Página 1 dos resultados de 300 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Grupos terapêuticos em instituição de saúde: a relação entre a intersubjetividade e o intrapsíquico na psicanálise; Therapeutic groups in the context of a health institution: the relationship between intersubjectivity and intrapsychic in the psychoanalysis

Bento, Mariangela
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/06/2006 PT
Relevância na Pesquisa
27.29%
Este trabalho apresenta o resultado de questionamentos sobre o atendimento clínico contextualizado em Instituição de Saúde. Tem por objetivo pesquisar as bases teóricas dos grupos terapêuticos, analisar e explicitar os fatores que fundamentam os grupos como campo de intervenções terapêuticas, por meio do estudo de grupos, especificamente dos grupos terapêuticos.A pesquisa é sustentada no referencial psicanalítico, cujo objeto de estudo é o Inconsciente e o eixo clínico está apoiado no conceito de transferência.O eixo teórico fundamental é a constituição da subjetividade e suas relações com a intersubjetividade, conceitos que são abrangidos em um estudo longitudinal no pensamento freudiano. Outro eixo, é o esclarecimento das fontes epistemológicas de grupos, especificamente as do campo da psicanálise, abordadas por meio de autores contemporâneos, visando à compreensão da noção de intersubjetividade e dos fenômenos grupais. O conteúdo teórico desenvolvido é ilustrado por dados obtidos de recortes do material clínico dos atendimentos de grupos terapêuticos realizados no Hospital do Servidor Público Estadual “Francisco Morato de Oliveira”.Este estudo demonstra que as relações do sujeito psíquico com o outro semelhante podem propiciar alterações intrapsíquicas que contribuem para o tratamento do sofrimento humano. ; This work presents the results of an inquiry on the clinic services in the context of a health institution. Its aim is to research the theoretical basis of the therapeutic groups...

Intersubjetividade e desejo nas relações sociais: o caso dos jogos de representação de papéis; Intersubjectivity and desire in social relationships: the Role-Playing Game case

Guimaraes, Danilo Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/02/2008 PT
Relevância na Pesquisa
37.29%
Uma das principais vias de transformação no desenvolvimento humano ocorre através da busca pela intersubjetividade. O objetivo deste trabalho foi compreender alguns processos de construção de conhecimento acerca do outro e de si através de um estudo de relações intersubjetivas grupais. Para tanto, trabalhamos com a perspectiva construtivista semiótico-cultural, focalizando especialmente as ações simbólicas dos sujeitos ao buscarem momentos de protagonismo e de reconhecimento uns pelos outros. Procuramos estabelecer uma relação entre essa busca dos sujeitos e a noção levinasiana de desejo, entendido como um movimento da subjetividade ao buscar abrigar o que a excede na direção da alteridade. No processo de investigação, tomamos para exame uma situação empírica envolvendo interações de natureza lúdica, quais sejam, sessões de Role-Playing Game (RPG), que possuem uma dinâmica particular na construção de objetivos e desejos dos jogadores. A dinâmica das relações eu - outro nos jogos de RPG foi analisada a partir da assimetria de posições subjetivas, dialogicamente definidas. Realizamos um mapeamento dessas posições e vimos que nos jogos de representação de papéis há fruição de um mundo imaginário reduzido e presentificado no pensamento. Finalmente...

Bodily selves in relation: embodied simulation as second-person perspective on intersubjectivity

Gallese, Vittorio
Fonte: The Royal Society Publicador: The Royal Society
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 05/06/2014 EN
Relevância na Pesquisa
27.46%
This article addresses basic aspects of social cognition focusing on the pivotal role played by the lived body in the constitution of our experience of others. It is suggested that before studying intersubjectivity we should better qualify the notion of the self. A minimal notion of the self, the bodily self, defined in terms of its motor potentialities, is proposed. The discovery of mirror mechanisms for action, emotions and sensations led to the proposal of an embodied approach to intersubjectivity—embodied simulation (ES) theory. ES and the related notion of neural reuse provide a new empirically based perspective on intersubjectivity, viewed first and foremost as intercorporeality. ES challenges the notion that folk psychology is the sole account of interpersonal understanding. ES is discussed within a second-person perspective on mindreading.

Direito, moral e sociedade civil: estudos sobre a 'intersubjetividade negativa' na Filosofia do Direito de Hegel; Right, Moral and Civil Society: Studies in negative intersubjectivity in Hegels Philosophy of Right

Rosa, Bruno Ferreira da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/06/2015 PT
Relevância na Pesquisa
37.46%
Esta dissertação consiste de um estudo da Filosofia do Direito de Hegel tomando como fio condutor o modo como se apresenta, no interior dessa obra, as relações de reconhecimento recíproco travadas sob o signo da exclusão e/ou limitação recíprocas, ou seja, sob o signo da intersubjetividade negativa. Procurou-se explorar os nichos onde tais formas de intersubjetividade aparecem, sucessiva e respectivamente, no Contrato (Vertrag) entre pessoas jurídicas, na Ação (Handlung) encetada a partir do ponto de vista moral e, por fim, no caso da Sociedade Civil (bürgerliche Gesellschaft), no sentido de mostrar como esses nichos de intersubjetividade negativa se reportam, cada um por sua vez, a um modelo de relações de reconhecimento recíproco positivo ou inclusivo capaz de fazer frente às forças disruptivas liberadas por aquele. O caso da sociedade civil se torna exemplar na exploração dessa contraposição entre dois modelos de intersubjetividade ao se apresentar como um conceito que procura não reduzir todo o âmbito da sociedade à esfera do sistema de carecimentos (System der Bedürfnie), por conseguinte, à uma intersubjetividade negativa/excludente, mas contrapor a esta, no interior mesmo da sociedade civil, uma esfera de intersubjetividade positiva conceituada por Hegel sob a rubrica das corporações (Korporationen) capaz de recompor as relações éticas e fazer a passagem para a esfera do Estado.; This work consists of a study in Hegel's Philosophy of Right taking as guide line the concept of "negative intersubjectivity"...

Desire and the paths of recognation [sic] in Hegel's intersubjectivity

Benson, Michael Thomas.
Fonte: Brock University Publicador: Brock University
Tipo: Electronic Thesis or Dissertation
ENG
Relevância na Pesquisa
37.83%
This thesis poses two fundamental issues regarding Hegel's philosophy of intersubjectivity. Firstly, it examines Kojeve's problematic interpretation of Hegelian intersubjectivity as being solely rooted in the dialectic of lordship and bondage. It is my contention that Kojeve conflates the concepts of recognition {Anerkennung) with that of desire (Begierde), thereby reducing Hegel's philosophy of intersubjectivity to a violent reduction of the other to the same. This is so despite the plenary of examples Hegel uses to define intersubjectivity as the mutual (reciprocal) recognition between the self and the other. Secondly, it examines Hegel's use of Sophocles' Antigone to demonstrate the notion of the individual par excellence. I contend that Hegel's use of Antigone opens a new methodological framework through which to view his philosophy of intersubjectivity. It is Antigone that demonstrates the upheaval of an economy of exchange between the self and the other, whereby the alterity of the other transcends the self Ultimately, Hegel's philosophy of intersubjectivity must be reexamined, not only to dismiss Kojeve's problematic interpretation, but also to pose the possibility that Hegel's philosophy of intersubjectivity can viably account for a philosophy of the other that has a voice in contemporary philosophical debate.

Kierkegaardian intersubjectivity and the question of ethics and responsibility

Krumrei, Kevin.
Fonte: Brock University Publicador: Brock University
Tipo: Electronic Thesis or Dissertation
ENG
Relevância na Pesquisa
37.46%
Kierkegaardian Intersubjectivity and the Question of Ethics and Responsibility By Kevin Krumrei. Kierkegaard's contributions to philosophy are generally admitted and recognized as valuable in the history of Western philosophy, both as one of the great anti-Hegelians, as the founder (arguably) of existentialism, and as a religious thinker. However valid this may be, there is similarly a generally admitted critique of Kierkegaard in the Western tradition, that Kierkegaard's philosophy of the development of the self leads the individual into an isolated encounter with God, to the abandonment of the social context. In other words, a Kierkegaardian theory of intersubjectivity is a contradiction in terms. This is voiced eloquently by Emmanuel Levinas, among others. However, Levinas' own intersubjective ethics bears a striking resemblance to Kierkegaard's, with respect to the description and formulation of the basic problem for ethics: the problem of aesthetic egoism. Further, both Kierkegaard and Levinas follow similar paths in responding to the problem, from Kierkegaard's reduplication in Works of Love, to Levinas' notion of substitution in Otherwise than Being. In this comparison, it becomes evident that Levinas' reading of Kierkegaard is mistaken...

Husserl's approach to transcendental intersubjectivity

Peterson, James Lee.
Fonte: Brock University Publicador: Brock University
Tipo: Electronic Thesis or Dissertation
ENG
Relevância na Pesquisa
27.86%
It is our intention in the course of the development of this thesis to give an account of how intersubjectivity is "eidetically" constituted by means of the application of the phenomenological reduction to our experience in the context of the thought of Edmund Husserl; contrasted with various representative thinkers in what H. Spiegelberg refers to as "the wider scene" of phenomenology. That is to say, we intend to show those structures of both consciousness and the relation which man has to the world which present themselves as the generic conditions for the possibility of overcoming our "radical sol itude" in order that we may gain access to the mental 1 ife of an Other as other human subject. It is clear that in order for us to give expression to these accounts in a coherent manner, along with their relative merits, it will be necessary to develop the common features of any phenomenological theory of consdousness whatever. Therefore, our preliminary inquiry, subordinate to the larger theme, shall be into some of the epistemological results of the application of the phenomenological method used to develop a transcendental theory of consciousness. Inherent in this will be the deliniation of the exigency for making this an lIintentional ll theory. We will then be able to see how itis possible to overcome transcendentally the Other as an object merely given among other merely given objects...

Hegel e a ideia de um idealismo especulativo da subjetividade e da intersubjetividade; Hegel and the idea of a speculative idealism of subjectivity and intersubjectivity

Manuel Moreira da Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.67%
A presente tese propõe-se a uma dedução especulativa da Intersubjetividade a partir da dirempção da Subjetividade na Lógica de Hegel. Para isso, busca retomar e desenvolver o programa da Lógica enquanto Filosofia especulativa pura, esboçado na Anotação ao § 17 da Enciclopédia de 1817 e no significado mais preciso da Lógica, aludido nas Preleções sobre Lógica e Metafísica ministradas em 1817. Assim, mediante a sistematização de tal significado e de uma reconfiguração dos silogismos da Filosofia, o trabalho desenvolve os significados fundamentais da Lógica como Ciência universal-formal, subjetiva e primeira, como Ciência universal-real, objetiva ou última e como Teologia especulativa. Com isso, o estudo pretende mostrar que a Intersubjetividade resulta essencialmente da dirempção do Espírito em diversos Si mesmos livres em si e para si; a qual, enquanto um momento da realização do Conceito ou da Ideia, suprassume-se imediatamente a si mesma. Desse modo, cada Si mesmo livre em si e para si suprassume sua singularidade particular desigual, com o que sua objetividade se sabe como subjetividade idêntica a si ou como universal na universalidade efetiva do outro Si mesmo, elevando-se assim à Ideia e, por conseguinte...

Direito e intersubjetividade : eticidade em Hegel e o conceito Fichteano de reconhecimento; Right and intersubjectivity: Hegel's comprehension of modern ethical life and Fichte's concept of recognition

Erick Calheiros de Lima
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/12/2006 PT
Relevância na Pesquisa
27.58%
Este trabalho pretende desenvolver uma tese de leitura acerca das motivações e da consolidação da filosofia social de Hegel, qual seja: a importância da assimilação da teoria fichteana da intersubjetividade para a constituição do modelo hegeliano do desenvolvimento da eticidade. Na primeira parte, pretende-se mostrar que a teoria fichteana da intersubjetividade, desenvolvida no contexto da dedução da relação de direito, possui um potencial ético que parece cristalizar-se numa concepção não limitativa, não excludente e positiva da relação intersubjetiva. Na segunda parte, após investigar a contraposição, nos escritos de Hegel em Frankfurt, entre a intersubjetividade limitativa e potencialmente desagregadora, própria às relações contratuais do direito privado, e a harmonia intersubjetiva do amor, pretende-se mostrar que a derrocada da expectativa de Hegel com respeito ao ideal de integração social pela via de uma Volksreligion conduz a contraposição entre a intersubjetividade ?solidária? e a ?restritiva? ao projeto de uma ?subjugação? da esfera econômica juridicamente regulada sob o âmbito político-público da eticidade absoluta. Em seguida, perseguindo a tese de que o problema do Einssein entre universal e singular pressupõe uma solução intersubjetivista...

A intersubjectividade no transgeracional através de um Rorschach de aplicação conjunta

Fonseca, Márcia Alexandra do Carmo
Fonte: ISPA - Instituto Universitário das Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida Publicador: ISPA - Instituto Universitário das Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
27.46%
Dissertação de Mestrado em Psicologia Clínica; Este estudo foi construído sobre o entendimento teórico do sujeito psicológico enquanto parte integrante de um grupo alargado, nomeadamente, a família. Nas relações de interdependência, entre os seus membros constituintes, ocorre a transmissão transgeracional que, neste estudo, foi explorada através da compreensão da interdependência entre subjectividade e intersubjectividade. Assente numa concepção psicanalítica do sujeito e através da articulação das ideias principais de Kaës, Faimberg, Badaracco e Ogden, ficou constituído o objectivo do presente trabalho: compreender como se interligam e se expressam as experiências da subjectividade e da intersubjectividade, enquadradas na transgeracionalidade, e acedidas através do método Rorschach. De modo a alcançar este objectivo foram criados procedimentos de análise para o instrumento Rorschach, a partir da literatura sobre os processos de transmissão psíquica, e sobre a subjectividade e a intersubjectividade. A análise de um protocolo de aplicação conjunta a uma mãe e um filho foi realizado com recurso aos procedimentos criados, possibilitando assim o alargamento das potencialidades do instrumento neste tema. ------ ABSTRACT ------ This study was constructed on the theoretical understanding of the psychological subject as part of a wider group...

From transcendental to practical intersubjectivity: a social psychological approach to Kant's musical aesthetics

Torriani,Tristan
Fonte: Universidade Estadual Paulista, Departamento de Filosofia Publicador: Universidade Estadual Paulista, Departamento de Filosofia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 EN
Relevância na Pesquisa
37.46%
It is well known that Kant’s aesthetics is framed intersubjectively because he upholds the claim of taste to universality. However, the transcendental foundation of this shared universality is a supersensible ground which is taken for granted but which cannot be brought directly into communicative experience. Kant’s reliance on the synthetic a priori structure of aesthetic judgment also removes it from the sphere of observable personal interaction. This argumentative strategy exposes it to skeptical challenge and generates inaccessible references to inner representations (be they intuitions, categories of the understanding or rational ideas). It is not sufficient, as Kant did, to propose a description of aesthetic experience that is subjectively plausible and thereby claim its intersubjective validity. It is indispensable to embody intersubjectivity in behavior and language. In practical intersubjectivity, aesthetic attitudes are dealt with in a concrete and accessible manner without relying on mentalistic assumptions as a foundation. Conceptual terms such as 'agreeable’, 'beauty’, 'sublime’, 'ugly’, 'universality’ acquire new meaning in a conversational context and aesthetic claims are tested in a dialogical game semantics model.

Ethics as the connexion between subjectivity and intersubjectivity

Søltoft, Pia
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //1998 ENG
Relevância na Pesquisa
37.29%
En este artículo se reconsidera el punto de vista tradicional sobre la ética de Kierkegaard . En dicho punto de vista, tal y como está presentado por Th. W. Adorno, M. Buber y E . Levinas, se relaciona la ética solamente con el Yo, mientras que la intersubjetividad, i.e. la relación entre el Yo y el Otro, se deja fuera de la discusión al opinarse que tal noción nada tiene que ver con la comprensión kierkegaardiana de la ética. Oponiéndose a tal (mala)interpretación, y contra la crítica a Kierkegaard que se deduce de ella, la crítica al solipsismo y al acosmismo, se argumentará que la ética en los trabajos kierkegaardianos está estrechamente conectada a la relación entre la subjetividad y la intersubjetividad. Sin una relación positiva -una relación éticamente regulada con el Ot ro- el Yo se pierde en la abstracción y la discontinuidad. Contrariamente, la relación con el Ot ro proporciona continuidad y concreción al Yo.; In this article I wish to reckon with the traditional view of the Kierkegaaardian ethics. This view, in this context presented by T h . W. Adorno, M. Buber and E. Levinas, is a view that is combining ethics solely with subjectivity, i.e. the determination of the Self, whereas intersubjectivity...

Intersubjetividade: perspectivas teóricas e implicações para o desenvolvimento infantil inicial; Intersubjectivity: theoretical approaches and implications for early child development

Nogueira, Susana Engelhard; Moura, Maria Lucia Seidl de
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2007 POR
Relevância na Pesquisa
37.58%
O conceito de intersubjetividade tem sido abordado segundo diferentes interpretações no campo da Psicologia. Este artigo tem como objetivo apresentar fundamentos teóricos desse conceito, apontando sua utilização em estudos sobre o desenvolvimento infantil inicial nas últimas décadas. Busca-se ainda discutir e comparar diferentes perspectivas teóricas que abordam o papel da intersubjetividade e da interação social no desenvolvimento infantil. Entende-se que as perspectivas discutidas não esgotam plenamente o tema, mas contribuem para uma reflexão sobre como a intersubjetividade pode ser vista como aspecto indissociado de processos básicos que envolvem reciprocidade como a comunicação inicial, interação social e afetividade.; The intersubjectivity concept has been approached according to different interpretations in Psychology. The aim of this article is to present some theoretical bases pertaining to this concept, pointing out how its use has been treated by early child development studies in the last decades. We discuss and compare different theoretical perspectives that approach the function of intersubjectivity and of social interaction in child development. These perspectives may contribute to a conception of intersubjectivity as an inherent aspect in basic processes that involve reciprocity...

The initial times of motherhood: indiferentiation or intersubjectivity within the mother-infant primitive relationship?; Primeiros tempos da maternidade: indiferenciação ou intersubjetividade na relação primitiva com o bebê?; Primeros tiempos de la maternidad: desdiferenciación o intersubjetividade en la relación primitiva entre madre e hijo?

Santos, Natália De Toni Guimarães dos; Zornig, Silvia Abu-Jamra
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.29%
Este texto tem por objetivo analisar a função do outro materno nos primórdios da vida psíquica do bebê, enfatizando a dimensão relacional e fundadora dessas trocas. Nessa perspectiva, pretendemos discutir a noção winnicottiana de preocupação materna primária para refletir sobre seu paradoxo: indiferenciação ou intersubjetividade? A abordagem clássica e bastante conhecida de Winnicott é problematizada à luz de autores contemporâneos como Ogden e Roussillon, que propõem uma complexificação de seu pensamento, introduzindo na relação primária mãe-bebê a noção de intersubjetividade.; Este texto tiene como objetivo analizar la función de el otro mama en la vida psiquica temprana del ninõ, haciendo hincapié en la dimension relacional y fundador de este cambio. En esta perspectiva, tenemos la intención de discutir el concepto de Winnicott de preocupación materna primaria a reflexionar sobre su paradoja: desdiferenciación o intersubjetividad? El enfoque clásico y bien conocido de Winnicott es problematizado a la luz de autores contemporáneos como Ogden y el Rossillón, que viene a proponer una complejización de su pensamiento con la introduccion en la relación primaria entre madre e hijo, de la noción de intersubjetividad.; The article's main objective is to analyse the maternal function within the psychic birth of the infant...

Genealogy of intersubjectivity and affect figurability: Winnicott and Merleau-Ponty; Genealogía de la intersubjectividad y figurabilidad del afecto: Winnicott y Merleau- Ponty; Généalogie de l'intersubjectivité et figurabilité de l'affect: Winnicott et Merleau-Ponty; Genealogia da intersubjetividade e figurabilidade do afeto: Winnicott e Merleau-Ponty

Ayouch, Thamy
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2012 POR
Relevância na Pesquisa
37.46%
This article aims to tackle the question of intersubjectivity, beyond the traditional philosophical question of otherness. This issue is fundamental in philosophy, but also in psychoanalysis and psychopathology, since it involves the constitution of a relationship with the other, an experience based on infantile memory and never definitively acquired. This involves various theoretical and clinical experiences, as far as the treatment of contemporary psychopathological forms is concerned. The author shows how Merleau-Ponty's interest for the body and the other echoes winnicottian psychoanalysis and how both reveal a mental act specific to intersubjectivity and affect figurability, lying between perception and hallucination, inside and outside, subject and other.; Este artículo pretende abordar la cuestión filosófica de la intersubjectividad, más allá de la cuestión tradicional de la alteridad. La preeminencia de esta cuestión no concierne sólo la filosofía: aparece central en la perspectiva del psicoanálisis y de la psicopatología, pues se trata aquí de la constitución del relacionamiento con el otro, una experiencia fundada sobre la memoria infantil y nunca adquirida de forma definitiva. El autor evidencia como la centralidad del cuerpo y del otro en la fenomenología de Merleau-Ponty tiene ecos en el psicoanálisis winnicottiano...

The psychic work of intersubjectivity; Le travail psychique dans l'inter subjectivité; O Trabalho Psíquico da Intersubjetividade

Fernandes, Maria Inês Assumpção
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2003 POR
Relevância na Pesquisa
37.29%
This paper aims at pondering on the subject of the psychic work of intersubjectivity in groups. That means, first of all, thinking it in its relation to the rupture of investments in the course of the Transformation vs. Creation process. From that point on, the relation between Transformation, Work and Device will be discussed. In view of this, the possibilities of intervention are considered taking into account the inpidual and the group modalities of intervention. The issue of Psychic Transmission among generations will be focused fundamentally in what concerns to the logical times of repression.; Ce travail cherche à réfléchir sur la thématique du travail psychique de l’inter subjectivité dans les groupes. En premier lieu, il s’agit d’y penser dans la relation avec la rupture d’investissement pendant le processus de transformation x création. Á partir de là, on discutera sur la relation entre transformation, travail et dispositif. Dans ce cas on pense aux possibilités d’intervention, en réfléchissant sur l'intervention inpiduelle et l'intervention du groupe. On se concentrera sur la question de la transmission psychique entre générations, principalement en ce qui concerne les époques logiques du refoulement.; O presente trabalho procura refletir sobre o trabalho psíquico da intersubjetividade nos grupos. Trata-se de pensá-lo na relação com a ruptura de investimentos durante o processo de Transformação x Criação...

Encounters: empathy and intersubjectivity in the first year of life; Rencontre avec l’autre: empathie et intersubjectivité pendant la première année de vie; Encontros com o outro: empatia e intersubjetividade no primeiro ano de vida

Bussab, Vera Silvia Raad; Pedrosa, Maria Isabel; Carvalho, Ana Maria Almeida
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2007 POR
Relevância na Pesquisa
37.29%
The observation of a caretaking episode among two children aged 9 and 18 months has launched a reflection on the ontogeny of empathy. In this paper, this episode is described and some theoretical questions it evoked are raised, regarding conceptions about children and development, ontogeny of communication and cultural life. Subsequently, the literature on socio-affective and cognitive development in the first year of life is reviewed from the psychoethological and socioconstructivist perspectives, placing some emphasis on Henri Wallon’s contribution. Three concepts are highlighted: intersubjectivity, empathy and imitation. This literature depicts the human neonate as an organism which is biologically organized for socio-cultural life since birth, or even from the moment of conception, through its pre-adaptedness for encounters with other human beings and for social exchanges, which are constitutive conditions of individual development.; L’observation d’un épisode de soin entre deux enfants de moins de dix-huit mois est à l’origine d’une réfl exion sur l’ontogenèse de l’empathie. L’épisode est décrit et, à la suite, on pose des questions théoriques relatives à certaines conceptions sur l’enfant et son processus de développement...

From intersubjectivity to intercorporeality: contributions of a phenomenological philosophy to the psychological study of alterity; De l'intersubjectivité à l'intercorporalité: contributions de la philosophie phénoménologique à l'étude psychologique de l'altérité; Da intersubjetividade à intercorporeidade: contribuições da filosofia fenomenológica ao estudo psicológico da alteridade

Coelho Junior, Nelson Ernesto
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2003 POR
Relevância na Pesquisa
37.46%
Ce texte présente une réflexion philosophique sur l'intersubjectivité dans les théories phénoménologiques de Husserl, Scheler, et Merleau-Ponty, considérant leur contribution à l'étude psychologique de l'altérité. Des formes de surgissement de l'autre à moi se présentent et de sa présence possible comme élément constitutif du monde auquel j'appartiens et, au-dessus de tout, comme élément dont je suis constitué. Pour que l'autre puisse être reconnu dans son altérité radicale je ne peux ni « l'instituer » par comparaison avec moi-même, par analogie, ni par projection ou introjection, ni par des procédés de fusion affective. Ce sont des formes qui excluent la possibilité de reconnaître l'autre en sa différence. On suggère qu'à partir de l'expérience sensible/perceptive, dans la sphère propre d'un corps vivant, la reconnaissance de l'autre comme différence au moyen de ses formes expressives soit possible. On conclut ainsi que la notion d'intersubjectivité pourrait être avantageusement substituée par celle d'intercorporalité.; Este texto apresenta o questionamento filosófico sobre a intersubjetividade, nas teorias fenomenológicas de Husserl, Scheler e Merleau-Ponty, considerando suas contribuições para o estudo psicológico da alteridade. Apresentam-se formas de surgimento do outro para mim e de sua possível presença como elemento constitutivo do mundo ao qual pertenço e...

Focus Group in apllied qualitative research: intersubjectivity and construction of meanings; Grupo focal em pesquisa qualitativa aplicada: intersubjetividade e construção de sentido

Gui, Roque Tadeu; UnB - Brasília - DF
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2003 POR
Relevância na Pesquisa
37.29%
This paper analyses the use of focus group technique based on the author's and his collaborators' experience with applied qualitative research. The technique is described according to the scientific literature and its application is analysed based on the experience evaluation of the informers involved with specified research situation. Some aspects concerning the focus group participants intersubjectivity are emphasized: social subject condition assumed by them, emergence of intersubjective signification along the process, informers psychological involvement with the construction of the meanings, creation of a "meaning-space" from participant perception about the research purposes and researchers intentions.; Este artigo analisa a utilização da técnica de grupo focal (focus group) a partir da experiência do autor e colaboradores com pesquisa qualitativa aplicada. A técnica é descrita em conformidade com a literatura científica e a sua aplicação é problematizada a partir da avaliação realizada pelos informantes envolvidos. Alguns aspectos relativos à intersubjetividade dos participantes do grupo focal são destacados: a condição de sujeitos sociais assumida pelos participantes, a emergência de significados no decorrer do processo...

Intersubjectivity: towards a dialogical analysis

Gillespie, Alex; Cornish, Flora
Fonte: Wiley-Blackwell Publicador: Wiley-Blackwell
Tipo: Article; PeerReviewed Formato: application/pdf
Publicado em //2010 EN; EN
Relevância na Pesquisa
27.78%
Intersubjectivity refers to the variety of possible relations between perspectives. It is indispensable for understanding human social behaviour. While theoretical work on intersubjectivity is relatively sophisticated, methodological approaches to studying intersubjectivity lag behind. Most methodologies assume that individuals are the unit of analysis. In order to research intersubjectivity, however, methodologies are needed that take relationships as the unit of analysis. The first aim of this article is to review existing methodologies for studying intersubjectivity. Four methodological approaches are reviewed: comparative self-report, observing behaviour, analysing talk and ethnographic engagement. The second aim of the article is to introduce and contribute to the development of a dialogical method of analysis. The dialogical approach enables the study of intersubjectivity at different levels, as both implicit and explicit, and both within and between individuals and groups. The article concludes with suggestions for using the proposed method for researching intersubjectivity both within individuals and between individuals and groups.