Página 1 dos resultados de 27688 itens digitais encontrados em 0.017 segundos

Avaliação bioeconômica de estratégias de alimentação em sistemas de produção de leite. 2. Metodologia alternativa: nível de utilização de capital; Bioeconomic evaluation of feeding strategies in milk production systems. 2. Alternative methodology: level of capital utilization

RENNÓ, Francisco Palma; PEREIRA, José Carlos; LEITE, Carlos Antonio Moreira; RODRIGUES, Marcelo Teixeira; CAMPOS, Oriel Fajardo de; FONSECA, Dilermando Miranda da; RENNÓ, Luciana Navajas
Fonte: Viçosa Publicador: Viçosa
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
46.43%
Objetivou-se desenvolver uma metodologia alternativa para avaliação bioeconômica de estratégias de alimentação para rebanhos leiteiros e avaliar a produtividade física e a eficiência bioeconômica de sistemas de alimentação para vacas em lactação quando utilizadas diversas estratégias de alimentação à base de volumosos para vacas de cinco níveis de produção de leite. Utilizou-se uma plataforma computacional desenvolvida com os programas CNCPS v.5.0 e planilhas eletrônicas do Microsoft Excell®, de forma a simular a produção e as exigências de nutrientes ao longo da lactação de uma vaca com cinco níveis de produção de leite. Utilizaram-se a metodologia alternativa "Ajuste para o Nível de Capital", foram observados diversos níveis de utilização de concentrados e capital gasto com alimentação por unidade de área e estimadas equações de regressão da produtividade (PROD/ha) e receita menos os custos com alimentação (LUCR/ha) por hectare, em função destes níveis. Esta metodologia não permitiu que ocorresse utilização de diferentes níveis de insumos e de capital por unidade de área, mesmo quando são avaliadas diferentes estratégias de alimentação. Os resultados obtidos comprovaram diferenças nas avaliações bioeconômicas realizadas pela metodologia "Ajuste para o Nível de Capital" em relação à "Tradicional". De modo geral...

Eficiência bioeconômica de estratégias de alimentação em sistemas de produção de leite. 1. Produção por animal e por área; Bioeconomic evaluation of feeding strategies in milk production systems. 1. Production per animal and per area

RENNÓ, Francisco Palma; PEREIRA, José Carlos; LEITE, Carlos Antonio Moreira; RODRIGUES, Marcelo Teixeira; CAMPOS, Oriel Fajardo de; FONSECA, Dilermando Miranda da; RENNÓ, Luciana Navajas
Fonte: Viçosa Publicador: Viçosa
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
46.57%
Objetivou-se aplicar um modelo de simulação para avaliação bioeconômica de estratégias de alimentação para rebanhos leiteiros e avaliar a produtividade física e a eficiência bioeconômica de sistemas de alimentação com diversas estratégias de alimentação à base de volumosos para vacas de cinco níveis de produção de leite. Utilizou-se uma plataforma computacional desenvolvida com os programas CNCPS v.5.0 e planilhas eletrônicas do Microsoft Excell®, de forma a simular a produção e as exigências de nutrientes de uma lactação completa para vacas de diferentes níveis de produção. Foram realizadas análises econômicas em sete estratégias de alimentação. A avaliação da receita subtraída dos custos com alimentação (RMCA) comprovou interação entre a estratégia de alimentação e o nível de produção de leite. As estratégias com alimentação à base de silagem de milho durante a época da seca e pastagens na época das águas resultaram em maiores RMCA para todos os níveis de produção de leite, apesar de as demais estratégias apresentarem resultados próximos dependendo do nível de produção de leite. Nas estratégias avaliadas, quanto maior a produção de leite por vaca maior a produtividade (PROD/ha) e a RMCA por área (RMCA/ha). Quanto maior a capacidade de suporte dos volumosos...

Eficiência bioecônomica de vacas de diferentes níveis de produção de leite por lactação e estratégias de alimentação; Bioeconomic efficiency of cows of different milk yield levels per lactation and feeding strategies

RENNÓ, Francisco Palma; PEREIRA, José Carlos; LEITE, Carlos Antonio Moreira; RODRIGUES, Marcelo Teixeira; CAMPOS, Oriel Fajardo de; FONSECA, Dilermando Miranda da; RENNÓ, Luciana Navajas
Fonte: Viçosa Publicador: Viçosa
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
46.59%
Avaliou-se a eficiência bioeconômica de vacas de diferentes níveis de produção de leite por lactação submetidas a sete estratégias de alimentação. Utilizou-se um modelo de simulação desenvolvido com os programas CNCPS v5.0 e planilhas eletrônicas do Microsoft Excell®, de forma a simular a produção e as exigências de nutrientes de uma lactação completa para vacas de diferentes níveis de produção. Foram realizadas avaliações da eficiência bioeconômica (EBE) em vacas de cinco níveis de produção de leite (10,15,20, 25 e 30 kg/dia), em sete estratégias de alimentação. A EBE foi definida de forma semelhante à eficiência biológica, considerando a quantidade de alimentos utilizada e a produção de leite obtida multiplicada pelos respectivos valores econômicos. Também com o propósito de avaliar a EBE das vacas de cada nível de produção, foram avaliados o produto físico médio (PFme) e o produto físico marginal (PFma) de cada nível de produção e de cada estratégia de alimentação. Na avaliação do PFma, foram estimadas equações de regressão da produção de leite por vaca considerando o nível de utilização de concentrados e os custos de alimentação. A eficiência bioeconômica de vacas de diferentes níveis de produção comprovou que a maior eficiência biológica de vacas de maior produção de leite por lactação não resultou...

Perfil de ácidos graxos do leite e metabolismo de lipídios no rúmen de vacas recebendo dietas com alto ou baixo teor de concentrado e óleo de soja ou de peixe; Milk fatty acid profile and lipid metabolism in the rumen of dairy cows fed diets with high or low level of concentrate and soybean or fish oil

Leite, Laudi Cunha
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/01/2007 PT
Relevância na Pesquisa
46.66%
Os objetivos deste trabalho foram avaliar os efeitos do teor de concentrado em dietas com óleo de soja ou peixe sobre o consumo, a produção e composição do leite, digestibilidades aparentes total e ruminal e sobre os perfis de ácidos graxos no omaso e na gordura do leite de vacas leiteiras. Foram utilizadas quatro vacas da raça Holandesa, com cânulas ruminais, 109 ± 10 dias em lactação, produção média de 31,24 ± 8,57 kg de leite e peso médio de 652 ± 37 kg, no início do experimento. Foi utilizado o delineamento experimental em Quadrado Latino 4x4, com períodos de 21 dias, sendo os 14 primeiros para adaptação e os sete últimos para colheita de amostras, com arranjo fatorial (2x2) dos tratamentos. Os tratamentos foram dietas totais misturadas, contendo silagem de milho, suplementadas com baixos (40%) ou altos (60%) teores de concentrado e com 2% de óleo de soja ou de peixe na matéria seca (MS). Não houve da interação entre a fonte de óleo e o teor de concentrado para a maioria das variáveis estudadas. A presença do óleo de peixe na dieta reduziu o consumo de MS (18,77 x 14,16 kg/d, respectivamente para óleo de soja e peixe - todos os demais dados estão na mesma ordem), as produções de leite (28,72 x 24...

Indicadores de qualidade do leite bovino orgânico em duas propriedades leiteiras certificadas do Estado de São Paulo

Siqueira, A.k; Salerno, T; Lara, G.h.b; Condas, L.a.z; Listoni, F.j.p; Paes, A.c; Da Silva, A.v; Leite, D. Da S; Ribeiro, M.g
Fonte: Instituto Biológico Publicador: Instituto Biológico
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 411-414
POR
Relevância na Pesquisa
46.48%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); This study evaluated the chemical composition, total bacterial count, the level of cellularity and presence of antimicrobial residues in milk from two small farms in organic production system in the state of São Paulo, Brazil, based in NI 062-MAPA. The milk of the Property I had the mean of CCS 7.13 x 10(5) cells/mL and the Property II had 3.27 x 10(5) cells/mL. The averages of CBT were, respectively, 7.80 x 10(5) cells/mL in the Property I and 6.15 x 10(5) cells/mL in Property II. The Property I presented as an average of 3.10% of fat, 3.26% of protein and 4.54% of lactose, while the Property II presented 3.44% of fat, 3.39% of protein and 4.50% of lactose in 12 months assessed. The presence of residues of antimicrobial drugs was detected in six samples (6.97%) of the Property I and 16 (9.24%) of Property II. The results obtained reveal failure in the percepts of organic production.; O presente estudo avaliou a composição química, a contagem bacteriana total, o nível de celularidade e presença de resíduos de antimicrobianos no leite de duas propriedades em sistema orgânico de produção do interior do Estado São Paulo com base na IN 062-MAPA. O leite da Propriedade I apresentou média de CCS de 7...

Competitividade da produção de leite d agricultura familiar : os limites da exclusão; Competitiveness of milk production of family farming : the limits of the exclusion

Raquel Pereira de Souza
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 21/09/2011 PT
Relevância na Pesquisa
46.52%
O presente trabalho investigou a competitividade da agricultura familiar produtora de leite, diante das maiores exigências de caráter quantitativo e qualitativo na produção que vem ocorrendo na última década, tendo a região de Passo Fundo como estudo de caso. Para tanto, identificou-se como as mudanças no setor lácteo nacional, em particular as exigências sanitárias e relacionadas à qualidade do produto, mas também às relacionadas ao volume e escala de produção, afetam a competitividade dos produtores da agricultura familiar. Além disso, propôs-se um marco analítico que seja capaz de explicar a competitividade da agricultura familiar em uma região, bem como, aplicou-se este para compreender como a produção de leite tem sido competitiva na região de Passo Fundo (RS). A construção do marco analítico se baseou em modelos propostos por outros autores, e ainda avançou nesse sentido, trazendo novas variáveis para a análise. O referencial teórico com base na teoria institucionalista trouxe maior consistência ao modelo analítico proposto. Além disso, o referencial teórico aborda ainda, com base em diferentes autores, o conceito de agricultura familiar e qual destes conceitos se adequa mais à realidade tratada nesta pesquisa. A pesquisa empírica é constituída por um estudo de caso referente à competitividade da agricultura familiar da região de Passo Fundo. A metodologia da pesquisa é essencialmente qualitativa. Entre as conclusões do trabalho está a confirmação da hipótese de que a competitividade dos produtores familiares de leite na região está estreitamente relacionada ao sistema de produção desenvolvido pelos produtores...

Desempenho de pais de crianças em dieta de exclusão do leite de vaca na identificação de alimentos industrializados com e sem leite vaca

Weber,Thabata Koester; Speridião,Patrícia da Graça Leite; Sdepanian,Vera Lucia; Fagundes Neto,Ulysses; Morais,Mauro Batista de
Fonte: Sociedade Brasileira de Pediatria Publicador: Sociedade Brasileira de Pediatria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2007 PT
Relevância na Pesquisa
46.65%
OBJETIVO: Investigar o desempenho de pais de crianças em dieta isenta da proteína do leite de vaca no reconhecimento de expressões e alimentos que contenham ou não proteínas do leite de vaca. MÉTODOS: Foram entrevistados 24 pais de crianças em dieta de exclusão do leite de vaca e derivados e 23 sem necessidade de nenhum tipo de dieta de exclusão. Foi questionado se reconheciam 12 expressões relacionadas ao leite de vaca. A seguir, foi solicitado que classificassem 10 produtos industrializados quanto ao conteúdo ou não de proteínas do leite de vaca. RESULTADOS:Termos iniciados com a palavra leite foram os mais reconhecidos pelos dois grupos. Os responsáveis por crianças em dieta de exclusão reconheceram mais freqüentemente as palavras proteína do leite de vaca, traços do leite e formulação ou preparação láctea (p < 0,05). Caseína, caseinato, lactoalbumina e lactoglobulina foram reconhecidas por menos de 25,0% dos entrevistados. O número de identificação correta dos 10 produtos industrializados foi maior para os produtos com leite de vaca nos dois grupos. A mediana de acertos dos produtos com leite de vaca (n = 5) pelos pais em dieta de exclusão (4,0) foi maior que a do grupo controle (3,0; p = 0,005). Leitura de pelo menos um rótulo associou-se com maior chance de identificação correta de mais de cinco dos 10 produtos (razão de chance = 8...

Teste de desencadeamento aberto no diagnóstico de alergia à proteína do leite de vaca

Correa,Fernanda Ferreira; Vieira,Mário César; Yamamoto,Danielle Reis; Speridião,Patrícia da Graça Leite; Morais,Mauro Batista de
Fonte: Sociedade Brasileira de Pediatria Publicador: Sociedade Brasileira de Pediatria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.57%
OBJETIVO: Relatar os resultados de testes de desencadeamento aplicados em crianças alimentadas com dieta de exclusão das proteínas do leite de vaca. DESCRIÇÃO: Estudo transversal que avaliou testes de desencadeamento oral aberto, com leite de vaca, realizados sob supervisão em ambiente hospitalar por 2,5 horas e ambulatoriamente por 30 dias quando não ocorreu reação imediata. Foram incluídos 121 pacientes, com idades entre 4 e 95 meses. O teste de desencadeamento com leite de vaca foi positivo em 28 (23,1%) pacientes. Manifestação clínica de alergia ao leite de vaca diferente da apresentada por ocasião da suspeita diagnóstica ocorreu em 12 (42,9%) pacientes com desencadeamento positivo. O desencadeamento positivo foi mais frequente (p = 0,042) nos pacientes alimentados com fórmulas extensamente hidrolisadas ou de aminoácidos (30,3%) quando comparados com os alimentados com outras dietas de exclusão (14,5%). CONCLUSÃO: O teste de desencadeamento permitiu que fosse suspensa a dieta de exclusão de grande parte dos pacientes.

Influência de diferentes tipos de micro-organismos na contagem bacteriana total por citometria de fluxo do leite cru refrigerado

Sampaio,V.S.C.; Souza,F.N.; Saraiva,C.J.C.; Santos,R.P.; Leite,M.O.; Resende,G.M.; Gonçalves,N.C.; Dionizio,F.L.; Cerqueira,M.M.O.P.
Fonte: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Publicador: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2015 PT
Relevância na Pesquisa
46.48%
Contagens bacterianas de 179 amostras de leite cru refrigerado, provenientes de diferentes bacias leiteiras de Minas Gerais, foram realizadas pelos métodos de citometria de fluxo e contagem padrão em placas. O estudo das associações entre a contagem bacteriana total e as contagens bacterianas dos diferentes grupos de micro-organismos foi realizado pela correlação de Pearson. Houve uma forte correlação positiva e significativa entre os valores de contagem de psicrotróficos (r = 0,67) e mesófilos (r = 0,70), determinados pelo método de referência, e os valores da contagem bacteriana total, determinados pela citometria de fluxo. Foi possível estabelecer uma curva de calibração para o citômetro de fluxo utilizando equações de regressão linear. As equações para a contagem bacteriana obtida por citometria de fluxo em função da contagem de mesófilos e psicrotróficos foram: log (CBI) = 0,701 log mesófilos + 1,9091 e log (CBI) = 0,4703 log psicrotróficos + 3,2784, respectivamente. Não foi possível estabelecer curvas de calibrações para termófilos e termodúricos, pois as correlações obtidas entre as contagens desses micro-organismos e a contagem bacteriana total...

Utilização da multimistura durante a lactação e seus efeitos na produção e composição do leite materno de ratas

LEITE,Milane Souza; AZEREDO,Vilma Blondet de; CARMO,Maria das Graças Tavares do; BOAVENTURA,Gilson Teles
Fonte: Pontifícia Universidade Católica de Campinas Publicador: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2002 PT
Relevância na Pesquisa
46.48%
A multimistura, composta por farelos, pós de folhas verdes, pós de sementes e pó da casca de ovo, vem sendo amplamente recomendada para aumentar a produção de leite materno, porém sem bases científicas que confirmem sua eficácia. Este estudo objetivou avaliar o desempenho lactacional de ratas alimentadas com dieta suplementada com 2% de multimistura (MM). Foram utilizados ratos fêmeas da linhagem Wistar lactantes com idade entre 90 e 100 dias de vida, divididos nos seguintes grupos (n=12): a) à base da dieta habitual do Estado do Rio de Janeiro (HERJ); b) dieta HERJ suplementada com 2% de multimistura (HERJ+MM); c) à base de caseína, com 12% de proteínas (CAS1); d) à base de caseína, com 20% de proteínas (CAS2). Foram determinados os macronutrientes proteína, lactose e lipídios e a produção de leite. O grupo HERJ+MM apresentou a menor produção de leite (p<0,05) e o menor conteúdo de lactose, quando comparado com os outros. Portanto, conclui-se que a performance lactacional das ratas cuja ração foi suplementada com 2% de multimistura apresentou-se diminuída.

Eficiência bioeconômica de estratégias de alimentação em sistemas de produção de leite: 1. Produção por animal e por área

Rennó,Francisco Palma; Pereira,José Carlos; Leite,Carlos Antônio Moreira; Rodrigues,Marcelo Teixeira; Campos,Oriel Fajardo de; Fonseca,Dilermando Miranda da; Rennó,Luciana Navajas
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2008 PT
Relevância na Pesquisa
46.57%
Objetivou-se aplicar um modelo de simulação para avaliação bioeconômica de estratégias de alimentação para rebanhos leiteiros e avaliar a produtividade física e a eficiência bioeconômica de sistemas de alimentação com diversas estratégias de alimentação à base de volumosos para vacas de cinco níveis de produção de leite. Utilizou-se uma plataforma computacional desenvolvida com os programas CNCPS v.5.0 e planilhas eletrônicas do Microsoft Excell®, de forma a simular a produção e as exigências de nutrientes de uma lactação completa para vacas de diferentes níveis de produção. Foram realizadas análises econômicas em sete estratégias de alimentação. A avaliação da receita subtraída dos custos com alimentação (RMCA) comprovou interação entre a estratégia de alimentação e o nível de produção de leite. As estratégias com alimentação à base de silagem de milho durante a época da seca e pastagens na época das águas resultaram em maiores RMCA para todos os níveis de produção de leite, apesar de as demais estratégias apresentarem resultados próximos dependendo do nível de produção de leite. Nas estratégias avaliadas, quanto maior a produção de leite por vaca maior a produtividade (PROD/ha) e a RMCA por área (RMCA/ha). Quanto maior a capacidade de suporte dos volumosos...

Indicadores de qualidade do leite bovino orgânico em duas propriedades leiteiras certificadas do Estado de São Paulo

Siqueira,A.K; Salerno,T; Lara,G.H.B; Condas,L.A.Z; Listoni,F.J.P; Paes,A.C; da Silva,A.V; Leite,D. da S; Ribeiro,M.G
Fonte: Instituto Biológico Publicador: Instituto Biológico
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.48%
O presente estudo avaliou a composição química, a contagem bacteriana total, o nível de celularidade e presença de resíduos de antimicrobianos no leite de duas propriedades em sistema orgânico de produção do interior do Estado São Paulo com base na IN 062-MAPA. O leite da Propriedade I apresentou média de CCS de 7,13 x 10(5) céls/mL e o da Propriedade II 3,27 x 10(5) céls/mL. As médias das CBTs foram de 7,80 x 10(5) céls/mL na Propriedade I e de 6,15 x 10(5) céls/mL na Propriedade II. A propriedade I apresentou como média de gordura de 3,10%, de proteína 3,26% e 4,54% de lactose, enquanto a Propriedade II apresentou 3,44% de gordura, 3,39% de proteína e 4,50% de lactose, nos 12 meses avaliados. A presença de resíduos de antimicrobianos foi detectada em seis amostras (6,97%) da Propriedade I e em 16 (9,24%) da Propriedade II. Os resultados obtidos revelam falha nos preceitos da produção orgânica.

Caracterização fisico-química do leite cabras f1 (Saanen x Boer) durante a lactação

VESCHI, J. L.; MENGEL, K. A.; NADER FILHO, A.; BALBOS, D. F.; SOUZA, V. de; CAMPOS, V.; ZAFALON, L. F.
Fonte: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE QUALIDADE DO LEITE: SEGURANÇA ALIMENTAR E SAÚDE PÚBLICA, 3., 2008, Recife - anais. Recife:CBQL: UFRPE, 2008. Publicador: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE QUALIDADE DO LEITE: SEGURANÇA ALIMENTAR E SAÚDE PÚBLICA, 3., 2008, Recife - anais. Recife:CBQL: UFRPE, 2008.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.55%
O valor nutritivo do leite, qualquer que seja a espécie que o produza é amplamente conhecido e a sua importância como alimento é maior em países subdesenvolvidos, em que as deficiências nutricionais são mais graves (DEVENDRA, 1990). Entretanto, a crescente elevação da produção leiteira tem acarretado o aumento na prevalência e na severidade das mastites e de outras doenças do úbere que ocasionam prejuízos ao criador e riscos para a saúde pública (PESSÔA, et al., 1999). São diversos os fatores que determinam a composição do leite, tais com: espécie que o produz, raça, alimentação, período de lactação, idade do animal, época do ano e a quantidade de leite produzido (FURTADO & WOLFSCHOON ? POMBO, 1978). O leite de cabra possui propriedades físicas, químicas e nutricionais particulares, e diversos autores relatam variações na sua composição físico-química (FURTADO & WOLFSCHOON ? POMBO, 1978; PRATA et al.,1998; CASTRO et al.,2002). Diante disso, o objetivo do presente estudo foi o de avaliar as características físico-químicas do leite de cabras F1 (Saanen x Boer) durante o período de lactação e determinar os valores de acidez titulável, densidade, crioscopia, teor de gordura e extrato seco total (EST) e desengordurado (ESD).; 2008

Caracterização de sistemas de produção de leite bovino no município de Sobral, Ceará.

FARIAS, D. A. de; VASCONCELOS, A. M. de; GOMES, T. C. L.; LEITE, E. R.; EGITO, A. S. do; ROGÉRIO, M. C. P.
Fonte: In: CONGRESSO NORDESTINO DE PRODUÇÃO ANIMAL, 6.; SIMPÓSIO NORDESTINO DE ALIMENTAÇÃO DE RUMINANTES, 7.; FÓRUM DE COORDENADORES DE PÓS GRADUAÇÃO EM PRODUÇÃO ANIMAL DO NORDESTE, 1.; FÓRUM DE AGROECOLOGIA RO RIO GRANDE DO NORTE, 1., 2010, Mossoró. Anais... Mossoró: Sociedade Nordestina de Producao Animal; UFERSA, 2010. 4 f. 1 CD-ROM. Publicador: In: CONGRESSO NORDESTINO DE PRODUÇÃO ANIMAL, 6.; SIMPÓSIO NORDESTINO DE ALIMENTAÇÃO DE RUMINANTES, 7.; FÓRUM DE COORDENADORES DE PÓS GRADUAÇÃO EM PRODUÇÃO ANIMAL DO NORDESTE, 1.; FÓRUM DE AGROECOLOGIA RO RIO GRANDE DO NORTE, 1., 2010, Mossoró. Anais... Mossoró: Sociedade Nordestina de Producao Animal; UFERSA, 2010. 4 f. 1 CD-ROM.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.55%
Objetivou-se caracterizar os sistemas de produção de leite bovino no município de Sobral, Ceará. O estudo de casos abrangeu oito unidades produtoras de leite (UPL), sendo considerados sete critérios (manejo alimentar, manejo do bezerro, manejo reprodutivo, tipos raciais, sistema de ordenha, manejo sanitário e anotações zootécnicas ) para a classificação das UPLs em semi-especializadas ou não especializadas. Os dados primários foram obtidos a partir da aplicação de questionário em entrevistas individuais realizadas no período de julho a outubro de 2009. Das quatro UPLs classificadas em não especializadas (NE), o manejo alimentar com suplementação durante o ano inteiro foi verificado em apenas duas propriedades. O uso da Inseminação artificial neste sistema foi verificado em duas fazendas e a mecanização da ordenha em nenhuma propriedade. A escala de produção de leite variou entre 51 a 300 litros/dia. Nas quatro UPLs classificadas como sistema semi-especializado (SE), o manejo alimentar incluiu a administração de concentrados durante o ano inteiro. Verificou-se a mecanização da ordenha em duas UPLs com duas ordenhas diárias, e a adoção de medidas sanitárias na ordenha em todas as propriedades. A escala de produção diária foi de 301 a mais de 500 litros de leite. Nos sistemas de produção estudados...

Custos de sistemas-referência de produção de leite no Brasil.

STOCK, L. A.; ALVES, E.; RESENDE, J. C.
Fonte: In: VILELA, D.; BRESSAN, M.; GOMES, A. T.; LEITE, J. L. B.; MARTINS, M. C.; NOGUEIRA NETTO, V. (Ed.). O agronegócio do leite e políticas públicas para o seu desenvolvimento sustentável. Juiz de Fora: Embrapa Gado de Leite, 2002. p. 379-395. 2002. Publicador: In: VILELA, D.; BRESSAN, M.; GOMES, A. T.; LEITE, J. L. B.; MARTINS, M. C.; NOGUEIRA NETTO, V. (Ed.). O agronegócio do leite e políticas públicas para o seu desenvolvimento sustentável. Juiz de Fora: Embrapa Gado de Leite, 2002. p. 379-395. 2002.
Tipo: Capítulo em livro técnico-científico (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
56.55%
O objetivo deste trabalho é apresentar uma síntese de resultados preliminares de um projeto em rede com a finalidade de analisar a sustentabilidade de sistemas de produção de leite em diferentes regiões do Brasil.; 2002

A política do conselho nacional de desenvolvimento científico e tecnológico (CNPq) para a concessão de recursos: o caso da cadeia produtiva de leite; The political actions of the brazilian agency for scientific and technological development (CNPQ) to finance research projects - The milk production sector example

SILVEIRA, Maria Auxiliadora da; NUNES, Romão da Cunha; VERNEQUE, Rui da Silva; LEITE, Rômulo Cerqueira; BORGES, Iran
Fonte: Universidade Federal de Goiás Publicador: Universidade Federal de Goiás
Tipo: Artigo publicado em periódico científico
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.48%
v.6, n.2, p.61-65, abr./jun. 2005; Foram analisadas as políticas de Ciência e Tecnologia do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) relativas ao projeto Plataforma Tecnológica do Leite financiado pelo CNPq por meio do Programa de Desenvolvimento Científico e Tecnológico(PADCT) e executado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) – Gado de Leite, que objetivou estabelecer as principais técnicas na cadeia produtiva do leite, bem como suas possíveis soluções. _______________________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT _______________________________________________________________________________________________________________________ The political aspects of science and technology of Brazilian Agency for Scientific and Technological Development (CNPq) were analyzed in this article in the project “Technological Databases of Milk Production Sector” financed by CNPq with resources of the Program for Scientific and Technological Development (PADCT) and coordinated by Brazilian Institute for Agricultural and Animal Research (EMBRAPA) – Dairy Cattle Unit, in order to establish the main technical procedures of milk production sector and the possible solutions.

Horário alternativo de ordenha: comportamento ingestivo, produção, qualidade do leite e viabilidade econômica.

Mercês, Lucas Mercês e
Fonte: Universidade Federal do Recôncavo da Bahia Publicador: Universidade Federal do Recôncavo da Bahia
Relevância na Pesquisa
46.55%
Objetivou-se com este trabalho avaliar a influência do horário de ordenha sobre o comportamento ingestivo, produção, qualidade do leite e viabilidade econômica do sistema de produção a pasto. O experimento foi realizado na Fazenda Saveluma, em Santo Antônio de Jesus, Bahia, no período de primeiro de Maio a 17 de Junho de 2010, com duração de 48 dias, sendo dividido em quatro períodos experimentais com 12 dias cada. Foi implantado em uma área de 6,0 ha, formada por Brachiaria decumbens. Os animais foram divididos em dois grupos que se alternavam nos tratamentos. Os tratamentos avaliados foram horários de ordenha tradicional (05:30 h) e alternativo (08:00 h). As produções foram similares (P>0,05) entre os tratamentos. A qualidade do leite não foi influenciada (P>0,05) pela ordenha realizada em diferentes horários. Os custos de produção sofreram influência (P<0,05) dos tratamentos, sendo menor no horário alternativo. Os tempos gastos com alimentação, ruminação e com outras atividades não sofreram influência (P>0,05) dos tratamentos, todavia, houve efeito significativo (P<0,05) para o número de períodos de ruminação, sendo maior para o tratamento tradicional. O número de bocados por minuto diferiu (P<0...

Staphylococcus ENTEROTOXIGÊNICOS EM LEITE E PRODUTOS LÁCTEOS, SUAS ENTEROTOXINAS E GENES ASSOCIADOS: REVISÃO; ENTEROTOXIGENIC Staphylococcus IN MILK AND DAIRY PRODUCTS, ITS ENTEROTOXINS AND RELATED GENES: A REVIEW

BORGES, MARIA FÁTIMA; Embrapa Agroindústria Tropical, Fortaleza; ARCURI, EDNA FROEDER; Embrapa Gado de Leite, Juiz de Fora; PEREIRA, JOSÉ LUIZ; Universidade Estadual de Campinas; FEITOSA, TEREZINHA; Embrapa Agroindústria Tropical, Fortaleza; KUAYE, AR
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 18/07/2008 POR
Relevância na Pesquisa
46.55%
This review summarizes publications about the occurrence of enterotoxigênic Staphylococcus and its enterotoxins in milk and dairy products, outbreaks and sporadic cases of staphylococcal food poisoning, enterotoxin types and its genes. Among the genus Staphylococcus, S. aureus is the prevalent species in milk and cheeses, mainly homemade cheeses, and is often associated with outbreaks of food poisoning. Cheese can be contaminated by raw milk, the manipulator and, the processing environment. An important source of raw milk contamination is the bovine mastitis, which have S. aureus as the most prevalent etiologic agent. 18 types of enterotoxinas (A, B, C1, 2, 3, D, and, G, H, I, J, K, L, M, N, P, Q, R and U) have already been identified and their genes have also been described. Reports of the occurrence of coagulase negative strains with enterotoxigenic potential, in milk and milk products, indicate the necessity of reevaluation of the microbiological standards established by Brazil’s legislation.;  Esta revisão de literatura teve como objetivo relatar estudos sobre a ocorrência de Staphylococcus enterotoxigênicos e suas enterotoxinas em leite e produtos lácteos, surtos e casos esporádicos de intoxicação...

Ocorrência de leite com instabilidade da caseína em Santa Vitória do Palmar, RS

de Oliveira, Daniela dos Santos; Inspeção de Leite e Derivados, Faculdade de Veterinária, Universidade Federal de Pelotas.; de Moraes, Carina Martins; Inspeção de Leite e Derivados, Faculdade de Veterinária, Universidade Federal de Pelotas.; Roos, T
Fonte: Universidade Federal Fluminense Publicador: Universidade Federal Fluminense
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; Artigo Original; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em 09/10/2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.57%
O objetivo do presente trabalho foi determinar a ocorrência de leite com instabilidade da caseína no extremo sul do Brasil.Duzentas e oitenta e duas amostras de leite cru foram coletadas em estabelecimentos produtores de leite do município deSanta Vitória do Palmar, Rio Grande do Sul (RS). As amostras foram analisadas pelo teste do álcool etílico a 70% (v/v), acideztitulável e contagem de células somáticas (CCS). Leites com resultado positivo no teste do álcool, CCS menor que 1,8 x 106células/mL e acidez até 18ºD, foram considerados com instabilidade da caseína. Das amostras sem acidez adquirida e comCCS insuficiente para alterar a estabilidade da caseína, 33,93% apresentaram resultado positivo no teste do álcool. A maior ea menor ocorrência de leite com instabilidade da caseína foram observadas no outono (49,25%) e no verão (19,05%),respectivamente. Os resultados obtidos ressaltam a importância da pesquisa de leite com instabilidade da caseína,quantificando-a e disponibilizando dados para cálculo de impacto econômico do problema na região estudada.

Desempenho produtivo e composição do leite de vacas da raça holandesa no final da lactação, manejadas em pastagem e suplementadas com diferentes níveis de concentrado

Mota, Marcelo Falci; Professores do Curso de Medicina Veterinária – UNIPAR. Umuarama-PR.; Vilela, Duarte; Pesquisador. EMBRAPA – Gado de Leite.; Santos, Geraldo Tadeu dos; Professor. Pesquisador CNPq. Departamento de Zootecnia – UEM. Maringá-PR.;
Fonte: Universidade Federal Fluminense Publicador: Universidade Federal Fluminense
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; PA; Artigo Original; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em 23/09/2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.55%
Foram utilizadas 36 vacas da raça Holandesa na fase final de lactação em um delineamento com parcelas sub-subdivididas,em pastejo de Coastcross, com o objetivo de se avaliar diferentes quantidades de suplementação: três e seis quilos deconcentrado, sobre o desempenho animal (produção e composição do leite, peso e condição corporal). O Coastcross manejadoem pastejo intermitente no período de verão, com lotação de cinco unidades animal por hectare apresentou em média 11,7%de PB; 70,2% de FDN; 35,2% de FDA e 63,7% de digestibilidade in vitro da matéria seca. A maior ingestão de concentrado pelasvacas que receberam seis quilos de concentrado não afetou (P>0,05) a produção de leite, os teores de proteína, gordura,lactose e sólidos totais do leite produzido. No entanto, o escore da condição corporal (ECC) e a contagem de células somáticas(CCS) aumentaram com a maior suplementação de concentrado. Concluiu-se então que a suplementação de vacas holandesasno terço final de lactação mantidas em pastejo de Coastcross sp, com três e seis quilos de concentrado, não influenciou o pesocorporal, a produção e a composição do leite (gordura, proteína, lactose e sólidos totais). No entanto, a maior suplementaçãoinfluenciou o ECC e a CCS.