Região Norte-Nordeste do Brasil entre 2007 e 2009. A variável resposta utilizada para representar o absenteísmo com licença médica foi a incidência média de faltas com licenças médicas no período, definida pela razão entre o total de dias de licenças médicas e os dias potencialmente trabalháveis no período. Análise de regressão logística foi utilizada para investigar a associação entre incidência média de faltas > 5,0% no período e as variáveis sexo, cargo, idade, tempo de atuação, regime de trabalho, tabagismo, hipertensão arterial, índice de massa corporal, atividade física, risco coronariano, sono, glicemia, diabetes não controlado, doença do aparelho cardiovascular, digestivo, aparelho locomotor, neurológica, neoplasia, posturas forçadas no trabalho, satisfação com o trabalho...

Licenças médicas entre trabalhadores da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo no ano de 2004

Sala,Arnaldo; Carro,Adriana Rosa Linhares; Correa,Aniara Nascimento; Seixas,Paulo Henrique D'Ângelo
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.16%
O adoecimento dos trabalhadores, e o conseqüente absenteísmo, é tema relevante para o setor público, em virtude dos altos índices de afastamentos por doença verificados. Busca-se caracterizar o perfil de licenças médicas entre os funcionários da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo (SES-SP), Brasil. Foram coletados dados dos 58.196 trabalhadores da SES-SP contratados sob regime jurídico do funcionalismo público no ano de 2004, bem como os respectivos episódios de licenças médicas. O percentual geral de absenteísmo por doença foi de 2,8%, com diferenças entre tipos de unidades da SES-SP e entre agrupamentos de funções exercidas. Os maiores percentuais de absenteísmo foram encontrados entre trabalhadores em funções operacionais (3,4%) e em funções assistenciais (3,3%) em hospitais. O total de dias de licença por doença de cada profissional apresentou associação com a função exercida, a faixa etária e o sexo. Os resultados apontam para a necessidade de estabelecer políticas que incidam sobre a organização do trabalho, com intervenções inovadoras nos espaços profissionais.