Página 1 dos resultados de 1109 itens digitais encontrados em 0.058 segundos

O jardim de infância na promoção da literacia

Albuquerque, Ana Maria Fernandes Lopes Frederico de
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
116.27%
Os problemas de literacia (associados às dificuldades da leitura e da escrita) são apontados, cada vez com maior frequência, como uma das explicações causais do insucesso escolar dos alunos, com repercussões em todas as áreas disciplinares. As investigações realizadas nos últimos anos neste âmbito têm revelado que estas são, inequivocamente, competências essenciais ao sucesso escolar e profissional de qualquer indivíduo. As investigações têm igualmente mostrado que o processo de aprendizagem da leitura e da escrita tem o seu início muito antes da entrada na escolaridade formal, o que vem evidenciar a importância das experiências precoces vivenciadas pelas crianças neste domínio. Neste contexto, o Jardim de Infância e o Educador, pelas práticas estimulantes e enriquecedoras que podem proporcionar às crianças, assumem um papel crucial na promoção das competências de literacia. O Ministério da Educação, consciente de tal realidade e da importância que a prática da literacia desde os primeiros anos assume junto das crianças, já que lhes proporciona um conjunto de conhecimentos, capacidades e atitudes que vão ao encontro das exigências que a aprendizagem da leitura e da escrita colocam, tem procurado promover e incentivar junto dos Educadores...

Avaliação da Qualidade do serviço de Alimentação num Jardim-de-Infância de Coimbra : Trabalho de Investigação : Evaluation of Food Service Quality at Kindergarten in Coimbra

Galinha, Maria Inês dos Santos Guerra e Saraiva
Fonte: Porto : edição de autor Publicador: Porto : edição de autor
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 2 vols.(tese + relatório); 30 cm
POR
Relevância na Pesquisa
106.32%
Resumo da tese: Introdução: A infância é uma das fases particularmente importantes da vida para o estabelecimento de hábitos alimentares saudáveis, que podem permanecer por toda a vida adulta, e que aliados à prática da actividade física, promovem a saúde e que previnem a doença. Objectivos: O principal objectivo do trabalho de investigação foi a avaliação da qualidade do serviço de alimentação num Jardim-de-Infância de Coimbra. Metodologia: A metodologia do trabalho de investigação teve como base a aplicação do Sistema de Planeamento e Avaliação de Refeições Escolares (SPARE) que permitiu avaliar a qualidade das ementas e a adequação energética e nutricional das refeições escolares, bem como avaliar as condições hígiosanitárias e ambiente do refeitório do Jardim-de-Infância. Resultados: O plano de ementas foi considerado, de uma forma geral, "Aceitável", apesar dos domínios, "Carne, Pescado e Ovo", "Acompanhamento de Cereais, Derivados e Tubérculos" e "Acompanhamento de Hortícolas e Leguminosas" da avaliação qualitativa de ementas terem sido "Não Aceitável". As refeições do almoço foram consideradas não adequadas às necessidades energéticas e nutricionais das crianças, uma vez que foram hiperenergéticas e hiperproteicas. As condições hígio-sanitárias e ambiente do refeitório foram consideradas...

A cidade também é nossa : jardim de infância, espaço urbano e educação para a cidadania

Loureiro, Anabela Soares de Sousa
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
106.28%
Dissertação de mestrado em Sociologia da Infância; A dissertação A cidade também é nossa. Jardim de Infância, espaço e educação para a cidadania tem como objectivos gerais a compreensão das representações e práticas das crianças do jardim-de-infância acerca da cidade; a promoção de comportamentos e práticas sobre a cidade; o desenvolvimento de expositivos e de competências de participação das crianças na cidade. A investigação parte do pressuposto de que a cidade deve contribuir para a formação da cidadania nas crianças, enquanto actores sociais e, como tal, necessita da sua opinião e participação. É preciso dar voz às crianças. Nesse sentido a dissertação constrói-se a partir da conjugação de vários pontos de referência: utiliza como base teórica os contributos da Sociologia da Infância, área de conhecimento que busca conhecer as crianças e a infância a partir do seu próprio campo, das suas próprias culturas e ainda, a Sociologia Urbana que estuda as transformações que ocorrem nos espaços urbanos e as consequências que daí advêm nas interacções sociais produzidas na sociedade; recorre ao método qualitativo pois é aquele que vai permitir alcançar os objectivos traçados...

Participação parental no jardim de infância : um estudo de caso

Ribeiro, Catarina Faria
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
106.28%
As mudanças que se têm vindo a verificar na sociedade e nas estruturas familiares repercutem-se inevitavelmente na vida da escola. Nesta medida, e partindo da necessidade de tornar a escola um espaço aberto à participação de todos, de modo a tornar o ensino mais rico e potenciador de sucesso, os pais são cada vez mais elementos de intervenção fundamentais em todo este processo. Para compreendermos, a relação que se estabelece entre os pais e o jardim-de-infância, a nossa investigação norteou-se pelo método de estudo de caso e desenvolveu-se tendo como objetivo caraterizar a participação parental num jardim-de-infância. Esta investigação contou com a participação de 36 pais que responderam a um inquérito por questionário e 2 educadoras de infância, que responderam a entrevistas semiestruturadas, permitindo-nos tirar importantes conclusões. Estas dão conta que os pais reconhecem o trabalho que o jardim-de-infância desenvolve no sentido da sua participação, mostrando-se satisfeitos com o mesmo. Reforçamos a necessidade de existir um empenho da escola e dos pais para que ocorra uma efetiva participação, tornando-se pertinente abordar formas de potenciar esta relação por forma a uma maior eficácia da educação. Assim...

Práticas curriculares em jardim de infância com crianças com perturbações do espetro do autismo

Marques, Sandra
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2013 POR
Relevância na Pesquisa
106.27%
Dissertação apresentada à Escola Superior de Educação de Lisboa para obtenção do grau de Mestre em Educação - Especialização em Educação Especial; A educação inclusiva assume um papel central na sociedade e as escolas, nomeadamente, os docentes, têm a função de proporcionar experiências de aprendizagem bem sucedidas a todos os alunos. Com formas únicas e alternativas de pensar e encarar o mundo, as crianças com perturbações do espetro do autismo (PEA), integram as turmas de jardim de infância do ensino regular, cada vez com mais frequência. Tendo em conta que a intervenção com as PEA deve ser o mais intensiva e precoce possível, o educador de infância tem um papel preponderante nesta intervenção. Este estudo tem como objetivo conhecer as conceções e as práticas dos Educadores de Infância na sua atividade diária com crianças com PEA em grupos de educação regular, procurando compreender: as suas principais preocupações e dificuldades no trabalho com a criança com PEA, as adequações no planeamento curricular para a criança com PEA e o tipo de participação da criança com PEA nas tarefas e rotinas do grupo. De caráter exploratório, este trabalho centrou-se em três grupos de jardim de infância do mesmo agrupamento de escolas...

A Metodologia de trabalho de projeto na prática profissional supervisionada em Jardim de Infância

Félix, Mónica
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
106.27%
Relatório da Prática Profissional Supervisionada Mestrado em Educação Pré-Escolar; O presente relatório foi desenvolvido no âmbito do Mestrado em Educação Pré- Escolar e resultou da Prática Profissional Supervisionada desenvolvida nos contextos socioeducativos de Creche e Jardim de Infância, no ano letivo 2013/2014. O trabalho desenvolvido com os grupos de crianças, famílias e equipa educativa decorreu de um processo que teve início na Prática Profissional Supervisionada em Creche e terminou em contexto de Jardim de Infância. A intervenção decorreu durante o período de janeiro a maio de 2014. A PPS em creche ocorreu numa instituição privada, com um grupo com 12 crianças com dois anos de idade. Em relação à PPS em Jardim de Infância ocorreu numa instituição pública, com 23 crianças com idades compreendidas entre os quatro e os seis anos de idade. O objetivo deste trabalho é fazer uma análise crítica e reflexiva da intervenção desenvolvida nos contextos referenciados. No relatório é exposto uma caracterização cuidada dos dois contextos socioeducativos, as intenções definidas para a ação pedagógica com o grupo de crianças, as respetivas famílias bem como com a equipa educativa e por fim...

A satisfação e a qualidade na educação de infância

Lourenço, Sónia Cristina Cardoso Fernandes
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu. Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu. Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /06/2012 POR
Relevância na Pesquisa
106.31%
O desenvolvimento de qualquer investigação pressupõe a existência de algo que nos inquieta e nos induz curiosidade e este trabalho não constitui uma exceção. Sendo a educação pré-escolar fundamental no desenvolvimento da criança e verificando-se, nas últimas décadas, uma maior procura deste tipo de ensino por parte das famílias, devido, essencialmente ao aumento da inclusão da mulher no mercado de trabalho, torna-se fulcral, para os encarregados de educação delegarem a ação educativa a profissionais de confiança. Daí tentar-se aferir, com este trabalho, a opinião dos pais, a cerca de vários fatores relacionados com o jardim-de-infância. O presente trabalho intitula-se “a satisfação e a qualidade na educação de infância”, e tem como objetivo geral, compreender as opiniões dos encarregados de educação sobre o nível de satisfação e o grau de qualidade prestados pelos jardins-de-infância de Viseu, na qual seus educandos frequentam. Tendo sido definidos como objetivos específicos, avaliar a influência das variáveis sociodemográficas dos encarregados de educação, avaliar a qualidade percebida e o grau de satisfação dos encarregados de educação relativamente aos serviços de jardim-de-infância e...

A ludicidade no jardim de infância: estudo a apresentar no relatório final

Brito, Ana Isabel Mourato de
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
116.1%
Dissertação de mestrado na especialidade Educação pré-escolar e ensino do 1º ciclo do ensino básico, orientada por Maria do Céu Lopes da Silva André, Instituto Politécnico de Beja, Escola Superior de Educação, 2012.; O presente estudo teve como objetivo analisar a relação do lúdico como facilitador das aprendizagens na sala de aula. A fim de alcançarmos estes objetivos e obtermos as informações e dados necessários, foram utilizados, um questionário semi - estruturado, que foram aplicados a encarregados de educação das crianças da valência de Educação Pré-escolar e uma entrevista a educadoras da mesma valência. Com a análise dos dados obtidos verificámos que o Lúdico é um instrumento indispensável na aprendizagem, no desenvolvimento e na vida das crianças. Os jogos que se utilizam, o tipo de brincadeiras usadas, os materiais utilizados, assim como a sua funcionalidade influenciam o desenvolvimento das crianças, na medida em que servem de meios facilitadores para as aprendizagens de novos conteúdos, sem estes sentirem a responsabilidade e a obrigação de o estarem a fazer. A partir do referido conclui-se que a maioria dos educadores auferem conhecimento sobre o tema, porém existe a necessidade nas salas do Jardim de Infância de uma maior conscientização no sentido de desmistificar o papel do “brincar”...

Relação pedagógica na creche e jardim-de-infância: clima apoiante

Luiz, Sara de Jesus
Fonte: Escola Superior de Educação, Instituto Politécnico de Setúbal Publicador: Escola Superior de Educação, Instituto Politécnico de Setúbal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /03/2014 POR
Relevância na Pesquisa
116.17%
Mestrado em Educação Pré-Escolar; Este projeto de investigação denominado “A Relação Pedagógica na Creche e Jardim-de-Infância – Clima Apoiante” tem como finalidade essencial verificar quais as posturas e atitudes do educador que propiciam o desenvolvimento e aprendizagem da criança. Assim, serão evidenciadas as estratégias que visam proporcionar um clima apoiante, incluindo a postura do educador, as relações estabelecidas com as crianças e a organização do espaço como influência no clima proporcionado. Este estudo assenta na abordagem da investigação-ação, empregando como instrumentos de recolha de informação a observação-participante das práticas educativas e a análise documental dos projetos de sala. O projeto foi desenvolvido com base em dois contextos de estudo, que correspondem às instituições onde se realizaram os estágios, no âmbito das unidades curriculares Estágio I e Estágio II, pertencentes ao plano de estudos do Mestrado em Educação Pré-Escolar, respetivamente nas valências de creche e jardim-de-infância. Este estudo permitiu concluir que a relação pedagógica e o apoio do adulto à criança são valorizados, evidenciando-se nas práticas educativas analisadas. Contudo...

Regras e comportamentos sociais no contexto de creche e jardim de infância: conceções e práticas das educadoras: conceções das crianças no jardim de infância

Bracinhos, Isa Filipa Leandro
Fonte: Escola Superior de Educação, Instituto Politécnico de Setúbal Publicador: Escola Superior de Educação, Instituto Politécnico de Setúbal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
106.32%
Mestrado em Educação Pré-Escolar; A creche e o jardim de infância desempenham um papel significativo no desenvolvimento das crianças, sobretudo no que se refere à aquisição de regras e comportamentos sociais. Deste modo, o presente estudo, desenvolvido no âmbito do estágio curricular do Mestrado em Educação Pré-Escolar, pretende aprofundar o conhecimento sobre o tipo de modalidades de construção dos comportamentos sociais e das regras que são praticadas em contexto de creche e jardim de infância. Neste sentido, optou-se por uma metodologia qualitativa, de acordo com o paradigma interpretativo e a investigação-ação. O método de recolha dos dados teve por base a observação participante nos dois contextos de estágio (creche e jardim de infância), o inquérito por questionário (às educadoras) e por entrevista (às crianças do jardim de infância) e a pesquisa documental. A análise dos resultados mostra que as regras e os comportamentos sociais assumem-se como um eixo prioritário na prática educativa em contexto pré-escolar. As regras são negociadas mediante um compromisso de respeito mútuo e são entendidas, quer pelas educadoras quer pelas crianças, como uma forma de respeitar o espaço da sala e os outros (os adultos e os pares). Por outro lado...

Brincar [social] espontâneo na creche e no jardim de infância

Machado, Ana Margarida Magalhães de Oliveira
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /02/2015 POR
Relevância na Pesquisa
116.19%
O presente Relatório do Projeto de Investigação apresenta um estudo transversal aos contextos de estudo nos quais foram desenvolvidos os estágios em Creche e em Jardim de Infância, no âmbito do Mestrado em Educação Pré-Escolar, tendo como participantes as Educadoras de Infância Cooperantes e as crianças de cada uma das salas. A temática em estudo é o Brincar [Social] Espontâneo e a metodologia considerada mais adequada ao estudo empírico posiciona-se na abordagem da investigação-ação. O método de recolha de informação baseia-se nas entrevistas às Educadoras, sendo complementado pela observação participante, pelas notas de campo e pela análise documental. A este corpus articulam-se as situações vivenciadas nos contextos e os sentimentos experienciados. Serão interpretados, a partir dos conceitos estudados, da intervenção nos contextos e das situações observadas, alguns aspetos do brincar [social] espontâneo das crianças. O objetivo é dar visibilidade às suas manifestações expressivas, conhecer os seus saberes e os seus modos de viver a infância, nos contextos educativos. Este Projeto de Investigação tem como intencionalidade primordial não só ter acesso às conceções pedagógicas das Educadoras de Infância acerca do brincar...

A exploração de materiais na creche e no jardim de infância

Tavares, Ana Rita Ferreira
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /02/2015 POR
Relevância na Pesquisa
116.23%
O relatório de estágio que em seguida apresento é fruto de uma investigação realizada no âmbito do Mestrado em Educação Pré-Escolar. A investigação concretizada decorreu durante dois períodos distintos: o período de Estágio em Creche e o período de Estágio em Jardim de Infância. O Estágio em Creche foi desenvolvido junto de crianças de Berçário, com idades compreendidas entre os quatro e os nove meses de idade. Relativamente ao estágio em Jardim de Infância, este foi realizado numa sala de idades heterogéneas, onde existiam crianças com idades compreendidas entre os dois e os seis anos de idade. A metodologia adotada na realização desta investigação incorporou os prossupostos da Investigação-Ação, através da qual foi meu propósito analisar uma situação problema relevante e orientar a minha intervenção no sentido de potencializar, neste caso, a exploração de materiais junto das crianças. Durante a investigação realizada, foi meu propósito entender, de que forma poderia ser potencializada a exploração de materiais em contexto de Creche e Jardim de Infância. Atendendo sempre às necessidades e individualidades de cada um dos grupos, bem como de cada uma das crianças, foi meu propósito implementar estratégias e intervenções...

Leitura partilhada entre o jardim de infância e a família : um projecto de intervenção

Santos, Maria Manuela de Matos Alves de Sá dos
Fonte: Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti Publicador: Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
116.27%
Vivemos numa sociedade em que, diariamente, somos confrontados com o código escrito, num apelo constante à leitura e à decifração; paralelamente, as tecnologias assumiram um papel preponderante, desafiando-nos constantemente e levando-nos a desenvolver novas competências e literacias. O desinteresse dos jovens pela leitura, associado aos fracos resultados dos alunos portugueses em testes de literacia, remetem-nos para uma reflexão profunda pois, se pretendemos formar jovens autónomos, responsáveis e interventivos, capazes de construir conhecimento através da interacção e partilha, devemos ajudá-los a desenvolver meios de aceder à informação e transformá-la em conhecimento, e isto passa obrigatoriamente pela leitura. Assim, atendendo a que a criança é um ser social, integrada em diferentes contextos que contribuem para a sua formação, entendemos que o Jardim de Infância (complementado pela biblioteca escolar), a família e a sociedade em geral devem desenvolver esforços concertados, na promoção de hábitos de leitura e na formação de leitores competentes. Neste projecto – Leitura Partilhada entre o Jardim de Infância e a Família - pretendemos envolver os pais em actividades de promoção da leitura...

Jardim de infância em Goiás (1928-1937): educação e processo civilizador; Kindergarten in Goiás (1928 – 1937): education and civilizing process

Fonseca, Lara Cariny Celestino
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação (RC); Regional de Catalão (RC) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação (RC); Regional de Catalão (RC)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
106.34%
The present work has as its object of investigation the first public Kindergarten in Goiás. Pointing up as a central issue the following question: how constituted the Kindergarten in Goiás (1928-1937) and what is its relation to the civilizing process in goiana society? Thus, the problematic raised following guided by these objectives: know how it constituted the first Kindergarten of Goiás in the period 1928-1937; know aspects of its constitution and demarcate the goiano context in which it was created; analyze its relationship with the civilizing process in State. The work has as search sources a set of documents relating to the Kindergarten goiano‟s history of Goiás in the decades from 1920 to 1930, among which stands out: the Kindergarten Regulation and Program, issued in 1928, the Primary Education Regulations of the State of Goiás, from 1930 and 1937, numbers of Correio Oficial, press organ, which circulated discussions about education that period. Another move made in the treatment of the topic relates to the theoretical studies of the civilizing process, taking main reference Norbert Elias (1993;1994) and Veiga (2009; 2010). The research was also supported in Kuhlmann Jr. (1998; 2000), Kishimoto (1988), Faria Filho (2004)...

A idade tem influência nas relações de cooperação entre as crianças de jardim de infância?

Costa, Mafalda Alexandra Sebastião da
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /07/2015 POR
Relevância na Pesquisa
106.28%
Relatório da Prática Profissional Supervisionada Mestrado em Educação Pré-Escolar; O presente relatório, “A Idade tem influência nas relações de cooperação entre crianças de Jardim de Infância”, decorrente do Mestrado em Educação Pré-escolar, surge no âmbito da Prática Profissional Supervisionada desenvolvida em dois contextos educativos: Creche e Jardim de Infância. No relatório são apresentadas as intencionalidades pedagógicas que orientaram a minha ação. Para o seu desenvolvimento foram determinantes o apoio e participação das equipas educativas, funcionários das Instituições, bem como das famílias. Destaco ainda a importância do envolvimento das 14 crianças do grupo de Creche, bem como das 18 crianças do grupo de Jardim de Infância, determinantes para o desenvolvimento de toda a Prática Profissional Supervisionada. Partindo do geral para o particular, após a análise reflexiva sobre a minha prática pedagógica, apresentarei a problemática mais significativa. No trabalho de investigação procurei estudar as relações de cooperação que são estabelecidas por crianças em idade pré-escolar, verificando se a idade destas é um fator de influência. A análise dos dados será feita recorrendo à análise quantitativa e qualitativa. Na abordagem quantitativa os dados serão tratados e organizados em tabelas de frequência. Na interpretação qualitativa serão apresentados incidentes críticos que remetam o leitor para a realidade da sala de Jardim de Infância onde decorreu a Prática Profissional Supervisionada. Numa fase final será apresentada uma reflexão articulando os elementos da investigação com a influência que poderão ter na minha futura prática profissional...

O brincar espontâneo em contexto de creche e jardim de infância; conceções e práticas

Galante, Ada Cleide Alves
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /03/2015 POR
Relevância na Pesquisa
106.33%
O presente Relatório do Projeto de Investigação tem como tema transversal “O brincar espontâneo em contexto de Creche e de Jardim-de-Infância”. Esta produção académica surge como um produto articulado com as Unidades Curriculares de Estágio I e Estágio II, Seminário de Investigação e Projeto e das sessões de formação presenciais de outras U.C ’s integradas no Plano de Estudos do Mestrado em Educação Pré-Escolar. Os contextos de estudo estão enquadrados nas instituições onde foram desenvolvidos os estágios no âmbito das U.C ‘s de Estágio I e Estágio II, em contextos formais de Educação de Infância, nomeadamente num contexto de Primeira Infância (Creche) e num contexto de Segunda Infância (Jardim-de-Infância), respetivamente. As participantes do estudo são as Educadoras Cooperantes que acompanharam a discente ao longo do seu processo de formação enquanto participante-observadora nos contextos de estágio. O presente projeto de investigação visa indagar as conceções e os ideais teóricos das Educadoras participantes no estudo acerca do brincar espontâneo das crianças, colocando em paralelo as práticas observadas, decorridas das observações participantes nos estágios curriculares, em contexto de Creche e Jardim de Infância e as declarações...

O envolvimento dos pais no jardim-de-infância : as ideias dos educadores-de-infância

Fonseca, Catarina Miguel da, 1982-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
106.42%
Tese de mestrado, Educação (Formação Pessoal e Social), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2011; O envolvimento dos pais no Jardim-de-Infância é hoje encarado como um aspecto tão fulcral quanto os outros elementos do processo educativo do indivíduo, sendo considerado um procedimento que favorece não só o jardim-de-infância enquanto espaço físico como também como um espaço de interacções fundamentais para um desenvolvimento saudável e equilibrado das crianças. A tarefa de educar é difícil de concretizar e a sociedade e tudo o que ela contém, sempre em constante mutação, exigem à escola, neste caso específico, ao jardim-de-infância, constantes mudanças, de forma a satisfazer todas as necessidades dos alunos e também das suas famílias. As mudanças que se têm vindo a verificar, quer na sociedade, quer nas estruturas familiares, reflectem-se inevitavelmente na vida da escola. Desta forma e, partindo da necessidade de transformar o jardim-de-infância num espaço aberto ao envolvimento e à participação de todos, os pais são cada vez mais elementos de intervenção fundamental a todo este processo. A escola, por outro lado, é vista como um agente de socialização da criança, assim é de todo fundamental a colaboração e o trabalho em parceria entre o jardim-de-infância e os pais. O envolvimento dos pais na escola tem sido estudado e alvo de reflexões de vários investigadores que se debruçaram sobre este tema. Nas leituras efectuadas...

A relação creche/jardim-de-infância com a família; dinâmicas de participação

Paulino, Margarida Maria Fernandes Loureiro
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2015 POR
Relevância na Pesquisa
116.1%
O presente Relatório do Projeto de Investigação do Mestrado em Educação Pré-Escolar centra-se na temática da relação da Creche e Jardim-de-infância com as Famílias, destacando, entre outros, a diversidade de conceitos e tipologias que enquadram essa relação. Assente no paradigma de investigação qualitativa e na Investigação-Ação, pretende-se compreender a diversidade de práticas de participação das famílias, tanto do ponto de vista teórico como nos contextos empíricos do estudo, nomeadamente, através de técnicas como a observação participante, de inquérito por questionário às educadoras e da análise de vários documentos, e ainda encontrar respostas adequadas no sentido da melhoria dessas práticas. No decorrer deste estudo procurou-se compreender de que forma as educadoras cooperantes promoviam a participação das famílias nos dois contextos e as suas conceções sobre o tema. Através deste estudo, é possível concluir que a relação entre as famílias e os contextos educativos, é valorizada pelas educadoras, no entanto está mais relacionada ao nível de envolvimento e colaboração do que na participação e na tomada de decisões.; This Research Project Report of the Master on Pre-School Education focuses on the theme of the relationship of the Nursery and the Kindergarden with families...

O processo de transição na creche e no jardim-de-infância para o 1º ciclo

Costa, Soraia Alexandra Graça
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2015 POR
Relevância na Pesquisa
116.1%
O presente Relatório do Projeto de Investigação tem como principal intencionalidade compreender e interpretar de que forma decorre o processo de transição, nas duas instituições onde decorreu o meu estágio, e refletir acerca da importância da ação pedagógica dos Educadores relativamente a este processo e à forma como desenvolvem e enriquecem a sua ação em parceria, ou não, com outros agentes. Este trabalho baseia-se na abordagem de investigação qualitativa, no seio de um paradigma interpretativo, e visa dar a conhecer o processo de interpretação das informações recolhidas em dois contextos educativos: a Creche e o Jardim-de-Infância. As principais fontes de recolha de informação são a observação participante, as entrevistas às educadoras, as notas de campo e a análise documental. Os contextos de estudo estão enquadrados nas instituições onde foram desenvolvidos os estágios no âmbito das Unidades Curriculares Estágio I e II, do curso Mestrado em Educação Pré-Escolar, sendo as participantes do estudo as educadoras cooperantes que me acompanharam e orientaram no processo de aprendizagem. As informações recolhidas foram cruzadas com referências teóricas provenientes da bibliografia consultada e com os saberes adquiridos não só nos estágios e nas UC’s acima mencionadas...

A relação com a família nos contextos de creche e jardim-de-infância; conceções e práticas das equipas pedagógicas

Alves, Mafalda Sofia Gomes da Silva
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2015 POR
Relevância na Pesquisa
116.23%
Este relatório final dá conta da investigação realizada em torno de um tema que considerei pertinente aprofundar: A Relação com a Família na Creche e no Jardim-de- Infância. Tem como objetivo compreender como as equipas pedagógicas se relacionam com as famílias, o que fazem para promover essa relação e que importância lhe atribuem. Este projeto descreve as experiências que vivi durante os dois estágios que frequentei, os contextos educativos, as equipas com quem trabalhei e os grupos de crianças pertencentes a esses contextos. Os contextos onde estagiei foram distintos, sendo eles a creche e o jardim-de-infância. Integra também a descrição e a reflexão das práticas das educadoras cooperantes. Esta descrição e reflexão advém das observações que realizei nos contextos e da interpretação das conceções das educadoras recolhidas a partir de um inquérito por questionário. A metodologia utilizada para a realização deste projeto é de natureza qualitativa, inspirada na investigação-ação, e seguindo o ponto de vista do paradigma interpretativo e da investigação qualitativa. Para tal foram utilizados vários dispositivos de recolha de informação que se encontram discriminados neste relatório...