Página 1 dos resultados de 15940 itens digitais encontrados em 0.009 segundos

Gênero, cuidado e saúde: estudo entre homens usuários da atenção primária em São Paulo; Gender, health and care: study among men patients from primary care in São Paulo

Villar, Gabriela Baruque
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/04/2007 PT
Relevância na Pesquisa
36.84%
A saúde do homem surge como questão de Saúde Pública frente às elevadas taxas de mortalidade masculina quando comparadas às taxas de mortalidade feminina. Há algumas décadas, os estudos sobre homens buscam relacionar essas estatísticas com a questão de gênero, demonstrando que o padrão de comportamento adotado pelos homens, baseado na masculinidade hegemônica, e socialmente imposto, está relacionado ao comportamento do homem em relação ao processo saúde-doença. Este estudo pretende conhecer a população masculina adulta usuária de um serviço de atenção primária à saúde o Centro de Saúde Escola Barra Funda Dr. Alexandre Vranjac (CSEBF-AV) e o modo como essa população se relaciona com o serviço: quem são esses homens, quais são as suas demandas e como eles estão inseridos na unidade. A partir do projeto de pesquisa intitulado Homens, violência e saúde: uma contribuição para a linha de pesquisa e intervenção em gênero, violência doméstica e saúde selecionou-se amostra de 237 homens usuários do CSEBF-AV. Os homens foram individualmente entrevistados a partir do instrumento questionário e seus prontuários lidos a partir da ficha de leitura de prontuários, buscando-se conhecer aspectos sócio-demográficos...

Estudo da prevalência de papilomavirus humano (HPV) em urina de homens infectados pelo HIV-1 na cidade de São Paulo, Brasil; Study of prevalence of human papillomavirus HPV in urine samples of male HIV-1

Costa, Fernando Augusto Miranda da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/02/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.76%
Introdução: O Papilomavirus Humano ( HPV) é um vírus de DNA que inclui 118 genótipos, sendo o tipo 16 responsável por 80% dos casos de câncer cervical nas mulheres. Os homens são um importante reservatório de HPV e os principais responsáveis pela transmissão às suas parceiras. Objetivo: Detectar HPV DNA e determinar a prevalência de HPV-16, 18, 6 e 11 em amostras de urina de homens infectados pelo HIV-1. Material e Métodos: Homens adultos infectados pelo HIV proveniente de clínica de Urologia/doenças sexualmente transmissíveis e clínica de HIV foram convidados a participar da pesquisa. O estudo foi conduzido entre março de 2006 e abril de 2008. Cerca de 20 ml de urine foi coletada em uma sala específica. As amostras foram submetidas a um PCR Real Time utilizando-se Sybr Green® com primers degenerados PGMY09/11 para detecção de HPV DNA. As amostras positivas, então, foram submetidas a uma PCR convencional utilizando-se primers específicos para cada tipo de HPV. Resultados: Um total de 223 homens infectados pelo HIV-1 foi testado, sendo que 81% deles utilizavam HAART. Sessenta e nove (30.9%) homens apresentaram positividade para HPV DNA na urina pelo método de PCR Real Time. Vinte e dois (31.9%) deles foram positivos para o HPV-16...

O trabalho de jovens universitários e repercussões no sono e na sonolência: trabalhar e estudar afeta diferentemente homens e mulheres?; Employment among college students and repercussion on sleep and sleepiness: does working and studying affect men and women differently?

Nagai, Roberta
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 04/12/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.72%
Introdução: Trabalhar e estudar têm sido frequentemente observadas entre jovens universitários. Um dos resultados dessa dupla jornada esta população é a restrição aos horários de dormir e acordar, especialmente nos dias de trabalho. Como conseqüência da privação de sono, relatos de sonolência excessiva diurna e queda no desempenho nos estudos e no trabalho são frequentes. Em relação às diferenças entre os sexos, poucos são estudos que abordam as características dos padrões do ciclo vigília-sono e sonolência de universitários trabalhadores, homens e mulheres. Objetivo: Analisar o ciclo vigília-sono e sonolência de homens e mulheres que trabalham e estudam no turno noturno. Metodologia: Participaram deste projeto 82 estudantes universitários trabalhadores, de 21 a 26 anos de idade, que freqüentavam as aulas no período noturno. Na primeira etapa, os participantes preencheram o questionário de caracterização das condições de vida, saúde e trabalho. Na segunda etapa, os participantes utilizaram um actímetro durante 7 dias consecutivos para obtenção de dados de sono e vigília, preencheram a escala de sonolência Karolinska (KSS) e realizaram um teste de vigilância psicomotora (PVT) em diversos momentos do dia. Além disso...

Avaliação do impacto da varicocele clínica no volume testicular, parâmetros seminais e níveis de radicais livres de oxigênio no sêmen de homens com fertilidade comprovada; Impact of clinical varicocele on testis size, semen parameters and seminal reactive oxygen species levels in a proven fertile population

Cocuzza, Marcello Antonio Signorelli
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/10/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.81%
Apesar da maioria dos estudos mostrarem que parâmetros seminais anormais, redução do volume testicular e elevação dos níveis de radicais livres de oxigênio (ROS) no sêmen estão associados à presença de varicocele em homens inférteis, a maioria dos homens com varicocele apresenta os parâmetros seminais normais e são capazes de estabelecer gravidez em suas esposas. Nesse sentido, a avaliação desses parâmetros ainda não foi adequadamente estudada em homens com fertilidade comprovada e que apresentam varicocele. Esse estudo teve como objetivo estudar o impacto da varicocele clínica em homens férteis avaliando o volume testicular, parâmetros tradicionais da análise seminal e níveis de radicais livres de oxigênio no sêmen. Esses parâmetros foram avaliados em 113 homens férteis sem varicocele, 43 homens férteis com varicocele e 38 pacientes inférteis com varicocele. A medida do volume testicular foi realizada utilizando-se orquidômetro de Prader. Os parâmetros seminais foram avaliados manualmente segundo os critérios da Organização Mundial da Saúde (OMS) e a morfologia avaliada conforme os critérios da OMS e estrito de Kruger. Os níveis de ROS foram mensurados em sêmen puro utilizando-se a quimioluminescência. Os pacientes inférteis com varicocele apresentaram diminuição dos parâmetros seminais...

Agravos à saúde mental dos homens envolvidos em situações de violência; Mental suffering among men involved in violence situations

Albuquerque, Fernando Pessoa de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/06/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.7%
Há poucos estudos sobre saúde mental masculina, em especial quando a temática é a violência. Os trabalhos sobre homens e violência sofrida destacam eventos fatais, oferecendo pouca visibilidade à violência não fatal. No presente estudo, analisou-se a associação entre esses dois eventos, cuja relação é pouco explorada. Metodologicamente, realizou-se um estudo transversal, com 477 usuários masculinos de serviços de atenção primária, de 18 a 60 anos. A seleção amostral foi do tipo consecutivo, por ordem de chegada em dois serviços de atenção primária na cidade de São Paulo. Foram coletadas características sócio-demográficas, de saúde e relatos de experiência de violência sofrida ao longo da vida (adulta, na adolescência e/ou na infância) e de violência testemunhada na infância. Também foram coletadas informações sobre uso do serviço de saúde mental e/ou queixas/diagnósticos psicológicos em consulta da clínica médica, por meio de leitura de prontuários médicos, para categorização da variável dependente sofrimento mental. As variáveis foram descritas por frequências e proporções, apresentando 29,4% (140) de homens com sofrimento mental. Dentre esses homens, 45,7% sofreram violência física e/ou sexual mais de uma vez na vida. Em relação à violência sofrida na infância e/ou adolescência...

A pena que vale a pena: alcances e limites de grupos reflexivos para homens autores de violência contra a mulher; A sentence that it's worth: scope and limits of discussion groups for men who commit violence against women

Prates, Paula Licursi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 15/05/2013 PT
Relevância na Pesquisa
36.72%
Introdução: O estudo das masculinidades e suas relações com a ocorrência da violência contra a mulher são decorrentes dos estudos de gênero. Para enfrentar o problema e incorporando esta tendência, a Lei Maria da Penha recomenda o encaminhamento de homens autores de violência contra mulher a serviços específicos, sendo o grupo reflexivo uma das possibilidades de intervenção. Objetivos: Caracterizar o perfil de homens participantes do grupo reflexivo; descrever como a dinâmica e os conteúdos veiculados no grupo mobilizam a reflexão; identificar que aspectos das falas dos sujeitos são indicadores de novas posturas e ressignificações das relações; analisar alcances e limites de grupos reflexivos como estratégia de enfrentamento à violência contra as mulheres. Método: Pesquisa qualitativa, do tipo estudo de caso, centrada na análise de um grupo composto por homens autores de violência contra a mulher, encaminhados pela justiça para cumprimento de medida judicial. Os dados sociodemográficos e criminais dos homens foram coletados em formulários e boletins de ocorrência. As falas dos sujeitos foram obtidas através de gravação dos grupos e de entrevistas individuais. As falas foram transcritas e interpretadas por meio da análise temática e discursiva...

Masculinidades contemporâneas: representações da masculinidade na ótica de homens e mulheres executivos

Zanardi, Ana Carolina Herdy
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.72%
Nesta dissertação, o objetivo é identificar e analisar as representações sociais acerca das masculinidades referidas por homens executivos, gestores do mundo de negócios. Onde o foco maior é conseguir evidências para os seguintes questionamentos: o que é ser homem no mundo dos negócios? Quais as representações sociais da masculinidade? Quais as formas privilegiadas, ou hegemônicas dessa masculinidade? Este trabalho está baseado no projeto de pesquisa do Dr. Alexandre de Pádua Carrieri sobre “Masculinidades Contemporâneas: Representações da Masculinidade na Ótica de Homens e Mulheres Executivos”. Como contribuição teórica para os estudos organizacionais, esta pesquisa possibilita um olhar sobre a masculinidade contemporânea no ambiente empresarial, e não apenas a dominação do masculino sobre o feminino. Como o mundo dos negócios é um termo abrangente a pesquisa não se concentrou em setores específicos da sociedade, ou mesmo desse “mundo de negócios”, se buscou alcançar uma concepção analítica que atingisse a representação social sobre esse mundo. O objeto alvo deste estudo são os executivos, diretores, gerentes, assessores e coordenadores, pois esses sujeitos dentro da dinâmica do capitalismo contemporâneo são móveis dentro dos controles das organizações. Trata-se de uma pesquisa exploratória...

Homens falados

Müller, Rita de Cássia Flores
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.72%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Psicologia.; A presente dissertação esteve relacionada a uma das etapas da pesquisa multicêntrica Homens nos Serviços de Saúde: Rompendo Barreiras Culturais, Institucionais e Individuais, realizada em Recife, São Paulo e Florianópolis, envolvendo diversos núcleos de pesquisa. O objetivo daquele trabalho foi dar subsídios para promover a inserção de homens em programas de saúde reprodutiva/saúde integral, em um hospital de referência de cada uma destas capitais brasileiras. A pesquisa foi realizada no Hospital Universitário (HU) de Florianópolis, uma instituição de referência pública e de clientela do Sistema Único de Saúde (SUS) em Santa Catarina. Foram realizadas entrevistas com 11 profissionais de saúde (homens e mulheres) desta instituição e 3 gestores/a em saúde do município. Foram realizados também 3 grupos focais com homens usuários dos serviços do HU. As falas dos profissionais entrevistados e dos usuários nos grupos focais, aliadas aos documentos oficiais disponíveis no site do Ministério da Saúde, constituem a textualidade material e simbólica sobre a qual se sustenta a análise e a escrita deste trabalho. A dissertação teve como objetivo investigar a relação de homens com o sistema de saúde...

Densidade mineral óssea, deformidades vetebrais e qualidade de vida em homens com idade acima de 60 anos

Apolinário, Camilla Esmeraldo
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
36.7%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, 2012.; A osteoporose é uma doença esquelética que cursa com redução da resistência óssea e cuja consequencia mais séria é a fratura por fragilidade óssea. A doença é considerada um problema de saúde pública e a redução da densidade mineral óssea e a ocorrência de fraturas podem levar a aumento da morbi-mortalidade, com impacto na qualidade de vida de homens com idade avançada. O objetivo deste trabalho foi estudar a qualidade de vida em homens com idade acima de 60 anos e associar com a densidade mineral óssea e a presença, quantidade e gravidade de alterações morfométricas vertebrais decorrentes de fragilidade óssea. O delineamento do estudo foi observacional, do tipo transversal e a amostra foi composta de 69 homens com idade acima de 60 anos, moradores de São Sebastião, DF. Para avaliação da qualidade de vida, foi utilizado o questionário específico Osteoporosis Assessment Questionnaire. Através de coleta de dados em prontuário foram levantados a idade, os dados antropométricos, os resultados da densitometria óssea e da morfometria dos corpos vertebrais a partir de radiografias da coluna torácica e lombar. 47...

A influência da Sarcopenia na densidade mineral óssea de homens idosos

Pereira, Fernando Borges
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
36.79%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, 2014.; Introdução: A osteoporose é considerada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) um problema de saúde pública para a população de homens idosos. O maior impacto da osteoporose na saúde pública deve-se à ocorrência de fraturas por trauma mínimo. O Sistema Único de Saúde (SUS), entre os anos de 2008 e 2010, realizou 3.252.756 procedimentos relacionados ao tratamento de osteoporose que totalizaram um gasto de R$ 288.986.335,15. Vinte e quatro porcento do total de procedimentos foram realizados em homens. A sarcopenia, caracterizada pela perda de força e de massa muscular, tem sido apontada com um possível fator de risco para osteoporose em homens idosos, entretanto, os dados disponíveis sobre essa associação são inconsistentes, principalmente, devido à falta de consenso no diagnóstico de sarcopenia. Objetivo: Analisar a influência da sarcopenia na densidade mineral óssea (DMO) de homens idosos. Métodos: Este estudo de corte transversal avaliou 198 homens com idade acima de 60 anos. As densidades minerais ósseas do colo femoral, do quadril total, da coluna lombar, do radio 33% e a composição corporal foram avaliadas por exame de densitometria óssea por dupla emissão de fótons de raios X. O diagnóstico de DMO anormal foi definido para homens com diagnóstico densitométrico de osteopenia ou osteoporose definidos pelo T-score do colo femoral...

Condi????es associadas ?? sa??de auto-referida em homens idosos de Juiz de Fora, MG

Santiago, L??via Maria
Fonte: Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Dissertação
Relevância na Pesquisa
36.76%
A sa??de auto-referida tem sido considerada um indicador ??til de condi????es e desfechos de sa??de entre indiv??duos idosos, especialmente a mortalidade. Essa medida baseia-se na interpreta????o de aspectos f??sicos objetivos, de status mental, de expectativas e referenciais de compara????o, representando uma percep????o individual, pr??pria de cada sujeito. Apesar da import??ncia dos problemas masculinos de sa??de no perfil de morbimortalidade da popula????o brasileira idosa, os homens idosos t??m sido pouco contemplados em estudos que analisem suas particularidades. Esta disserta????o, composta por dois artigos, objetivou estudar as condi????es associadas ?? sa??de auto-referida em homens idosos do munic??pio de Juiz de Fora, MG. O primeiro artigo ?? um estudo transversal, que busca contribuir para o entendimento de quest??es relacionadas ??s caracter??sticas de sa??de dos homens idosos e a forma como estes avaliam sua sa??de. Realizou-se a an??lise descritiva das vari??veis do estudo e as rela????es entre sa??de auto-referida e as co-vari??veis foram exploradas atrav??s de raz??es de preval??ncia (RP), sendo a an??lise multivariada efetuada atrav??s da regress??o de Poisson. A popula????o de estudo foi constitu??da por 2876 homens...

Coparenting in fathers during the transition to parenthood; Coparentalidade em pais - homens durante a transição para a parentalidade

Pinto, Tiago Miguel Pires
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2014 ENG
Relevância na Pesquisa
36.74%
Dissertação de mestrado integrado em Psicologia (área de especialização em Psicologia Clínica e da Saúde); Coparenting establishment is a new developmental task during the transition to parenthood with importance to the success of this developmental transition that needs to be better explored. However, only few studies have investigated (a) coparenting development path during pregnancy and (b) individual and dyadic processes associated to the positive resolution of this developmental task in fathers. Addressing these gaps on coparenting investigation, the aims of the present study are: (1) to analyze coparenting development path in fathers from the first trimester of pregnancy until childbirth, (2) to explore the effects of individual (depression and anxiety) and dyadic (partner’s relationship quality) dimensions on coparenting development path during this period in fathers, (3) to study differences in coparenting according to fathers’ depression, anxiety and partner’s relationship quality at the first trimester of pregnancy and (4) to study fathers’ depression, anxiety and partner’s relationship quality as predictors of coparenting at childbirth. The sample consists in 41 primiparous fathers. Three assessments were performed with the same measures: 1st and 3rd trimester of pregnancy and childbirth. A significant decrease in coparenting between the 1st trimester of pregnancy and childbirth was found. No effects for depression...

Determinantes do risco e implicações para a saúde nas práticas sexuais de homens que têm sexo com homens

Pereira, Henrique Marques
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2007 POR
Relevância na Pesquisa
36.7%
O objectivo do presente trabalho é compreender que variáveis parecem estar implicadas na adopção de um comportamento sexual de risco entre homens que têm sexo (HSH) com homens. Para tal, delineou-se uma investigação com 338 HSH (independentemente de se identificaram ou não como gays, bissexuais ou heterossexuais), tendo sido utilizados o Questionário Socio-demográfico e o Questionário de Avaliação dos Comportamentos e Emoções Sexuais entre HSH, constituído por 39 itens de escolha múltipla. Os dados foram submetidos a uma análise inferencial, o que permitiu compreender que os homens que tiveram uma primeira relação sexual sem se protegeram foram também aqueles que tiveram exposição a práticas sexuais coactivas, aqueles que praticam sempre sexo oral, aqueles que têm a expectativa de continuar a ter uma relação sexual mesmo sem preservativo e os homens que adoptam papéis mais activos no acto sexual. As implicações dos resultados obtidos são discutidas.

Determinantes do risco e implicações para a saúde nas práticas sexuais de homens que têm sexo com homens

Pereira, Henrique; Universidade da Beira Interior
Fonte: ISPA - Instituto Universitário Publicador: ISPA - Instituto Universitário
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 23/11/2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.7%
O objectivo do presente trabalho é compreender que variáveis parecem estar implicadas na adopção de um comportamento sexual de risco entre homens que têm sexo (HSH) com homens. Para tal, delineou-se uma investigação com 338 HSH (independentemente de se identificaram ou não como gays, bissexuais ou heterossexuais), tendo sido utilizados o Questionário Socio-demográfico e o Questionário de Avaliação dos Comportamentos e Emoções Sexuais entre HSH, constituído por 39 itens de escolha múltipla. Os dados foram submetidos a uma análise inferencial, o que permitiu compreender que os homens que tiveram uma primeira relação sexual sem se protegeram foram também aqueles que tiveram exposição a práticas sexuais coactivas, aqueles que praticam sempre sexo oral, aqueles que têm a expectativa de continuar a ter uma relação sexual mesmo sem preservativo e os homens que adoptam papéis mais activos no acto sexual. As implicações dos resultados obtidos são discutidas.

Ele ainda canta de galo: etnografando homens pobres no domínio da casa

Maria Nanes Correia dos Santos, Giselle; Teodósio de Quadros, Marion (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.8%
A literatura antropológica sobre famílias de grupos populares brasileiras assinala que, face à precariedade da condição de subsistência, há enfraquecimento do papel de provedor do homem, seu afastamento do grupo doméstico e valorização da atividade econômica feminina, os resultados desta pesquisa são diferentes. O objetivo deste trabalho foi buscar compreender como homens pobres, em situação de desemprego, vivenciam a relação com a casa. O tripé de análise - rua, homens pobres e casa é norteado pelos pressupostos da Antropologia Feminista (Henrrieta Moore, 2004) e pela perspectiva das relações de gênero (Joan Scott, 1995). Sob o referencial da Antropologia Interpretativa, foi elaborada uma etnografia na comunidade Parque Residencial Bola na Rede, situada numa região de periferia do Recife (PE), onde realizou-se observação participante entre janeiro e junho de 2009. Foram feitas entrevistas com seis homens da comunidade, três deles na faixa etária de 20 anos e três na faixa de 40 anos. Os resultados indicam que homens, em situação de desemprego, procuram reinventar o espaço da casa, como um dos principais mecanismos de manutenção de poder e status masculino. O argumento central, defendido...

O processo de construção de si na narrativa de homens autores de agressões no contextos da violência de gênero

Bortoli, Ricardo
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
36.76%
Resumo: A presente pesquisa tem como objeto de estudo o processo de construção das masculinidades nos contextos da violência de gênero. Tem como objetivo entender a experiência de construção das masculinidades que fundamentam a violência adotada pelos homens que agridem. Na primeira etapa, apresenta-se a metodologia utilizada para entrar no campo da pesquisa, assim como o método. Neste capitulo, também delimita-se o perfil dos entrevistados, a aplicação da técnica de entrevista e, por último, as perguntas e objetivos. Na segunda etapa, apresenta-se o referencial analítico, atendo-se aos estudos de masculinidades, assim como se busca fomentar algumas discussões sobre violência de gênero. Na terceira etapa, elabora-se uma breve abordagem sobre o surgimento das Casas Abrigos no Brasil, assim como o serviço de atendimento em Blumenau. Apresentam-se, ainda, através de gráficos, os dados referentes ao perfil dos homens que frequentaram as atividades desenvolvidas pelo serviço de atendimento destinado a famílias em situação de violência de gênero. Neste momento, são respondidas algumas das questões da pesquisa. Na quarta etapa deste trabalho, através dos registros dos Boletins de Ocorrência, dos históricos de atendimento e das narrativas dos homens...

Relação entre as cognições das crianças perante estímulos ambíguos e a ansiedade dos pais (Homens) e suas cognições

Ferreira, Mariana Mano
Fonte: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida Publicador: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.74%
Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário; Problema – Apesar dos inúmeros estudos relativos à ansiedade infantil, pouco se sabe sobre o seu desenvolvimento psicopatológico, sendo que o papel dos pais (Homens) nesse processo continua a ser negligenciado pela comunidade científica. Objectivo – Analisar a relação entre as cognições elaboradas pelas crianças perante situações ambíguas e a ansiedade dos pais (Homens) e suas cognições. Método – Inicialmente foi utilizado o método da análise de conteúdo com o objectivo de categorizar as cognições apresentadas pelas crianças e pelos seus pais (Homens) perante os estímulos ambíguos das nove histórias. Seguidamente utilizou-se uma metodologia quantitativa, correlacionando e comparando as cognições das crianças e dos seus pais (Homens) com os resultados obtidos na escala sociodemográfica, SCARED-R e S.T.A.I. Resultados: Os resultados sugerem que existe uma correlação estatisticamente significativa entre a Ansiedade Traço dos pais (Homens) e os seus pensamentos negativos perante os estímulos ambíguos apresentados, assim como, existe uma correlação estatisticamente significativa entre as habilitações literárias dos pais (Homens) e o número de pensamentos negativos das crianças. Este estudo não obteve nenhuma associação estatisticamente significativa entre a ansiedade dos pais (Homens) e as cognições dos seus filhos perante os estímulos ambíguos apresentados...

Homens no cen?rio da Lei Maria da Penha: entre (des)naturaliza??es, puni??es e subvers?es

LIMA, Maria L?cia Chaves
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.72%
O presente trabalho visou estudar o lugar ocupado pelos homens no contexto da viol?ncia contra a mulher, mais precisamente no atual cen?rio circunscrito pela Lei Maria da Penha. Tal legisla??o traz v?rias modifica??es quanto ?s estrat?gias para ?combater? ? viol?ncia contra a mulher. A novidade mais comentada ? a severidade na puni??o aos considerados ?agressores?. Ent?o, almejando conhecer os sentidos que circulam sobre os homens nesse atual contexto, essa pesquisa foi realizada a partir de duas etapas fundamentais. A primeira consistiu em um levantamento de todos os servi?os voltados aos casos de viol?ncia contra a mulher na cidade de Bel?m, Brasil. Nesse momento se constatou a aus?ncia de qualquer servi?o de aten??o ao homem envolvido em situa??o de viol?ncia. Uma vez que a Delegacia da Mulher se apresentou como a organiza??o de maior refer?ncia sobre o tema em Bel?m, iniciou-se a segunda etapa da pesquisa, subdividida em tr?s estrat?gias metodol?gicas: observa??o no cotidiano da delegacia, conversas com as pessoas que transitavam naquele local e entrevistas com os seus funcion?rios. As informa??es obtidas pelos dois recursos iniciais mostraram que a Delegacia da Mulher ? um lugar com pretens?es de ser acolher, mas acaba por se revelar um ambiente violento...

Homens e reprodução : mudanças e permanecias em um grupo de homens de camadas medias de São Paulo

Sandra Mara Garcia
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/08/2003 PT
Relevância na Pesquisa
36.8%
Esta tese procura contribuir para o conhecimento da relação dos homens com a sexualidade e a reprodução, da perspectiva de gênero. É um esforço que se coloca ao lado das pesquisas que buscam compensar o tratamento de atores secundários e problemáticos dado aos homens nos estudos de fecundidade. Nesse sentido, a tese dialoga com os estudos de gênero, no campo das ciências sociais, que têm focalizado homens e masculinidades. A pesquisa está baseada em uma leitura interpretativa dos discursos sobre a sexualidade e a reprodução de um grupo de 30 homens, com idade entre 25 e 55 anos, de camadas médias da cidade de São Paulo. Esses homens têm como experiência comum o fato de terem refletido, no âmbito de grupos terapêuticos de gênero, sobre sua identidade masculina e sobre as transformações nas relações de gênero. A tese investiga nesse grupo a articulação entre as dimensões da sexualidade e da reprodução e a construção de masculinidades. A pesquisa revelou que, se a grande maioria desses homens herdou de seus pais os valores hegemônicos da masculinidade, suas experiências de vida os levaram à reconfiguração daquele modelo e à opção por comportamentos e atitudes bastante variáveis, dentro de limites definidos por cada um. Os valores predominantes da masculinidade e da feminilidade estão sendo avaliados e as fronteiras entre os gêneros sendo questionadas. Os dados sobre o impacto dessas reconfigurações na relação dos informantes com a contracepção não confirmam os pressupostos mais difundidos dos estudos de fecundidade sobre os homens. A maioria dos homens tem amplo conhecimento sobre métodos contraceptivos tradicionais e modernos. Responsabilizam-se pelo controle da fecundidade...

Determinantes do risco e implicações para a saúde nas práticas sexuais de homens que têm sexo com homens

Pereira,Henrique
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2007 PT
Relevância na Pesquisa
36.7%
O objectivo do presente trabalho é compreender que variáveis parecem estar implicadas na adopção de um comportamento sexual de risco entre homens que têm sexo (HSH) com homens. Para tal, delineou-se uma investigação com 338 HSH (independentemente de se identificaram ou não como gays, bissexuais ou heterossexuais), tendo sido utilizados o Questionário Socio-demográfico e o Questionário de Avaliação dos Comporta-mentos e Emoções Sexuais entre HSH, constituído por 39 itens de escolha múltipla. Os dados foram submetidos a uma análise inferencial, o que permitiu compreender que os homens que tiveram uma primeira relação sexual sem se protegeram foram também aqueles que tiveram exposição a práticas sexuais coactivas, aqueles que praticam sempre sexo oral, aqueles que têm a expectativa de continuar a ter uma relação sexual mesmo sem preservativo e os homens que adoptam papéis mais activos no acto sexual. As implicações dos resultados obtidos são discutidas.