Página 1 dos resultados de 17681 itens digitais encontrados em 0.027 segundos

A historia social de uma escola oficial : a escola do Traviu

Ana Maria Schefer Gameiro
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/02/1997 PT
Relevância na Pesquisa
65.95%
O objetivo desse trabalho foi o de questionar a participação de um grupo de descendentes italianos dentro da escola pública local. Com esse estudo foi possível enxergar como o espaço da casa, da tradição, da intimidade italiana, permeou a escola, espaço público gerido pelo Estado, transformandoa num lugar por eles consagrado. O trabalho foi dividido em três capítulos: no primeiro, intitulado História, escola e memória, procurou-se encontrar a origem da participação do grupo nas decisões internas da escola. No segundo, Do passado ao presente: a história da escola, buscou-se mostrar como a história produzida pelos imigrantes e transmitida pela escola legitimou o poder deste grupo ao mesmo tempo em que garantiu, apesar desta legitimação, uma intensa participação dos mesmos no cotidiano escolar. No terceiro capítulo, Uma janela para o observador: O Conselho de Escola, destacou-se a importância do Conselho de Escola como instrumento mediador dos conflitos sociais ali existentes e o papel do especialista de educação diante de uma realidade tão peculiar.Através dessa pesquisa foi possível verificar como os registros burocráticos encobrem as verdadeiras relações que se estabeleceram numa escola onde ocorreu um confronto entre a identidade pessoal dos imigrantes e a identidade nacional...

Além da invisibilidade : história social do racismo em Porto Alegre durante a pós-abolição (1884-1918); Beyond the invisibility : social history of racism in Porto Alegre (1884-1918)

Marcus Vinicius de Freitas Rosa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 26/03/2014 PT
Relevância na Pesquisa
65.96%
Esta tese aborda as relações estabelecidas entre negros e brancos em Porto Alegre entre 1884 e 1918. Os momentos finais da escravidão no Rio Grande do Sul, mais particularmente a conjuntura emancipacionista da primeira metade da década de 1880 constitui o ponto de partida. Este período foi marcado pela preocupação acerca do destino dos libertos, pelo debate acerca da concessão de direitos civis àqueles que, até então, eram não-cidadãos, pela incidência de diversas medidas de controle social sobre os trabalhadores e pela busca de soluções para a suposta "ausência de mão de obra" gerada pelo cada vez mais elevado número de alforrias, problemas que deveriam ser resolvidos através da importação de trabalhadores europeus. Pelas três décadas posteriores à Lei Áurea, este estudo se volta para uma das principais e inevitáveis consequências da política de imigração em um país marcado pela escravidão: a proximidade e a coexistência entre trabalhadores com variados tons epidérmicos e diversas origens étnicas e raciais. Buscou-se identificar os significados atribuídos à raça ¿ implícitos ou explícitos, fosse por meio da cor, da nacionalidade ou de certas "qualidades" e "origens" distintivas, e até mesmo através de certos silêncios ¿ envolvidos nessas relações...

Estudos de Gênero e História Social

Pinsky,Carla Bassanezi
Fonte: Centro de Filosofia e Ciências Humanas e Centro de Comunicação e Expressão da Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Centro de Filosofia e Ciências Humanas e Centro de Comunicação e Expressão da Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.01%
Busco mostrar em que os Estudos de Gênero podem colaborar com a História Social, argumentando a partir de três eixos: 1) avaliação da importância do olhar preocupado com gênero para uma compreensão mais acurada do social sob uma perspectiva histórica; 2) análise das abordagens teórico-metodológicas atentas à construção social das diferenças sexuais que dialogam com a disciplina histórica - a desenvolvida dentro dos marcos da História Social e a ligada ao pós-estruturalismo de Joan Scott " a partir de duas preocupações: a) destacar as possibilidades de ação humana e b) enfrentar questões gerais da disciplina; e 3) exposição de como o debate em torno dessas abordagens colabora para as atividades de pesquisa e a reflexão teórica. Meu objetivo último é tentar ajudar a aumentar o número de trabalhos de pesquisa em História que lançam mão do conceito de gênero no Brasil.

Cativos da Rainha da Borborema : uma história social da escravidão em Campina Grande-século XIX

Mendonça de Lima, Luciano; Jay Hoffnagel, Marc (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.93%
O objetivo desta pesquisa é entender a dinâmica da escravidão num município periférico no contexto do Império brasileiro, priorizando o processo de formação de uma cultura de resistência escrava ao longo do século XIX. Situado no agreste paraibano, o antigo município de Campina Grande teve na instituição do cativeiro de africanos e seus descendentes uma de suas características mais marcantes, não obstante o silêncio estabelecido pela maior parte dos autores que trataram do assunto. Partindo do questionamento dessa lacuna histórica e ideológica, visamos reconstituir tópicos tais como o ambiente social, econômico e político em que os cativos campinenses construíram a sua experiência; os traços demográficos da escravidão em âmbito local, com especial destaque para o precoce crioulização de sua escravaria; o processo de trabalho em sua dimensão cotidiana; a importância do parentesco consangüíneo e espiritual no processo de formação de uma comunidade escrava de interesses; as variadas estratégias de lutas da escravaria local por dignidade e liberdade, expressas na criminalidade, no movimento de fugas e nos embates jurídicos com seus senhores, que foram atos propiciadores de um substrato político e cultural fundamental para a construção de uma identidade escrava forjada no tempo. Para atingir tal fim...

La Historia social de la literatura española : Recepción y polémica; The social history of spanish literature. Reception and controversy

Bellón Aguilera, José Luis
Fonte: Murcia : Universidad de Murcia, Departamento de Sociología y Trabajo Social Publicador: Murcia : Universidad de Murcia, Departamento de Sociología y Trabajo Social
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
75.94%
El presente artículo forma parte de un estudio más amplio del manual Historia social de la literatura española (en lengua castellana) (1978), una obra importante para comprender las transformaciones del campo del hispanismo y las relaciones entre el campo político y el campo universitario en la Transición española. El artículo se centra, primero, en la recepción de la obra a nivel mediático, en concreto en la polémica sucedida a partir de los ataques recibidos desde El País; en segundo lugar, se expone la recepción de los pares, concretamente Mainer, Sobejano y González Boixo. Antes de la exposición se resumen unas consideraciones sobre los autores, el manual y las causas de su éxito editorial.; ABSTRACT This article is part of a broader study of the reference manual entitled Social History of Spanish Literature (Written in Castilian Language) (1978), a work important to take into account in order to understand the transformations of the field of hispanism and the relationships between the political and the academic fields during the Spanish Transition to democracy. The current article focuses, first of all, in the reception of the work in the media, in particular the controversy that took place when the work was attacked in El País. Furthermore...

"Historia social y cultural de Cali a partir de la historia de vida de Hernán Martínez Satizábal, en el contexto del proyecto de donación Casa Museo a la Sociedad de Mejoras Públicas de Cali"

Fonte: Universidad Autónoma de Occidente; Comunicación Social-Periodismo Publicador: Universidad Autónoma de Occidente; Comunicación Social-Periodismo
Tipo: Bachelor Thesis; Proyecto de Grado Formato: PDF
SPA
Relevância na Pesquisa
66.04%
El presente Proyecto de grado, “Historia social y cultural de Cali a partir de la historia de vida de Hernán Martínez Satizábal, en el contexto del proyecto de donación Casa Museo a la Sociedad de Mejoras Públicas de Cali”, es un documento que relata la historia de vida del señor Hernán Martínez Satizábal. Un hombre que a sus 95 años recuerda cómo era la vida en familia y la sociedad a finales del siglo XIX, principios y mediados del siglo XX y las transformaciones que han tenido las prácticas socioculturales en la actualidad. A partir del uso de la historia de vida se logró conocer acontecimientos que marcaron no sólo la vida del actor social sino de los habitantes de Cali, que vivieron una acelerada transformación social, cultural e industrial de la pequeña ciudad en la que vivía, al punto de convertirse en una de las principales capitales de Colombia. Pero el gran valor de esta investigación se centra en recuperar la memoria de una ciudad que con el pasar del tiempo ha destruido los patrimonios materiales que evocaban antiguas épocas. La idea de todo el proyecto nació del Señor Martínez Satizábal quien donó su casa a la Sociedad de Mejoras Públicas. Una joya arquitectónica que fue construida a mediados del siglo XIX y que recuerda las casas solariegas en que vivían las familias distinguidas de Cali. Asimismo...

Crisis de las historiografías marxistas y últimas tendencias : ¿existe hoy una nueva historia social?

Río, Ramón del
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2011 SPA
Relevância na Pesquisa
66.12%
L'article analitza les causes de la crisi de les historiografies marxistes: predomini de la historiografia de catecisme, plantejament ideològic ahistòric d'endevinar el futur i (excepte poques excepcions) obsessió per estudiar només les classes baixes i no les societats en el seu conjunt. La crisi ha dut a alguns a seguir negant (seguint als filòsofs) que la història tingui caràcter científic (gir culturalista, que inclou la història narrativa i el gir lingüístic), mentre que altres historiadors, encara que no qüestionen aquest caràcter científic, de fet prescindeixen de qualsevol teoria de la història i rebutgen l'anàlisi dels vells aspectes econòmics-socials (nova història política, cientifisme i fragmentació de la història en múltiples especialitats). Però també ha sorgit una nova història social, que es caracteritza per entendre el social com el conjunt de la societat, per treballar de forma comparada per a descobrir les característiques comunes d'alguns fenòmens històrics que poden semblar diferents i perquè, encara que els seus autors puguin partir mentalment de l'esbós de la història de Marx, no veuen la necessitat de citar-lo en una investigació històrica de finals del XX i inicis del XX.; El artículo analiza las causas de la crisis de las historiografías marxistas: predominio de la historiografía de catecismo...

La historia social y los sin historia.

Iparraguirre, Hilda
Fonte: Revista de Historia Publicador: Revista de Historia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2014 SPA
Relevância na Pesquisa
75.96%
La perspectiva global e integradora de la Historia Social ensancha la base de la historia. Esta historia “desde abajo” , como también se la ha llamado, desplaza su interés de lo nacional a lo regional y aún a lo local, doméstico y cotidiano.

Escuchando el pasado: hacia una historia social de la música popular

González, Juan Pablo; Rolle, Claudio
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, D. História Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, D. História
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 30/12/2007 SPA
Relevância na Pesquisa
76%
Este artículo propone una sistematización de enfoques y metodologías de la investigación histórica en música popular, con énfasis en la historia social y la naturaleza y uso de las fuentes. Así mismo, revisa distintas estrategias de reconstrucción performativa de la música del pasado, y su utilización como fuente en la historia social de la música popular.; This article proposes a systematization of approaches and methodologies for historical research in popular music, with an emphasis on the social history and on the nature and use of sources. Likewise, the article explores different strategies of performative reconstruction of the music of the past, and its use as a source in the social history of popular music.

História Social da criança e da família

Lima, Lana Lage da Gama
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, D. História Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, D. História
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 07/12/1984 POR
Relevância na Pesquisa
75.93%
Ariès, Philippe — História Social da criança e da família. Tra- dução de Dora Flaksman. 2a ed. Rio de Janeiro, Zahar, 1981.

História Social da Infância no Brasil

Brito, Fábio Bezerra de
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, D. História Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, D. História
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 30/06/1999 POR
Relevância na Pesquisa
75.9%
FREITAS, Marcos Cezar de (org.). História Social da Infância no Brasil. São Paulo: Cortez, 1997.

Trimalchio, classe social e estamento

Faversani, Fábio
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, D. História Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, D. História
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 30/06/1996 POR
Relevância na Pesquisa
65.98%
Este artigo propõe uma reflexão acerca de elementos Conceituais utilizados na análise da história social romana. Para tal, utilizamos uma figura literária construída por Petrônio (Trimalchio), que foi considerada como típica da sociedade romana à época do Principado por parcela significativa da historiografia. Nossa intenção última é ressaltar os limites e possibilidades apresentados por estes conceitos e refletir sobre a possibilidade de superação de entraves que estes apresentem a uma mais rica compreensão desta sociedade.; This article intends to reflect upon some conceptual elements of the analysis of Roman Social History. In order to achieve this goal, we study Petronius literary character Trimalchio, who is considered typical of Roman society during the period of the Principate by a significam number of historians. Our purpose is to stress the limitations of these concepts and to reflect upon the possibility of overcoming the barrier that they present for a richer understanding of that society.

A história social anglo-americana desde 1945; Anglo-American social history since 1945

Tilly, Charles
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/11/2012 POR
Relevância na Pesquisa
65.95%
O artigo examina temas, métodos e tendências analíticas dominantes na análise da história social e da ciência social produzidas na Inglaterra e nos Estados Unidos a partir da Segunda Guerra Mundial, apontando a proeminência no debate de duas grandes vertentes, o marxismo e a teoria da modernização. O autor reflete sobre achados e limites de ambas as correntes.; This article examines the mainstream themes, methods and analytical trends in social history and social science from Britain and the United States since the Second World War. It highlights the predominance of two main theories in the debate: Marxism and modernization theory. The author evaluates the main findings and limits of both theories.

E.P Thompson e a micro-história: trocas historiográficas na seara da história social

Espada Lima, Henrique; Universidade Federal de Santa Catarina
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2004 POR
Relevância na Pesquisa
66.08%
The article explores the dialogue between the Italian "micro-history" and the British social history, mainly through the work of the genovese historian Edoardo Grendi. Specially the relatioship between Grendi's and Edward Thompson's works shows that the questions concerning social history were a central issue in the development of fundamental themes in micro-history such as: the constituition of social groups, the cutural meaning of their action, the agency and the question of social change.; Este artigo explora o diálogo estabelecido entre a micro-história italiana e a história social britânica através, sobretudo, do trabalho do historiador genovês. Edoardo Grendi. A relação de Grendi sobretudo com a obra de Edward Thompson, mostra que o tema da história social foi central para o desenvolvimento de alguns dos temas fundamentais da micro-história: a preocupação com a constituição dos grupos sociais, o significado cultural da ação dos grupos sociais, a agency e o problema da transformação social.

Gender Studies and Social History; Estudos de Gênero e História Social

Pinsky, Carla Bassanezi
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2009 POR
Relevância na Pesquisa
66.05%
This text intends to show how Gender Studies can collaborate with Social History from three axis of argumentation: 1) it discusses the relevance of Gender Studies for a more accurate understanding of the social characteristics under a historical perspective. 2) It examines two of the theoretical-methodological approaches on the social construction of sexual differences adopted in History works; revisits the proposal developed from the angle of Social History confronted with post-structuralist proposal of J. Scott based in two programs clearly adopted by both: a) highlight human agency possibilities and b) face general questions of historical discipline from a gender perspective. 3) It shows how the debate concerning those approaches collaborates for research activities and theoretical reflection.; http://dx.doi.org/10.1590/S0104-026X2009000100009Busco mostrar em que os Estudos de Gênero podem colaborar com a História Social, argumentando a partir de três eixos: 1) avaliação da importância do olhar preocupado com gênero para uma compreensão mais acurada do social sob uma perspectiva histórica; 2) análise das abordagens teórico-metodológicas atentas à construção social das diferenças sexuais que dialogam com a disciplina histórica – a desenvolvida dentro dos marcos da História Social e a ligada ao pós-estruturalismo de Joan Scott “ a partir de duas preocupações: a) destacar as possibilidades de ação humana e b) enfrentar questões gerais da disciplina; e 3) exposição de como o debate em torno dessas abordagens colabora para as atividades de pesquisa e a reflexão teórica. Meu objetivo último é tentar ajudar a aumentar o número de trabalhos de pesquisa em História que lançam mão do conceito de gênero no Brasil.

História do Trabalho:o velho, o novo e o global

Linden, Marcel van der; Instituto Internacional de História Social Amsterdã, Universidade de Amsterdã
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 20/03/2009 POR
Relevância na Pesquisa
75.98%
http://dx.doi.org/10.5007/1984-9222.2009v1n1p11O artigo apresenta uma nova fase da História Social do Trabalho, caracterizada pela tentativa de superação do nacionalismo metodológico e do Eurocentrismo, cujo potencial vem se revelando extremamente rico no estabelecimento de uma perspectiva global de entendimento da classe trabalhadora e de sua história. Uma nova História Global do Trabalho vem se estabelecendo como uma “área de interesse”, caracterizada por certo pluralismo teórico e pelo interesse temático no estudo transnacional e mesmo transcontinental das relações de trabalho e nos movimentos sociais de trabalhadores no sentido mais amplo da palavra. Trabalho livre e não-livre, remunerado e não remunerado, organizações formais e informais, em um recorte cronológico mais amplo, constituem os objetos desses novos estudos. Por fim o artigo fornece alguns exemplos de trabalhos de pesquisa que caminham na direção de uma História Global do Trabalho.

Justiça do Trabalho e as conquistas dos direitos: o direito de conhecer a história da Justiça do Trabalho

Droppa, Alisson; UNICAMP-CECULT/Doutorando em História Social
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 29/09/2011 POR
Relevância na Pesquisa
75.9%
http://dx.doi.org/10.5007/1984-9222.2011v3n5p316O artigo visa apresentar as fichas de tramitação de processos da Justiça do Trabalho como uma possibilidade de fonte de pesquisa para a História Social.

Peasants, the Truth and the History of Dictatorship in São Paulo; Camponeses, a Verdade e a História da Ditadura em São Paulo

Welch, Clifford Andrew; Departamento de História, Universidade Federal de São Paulo
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 14/08/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.01%
While the post-World War II social history of the Brazilian countrysidehas yet to be written, rural social and labor movements have taken advantageof the fiftieth anniversary of the 1964 coup d’etat to push for inclusion of thepeasant experience in reports written by the National Truth Commission, whichwas appointed by Brazil’s president to document human rights violations before,during and after the dictatorship. Involved in various state and national endeavorsto document repression and other human rights violations in the countryside,historians have contributed to the construction of a framework for understandingthe period 1946 to 1988. This article offers new information about the repressionof the São Paulo state peasantry in the period and a case study the human rightsviolations that occurred as the coup unfolded in the rural areas of Ribeirão Preto,São Paulo. Utilizing a diverse array of historical tools, the analytical narrative of thiscase seeks to demonstrate the challenges of producing history in the context ofthe short schedules allotted truth commission to generate reports, leading themto select “emblematic” rather than representative cases.; http://dx.doi.org/10.5007/1984-9222.2014v6n11p91Enquanto a História Social do Campo no Brasil do período após a Segunda Guerra Mundial ainda permanece obscura...

La Historia Social de la Salud y la Enfermedad: conformación, logros y desafíos

Carbonetti,Adrián; Aizenberg,Lila; Rodríguez,María Laura
Fonte: Estudios - Centro de Estudios Avanzados. Universidad Nacional de Córdoba Publicador: Estudios - Centro de Estudios Avanzados. Universidad Nacional de Córdoba
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 ES
Relevância na Pesquisa
65.93%
En este trabajo mostraremos el camino de las transformaciones teórico-metodológicas que han atravesado el campo de estudio denominado «Historia social de la salud y la enfermedad». Procuraremos así sondear un campo de investigación en expansión, donde se potencia la capacidad explicativa de la historia, pero indagando la articulación de diversos abordajes ligados al proceso de salud-enfermedad-atención. El artículo desarrolla tres bloques. En primer lugar, ponemos en perspectiva las matrices desarrolladas en Europa y Estados Unidos. En segundo lugar, abordamosla historia de la salud y la enfermedad en América Latina, las influencias internacionales y los actuales desarrollos. Por último, indagamos sobre la agenda en Argentina así como la propulsada desde los núcleos de estudios locales.

Música e infancia: de la socialización al control social. Un balance teórico metodológico

Marín Hernández,Dr. Juan José
Fonte: Diálogos Revista Electrónica de Historia Publicador: Diálogos Revista Electrónica de Historia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2011 ES
Relevância na Pesquisa
66.02%
El artículo aborda, desde una revisión bibliografía, las posibilidades de realizar tanto una historia social de la niñez como de la infancia, a través de las fuentes propias de la historia social de la música. Así en el trabajo se desarrolla una propuesta que atiende al llamado interdisciplinario y de análisis colaborativo que observa en estos campos un espacio de trabajo más que la creación de un nuevo sector historiográfico. Por ello, el objetivo central de este trabajo es analizar los escritos que han visualizado la relación entre música, historia, socialización y control social cada uno de ellos enmarcados dentro de un campo interpretativo que procure entender e interpretar cómo se lleva a cabo la socialización de los niños y las niñas esbozados en los cancioneros y en la música escolar y determinar cuáles fueron los procesos y mecanismos que deben observarse para percibir la sociabilidad infantil con una perspectiva de trayectorias sociales, con sus cambios, transformaciones y continuidades