Página 1 dos resultados de 445 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Higiene e segurança alimentar em cantinas hospitalares e satisfação dos utilizadores

Gonçalves, Maria Salomé Reis Pereira
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.91%
A segurança alimentar é um imperativo nas unidades hospitalares, não só pela influência que pode ter nos seus funcionários, enquanto utilizadores das suas cantinas, mas também, porque se pode inferir que uma má aplicação das normas de higiene pode também influenciar o estado de saúde e/ou a recuperação dos doentes aí internados. Sendo a segurança alimentar uma exigência da actualidade, em qualquer serviço que envolva o fornecimento de alimentos, também os hospitais acompanham esta necessidade, enquanto fornecedores de alimentação aos seus utentes e profissionais, cabendo-lhes salvaguardar a segurança alimentar ao longo de todo o percurso feito pelos alimentos até ao consumo final. Neste sentido, assumem-se como objectivos desta investigação a verificação da influência da aplicação de um sistema de autocontrolo baseado nos princípios HACCP nas condições de higiene e segurança alimentar das cantinas hospitalares; a verificação da influência da higiene e segurança alimentar na satisfação dos utilizadores das cantinas hospitalares (profissionais) e por último a verificação das variáveis demográficas, como o sexo e a idade, a carreira profissional e os hábitos alimentares dos utilizadores na influência da sua confiança e percepção de higiene e segurança alimentar das cantinas hospitalares. O estudo classifica-se como descritivo com componente correlacional...

Segurança alimentar no refeitório de uma escola secundária : estudo para implementação do HACCP

Reforço, António
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
46.32%
Dissertação de Mestrado em Ciências do Consumo Alimentar apresentada à Universidade Aberta; A implantação do sistema de segurança alimentar HACCP é obrigatória para os operadores alimentares na União Europeia desde 2006 (segundo o Regulamento (CE) Nº852/2004) mas ainda subsistem diversos incumprimentos. Neste trabalho, a metodologia HACCP é revista e estudada a sua aplicação prática no refeitório de uma escola secundária que ainda não implantou o sistema. Efectuou-se uma auditoria (em termos de segurança alimentar) ao refeitório e determinaram-se as irregularidades e pontos a melhorar em termos de pré-requisitos. Finalizou-se o estudo com a execução de um plano HACCP que procurou verificar os pontos críticos de controlo (e os pontos de controlo) que é necessário tomar em especial consideração. O trabalho realizado pode constituir uma base de trabalho importante para uma futura implementação do sistema HACCP na escola referida.; The implementation of food safety system HACCP is mandatory for food operators throughout the European Union since 2006 (according to Regulation (EC) No 852/2004) but there are still several shortcomings. In this work, the HACCP methodology is reviewed and studied its practical application in a school refectory that has not implemented the system yet. A refectory food security audit has been carried out and some irregularities and improvement areas were determined in terms of prerequisites. The study ended with the design of a HACCP plan that sought to verify the critical control points (and control points) must be taken into special consideration. This study can be used as a basis for a HACCP future implementation in the above school.

Segurança alimentar nas escolas indígenas do centro Willimom da terra indígena Serra Raposa do Sol - RR

Oliveira, Zelandes Alberto
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
46.18%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2013.; Conforme estabelece a Constituição Federal do Brasil de 1988, a alimentação escolar é um direito do estudante, competindo ao Governo Federal, Estadual, Municipal e o Governo Distrital o fornecimento da alimentação aos estudantes enquanto permanecem na escola. A lei 11.947 de 16 de junho de 2009 estabelece que os recursos destinados à alimentação escolar deverão ser utilizados na aquisição de alimentos diretamente da Agricultura Familiar e do Empreendedor Familiar Rural, priorizando, entre outros, as comunidades indígenas. Este estudo sistematiza informações relacionadas à segurança alimentar e nutricional e avalia a aplicabilidade da política de alimentação escolar, conforme estabelecido no Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE, nas escolas indígenas do Centro Willimon da Terra Indígena Raposa Serra do Sol no estado de Roraima. Junto a estas escolas e nas respectivas comunidades, foram levantadas informações relacionadas à alimentação tradicional, visando subsidiar futuras composições de cardápio escolares mais adequados à alimentação e produção agrícola local, em contraposição à alimentação que atualmente é distribuída junto às escolas indígenas da região. O trabalho está dividido em quatro capítulos...

Avaliação de conhecimentos de higiene e segurança alimentar de manipuladores de alimentos em unidades de alimentação e nutrição do sector hospitalar : Trabalho de Investigação : Evaluation of food hygiese and safety knowledge of employees from hospital´s alimentation and nutrition units

Viveiros, Frederico Costa de
Fonte: Porto : edição de autor Publicador: Porto : edição de autor
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 2 vols.(tese + relatório); 30 cm
POR
Relevância na Pesquisa
36.77%
Resumo da tese: As doenças de origem alimentar são uma das principais preocupações ao nível de saúde Pública. Para as evitar é fundamental que todos os manipuladores de alimentos recebam formação específica em higiene e segurança alimentar. Nas unidades de alimentação e nutrição do sector hospitalar é fulcral o cumprimento deste pré-requisito, com vista a não fornecer géneros alimentícios prejudiciais à saúde e impróprios para o consumo, tendo em conta a imunodepressão e especificidades dos doentes hospitalizados. Desta forma, surge a necessidade de uma avaliação contínua e individualizada, da eficácia, das acções de formação ministradas neste sector da restauração. Este estudo teve como objectivo avaliar os conhecimentos de higiene e segurança alimentar dos manipuladores de alimentos em unidades de alimentação e nutrição do sector hospitalar. Os resultados foram obtidos através da aplicação de um questionário, cotado de 0 a 20 valores, a 99 manipuladores de alimentos em 2 unidades de alimentação e nutrição do sector hospitalar. A média obtida no questionário aplicado foi de 15,0 +-2,5 valores. Contudo verificou-se a existência de diferenças com significado estatístico entre os resultados das 2 unidades de alimentação e nutrição. As temáticas com mais erros foram: temperaturas de confecção...

[Manual sobre normas de higiene alimentar]

Geraldes, Catarina Cavaleiro Solnado
Fonte: Porto : edição de autor Publicador: Porto : edição de autor
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 2 vols.(tese+relatório); 30 cm
POR
Relevância na Pesquisa
46.53%
Resumo da tese: A Qualidade é uma forma de estar, de viver e de produzir, que se traduz na satisfação e fidelização, dos clientes. O consumidor é hoje muito mais exigente e conhecedor do que no passado, além de usufruir de uma maior disponibilidade financeira, o que o torna hoje mais apto a satisfazer todas as suas exigências. As normas dos bares escolares até agora existentes focam essencialmente a variedade dos produtos ali a comercializar (anexo 1) Este manual além das normas de higiene - Higiene Pessoal, Higiene das instalações e Equipamentos, Controlo de Pragas, etc. aqui traduzidas e que resultam da legislação em vigor, vai trazer aspectos nunca antes objectivados como sejam: Objectivos de um bar escolar; Horário a Praticar; Encomenda de Produtos; Preparação de Alimentos para Comercialização; Exposição e venda; Outros locais de comercialização de produtos alimentares dentro da escola; Campanhas de comercialização de produtos alimentares "saudáveis"; Decoração e nome do espaço.; Contém um relatório de estágio realizado na Direcção Regional de Educação do Centro, no âmbito da licenciatura em Ciências da Nutrição pela Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto. O exemplar do relatório de estágio existe apenas em formato papel e está disponível para consulta na Biblioteca da FCNAUP; Tese de licenciatura em Ciências da Nutrição apresentada à Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto

Avaliação dos hábitos de higiene em formandos na área da restauração

Rio, Nídia Teresinha dos Santos
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.68%
As doenças de origem alimentar (DOA) são uma das principais preocupações ao nível de Saúde Pública. A transmissão de contaminação através das mãos dos manipuladores de alimentos continua a ser um importante factor de propagação destas doenças. Neste sentido, o presente estudo teve como objectivo avaliar os hábitos e os conhecimentos de higiene de formandos na área da restauração. O recurso a um inquérito permitiu avaliar os conhecimentos dos formandos em relação a questões de Higiene e Segurança Alimentar (HSA), bem como identificar algumas atitudes destes enquanto consumidores. A higienização das mãos antes da manipulação de alimentos foi avaliada através de análises microbiológicas pelo Kit Compact Dry da HyServe (Compact Dry EC para Escherichia coli e coliformes e Compact Dry ETB para Enterobacteriacae). Neste estudo, os formandos avaliados revelaram bons conhecimentos em procedimentos relativos à HSA, o que poderá ter contribuindo para a boa higienização das suas mãos. Nenhum dos formandos apresentou análises microbiológicas positivas.; The foodborne diseases (DOA) are a major concern in terms of public health. The transmission of infection through the hands of food handlers continues to be an important factor in the spread of these diseases. In this sense...

Relação entre a higienização de manipuladores e superfícies e a contaminação do produto final em pequenas indústrias alimentares

Henriques, Bruno José Monteiro
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.84%
As doenças de origem alimentar são provocadas, maioritariamente, por microrganismos e constituem uma das maiores preocupações de saúde pública a nível mundial. Os alimentos são os principais veículos de transmissão de doenças, o que se deve, principalmente, às más práticas de higiene e de fabrico. Nos estabelecimentos de restauração, a higiene e segurança alimentar é assegurada pela aplicação de boas práticas de higiene e de fabrico, bem como pela implementação do sistema Hazard Analysis and Critical Control Points (HACCP). A falta de conhecimento por parte dos manipuladores e, consequentemente, as más práticas de higiene e fabrico levam a que estes sejam uma das principais fontes de contaminação dos alimentos associados a doenças de origem alimentar. Os objetivos deste estágio foram a descrição das atividades desempenhadas e a avaliação das análises efetuadas no decorrer do estágio, na empresa VLM consultores, mais especificamente, no laboratório YourLab S.A.. Além disso, pretendeu-se avaliar a relação entre a higienização de manipuladores e superfícies com a contaminação do produto final, em pequenas indústrias alimentares, onde foram utilizados dados de análises de 2011 a 2014. Na análise a águas...

Segurança Alimentar em Produtos Tradicionais

Potes, Maria Eduarda
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
36.71%
Devido à crescente preocupação por parte da sociedade em consumir alimentos que estejam em boas condições e que, pelo menos, não prejudiquem a sua saúde, diversas entidades se têm empenhado em garantir que os alimentos que chegam aos consumidores sejam salubres e inócuos. É este o principal objectivo da Segurança Alimentar, tema analisado no Livro Branco da Segurança dos Alimentos (2000). Este documento propôs a criação, na Europa, da Autoridade Alimentar Europeia e estabeleceu uma metodologia baseada em quatro princípios fundamentais: a caracterização de toda a cadeia alimentar; a rastreabilidade dos alimentos para consumo humano e animal; a responsabilização dos diferentes intervenientes na referida cadeia; e a análise dos riscos. A estes fundamentos acrescentaram-se ainda o princípio da precaução e os sistemas de alerta rápido. A análise dos riscos, base de toda a política de segurança dos alimentos, é constituída por três componentes interligadas, mas exercidas por entidades diferentes: a avaliação dos riscos, a gestão dos riscos e a comunicação dos riscos. Assim, a Autoridade Alimentar Europeia, designada por European Food Safety Agency (EFSA), é responsável pela avaliação dos riscos e pela comunicação dos riscos...

Avaliação do nível de conhecimento, práticas e atitudes auto-referidas sobre segurança alimentar dos manipuladores de alimentos: um estudo transversal no setor da restauração comercial e social das sub-regiões do Douro e Alto-Tâmega do Norte de Portugal

Carrasqueira, Filipe Eduardo Gonçalves
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.65%
Dissertação de Mestrado em Segurança Alimentar; A avaliação do conhecimento e das atitudes referentes à higiene e segurança alimentar por parte dos manipuladores da restauração e o estudo dos fatores associados, são fundamentais na vigilância e quantificação das doenças de origem alimentar associadas ao sector da restauração. A importância dos alimentos na saúde dos consumidores e os perigos que estes podem representar, são hoje uma realidade referente às expectativas do consumidor na restauração, relativamente à segurança dos alimentos, que exige a responsabilização crescente, assim como, a colaboração do conjunto de entidades envolvidas na cadeia alimentar, como os manipuladores de alimentos. Os conhecimentos e práticas dos manipuladores do setor influenciam a qualidade microbiológica do alimento. Foi aplicado um inquérito a 293 manipuladores pertencentes a 94 estabelecimentos de restauração comercial e social, integrantes nas sub-regiões do Douro e Alto Tâmega, no período de Outubro de 2009 e Fevereiro de 2010. O objetivo deste estudo foi avaliar o nível de conhecimento, atitudes e práticas auto-referidas relacionadas com a segurança alimentar, dos manipuladores de alimentos da restauração comercial e social...

Implementação de um sistema de gestão da segurança alimentar numa fábrica de refeições pasteurizadas tendo como referência a norma NP EN ISO 22000:2005

Pacheco, Tânia Vanessa Pereiro Ferreira
Fonte: Faculdade de Ciências e Tecnologia Publicador: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
46.64%
Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para obtenção do grau de Mestre em Tecnologia e Segurança Alimentar; A presente dissertação descreve a Implementação de um sistema de gestão da segurança alimentar numa fábrica de refeições pasteurizadas, demonstrando com objectividade os métodos, procedimentos e regras relativos ao Sistema de Segurança Alimentar. A aplicação de um sistema preventivo de higiene permite a obtenção de alimentos sãos e seguros, reduzindo ao mínimo a probabilidade de contaminação do produto e os perigos/riscos em matéria de higiene, aumentando o grau de confiança nos produtos finais e o cumprimento das exigências comerciais e legais. No sentido de responder à legislação Europeia e Nacional, desenvolveu-se um sistema de “Análise de perigos e pontos críticos de controlo” (HACCP) que inclui, além dos perigos potenciais para a saúde pública, as condições indesejáveis que não estão directamente relacionadas com a segurança do produto, mas com a qualidade e os riscos comerciais. Este sistema é estabelecido para evitar ou minimizar os perigos/riscos de contaminação física, química e biológica do produto, e é composto por uma série de medidas que envolvem todas as fases do processo. Para desenvolver o sistema utilizou-se o método de HACCP...

Desenvolvimento de um algoritmo de planeamento e controlo da produção, adequado às normas de segurança e higiene alimentar

Neves, Ricardo Nuno Correia
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
46.37%
NA ÚLTIMA PARTE DO SÉCULO XX O MERCADO SOFREU INÚMERAS ALTERAÇÕES OS CLIENTES TORNARAM-SE MAIS SOFISTICADOS E INFORMADOS COMO RESULTADO DA GLOBALIZAÇÃO, DA MAIOR POSSIBILIDADE DE ESCOLHA DE FORNECEDORES, DE NOVAS FONTES DE COMPETIÇÃO E DO USO CRESCENTE DE TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO, É NESTE CONTEXTO QUE ÁREAS COMO O PLANEAMENTO E O CONTROLO DA PRODUÇÃO ASSUMEM UM PAPEL DE MAIOR IMPORTÂNCIA NO SEIO DE CADA ORGANIZAÇÃO. AS ORGANIZAÇÕES SENTEM A NECESSIDADE DE CONTROLAR DE UMA FORMA MAIS EFICAZ A PRODUÇÃO, DE FORMA A MINIMIZAR OS DESVIOS RELATIVAMENTE AO PLANEADO. O PLANEAMENTO ASSUME RESPONSABILIDADES IMPORTANTES AO NÍVEL DA GESTÃO DE TEMPO E ESPAÇO, PARA QUE OS PRAZOS DE ENTREGA SEJAM ESCRUPULOSAMENTE CUMPRIDOS. NO MERCADO ACTUAL, EM QUE A CONCORRÊNCIA É CADA VEZ MAIS “FEROZ”, AS EMPRESAS NÃO PODEM DEIXAR FUGIR NENHUMA OPORTUNIDADE. NO SECTOR DA INDÚSTRIA ALIMENTAR, PARA ALÉM DAS QUESTÕES JÁ ABORDADAS À QUE TER EM CONTA A NECESSIDADE DE GARANTIR QUE OS PRODUTOS PRODUZIDOS SÃO DE INTEIRA CONFIANÇA, À QUE GARANTIR QUE NÃO TRAZEM NENHUM PERIGO PARA A SAÚDE DOS CONSUMIDORES, ATÉ PORQUE A FISCALIZAÇÃO NESTE SECTOR É CADA VEZ MAIS APERTADA. O OBJECTIVO DESTA DISSERTAÇÃO É CONTRIBUIR PARA UM MELHOR ENTENDIMENTO DOS FACTORES QUE PODEM AFECTAR PLANEAMENTO E CONTROLO DA PRODUÇÃO...

Segurança alimentar e nutricional: capacitação em boas práticas, análise microbiológica e da composição centesimal de alimentos comercializados nos Campi Santa Mônica e Umuarama da Universidade Federal de Uberlândia

Nonato, Isabella Lopes
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
46.3%
A segurança alimentar e nutricional (SAN) consiste na realização do direito de todos ao acesso regular a alimentos de qualidade, em quantidade suficiente, tendo como base práticas alimentares promotoras de saúde. Os alimentos de rua e/ou de lanchonetes podem representar um risco para a SAN e a saúde dos consumidores, ocasionando doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) e doenças transmitidas por alimentos (DTA). O objetivo do estudo foi avaliar fatores de segurança alimentar em pontos de venda e/ou alimentos comercializados por vendedores ambulantes e em lanchonetes nos Campi Santa Mônica e Umuarama da Universidade Federal de Uberlândia. O estudo foi desenvolvido de forma transversal, com abordagem analítica para os alimentos comercializados e de forma prospectiva descritiva, com abordagem quantitativa/semi-quantitativa para os fatores higiênico-sanitários dos pontos de venda (PV). Foram investigados os PV de dez vendedores ambulantes e de quatro lanchonetes e amostras de alimentos de rua (salgados) e de lanchonetes (salgados e sucos de laranja). Uma ficha de inspeção higiênico-sanitária (FIHS) foi aplicada nos PV de alimentos antes e três meses após realização de capacitação em boas práticas de fabricação (BPF) de alimentos. Alimentos adquiridos nos PV foram analisados para coliformes a 45ºC e Staphylococcus coagulase positiva. Análises de bolores e leveduras foram realizadas...

Educação alimentar e nutricional no livro didático : análise dos livros do 8º ano do ensino fundamental das escolas públicas de sobral-CE

Andrade, Francisca Joyce Elmiro Timbó
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.37%
A Educação Nutricional é conceituada como um processo educativo no qual, através da união de conhecimentos e experiências do educador e do educando, vislumbra-se tornar os sujeitos autônomos e seguros para realizarem suas escolhas alimentares de forma que garanta uma alimentação saudável e prazerosa, propiciando, o atendimento de suas necessidades fisiológicas, psicológicas e sociais. Embora a prática pedagógica do professor envolva diversas dimensões, como sua pesquisa constante para o aprimoramento de seu trabalho, um livro didático com textos adequados, ilustrações pertinentes e informações atualizadas auxiliam no planejamento de ensino. Nesta dissertação apresenta-se um estudo exploratório que tem por objetivo analisar os conteúdos de Educação Alimentar e Nutricional em livros didáticos de Ciências do 8º ano adotados em escolas públicas brasileiras. Os manuais pesquisados são referentes ao triênio 2011-2013. A análise dos livros didáticos realizou-se de acordo com as seguintes categorias: nutrientes, higiene de alimentos, conservação de alimentos e saúde. A carência de material encontrado nos livros didáticos ou sua inadequação em relação às referências especializadas sugere que os docentes tenham capacitação na área de Educação Nutricional...

Higienização de utensílios alimentares em estabelecimentos de ensino pré-escolar: um estudo em duas instituições de ensino

Militão, Miriam
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.58%
A transmissão de microrganismos patogénicos pode ocorrer através da sua presença em resíduos de alimentos ou água depositados sobre os utensílios que se encontram em deficientes condições de higienização. Para que seja assegurada a higiene alimentar torna-se essencial a conservação e higienização dos utensílios, desempenhando os manipuladores de alimentos um papel determinante no que diz respeito à execução de um eficaz protocolo de higienização, uma correcta manipulação e a adopção de normas higiénicas que evitem a contaminação dos utensílios. Da totalidade das amostras realizadas aos utensílios alimentares provenientes das duas instituições de ensino pré-escolar analisados neste estudo, 27% encontravam-se contaminadas e num insuficiente estado de higienização devido à presença de microrganismos mesófilos aeróbios a 30ºC em número superior a 100 UFC/peça. Foi verificado a presença de fungos e a pesquisa positiva de enterobactérias e bactérias presumíveis de E. coli. Em ambos os estabelecimentos de ensino, os utensílios constituídos por material plástico apresentaram níveis de contaminação na generalidade superiores em relação aos constituídos por aço inoxidável. O tipo de material e o estado dos utensílios são também aspectos relevantes que podem influenciar o processo de adesão microbiana e consequente formação de biofilme...

Desenvolvimento de um algoritmo de planeamento e controlo da produção, adequado às normas de segurança e higiene alimentar

Neves, Ricardo Nuno Correia
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
46.37%
NA ÚLTIMA PARTE DO SÉCULO XX O MERCADO SOFREU INÚMERAS ALTERAÇÕES OS CLIENTES TORNARAM-SE MAIS SOFISTICADOS E INFORMADOS COMO RESULTADO DA GLOBALIZAÇÃO, DA MAIOR POSSIBILIDADE DE ESCOLHA DE FORNECEDORES, DE NOVAS FONTES DE COMPETIÇÃO E DO USO CRESCENTE DE TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO, É NESTE CONTEXTO QUE ÁREAS COMO O PLANEAMENTO E O CONTROLO DA PRODUÇÃO ASSUMEM UM PAPEL DE MAIOR IMPORTÂNCIA NO SEIO DE CADA ORGANIZAÇÃO. AS ORGANIZAÇÕES SENTEM A NECESSIDADE DE CONTROLAR DE UMA FORMA MAIS EFICAZ A PRODUÇÃO, DE FORMA A MINIMIZAR OS DESVIOS RELATIVAMENTE AO PLANEADO. O PLANEAMENTO ASSUME RESPONSABILIDADES IMPORTANTES AO NÍVEL DA GESTÃO DE TEMPO E ESPAÇO, PARA QUE OS PRAZOS DE ENTREGA SEJAM ESCRUPULOSAMENTE CUMPRIDOS. NO MERCADO ACTUAL, EM QUE A CONCORRÊNCIA É CADA VEZ MAIS “FEROZ”, AS EMPRESAS NÃO PODEM DEIXAR FUGIR NENHUMA OPORTUNIDADE. NO SECTOR DA INDÚSTRIA ALIMENTAR, PARA ALÉM DAS QUESTÕES JÁ ABORDADAS À QUE TER EM CONTA A NECESSIDADE DE GARANTIR QUE OS PRODUTOS PRODUZIDOS SÃO DE INTEIRA CONFIANÇA, À QUE GARANTIR QUE NÃO TRAZEM NENHUM PERIGO PARA A SAÚDE DOS CONSUMIDORES, ATÉ PORQUE A FISCALIZAÇÃO NESTE SECTOR É CADA VEZ MAIS APERTADA. O OBJECTIVO DESTA DISSERTAÇÃO É CONTRIBUIR PARA UM MELHOR ENTENDIMENTO DOS FACTORES QUE PODEM AFECTAR PLANEAMENTO E CONTROLO DA PRODUÇÃO...

Higiene alimentar e nutrição: ambiente e higiene alimentar

Carapeto, Cristina
Fonte: Universidade Aberta Publicador: Universidade Aberta
Tipo: Aula
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
56.67%
Recursos Educacionais - Ciências; A importância da Higiene na Saúde. Higiene ambiental. Higiene alimentar. Prevenção de mal-estar e doenças relacionadas com higiene precária.; Produção no âmbito do projeto “Saúde Tropical”, para formação de técnicos de saúde, de países africanos de língua portuguesa.

Higiene alimentar e nutrição: doenças relacionadas com malnutrição

Carapeto, Cristina
Fonte: Universidade Aberta Publicador: Universidade Aberta
Tipo: Aula
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
56.42%
Recursos Educacionais - Ciências; Prevenir a malnutrição através da educação alimentar. Problemas de malnutrição mais comuns e suas características. Alimentação equilibrada - um Direito incluído na Declaração Universal dos Direitos da Criança.; Produção no âmbito do projeto “Saúde Tropical”, para formação de técnicos de saúde, de países africanos de língua portuguesa.

RELATÓRIO GERAL SôBRE O TEMA 1 (HIGIENE ALIMENTAR) DO VII CONGRESSO BRASILEIRO DE HIGIENE; RELATÓRIO GERAL SôBRE O TEMA 1 (HIGIENE ALIMENTAR) DO VII CONGRESSO BRASILEIRO DE HIGIENE

Cardoso, Francisco A.
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/1948 POR
Relevância na Pesquisa
46.6%
Este trabalho constitui um relatório que o A. foi encarregado de apresentar sôbre o Terna 4 do VII Congresso Brasileiro de Higiene. Esse tema era o problema da Higiene Alimentar e compunha-se dos seguintes sub-temas: a) inquéritos alimentares e inquéritos sôbrc o estado de nutrição da população brasileira, especialmente na zona rural; h) estudos sôbre a composição dos alimentos brasileiros, especialmente sôbre o teor mineral e vítamínieo de frutas e verduras; c) o problema do leite: produção, higienização. industrialização e distribuição; d) sugestões para a correção das principais deficiências nutritivas da população brasileira. Neste trabalho êstes vários tópicos foram pelo autor abordados sucessivamente, num apanhado geral e sintético.; This paper is a report the author was asked to present on subject nº 4, ofthe 7th Brazilian Congress of Hygiene, which treated the problem of Food Hygieneand was distributed under the following sub-titles: a) food surveys andsurveys on the nutritional status of the Brazilian population. specially regardingthe rural zones; b) studies o f the· composition o f Brazilian foods, specially themineral and vitamin contents o f fruits and other vegetables; c) the milk problem:its production...

Conhecimento de manipuladores de alimentos do setor supermercadista sobre higiene alimentar

Brasil,Carla C. B; Hecktheuer,Luisa H. R; Gressler,Camila C; de Moura,Deise S; de Pelegrini,Susana B; Medeiros,Laissa B
Fonte: Revista de Ciencia y Tecnología Publicador: Revista de Ciencia y Tecnología
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 PT
Relevância na Pesquisa
56.51%
O objetivo deste estudo foi avaliar o conhecimento sobre higiene alimentar de manipuladores de alimentos no setor supermercadista do município de Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil. Foi desenvolvida uma lista de verificação com questões relacionadas ao tempo de trabalho, participação em capacitação sobre higiene dos alimentos, procedimentos de higiene com os alimentos e pessoal. A amostra compreendeu 345 manipuladores que consideraram como falta de higiene na manipulação dos alimentos não lavar as mãos (85%), não manter a área de produção de alimentos higienizada (17%) e lavar inadequadamente os alimentos (15%). Os principais cuidados a serem tomados durante a manipulação dos alimentos foram: lavar as mãos antes do preparo dos alimentos (73%) e utilizar luvas (18%). A capacitação dos manipuladores é importante para percepção dos riscos associados à produção de alimentos.

Redes de segurança alimentar e agricultura familiar: a merenda escolar como instrumento de desenvolvimento local

Paulillo, Luiz Fernando; Almeida, Luiz Manoel
Fonte: Segurança Alimentar e Nutricional Publicador: Segurança Alimentar e Nutricional
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Pesquisa descritiva. Formato: application/pdf
Publicado em 03/02/2015 POR
Relevância na Pesquisa
46.32%
O trabalho apresenta um caso concreto de formação de uma rede de capital social em torno da temática da segurança alimentar local, abarcando não somente as condições de saúde das pessoas, de higiene dos alimentos e da autenticidade da produção, mas também a melhora das condições de renda e emprego de pequenos agricultores e trabalhadores rurais. Este trabalho mostra que num município paulista foi possível desenvolver um programa de segurança alimentar com essa amplitude, através da inclusão do suco de laranja natural pasteurizado na merenda escolar. Este caso, ocorrido no centro do cinturão citrícola brasileiro, mostra como mecanismos institucionais desenvolvidos por meio de políticas públicas participativas e organizações locais podem promover o desenvolvimento rural local com possibilidades de inclusão social.