Página 1 dos resultados de 509 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

Contribuições de Karl Marx ao problema da mimese artística; Karl Marxs Contributions to the Problem of Artistic Mimesis

Cotrim, Ana Aguiar
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 07/05/2015 PT
Relevância na Pesquisa
56.85%
Esta tese toma três momentos da obra de Karl Marx em que temas estéticos são aventados: a formação da sensibilidade nos Manuscritos econômico-filosóficos de 1844, a passagem sobre a épica na Contribuição à crítica da economia política Introdução, de 1857 e o debate epistolar entre Marx, Engels e Lassalle sobre a peça do último, Franz von Sickingen, de 1859. No contexto desses temas, buscamos descobrir as contribuições de Marx ao problema da mimese artística, da objetividade e especificidade da arte. São abordados a objetivação, mimese, historicidade dos gêneros, especificidade do reflexo artístico, o indivíduo e universalidade na obra artística, gênero artístico e revolução. Ao tratar desses temas, procura-se colocar Marx em diálogo com momentos da tradição estética, em particular pontos presentes em Aristóteles, Shakespeare e Schiller, Lessing, Hegel e Feuerbach. Lateralmente, algumas consequências para o marxismo contemporâneo são trazidas à tona, como a crítica de Marx à arte diretamente política. O trabalho conta com as contribuições de G. Lukács e M. Lifschitz, para quem a obra de Marx dispõe as linhas fundamentais de um pensamento estético coerente, a despeito da forma esparsa.; This thesis takes three passages of Karl Marxs work which bring out aesthetic subjects: the formation of senses in the Economic and Philosophical Manuscripts of 1844...

Educação e exclusão : uma abordagem ancorada no pensamento de Karl Marx

Oliveira, Avelino da Rosa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.64%
Este trabalho discute o conceito de exclusão social e suas implicações na educação, tomando como fundamento teórico o pensamento de Karl Marx. Seu objetivo é possibilitar embasamento conceitual sólido para as pesquisas no campo da educação, bem como a articulação de uma rede categorial adequada para a compreensão e intervenção nos fenômenos educativos. Inicialmente, é feita uma exposição do conjunto da obra de Marx, sob a perspectiva temática da exclusão. Em seguida, é investigado o fenômeno da exclusão social na literatura contemporânea, tanto nas ciências sociais, em geral, quanto na educação, em particular. Como resultado da pesquisa, concluiu-se que: 1) o círculo exclusão/inclusão é constitutivo necessário da lógica do capital, como condicionante de seu processo; 2) o conceito exclusão pode ter valor analítico, dentro de uma rede categorial complexa, como instrumento de reflexão do aparecer imediato do sistema do capital.

A subjetividade e a objetividade em Michel Foucault e Karl Marx: Algumas considerações

Ramos, Douglas Rossi; Cardoso Júnior, Hélio Rebello
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 637-643
POR
Relevância na Pesquisa
66.81%
The question of the relationship between subject and object has been discussed and explored in several theoretical and methodological systems, showing resonances and disagreements about the possibilities of developing a science or a philosophical system to allow the construction of the knowledge about the world. Among these, the systems of two authors in particular are different, respectively, regarding the complexity and ontological taxonomic: Michel Foucault and Karl Marx. This work aims to discuss the objectivity and subjectivity in the work of these two thinkers, indicating some possible correlations. The discussions were about the concept of knowledge in Michel Foucault, difficulties experienced by its researchers to classify their work within a classical theoretical system and the difference of Marxist theory in relation to other research programs for not presenting the individual as the fundamental ontological entity. Foucault´s work influenced the process of restoration and redemption of Marxism by Marxists groups.; A questão a respeito da relação entre sujeito e objeto tem sido debatida e explorada nas mais diversas tendências teórico-metodológicas, apresentando ressonâncias e discordâncias referentes às possibilidades de desenvolvimento de uma ciência ou de um sistema filosófico que permitam a construção de um conhecimento sobre o mundo. Dentre tais tendências...

A natureza em Engels e Marx: contribuição ao debate da questão ambiental na atualidade

Morrone, Eduardo Corrêa; Machado, Carlos Roberto da Silva
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
56.81%
O artigo procura resgatar as concepções a cerca da natureza encontradas na obra de Karl Marx e Friederich Engels. Pretendo resenhar e discutir as obras de Karl Marx como “Formações Econômicas Pré- Capitalistas” (1857-8) e “Crítica ao Programa de Gotha” (1875) e de Engels “Sobre o Papel do Trabalho na Transformação do Macaco em Homem” (1876). O objetivo é o de investigar quais os significados emitidos pelos autores quando tratam sobre a natureza nas obras acima citadas, entendendo que esta aproximação teórica, contribui com o processo de questionamento à Educação Ambiental contemplativa e preservacionista e, por outro lado, auxilia com a construção da proposta de Educação Ambiental transformadora e popular.; The article looks for bring to light the conceptions about the nature found in the Karl Marx and Friederich Engels work. I intend to review and to discuss the Karl Marx works as a “Precapitalist Economic Formations” (1875-8) and “Gotha´s Program Criticism”(1875) and Engels’ “About the role of the work in the Monkey to Man transformation “(1876). The aim is to investigate what are the meanings given off by the authors when treating about the nature in the works quoted above...

Estado e economia em Marx; State and Economy in Marx

ROCHA, Renan Gonçalves
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Filosofia; Ciências Humanas Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Filosofia; Ciências Humanas
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.88%
Louis Althusser analyzed the relationship between Economy and the State. According to him, the capitalist State is nothing more than a superstructure determined, unidirectionally, by the Economy, given that, within the mentioned relationship, in capitalism, there is a bottom-line determination [of the State] by the economic basis . (Althusser, 1968: 75) Althusser considers that the conception that the Economy determines the State clarifies and explains better Marx‟s analysis. Nevertheless, this position puts forward at least two important questions: is there, in fact, an unidirectional determination of the modern Economy upon the capitalist State in Marx‟s thought? Is the Economy, in fact, for Marx, the only category that constitutes the basis of the capitalist system as it is supposed by the Althusserian interpretation of Marx? In an effort to solve those questions, it is necessary to investigate the theoretical basis from which Althusser departed Marx‟s own writings. Only in this way it will be possible to determine whether or not his formulation of this unidirectional determination between the Economy and the State holds.; A relação entre economia e Estado foi analisada pelo filósofo francês Louis Althusser. Na perspectiva de Althusser...

A escola p??blica hoje: desafios e possibilidades de uma discuss??o/reflex??o ancorada nas perspectivas te??rico-metodol??gicas de Karl Marx e Paulo Freire e na experi??ncia profissional de um educador; The public school today: challenges and possibilities of a discussion/reflection anchored on Karl Marx s and Paulo Freire s theoretical-methodological perspectives and also on the professional experience of an educator.

PEREIRA, Dirlei de Azambuja
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Educa????o; Programa de P??s-Gradua????o em Educa????o; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Educa????o; Programa de P??s-Gradua????o em Educa????o; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.9%
The focus of this study is to problematize, based on Karl Marx s and Paulo Freire s theoretical-methodological perspectives and also on the professional experience of the research author, the current public school model, pursuing elements for the construction of a new schooling institution project. The research object, public school, is analysed as a concrete whole as a multiple relations and interrelationships result that occur in their interior. For a radical, global and rigorous reading resulting in a real concrete, not an immediate concrete, the research indicates the observation of Marx s (dialectic) and Freire s (awareness) theoretical-methodological perspectives epistemological basis. It is postulated that a dialectic and conscientizing view on public school will enable the knowledge of what this institution truly is and with effect, offer an opportunity of the action edification able to build another public school project, unlike today s implemented model, which does not suit as a place for a humane, fair and democratic world fomentation. The referred study is anchored on the philosophical methodology. Therefore, at first, it seeks to engender a comprehension on What Philosophy is , going to the source of what it really intents. Hereafter...

O conceito de emancipa????o na produ????o cient??fica da ANPEd: um estudo ancorado na perspectiva marxiana; The concept of emancipation in the scientific production of ANPEd: a study grounded on a marxian perspective

CANIELLES, Ariela dos Santos
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Educa????o; Programa de P??s-Gradua????o em Educa????o; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Educa????o; Programa de P??s-Gradua????o em Educa????o; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.89%
The dissertation investigates the concept of emancipation, theorized by Karl Marx, as well as its usage in a portion of scientific production in Education. The goal is to analyze the works presented at the Annual Congresses of National Association of Post-Graduation and Research in Education (ANPEd), in order to identify how the concept emancipation is employed. The works analyzed have been those presented in the period from 2001 to 2007 in two Work Groups (GTs): Philosophy of Education and Popular Education. Initially, the possible origin and philosophical roots of the concept in question is exposed, as well as its construction in the works of Karl Marx. Then, some aspects related to the use of the concept in the corpus studied are shown. It has been certified that the marxian concept of emancipation has been strongly influenced by Modernity ideals and that its main characteristic is to be a political and revolutionary concept, i.e., it is seen as a social process that seeks a radical change in the current social structure. Therefore, human emancipation (real emancipation) is possible only under a new social order, overcoming alienation and the system based on capital. The central hypothesis of the investigation has been confirmed...

Breve história da edição crítica das obras de Karl Marx

CERQUEIRA,HUGO E. A. DA GAMA
Fonte: Editora 34 Publicador: Editora 34
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2015 PT
Relevância na Pesquisa
66.68%
RESUMOEste artigo discute as tentativas de publicar uma edição histórico-crítica das obras de Karl Marx, o Marx-Engels Gesamtausgabe (MEGA): a primeira, que foi liderada por David Riazanov na décadas de 1920 e 1930, e o segundo, a MEGA2, projeto que começou na década de 1970 e ainda está em curso de publicação. O artigo apresenta essas duas edições e discute o seu impacto sobre a interpretação do pensamento econômico e filosófico de Marx.

Suicídio e sociedade: um estudo comparativo de Durkheim e Marx; Suicidio y sociedad: un estudio comparativo de Durkheim y Marx; Suicide et société: une étude comparative de Durkheim et Marx; Suicide and society: a comparative study of Durkheim and Marx

RODRIGUES, Marta M. Assumpção
Fonte: Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental Publicador: Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
46.83%
Este artigo trata do suicídio de uma perspectiva sociológica e comparativa. Salienta as diferenças e similitudes das obras O suicídio. Estudo sociológico, de Émile Durkheim, e Peuchet: sobre o suicídio, de Karl Marx, para mostrar que, apesar de cada um desses autores assumirem uma posição filosófica própria, o resultado de seus trabalhos é mais complementar do que antagônico: ambos buscam delimitar o campo da Sociologia como disciplina científica.; El presente artículo trata del suicidio desde una perspectiva sociológica y comparativa. Subraya las diferencias y similitudes de las obras El suicidio, estudio sociológico, de Émile Durkheim, e Peuchet: sobre el suicidio, de Karl Marx, para mostrar que, a pesar de que cada uno de ellos asumieran una posición filosófica propia, el resultado de sus trabajos es más complementario de lo que antagónico: ambos buscan delimitar el campo de la Sociología como disciplina científica.; Cet article traite du suicide d'un point de vue sociologique et comparatif. Il met en relief les différences et les similitudes entre le oeuvres Le suicide, une étude sociologique, d'Émile Durkheim et Peuchet: a propos du suicide, de Karl Marx pour montrer que, bien que chaque auteur défend une position philosophique propre...

O conceito de alienação no jovem Marx

Barros,José D'Assunção
Fonte: Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo Publicador: Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2011 PT
Relevância na Pesquisa
56.79%
Este artigo faz uma reflexão sobre a primeira fase da produção intelectual de Karl Marx, considerando especialmente a temática da alienação. Na primeira parte, um retrospecto de algumas das características do pensamento de Marx é desenvolvido com vistas a clarificar o fato de que a identidade teórica de Karl Marx não é necessariamente coincidente, em todos os aspectos, nem com o materialismo histórico como paradigma historiográfico e sociológico, nem com o "marxismo" como programa de ação política. A intenção, aqui, é esclarecer posições específicas do pensamento de Karl Marx. Na última parte, desenvolvem-se algumas considerações sobre a temática da alienação na obra de Marx.

Estética y producción en Karl Marx

Casanova Pinochet, Carlos
Fonte: Universidad de Chile Publicador: Universidad de Chile
Tipo: Tesis
ES
Relevância na Pesquisa
56.64%
Doctor en filosofía con mención en estética y teoría del arte; Tesis no autorizada por su autor para ser publicada a texto completo; La presente tesis explora la relación entre la “estética” y el concepto de “actividad productiva” en Karl Marx, atendiendo a los aspectos más relevantes de su obra temprana y madura. Este trabajo de investigación se propone, en primer lugar, exponer el contexto en el que emergen las categorías marxianas de “actividad sensible” (sinnliche Tätigkeit), de “relación práctica” (praktische Verhältnis) y de “fuerzas humanas esenciales” (menschlichen Wesenskräfte), para a partir de aquí presentar el modo en que ellas se traman a un pensamiento de lo “común” o del “comunismo”, inseparable de la idea de una “emancipación plena de todos los sentidos humanos (vollständige Emanzipation aller menschlichen Sinne)”. Respecto a esto último, nuestra investigación, en segundo lugar, se plantea el problema de los posibles vínculos entre la primera fase de la obra de Marx y la estética del idealismo alemán, particularmente el lazo entre la concepción marxiana de una revolución estética más profunda que la revolución política y la idea en Schiller de una “revolución de la sensibilidad”. Se trata...

A teoria da emancipação de Karl Marx; Karl Marx’s theory of emancipation

Melo, Rúrion Soares
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 14/12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.69%
O presente artigo pretende introduzir alguns dos principais problemas decorrentes da coexistência de duas concepções concorrentes de emancipação presentes na teoria de Karl Marx, a saber, a emancipação pensada como autoemancipação do proletariado, em que este assume um papel ativo e constitutivo no processo revolucionário, e a emancipação formulada a partir da determinação econômica presente na dinâmica do capitalismo, a qual geraria as pré-condições técnicas, sociais e também organizacionais para a emancipação proletária.  ; The article intends to introduce some of the main problems that arise from the coexistence of two competing conceptions of emancipation in Marx’s theory, namely, the self-emancipation of the proletariat through its active and constitutive role in the revolutionary process, and emancipation characterized by economic determination in present economic dynamics of capitalism, which would create the technical, social and organizational preconditions for proletarian emancipation.

Dialética às pressas: interação entre jornalismo e pesquisa na obra de Marx e Engels; Dialectic hastily: interaction between journalism and research in the work of Marx and Engels

Nakamura, Danilo Chaves
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/08/2015 PT
Relevância na Pesquisa
56.91%
A presente dissertação realiza uma análise dos artigos jornalísticos de Karl Marx e Frie-drich Engels publicados no jornal norte-americano New York Daily Tribune, entre 1851 e 1862. Durante esse período, Marx trabalhou como correspondente europeu e era o responsável pelos assuntos militares e financeiros do jornal. Engels, como uma espécie de ghost writer, ajudou Marx na tarefa de despachar semanalmente os artigos para Nova Iorque. Dentre os diversos assuntos abordados por Marx nesses artigos, selecionamos a crise de econômica de 1857-1858 e a Guerra Civil Americana de 1861-1865 como focos de nosso trabalho A escolha desses dois temas nos permite demonstrar a interação entre os estudos de economia desenvolvidos por Marx para elaboração de sua crítica da eco-nomia política e os estudos dos acontecimentos históricos particulares. Essa interação é fundamental para pensarmos o que Marx chamou em O Capital de método de pesqui-sa e método de apresentação. Ela é fundamental também para entendermos a especi-ficidade da apresentação ou da narrativa histórica desenvolvida por Marx nos artigos jornalísticos. Dos artigos sobre a crise destacamos como, a partir da análise detalhada do sistema financeiro, em especial do banco francês Crédit Mobilier...

O conceito de alienação no jovem Marx; The young Marx and the concept of alienation

Barros, José D'Assunção
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2011 POR
Relevância na Pesquisa
56.91%
Este artigo faz uma reflexão sobre a primeira fase da produção intelectual de Karl Marx, considerando especialmente a temática da alienação. Na primeira parte, um retrospecto de algumas das características do pensamento de Marx é desenvolvido com vistas a clarificar o fato de que a identidade teórica de Karl Marx não é necessariamente coincidente, em todos os aspectos, nem com o materialismo histórico como paradigma historiográfico e sociológico, nem com o "marxismo" como programa de ação política. A intenção, aqui, é esclarecer posições específicas do pensamento de Karl Marx. Na última parte, desenvolvem-se algumas considerações sobre a temática da alienação na obra de Marx.; This article explores the early period of Karl Marx's intellectual output, focusing in particular on the theme of alienation. The first part of the article surveys some of the key features of Marx's thought in order to demonstrate that his theory of identity is not necessarily fully coincident either with historic materialism as a historiographical and sociological paradigm, or with 'Marxism' as a program of political action. The intention, here, is to clarify specific stances within Karl Marx's thought. The final part of the article offers some reflections on the theme of alienation in his work.

A questão técnica e a condição humana em Hannah Arendt e Karl Marx

Vieira, Júlia Lemos; Doutoranda, Universidade de São Paulo, São Paulo
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 28/04/2015 POR
Relevância na Pesquisa
56.79%
resumo: A crítica de Hannah Arendt a Karl Marx perpassa a questão da técnica. Arendt sugerira que Marx contribuíra para a elevação do animal laborans à condição humana moderna quando indicou que a emancipação humana estaria na vitória dos trabalhadores. Empreenderemos uma refutação à crítica de Arendt, indicando que Marx recusa a tradicional cisão entre vida ativa e vida contemplativa, para se opor à alienação do homem no  labor, e não o contrário. Indicaremos, assim, que Marx estava mais próximo de Arendt do que ela imaginava, dado ter criticado justamente a redução do homem a uma atividade que acaba por dar a todas as demais atividades uma forma meramente utilitária. Para ambos é preciso evitar empreender uma inversão hierárquica do pensar sobre o agir.abstract: Hannah Arendt’s critique to Karl Marx permeates the question of technique. Arendt suggested that Marx had contributed to elevate the animal laborans to the modern human condition when he indicated that human emancipation would lie in the workers’ victory. This text affords a rebuttal to this criticism of Arendt, indicating that Marx refuses the traditional split between vita activa and vita contemplativa in order to oppose the alienation of man to labor. We will indicate that Marx was closer to Arendt than she imagined...

O NEXO NECESSÁRIO E VITAL: IDEOLOGIA E HISTÓRIA EM KARL MARX

Silveira Júnior, Adilson Aquino
Fonte: Temporalis Publicador: Temporalis
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Avaliado pelos pares; Formato: application/pdf
Publicado em 20/02/2014 POR
Relevância na Pesquisa
56.55%
Este texto visa apreender as determinações teórico-metodológicas fornecidas pela obra de Karl Marx para a análise das relações entre as dimensões econômicas e ideológicas da reprodução social e, especificamente, do ordenamento social matizado pelas contradições classistas. Foram utilizados como fontes bibliográficas os textos marxianos, elaborados em diversos momentos da vida intelectual do autor, além das sínteses e interpretações de pensadores que apreenderam e desenvolveram, positiva e criativamente, a perspectiva de Marx, tais como Georg Lukács, Antônio Gramsci e István Mészáros.

A crise dos bens culturais como mercadorias | The crisis of cultural goods as merchandise

Fiani, Ronaldo
Fonte: Ibict Publicador: Ibict
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Revisão de Literatura Formato: application/pdf
Publicado em 18/09/2009 POR
Relevância na Pesquisa
46.91%
Resumo A digitalização das informações provocou uma crise na apropriação privada dos bens culturais como mercadorias. Paralelamente, movimentos políticos vêm se organizando internacionalmente, visando ao questionamento do tratamento dos bens culturais como mercadorias privadas. A análise do sentido e do papel desses movimentos exige uma revisão do conceito de mercadoria. Para questionar o conceito de mercadoria são revistos dois autores críticos do sistema capitalista, Karl Marx e Karl Polanyi, discutindo-se as possíveis contribuições de cada um para a compreensão desses movimentos políticos.Palavras-chave mercadoria, direitos de autor, Karl Marx, Karl PolanyiAbstract The digitalization of information provoked a crisis in the private appropriation of cultural goods. Simultaneously, political movements are being internationally organized aiming at criticizing cultural goods being treated as commodities. The analysis of the meaning and role of those political movements demands reviewing the concept of commodity. To question the concept of commodity two radical authors are reviewed: Karl Marx and Karl Polanyi, their possible contributions to the comprehension of those political movements being so evaluated.Keywords commodity...

O PENSAMENTO DE KARL MARX E O TRABALHO IMATERIAL: ELEMENTOS INTRODUTÓRIOS PARA O DEBATE; THE THOUGHT OF KARL MARX AND IMMATERIAL LABOR: INTRODUCTORY ELEMENTS OF DEBATE

Oliveira Santos, Vinícius
Fonte: Revista da ABET Publicador: Revista da ABET
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 14/03/2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.83%
Tendo em vista o debate empreendido entre os precursores da teoria do trabalho imaterial, o presente artigo visa expor alguns elementos do pensamento de Karl Marx que assumem relevância para a análise do trabalho imaterial no capitalismo. Conforme está explícito, a exposição de tais elementos resulta em pontos de divergências em relação aos teóricos do trabalho imaterial. A elucidação de tais divergências é o objetivo secundário do artigo. Os resultados obtidos demonstram o êxito explicativo da teoria de Karl Marx mediante as mutabilidades do capitalismo contemporâneo.; Due to debate waged between the precursors of the theory of immaterial labor, this article aims to outline some elements of the thought of Karl Marx that become important for the analysis of immaterial labor in capitalism. As is explicit, the exposure of such elements results in points of departure from the theory of immaterial labor. The elucidation of such differences is the secondary goal of the article. The results demonstrate the success of the explanatory theory of Karl Marx by the changes of contemporary capitalism.

DEUSES REIFICADOS: UMA SEMELHANÇA ENTRE KARL MARX E MACHADO DE ASSIS

Santos, José Diego Cirne
Fonte: Cultura e Tradução Publicador: Cultura e Tradução
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 04/07/2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.64%
Este trabalho se propõe a traçar um paralelo entre a teoria marxista sobre o estreitamento do vínculo entre o pensamento religioso e a prática capitalista, no mundo moderno, e a escrita irônica de Machado de Assis, no romance Dom Casmurro. Se Karl Marx, em Sobre a questão judaica, identificou a propagação do pensamento reificado do judaísmo pelas relações político-econômicas do mundo capitalista, Machado de Assis mostrou como o pensamento burguês do protagonista do romance citado se manifesta nos momentos em que ele trata da imagem de Deus e das próprias práticas religiosas. A nossa proposta de estudo é fazer uma breve exposição do ensaio de Marx e investigar como o romance machadiano parece tratar de uma ideia semelhante, a partir da análise de algumas passagens da obra.

El Marx de Dussel: Notas acerca de la recepción dusseliana de la obra teórica de Karl Marx

Teruel,Flavio Hernán
Fonte: Estudios de filosofía práctica e historia de las ideas Publicador: Estudios de filosofía práctica e historia de las ideas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2010 ES
Relevância na Pesquisa
66.83%
A partir de su exilio en México, a mediados de la década del setenta del siglo pasado, Enrique Dussel se entrega a la tarea de "leer seria y directamente" la obra teórica de Karl Marx producida entre los años 1857 y 1882. Al cabo de diez semestres de arduo trabajo, el resultado es una interpretación novedosa de las cuatro redacciones de El Capital. En efecto, ante los ojos de Dussel la obra maestra de Karl Marx se revela no solo como un tratado de economía sino antes bien como uno de antropología y ética. Marx, afirma Dussel, "deconstruye la economía capitalista críticamente y la reconstruye antropológica y éticamente". Asimismo, Dussel descubre que la producción teórica de Marx quedó inconclusa y, sobre todo, abierta a futuros desarrollos. Para el filósofo mendocino es necesario, en nuestro tiempo, no solo reinterpretar la totalidad de la obra de Marx sino también continuar su labor teórica, en especial desde América Latina, para el estudio del capitalismo periférico latinoamericano. Nuestro interés es indicar aquellos elementos que constituyen lo novedoso en la interpretación dusseliana de la obra teórica de Marx.