Página 1 dos resultados de 7591 itens digitais encontrados em 0.006 segundos
Resultados filtrados por Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Resposta do idoso ao tratamento da dor : uma revisão integrativa

Silva, Thomas Augusto Angoneze
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.95%
O presente estudo teve como objetivo conhecer, com dados da literatura, como o idoso responde ao tratamento da dor. Tratou-se de uma revisão integrativa, segundo Mendes, Galvão e Silveira (2008) onde foram pesquisados artigos online, nas bases de dados Lilacs, Scielo, PUBMED e bireme, cumprindo as seis etapas previstas pelas autoras. Inicialmente foram selecionados trinta e quatro artigos utilizando-se os descritores Dor e Idoso, onde se evidenciou a prevalência de dor no idoso. Após a análise dos artigos foram selecionados seis destes que se adequavam os critérios de inclusão e exclusão segundo a metodologia descrita para tentar responder a questão levantada. Todos os artigos encontrados referiam-se a tratamentos complementares do dor no idoso. Não foram identificados, nas bases pesquisadas, estudo que abordassem a resposta do tratamento a do no idoso, com tratamentos alopáticos. Apenas um desses artigos abordou o trabalho da equipe de enfermagem no tratamento da dor no idoso. Parece existirem poucos estudos voltados para a população idosa que é cada vez mais prevalente no Brasil. O idoso aparentemente é tratado da mesma forma que adultos de outras faixas etárias, não respeitando-se suas diferenças biológicas e sócio culturais próprias do processo do envelhecimento. Quando tratado com técnicas complementares como hidroterapia...

Evidências para o desenvolvimento do diagnóstico de enfermagem "Síndrome da Fragilidade no Idoso" e fatores de risco para o diagnóstico de "Risco para a fragilidade no idoso" em unidades de internação cirúrgica

Erichsen, Carolina Gosmann
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.95%
Trata-se de uma pesquisa sobre a fragilidade no idoso, uma condição clínica com possibilidade de prevenção que ainda não tem consenso definido, porém é comumente caracterizada como uma síndrome biológica com declínio das reservas fisiológicas e da resistência aos fatores estressores. Essas alterações resultam de declínios cumulativos nos diversos sistemas orgânicos relacionados ao avanço da idade. Além das alterações físicas, também podem estar presentes alterações psicológicas e sociais. É uma condição de risco para o desenvolvimento de agravos à saúde como piora do quadro de doenças crônicas, desnutrição, quedas, desabilidades para o desempenho das atividades de vida diária, incapacidades, hospitalizações, podendo até levar à morte. Objetivo geral: analisar evidências e fatores de risco que possam contribuir para o desenvolvimento dos diagnósticos de enfermagem “síndrome da fragilidade no idoso” e “risco para fragilidade no idoso” em unidades de internação cirúrgica. Este estudo faz parte de uma pesquisa maior intitulada Fragilidade em idosos: evidências para o desenvolvimento dos diagnósticos de enfermagem “risco para fragilidade no idoso” e ou “síndrome da fragilidade no idoso”...