Página 1 dos resultados de 1779 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

O insucesso no ensino superior: perspectivas e situação dos alunos do 4º ano via ensino da Universidade da Madeira

Bento, António V.
Fonte: Grafimadeira Publicador: Grafimadeira
Tipo: Parte de Livro
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
37.3%
De acordo com um estudo do Observatório da Ciência e Ensino Superior (OCES), sobre taxas de insucesso no ensino Superior relativas ao ano lectivo de 2002/03, cerca de 1/3(36.5%) dos estudantes do ensino Universitário não termina o curso no tempo previsto.Já no Ensino Politécnico, os números são mais elevados, com um índice de insucesso de 46%. Na Universidade da Madeira a taxa de insucesso no ano lectivo de 2002/03 foi de 42.3%, superior à média nacional das Universidades (36.5%). De um total de 642 alunos inscritos pela 1ª vez no 1º ano, apenas 370 concluíram os seus cursos no tempo normal. Dados mais recentes (2004/05), indicam uma taxa de insucesso de 45.1%; de um total de inscritos de 459 no ano lectivo de 2001/02, somente 252 terminaram os seus cursos no ano lectivo de 2004/05. Este estudo de investigação levado a cabo junto dos alunos do 4º ano, via ensino, da Universidade da Madeira pretende averiguar das razões do insucesso académico a nível universitário, determinar possíveis diferenças de género e investigar sugestões para a diminuição das elevadas taxas de insucesso.

Insucesso escolar e Autoconceito

Branco, Joana Pavão
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências da Educação: Educação Especial, área de especialização em Domínio Cognitivo e Motor; O insucesso escolar e o autoconceito têm sido objeto de diversos estudos ao longo dos tempos, dada a sua relevância para a vida profissional, pessoal, social e emocional dos indivíduos. Esta pesquisa pretendeu verificar a relação existente entre as duas variáveis supramencionadas na área escolar da Maia, ilha de S. Miguel, através de um estudo descritivo misto. Procurou-se estudar o autoconceito de alunos com e sem insucesso escolar e, ao mesmo tempo, fazer o levantamento da perceção dos seus professores sobre estas duas temáticas. Para atingir estes objetivos, foram formuladas três hipóteses de investigação, as quais passaram por relacionar o nível de autoconceito dos alunos com o número de retenções, com o número de permanências no mesmo nível e com o número de insuficientes no Ciclo e, simultaneamente, comparar estes resultados aos dos alunos sem insucesso escolar. Após a aplicação da Escala de Autoconceito para Crianças de Piers-Harris (versão de Veiga, 2006) aos alunos de nível III e IV da referida área escolar e da realização de duas sessões de Grupos Focados aos professores dos alunos em estudo...

Percepção das atitudes educativas parentais e insucesso escolar na adolescência

Rebelo, Maria da Piedade Simões Santana Pessoa Vaz
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
37.36%
Os estudos teóricos e empíricos desenvolvidos neste trabalho centram-se na problemática do insucesso escolar (IE), procurando desenvolver uma análise interaccionista da influência dos factores da família, em particular da percepção das atitudes educativas parentais (PAEP), no insucesso escolar na adolescência (IEA). Se a relação entre as referidas atitudes e o insucesso escolar tem sido objecto de vários estudos, não foram ainda consideradas, de forma sistemática, as questões da sua importância relativa face a outros índices da família ou das características e tipos dessa influência. Importa, pois, analisar se as atitudes educativas parentais se relacionam com aquele de forma directa ou indirecta, se desempenham um papel mediador face a outros níveis da família ou se existem efeitos moderadores naquela relação. Tendo em conta o acima exposto, estruturou-se o trabalho em duas partes fundamentais. A primeira, relativa aos estudos teóricos e subdividida em dois capítulos, incide na análise da família enquanto contexto de desenvolvimento e na questão do insucesso escolar. Na segunda parte, é apresentado o estudo desenvolvido em torno da relação entre percepção das atitudes educativas parentais e insucesso escolar...

Resiliência e insucesso empresarial: um estudo exploratório sobre o comportamento resiliente e os estilos de enfrentamento do empreendedor em situações de insucesso empresarial, especificamente em casos de descontinuidade do negócio; Resilience and Business Failure - An exploratory study about the entrepreneurs resilient behavior and coping styles in failure situations, more specifically in cases of business discontinuance

Minello, Italo Fernando
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/05/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37.33%
A velocidade das transformações econômicas e tecnológicas no ambiente social e no mundo dos negócios exige do empreendedor capacidades cada vez mais adaptativas para que consiga manter a competitividade de seu negócio. O sucesso ou o fracasso empresarial estão condicionados à habilidade deste profissional em superar as adversidades que caracterizam o contexto dos negócios. A diversidade de enfoques teóricos sobre o sucesso traz diferentes perspectivas sobre a sobrevivência das empresas diante da realidade concorrencial do meio empresarial. Por outro lado, no que se refere ao insucesso ou fracasso empresarial, percebe-se uma carência de estudos sobre o assunto. No momento em que se relaciona o comportamento do empreendedor diante desse insucesso, suas características comportamentais, seus estilos de enfrentamento, sua capacidade de superar a adversidade do fracasso, maior ainda é a carência de pesquisas sobre o tema. Essa capacidade de superação evidencia o grau de resiliência do empreendedor diante do insucesso e está relacionada aos estilos de enfrentamento que o empreendedor adota. Em função disso, o presente estudo tem como objetivo analisar o comportamento resiliente e os estilos de enfrentamento dos empreendedores em situações de insucesso empresarial...

Insucesso escolar : insucesso do aluno ou insucesso do sistema escolar?

Roazzi, António; Almeida, Leandro S.
Fonte: CIEd - Edições Publicador: CIEd - Edições
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //1988 POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
Os autores salientam no artigo a necessidade de uma análise sócio-política do problema do insucesso escolar, destacando o reducionismo e as contradições que comportam as posições que o assumem como reflexo dos défices cognitivos e motivacionais das crianças ou o atribuem ao meio sócio-familiar pouco estimulante de tais alunos. Os autores questionam a maior incidência do insucesso escolar nas camadas sociais mais baixas, a discrepância entre a cultura da escola e cultura da criança, o actual carácter universal e obrigatório da escola nas sociedades evoluídas, os efeitos individuais e sociais da repetência escolar, os critérios de sucesso, assim como a importâncias e a necessidade de uma mudança de perspectiva na análise do insucesso escolar por parte das instituições e dos profissionais.

Fatores que contribuem para o insucesso das startups : o reverso da "medalha"

Silva, Francisco Aguiar de Melo e
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.36%
Dissertações de mestrado em Gestão; A literatura na área do empreendedorismo revela que existe uma elevada taxa de insucesso nas novas empresas. Este tema apresenta-se como relevante, sobretudo no contexto atual, e existem três argumentos que contribuem para explicar este fenómeno, a saber: (1) a taxa de sobrevivência das novas empresas ao fim de três anos é ainda de 47,1%, apesar da existência de um número cada vez maior de estudos que procuram identificar os fatores que contribuem para o seu sucesso; (2) o facto de a maioria dos estudos se focar no sucesso e não no insucesso; e (3) a inexistência de uma correlação direta entre os fatores que respetivamente contribuem para o sucesso e para o insucesso. A literatura distingue três níveis de análise entre os principais fatores de insucesso: (1) nível do empreendedor; (2) nível da organização; e, (3) nível do ambiente. Contudo, existe ainda uma ausência de consenso acerca das razões do insucesso de uma startup o que conduz, na maioria dos casos, a resultados empíricos controversos e fragmentados. Neste sentido, este estudo procura analisar o outro lado deste fenómeno, nomeadamente identificar e compreender os fatores que contribuem para o insucesso das micro e startups. Para tal...

O insucesso escolar em matemática no 3º ciclo do ensino básico: factores concorrenciais

Ruivo, Ilídio Machado
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.45%
Introdução - O problema do Insucesso Escolar em geral e na disciplina de Matemática em particular, tem constituído uma preocupação constante para educadores e investigadores no campo das Ciências da Educação, o que se verifica desde há longos anos. Muitos destes investigadores, fundamentalmente ligados às instituições onde se estudam e experimentam as diversas Ciências da Educação, dedicam sobretudo nas últimas décadas uma grande parte da sua actividade em pesquisas relacionadas com este problema. Todos eles trabalham na tentativa de encontrar algumas das causas fundamentais do "insucesso escolar na disciplina de Matemática". E assim vão, ao mesmo tempo, procurando criar estratégias que desenvolvam nos nossos alunos diversas capacidades de raciocínio matemático. E por comungarmos desta mesma preocupação, relativamente ao (in)sucesso escolar, que vamos constituir a base do nosso trabalho, analisando a área do desenvolvimento de capacidades cognitivas, especialmente para desenvolver a capacidade de raciocinar e melhorar as capacidades de resolver problemas, que envolvam raciocínios de natureza matemática, vamos tentar deste modo reduzir o mais possível os níveis de insucesso escolar nesta disciplina. Não deixamos de reconhecer...

Factores de prognóstico para os resultados de insucesso da intervenção multimodal em fisioterapia, em utentes com dor lombar crónica

Costa, Daniela
Fonte: Instituto Politécnico de Setúbal. Escola Superior de Saúde Publicador: Instituto Politécnico de Setúbal. Escola Superior de Saúde
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.45%
Relatório do Projeto de Investigação apresentado para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Fisioterapia, área de especialização em Fisioterapia em Condições Músculo- Esqueléticas; Introdução: As elevadas taxas de insucesso, segundo o benefício clínico da intervenção da Fisioterapia, sugerem haver características dos utentes que influenciam o sucesso/insucesso da intervenção. No entanto, os estudos dos factores de prognóstico neste âmbito são escassos e inconsistentes. Objectivo: Este estudo pretende determinar se um modelo baseado em factores de prognóstico é capaz de prever os resultados de insucesso da Fisioterapia em utentes com Dor Lombar Crónica (DLC) a curto e médio prazo, para os outcomes incapacidade funcional, intensidade da dor e percepção global de melhoria. Metodologia: A amostra deste estudo de coorte prospectivo foi composta por 95 utentes referenciados para a Fisioterapia, avaliados antes da intervenção, 6 semanas após o seu inicio e 3 meses após o seu término. O insucesso foi determinado segundo a Diferença Mínima Clinicamente Importante para cada instrumento de medida: incapacidade da funcional pela Quebec Back Pain Disability Scale (QBPDS-PT)...

A problemática do insucesso escolar: a Educação Física como estratégia de combate ao insucesso e abandono escolar: uma abordagem teórica

Silva, Carlos Alberto Costa
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
Dissertação de Mestrado em Ensino de Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário; O insucesso escolar é nos nossos dias um fenómeno social, este deixou de ser encarado como uma característica individual, do ponto de vista do aluno, passando a ser cada vez mais considerado como um fenómeno com implicações socias e económicas. Apesar de ser um problema que acompanha todo o processo de ensino, desde o primeiro ciclo até ao ensino superior, o seu enfoque está nos resultados a nível da escolaridade obrigatória, sendo a avaliação do processo educativo centrada em resultados palpáveis (aquisição de competências e conhecimentos que preparam o indivíduo para o mundo do trabalho) e não tanto na experiência de vida. Contudo, definir insucesso escolar apresenta-se uma tarefa complexa, visto que além deste conceito encerrar uma multiplicidade de entendimentos, o seu estudo apresenta uma enorme polissemia, notória nas tentativas efectuadas pelas diferentes áreas disciplinares para a sua compreensão e definição. Para Fernandes (1991), a definição oficial do insucesso escolar, advém do regime anual de passagem/reprovação dos alunos, inerente à estrutura de avaliação característica do sistema de ensino. Este estudo procura dar a conhecer a realidade portuguesa relativamente àquilo que é o insucesso e abandono escolar...

Diferencial de perceção dos fatores de insucesso escolar entre os diferentes atores do processo educativo: um estudo de caso em Almancil

Sousa, Cristiana Alexandra Ribeiro
Fonte: Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas Publicador: Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.3%
O tema central desta investigação são os fatores de insucesso escolar, em concreto na Escola EB Dr. António de Sousa Agostinho em Almancil. A justificação para o estudo reside na convicção de que, embora a questão do insucesso seja tema de debate recorrente na investigação social, as suas razões têm que continuar a ser estudadas, de forma a haver uma concertação de estratégias eficazes para o combater e a atender igualmente à especificidade dos contextos sociais, económicos e culturais onde ele tem maior incidência, procurando avaliar também como é que esses diferentes fatores podem, ou não, concorrer para o insucesso escolar. A questão central colocada à partida foi a do diferencial de perceção dos fatores de insucesso escolar segundo os próprios alunos, seus encarregados de educação e professores, e explorar de que forma se relacionam entre si os fatores apontados. Foi usado essencialmente o método qualitativo, tendo os dados sido recolhidos através da entrevista qualitativa e da realização de sessões de focus groups e, a metodologia quantitativa como apoio através da utilização de questionário. As conclusões a que chegámos através da análise revelaram que, os diferentes atores do processo educativo apontam diversos fatores de insucesso escolar...

Os processos de produção do insucesso escolar: o ponto de vista dos alunos

Belo, Berta Cruz dos Santos Guerra
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
Mestrado em Educação e Sociedade; A presente investigação visa reflectir sobre o insucesso escolar, na perspectiva dos alunos. Foram recolhidos relatos desta vivência por parte de alguns alunos com insucesso escolar, de modo a elaborar um quadro compreensivo desta problemática. Recorreu-se a entrevistas semi-estruturadas a onze alunos, que tivessem na sua vida escolar experiência de insucesso, verificando-se diferenças entre o número de reprovações e os cursos que frequentam. Este estudo veio revelar que os alunos com experiência de insucesso escolar atribuem, em especial, a si próprios a responsabilidade pelo seu fracasso. Para além deste denominador comum, foi possível detectar particularidades de acordo com o maior ou menor número de reprovações, o que permitiu identificar dois modos diferenciados de vivenciar a sua situação de insucesso escolar : "viver com esperança" e "viver com arrependimento".; The goal of this investigation is to find a little bit more about the poor school performance, on the point of view of students themselves. I picked-up some reports of these experiences, taken from several pupils living school failures, to get a comparative notice-board on this matter. I´ve got some semi structured appointments from eleven pupils...

Estudo de fatores do insucesso de empresas nascentes na àrea das tecnologias da informação, comunicação e electrónica em Portugal

Ferreira, Edgar da Silva
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.3%
Mestrado em Empreendedorismo e Inovação/ Classificação JEL: L26, L86:; O sector das Tecnologias da Informação, Comunicações e Eletrónica (TICE) tem vindo a ganhar relevo pelo aparecimento constante de novos empreendimentos, sendo deste mercado que a generalidade dos países desenvolvidos depende (Maryska et al., 2012). Motivado pelo facto de menos de um terço das start-ups sobreviverem por um período maior do que 5 anos (Stokes, 2011), este estudo, cuja metodologia foi adaptada de Stokes e Blackburn (2002), propõe-se determinar quais as principais causas de insucesso no sector das TICE em Portugal. Para o efeito, foram recolhidos 28 questionários online e entrevistados 8 promotores nesta área. Quantitativamente, os promotores de casos de sucesso classificam o foco, equipa técnica, flexibilidade e adaptação ao mercado, desenvolvimento e diferenciação da oferta como fatores preponderantes para se atingir o sucesso. Os promotores das empresas nascentes de insucesso classificam os fatores tesouraria e financiamento, equipa de gestão, perfil da equipa promotora, rede de contactos e desenvolvimento da oferta como maiores contribuintes para o insucesso. Estatisticamente, conclui-se que os fatores mais relevantes na distinção entre sucesso e insucesso são a complementaridade de valências dos promotores...

Autoconceito académico e auto-estima em alunos com insucesso escolar

Pereira, Estevão Manuel Machado
Fonte: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida Publicador: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
Desde os anos cinquenta que se sucedem estudos para relacionar o autoconceito académico e a auto-estima com os resultados escolares. Sabe-se hoje, que uma criança quando entra para a escola, começa a formar o seu autoconceito baseada nos seus resultados escolares, com a sua evolução, atinge uma fase em que é o autoconceito por si formado que influencia os resultados que obtém (Rodrigues, 1994 citado por Simão 2005). Segundo Peixoto (2004) são vários os estudos que demonstram a inexistência de uma relação directa entre a auto-estima e insucesso escolar, por outro lado comprovam que os resultados escolares ((in)sucesso escolar) pode afectar o autoconceito. O objectivo deste estudo é verificar se o autoconceito académico e a auto-estima são menores em alunos com insucesso escolar do que em alunos com sucesso escolar. A amostra é constituída por 77 participantes, de 3 escolas diferentes, seleccionados segundo dois critérios: terem idades compreendidas entre os 13 e os 16 anos inclusive; e terem insucesso escolar, que neste trabalho estipulou-se que seriam alunos com 2 ou mais repetências de ano de escolaridade. Utilizou-se a escala de autoconceito e auto-estima (Peixoto & Almeida, 1999) (anexo1), e procedeu-se ao tratamento estatístico dos dados através do SPSS. Pretendeu-se verificar se existiam diferenças significativas...

Insucesso escolar a matemática: realidade ou mito?

Pereira, Eugénia Maria Caetano
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
O insucesso escolar na disciplina de Matemática é um tema de que há muito se ouve falar e que preocupa cada vez mais os docentes, muito em particular os da disciplina em questão. Este estudo exploratório pretende conhecer, através de uma investigação qualitativa, a percepção dos professores sobre o insucesso escolar à disciplina de matemática. Usando a técnica da entrevista, recolheram-se dados relativos às representações dos professores sobre o insucesso escolar, motivação/ acção, factores sócio-económicos, reacções dos encarregados de educação e influência da comunicação social. Os resultados apontam que os professores consideram que o insucesso escolar se verifica quando os alunos não conseguem atingir os objectivos/ competências propostas às disciplinas, causados pela falta de trabalho, empenho e expectativas, aconselhando-os a procederam a um estudo diário e sistemático, no sentido de colmatar as dificuldades. Cabe aos pais o acompanhamento, diálogo e estímulo para a vida académica. A escola deve continuar com a sua acção, já que os resultados obtidos na mesma se revelam bastante positivos e vêm contrariar a opinião da comunicação social, porque o insucesso não é exclusivo da matemática...

O insucesso escolar dos alunos do terceiro ciclo do ensino básico e na disciplina de matemática: a implementação de novas estratégias

Ruivo, Idílio Machado
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
37.36%
Os estudos desenvolvidos procuram dar a conhecer uma parte da problemática do Insucesso Escolar, pretendendo identificar algumas razões do insucesso escolar na disciplina de Matemática no terceiro ciclo do ensino básico e tentar combatê-lo com a aplicação de estratégias para melhor podermos ajudar os nossos alunos a vencerem as suas dificuldades, enquanto lhes fizemos sentir a importância do que para eles representa em termos de vida futura possuírem bastantes e bons conhecimentos ao nível da Matemática. O Insucesso Escolar é um fenómeno complexo, uma vez que envolve um conjunto de fatores que contribuem para o crescimento do Insucesso Social. Conscientes desta realidade tentamos participar neste combate com este modesto contributo, introduzindo e testando estratégias que pudessem minimizar ou que até pudessem eliminar alguns aspetos que se apresentam como os grandes responsáveis pelo insucesso a que assistimos na área das matemáticas. Os instrumentos usados para fundamentarmos as escolhas das estratégias que melhor se aplicassem aos alunos das Escolas onde realizámos o nosso estudo, foram de várias naturezas: envolveram observações naturalistas em turmas dos três anos do terceiro ciclo de escolaridade, questionários aplicados nas comunidades envolventes...

O insucesso escolar e as variáveis sócio familiares

Charrua, Magda Cristina Diniz Faleiro
Fonte: Universidade Nova de Lisboa Publicador: Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /09/2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
Desde sempre que a educação me tem suscitado interesse. Como professora que sou, o insucesso escolar passou a fazer parte das minhas inquietações diárias. Provavelmente desde sempre, mas com particular ênfase desde a entrada de Portugal na União Europeia que se procura combater o problema através de reformas e medidas diversas implementadas pelos sucessivos governos, na tentativa de minimizar a sua dimensão. Mas o insucesso escolar continua a persistir, para desespero de educadores, pais, comunidade em geral e tutela, que veem Portugal muito aquém dos outros países da União Europeia no que respeita a este fenómeno. Ao verificar as constantes interrupções que os estudos sofrem por parte de muitos jovens e os casos sucedidos de insucesso escolar, interrogo-me até onde vai a nossa responsabilidade como professores nesta questão, e o que mais poderemos fazer para tentar colmatar tão grave problema. Neste enquadramento encontro o fundamento do meu estudo e na tentativa de perceber os fatores que diferenciam dois grupos de jovens alunos distintos. Procuro assim identificar causas e estruturas que fomentam o insucesso escolar, analisando soluções sempre que possível. Sendo assim este trabalho insere-se num estudo correlativo. A investigação baseia-se nos exemplos dos estudos empíricos...

Insucesso na matemática no 3º Ciclo: causas e estratégias de combate.

Filipe, Sara Filipa Patrão Peres
Fonte: Universidade Portucalense Publicador: Universidade Portucalense
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2007 POR
Relevância na Pesquisa
37.33%
Nenhum; Dissertação de Mestrado em Administração e Planificação da Educação.; Sendo o insucesso escolar na matemática um tema actual, reconhecido por todos e com frequência pela comunicação social (épocas de exames, análise de resultados dos mesmos, das provas de aferição e doutros estudos), pareceu-nos pertinente fazer uma investigação sobre a problemática do insucesso escolar na Matemática no terceiro ciclo do Ensino Básico. Neste estudo procuramos reflectir e investigar sobre as principais causas do insucesso na disciplina de Matemática, não nos limitando a identificá-las, mas também procuramos avaliar quais as estratégias que a escola e os professores adoptam para o combater. Delimitamos como objecto de estudo os alunos que frequentam o 3º ciclo do Ensino Básico, inquirindo-os, bem como inquirindo os professores que leccionam Matemática nas escolas do concelho de Esposende. É feita uma abordagem teórica fundamentada na perspectiva de alguns investigadores articulada com o estudo empírico realizado junto de alunos e professores. Optámos pela apresentação de inquéritos por questionário e por entrevista estruturados tendo em conta os objectivos e as hipóteses, de modo a recolher indicadores das causas do insucesso e de estratégias para o seu combate. Da análise dos dados recolhidos...

Atribuições causais para o sucesso e insucesso escolar

Franco, João José de Sousa
Fonte: Escola Superior de Enfermagem Dr. Ângelo da Fonseca Publicador: Escola Superior de Enfermagem Dr. Ângelo da Fonseca
Tipo: Trabalho em Andamento
Publicado em 01/02/1995 POR
Relevância na Pesquisa
37.3%
Tendo verificado, como docentes, a tendência para os alunos atribuírem as suas falhas a elementos ou situações exteriores a si, sentimo-nos motivados para a realização do presente trabalho, onde se procura medir o nível de internalidade dos alunos para o sucesso e insucesso escolar a partir das atribuições causais. Para se avaliar as atribuições específicas dos alunos no ensino clínico de enfermagem, construímos duas escalas, uma de atribuições causais para o sucesso e outra para o insucesso, cujos valores do teste-reteste pela aplicação do coeficiente de correlação de Pearson, foram respectivamente 0.63 e 0.80 com p=0.00. A partir das atribuições causais para o sucesso e insucesso escolar, medimos o nível de internalidade e relacionámo-lo com a nota esperada, com a nota obtida e com o locus de controlo. No estudo participaram 62 alunos. Dos resultados encontrados verificámos a existência de um nível de internalidade para o sucesso positivo baixo (2.39) e um nível de internalidade para o insucesso negativo médio (-9.69). Das hipóteses testadas verificámos existir correlação significativa entre a nota esperada e o nível de internalidade para o sucesso (r=0.30), a nota obtida e o nível de internalidade para o sucesso (r=0.38)...

Insucesso na matemática: as percepções dos alunos e as percepções dos professores.

Almeida, Maria Madalena Ribeiro
Fonte: Universidade Portucalense Publicador: Universidade Portucalense
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
37.42%
O insucesso escolar dos alunos portugueses tem vindo a preocupar todos os intervenientes, directos ou indirectos, do processo de ensino-aprendizagem. Em particular, o insucesso na disciplina de Matemática, que aparece associado ao insucesso escolar, é um problema reconhecido por todos e que tem feito parte do dia-a-dia dos alunos e professores portugueses. Esta problemática tem persistido ao longo dos anos e a necessidade de a estudar, de realizar uma reflexão e de promover estudos na busca de formas de a combater é incontestável. Neste trabalho investigativo pretende-se estudar o insucesso na disciplina de Matemática, procurando perceber a percepção de alunos e docentes em relação às causas e formas de combate desta problemática e compará-las. Deste modo, a pergunta de partida deste estudo é: “Será que a percepção dos alunos sobre as causas do insucesso na Matemática e sobre as formas de o combater coincide com as opiniões dos professores?”. Este estudo inicia-se com uma abordagem teórica fundamentada na perspectiva de alguns investigadores, tanto sobre o insucesso escolar como sobre o insucesso na disciplina de Matemática. A metodologia adoptada neste estudo é mista e realizou-se um estudo etnográfico...

A Educação Física como medida de combate ao insucesso e abandono escolar

Costa, Mara Andreia da Silva
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.3%
Dissertação de Mestrado em Ensino de Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário; O insucesso escolar é um problema que infelizmente faz parte do percurso escolar dos nossos alunos e é um tema de importância crescente na nossa sociedade. Em Portugal o insucesso escolar é definido segundo Silva (2004) como a incapacidade que o aluno revela em atingir os objetivos globais definidos para cada ciclo de estudos utilizando-se como indicadores de insucesso as taxas de retenção, de abandonos e de insucesso nos exames. Este estudo tem como objetivo perceber de que forma a Educação Física (EF) pode ser importante para a prevenção do abandono e do insucesso escolar, na perspetiva dos alunos, e entender se de alguma forma pode ser um fator potenciador de motivação para a escola. A amostra deste estudo é constituída por 116 alunos, que fazem parte do 3º ciclo de uma escola do agrupamento de Ovar. Para a recolha dos dados foi utilizado um questionário, em que os resultados obtidos demonstram que a maioria das representações são positivas, tanto na globalidade dos 116 alunos com 46% das respostas positivas, como na amostra dos 35 alunos que já repetiram de ano com 49% das respostas positivas, é possível verificar assim...