Página 1 dos resultados de 1926 itens digitais encontrados em 0.016 segundos

Novos equilíbrios após o ‘11-de-setembro’: Diálogos intelectuais entre os Estados Unidos da América e a França

Tavares, Maria Manuela Coelho Glaziou
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
36.12%
Esta tese observa, em primeiro lugar, o estado do intelectualismo e do anti-intelectualismo e a sua relação com o americanismo, nas sociedades norte-americana e francesa. Num segundo momento questiona a adequação do conceito de ‘intelectual público’ nas sociedades americana e francesa atuais e a valorização do intelectual e o seu estatuto, nestas sociedades. Por fim, observa alguns ensaios críticos, publicados entre setembro de 2001 e março de 2006 por Jean Baudrillard, Joan Didion, Bernard-Henri Lévy, Susan Sontag e Gore Vidal, e a forma como dialogam entre si, no sentido musical do termo. Estuda, assim, como as vozes (de intelectuais norte-americanos e franceses) e os instrumentos (os seus ensaios) se alternam e respondem umas às outras, no que concerne aos temas indissociáveis do americanismo: o imperialismo, o excecionalismo, o terrorismo e o estado de exceção. Um dos pontos em análise é se objetivo destes intelectuais acaba por ser o reforço do equilíbrio que preside ao projeto do americanismo, quando este é posto em causa pela multiplicação de reações antiamericanas, vindas, e com veemência, de França. Sendo a América uma construção intelectual, é modelada pela expressão do consenso ou do dissenso de um vasto elenco de intelectuais de todos os quadrantes políticos...

Palavras como balas: imprensa e intelectuais antifascistas no cone sul (1933-1939); Words like bullets: press and anti-fascist intellectuals in the Southern Cone (1933-1939)

Oliveira, Ângela Meirelles de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
35.95%
A tese apresenta uma análise sobre a circulação de ideias antifascistas entre intelectuais uruguaios, argentinos, brasileiros e franceses que pertenciam a associações dedicadas à luta contra o fascismo e pela defesa da cultura entre 1933 e 1939. Procuramos mostrar que os movimentos antifascistas do Cone Sul, embora compartilhassem de objetivos comuns, eram heterogêneos e tinham características próprias. Estas derivavam da multiplicidade de vozes presentes nas associações de intelectuais, o que contrapõe a ideia de que o antifascismo seria fruto da ação exclusiva dos partidos comunistas ou da coordenação da Internacional Comunista (IC). A pesquisa mostra também que o diálogo intelectual ocorrido no âmbito da luta antifascista conectou estes diferentes espaços, estabelecendo um debate de dimensão transnacional. As conexões entre os que exerceram o papel de mediadores neste debate foram estabelecidas por meio da imprensa, que serviu como elemento de mediação para o intercâmbio de ideias que acabou por atravessar as fronteiras nacionais do Cone Sul chegando até a França.; This thesis analyzes the circulation of anti-fascist ideas among Uruguayan, Argentine, Brazilian and French intellectuals who belonged to associations that dedicated themselves to the struggle against fascism and in "defense of culture" between 1933 and 1939. We aim to show that anti-fascist movements in the Southern Cone...

Os bens comuns intelectuais e a mercantilização; Intellectual commons and commodification

Vieira, Miguel Said
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/06/2014 PT
Relevância na Pesquisa
36.11%
Esta tese investiga as relações entre os bens comuns intelectuais e a mercantilização, e os efeitos dessas relações, principalmente para o universo da educação. Seus objetivos centrais são: apresentar as principais teorias sobre bens comuns, e avaliá-las quanto à capacidade de detectar e equacionar essas relações, e quanto à adequação para abordar bens comuns intelectuais; analisar se bens comuns e mercantilização são incompatíveis, e até que ponto podem coexistir; verificando, em casos existentes de novos modelos de negócio que envolvem o compartilhamento de bens intelectuais, se a mercantilização pode surgir a partir de bens comuns intelectuais, e indicando, em caso positivo, se o saldo resultante de compartilhamento e mercantilização nesses diferentes modelos é socialmente positivo ou não. A análise da mercantilização é feita de uma perspectiva conceitual (baseada em Marx e Polanyi) e histórica, abordando a transição do feudalismo ao capitalismo (e sua relação com o cercamento dos bens comuns), a ascensão do neoliberalismo, e o avanço de mecanismos específicos de mercantilização de bens intelectuais (a propriedade intelectual e os sistemas de travas tecnológicas). A análise das teorias de bens comuns centra-se numa leitura crítica da corrente mais consolidada: a neoinstitucionalista...

Pensando intelectuais a partir da periferia: A trajetória de syed hussein alatas

Caruso, Gabriela de Brito
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Relevância na Pesquisa
35.95%
O presente trabalho procura debater a formação intelectual em contextos não ocidentais a partir do estudo de caso de Syed Hussein Alatas, (1928-2007), sociólogo malaio pioneiro nas Ciências Sociais do Sudeste Asiático. Comparando seus escritos de juventude sobre islamismo e política com sua produção de maior renome “The Myth of the Lazy Native” (1977), procuro comprovar a relação de continuidade entre seu pensamento religioso e sua argumentação sociológica madura. Esta hipótese desafia as ideias de secularização e da autonomização do campo acadêmico para a gênese dos intelectuais modernos pressuposta pela sociologia clássica dos intelectuais, aproximando-se de uma análise mais contemporânea para o estudo de contextos periféricos.

Intelectuais e imprensa: a configuração de uma rede hispano-americana no espaço atlântico

Beired, José Luis Bendicho
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 821-836
POR
Relevância na Pesquisa
35.95%
Este artigo trata da configuração de uma rede intelectual de dimensão internacional que uniu a América Latina e a Península Ibérica, a partir de meados do século XIX. Objetivamos analisar o papel dos intelectuais e órgãos de imprensa na formação dessa rede e discutir suas idéias e projetos, à luz do contexto político e do debate cultural. Consideramos que a ação dos intelectuais e da imprensa contribuiu para a configuração de um espaço singular de circulação de idéias e de formação de uma opinião pública ibero-americana.; This article deals with the development of an intellectual network of international dimension that joined Latin America and Iberian Peninsula, from mid-nineteenth century. We aimed to analyze the role of intellectuals and the media in the formation of this network and discuss their ideas and political projects, in the light of the political and cultural debate. We consider that the action of intellectuals and the press contributed to the setting of a singular espace of circulation of ideas and the formation of Ibero-American public opinion.

Construção e crise do sentido da atuação dos intelectuais: o aspecto epistemológico e o dilema político

Deffacci, Fabrício Antonio
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 246 f.
POR
Relevância na Pesquisa
36.09%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Ciências Sociais - FCLAR; Este trabalho pretende expor a crise contemporânea dos intelectuais a partir da correlação com a dimensão epistemológica. A denúncia do esgotamento da capacidade de atuação dos intelectuais tornou-se a principal fonte de preocupação nos debates que apareceram nas últimas décadas. Paralelo a esta preocupação estão as alterações no campo da ciência, para onde os intelectuais se deslocaram. O discurso epistemológico produzido pela era moderna, sustentado nas concepções iluministas voltadas para o progresso da humanidade a ser alcançado por intermédio da ciência, passou a ser reavaliado no século XX devido aos condicionantes históricos de um período de crise. A abordagem institucional da ciência projetou uma nova perspectiva epistemológica responsável por apresentar os condicionantes externos da atividade científica. Junto a isso, os intelectuais foram envolvidos pelo processo de institucionalização da ciência, uma vez que o espaço da profissionalização tornou-se uma via necessária. A inserção dos intelectuais no campo científico abriu espaço para uma nova postura...

Intelectuais e política: a trajetória do Tribunal Internacional de Crimes de Guerra (1966-1967)

Santos, Júlio Antônio Bonatti
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 145 f.
POR
Relevância na Pesquisa
36.06%
Pós-graduação em História - FCHS; This work discusses the historical role of intellectuals in politics based on the analysis of the trajectory of the International War Crimes Tribunal, later known as Russell Tribunal, created to judge crimes against humanity committed by north-american imperialism in Vietnam War. We seek to discern the importance of intellectuals in the tableau of international power, in order to identify their role as a social group that raises his voice, mainly against the crimes of silence. In other words, we conceive the intellectual not as a person who merely produces knowledge, but as one who denounces the injustices happening in the world, especially those who do not find a real punishment. Therefore, the Russell Tribunal reiterates and updates the value assumed by the identity category of intellectuals in contemporary societies since the “Affaire Dreyfus”, which occurred in France in the late nineteenth century, to the present day. This symbolic demarcation is here investigated, indeed, by understanding the meanings and possibilities of the discourse of intellectuals who were involved in the international debate established and encouraged by the Russell Tribunal; A presente dissertação pretende discutir o papel histórico dos intelectuais na política a partir da análise da trajetória do Tribunal Internacional de Crimes de Guerra...

A politica de conciliação : os intelectuais e o Governo Montoro

Gilvan Elias Pereira
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/04/1994 PT
Relevância na Pesquisa
36%
Esta pesquisa propõe estudar a relação entre os intelectuais e o Poder durante o período denominado Nova República, tomando o governo Montoro, especialmente a Secretaria de Educação, como estudo de caso, visto acreditar-se que este governo traduz as principais características políticas que envolve o cenário nacional nesse momento.Parte da premissa de que mais uma vez as mudanças ocorreram pelo alto, sob o comando dos homens do Poder, empregando os artifícios mais antigos na cultura política nacional que é a utilização das alianças conciliatórias e da cooptação de lideranças existentes fora da esfera do Poder. Nessa perspectiva, pretende-se analisar o papel do intelectual como importante elemento de legitimação do novo governo, garantindolhe credibilidade, ao mesmo tempo que o auxilia ao camuflar o caráter conservador da mudança. A participação de intelectuais permite ao governo assimilar a retória oposicionista, desenvolvendo projetos e utilizando o discurso que até então habitava a sociedade civil (universidades, sindicatos, revistas...). Com isso, o governo pede assumir a condição de protagonista das mudanças almejadas pela sociedade, antecipando-se as reais transformaçôes que poderiam ocorrer sob o comando de setores da sociedade civil...

Uma análise antropológica das emergentes práticas discursivas das mulheres intelectuais mayas da Guatemala (1988 - 2008)

García, Dina Susana Mazariegos
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
35.95%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-graduação em Antropologia Social, Florianópolis, 2010; Esta dissertação pretende revelar como os processos econômicos, políticos e sócio-culturais, permitiram a constituição e a emergência das práticas discursivas de dez intelectuais mayas, interlocutoras neste trabalho. Além disso, coloca em evidência como os fatos de subjetivação e objetivação dessas mulheres tiveram um papel fundamental na construção de suas trajetórias bem como, de suas diversas estratégias de resistência e transgressão. Tais estratégias resultaram em uma profunda transformação pessoal, constituindo-se também em paradigmas diferentes para as próximas gerações de mulheres mayas e para a sociedade guatemalteca em geral. Adotei como ponto de partida os relatos de dez histórias de vida que tem como pano de fundo a violência extrema contra as mulheres vivida na cotidianidade guatemalteca. Destes relatos destacam-se as relações de poder, tendo como base teórica Michel Foucault, que as explica como uma força que coage, disciplina e controla os individuos através do aparato ideológico, burocrático e bélico. Essas relações de poder e suas diversas expressões serão enfatizadas a partir da intersecção com o gênero...

Capacitação de crianças com dificuldades intelectuais para boas práticas alimentares

Boné, Maria; Bonito, Jorge; Caldeira, Vítor
Fonte: Revista Holos Publicador: Revista Holos
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
35.95%
A obesidade é considerada pela Organização Mundial de Saúde uma epidemia do século XXI. Existe evidência científica suficientemente forte que associa as práticas alimentares à obesidade. Os estudos acerca dos hábitos alimentares entre a população com necessidades educativas especiais escasseiam, em Portugal. Este trabalho parte do pressuposto que a capacitação de pessoas com dificuldades intelectuais contribui favoravelmente para as suas escolhas alimentares. Desenvolveu-se com seis alunas institucionalizadas, do terceiro ciclo do ensino básico português, com dificuldades intelectuais, de um agrupamento de escolas do distrito de Portalegre, no ano letivo de 2013/2014. Fez-se avaliação antropométrica e observação não participante dos sujeitos, relativamente aos seus hábitos e às suas práticas alimentares, em ambiente escolar. A análise da informação permitiu elaborar um plano de capacitação para escolhas alimentares saudáveis, desenvolvido em função da especificidade de cada sujeito. Os resultados apontam para uma alteração nos comportamentos alimentares no período imediatamente decorrente à implementação do programa de capacitação.

Os interesses e aptidões dos jovens com dificuldades intelectuais

Raminhos, Manuela
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.03%
Dissertação de mestrado em Educação especial - especialização no domínio cognitivo e motor. Instituto Politécnico de Beja, Escola Superior de Educação, 2012.; "O presente projecto de investigação pretendeu estudar a resposta educativa aos interesses/aptidões dos alunos com dificuldades intelectuais que frequentam a Escola Secundária Públia Hortênsia de Castro de Vila Viçosa. A abordagem teórica debruça-se sobre o tema das Necessidades Educativas Especiais- dificuldades intelectuais, reflecte acerca da educação inclusiva e foca a atenção na transição para a vida activa, assim como na importância do conhecimento das aptidões/interesses dos jovens com dificuldades intelectuais. As temáticas em análise no quadro teórico permitiram o abrir de portas para novos conhecimentos acerca das necessidades educativas especiais, tendo em conta a opinião dos mais diversos autores. O modelo de investigação-acção enquadra metodologicamente este estudo que procurou fazer o levantamento dos interesses e aptidões desses alunos. A recolha de dados foi realizada através da aplicação de questionários e de entrevistas. A amostra foi composta por dez alunos com dificuldades intelectuais e dois professores da escola Secundária Públia Hortênsia de Castro. Através desta pesquisa identificaram-se as barreiras que a escola em estudo enfrenta...

O cuidador informal da pessoa com dificuldades intelectuais e desenvolvimentais: perspectivando a intervenção do serviço social

Silva, Ana Margarida Frias Furtado
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 03/08/2010 POR
Relevância na Pesquisa
36%
Mestrado em Serviço Social; A questão central que orientou este estudo diz respeito ao cuidador informal da pessoa com dificuldades intelectuais e desenvolvimentais, perspectivando a intervenção do serviço social. Assim sendo, procurou-se averiguar as potencialidades e vulnerabilidades dos cuidadores informais durante a relação que estabelecem com o seu familiar alvo de cuidados e de que forma o assistente social poderá intervir nesta relação advinda do acto de cuidar da pessoa dependente. Os objectivos do estudo são: estudar e analisar as potencialidades e vulnerabilidades dos cuidadores informais, resultantes do acto de cuidar de pessoas com dificuldades intelectuais e desenvolvimentais, e contribuir para o desenho de respostas sociais adequadas às necessidades dos cuidadores informais. O estudo efectuado terá um enfoque de investigação extensiva quantitativa, através da utilização das escalas QASCI e ECA, e o tratamento estatístico dos dados recolhidos dos processos individuais, com uma vertente intensiva qualitativa na interpretação e análise dos dados. O estudo revela que os apoios formais e informais ao cuidador informal principal são importantes para que a pessoa com dificuldades intelectuais e desenvolvimentais dependente possa ser cuidada em contexto familiar e para que os cuidadores não cheguem a desenvolver o síndrome de exaustão do cuidador. O assistente social tem um papel crucial a desempenhar neste âmbito...

O poder ideológico: Bobbio e os intelectuais

Botelho,André
Fonte: CEDEC Publicador: CEDEC
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2004 PT
Relevância na Pesquisa
36.08%
O artigo apresenta a reflexão de Norberto Bobbio sobre os intelectuais. Argumenta que a sua formulação do exercício do poder ideológico como atributo desses atores sociais segue quatro premissas associadas. A primeira diz respeito às conseqüências sociais dos diferentes legados do passado e da diversidade das estruturas sociais sobre a atuação possível dos intelectuais em cada sociedade. A segunda às relações entre cultura e política como eixo da análise dos intelectuais. A terceira à possibilidade de se forjar tipologias de intelectuais operativas da análise. E por último a questão da responsabilidade dos intelectuais - central na reflexão do autor. Após mostrar cada uma dessas premissas, procura-se recuperar a contribuição teórica de Bobbio para a análise dos intelectuais na sociedade brasileira.

Cidades e intelectuais: os "nova-iorquinos" da Partisan Review e os "paulistas" de Clima entre 1930 e 1950

Pontes,Heloisa
Fonte: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS Publicador: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2003 PT
Relevância na Pesquisa
36%
O artigo analisa, numa perspectiva comparativa, as similitudes e as diferenças entre os intelectuais "nova-iorquinos" nucleados pela Partisan Review e os "paulistas" da revista Clima. Herdeiros todos eles do legado modernista, familiarizados com o cosmopolitismo no plano da cultura, atentos à produção intelectual e artística local, ele marcaram a cena cultural paulista e nova-iorquina dos anos de 1940 e 1950. Os últimos renovaram a discussão sobre a relação entre modernismo nas artes e radicalismo na política. Como intelectuais e escritores, diferenciaram-se dos acadêmicos em sentido estrito. Como críticos e resenhistas, fizeram do ensaio o meio por excelência de expressão e encontraram nas revistas literárias e políticas de Nova York o seu fórum institucional. Parecidos e distintos dos "paulistas" de Clima, eles oferecem um bom contraponto para adensarmos a investigação da vida intelectual em São Paulo no período. Sobretudo, se ao lado da recuperação das especificidades das histórias culturais e intelectuais das cidades de Nova York e São Paulo, formos capazes de avançar na investigação de um conjunto de problemas sociológicos pertinentes para o aprofundamento da perspectiva comparativa.

Os determinantes da atuação dos intelectuais do trabalho no capitalismo contemporâneo

Andrade da Silva, Eliana; Maria Pereira da Silva, Zelia (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.11%
Este estudo discute os determinantes da atuação dos intelectuais do trabalho no capitalismo contemporaneo, a partir da realidade dos projetos de assentamento de reforma grária do Rio Grande do Norte. O desvendamento deste objeto teve como caminho metodológico a análise das principais transformações que ocorrem no âmbito do Mercado, do Estado e da Sociedade Civil na atualidade. Dessa forma, partimos do pressuposto que as transformações do capital tem forjado determinações para a atuação dos intelectuais do trabalho, de forma que a ordem burguesa madura, tem construído novas formas de assimilação destes intelectuais, através de uma estratégia transformista. Foi-nos evidenciado na pesquisa, que o fenômeno do transformismo se situa no interior dos embates de projetos hegemônicos na sociedade brasileira, e ocorre de forma molecular sobre os intelectuais do trabalho, no conteúdo dos programas de reforma agrária, na precarização do trabalho experimentada pelos intelectuais e na fetichização da parceria Estado/sociedade civil, presente na visão de mundo dos entrevistados. O transformismo como assimilação dos intelectuais do trabalho ganha relevo diante do processo de identificamos na pesquisa como reatualização da modernização conservadora...

Os intelectuais e as idéias: análise de algumas disposições intelectuais dos professores de ciências sociais

José Ribeiro Antunes, Anderson; Jorge Ventura de Morais, Josimar (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.08%
O presente trabalho se propõe a analisar as disposições intelectuais de um pequeno grupo de intelectuais: os professores de ciência sociais da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Para isso, foram coletados entrevistas acerca de suas formações intelectuais, que, longe de serem exaustivas, indicam aspectos importantes sobre as disposições intelectuais desses cientistas sociais. Neste trabalho, dois elementos disposicionais são discutidos: (1) a tendência dos entrevistados utilizarem categorias retiradas do meio intelectual em que convivem para discorrem sobre as histórias de suas formações intelectuais. (2) E as avaliações com respeito à importância da literatura para a formação intelectual de um intelectual; Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico

O PT e a educação : a participação dos intelectuais catolicos na gestão Luiz Erundina (1989-1992); The PT and the education: the catholic intellectuals participation in Luiza Erundina's administration (1989-1992)

Marco Antonio de Oliveira Gomes
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/11/2007 PT
Relevância na Pesquisa
36%
O trabalho tomou como objeto de análise a participação dos intelectuais católicos na formação do PT e de seu projeto educativo para o município de São Paulo durante a gestão de Luiza Erundina. Ainda que o PT tenha nascido das lutas concretas dos trabalhadores no ocaso da ditadura civil-militar, minha abordagem procura relacionar a inexistência de uma práxis revolucionária ao ecletismo teórico presente no interior do partido desde suas origens. A hegemonia do grupo ligado aos sindicalistas, sob influência dos intelectuais católicos, colaborou para a organização dos trabalhadores na luta contra o capital, mas, ao mesmo tempo, contribuiu para a transformação do PT em um partido da ordem. A apreensão do objeto de pesquisa foi fundamentada no materialismo histórico-dialético utilizando como fonte de pesquisa os documentos oficiais do partido, bem como as manifestações dos diferentes intelectuais presentes na imprensa e em outras publicações. Inicialmente fez-se um histórico das lutas operárias ao longo do século XX até o período de crise do Regime civil-militar, com o respectivo nascimento do movimento sindical. Em uma segunda etapa, analisamos os fundamentos pressupostos teóricos que alicerçaram o discurso hegemônico dentro do PT e de suas propostas no âmbito da educação.; The objective of this work is to demonstrate the effective participation of the catholic intellectuals in the constitution of the PT and its educational project to São Paulo city during Luiza Erundina?s administration. Even though the PT has born from the real battles of the workers at the end of the civil-military dictatorship...

O Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Sul e o espaço social dos intelectuais: trajetória institucional e estudo das redes de solidariedade (e conflitos) entre intelectuais (1920-1956)

Martins, Jefferson Teles
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Tese de Doutorado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
36%
Esta tese tem como objetivo analisar a trajetória institucional do IHGRGS, desde a sua fundação, em 1920, passando pelo auge do seu reconhecimento como espaço legítimo da produção do saber historiográfico no Rio Grande do Sul, até a instalação da crise institucional, quando começou o seu questionamento como centro da produção histórica local. Este estudo possui três eixos de análise: primeiro, serão enfocados o espaço social e as condições objetivas desse espaço, os atributos sociais dos agentes intelectuais envolvidos no processo de especialização ou institucionalização da História no Rio Grande do Sul; segundo, será abordado o processo de mobilização coletiva daqueles agentes em relação ao espaço de poder, na busca por legitimidade; e terceiro, serão analisadas as lutas internas da instituição, em que os seus agentes disputavam por poder ou por posições intelectuais, e, a formação das redes de solidariedade e reconhecimento.; This thesis has the objective to analyze the trajectory of the Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Sul, since its foundation in 1920, going through the time when it was recognized as the legitimate producer of the historical knowledge in Rio Grande do Sul...

Intellectuals and social networks: new media, old traditions; Intelectuais e Redes Sociais: Novos Media, velhas tradições

Figueiras, Rita
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Peer-reviewed Article Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 11/12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
36%
One of the central institutions where the identity of intellectuals was cemented, theeighteenth century salon, is being re-enacted today, precisely on the internet. By supplyingtechnological resources for the socialization of the projects of each intellectualin a network of similar subjects, lay experts and non-specialists, the Internet, a liquidmedia per excellence, as a privileged set for new authorities of knowledge to expressand expand themselves, became not just a cause of disintegration, but also a powerfulsocial re-construction tool both for intellectual community and public culture. TheInternet is a place where intellectuals are finding room for exerting their role of reflexiveconscience of contemporary era.; Tendo como enquadramento as narrativas dominantes sobre o declínio dos intelectuais na sociedade contemporânea, por um lado, e sobre a internet como ameaça à perda da autoridade da cultura erudita, por outro, neste artigo argumentamos que uma das instituições centrais onde a identidade dos intelectuais foi cimentada – os salões do século XVIII – está a ser recriada precisamente na internet. Através da web, muitos intelectuais estão a encontrar um espaço e condições para exercerem a sua autoridade e para reforçarem a comunidade intelectual do século XXI.

Gramsci: os intelectuais e a produção de teoria

Borges, Regilson Maciel
Fonte: Filosofia e Educação Publicador: Filosofia e Educação
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Pesquisa bibliográfica Formato: application/pdf
Publicado em 27/04/2010 POR
Relevância na Pesquisa
36%
O presente texto resulta de trabalho apresentado como pôster no Seminário de Estudos “Os Intelectuais e a Educação”, realizado de 19 a 23 de outubro na Faculdade de Educação da Unicamp, sob o tema “Gramsci e a Educação”. A intenção é apresentar resultado de leitura e fichamento realizada a partir dos Cadernos do Cárcere no item que trata acerca dos Intelectuais. Temas como o Estado Educador, os Intelectuais, Filosofia da Práxis, correspondem à fundamentação teórica da pesquisa que estamos desenvolvendo sobre Avaliação Educacional em Revista. Daí a relevância de Gramsci para nossa investigação.