Página 1 dos resultados de 2261 itens digitais encontrados em 0.010 segundos

Análise de atitudes de professoras do ensino fundamental no que se refere à educação inclusiva; Analysis of the attitudes of fundamental education teachers towards inclusive education

CROCHÍK, José Leon; PEDROSSIAN, Dulce Regina dos Santos; ANACHE, Alexandra Ayach; MENESES, Branca Maria de; LIMA, Maria de Fátima Evangelista Mendonça
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.34%
Este artigo, que tem como referência a teoria crítica, relata o resultado de uma pesquisa sobre atitudes em relação à educação inclusiva, realizada com doze professoras do 5º ano do ensino fundamental; dentre elas, seis tinham experiência de ter em sala de aula alunos com deficiência, e seis não tinham. A análise qualitativa dos dados decorrentes do levantamento realizado em seis escolas da rede municipal de Campo Grande (MS) demonstrou que, de modo geral, as professoras foram favoráveis à educação inclusiva. Contudo, ficou evidente a expressão de atitudes preconceituosas veladas ou explícitas no âmbito escolar. A formação para experiência com quem é "diferente" ainda encontra barreiras por conta do preconceito e da discriminação presentes nesta sociedade que tem como lógica uma "inclusão marginal". Em suas manifestações, apontaram dificuldades de trabalhar com alunos com deficiência intelectual severa; assinalaram que a responsabilidade de trabalhar sob a predominância da educação centrada no desempenho, com foco na inserção das pessoas no mercado de trabalho, gerava um "sentimento de impotência". Diante das contradições existentes, a educação inclusiva não deixa de evidenciar a presença das injustiças que ainda se apresentam no processo educativo. Apesar disso...

Educação inclusiva: princípios e representação.; Inclusive education: principles and representation.

Nakayama, Antonia Maria
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/11/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.31%
O objetivo geral desta tese é definir os princípios da Educação Inclusiva, organizados a partir da Legislação atual, principalmente da Declaração de Salamanca de 1994, com o intuito de apontar parâmetros de avaliação da escola em seus processos de ensinar cada uma das crianças e jovens. Tem como objeto de estudo as questões de preconceito e discriminação, que geram mecanismos de exclusão, principalmente os referentes às questões de capacidade, étnico raciais, gênero e socioeconômicas. O intuito do estudo teórico foi o de conceituar a inclusão e a exclusão, historicamente presentes nos processos escolares, numa abordagem sociológica e crítica, que permita a reflexão para a superação desses fatores nos procedimentos curriculares. Foram utilizados os documentos do MEC referentes à Educação Especial e principalmente autores como Amaral, Coll, Macedo, Nóvoa, Perrenoud, Sacristán, Stainback x Stainback e Zabala. A metodologia adotada na investigação realizada numa escola pública estadual, da cidade de São Paulo, foi a pesquisa-ação, pela possibilidade de compreender a situação vivenciada, bem como oferecer elementos para a superação dessa realidade. Este trabalho também objetivou mapear, por meio da aplicação de um questionário...

Programa Educação Inclusiva: direito à diversidade - proposição/implementação no município de Feira de Santana-BA; Inclusive Education Program: the rigth to diversity - proposition/implementation in the municipality of Feira de Santana-BA

Soto, Ana Paula de Oliveira Moraes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/12/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.37%
No Brasil, a partir dos anos de 1990, na esteira de conferências internacionais que visaram à proposição da universalização da educação básica nos países em desenvolvimento, acentua-se o debate sobre "educação para todos". Nesse período, foram desenvolvidas políticas na área da educação especial pautadas na perspectiva da educação inclusiva. Em 2003, o Ministério da Educação, por meio da então Secretaria de Educação Especial, lança o Programa Educação inclusiva: direito à diversidade com o fito de transformar os sistemas educacionais em "sistemas educacionais inclusivos". Buscando compreender como essas políticas são gestadas e implementadas, a presente pesquisa trouxe como objeto de estudo as políticas de educação especial no município de Feira de Santana-BA, sob a influência do referido programa, no período de 2003-2010, com o objetivo de analisar as suas implicações no âmbito da gestão das políticas de educação especial neste município. A investigação pautou-se na abordagem qualitativa, norteada pela perspectiva de análise de políticas públicas. Para coleta de dados foram utilizadas a entrevista semiestruturada e a análise documental. A aplicação das entrevistas ocorreu também na Secretaria de Educação Especial...

A educação especial na perspectiva da educação inclusiva: ajustes e tensões entre a política federal e a municipal; The special education from the inclusive education perspective: adjustments and tensions between federal and municipal politics

Fagliari, Solange Santana dos Santos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 07/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.41%
A perspectiva da construção de uma educação inclusiva em nossa realidade brasileira acentuou-se a partir dos anos 90, em um contexto desencadeado por reformas significativas que envolveram a educação básica e, mais especificamente, o ensino fundamental, com vistas a responder ao desafio de promover uma educação para todos. Com a democratização do acesso, em meio a essa diversidade de alunos que necessita ser incluída nos sistemas de ensino, encontra-se o público-alvo da educação especial. Se desde o final da década de 1980 o locus prioritário de atendimento desse público tem sido, preferencialmente, a classe comum, identifica-se, a partir de 2008, uma série de diretrizes e documentos legais que anunciam e induzem que a classe comum seja o seu espaço de matrícula. O documento Política Nacional de Educação Especial na perspectiva de educação inclusiva, publicado em 2008, preconiza o acesso, a participação e a aprendizagem dos alunos com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotação nas escolas regulares, e foi reiterado em legislação posterior, regulamentadora do financiamento do atendimento educacional especializado. Diante do exposto, essa pesquisa investigou como o município de São Bernardo do Campo...

Consequências éticas da leitura psicanalítica dos quatro discursos para a educação inclusiva; Ethical implications of psychoanalytic reading of the four speeches for inclusive education

Lerner, Ana Beatriz Coutinho
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
66.4%
Esta tese tem como objetivo central investigar as formas que o discurso sobre a Educação Inclusiva assume na contemporaneidade e os efeitos desse discurso para a subjetividade das crianças, pais e profissionais da escola. Para isso, realizamos inicialmente um levantamento bibliográfico acerca da inclusão escolar, apresentando as origens desse movimento, os principais marcos legais que organizam o campo e as perspectivas teórico-críticas atuais. Em seguida, analisamos a emergência da temática da diferença na educação e apresentamos a abordagem psicanalítica da diferença e sua função na constituição do sujeito a partir das obras de Freud e Lacan. A partir da psicanálise, propomos uma articulação entre ética e inclusão, destacando o alinhamento do discurso sobre a educação inclusiva com os fundamentos éticos e morais previamente apresentados. Nosso referencial teórico-metodológico é a psicanálise de orientação lacaniana, em especial o instrumento dos quatro discursos formalizado por Lacan no Seminário 17: O avesso da psicanálise. O corpus de nossa pesquisa é composto por fragmentos discursivos oriundos de duas fontes: do atendimento de um grupo de profissionais que trabalham com educação inclusiva...

Aceitação de tecnologia por estudantes surdos na perspectiva da educação inclusiva; Technology Acceptance for deaf students in the perspective of inclusive education

Prietch, Soraia Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 04/09/2014 PT
Relevância na Pesquisa
66.35%
Com a Política Nacional de Educação Especial na perspectiva da Educação Inclusiva (2008), as escolas regulares vêm recebendo um número maior de estudantes surdos ou com deficiência auditiva (S/DA), que antes frequentavam escolas especializadas. No entanto, dados apontam a diminuição do número de estudantes S/DA matriculados no ensino fundamental para o ensino médio, e do ensino médio para o ensino superior; ou seja, existem razões para se acreditar que barreiras educacionais se impõem no caminho desses estudantes para que conquistem uma formação educacional completa. Neste contexto, o objetivo deste trabalho é propor um modelo de aceitação de tecnologias levando em consideração fatores que envolvam aspectos do contexto da educação inclusiva, bem como efetuar experimento da interação de usuários S/DA com uma tecnologia para avaliar o modelo. Dentre os fatores mencionados um deles se refere às potenciais barreiras educacionais vivenciadas pelos estudantes S/DA em salas de aula inclusivas. Com relação à metodologia de pesquisa, o estudo desenvolveu-se em ciclos. Na medida em que as investigações avançavam, um novo estudo iniciava, se desenvolvia e se fechava. Isso permitiu que a proposta inicial tivesse sucessivos refinamentos ao longo do tempo até o ponto em que os questionamentos iniciais foram respondidos e o objetivo foi atingido. O modelo proposto mostrou resultados positivos...

A proposta da educação inclusiva : contribuições da abordagem vygotskiana e da experiência alemã; Inclusive education proposal: contributions of Vygotskian approach and German experience

Beyer, Hugo Otto
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.39%
O artigo enfoca a temática da inclusão escolar. Inicia com considerações pertinentes à abordagem precoce de Lev Vygotski sobre tal questão. Verifica-se que Vygotski, muito antes das atuais idéias que fundamentam a concepção da educação inclusiva, já articulava conceitos semelhantes. O texto passa, a seguir, a historiar a educação inclusiva no sistema alemão, ao longo de três décadas (70 a 90). Na década de 70, iniciam-se os primeiros movimentos rumo ao conceito de inclusão escolar, porém, de forma localizada. Decisivo, neste momento, é a recomendação do Conselho Alemão de Educação, em 1973, da educação comum de crianças com e sem necessidades especiais. A década de 80 registra o amadurecimento das discussões e experiências da inclusão escolar, em que se soma uma variedade de posições (favoráveis e contrárias) de educadores alemães. A década de 90 apresenta o abrandamento das posições mais radicais, enquanto se abrem espaços para debates menos tensos e mais frutíferos. Wocken (2003) expõe princípios importantes da educação inclusiva. Uma opinião a destacar é a de Speck (1996), que vai alertar para o não desmantelamento da educação especial, já que tem espaço importante no atendimento das crianças com necessidades educacionais especiais. Neste sentido...

Expressive arts in training of teachers to inclusive education

Santos, Graça Duarte; Carvalho, Alexandra
Fonte: Research Center on Education (CIEd)/Institute of Education University of Minho Publicador: Research Center on Education (CIEd)/Institute of Education University of Minho
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
86.36%
Considering the importance given to creativity and to cooperative and active learning as facilitator methods of an Inclusive Education, on this paper we present a study that identifies the place given to active and expressive techniques in the initial training of educators/teachers. The Higher Education Institutions that provide training components within the inclusive education, active and expressive techniques were identified, characterizing those same components by analyzing the curricula of all courses of Initial Teacher Education in Portugal which qualify for teachers from pre-school education to the 2nd cycle of basic education. Data analysis will allow us to further reflect on the contribution of these areas to build positive models of Inclusive Education.

Formação de professores de ciências e educação inclusiva em uma instituição de ensino superior em Jataí-Go; Training of teachers and inclusive education a higher education institution

Ribeiro, Eveline Borges Vilela
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Matemática (PRPG); Instituto de Matemática e Estatística - IME (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Matemática (PRPG); Instituto de Matemática e Estatística - IME (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.37%
The scientific community is consensual about the importance of an appropriate training for teachers and also adheres to the idea that is needed a greater appreciation of teachers. Considering these aspects, it is imperative to discuss the political, epistemological and pedagogical aspects of this training, in order to enable a critical understanding about this subject. Moreover, from the perspective of diversity, we held a discussion on the training of science teachers for Inclusion and the difference as a characteristic of the human species and that this, by itself, has already advocated in favor of school inclusion. Investigated as a Higher Education Institution in Jataí, Goiás (IES/Jataí) has been preparing to respond to the prospect of inclusive education in relation to its training courses for science professors (Biology, Physics, Math and Chemistry) and to receive students with disabilities. For this, we conducted a case study in undergraduate couses in Biology, Physics, Math and Chemistry through the use of questionnaires, interviews and analysis of these Pedagogical Projects Courses (PPC). The data were analyzed based on content analysis and qualitative analysis. Our results show that although most teachers have proved receptive to the proposals of Inclusive Education (IE)...

A formação de professores de ciências biológicas e a educação inclusiva: uma interface da formação inicial e continuada; Teacher of biological sciences and inclusive education: an interface of initial and continuing education

Fernandes, Sandra de Freitas Paniago
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Matemática (PRPG); Instituto de Matemática e Estatística - IME (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Matemática (PRPG); Instituto de Matemática e Estatística - IME (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.45%
By this research we proposed to perform an analysis of the political pedagogical project focused on teachers formation in two Biological Sciences undergraduate courses in Goiânia city - the Biological Sciences Licentiateship (BSL) at the Federal University of Goiás and the Pontifical Catholic University of Goiás one - and the continuing education programs offered by Municipal Education Secretary, through the Education Center for Teaching, and by the State Secretary of Education and Culture, through the Special Education Management, from 2009 to 2010, in order to verify if, and how, such institutions were improving the Biological Sciences teacher training for inclusive education, as they prepared him to deal with diverse learning needs. We chose a qualitative approach and a documentary research. Official documents that establish the teacher education policy were analyzed as well as the inclusion policy in such institutions. For systematization and data analysis was used theoretically based content analysis. Seven themes emerged from reading and re-reading of the data: common aspects between legislation on inclusive approach and the political-pedagogical projects of the BSL courses; the educational and philosophical principles of inclusion adopted by projects; the organizational structure of the BSL – initial teacher education; issues related to inclusive education presented in disciplines of the BSL courses; the political fundamentals that guide the projects of continuing education courses for teachers offered by employing institutions; the pedagogical purposes of the continuing education courses offered by employing institutions; issues related to inclusive education discussed in the continuing education for teachers. We found that the BSL courses of the higher education institutions surveyed do not mention public policies concerned with preparing teachers for inclusive education. We also found that the historical...

Educação inclusiva no ensino superior: o docente universitário em foco; Inclusive education in higher education: the professor in headlines. Dissertation

Santos, Amanda Fernandes
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
66.42%
A pesquisa trata da atenção atribuída pelos docentes universitários às questões que abarcam a educação inclusiva no ensino superior. Tem como objetivo central identificar as concepções de deficiência, de formação de professores e do processo de ensinoaprendizagem que os docentes universitários possuem frente a questão da educação inclusiva, visando perceber se estas concepções se adequam ou não à prática inclusiva. Foi utilizada a metodologia quanti-qualitativa, através da aplicação de um questionário com três itens, concepções de deficiência; formação de professores; e processo ensinoaprendizagem, sendo que para cada um destes, foram dispostas cinco questões, exploradas estatisticamente com a utilização do instrumento de análise SPSS 16.0. O local da pesquisa é uma universidade da região Sudeste do Brasil, tendo sido participantes da mesma 27 docentes universitários em regime de dedicação exclusiva do curso de Pedagogia, vinculados à Faculdade de Educação. A pesquisa pôde concluir que os docentes participantes se preocupam com as questões da educação especial, visto que a maioria (66,7%) considera muito importantes as adaptações físicas e acadêmicas para que o universitário com deficiência consiga concluir a formação profissional de maneira satisfatória. Porém...

Educação Inclusiva ou Educação para todos? Contribuições da teoria histórico-cultural para uma análise crítica da realidade escolar; Inclusive education or Education for all? Contributions from cultural-historical theory to a critical analysis of school reality

Batistão, Sandra Paula da Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/07/2013 PT
Relevância na Pesquisa
66.44%
Esta pesquisa tem como objetivo analisar os limites e as possibilidades da educação inclusiva a partir da gestão de política pública para o exercício da ação pedagógica do professor e do professor assessor frente à proposta de um contexto educacional com a finalidade de identificar caminhos que possam compor para o processo de superação do que está instituído no cotidiano escolar. Durante o movimento de investigação os conceitos de Estado, Educação, Educação Inclusiva e Necessidades Educacionais Especiais são tratados a partir dos pressupostos da pedagogia histórico-crítica e da psicologia histórico-cultual estabelecendo relações entre a ação pedagógica de todos os sujeitos da educação e o exercício de suas funções. A unidade de análise na pesquisa é a relação entre a gestão de política de Estado no campo da Educação e todos os envolvidos na construção do processo educacional inclusivo, destacando a função social do professor, do professor assessor e da equipe escolar quando estes, no cotidiano da escola, deparam-se com alunos com diagnóstico de dificuldades de aprendizagem e ou deficiência. Sabe-se que muito tem sido discutido sobre a escola inclusiva como sendo aquela que matricula alunos com deficiência na sala regular de ensino...

Inclusive education: exploring teachers' perspectives /

Van der Boom, Edith H.
Fonte: Brock University Publicador: Brock University
Tipo: Electronic Thesis or Dissertation
ENG
Relevância na Pesquisa
76.38%
This study explores 5 teachers' perspectives on inclusive education. The literature reviewed gives a historical background of special education as well as discusses a number of current methods and techniques that have been implemented as a means to include exceptional students in regular classroom settings. This is a qualitative study that collected and interpreted data in narrative form. Common themes emerged from the accounts that were shared by the participants. This study found that the understanding of mUltiple intelligences and differentiated instruction might assist a teacher to better meet the needs of exceptional students within inclusive classrooms. Based on this study, it is determined that a range of considerations needs to be weighed when choosing an educational placement for a student with an exceptionality. Each decision needs to be based on the individual student and the options open to himlher. When a decision about class placement is to be made, not only are the student's strengths and needs to be considered, but also the school and community, the teacher, and the parents' desire for their child must be taken into account. More work still needs to be done around inclusive education that is at the practical level...

Formação psicológica inicial de professores: atenção à educação inclusiva em Moçambique; Teacher’s psychological education: attention to inclusive education in Mozambique

Nhapuala, Gildo António
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em 23/01/2015 POR
Relevância na Pesquisa
66.43%
Tese de Doutoramento em Ciências da Educação (área de especialização em Psicologia da Educação).; Este estudo surge no contexto da atualidade e emergência da educação inclusiva em Moçambique e da atenção à melhor qualificação científica e pedagógica dos professores para responderem com êxito aos desafios da educação inclusiva. Apoiando-se nas próprias vivências dos professores, interessou-nos perceber que conceções possuem sobre educação inclusiva, assim como compreender como os professores percecionam a qualidade e relevância da sua formação inicial na área da educação inclusiva, bem como a sua preparação para trabalhar em contextos educativos inclusivos. Esta discussão é feita considerando um conjunto de variáveis de natureza sociodemográfica (idade, género) e variáveis profissionais (duração da formação, experiência docente) por parte dos professores da nossa amostra. O estudo considerou uma amostra de 329 professores de escolas do ensino básico na cidade e província de Maputo. Com uma abordagem quantitativa, o estudo considerou a construção e validação de um questionário sobre as vivências dos professores nas três dimensões de interesse do estudo, nomeadamente conceções sobre educação inclusiva...

Análise de atitudes de professoras do ensino fundamental no que se refere à educação inclusiva; Analysis of the attitudes of fundamental education teachers towards inclusive education

Crochík, José Leon; Pedrossian, Dulce Regina dos Santos; Anache, Alexandra Ayach; Meneses, Branca Maria de; Lima, Maria de Fátima Evangelista Mendonça
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.34%
Este artigo, que tem como referência a teoria crítica, relata o resultado de uma pesquisa sobre atitudes em relação à educação inclusiva, realizada com doze professoras do 5º ano do ensino fundamental; dentre elas, seis tinham experiência de ter em sala de aula alunos com deficiência, e seis não tinham. A análise qualitativa dos dados decorrentes do levantamento realizado em seis escolas da rede municipal de Campo Grande (MS) demonstrou que, de modo geral, as professoras foram favoráveis à educação inclusiva. Contudo, ficou evidente a expressão de atitudes preconceituosas veladas ou explícitas no âmbito escolar. A formação para experiência com quem é "diferente" ainda encontra barreiras por conta do preconceito e da discriminação presentes nesta sociedade que tem como lógica uma "inclusão marginal". Em suas manifestações, apontaram dificuldades de trabalhar com alunos com deficiência intelectual severa; assinalaram que a responsabilidade de trabalhar sob a predominância da educação centrada no desempenho, com foco na inserção das pessoas no mercado de trabalho, gerava um "sentimento de impotência". Diante das contradições existentes, a educação inclusiva não deixa de evidenciar a presença das injustiças que ainda se apresentam no processo educativo. Apesar disso...

Contribuições da Psicologia Histórico-Cultural para a formação e atuação do psicólogo em contexto de Educação Inclusiva; Contribuciones de la Psicología Histórico-Cultural para la formación y actuación del psicólogo en contexto de Educación Inclusiva; Historical-cultural psychology contributions to the psychologist’s professional training and practice in the context of inclusive education; Contributions de la psychologie historique-culturel pour la formation et performance du psychologue dans contexte d'éducation inclusive

Barroco, Sonia Mari Shima; Souza, Marilene Proença Rebello de
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.4%
Este texto objetiva discutir contribuciones de la Psicología Histórico-Cultural para la formación y la actuación del psicólogo junto a la educación, en un contexto de Educación Inclusiva. Se destacan los fundamentos y principios de la educación para personas con deficiencia, así como postulados de la teoría de Vigotski referentes a la formación y a la actuación de los psicólogos. Se considera que la perspectiva teórica elaborada por el autor soviético contribui por: destacar la transitoriedad de los eventos y fenómenos; atrelar el mundo de las ideas, valores y representaciones a la vida objetiva y a la práctica social; relacionar propuestas educacionales a un determinado proyecto de sociedad; defender la posibilidad del desvendamiento de la constitución social del psiquismo y de la posible intervención sobre la misma; requisitar una condición de desarrollo humano sobre el patamar del hombre cultural y libre. Por fin, se destaca el hecho de que la Educación Inclusiva debe se referir al proceso de apropiación y usufruto de las producciones humanas más complejas, elaboradas en las diferentes áreas de la vida y del conocimiento.; Este texto objetiva discutir contribuições da Psicologia Histórico-Cultural para a formação e a atuação do psicólogo junto à educação...

The challenges of realising inclusive education in South Africa

Donohue,Dana; Bornman,Juan
Fonte: South African Journal of Education Publicador: South African Journal of Education
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2014 EN
Relevância na Pesquisa
76.29%
In South Africa, up to 70% of children of school-going age with disabilities are out of school. Of those who do attend, most are still in separate, "special" schools for learners with disabilities. This situation prevails despite the push for the educational inclusion of learners with disabilities over twelve years ago by the South African policy document, the Education White Paper 6. In this article, we take a primarily top-down theoretical approach to policy implementation and focus on two main factors that hinder the implementation of inclusive education. Firstly, we focus on what we regard as the most significant constraint, namely, the apparent lack of clarity in the policy, i.e. ambiguity about the goals for inclusion and the means through which they can be achieved and, secondly, various issues around the poor implementation of the policy. We argue further that the primary means by which the divide between inclusive policy and practice will ultimately be closed is through the implementation and enforcement of education policy by the South African Department of Education.

Inclusive education: a case of beliefs competing for implementation

Meltz,Adrienne; Herman,Chaya; Pillay,Venitha
Fonte: South African Journal of Education Publicador: South African Journal of Education
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2014 EN
Relevância na Pesquisa
76.29%
The study explored the understanding and implementation of inclusive education in an independent Jewish community school; a school with a community ethos of care and belonging, whose context is, by definition, exclusionary on the grounds of a particular social category - religion. However, this exclusionary agenda positioned the school as inclusive on the grounds of strong communal values. Nevertheless, the school struggled with difference and diversity despite its purportedly strong communal spirit and religious culture. Further, it is arguable that the challenges encountered by the school may be indicative of the emergent economic context of South Africa where aspiration is often thwarted by economic realities. This study relied on qualitative methods of data generation such as insider interviews, personal accounts and document analysis. The participants were drawn from four stakeholder groups, namely, teachers, parents, middle managers and top managers. Guided by Lewin's theory of planned change, the study identified four belief systems which influenced the way inclusive education was both understood and practised in this school. The study argued for the recognition of the importance of different belief systems in the implementation of inclusion in South Africa.

General and special education teachers' relations within teamwork in inclusive education: socio-demographic characteristics

Radić-Šestić,Marina; Radovanović,Vesna; Milanović-Dobrota,Biljana; Slavkovic,Sanela; Langović-Milicvić,Ana
Fonte: South African Journal of Education Publicador: South African Journal of Education
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 EN
Relevância na Pesquisa
76.32%
The general objective of this study was to establish the relation between general and special education teachers within teamwork and to define socio-demographic factors that affect teamwork. The sample encompassed 223 general and special education teacher of both genders, age 25 to 60, who are employed in regular elementary schools in Serbia. The general and special education teachers approach data, according to the six dimensions of teamwork, were obtained by means of a standardized questionnaire for teamwork supervision, which contains 60 assertions (Cronbach's a = 0.907). Our research results indicate that there is no significant difference between general and special education teachers in their perception of the four out of six dimensions of teamwork. They are aware of the environment in which teamwork operates, they have similar behaviour and abilities, and they respect similar teamwork values. However, the transition, from traditional to inclusive education, brings the problem of general education teachers' professional identity (p = 0.043) and the meaning of interrelations with special education teachers, the significance of teamwork in broader social sense, and the benefits of teamwork outside the institution (p = 0.049).

Ecological aspects influencing the implementation of inclusive education in mainstream primary schools in the Eastern Cape, South Africa

Geldenhuys,J L; Wevers,N E J
Fonte: South African Journal of Education Publicador: South African Journal of Education
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 EN
Relevância na Pesquisa
76.34%
Despite efforts worldwide to ensure quality education for all learners through inclusive education, indications are that many learners, especially those that experience barriers to learning, are still excluded from full access to quality and equitable education opportunities in mainstream primary schools. This article uses a qualitative approach and phenomenological strategy to focus on the ecological aspects influencing the implementation of inclusive education in mainstream primary schools in the Eastern Cape, South Africa. Observation and semi-structured interviews were conducted with 28 participants from seven schools to gather data, whilst a process of framework analysis was used for the analysis of the data. The investigation revealed that the implementation of inclusive education is not only hampered by aspects within the school environment, but also by aspects across the entire ecological system of education.