Página 1 dos resultados de 957 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Aplicação de isótopos de Pb, Sr, H e O como traçadores da recarga e da contaminação de aqüíferos metropolitanos: um exemplo da Bacia do Alto Tietê; Application of isotopes of Pb, Sr, H and O as tracers for recharge and contamination of metropolitan aquifers: an example from the upper Tietê basin

Martins, Veridiana Teixeira de Souza
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/12/2008 PT
Relevância na Pesquisa
37.47%
A crescente importância da questão do uso sustentável da água e a conseqüente necessidade de se diminuir a poluição e o desperdício desse reservatório terrestre, impulsionaram esse estudo. O objetivo principal do trabalho é avaliar a aplicação de indicadores isotópicos ambientais, como Sr, Pb, O e D, para estudos da origem e qualidade da água de recarga de um aqüífero, bem como do impacto da impermeabilização da superfície da cidade sobre esses indicadores. Para isso foram escolhidas duas áreas na Bacia do Alto Tietê, na Cidade de São Paulo, uma na Zona Oeste (área 1 - USP) e outra na Zona Leste (área 2 - VE), onde foram coletadas amostras de água da SABESP, de água de chuva e de poços de monitoramento, por um ano, além de sedimentos. Foram realizadas análises químicas em 390 amostras de água e 62 de solos, além de 413 análises isotópicas de H e O e 122 de Sr e Pb em água, além de 34 de Sr e Pb em sedimento. A determinação de procedimentos químicoanalíticos, para análises isotópicas de Pb e Sr em águas com baixas concentrações destes elementos, foi o primeiro resultado deste trabalho e definiu que as amostras devem ser filtradas e acidificadas, antes da evaporação, e seus resíduos devem ser dissolvidos com HCl...

Aplicação dos isótopos naturais de Ra e do Th-234 como traçadores do carbono orgânico exportado para o Estreito de Bransfield, Antártica; Application of natural Ra isotopes and 234Th as tracers of organic carbon export in Bransfield Strait, Antartica

Vieira, Lúcia Helena
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/02/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.36%
O Oceano Austral é o maior repositório dos oceanos, com concentrações elevadas de nutrientes e baixas de clorofila. A região tem papel fundamental para regular a transferência líquida de dióxido de carbono entre o oceano e a atmosfera, em parte devido à assimilação anual de CO2 pelo fitoplâncton, que resulta na exportação do carbono orgânico particulado (POC) para o oceano profundo. O elemento tório apresenta múltiplos isótopos que tem emergido como traçadores poderosos dos processos associados à transferência de material particulado nos oceanos. De todos os isótopos de Th, o 234Th (meia-vida de 24,1 d) tem sido foco de destaque e aplicação nos últimos anos. A produção do 234Th a partir do 238U, além do comportamento conservativo solúvel do 238U na água do mar, tornam fácil a caracterização das fontes de 234Th neste cenário. Além disso, a meiavida do 234Th é suficientemente curta para torná-lo sensível a mudanças a curto prazo (sazonais) que ocorrem na coluna dágua superficial dos oceanos, ou nas colunas dágua e de sedimentos nas regiões costeiras. Devido ao seu comportamento partículo-reativo, o 234Th é removido da água de duas formas, por decaimento ou pelo fluxo de material particulado. Desta forma...

ESTRUTURA DE NUCLEOS ESFERICOS PAR-IMPAR UTILIZANDO AS APROXIMAÇÕES BCS E MODELO ACQPV: APLICAÇÃO A ISOTONOS COM N=82 E ISOTOPOS DO Ni, Zn E Cs; Structure of spherical par-odd nuclei using approximations bcs model and application to acqpv isotonos with n = 82 and isotopes 'NI', 'ZN' and 'CS'

Losano, Laercio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 26/07/1986 PT
Relevância na Pesquisa
37.36%
Cálculos dos espectros (E,J ) e das propriedades eletromagnéticas (U,Q,BE2,BM1) são realizados para isótopos ímpares do Ni, e isótopos ímpares com N=82, empregando o modelo de camadas (MC), a aproximação BCS usual (uma e três quasipartículas), BCS com blocking (BBCS) e BCS projetada (PBCS). São examinadas, em detalhe, a importância das correlações de cinco quasipartículas e das correções introduzidas em BCS. Os graus de liberdade coletivos do caroço são introduzidos através do acoplamento quasipartículas cluster vibrador (ACQPV), de modo que nosso formalismo possibilita tanto a inclusão de blocking como a projeção em número de partículas no cluster de uma e três quasipartículas. São realizados cálculos comparativos entre a versão com blocking (BQPCV) e com projeção (PQPCV) para os espectros e as propriedades eletromagnéticas de isótopos ímpares do Zn. A versão projetada é aplicada a isótopos do Césio, na descrição dos estados 5/2+ gerados pelo acoplamento anômalo.; We calculate nuclear spectra (E,J ) and electromagnetic properties (U,,BE2,BM1) for odd Ni isotopes and N=82 odd nuclei, using the shell model (MC), the usual BCS approximation (one and three quasiparticles ), blocking (BBCS) and projected (PBCS) BCS. The effects of five quasiparticles correlations and BCS corrections are carefully investigated. We introduce the core collective degrees of freedom by the quasiparticle- cluster- vibration coupling (ACQPV) ...

Aplicação de isótopos de estrôncio, oxigênio e hidrogênio como traçadores de anomalias hidrogeoquímicas de bário no sistema Aquífero Bauru no Município Gália (SP); Application of isotopes of strontium, oxygen and hydrogen as tracers of hydrogeochemical anomalies of barium in Bauru Aquifer System in the city of Gália (SP)

Crespi, Alessandra Miranda
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/03/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.29%
O monitoramento da qualidade das águas subterrâneasno Estado de São Paulo realizado pela agência ambiental estadual (CETESB),tem identificado problemas regionais que vem chamando a atenção dos órgãos gestores de meio ambiente, recursos hídricos e concessionárias de água. Dentre os problemas, teores anômalos de bário tem sido identificados com frequência em poços de abastecimento públicos, localizados principalmente no Sistema Aquífero Bauru (SAB), entretanto, com origem desconhecida pela CETESB. O poço de abastecimento do município de Gália, área alvo deste estudo, se encontra entre os poços de abastecimento que captamáguas do SAB (Aquíferos Marília e Adamantina) e apresentam concentrações de bário acima dos padrões de potabilidade (>0,7 mg/L). Para avaliar a origem dessas anomalias, se natural ou antrópica, assim como, avaliar o comportamento do bário no Sistema Aquifero Bauru (Aquiferos Marília e Adamantina), e sua relação com os carbonatos da Formação Marília, são utilizados neste estudo isótopos de oxigênio, hidrogênio e estrôncio, com razões isotópicas obtidas em amostras de rochas e águas subterrâneas coletadas em poços instalados nos Aquiferos Marília e Adamantina. Os resultados isotópicos de Sr indicam a origem natural de bário nas águas subterrâneas estudadas...

Aplicação de geoindicadores e isótopos de Sr e Pb no escudo geoquímico de sistemas fluviais: o exemplo do Rio Mampituba (RS/SC)

Soares, Maria Cristina Cerveira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.36%
A avaliação geoquímica da bacia de drenagem do Rio Mampituba foi realizada através da aplicação de geoindicadores aliada ao uso dos isótopos de Sr e Pb como traçadores de fontes e processos. O presente estudo realizou uma investigação preliminar da distribuição espacial e sazonal de geoindicadores como a geoquímica das águas superficiais, dos solos e dos sedimentos de fundo para determinar as características naturais da bacia de drenagem. A utilização de ferramentas isotópicas permitiu traçar as principais fontes de proveniência do material presente nas águas. A geoquímica das águas superficiais revelou que o Rio Mampituba apresenta águas bicarbonatadas sódicas. Porém, na região do curso inferior, sob forte influência marinha devido à variação das marés, as águas assumem características cloretadas sódicas, temporariamente. A geoquímica dos solos e sedimentos de fundo revelaram que estes materiais sofreram já um processo de intemperismo químico de moderado a intenso, e são emriquecidos principalmente em Ti, Fe, Zn e Cu. A aplicação de isótopos de Sr através da razão 87Sr/86Sr nas águas, cujos valores variaram entre 0,7091 a 0,7131, revelaram que o material em suspensão apresenta a mesma fonte geoquímica...

Rastreabilidade de camarão amazônico proveniente de cultivo e ambiente natural utilizando a técnica de isótopos estáveis

Costa, Gelcirene de Albuquerque
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: iii, 48 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
37.36%
Pós-graduação em Aquicultura - FCAV; A globalização no comércio de pescado tem aumentado à oferta do produto, mas tem favorecido a prática de fraudes, como por exemplo, a substituição de espécies nobres por espécies de menor valor comercial. Por outro lado, consumidores cada vez mais exigentes têm demonstrado preferências por produtos de sistemas agroalimentares diferenciados. No Brasil, a regulamentação para as indicações geográficas tem crescido em ritmo acelerado nos últimos dois anos, exigindo o desenvolvimento de ferramentas analíticas para comprovação dos atributos de qualidades destes produtos diferenciados. Neste trabalho foi verificada a eficiência das análises de composição química (carne) e isótopos estáveis de carbono e nitrogênio (carne e carapaça) como ferramentas para autenticação e rastreabilidade do camarão da Amazônia. Foram analisados camarões de ambiente natural provenientes de lagos do Amazonas (Rei e Catalão); Lagoa Bahiazinha, Pantanal de Miranda, MS; Ilhas próximas ao estuário no Pará. As amostras de camarão cultivado foram coletadas no CAUNESP, Jaboticabal, São Paulo. Amostras do Lago Rei foram coletadas em julho e dezembro para avaliar o efeito sazonal nos componentes analíticos. Os resultados mostraram que a análise fatorial exploratória (AFE) permitiu diferenciar camarões em função da origem geográfica e modo de produção tanto para a composição de isótopos estáveis como para composição química; Globalization and increasing international trade in fish and fisheries products...

Avaliação metabólica de dietas de C3 e C4 na formação do ovo (gema e albúmen) pelo uso da técnica dos isótopos estáveis do carbono

Denadai, Juliana Célia
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: v, 43 f. gráfs.,tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.29%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Zootecnia - FMVZ; Estudos avícolas usando isótopos estáveis como traçadores em suas dietas fornecem estimativas de quão rapidamente os isótopos estáveis dos tecidos são substituídos por isótopos derivados da dieta. Estabeleceu-se taxas de turnover, meia-vida e substituição total do 13C no sangue, ovo (albúmen + gema), albúmen e gema de aves de postura, pela troca de dietas compostas de plantas dos ciclos fotossintéticos C3 e C4. E avaliou o efeito das dietas quanto ao fracionamento isotópico dieta-tecido e bromatologia do albúmen e da gema. O turnover é influenciado pela qualidade da dieta oferecida a ave. A comparação entre as meias-vidas do sangue, ovo, gema e albúmen, respectivamente, mostra que a dieta RC4 apresentou valores de meia-vida maiores que os outros tratamentos (RC4 = 13,3; 4,8; 5,5 e 5,2d; RC3 = 5,3; 3,8; 4,5 e 2,5d; RMC4 = 10,5; 3,8; 4,8 e 3,2d e RMC3 = 9,2; 3,5; 4,6 e 1,5d). Os tecidos estudados, pelo fato de apresentarem baixo fracionamento isotópico (?dieta-tecido = 0,1 l 0,5%), refletem bem a dieta consumida. Quanto a bromatologia da gema e albúmen não encontrou diferença significativa.; Poultry studies using stable isotopes as tracers in their diets supply information of how fast the stable isotopes from tissues are replaced by those diet-derivated. Established turnover rates...

Isótopos estáveis na rastreabilidade de farinha de origem animal na alimentação de frangos de corte

Araújo, Priscila Cavalca de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: vi, 49 f.: il. color., tabs., grafs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.36%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Zootecnia - FMVZ; Existe a possibilidade de se detectar a utilização de subprodutos de origem animal em dietas de frango de corte por meio da aplicação técnica dos isótopos estáveis de carbono e nitrogênio em seus tecidos. O presente trabalho tem como objetivo analisar sangue e penas, para detectar a presença de farinha de vísceras (FV) na alimentação de frangos de corte por meio da técnica dos isótopos estáveis de carbono (13C/12C) e nitrogênio (15N/14N) por espectrometria de massas. Foram utilizados 720 pintos de corte machos, Cobb, submetidos aos tratamentos: ração vegetal à base de milho e farelo de soja de 1 a 42 dias de idade; ração com 8% de farinha de vísceras de frango (FV) de 1 a 42 dias de idade; ração vegetal de 1 a 21 dias e ração com 8% de FV de 22 a 42 dias; ração vegetal de 1 a 35 dias e ração com 8% de FV de 36 a 42 dias; ração com 8% de FV de 1 a 21 dias e ração vegetal de 22 a 42 dias; ração com 8% de FV de 1 a 35 dias e ração vegetal de 36 a 42 dias. Foram colhidas amostras de penas do peito e de sangue de 4 aves/tratamentos aos 7, 14, 21, 28, 35 e 42 dias, as quais foram submetidas à análise isotópica. Para determinar o percentual estimado de participação da farinha de vísceras na composição desses tecidos...

Estudo hidroquímico e dos isótopos de urânio nas águas subterrâneas em cidades do Estado do Amazonas (AM)

Silva, Márcio Luiz da
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: xxiii, 178 f. : il., gráfs., tabs., fots.
POR
Relevância na Pesquisa
37.29%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Geociências e Meio Ambiente - IGCE; Este trabalho tem por objetivo investigar a hidroquímica elementar, assim como o comportamento geoquímico dos isótopos de 238U e 234U nas águas de subsuperfície em quinze cidades do estado do Amazonas, de maneira a proceder a caracterização de contaminantes ou poluentes que possam estar afetando a qualidade dos recursos hídricos subterrâneos, bem como avaliar a potencialidade do uso dos isótopos naturais de urânio como traçadores hidrológicos nas águas estudadas. Os resultados obtidos para os parâmetros analisados mostram que as águas estudadas são excelentes para o consumo humano, por se situarem dentro dos limites de potabilidade estabelecidos pela legislação vigente. No que diz respeito aos isótopos de urânio, verifica-se que foram determinados valores de razão de atividade 234U/238U entre 1 e 3,5 e de concentração de urânio 238U entre 0,01 ægL-1 e 1,4 ægL-1. Esses resultados e os determinados para outros parâmetros analisados, permitiram classificar os ambientes hidrológicos como redutores, com circulação das águas por estratos contendo minerais com baixas concentrações de urânio. Na cidade de Manaus foi observado acréscimo de razão de atividade 234U/238U na fase líquida no sentido do fluxo subterrâneo. Foram identificadas quatro regiões com tendência de aumento de razão de atividade...

Potencial da técnica dos isótopos estáveis para caracterização de diferentes sistemas de produção de bovinos de corte em condições tropicais

Vieira Júnior, Luiz Carlos
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: iv, 54 f. : il., grafs, tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.29%
Pós-graduação em Zootecnia - FMVZ; Avaliou-se o potencial e viabilidade metodológica da análise de isótopos estáveis de 13C/12C, 15N/14N e 18O/16O no sangue e plasma de bovinos de corte criados em diferentes sistemas de produção no Brasil. Os tratamentos consistiram em três sistemas de alimentação de bovinos de corte, sendo: em pasto (PA), em sistema de confinamento de animais recriados (CAR) e confinamento de animais desmamados (CAD). Foram utilizados para análise do plasma 16 bovinos, sendo 6 do PA, 4 do CAR e 6 do CAD. Já para análise do sangue foram utilizados 14 bovinos, sendo 4 do PA, 5 do CAR e 5 do CAD. Para o sangue e também para o plasma, houve distinção para todos sistemas avaliados assumindo maior representatividade na separação o elemento Carbono. Para análise da diferenciação entre os sistemas avaliados, é fundamental a participação dos 3 elementos: Carbono, Nitrogênio e Oxigênio. Para análise isotópica visando a caracterização dos sistemas de produção, recomenda-se o sangue como tecido a ser utilizado.; It was evaluated the potential application of stable isotopes methodology of 13C/12C, 15N/14N e 18O/16O in blood and plasma of beef cattle raised under three different production systems in Brazil. Treatments consisted of production systems: pasture (PA)...

Isótopos de Cu e Zn : metodologia e aplicação como traçadores de fontes e processos biogeoquímicos na bacia do Lago Paranoá - DF

Araújo, Daniel Ferreira
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
37.36%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, 2012.; Nos últimos dez anos houve um grande crescimento dos estudos de novos sistemas isotópicos, em decorrência das inovações e avanços analíticos na espectrometria de massa, em especial o advento do Espectrômetro de Massa com Plasma Indutivamente Acoplado e Multi-Coletor (MC-ICP-MS). Dentre estes novos sistemas isotópicos, metais de transição e pós- transição, como Cu e Zn, têm sido aplicados em estudos ambientais devido ao fato de estes elementos participarem de diversos processos físicos e químicos. Neste trabalho, isótopos de Cu e Zn foram analisados em amostras de sedimentos do Lago Paranoá (Brasília, Brasil) para verificar a possível aplicação destes sistemas isotópicos como traçadores de processos biogeoquímicos e fontes antrópicas. Este lago artificial foi sujeito a uma intensa eutrofização durante as últimas três décadas devido à ocupação humana desordenada em sua bacia e a lançamentos de esgotos derivados das estações de tratamento. A primeira etapa do trabalho foi desenvolver uma nova metodologia para análise isotópica de Cu e Zn. Um protocolo modificado de Maréchal et al.(1999) foi aplicado para separação do Cu e Zn da matriz. O procedimento de separação teve rendimentos de 100%...

Os isótopos do ferro como novos indicadores da pressão antrópica: caso da Bacia Amazônica

Akerman, Alisson
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
ENG; FRA
Relevância na Pesquisa
37.36%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Programa de Pós-Graduação em Geociências Aplicadas, 2013.; Esta pesquisa se focaliza no estudo das composições isotópicas de ferro, em vários ambientes tropicais num contexto de desmatamento. O Fe é elemento estrutural essencial dos relevos em meio tropical (crostas lateríticas), e um nutriente essencial ao crescimento e desenvolvimento das plantas. Este elemento, desempenha um papel fundamental em muitos processos bioquímicos no sistema soloágua- vegetação. No entanto, persistem ainda muitas questões quanto ao ciclo deste elemento e as suas transferências, principalmente entre os diferentes compartimentos nos ambientes tropicais. Este estudo foi realizado em uma área no oeste da África (Camarões) e em duas áreas na Amazônia brasileira (Estado do Pará e da Amazônia), para avaliar o potencial de isótopos estáveis de ferro como um novo indicador quantitativo da pressão antrópica sobre os processos de transformação dos solos e transferência dos elementos dos continentes para os oceanos. Os resultados mostram que um fracionamento isotópico do Fe de 0,7 ‰ ocorre em solos ao longo de toposeqüências na área de floresta tropical. A alteração química e a pedogênese são responsáveis pela mobilização e perda de ferro isotopicamente leve em solos do fundo de declive. Após o desmatamento...

Composição dos isótopos de Sr e Nd nos sedimentos em suspensão da Bacia Amazônica : implicações para a origem e transportes de sedimentos

Hattingh, Karina
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
37.42%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, 2014.; A interpretação dos sistemas isotópicos Rb-Sr e Sm-Nd tem se revelado uma importante ferramenta para o estudo da procedência e transporte de sedimentos em sistemas fluviais. Nesse sentido, o objetivo do estudo é determinar a composição dos isótopos de Sr e Nd e dos elementos maiores e menores em sedimentos em suspensão nas águas dos rios Marañón-Solimões, Beni-Madeira e Amazonas. Com base nos dados, pretende-se correlacionar essas composições às fontes dos sedimentos, observar prováveis mudanças sazonais e espaciais do sinal químico e isotópico, além de estabelecer relações entre os parâmetros hídricos. O estudo apresenta dados coletados durante um ano hidrológico entre 2009 e 2010. O Rio Marañón–Solimões apresenta valores isotópicos baixos de Sr (0.7090–0.7186), grande amplitude dos valores de εNd(0) (-15.17 a -8.09) e idades modelo Nd (TDM) entre 0,99-1,81 Ga. Dentre as principais fontes de contribuição para o Rio Marañón-Solimões incluem-se rochas vulcânica recentes do norte do Peru e Equador e, subordinadamente, rochas de maior residência crustal com composição carbonática da Bacia Marañón, ao norte do Peru.O Rio Beni–Madeira apresenta valores mais radiogênicos dos isótopos de Sr (0.7255–0.7403)...

Contribuição ao estudo do magmatismo Paleo e Mesoproterozóico do SW do Craton Amazônico através da aplicação de isótopos estáveis de O, H e S

Geraldes,Mauro Cesar; Teixeira,Wilson; Valladares,Claudia Sayão
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2008 PT
Relevância na Pesquisa
37.47%
Os isótopos estáveis de O, H e S foram utilizados para investigar a origem das rochas magmáticas nos Terrenos Jauru e Pontes e Lacerda do SW do Craton Amazônico, estado de Mato Grosso, Brasil. No Terreno Jauru as rochas granitóides do Greenstone belt Alto Jauru e da Suíte Cachoeirinha apresentam valores de δ18O entre +9,0‰ e +6,3‰ que indicam derivação a partir de magmas juvenis. Na Suíte Intrusiva Rio Branco valores de δ18O para rochas básicas estão entre +5,4‰ e +5,8‰ e para rochas félsicas entre +8,7‰ e +9,0‰; rochas intermediárias apresentam valores entre +7,3‰ e +8,3‰. Os valores mais baixos de δ18O, obtidos nas rochas básicas, são compatíveis com derivação mantélica, porém as rochas félsicas apresentam valores de δ18O compatíveis com origem crustais. Análises de isótopos estáveis de H (rocha total) forneceram valores de δD entre - 83‰ e -92‰, diferente das assinaturas de rochas metamórficas e de águas meteóricas. Resultados em sulfetos para isótopos estáveis de S em rochas básicas e intermediárias desta suíte apresentam valores de δ34S coerentes com uma fonte mantélica (entre + 0,7‰ e +3,8‰), enquanto os valores de δ34S (entre +5,2‰ e +6,1‰) obtidos nas rochas félsicas sugerem participação crustal na sua gênese. Na Suíte Santa Helena (Terreno Pontes e Lacerda) os resultados obtidos para δ18O se agrupam entre +4...

Quimioestratigrafia de isótopos de C e Sr de mármores do complexo São Caetano, zona transversal, província estrutural da Borborema : implicações regionais e globais

Carlos Tamayo Silva, Juan; Nóbrega Sial, Alcides (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.36%
A composição isotópica de mármores do Complexo São Caetano (CSC), municípios de Flores e Afogados da Ingazeira, Pernambuco, foi usada para se estimar a idade de deposição das seqüências carbonáticas originais (protolito dos mármores) e para se investigar mudanças na composição global da água do mar durante sua deposição. Após comparar-se a curva de variação secular de isótopos de C e Sr para estas sucessões carbonáticas com curvas para seqüências de carbonatos sedimentares bem conhecidas a nível mundial, uma idade Meso- Neoproterozóica (1,1-0,97 Ga) é proposta para a deposição dos carbonatos do CSC. Três diferentes estágios isotópicos (I, II, III) foram definidos e correlacionados com eventos globais que teriam afetado a composição da água do mar durante a transição Meso-Neoproterozóico (1,1-0,97Ga.). Um estagio inicial (I), com valores moderadamente altos de δ13C (~ +3,7 PDB) que refletem um aumento no seqüestro e soterramento do carbono orgânico, associado a um extensivo crescimento crustal ocorrido no auge do ciclo orogênico Grenvilliano. O estagio isotópico II, apresenta valores mais variareis de δ13C, entre -2 e +3 PDB, interpretados como devido ao aumento no aporte de CO2 rico em 12C associado a um evento de riftamento global há 1...

Uso do habitat e identificação de unidades populacionais de pequenos cetáceos do Atlântico Sul-Ocidental através de isótopos estáveis e elementos traço

Botta, Silvina
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
37.36%
Tese(doutorado) - Universidade Federal do Rio Grande, Programa de Pós-Graduação em Oceanografia Biologica, Instituto de Oceanografia, 2011.; O objetivo geral desta tese foi identificar unidades populacionais (estoques ecológicos) e determinar padrões de uso de habitat de pequenos cetáceos no Atlântico Sul Ocidental por meio de traçadores químicos. A análise de isótopos estáveis foi utilizada como ferramenta para identificar estoques ecológicos de botos-cinza (Sotalia guianensis) e toninhas (Pontoporia blainvillei) e o uso do habitat de delfinídeos. Adicionalmente, as razões de Ba/Ca, Sr/Ca e Ba/Sr foram utilizadas, pela primeira vez, para caracterizar os padrões de uso de habitats por espécies de cetáceos ao longo de gradientes de salinidade. As análises químicas foram realizadas em dentes, utilizando um espectrômetro de massa acoplado a um analisador de elementos, no caso dos isótopos e a técnica de ablação a laser seguida da análise num espectrômetro de massa e plasma indutivamente acoplado, no caso do Ba e Sr. Quatro estoques ecológicos de botos-cinza foram identificados ao longo da costa do Brasil:(1) grupo Norte composto por animais de áreas costeiras adjacentes ao estuário do Amazonas (AmE) e indivíduos do Ceará (CE); (2) botos do Espírito Santo (ES); (3) animais do Norte do Rio de Janeiro (NRJ); e (4) indivíduos coletados na Baia da Babitonga (SC). Os animais coletados no Sul de São Paulo/Norte do Paraná (SP/PR) não constituíram um grupo separado. Os valores médios de 13C e 15N das toninhas sugeriram a existência de ao menos cinco estoques ecológicos habitando as seguintes regiões: (1) ES; (2) NRJ; (3) Norte de São Paulo (NSP)...

Aplicação dos isótopos estáveis em aqüicultura

Ducatti,Carlos
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/07/2007 PT
Relevância na Pesquisa
37.36%
O produto mais importante do conhecimento é a ignorância. A situação sugere a imagem de alguém que vive numa ilha de conhecimento cercado por um mar de ignorância. Quando a área dessa ilha aumenta pelo progresso da ciência, também aumenta o litoral, - a fronteira com o desconhecido. Esta expansão é o fruto mais valioso do conhecimento (David Gross, Nobel em Física, 2004). O uso dos isótopos estáveis dos bioelementos (CHON'S) presentes na Atmosfera, Hidrosfera, Litosfera e Biosfera enquadra-se neste contexto, surgindo como ferramenta de alto potencial em pesquisas nas diversas áreas das Ciências da Vida. Com organismos aquáticos, a aplicação dos isótopos estáveis do carbono (δ 13C) e do nitrogênio (δ 15N) tem ocorrido em diversas áreas. Em larvas de pacu Piaractus mesopotamicus, a técnica evidenciou a escolha voluntária entre organismos vivos e dieta seca pelos animais, desde as primeiras alimentações até o final da larvicultura. Na carcinicultura, o crescimento do Penaeus vannamei resultou do aproveitamento dos alimentos oferecidos e da produtividade primária do lago (biota). Por meio do balanço de massa e isotópico foi possível determinar a contribuição da biota, da ordem de 44 a 86% do carbono assimilado pelos animais durante o crescimento. Outro exemplo é com o caranguejo de mangue Sesarma rectum...

Using stable isotopes of nitrogen and carbon to study seabird ecology: applications in the Mediterranean seabird community; El empleo de isótopos estables de nitrógeno y carbono para estudiar la ecología de las aves marinas: aplicaciones a la comunidad de aves marinas del mediterráneo

Forero, Manuela G.; Hobson, Keith A.
Fonte: CSIC - Instituto de Ciencias del Mar (ICM) Publicador: CSIC - Instituto de Ciencias del Mar (ICM)
Tipo: Artículo Formato: 89916 bytes; application/pdf
ENG
Relevância na Pesquisa
37.47%
Publicación online disponible en: http://www.icm.csic.es/scimar/index.php; [EN] The application of the stable isotope technique to ecological studies is becoming increasingly widespread. In the case of seabirds, stable isotopes of nitrogen and carbon have been mainly used as dietary tracers. This approach relieson the fact that food web isotopic signatures are reflected in the tissues of the consumer. In addition to the study of trophic ecology, stable isotopes have been used to track the movement of seabirds across isotopic gradients, as individuals moving between isotopically distinct foodwebs can carry with them information on the location of previous feeding areas. Studies applying the stable isotope methodology to the study of seabird ecology show a clear evolution from broad and descriptive approaches to detailed and individual-based analyses. The purpose of this article is to show the different fields of application of stable isotopes to the study of the seabird ecology. Finally, we illustrate the utility of this technique by considering the particularities of the Mediterranean seabird community, suggesting different ecological questions and conservation problems that could be addressed by using the stable isotope approach in this community.; [ES] La aplicación de la medición de isótopos estables a los estudios ecológicos es cada vez más frecuente. En el caso de las aves marinas...

DATAÇÃO DE SOTERRAMENTO UTILIZANDO OS ISÓTOPOS COSMOGÊNICOS 10Be E 26Al: SÍNTESE METODOLÓGICA E BREVE REVISÃO DE SUAS APLICAÇÕES EM GEOCIÊNCIAS

Laureano, Fernando V.; Granger, Darryl E.; Karmann, Ivo; Novello, Valdir F.
Fonte: Centro de Pesquisa Professor Manoel Teixeira da Costa - IGC - UFMG Publicador: Centro de Pesquisa Professor Manoel Teixeira da Costa - IGC - UFMG
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/2015 POR
Relevância na Pesquisa
37.42%
Isótopos cosmogênicos são formados na atmosfera, na superfície e nos primeiros metros da crosta terrestre através da colisão de partículas sub-atômicas com núcleos de elementos químicos ali existentes. Entre um largo espectro de isótopos gerados 10Be e 26Al produzidos no interior do mineral quartzo podem ser utilizados para calcular o soterramento de sedimentos e superfícies geológicas previamente expostos aos raios cósmicos. Três diferentes abordagens podem ser evocadas na obtenção de idades: (i) o soterramento simples para quando há um soterramento completo das amostras (> 10m); (ii) idades máximas e mínimas quando as amostras não se encontram a uma profundidade suficiente para interromper a produção pós-soterramento destes isótopos e (iii) o método da isócrona derivado de uma solução gráfica onde múltiplas amostras de uma mesma camada são utilizadas para obtenção de uma idade. Além das idades em si o emprego destes isótopos carrega outro importante resultado em estudos geomorfológicos, quer seja a taxa de erosão pré-soterramento. O método possui um alcance compreendido entre 100 mil e 4-5 milhões de anos antes do presente e uma resolução nunca inferior a 60 mil anos. A literatura registra a obtenção de idades em sedimentos de caverna...

EL USO DE ISÓTOPOS ESTABLES EN BIOLOGÍA TROPICAL

Louis S.,Santiago; Silvera,Katia; Andrade,José Luis; Dawson,Todd E
Fonte: ASOCIACIÓN INTERCIENCIA Publicador: ASOCIACIÓN INTERCIENCIA
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2005 ES
Relevância na Pesquisa
37.42%
El uso de isótopos estables en biología ha aumentado en los últimos años debido al gran poder que tienen los isótopos para medir procesos que antes eran difícil o imposible de cuantificar utilizando otros métodos. A pesar de que la mayoría de los estudios con isótopos se han concentrado en zonas templadas, en años recientes han aumentado los estudios realizados en los trópicos, lo cual ha permitido entender en detalle procesos complejos. Esta revisión enfatiza aquellos estudios que utilizan la composición isotópica de hidrógeno, carbono, nitrógeno y oxígeno para estudiar procesos biogeoquímicos en ambientes tropicales, tanto a escala molecular como regional. Al detallar los avances recientes sobre estudios en los trópicos, se espera estimular más estudios en esta área. También, con base en los resultados asombrosos que se obtienen usando isótopos en biología tropical, se tiene certeza de que los isótopos estables proporcionarán avances exitantes en el futuro.