Página 1 dos resultados de 136 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Lifelong learning, intergenerational relationships and ICT: perceptions of children and older adults

Patrício, Maria Raquel; Osório, António
Fonte: ELOA Publicador: ELOA
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
46.55%
Ageing population is one of the topics that have attracted the attention of several countries in the interest of social cohesion, economic growth and financial sustainability. Promoting active ageing population is one of the strategies adopted by different countries to avoid early retirement and to encourage older workers to remain longer in the labour market, to remain healthy, active and independent, as long as possible. Active ageing requires the involvement of older adults in a increasingly global, technological and digital contemporary society. This participation presents challenges for education and lifelong learning, especially to older people who did not acquire digital skills during their previous education and training. This is a group that, as a consequence, might suffer from a high risk of exclusion of the benefits of the Information and Knowledge Society. Active ageing, generational relations, coexistence and solidarity between generations are topics on the developed countries agenda. Therefore, active ageing and intergenerational solidarity are two complementary subjects in favour of a common challenge, in which education and learning play an important role. This paper seeks to find out and to understand how children and older adults think of lifelong learning and generational solidarity...

Para todas as estações da vida: uma proposta de formação de redes intergeracionais; For all the life stations: a propose to develop intergenerational networks

Silva, Elisangela Alves
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/09/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.37%
Esta pesquisa visa contribuir para o desenvolvimento do conceito de rede cultural, instância fundamental na promoção de trocas simbólicas e interações indispensáveis aos processos culturais de construção de sentidos. O paradigma norteador deste estudo exploratório é a rede intergeracional, como modalidade da rede cultural, tomada sob perspectiva teórica e metodológica a partir de enfoque histórico-cultural e quanto às possibilidades como dispositivo de reterritorialização das relações entre idosos e jovens. Foi utilizada metodologia colaborativa, modalidade que envolve a atuação direta da pesquisadora nas oficinas com os grupos de idosos que compõem a Estação Memória e com as crianças e jovens que participam do Núcleo Educação Cidadã, do Programa Einstein na Comunidade de Paraisópolis. A fundamentação teórico-metodológica está centrada nas abordagens do conceito das redes, porém ressalta-se o vazio relacionado à conceituação das redes culturais e das redes intergeracionais sob a perspectiva cultural. Nesse sentido, são apresentadas as potencialidades da estrutura das redes em sua dimensão estratégica para colocar em prática ações culturais marcadas pela aproximação entre as diferentes gerações. Propõe-se a apropriação dos recursos tecnológicos e de comunicação...

Relações intergeracionais de idosos mediadas pelas tecnologias de informação e comunicação; Intergenerational relations elderly mediated by information communication technologies

Carleto, Daniel Gustavo de Sousa
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/10/2013 PT
Relevância na Pesquisa
46.62%
Introdução: A intensa revolução tecnológica, associada ao crescimento demográfico da população idosa tem resultado no processo de exclusão digital destes, que possuem dificuldades em se adaptar ao atual contexto tecnológico. Como estratégia para promoção da saúde do idoso, os princípios da gerontotecnologia podem ser utilizados, e o computador e o telefone celular têm proporcionado maior independência e participação na vida social e familiar. Objetivo: Analisar a influência de TIC nas relações intergeracionais de idosos. Materiais e métodos: Trata-se de uma pesquisa exploratória, descritiva, do tipo transversal, com enfoque quantitativo-qualitativa. A amostra de conveniência foi composta por 160 sujeitos, especificamente 80 idosos participantes de programas de inclusão digital, 40 idosos não participantes de programas de inclusão digital e 40 familiares. Os sujeitos participantes da pesquisa residiam nas cidades de Uberaba (MG) e Ribeirão Preto (SP). Os procedimentos de coleta de dados incluíram Questionário Sócio-Demográfico Auto-Respondido para Aplicação com Idosos, Escala de Avaliação das Atividades Instrumentais da Vida Diária de Lawton e Brody e Questionários estruturados sobre as TIC. Os dados foram analisados através da técnica de análise de conteúdo do tipo temática e estatística descritiva com auxílio do programa EPI-Info. Resultados: Quanto à caracterização da amostra...

O efeito intergeracional no peso ao nascer e suas relações com as condições maternas, em crianças nascidas a termo no Hospital Universitário da USP; The intergenerational effect on birth weight and its relations to maternal conditions in term infants born in the "Hospital Universitário" from the University of São Paulo

Costa e Silva, Leide Irislayne Macena da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/09/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.5%
JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Vários estudos têm mostrado o peso ao nascer de ambos os pais como preditor do peso de nascimento do descendente, com correlação mais fortemente transmitida através da linhagem materna, sugerindo que exposições desfavoráveis à mãe desde a sua própria vida intrauterina até os períodos de pré-concepção e gestacional, além dos genes herdados, influenciam o tamanho ao nascimento da prole. A preocupação atual se relaciona ao ciclo intergeracional do baixo peso ao nascer ou do peso ao nascer elevado entre gerações, com todos os agravos imediatos e a longo prazo que estão implicados em nascer pequeno para a idade gestacional e/ou baixo peso ou grande para a idade gestacional e/ou macrossômico. O presente trabalho tem o objetivo de estudar a correlação entre o peso ao nascer da criança com o peso ao nascer da mãe, com as condições maternas, em crianças nascidas a termo no Hospital Universitário da USP (HU-USP). MÉTODOS: Foram identificados 773 binômios mães-crianças, 773 crianças nascidas de 558 mães, com a informação documentada do peso ao nascer tanto do bebê quanto da mãe. As informações referentes aos antecedentes maternos, pré-natal e parto, e as medidas antropométricas de nascimento da criança e da mãe foram obtidas através do registro em prontuários...

Paizões,tiozões, e tias e cacuras : envelhecimento, meia idade, velhice e homoerotismo masculino na cidade de São Paulo; Tiozões, paizões, tias and cacuras : aging, middle age, old age and homoeroticism in Sao Paulo

Carlos Eduardo Henning
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/03/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.31%
Esta etnografia examina o entrelaçamento de marcadores sociais como envelhecimento, meia idade, velhice, sexualidade, homoerotismo e relações intergeracionais. O objetivo central é compreender como as experiências de envelhecimento e sexualidade nas fases mais avançadas da vida são narradas por homens que se utilizam de sites que propiciam interações homoeróticas pela internet. Com essa finalidade - e tendo como base uma metodologia qualitativa, envolvendo entrevistas em profundidade, conversas informais on line e presenciais, assim como observação participante - as seguintes questões foram exploradas: a circulação e administração de categorias sociais de nomeação associadas à valorização ou depreciação de homens maduros com práticas sexuais homoeróticas; a instituição narrativa de distintas temporalidades e sensibilidades geracionais; o modo pelo qual modelos positivos de envelhecimento entre homens com práticas sexuais homoeróticas e/ou que se identificam como homossexuais tem sido gestados; as percepções êmicas relativas às transformações sócio-espaciais quanto às práticas e identidades homossexuais nas últimas décadas e, por fim, as formas singulares de gestão pessoal das fontes de suporte social no envelhecimento desses indivíduos. O universo pesquisado é composto por homens que...

Desenvolvimento da versão brasileira da Intergenerational Exchanges Attitude Scale; Development of the Brazilian version of the Intergenerational Exchanges Attitude Scale

Roberta dos Santos Tarallo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/03/2015 PT
Relevância na Pesquisa
46.49%
O presente estudo consistiu em três etapas e a amostra foi composta por 148 idosos e 52 profissionais vinculados a programas de educação permanente. A primeira etapa abordou a validação semântica e cultural da Intergenerational Exchanges Attitude Scale (IEAS) para a língua portuguesa do Brasil. Esse processo envolveu as seguintes fases: tradução inicial da IEAS; síntese das traduções; retrotradução; revisão e pré-teste. A escala sofreu alterações orientadas ao seu refinamento cultural e a IEAS está adaptada e validada para a população brasileira com a denominação Escala de Atitudes em relação a Trocas Intergeracionais (EATI). A segunda parte do estudo derivou evidências de validade de construto para a EATI e investigou correlações entre os itens dos fatores dessa escala com os domínios da Escala de Crenças em relação à Velhice. A EATI apresentou três fatores e foram obtidos valores mais elevados para a escala como um todo (α=0,80) e para o Fator 3 - Percepções sobre a interação entre crianças e idosos (α=0,80) e, em seguida, para o Fator 1 - Percepções sobre atitudes de crianças em relação a idosos (α=0,79) e para o Fator 2 - Percepções sobre atitudes de idosos em relação às crianças (α=0...

As relações intergeracionais e as sociedades envelhecidas : Envelhecer numa sociedade não Stop – O território multigeracional de Lisboa Oriental

Teiga, Sara Armanda Mora
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /11/2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.5%
A dissertação de mestrado subordinada ao tema das Relações Intergeracionais e as Sociedades Envelhecidas surgiu, no âmbito do Mestrado em Educação Social e Intervenção Comunitária, da Escola Superior de Educação de Lisboa e teve como ponto de partida saber se a participação em actividades intergeracionais promove o envelhecimento ativo de 8 mulheres com 65 e mais anos, residentes num território multigeracional de Lisboa Oriental. A abordagem concetual do envelhecimento social, do envelhecimento ativo, das relações intergeracionais e da participação conduziu o estudo, através da triangulação dos instrumentos de análise qualitativa de entrevistas de histórias de vida e de focus group. As mulheres entrevistadas têm entre 65 e 85 anos de idade cronológica, mas em média dizem sentir que têm menos 34 anos. Afirmam, ser jovens de espirito e por isso preferem ser chamadas de seniores. Manifestam que sempre foram e são, mulheres autónomas, livres, independentes, com poder de decisão, com auto-estima elevada e com qualidade de vida. Mulheres que ocupam o tempo em actividades da vida diária, em actividades de tempos livres, e voluntariado. Mulheres reivindicativas, proativas, frontais e determinadas que assumem um papel social ativo envolvendo-se socialmente em todas as actividades produtivas ou orientadas para a performance e em actividades colectivas e ou orientadas para a união...

Relações intergeracionais: um estudo na área de Lisboa

Oliveira, Cristina Maria Nunes de
Fonte: Instituto Superior de Ciências Sociais e Plíticas Publicador: Instituto Superior de Ciências Sociais e Plíticas
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 21/03/2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.57%
Dissertação de Mestrado em Política Social; Numa época de marcado envelhecimento demográfico, surgem novos desafios para a sociedade, nomeadamente: potenciar uma maior convivência entre gerações; acentuar a importância da solidariedade intergeracional e fomentar o envelhecimento activo. Diferentes classes etárias encontram-se directamente relacionadas com características, capacidades e necessidades muito específicas, obrigando a que a comunidade se organize, de maneira a definir respostas que lhes permitam alcançar o empowerment desejado. Este sucesso tem como base fulcral as relações que se estabelecem no seio da família e que por sua vez interferem com toda a sociedade. Com o presente estudo pretende-se analisar o fenómeno das relações intergeracionais, mais concretamente as questões sociais, que coadjuvam e condicionam este processo. A investigação decorreu no distrito de Lisboa, nomeadamente no Centro Infantil e no Lar de Idosos da Santa Casa da Misericórdia da Vila de Alenquer e pretende contribuir para a compreensão da realidade, complexidade e especificidade das relações intergeracionais, alertando para a importância da consciencialização deste fenómeno.; In a time of marked population aging...

Relações intergeracionais no combate à exclusão social: avaliação de necessidades numa perspetiva multi-informante

Branco, Carla
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
46.73%
Mestrado em Psicologia Social e das Organizações / PsycINFO Classification Categories and Codes: 2900 Social Processes & Social Issues / 3000 Social Psychology / 3020 Group & Interpersonal Processes; Este estudo deseja contribuir, a partir de uma abordagem sinergética da exclusão social e das relações intergeracionais (RI), para a futura implementação de projetos na área da inclusão e da intergeracionalidade. Pretendeu-se, através da realização de oito focus-grupo, avaliar as necessidades de intervenção ao nível das relações intergeracionais e as atividades mais adequadas para responder às mesmas, do ponto de vista dos técnicos (n=8), dos jovens (18-30 anos; n=17) e dos séniores (≥50 anos; n=18) em situação de fragilidade socioeconómica (beneficiários de apoio social), adotando-se uma perspetiva multi-informante. Os resultados foram analisados segundo oito categorias gerais: “Redes sociais”, “Crenças sobre os jovens”, “Perceções sobre o que os jovens podem transmitir”, “Crenças sobre os séniores”, “Perceções sobre o que os séniores podem transmitir”, “Perceções sobre as RI”, “Atitudes face às atividades intergeracionais” e “Atividades intergeracionais”. Falta de redes e de RI...

Intergenerational Solidarity and Satisfaction With Life: Mediation Effects With Emerging Adults

Coimbra,Susana; Mendonca,Marina Goulart
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2013 EN
Relevância na Pesquisa
46.3%
The increasing dependency of emerging adults (EA) on their family of origin and their lower future expectations challenge intergenerational family support exchanges and may affect their impact on satisfaction with life. This study aims to examine the mediation effect of familism, filial maturity, and relationship satisfaction between different directions of support (received, given and anticipated between both) and satisfaction with life. Data was collected through the administration of self-report questionnaires to a convenience sample of 243 EA (18-30 years old) of both genders, students and workers, of different socioeconomic statuses. Results corroborate the mediation effect of the study variables and suggest that the magnitude of this impact depends on the direction of the support: partial mediations are observed for the received support, whereas total mediations are observed for the given support.

An Inconvenienced Youth? Ageism and its Potential Intergenerational Roots

North, Michael S.; Fiske, Susan T.
Fonte: PubMed Publicador: PubMed
Tipo: Artigo de Revista Científica
EN
Relevância na Pesquisa
36.42%
Age is the only social category identifying subgroups that everyone may eventually join. Despite this, and despite the well-known growth of the older population, age-based prejudice remains an under-studied topic in social psychology. This paper systematically reviews the literature on ageism, highlighting extant research on its consequences and theoretical perspectives on its causes. We then identify a crucial gap in the literature: potential intergenerational tensions, speculating how a growing older population—and society’s efforts to accommodate it—might stoke intergenerational fires, particularly among the younger generation. Presenting both sides of this incipient issue, we review relevant empirical work that introduces reasons for both optimism and pessimism concerning intergenerational relations within an aging society. We conclude by suggesting future avenues for ageism research, emphasizing the importance of understanding forthcoming intergenerational dynamics for the benefit of the field and broader society.

Perceptions of Equity, Balance of Support Exchange, and Mother–Adult Child Relations

Sechrist, Jori; Suitor, J. Jill; Howard, Abigail R.; Pillemer, Karl
Fonte: PubMed Publicador: PubMed
Tipo: Artigo de Revista Científica
EN
Relevância na Pesquisa
36.31%
Equity theory suggests that relationships are more harmonious when both members of a dyad believe that their exchanges are fair. However, the level and frequency of exchange, rather than perceptions of equity, have been the focus of most research on support and the quality of intergenerational relations. Using data from 1,426 mother–child dyads nested within 413 families collected as part of the Within-Family Differences Study, the authors explored whether mothers’ perceptions of equity are better predictors of closeness and tension than are mothers’ reports of balanced exchanges of support. Mixed-model analyses revealed that mothers’ perceptions of equity were more consistent predictors of relationship quality than were the balanced exchanges of support, though the results varied somewhat by gender of adult child. These findings contribute to a growing body of research demonstrating that the psychological processes that shape intergenerational relationships mirror those of other ties.

The intergenerational transmission of divorce in cross-national perspective: results from the Fertility and Family Surveys

DRONKERS, Jaap; HARKONEN, Juho
Fonte: Instituto Universitário Europeu Publicador: Instituto Universitário Europeu
Tipo: Artigo de Revista Científica
EN
Relevância na Pesquisa
46.61%
We used data on women's first marriages from the Fertility and Family Surveys to analyse the intergenerational transmission of divorce across 18 countries and to seek explanations in macro-level characteristics for the cross-national variation. Our results show that women whose parents divorced have a significantly higher risk of divorce in 17 countries. There is some cross-national variation. When compared with the USA, the association is stronger in six countries. This variation is negatively associated with the proportion of women in each cohort who experienced the divorce of their parents and with the national level of women's participation in the labour force during childhood. We conclude that differences in the contexts in which children of divorce learn marital and interpersonal behaviour affect the strength of the intergenerational transmission of divorce.

An exploration of intergenerational exchanges between grandparents and their older grandcildren

Christo, Shirley M.
Fonte: Brock University Publicador: Brock University
Tipo: Electronic Thesis or Dissertation
ENG
Relevância na Pesquisa
46.3%
Changes within the family unit have resulted in changes in interactions between grandparents and older grandchildren. Existing research indicates that these relationships can result in positive outcomes. A relevant task for researchers is to continue to explore th~se intergenerational relationships. This qualitative phenomenological study explores the question: What functional patterns exist when grandparents interact with older grandchildren? Six grandparent-older grandchild pairs agreed to be involved. Kennedy's (1992) formulation of grandparent-older grandchild activity clusters was reviewed and revised. Activities were clustered related to socialization, companionship, support, entertainment, and education. Findings unique to this study indicate that shared activities were mutually chosen with consideration of activity tolerance, and were consistently evaluated as enjoyable. Partners were chosen because of a comfortable relationship established through frequent past and present interactions, and not because of family lineage preferences. Both grandparents and older grandchildren stated a desire to have a generation peer share activities with them. Exploration of dimension concepts for the "McMaster Model of Family Functioning" indicated that these relationships have potential to contribute to healthy family functioning. The implications for practice...

Envelhecimento, familia e transferencias intergeracionais em Montevideu, Uruguai; Ageing, family and intergenerational tranfers in Montevideo, Uruguai

Carolina Alondra Guidotti Gonzalez
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/02/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.37%
Este trabalho delimita o panorama das configurações familiares em que os idosos montevideanos moram e das transferências em que participam, partindo de dados das Encuestas Continuas de Hogares do Instituto Nacional de Estadística del Uruguay, dos anos 2001 e 2007 e da pesquisa Saúde, Bem-estar e Envelhecimento, realizada pela Organização Pan-americana da Saúde de 2000. O objetivo é investigar em que medida os idosos, beneficiários do sistema de previdência social com alta abrangência (que os coloca numa situação econômica relativamente favorecida em relação aos grupos mais jovens), participam das dinâmicas de redistribuição desses benefícios nos hogares em que vivem com outras gerações. Com esse objetivo é elaborada uma caracterização dos hogares com idosos, considerando as condições de vida destes e as possíveis transferências de recursos e serviços dos quais participam. O estudo parte da hipótese de que a desigualdade sócio-econômica é peça chave para compreender as dinâmicas de transferências dentro e entre os hogares, assim como para delimitar as formas de solidariedade intergeracional nos mesmos; This work outlines the framework of the family configurations in which the elderly population of Montevideo lives and the transfers they are involved. We will use data...

Intergenerational interaction in health promotion: a qualitative study in Brazil

Souza,Elza Maria de
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2003 EN
Relevância na Pesquisa
36.42%
OBJECTIVE: In 1994 a pilot intergenerational project was started in the city of Taguatinga, Brazil, to promote the well-being of both elderly and adolescent populations using reminiscence processes as a means of interaction. The purpose of the study is to evaluate the project from the participants' viewpoint and to improve the contribution of those age groups in building up social capital. METHODS: From November 1999 to April 2000 a qualitative study using focus groups technique was conducted. Using a discussion guide, 9 groups of students, ranging in age from 13 to 19 years old, and 3 groups of elderly aged 60 years and over were interviewed to collect data regarding their interaction before and after an intergenerational program. RESULTS: The main findings suggested a change in attitude of young people toward old age and elderly people. Participating elderly people reported improvement in their health status. For both age groups the findings suggested a better understanding between generations. CONCLUSIONS: It seems that reminiscence intergenerational activity contributes to building up mutual trust and reciprocity. These results seem to indicate this is an alternative for investing in social capital and improving participants' well-being. However...

Las relaciones intergeneracionales como una herramienta para conseguir una escuela inclusiva; Intergenerational relations as a tool to achieve an inclusive school

González Fernández, Mónica
Fonte: Universidade de Cantabria Publicador: Universidade de Cantabria
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
SPA
Relevância na Pesquisa
46.43%
RESUMEN En la sociedad de la información, las escuelas necesitan hacer frente a una serie de necesidades que surgen de las exigencias y los cambios sociales. Hoy en día la inclusión educativa y la intergeneracionalidad son dos ámbitos en auge los cuales persiguen el mismo fin: acabar con la exclusión, sea del tipo que sea. Una herramienta para unir estos dos ámbitos y sacarles partido en el ámbito educativo son las comunidades de aprendizaje. Estas nos ofrecen la posibilidad de utilizar los beneficios que tienen las relaciones intergeneracionales para el desarrollo y la socialización de los más pequeños, para hacer que la escuela sea un lugar donde todos tengan las mismas oportunidades y posibilidades de participación.; ABSTRACT In the information society, schools need to address a range of needs arising from the demands and social changes. Today the educational inclusion and intergenerational bare two areas which are in rise. They go for the same objective: to end exclusion, independent of whether type of them. Learning community is a tool to connect these two areas and take the benefits that they have. It offers us the possibility for use the benefits that intergenerational relations provide to the development and socialization of the smallest...

Integração entre gerações na promoção da saúde: estudo qualitativo no Brasil; Intergenerational interaction in health promotion: a qualitative study in Brazil

Souza, Elza Maria de
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2003 ENG
Relevância na Pesquisa
36.42%
OBJETIVO: Em 1994 foi iniciado um projeto de integração entre gerações em Taguatinga, Distrito Federal, com a finalidade de promover o bem estar dos idosos e adolescentes, usando-se o processo de reminiscências como meio de integração. O objetivo do estudo é avaliar o projeto de acordo com a opinião dos participantes e enfatizar a contribuição desses grupos etários na construção de capital social. MÉTODOS: De novembro de 1999 a abril de 2000 foi conduzida uma pesquisa qualitativa usando-se a técnica dos grupos focais. Seguindo-se um roteiro, nove grupos de estudantes, de 13 a 19 anos de idade, e três grupos de idosos, de 60 anos ou mais foram entrevistados para obtenção de dados relativos às relações intergeracionais, antes e após atividades envolvendo jovens e idosos. RESULTADOS: Os resultados sugerem mudança de atitude dos jovens em relação aos idosos e à velhice. Os idosos relataram melhora no estado de saúde. Para os dois grupos etários os achados sugerem aprimoramento da convivência entre gerações. CONCLUSÕES: Os achados parecem indicar que atividades de integração entre gerações usando-se o processo de reminiscências contribuem para fortalecer a confiança mútua e normas de reciprocidade...

The gendered politics of generational contracts. Changing discourses and practices of intergenerational commitments in West Germany.

Lorenz-Meyer, Dagmar Regine
Fonte: London School of Economics and Political Science Thesis Publicador: London School of Economics and Political Science Thesis
Tipo: Thesis; NonPeerReviewed Formato: application/pdf
Publicado em //2000 EN
Relevância na Pesquisa
36.7%
In the context of policy recommendations to re-establish intergenerational equity this thesis enquires into the ways in which intergenerational relations in Germany became framed by the metaphor of the generational contract. Taking gender as an analytical tool, the thesis explored the discursive repertoires of generation and contract in a historical perspective. On this basis social contract theories are analysed with respect to the conflicting justifications they establish for the regulation of intergenerational relations. The analysis then focuses on how generational politics in the German welfare state drew on these justifications and how the generational contract came to be associated with fraud. It is argued that the ruse of the metaphor of the generational contract was its claim to embody social solidarity 'for all' Germans, while constituting and maintaining divisions of gender and social class in and by a social insurance system tailored to the male life course. Women's positioning in the proposed measures to restructure the generational contract reveals its inherent multiplicity and contradictory structure. Arguing that intergenerational relationships in families have been mostly taken for granted, the thesis develops the heuristic framework of kinscripts in order to analyse the micro-politics of intergenerational commitments of members of two family generations that are cast as antagonists in the alleged resource competition: women of the welfare generation and their adult children. Deploying an innovative set of methods based on the problem-centred interview the empirical analysis produced rich evidence of the ambivalences of intergenerational commitments...

Intergenerational interaction in health promotion: a qualitative study in Brazil

Souza,Elza Maria de
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2003 EN
Relevância na Pesquisa
36.42%
OBJECTIVE: In 1994 a pilot intergenerational project was started in the city of Taguatinga, Brazil, to promote the well-being of both elderly and adolescent populations using reminiscence processes as a means of interaction. The purpose of the study is to evaluate the project from the participants' viewpoint and to improve the contribution of those age groups in building up social capital. METHODS: From November 1999 to April 2000 a qualitative study using focus groups technique was conducted. Using a discussion guide, 9 groups of students, ranging in age from 13 to 19 years old, and 3 groups of elderly aged 60 years and over were interviewed to collect data regarding their interaction before and after an intergenerational program. RESULTS: The main findings suggested a change in attitude of young people toward old age and elderly people. Participating elderly people reported improvement in their health status. For both age groups the findings suggested a better understanding between generations. CONCLUSIONS: It seems that reminiscence intergenerational activity contributes to building up mutual trust and reciprocity. These results seem to indicate this is an alternative for investing in social capital and improving participants' well-being. However...