Página 1 dos resultados de 2945 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

Transferência de tecnologia universidade-indústria no Brasil e a atuação de núcleos de inovação tecnológica.; University-industry technology transfer in Brazil and the performance of technology transfer offices.

Costa, Carolina Oliveira Martins
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
66.61%
A partir da Lei de Inovação de 2004, mais de 100 Núcleos de Inovação Tecnológica (NITs) foram criados no Brasil. Esta profusão de núcleos foi um avanço em termos de quantidade, mas não necessariamente de qualidade. Dada a importância da inovação para a evolução e desenvolvimento e competitividade da economia brasileira, é importante verificar formas de otimizar o trabalho dos NITs e promover o relacionamento entre academia e indústria. Este trabalho tem como objetivo identificar a dinâmica dos NITs e identificar a relação entre estratégia e organização do trabalho nas universidades brasileiras, comparando com prescrições presentes na literatura. Os objetivos específicos são: Confirmar o papel do NIT no sistema de inovação brasileiro e na transferência de conhecimento entre a universidade e a indústria; Identificar na literatura modelos de gestão para NITs, incluindo estratégias e estruturação organizacional; Identificar resultados mensuráveis nos NITs e priorizá-los; Verificar a adequação de modelos presentes na literatura para o contexto do sistema de inovação brasileiro; Verificar atuação e resultados de NIT brasileiro, considerando os pontos descritos acima. Esta análise será realizada a partir de revisão de literatura sobre gestão de núcleos de inovação tecnológica no Brasil e no exterior de modo a identificar modelos de gestão de NIT presentes na literatura seguida de estudo de caso de NIT brasileiro. Espera-se entender se a estrutura e...

Fatores que influenciam a probabilidade de ocorrência de inovação tecnológica em micro e pequenas empresas brasileiras : uma análise quantitativa dos dados da PINTEC 2008

Leite, Marco Antonio Silvestre
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.67%
A presente pesquisa visa identificar os fatores que influenciam a inovação tecnológica em micro e pequenas empresas brasileiras, por meio da análise dos dados secundários da Pesquisa de Inovação Tecnológica (PINTEC 2008), conduzida pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) junto a 16.371 empresas de ramos industriais e de serviços selecionados. Para tanto, foi feita a modelagem estatística dos microdados relativos à sub-amostra formada pelas 3.092 micro e pequenas empresas inquiridas pela PINTEC 2008. A análise das correlações entre as variáveis que influenciam as inovações e quatro variáveis que caracterizam o tipo e a abrangência das inovações tecnológicas – inovação em produto para o mercado nacional, inovação em produto para o mercado mundial, inovação em processo para o mercado nacional, inovação em processo para o mercado mundial – permitiu selecionar as variáveis independentes mais significativas em termos de influência sobre a ocorrência de inovação em micro e pequenas empresas. Com base nessas mesmas correlações, foram elaboradas regressões logísticas (logit), nas quais as variáveis dependentes escolhidas foram as quatro variáveis caracterizadoras do tipo e da abrangência da inovação acima mencionadas...

Inovação tecnológica e incentivos fiscais no setor de serviços de telecomunicações

Bergamaschi, Eloísio Andrey
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.65%
O desenvolvimento tecnológico e a inovação desempenham um papel fundamental no crescimento da produtividade e do emprego. Um dos mecanismos que os governos utilizam para induzir as empresas a investirem em pesquisa, desenvolvimento e inovação tecnológica é através de incentivos fiscais. Ao considerar um setor que permeia diversos segmentos econômicos, como o setor de serviços de telecomunicações, objeto deste trabalho, esses incentivos são ainda mais importantes para promover a mudança técnica, gerando, dessa forma, impactos em todos os demais setores da economia. Com o objetivo de analisar a utilização dos incentivos fiscais para inovação tecnológica, previstos na Lei 11.196/05 e no Decreto 5.798/06, no setor de serviços de telecomunicações, foi realizada uma survey com empresas desse setor buscando identificar como elas estão utilizando esses incentivos, quais os impactos na estrutura de inovação tecnológica e quais os motivos da não utilização dos mesmos. Através da análise dos resultados, foi possível identificar que poucas empresas do setor utilizam os incentivos fiscais para inovação tecnológica, previstos na Lei 11.196/05 e no Decreto 5.798/06. Para as empresas que utilizam os incentivos...

Contribuições para a melhoria do processo de gestão do Programa de Pólos de Inovação Tecnológica do RS

Jung, Carlos Fernando
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.66%
Esta tese apresenta uma contribuição para a melhoria do processo de gestão do Programa de Pólos de Inovação Tecnológica da Secretaria da Ciência e Tecnologia do Estado do Rio Grande do Sul. O estímulo para a realização deste trabalho teve origem na identificação de fatores que podem estar afetando o desempenho do Programa de Pólos. Desta forma, os objetivos desta tese são: (i) identificar e compreender o princípio conceitual, desenvolvimento histórico, funcionamento, modelo básico para pesquisa e desenvolvimento, e a posição atual do Programa de Pólos de Inovação Tecnológica do Estado do Rio Grande do Sul; (ii) analisar o modelo básico do processo de pesquisa e desenvolvimento (P&D) utilizado no Programa, identificar semelhanças e diferenças do modelo básico com os modelos utilizados pelos diversos pólos integrantes do programa e identificar os possíveis problemas de gestão que podem afetar a eficiência do Programa; (iii) identificar, analisar e sintetizar os problemas que podem estar afetando as competências dos pesquisadores e gerando casos de insucesso em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D); (iv) investigar a existência e identificar os Fatores de Bloqueio à Criatividade de pesquisadores pertencentes a um Pólo de Inovação Tecnológica que integra o Programa de Pólos de Inovação Tecnológica do RS; (v) desenvolver um Método para identificar características lineares e sistêmicas em modelos de Desenvolvimento de Produtos (DP); e (vi) desenvolver e implantar um Sistema para Gestão do Conhecimento em P&D aplicado ao Programa de Pólos de Inovação Tecnológica do RS. Como resultados foi possível a obtenção de novos conhecimentos científicos e a proposição de um Método para Identificar as Características Lineares e Sistêmicas em Modelos de Desenvolvimento de Produtos e um Sistema para Gestão do Conhecimento em P&D Aplicado aos Pólos de Inovação Tecnológica do RS.; This thesis presents a contribution to the improvement to management process of the Program of Technological Innovation Centers of the State of Rio Grande do Sul. The stimulus for this work originated in the identification of factors that may be affecting Program performance. Thus...

Inovação tecnológica e atividades econômicas no Brasil : análise comparativa a partir dos dados da PINTEC (1998-2008)

Schmidt, Diogo Serafim
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.7%
O estudo tem como foco a inovação tecnológica, considerada como elemento fundamental para o padrão de desenvolvimento da chamada nova economia mundial, analisada sob uma perspectiva sociológica. O objeto de estudo concentra-se na análise das práticas sociais desenvolvidas pelas empresas brasileiras participantes das quatro edições da Pesquisa de Inovação Tecnológica (PINTEC), desagregadas pela Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE). O objetivo central é investigar a influência das práticas sociais nas taxas de inovação tecnológica, considerando-se o período 1998-2008. Logo, o objetivo central desta pesquisa é comparar o nível de inovação tecnológica no decorrer das quatro edições da PINTEC, considerando-se as diferentes atividades econômicas brasileiras categorizadas pela CNAE. Para tanto, considera-se a avaliação que as empresas fazem dos resultados, processos, dinâmicas e aspectos que favorecem, dificultam ou obstaculizam a inovação tecnológica. A hipótese geral do estudo é de que o maior grau de inovação não se vincula apenas com os setores de atuação das empresas, característica intrínseca a elas, mas também, às práticas sociais adotadas por gestores dessas empresas. A pesquisa desenvolvida para este estudo adotou o método quantitativo...

Eficiência energética, política industrial e inovação tecnológica; Energy efficiency, industrial policy and technological innovation

Jim Silva Naturesa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/02/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.61%
Essa tese procura relacionar os conceitos de eficiência energética, política industrial e inovação tecnológica. O objetivo é apresentar os principais pontos para uma nova política industrial, fundamentada na eficiência energética, que tenha como conseqüências a redução do consumo de energia elétrica e, principalmente, a divulgação do conceito de inovação tecnológica. O uso eficiente de energia elétrica diminui a necessidade de expansão do setor elétrico, postergando investimentos necessários ao atendimento do mercado de energia. Para os consumidores, as principais vantagens são a redução do gasto com energia elétrica, a otimização dos sistemas e marketing associado às idéias de preservação ambiental. Nesse sentido, o Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (PROCEL), através de inúmeras iniciativas, é uma importante ferramenta governamental para a conservação de energia e o aumento da eficiência energética no país. Para que esses programas obtenham sucesso uma nova política industrial é necessária. Projetos de eficiência devem ter como objetivo a modernização do parque industrial - buscando a capacitação produtiva, gerencial e comercial das empresas. Para tanto, tais projetos...

Desenvolvimento de um modelo capaz de viabilizar a gestão da inovação tecnológica por parte da administração geral da Fundação Certi em relação a seus núcleos, a partir do primeiro semestre do ano de 2005

Paula, Thiago Vieira de
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 130 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.7%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Administração.; 0 estudo em questão consiste no relato do desenvolvimento de um modelo o qual pudesse viabilizar a gestão da inovação tecnológica por parte da administração central da Fundação CERTI em relação a seus núcleos. A justificativa para a proposição deste modelo se deu principalmente pela necessidade detectada pela Superintendência de Negócios da organização de reorganizar-se internamente, com finalidade de intensificar seus esforços na busca da vanguarda tecnológica. No que se refere A. metodologia, o trabalho em questão apresenta características de caráter qualitativo, na medida em que propõe a modificação de uma condução insatisfatória em relação à gestão da inovação tecnológica por parte da CERTI através de um estudo aprofundado sobre o assunto e sobre a organização, não utilizando a manipulação de variaveis numéricas.No que diz respeito aos fins, o trabalho é classificado como exploratório, descritivo e aplicado, isto se deve ao fato do mesmo realizar uma pesquisa a cerca de um tema pouco conhecido, apresentar características da Fundação , bem como dos seus núcleos sob a óptica da inovação e de seu produto final propor uma solução a uma questão relativa ao cotidiano da organização. Em relação aos meios a pesquisa se classificou como documental...

Lei de inovação tecnológica : instrumento efetivo de incentivo a inovação e a pesquisa no Brasil?; Law of technological innovation : effective instrument of incentive for the innovation and the research in Brazil?

Matias-Pereira, José; Kruglianskas, Isak
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.61%
O objetivo deste artigo é aprofundar a discussão sobre as políticas de gestão da inovação no Brasil, a partir da avaliação da consistência da Lei de Inovação Tecnológica - LIT (Lei Federal nº. 10.973, de 02.12.2004) e do Decreto de regulamentação (Decreto nº. 5563, de 13.10.2005) -. Estas normas legais estabelecem medidas de incentivo à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo, com vistas à capacitação e ao alcance da autonomia tecnológica e ao desenvolvimento industrial do país -, através da análise das principais medidas explicitadas no seu texto. Utilizamos como referência nessa avaliação as experiências de alguns países bem sucedidos na implementação de políticas industrial e tecnológica. Ficou evidenciado nesse esforço que, a aprovação e a regulamentação da lei de inovação ainda apresentam sérias deficiências como instrumentos de suporte ao desenvolvimento tecnológico do Brasil.

Gestão de inovação : a lei de inovação tecnológica como ferramenta de apoio às políticas industrial e tecnológica do Brasil

Matias-Pereira, José; Kruglianskas, Isak
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.69%
O objetivo principal deste artigo é debater, a partir das experiências de alguns países bem-sucedidos na implementação de políticas industrial e tecnológica, se a construção de um moderno arcabouço institucional na área de desenvolvimento científico e tecnológico, no qual deve estar incluída a questão da inovação, é essencial para o crescimento econômico do País. Nesse esforço, buscamos aprofundar a discussão sobre as políticas de gestão da inovação no Brasil, em especial sobre a Lei de Inovação Tecnológica – LIT (Lei Federal n.º 10.973 de 02.12.2004) – que estabelece medidas de incentivo à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo, com vistas à capacitação e ao alcance da autonomia tecnológica e ao desenvolvimento industrial do País, por meio da análise das principais medidas explicitadas em seu texto. Evidencia-se que a aprovação da Lei de Inovação Tecnológica, apesar de suas deficiências, representa um instrumento relevante de apoio às políticas industrial e tecnológica do Brasil. __________________________________________________________________________________ ABSTRACT; The main objective of this article is to debate, from the experiences of some successful countries in industrial and technological implementation of politics...

Um enfoque sobre a lei de inovação tecnológica do Brasil

Matias-Pereira, José; Kruglianskas, Isak
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.61%
Este artigo aprofunda a discussão sobre as políticas de gestão da inovação no Brasil, a partir da avaliação da consistência da Lei de Inovação Tecnológica (Lei nº 10.973, de 2 de dezembro de 2004) e do decreto de regulamentação (Decreto nº 5.563, de 13 de outubro de 2005). Essas normas legais estabelecem medidas de incentivo à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo, com vistas à capacitação e ao alcance da autonomia tecnológica e ao desenvolvimento industrial do país. Com base na avaliação da experiência de alguns países bem-sucedidos na implementação de políticas industrial e tecnológica, ficou evidenciado que a aprovação e a regulamentação da lei de inovação, apesar das suas deficiências, representa um ponto de partida importante para fomentar a construção de um modelo de desenvolvimento tecnológico autônomo no Brasil.

Inovação tecnológica nos institutos de pesquisa de desenvolvimento em tecnologias da informação e comunicação de Manaus

Oliveira, Clênisson Souza de
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
66.65%
Mestrado em Gestão de Empresas; Este trabalho tem por objetivo identificar as atividades de inovação tecnológica e o desempenho inovador dos institutos e grupos privados de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) do segmento das TICs - Tecnologia de Informação e Comunicações, do pólo tecnológico de Manaus, capital do estado do Amazonas, Brasil. Com base no contexto local de P,D&I, e os incentivos para a inovação, especificamente a Lei de Informática, buscou-se investigar os indícios de realização de atividades inovativas (em produtos e processos) e o desempenho inovativo nas instituições pesquisadas. A amostra e população utilizada no estudo de caso é o conjunto de 11 institutos e grupos de P&D privados do segmento das TICs, credenciados no CAPDA – Comitê das Atividades de Pesquisa & Desenvolvimento na Amazônia, da SUFRAMA ( Superintendência da Zona Franca de Manaus). A coleta de dados foi realizada através da aplicação de questionário quanti-qualitativo (do tipo survey) em entrevista presencial com representantes das instituições. O questionário foi elaborado com base nos questionários de inovação tecnológica do PINTEC (Pesquisa de Inovação Tecnológica) 2008 do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística)...

Estudo do uso de fontes de informação para inovação tecnológica na indústria brasileira

Sugahara,Cibele Roberta; Jannuzzi,Paulo de Martino
Fonte: IBICT Publicador: IBICT
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2005 PT
Relevância na Pesquisa
66.66%
O uso de fontes de informação internas e externas à empresa para a geração da inovação tecnológica é fator determinante para a competitividade de qualquer economia. O presente trabalho analisa a importância atribuída às fontes de informação internas e externas à empresa para a introdução de inovação tecnológica nas indústrias, a partir da Pesquisa Industrial de Inovação Tecnológica (Pintec - 2000) do IBGE, que investigou as atividades de inovação tecnológica em cerca de 70 mil indústrias brasileiras. As empresas foram instadas a avaliar o uso e importância de diferentes tipos de fontes de informação. Identificou-se na pesquisa o caráter secundário, em geral, das informações provenientes do departamento de pesquisa e desenvolvimento e das universidades e institutos de pesquisa e, em contrapartida, o papel fundamental das informações provenientes do mercado, concorrência e fornecedores. constatou-se também que a importância conferida e a diversidade de fontes consultadas (P&D e universidades, inclusive) dependem do grau de competitividade do setor industrial, tendo desdobramentos importantes do ponto de vista do desempenho em inovação tecnológica.

A inovação tecnológica na perspectiva dos gestores da indústria madeireira da região de Lages, SC

Simioni,Flávio José; Binotto,Erlaine; Hoff,Debora Nayar
Fonte: Sociedade de Investigações Florestais Publicador: Sociedade de Investigações Florestais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.61%
As inovações tecnológicas assumem papel importante na competitividade da indústria madeireira. Assim, o objetivo deste artigo foi descrever como se dá a inovação tecnológica em empresas madeireiras localizadas na Serra catarinense, considerando-se as fontes de inovação tecnológica e as formas de aprendizado que levam à incorporação de tecnologias. Trata-se de uma pesquisa exploratória, utilizando um questionário como instrumento de coleta de dados aplicado a uma amostra de 36 gestores de empresas madeireiras. As categorias de análise foram: as fontes de inovação tecnológias e as formas de aprendizado; os tipos de inovações e o local de aplicação; e as estratégias adotadas para a inovação tecnológica. Os resultados identificaram que a interação com fornecedores a partir de suas próprias potencialidades é a principal forma de buscar a inovação tecnológica nos processos produtivos. As empresas buscam o aprendizado por meio do fazer (learning by doing). Reuniões e capacitações são as formas utilizadas para o estímulo às inovações, que por sua vez são avaliadas no curto prazo. Conclui-se que as inovações tecnológicas são desenvolvidas, sobretudo, por P próprios, introdução de máquinas e equipamentos e pelo aprendizado via interação com fornecedores...

Análise comparativa regional de indicadores de inovação tecnológica empresarial: contribuição a partir dos dados da pesquisa industrial de inovação tecnológica

Rocha,Elisa Maria Pinto da; Dufloth,Simone Cristina
Fonte: Escola de Ciência da Informação da UFMG Publicador: Escola de Ciência da Informação da UFMG
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.65%
Este artigo apresenta uma análise de indicadores de inovação tecnológica empresarial. A metodologia baseia-se na análise desagregada, segundo regiões do País, dos dados produzidos pelo IBGE na Pesquisa Industrial de Inovação Tecnológica. A análise de tais indicadores confirma a idéia de que a inovação envolve elementos outros que não apenas aqueles essencialmente econômicos. A região Sudeste - líder nacional em termos de capacidade econômica de produção - não apresenta o mesmo destaque no que diz respeito à amplitude da inovação tecnológica. As empresas das regiões Nordeste, Norte e Sul são aquelas que realizam maior esforço inovador, comparativamente às outras regiões, e são também as que apresentam maior amplitude de inovação. Os resultados sugerem que a preocupação com a proteção do conhecimento por meio de patentes revela-se mais intensa naquelas regiões em que há maior investimento em atividade de P&D por parte das empresas (Sul e Sudeste). Finalmente, os resultados indicam que a existência de instrumentos de apoio governamental ao desenvolvimento industrial tende a estimular um número maior de empresas a inovar, o que pode ser ilustrado pelos casos das regiões Sul e Sudeste do Brasil.

Gestão de inovação: a lei de inovação tecnológica como ferramenta de apoio às políticas industrial e tecnológica do Brasil

Matias-Pereira,José; Kruglianskas,Isak
Fonte: Fundação Getulio Vargas/Escola de Administração de Empresas de São Paulo Publicador: Fundação Getulio Vargas/Escola de Administração de Empresas de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2005 PT
Relevância na Pesquisa
66.69%
O objetivo principal deste artigo é debater, a partir das experiências de alguns países bem-sucedidos na implementação de políticas industrial e tecnológica, se a construção de um moderno arcabouço institucional na área de desenvolvimento científico e tecnológico, no qual deve estar incluída a questão da inovação, é essencial para o crescimento econômico do País. Nesse esforço, buscamos aprofundar a discussão sobre as políticas de gestão da inovação no Brasil, em especial sobre a Lei de Inovação Tecnológica - LIT (Lei Federal n.º 10.973 de 02.12.2004 ) - que estabelece medidas de incentivo à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo, com vistas à capacitação e ao alcance da autonomia tecnológica e ao desenvolvimento industrial do País, por meio da análise das principais medidas explicitadas em seu texto. Evidencia-se que a aprovação da Lei de Inovação Tecnológica, apesar de suas deficiências, representa um instrumento relevante de apoio às políticas industrial e tecnológica do Brasil.

Utilização de valuation na análise de projetos de inovação tecnológica: uma abordagem sobre alternativas de financiamento

Lima, Marineide Gomes Barbosa de
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.63%
A inovação tecnológica vem ganhando lugar de destaque, uma vez que as empresas passaram a inovar mais para alcançar um diferencial competitivo no mercado. Porém, para produzir produtos ou serviços inovadores é necessário realizar altos investimentos em pesquisa e desenvolvimento (P&D), em imobilizado e equipamentos necessários para garantir o processo de inovação. Diante destes fatores, as empresas emergentes necessitam de um local apropriado para iniciar seus empreendimentos, com isso surgem as Incubadoras de Empresas, que é um espaço físico com estrutura adequada e que abrigam várias empresas, com foco em inovação. Esse trabalho está voltado para as empresas incubadas de base tecnológica de capital nascente no Estado de Pernambuco. As empresas de base tecnológica são empreendimentos que fundamentam sua atividade produtiva no desenvolvimento de novos produtos ou processos, baseado na aplicação de conhecimentos científicos e tecnológicos. Pois, como elas têm a necessidade de estar sempre inovando, uma das grandes dificuldades encontradas por essas empresas é a obtenção de recursos financeiros para financiar seus projetos de inovação tecnológica. Com isso, o presente trabalho busca avaliar...

A gestão do conhecimento e a inovação tecnológica como fatores de sobrevivência e de competitividade na sociedade do conhecimento: uma análise exploratória das MPEs do Rio Grande do Norte

Régis, Josiana Florêncio Vieira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção; Estratégia; Qualidade; Gestão Ambiental; Gestão da Produção e Operações Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção; Estratégia; Qualidade; Gestão Ambiental; Gestão da Produção e Operações
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.63%
The study examines the process of Knowledge Management and Technological Innovation in Small and Micro Enterprises (SME) in Rio Grande do Norte, Brazil, and proposes actions that can contribute to regional development and competitiveness of SME. Presents as technological innovation can help to make the SME entrepreneurial activities with innovative and competitive. Defines the phases and activities of the construction of knowledge in small organizations. Examines the process of Innovation, Research and Development (R & D) in SME. Identifies the use of knowledge management and technological innovation in management practices and social interaction to influence the competitiveness of SME. Covers the communities of practice as a diffuser of knowledge and learning. To obtain the data were used questionnaires with closed questions with multiple choice, direct observations and interviews with companies. The questionnaires and interviews covered the topics of Innovation, Knowledge Management and Competitive Intelligence on SME. The sample consisted of a total of 13 Small and Micro Enterprises Award winning MPE Brazil Competitiveness, sponsored by SEBRAE in the State of Rio Grande do Norte. The assessment questionnaires dealing with the Knowledge Management (KM Diagnostics - Model Bukowitz and Williams...

A inovação tecnológica como elemento de dinamização empresarial

Merino, Fernando Manuel Barbosa de Oliveira Nogueira
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.69%
Dissertação de mestrado em Marketing e Gestão Estratégica; Esta dissertação aborda a inovação tecnológica como elemento de dinamização empresarial, num momento em que é crucial a discussão da capacidade empreendedora, mas também a discussão dos motores da diferenciação. A dissertação analisa a complexidade na relação entre a inovação tecnológica e a dinamização empresarial, através do estudo do caso de uma empresa têxtil. A metodologia de investigação desenvolve-se segundo um protocolo e um modelo de entrevistas que permitem construir um cenário sobre a evolução da empresa. Esta metodologia permite também, face aos conceitos teóricos fundamentais sobre a inovação tecnológica como elemento de dinamização empresarial, avaliar a evolução da empresa ao nível dos modelos e das estratégias de inovação e impactos na sua estrutura organizacional. A dissertação conclui que todo o processo de inovação da empresa estudada assenta numa relação entre os principais factores externos (natureza industrial da região em que a empresa está instalada, o impacto de políticas públicas e os aspectos de globalização associados ao sector automóvel, que é o seu principal cliente) e os factores internos (experiência acumulada...

Financiamento público à inovação segundo a pesquisa industrial de inovação tecnológica (Pintec); Texto para Discussão (TD) 1217: Financiamento público à inovação segundo a pesquisa industrial de inovação tecnológica (Pintec); Public funding to innovation according to the survey of industrial technological innovation (PINTEC)

Tironi, Luís Fernando; Koeller, Priscila
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
66.61%
A Pesquisa Industrial de Inovação Tecnológica (Pintec) é um marco decisivo para análise, avaliação e formulação de políticas públicas de inovação, pois possibilita a realização de análises das características e do desempenho do sistema de inovação em um nível de agregação que até então não tinha sido alcançado. Este trabalho explora dados da Pintec 2000 com vistas a avaliar o efeito do financiamento governamental no desempenho inovador da firma. A linha metodológica seguida é a análise descritiva dos dados, trabalhados e apresentados em gráficos e em tabelas, comparando-se as empresas que receberam financiamento público com as que não receberam financiamento público. Algumas vezes, contrapõem-se os resultados obtidos pela Pintec com hipóteses sobre o comportamento inovador esperado das firmas, segundo o enfoque evolucionista neo-schumpeteriano. Os resultados confirmam a importância do financiamento público para a atividade inovadora, mas surgem inúmeras nuances e questões quando se examina o processo com as variáveis e os níveis de desagregação que a Pintec permite.; 54 p. : il.

Inovação tecnológica, eficiência de escala e exportações brasileiras; Texto para Discussão (TD) 1044: Inovação tecnológica, eficiência de escala e exportações brasileiras; Technological innovation, scale efficiency and Brazilian exports

De Negri, João Alberto; Freitas, Fernando
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
66.66%
Há amplo entendimento sobre a necessidade de o Brasil aumentar suas exportações. Entre economistas é também consensual que a indústria brasileira deve se inserir internacionalmente, do ponto de vista do seu desempenho exportador, naqueles produtos em que as firmas tenham vantagens competitivas. A questão especialmente relevante nesse contexto é a definição de qual tipo de indústria o Brasil possui vantagens competitivas efetivas ou potenciais. O entendimento sobre essa questão não é consensual entre os economistas. Inovação tecnológica é um dos determinantes das exportações das firmas no Brasil? Este trabalho procura evidências que possam ajudar a responder a tal questão. Além desta, o texto procura medir o impacto sobre as exportações brasileiras de um aumento médio em uma variável que afeta a propensão à inovação tecnológica da firma e a escolaridade da mão-de-obra empregada nas empresas, bem como de um aumento médio na eficiência de escala. Os resultados empíricos desta publicação têm como base informações por firmas e sugerem que as empresas que realizam inovação tecnológica têm 16% mais chances de serem exportadoras que aquelas que não fazem inovações. O aumento de 20% na eficiência de escala da média das firmas na indústria brasileira aumentaria em 4...