Página 1 dos resultados de 13978 itens digitais encontrados em 0.022 segundos

A fé de Jacques Derrida num "deus por vir"

Marques, Bruno Carlos Padilha
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.66%
A nossa tese – A fé de Jacques Derrida num «deus por vir» – parte das declarações de Jacques Derrida relativas a uma outra figura do direito internacional a que, diz o filósofo, se pode chamar «deus por vir». A nossa hipó-tese é então a seguinte: neste sintagma Derrida dá a pensar a incondicionalidade e a aporeticidade do seu pensamento – um pensamento que se expõe ao absolutamente outro ou ao impossível na sua desconstrução do horizonte ontoteológico da metafísica ocidental. Neste sentido, começaremos por assinalar, no primeiro capítulo, a singularidade da Desconstrução enquanto pensamento da escrita e da différance, procurando ao mesmo tempo contrastar o pensamento de Derrida com outros momentos de ruptura dentro da metafísica da presença. O segundo capítulo traçará a abertura absoluta da Desconstrução derridiana ao absolutamente outro mostrando como esta abertura se reflecte na sua paixão pela justiça (para além do direito) e pelo acolhimento incondicional do absolutamente outro. Finalmente, no capítulo terceiro, investigamos o sentido do sintagma «deus por vir» em sede derridiana – um sintagma que revela a fé de Derrida numa “figura” por vir do direito internacional e da mundialização e que tem implícito um repensar do político e da democracia – somos reféns desta exigência.; Our thesis – The faith of Jacques Derrida in a «god to come» – stems from the statements of Jacques Derrida regarding a figure of international droit (right or law) which...

"Jacques Prévert e a poética do movimento" ; "Jacques Prévert et la poétique du mouvement"

Almeida Filho, Eclair Antonio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 26/05/2006 PT
Relevância na Pesquisa
36.66%
A pesquisa atual de Doutorado se dedica a estudar o que denominamos a poética do movimento em Jacques Prévert, tendo como corpus, principalmente as obras Fatras (1966), Imaginaires (1970) e Choses et autres (1972). Em nosso estudo, propomos uma estrutura móbil em que se relacionam seis eixos, a saber: estilístico, lingüístico, mimético, interdiscursivo, paratextual e, por fim, o eixo temático. Assim, com base principalmente nos livros Fatras, Imaginaires e Choses et autres, entendemos que a contribuição de nosso trabalho é apresentar uma poética da obra prevertiana em que se considere a inter-relação entre esses seis eixos, uma vez que eles promovem transformações nas palavras, nas imagens, no próprio suporte do livros e em temas que estão relacionados ao movimento e à petrificação, à vida e à morte.; Cette recherche de Doctorat se propose d’étudier ce que nous nommons la poétique du mouvement chez Jacques Prévert, ayant choisi comme corpus surtout les recueils prévertiens Fatras (1966), Imaginaires (1970) e Choses et autres (1972). Dans notre étude, nous considérons qu’il y a dans la poétique prévertienne une structure mobile dans laquelle six axes sont en rapport les uns avec les autres. À notre avis...

A palavra em Paulo Freire e a palavra em Jacques Lacan.; The word in Paulo Freire and the word in Jacques Lacan.

Calixto, Flander de Almeida
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 17/07/2007 PT
Relevância na Pesquisa
36.66%
O presente trabalho pretende estabelecer comparações entre a palavra em Paulo Freire e a palavra em Jacques Lacan, baseando-se nos conceitos de palavra plena e palavra vazia, em Lacan, e de palavra oca e palavra verdadeira, em Freire. Um dos objetivos deste trabalho foi tentar delinear possíveis aproximações entre as duas obras, pela comparação de pontos que surgiram na discussão das idéias de cada autor. Os procedimentos metodológicos e técnicooperacionais utilizados para a construção teórica e o estudo documental da pesquisa se pautaram em procedimentos voltados para a pesquisa bibliográfica, na qual, se tentou estabelecer um diálogo entre textos publicados desses autores. Foram utilizadas também outras fontes de pesquisa, tais como vídeos, entrevistas e documentários, constituindo-se nas fontes primárias e secundárias de investigação. O trabalho de pesquisa possibilitou-nos vivenciar que a pesquisa em Psicanálise apresenta um caráter qualitativo primordial que enfatiza a dimensão da subjetividade. Destacamos que as aproximações tentadas surgiram a partir de leituras do pesquisador, um processo investigativo cujo eixo residiu na concepção psicanalítica lacaniana, em que o método é construído pelo pesquisador a cada passo e não se busca a totalidade de compreensão do fenômeno...

O arquiteto e a produção da cidade: a experiência de Jacques Pilon em perspectiva (1930-1960); The architect and the production of the city: the experience of Jacques Pilon in perspective 1930-1960

Silva, Joana Mello de Carvalho e
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/05/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.66%
O objetivo desta pesquisa é reconstituir a formação do campo arquitetônico no Brasil, a história de São Paulo e de sua arquitetura, e investigar a inserção e a contribuição dos arquitetos estrangeiros para a construção da cidade entre os anos de 1930 e 1960 a partir da experiência do arquiteto francês Jacques Pilon (1905-1962). A intenção não é particularizar, valorizar ou reabilitar a sua produção isoladamente, focando a discussão na qualidade, na procedência ou não da autoria deste ou daquele projeto, nem traçar uma biografia intelectual ou desenvolver um trabalho monográfico, mas sim retomar a sua trajetória na relação com a cidade e com o campo arquitetônico. Para tanto, o presente trabalho investiga a sua formação como arquiteto em Paris, o início de sua carreira profissional no escritório dos arquitetos Robert Prentice e Anton Floderer, no Rio de Janeiro, a transferência para São Paulo, a sociedade com o engenheiro brasileiro Francisco Matarazzo Neto (1910-1980), firmada em 1934 com a criação da Pilon & Matarazzo Ltda (Pilmat) e, por fim, o seu escritório individual, cujas atividades se desenvolveram entre meados de 1940 e 1962.; Portrayed as a pragmatic man, more a manager than an architect...

A topologia na psicanálise de Jacques Lacan: o significante, o conjunto e o número; Topology in Jacques Lacans psychoanalysis: the signifier, the set and the number

Rona, Paulo Marcos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/05/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.66%
Este trabalho discute o emprego da topologia como ramo da matemática nos desenvolvimentos teóricos de Jacques Lacan. O ponto de partida é a crítica apresentada por Sokal quanto à falta de fundamento deste recurso em seu uso pela psicanálise, em contraposição às afirmações lacanianas quanto a ser a topologia a própria estrutura. O objetivo central é defender a idéia de que o recurso metodológico à topologia, às matemáticas e à lógica é compatível com o conceito de significante, oriundo do estruturalismo saussuriano e este pode ser fundamentado na noção lógica de conjunto tal como a matemática, após Cantor o concebeu. Discute-se três argumentos contrários a uma possível formalização nas ciências do homem: o da qualidade, o do sentido e o da singularidade. Realiza-se em seguida: (1) uma análise das relações entre o conceito de significante e o de conjunto a partir dos axiomas da teoria de Zermelo-Fraenkel, (2) a apresentação de uma possível lógica para o significante tomado em suas relações de significação tal como a psicanálise lacaniana as concebe, e (3) a proposição do emprego do conceito matemático de modelo, como o que reúne o conceito de conjunto à lógica. Os três resultados obtidos baseiam-se nos desenvolvimentos do filósofo francês Alain Badiou em seu esforço de discutir filosofia através do mesmo recurso à matemática. Conclui-se que nos limites da fundamentação da lógica e da matemática encontra-se os problemas que também norteiam as investigações psicanalíticas a respeito da subjetividade e de suas possíveis transformações; The present study discusses the use of topology as a branch in mathematics in Jacques Lacans theoretical developments. The starting point is the criticism presented by Sokal concerning a supposed lack of fundament of such an appeal in its use within psychoanalysis...

O conceito de destituição subjetiva na obra de Jacques Lacan

Menegassi, Abenon
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/08/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.81%
O objetivo deste trabalho é estudar o conceito da destituição subjetiva tal como Jacques Lacan a define com relação ao final de análise a partir dos anos sessenta. A partir da consideração do personagem Jacques Maast do livro O Guerreiro Aplicado de Jean Paulhan de 1917, apresentado por Lacan como referência para a destituição subjetiva, levantamos a questão sobre como se sustenta a vivência desse personagem no laço social, uma vez que após o final da análise o sujeito desejante, em sua negatividade, ainda assim está exposto à constante interpelação do Outro da Ideologia (no caso de Jacques Maast, a guerra); The objective of this work is to study the concept of the subjective destitution such as Jacques Lacan defines it with relation to the end of analysis from the Sixties. From the consideration of the personage Jacques Maast of the book The Applied Warrior of Jean Paulhan of 1917, presented for Lacan as reference for the subjective destitution, we raise the question on as if it supports the experience of this personage in the social bow, a time that after the end of the analysis the wisheThe objective of this work is to study the concept of the subjective destitution such as Jacques Lacan defines it with relation to the end of analysis from the Sixties. From the consideration of the personage Jacques Maast of the book The Applied Warrior of Jean Paulhan of 1917...

O estádio do espelho de Jacques Lacan: gênese e teoria; Jacques Lacan´s mirror stage: genesis and theory

Boni Junior, Jonas de Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/10/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.66%
Este trabalho tem como objeto de estudo o texto "O estádio do espelho como formador da função do eu tal como nos é revelada na experiência psicanalítica" (1949/1998) e a teoria do estádio do espelho estabelecida por Jacques Lacan entre 1936 e 1964. A proposta investigativa concentra-se em três vertentes: (1) Acompanhar a gênese da formulação lacaniana do estádio do espelho entre os anos de 1936 e 1938; (2) Analisar a estrutura temática da concepção apresentada em 1949; e (3) Organizar as reformulações e inflexões para a teoria do estádio do espelho realizadas por Lacan, a partir do modelo do esquema óptico entre os anos de 1954 e 1964. O objetivo geral concentra-se em examinar os principais temas e noções psicanalíticas desenvolvidos, de acordo com os três momentos para a teoria do estádio do espelho. Em adjacência, especificamente nas vertentes (1) e (2), objetiva-se recuperar as principais referências teóricas utilizadas por Lacan, enquanto na vertente (3) o exercício metodológico consiste em organizar as referências na própria obra de Lacan. As duas principais considerações finais apontam para a distinção entre o texto de 1949 a teoria e os temas desenvolvidos em torno do estádio do espelho, e a definição do conceito enquanto demarcação dos três registros Real Simbólico Imaginário (RSI) pela inscrição do objeto a...

Sobre a política na obra e na clínica de Jacques Lacan; On the politics in Jacques Lacans work and clinic

Checchia, Marcelo Amorim
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/04/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.66%
Este trabalho parte de um questionamento crítico sobre a finalidade social da clínica psicanalítica. Para tratar dessa questão, optou-se por investigar a dimensão da política na obra e na clínica do psicanalista francês Jacques Lacan. Buscou-se então, inicialmente, o uso do termo política na obra desse autor e constatou-se que não se trata de um conceito analisado de modo direto e bem desenvolvido por Lacan, embora ao mesmo tempo ele se encontre implicitamente presente em toda sua obra. Tendo isso em vista, a tese que se procurou defender é de que a dimensão política em Lacan é mais bem apreendida se considerada em referência a outros conceitos-chave que marcam o percurso de sua teoria da clínica, a saber: técnica, ética, ato e discurso. Para finalizar, analisou-se a asseveração de Lacan de que o inconsciente é a política, que é uma de suas principais referências diretas à política em articulação com um conceito psicanalítico; This paper presents a critical questioning about the social purpose of psychoanalytic clinic. To address this question, we chose to investigate the political dimension in the work and the clinic of the French psychoanalyst Jacques Lacan. Then, we initially investigated the use of the term politics in the work of this author and found that it is a concept which is not directly analyzed neither it is well developed by Lacan...

Mundos de Silvino Jacques: terra, banditismo rural, poder e sociedade na fronteira oeste do Brasil (1929-1939); Worlds of Silvino Jacques: land, rural banditry, power and society in the West Border of Brazil (1929-1939)

Ribeiro, Arnor da Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/08/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.73%
A trajetória de Silvino Jacques e o contexto histórico do qual fez parte são a razão deste estudo. Da Fronteira Oeste no Estado do Rio Grande do Sul, onde começou a agir como proscrito, à sua atuação na Fronteira Oeste na parte Sul de Mato Grosso, Jacques, eliminado em 1939, incorporou mundos controversos nos quais se inserem sua conduta legalista no combate ao Movimento Constitucionalista de 1932, seus contatos com os revolucionários do movimento comunista de 1935 e suas práticas fora dos parâmetros legais do Estado Nacional. A abordagem considera aspectos fundiários, coronelismo, campesinato e suas vertentes política, social e econômica à época em que o governo federal visava centralizar a violência no combate a bandidos, bandoleiros e revolucionários. O período estudado, 1929-1939, corresponde a um Brasil que caminhava entre os mundos pré-capitalista e capitalista, com adequações e alterações, num ambiente que até então se caracterizava pela fragilidade das instituições e pelo mandonismo dos chefes paroquiais. Sobre a análise da estrutura fundiária do Sul do antigo Mato Grosso na década de 1930, Edward Palmer Thompson foi uma valiosa referência neste estudo. A teoria do bandido social criada por Eric J. Hobsbawm é aqui explicada de acordo com posicionamentos de pesquisadores que fizeram inserção crítica a partir daquela formulação hobsbawmiana. Enfocamos as rebeldias pré-organização política que se configuraram como os primeiros movimentos de contestação do poder estabelecido a serviço de interesses hegemônicos. Fizemos análise diferencial do comportamento considerado banditista na Fronteira Oeste em relação a outras partes do país...

Corpo, discurso e laço social: uma leitura dos Seminários XVI, XVII e XVIII de Jacques Lacan; Body, discourse and social bond: a reading of Jacques Lacans Seminars XVI, XVII and XVIII

Moreira, Luiz Eduardo de Vasconcelos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/12/2013 PT
Relevância na Pesquisa
36.66%
O presente trabalho pretende investigar a relação entre as noções de corpo, discurso e laço social na chamada Teoria dos quatro discursos de Jacques Lacan. A pesquisa partiu de um levantamento bibliográfico (que não se pretende exaustivo, mas representativo) das possíveis leituras feitas dessa conceituação lacaniana. Esse levantamento permite perceber certa dispersão no campo de sua aplicação. Em seguida, apresenta-se uma leitura do Seminário XVII, O avesso da psicanálise, ministrado por Lacan no ano de 1969-1970 e escolhido por ser o momento em que os quatro discursos (a saber, do mestre, da histérica, do analista e da universidade) são apresentados e conceituados como modalidades de laço social. Dito de outro modo, consideramos que é neste momento que o termo discurso ganha densidade e especificidade conceitual. Esta leitura é subsidiada por uma apresentação dos seminários imediatamente anterior e posterior, de modo a destacar os desenvolvimentos lacanianos que levam à formulação dos quatro discursos. Deste modo, é possível: 1) comparar a conceituação lacaniana com as leituras que dela derivam e 2) esboçar uma noção de corpo que leve em conta a teoria dos quatro discursos; This work intends to investigate the relationship amongst the notions of body...

Arquitetura e representação : as Casas de papel, de Peter Eisenman e textos da desconstrução, de Jacques Derrida, anos 60 a 80

Dorfman, Beatriz Regina
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.66%
Os avanços científicos e tecnológicos e a superação dos paradigmas filosóficos que fundamentaram o pensamento moderno provocaram profundas modificações na representação, ao longo do século XX. A arquitetura e a filosofia, como as mais diversas manifestações contemporâneas associaram-se nessas mudanças. Nas décadas de 1960 a 80, os trabalhos do arquiteto Peter Eisenman e os do filósofo Jacques Derrida partiram de questões da linguagem e da representação e propuseram uma série de rupturas em termos formais e conceituais. Este processo ganhou expressão na arquitetura e em sua representação e obteve projeção internacional na exposição que deu nome ao fenômeno que ficou conhecido como arquitetura desconstrutivista. Após este período, as obras do arquiteto e o pensamento do filósofo seguiram por caminhos diferentes. Arquitetura e representação: as Casas de papel de Peter Eisenman e textos da desconstrução em Jacques Derrida, anos 60 a 80 analisa obras selecionadas do arquiteto e do filósofo que abordam questões da linguagem e da representação. Discute conceitos da desconstrução, que permanecem válidos para a arquitetura contemporânea, e relaciona-os com outras modalidades de expressão artística. Demonstra que não há correspondência entre a filosofia da desconstrução e o fenômeno que ficou conhecido como arquitetura desconstrutivista.; Scientific and technological advances and the passing by of philosophic paragons witch founded modern thought promoted deep changes in representation...

Jacques Ferron : o dramaturgo de um país incerto (o Quebec)

Pereira, André Cesar
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.66%
O Quebec ganha cada vez mais importância em âmbito mundial, em termos econômicos, sociais e culturais. No Brasil desenvolvem-se vários trabalhos voltados à história e à cultura quebequenses no intuito de compreender as transformações dessa região francófona na América. Nosso trabalho vem ampliar esses estudos com a análise de textos produzidos nos anos 50, período que antecede um importante momento de desenvolvimento social e cultural dessa sociedade: a Revolução Tranquila. Para compreendermos as mudanças ocorridas com essa revolução, observamos os sentimentos que a antecederam, nos baseando, para isso, em uma literatura ainda não denominada quebequense. Com o intuito de realizar essa análise, utilizamos como material de pesquisa duas peças teatrais do escritor Jacques Ferron, produzidas antes da Revolução Tranquila – momento que marca o ponto de partida para a valorização das especificidades do Canadá de língua francesa. Justificamos a escolha desse autor por seu importante trabalho voltado à compreensão do Quebec; além disso, as peças selecionadas são igualmente importantes por apresentarem personagens em busca de ruptura com o passado e de valorização de algo particular. Nosso objetivo com essa dissertação é analisar as peças de Jacques Ferron...

Silvino Jacques: interseções no mito do bandoleiro

Ibanhes, Maria de Lourdes Gonçalves de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 235 f.: il.
POR
Relevância na Pesquisa
36.84%
Pós-graduação em Letras - IBILCE; O principal objetivo desta tese é o estudo das interseções no mito do bandoleiro, como cavaleiro errante, por meio da figura do herói/anti-herói, Silvino Jacques, enfocando particularmente sua trajetória no tempo e no espaço, com vistas à explicitação dos seus “feitos” e análise das regiões de sua atuação, e da notável significação que o nome e a escritura de Silvino Jacques encerram em certa tradição literária. Para tanto, o corpus deste trabalho baseia-se nas obras Decima gaucha, do próprio Silvino Jacques, Silvino Jacques: O último dos bandoleiros, do escritor regionalista sul-mato-grossense Brígido Ibanhes e no documentário Selvino Jacques: A saga de um bandoleiro, de Hamilton Wander Medeiro. O estudo justifica-se, prioritariamente, pela comprovação dos influxos platinos, os quais ultrapassam fronteiras e leis, ocasionando trocas e/ou “contrabandos” literários e culturais entre as regiões envolvidas. Assim, a análise volta-se para a recuperação do tema ao longo da história da literatura, remontando à reconhecida figura do lendário Martín Fierro e sua formidável ressonância e fortuna nas literaturas do Cone Sul, bem como para o ambivalente herói pícaro...

A Génese do tento no testemunho dos manuscritos P-Cug MM 48 e MM 242 (com uma edição crítica dos ricercari de Jacques Buus e das suas versões recompostas)

Oliveira, Filipe
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
36.66%
RESUMO Título: A génese do tento no testemunho dos manuscritos P-Cug MM 48 e MM 242 (com uma edição crítica dos ricercari de Jacques Buus e das suas versões recompostas) A presente tese estuda a génese do tento e da fantasia para tecla na ilustração dos manuscritos P-Cug MM 48 e 242. Partindo das recomposições dos ricercari do Libro primo… (1547) de Jacques Buus constantes na parte inicial do MM 242 e tendo por base as suas cópias realizadas a partir do MM 48, esta tese tem como primeiro assunto central a análise dos processos de estudo e recomposição patentes nas referidas obras. Num segundo momento, é estabelecida a sua relação comparativa com a estrutura formal e estilística do tento e da fantasia para tecla em Portugal, por volta de meados do século XVI, no testemunho de algumas obras de António Carreira incluídas no MM 242. ABSTRACT Title: The origins of the tento in the testimony of manuscripts P-Cug MM 48 & MM 242 (with a critical edition of Jacques Buus´s ricercari and its recomposed versions) This thesis focuses on the origins of the keyboard tento and fantasia as exemplified by the two manuscripts P-Cug MM 48 & 242. Beginning with the recompositions of Jacques Buus´s ricercari from his Libro primo… (1547) that are in the initial part of MM 242 and having in mind that these were based upon the copies of the original versions included in MM 48...

El cine y sus fantasmas: conversaci??n con Jacques Derrida

Derrida, Jacques; Baecque, Antoine de; Jousse, Thierry; Delorme, St??phane; Tudela-Sancho, Antonio
Fonte: Arena Libros Publicador: Arena Libros
Tipo: Artigo de Revista Científica
SPA
Relevância na Pesquisa
46.53%
Pr??logo y traducci??n (del franc??s) de la entrevista realizada por Antoine de Baecque, Thierry Jousse y St??phane Delorme al fil??sofo franc??s Jacques Derrida para el n??mero 556 de la revista gala Cahiers du Cin??ma (abril de 2001).

L'influence caravagesque dans l'art de Jacques-Louis David

Dupuis, Patrik
Fonte: Université de Montréal Publicador: Université de Montréal
Tipo: Thèse ou Mémoire numérique / Electronic Thesis or Dissertation
FR
Relevância na Pesquisa
36.73%
Ce mémoire de maîtrise est consacré à un aspect peu étudié de l'art de Jacques-Louis David, c'est-à-dire l'influence caravagesque dans les œuvres de l'artiste. Les différentes périodes de la production de l'artiste sont étudiées en fonction d'identifier cette influence et la façon dont elle s'est manifestée. Cette influence est apparue à partir de la deuxième moitié du 18e siècle dans la peinture française pendant une période de réforme de l'art pictural. Jacques-Louis David n'est pas le seul artiste à s'être intéressé au caravagisme. L'intérêt pour Caravage et ses suiveurs coïncidait aussi avec un intérêt pour le naturalisme et le dessin d'après nature. Le maître de David, Joseph-Marie Vien, a joué un rôle important dans la promotion de ces deux notions. C'est lors de son premier voyage en Italie avec son maître Vien que Jacques-Louis David entra pour la première fois en contact avec le caravagisme. C'est à partir de ce moment que son oeuvre commença à se transformer alors que l'artiste s'affranchit de l'influence de la peinture rococo. Le Salon de 1781 qui suivra ce voyage sera un moment très important dans sa carrière et les œuvres qu'il y présenta étaient grandement marquées par le caravagisme...

Le devenir-imperceptible de l'urbaniste : une lecture de l'éthique chez Gilles Deleuze : expérimentation sensible du pont Jacques-Cartier à Montréal.

Banville, Marie-Sophie
Fonte: Université de Montréal Publicador: Université de Montréal
Tipo: Thèse ou Mémoire numérique / Electronic Thesis or Dissertation
FR
Relevância na Pesquisa
36.7%
Ce mémoire s’inscrit dans une approche émergente en urbanisme qui cherche à mettre en dialogue les théories et les pratiques de l’urbanisme et la pensée du philosophe français Gilles Deleuze. Depuis quelques années, la pensée de Gilles Deleuze (surtout ses travaux coécrits avec Félix Guattari 1972; 1980) commence à s’immiscer dans les débats contemporains en urbanisme. Les travaux de Kim Dovey (2010; 2012), Jean Hillier (2005; 2007; 2011) et Colin McFarlane (2011a; 2011b) constituent les exemples les plus achevés d’une réflexion deleuzienne sur l’urbanisme. À degrés divers, ces auteurs mobilisent surtout cette pensée pour sa capacité à appréhender la complexité, le changement et l’instabilité (assemblage thinking). Pourtant, cette mobilisation de la pensée deleuzienne en urbanisme laisse largement intouchée le projet éthique et politique au coeur de la pensée de Gilles Deleuze. Le projet qui anime ce mémoire est d’explorer ce qu’une éthique deleuzienne peut apporter aux théories et pratiques de l’urbanisme. Cette éthique implique notamment un questionnement radical du cadre étatique dans lequel l’urbanisme s’insère, ce que ce mémoire appelle le «devenir- imperceptible » de l’urbanisme. Un travail empirique...

La place de Jean-Jacques Rousseau dans la philosophie kantienne de l'éducation

Sarbazevatan, Sourena
Fonte: Université de Montréal Publicador: Université de Montréal
Tipo: Thèse ou Mémoire numérique / Electronic Thesis or Dissertation
FR
Relevância na Pesquisa
36.7%
En vue de saisir la pensée kantienne dans toute sa virulence, on ne peut jamais faire abstraction de la place éminente de Jean-Jacques Rousseau dans cette philosophie qui ne cesse pas à marquer, à définir et à poser des jalons de la pensée moderne. À cet égard, si le Genevois communique les grandes leçons de sa théorie de l’homme sous la guise d’une éducation, il s’agit ici non pas d’une philosophie de l’éducation mais bien plus d’une philosophie comme éducation. C’est effectivement cette thèse que Kant reprend, suit et enrichie d’une manière sui generis pour renverser l’ordre théorique mais surtout pratique de religion-moralité-devoir et libérer une fois pour toutes la morale des dogmes théologiques et finalement pour édifier une philosophie pratique comme l’éducation de l’espèce humaine. Le but de cette étude est de jeter quelques lumières sur la place sans pareille de Jean-Jacques Rousseau dans la philosophie kantienne de l’éducation.; The decisive influence of Immanuel Kant in the course of modern philosophy is incontrovertible. In a sense, had it not been for this monumental figure of the 18th century, philosophy would have never reached the flair to convey the existential, analytical and phenomenological questions of modernity. However...

Jacques Brault. Au fond du Jardin - accompagnements. Traduções comentadas; Jacques Brault Au fond du jardin, accopagnements Commented Translations

Silva, Lucia Helena Muniz da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/03/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.73%
Jacques Brault é um escritor canadense natural de Montréal, ainda pouco conhecido no Brasil e que não possui nenhuma obra traduzida na íntegra para o idioma português. Artista muito versátil e de múltiplas facetas, Brault atuou com romancista, poeta, crítico literário além de ter escrito diversas peças teatrais. Muito engajado social e culturalmente ele é reconhecido como o escritor vivo do Quebec com maior prestígio no meio literário. O objetivo desse trabalho é propor traduções de textos do livro Au fond du jardin accompagnements de Jacques Brault. Esse livro é considerado como um microcosmo do trabalho desse autor e oferece uma panorâmica visão de toda sua obra. Cada uma das traduções possui uma abertura, a tradução com suas respectivas notas e por fim um comentário ao texto traduzido.; Jacques Brault is Canadian writer of Montreal, still little known in Brazil and has no work completely translated into Portuguese. A very versatile and multifaceted artist, Brault has worked as a novelist, essayist, poet, literary critic and has written several plays. Very social and culturally engaged he is recognized as the most prestigious living writer of Quebec. The goal of this research is to offer translations of texts present in the book Au fond du jardin accompagnements from Jacques Brault. This book is considered as a microcosm of Brault´s production and offers a panoramic view of all his work. Significant aspects of his work were remarked along the research. The choice of texts to be translated was based upon those aspects. Each of the translations possesses a brief explanatory text...

Alcibíades y el agalma: momento platónico de Jacques LacanAlcibiades and agalma: a Jacques Lacan platonic momentum

Etchegoyhen, Carlos
Fonte: ETD - Educação Temática Digital Publicador: ETD - Educação Temática Digital
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Avaliado pelos pares; bibliográfica Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2010 POR
Relevância na Pesquisa
36.73%
En El Banquete de Platón, al elogiar Alcibíades a Sócrates, hace pública su loca pasión por éste. En 1961 Jacques Lacan estudiará exhaustivamente ese Diálogo, afirmando que es la descripción de la transferencia más antigua y larga que se conozca; trabaja la erótica de la paiderastía (erastès-erómenos) y revela al agalma, como antecedente de su concepto de objeto a. Philippe Julien (1985) y Danielle Arnoux, actualmente, retoman y despliegan valiosos aspectos de esa original elaboración lacaniana. Palabras clave Jacques Lacan; Platón; Alcibíades; Sócrates; Amor de transferencia; Atopia e ironía socráticas; Erôs; Erógenos; Erastès; Paiderastía; Agalma Abstract Alcibiade praises Socrates at Plato´s Symposium, and declares publicly his mad passion for him. Jacques Lacan studied hard and deep the Dialogue and made explicit that his was the most ancient and long description of a prsychoanalytical transfert - he worked over paiderastía erotics (erastés-erómenos), and enlight agalma' s concept, as a previous idea of his objet a. Phillippe Julien (1985), and more recently Danielle Arnoux, use and explain some valuable aspects from that former lacanian conception. Keywords Jacques Lacan; Plato; Alcibíades; Sócrates; Transfert love; Socratic irony and atopia; Erôs; Erógenos; Erastès; Paiderastía; Agalma