Página 1 dos resultados de 25 itens digitais encontrados em 0.016 segundos

Occupational airborne contamination in South Brazil: 2. Oxidative stress detected in the blood of workers of incineration of hospital residues

POSSAMAI, F. P.; AVILA JR., S.; BUDNI, P.; BACKES, P.; PARISOTTO, E. B.; RIZELIO, V. M.; TORRES, M. A.; COLEPICOLO, P.; WILHELM FILHO, D.
Fonte: SPRINGER Publicador: SPRINGER
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
55.83%
One of the most useful methods for elimination of solid residues of health services (SRHS) is incineration. However, it also provokes the emission of several hazardous air pollutants such as heavy metals, furans and dioxins, which produce reactive oxygen species and oxidative stress. The present study, which is parallel to an accompanied paper (Avila Jr. et al., this issue), investigated several enzymatic and non-enzymatic biomarkers of oxidative stress in the blood (contents of vitamin E, lipoperoxidation = TBARS, reduced glutathione = GSH, oxidized glutathione = GSSG, and activities of glutathione S-transferase = GST, glutathione reductase = GR, glutathione peroxidase = GPx, catalase = CAT and superoxide dismutase = SOD), in three different groups (n = 20 each) exposed to airborne contamination associated with incineration of SRHS: workers directly (ca. 100 m from the incinerator) and indirectly exposed (residents living ca. 5 km the incineration site), and controls (non-exposed subjects). TBARS and GSSG levels were increased whilst GSH, TG and alpha-tocopherol contents were decreased in workers and residents compared to controls. Increased GST and CAT activities and decreased GPx activities were detected in exposed subjects compared to controls...

Antioxidant therapy attenuates oxidative stress in the blood of subjects exposed to occupational airborne contamination from coal mining extraction and incineration of hospital residues

WILHELM FILHO, D.; AVILA JUNIOR, S.; POSSAMAI, F. P.; PARISOTTO, E. B.; MORATELLI, A. M.; GARLET, T. R.; INACIO, D. B.; TORRES, M. A.; COLEPICOLO, P.; DAL-PIZZOL, F.
Fonte: SPRINGER Publicador: SPRINGER
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
45.93%
Coal mining and incineration of solid residues of health services (SRHS) generate several contaminants that are delivered into the environment, such as heavy metals and dioxins. These xenobiotics can lead to oxidative stress overgeneration in organisms and cause different kinds of pathologies, including cancer. In the present study the concentrations of heavy metals such as lead, copper, iron, manganese and zinc in the urine, as well as several enzymatic and non-enzymatic biomarkers of oxidative stress in the blood (contents of lipoperoxidation = TBARS, protein carbonyls = PC, protein thiols = PT, alpha-tocopherol = AT, reduced glutathione = GSH, and the activities of glutathione S-transferase = GST, glutathione reductase = GR, glutathione peroxidase = GPx, catalase = CAT and superoxide dismutase = SOD), in the blood of six different groups (n = 20 each) of subjects exposed to airborne contamination related to coal mining as well as incineration of solid residues of health services (SRHS) after vitamin E (800 mg/day) and vitamin C (500 mg/day) supplementation during 6 months, which were compared to the situation before the antioxidant intervention (Avila et al., Ecotoxicology 18:1150-1157, 2009; Possamai et al., Ecotoxicology 18:1158-1164...

Gerenciamento de resíduos de serviços de saúde: entre o discurso e a prática: estudo de casos e pesquisa-ação no Acre; Waste management of health services between theory and practice a case study and research action in the state of Acre

Oliveira, Marconi Gomes de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/08/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.1%
A proximidade entre a teoria e a prática no manejo dos resíduos de serviços de saúde (RSS) é fator preponderante à obtenção de um adequado gerenciamento por parte dos estabelecimentos assistenciais de saúde, frente à responsabilidade legal de gerenciar seus resíduos. A discussão que envolve os RSS reside em questões relevantes, tais como: a crescente geração de resíduos; o potencial poluidor e contaminante dos resíduos sólidos; a obrigatoriedade legal de um plano de gerenciamento; o descumprimento da obrigatoriedade supracitada, por parte de muitos estabelecimentos de saúde; e a descontinuidade de programas e ações exitosos. Esta pesquisa analisa o gerenciamento de resíduos sólidos gerados na atenção à saúde em estabelecimentos de diferentes complexidades, a partir da análise do discurso e da prática do manejo dos resíduos gerados na Fundação Hospital Estadual do Acre (FUNDHACRE) e na Unidade de Pronto Atendimento Tucumã (UPA-Tucumã), na Cidade de Rio Branco, Estado do Acre. A pesquisa é de caráter exploratório e descritivo. Em 1ª etapa houve um estudo de casos e em 2ª etapa uma pesquisa-ação, através de uma intervenção participativa do pesquisador na investigação; ocorrido de outubro/2008 a fevereiro/2011. Verificou-se que a FUNDHACRE possui um plano de gerenciamento de resíduos em desconformidade com as recomendações e exigências legais; também foram constatadas inadequações em sua prática; enquanto que a UPA-Tucumã...

Gestão de resíduos sólidos de saúde em clínicas verterinárias

Ramos, Bárbara Carolina
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
25.79%
A gestão apropriada de resíduos de serviços de saúde tem se tornado um desafio para os diversos estabelecimentos geradores. Neste contexto, realizaram-se dois estudos em clínicas veterinárias no Rio Grande do Sul. No primeiro, realizou-se um estudo observacional com o objetivo de determinar os tipos e quantidades de resíduos gerados. Verificou-se, ainda, a relação da geração de resíduos com a casuística do estabelecimento. A qualificação dos resíduos foi realizada através da visualização, baseada na resolução da Anvisa (RDC 306/04), e a quantificação,através de pesagem em balança de precisão. As observações foram realizadas 2 a 3 vezes por semana, pelo período de 12 meses.Determinou-se a geração de 65,78 Kg de resíduos sólidos de saúde, sendo 39,9 Kg (60,76%) pertencentes ao grupo A; 11,9 Kg (18,12%) ao grupo D reciclável; 6,06 Kg (9,22%) ao grupo D orgânico; 5,7 Kg (8,67%) ao grupo E; 2,09 Kg (3,18%) ao grupo B e 34 gramas (0,05%) ao grupo de resíduos especiais. As correlações entre resíduos gerados e procedimentos realizados na clínica ocorreram de forma fraca (r = 0,3175) entre a quantidade de resíduos do grupo A e a realização de procedimentos cirúrgicos e, com o total de procedimentos realizados (r = 0...

Gerenciamento de resíduo sólido de serviços de saúde não hospitalar : caracterização no Município de Sorocaba; Management of the non hospital health solid waste : characterization in the city of Sorocaba

Cintia Maria Morais Rocha Melo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 16/12/2011 PT
Relevância na Pesquisa
65.85%
O gerenciamento do Resíduo de Serviços de Saúde (RSSS) no Brasil é regulamentado por legislação tanto federal como estadual. Neste trabalho foi estudado o sistema de gerenciamento do resíduo sólido de serviços de saúde - RSSS de origem não hospitalar (RSSS-NH) na bacia hidrográfica do Sorocaba/Médio Tietê (SMT), objetivando desenvolver uma metodologia de caracterização e o diagnóstico da situação deste resíduo. A metodologia foi dividida em três fases: estudo geral do RSSS na bacia SMT; estudo de caso em dois municípios da bacia, selecionados por critérios técnicos; e, estudo de caso com caracterização do RSSS-NH potencialmente infectante coletado de pequenos estabelecimentos geradores. Como resultado obteve-se que na bacia do SMT foi produzido 900,6.t/dia de Resíduo Sólido Urbano - RSU, mas poucos de seus municípios têm informação sobre a sua geração de RSSS. Foi estudado o gerenciamento do RSSS nos municípios de Sorocaba e Votorantim (geração de RSSS 56,1 t/mês e de 3,9 t/mês, respectivamente). Destes, Sorocaba foi escolhida para o estudo de caso por contar com melhor estrutura de coleta, tratamento e destinação do RSSS. Neste estudo foi caracterizado, no período de out. a nov./2008, 100...

Lesões músculo-esqueléticas ligadas ao trabalho (LMELT) nos cantoneiros de limpeza/recolha de resíduos urbanos

Carrolo, Afonso
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
35.73%
Mestrado em Segurança e Higiene no TRabalho.; O presente protocolo de investigação centra-se sobre um estudo que será de natureza exploratória, transversal e retrospetivo, onde se pretende identificar a sintomatologia músculo-esquelética auto referida pelos cantoneiros de Portugal, no processo de limpeza e recolha de resíduos sólidos urbanos, procurando relações com a atividade. O delineamento metodológico passa por uma identificação das sedes de concelho onde existem serviços de recolha de resíduos urbanos, públicos e privados. De cada grupo identificado de trabalhadores será selecionada aleatoriamente uma amostra representativa que será objeto do estudo, quer de natureza observacional, quer através da aplicação de questionário previamente elaborado. O instrumento de recolha de informação foi construído a partir de uma adaptação do questionário nórdico músculo-esquelético (QNM) e pretende identificar frequências de sintomas auto referidos pelos trabalhadores, assim como uma relação com a atividade profissional. No sentido de ensaiar a metodologia proposta fez-se um ensaio piloto em N = 49 cantoneiros de diferentes zonas de recolha na região da Grande Lisboa, aleatoriamente selecionados em outubro do ano de 2011. Os resultados (do ensaio piloto) evidenciam uma prevalência significativa de sintomas músculo-esqueléticos em diferentes zonas anatómicas nos últimos 12 meses (82%)...

Análise das condições de segurança, avaliação e prevenção de riscos profissionais na recolha de resíduos sólidos urbanos

Lima, José Gabriel Mendonça
Fonte: Universidade dos Açores Publicador: Universidade dos Açores
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 10/04/2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.11%
Dissertação de Mestrado em Ambiente, Saúde e Segurança.; Diariamente na cidade de Angra do Heroísmo são colocados para recolha resíduos resultantes de diversas proveniências (serviços). A cidade apresenta assim uma boa reputação no que toca à limpeza e higiene de toda a sua cintura urbana. A preocupação com o ambiente está bem visível, dada a recolha diária dos resíduos sólidos urbanos pelos trabalhadores dos Serviços Municipalizados. Fez-se a caracterização da organização, mais especificamente da divisão de resíduos sólidos urbanos, especialmente no que toca à análise e descrição dos vários tipos de recolha de resíduos, equipamentos e procedimentos de trabalho. O relatório a realizar consiste também na análise das presentes condições de segurança dos trabalhadores da secção de recolha de resíduos sólidos urbanos, particularmente na identificação de perigos, análise e avaliação de riscos profissionais, e aplicação de medidas de prevenção. Nos Serviços Municipalizados de Angra do Heroísmo, principalmente na divisão dos resíduos sólidos urbanos, estão envolvidos muitos trabalhadores que necessitam executar diariamente o seu trabalho com segurança. Uma vez que esta entidade ainda não possui um plano de prevenção de riscos profissionais que contemple este setor de atividade...

Constru????o do saber sobre res??duos s??lidos de servi??os de sa??de na forma????o em sa??de

Corr??a, Luciara Bilhalva; Lunardi, Val??ria Lerch; Santos, Silvana Sidney Costa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
35.89%
?? inquestion??vel a necessidade de implantar pol??ticas de gerenciamento dos res??duos s??lidos de servi??os de sa??de (RSSS) nos diversos estabelecimentos de sa??de, considerando os riscos ?? sa??de p??blica e a degrada????o ambiental.Buscando-se conhecer como vem ocorrendo a constru????o do saber sobre RSSS no processo de forma????o em sa??de foram colhidos dados por meio de entrevista semi-estruturada junto aos estudantes, docentes e coordenadores de quatro cursos da ??rea da Sa??de (Enfermagem e Obstetr??cia, Odontologia, Medicina Veterin??ria e Medicina) de uma Institui????o Federal de Ensino Superior (IFES) localizada na regi??o Sul do pa??s. A an??lise de conte??do e documental,a partir de id??ias da Teoria da Complexidade, demonstrou a necessidade de uma reforma no ensino, a fim de incluir nos projetos pedag??gicos dos cursos novas compreens??es, como de integralidade, articula????o, di??logo, problematiza????o, para preparar os futuros profissionais com responsabilidade e comprometimento na constru????o do saber res??duos s??lidos.; Es incuestionable la necesidad de implantar pol??ticas de gesti??n de los residuos s??lidos de servicios de salud (RSSS) en los diversos establecimientos de salud, considerando los riesgos a la salud p??blica y la degradaci??n ambiental. En aras de conocer como viene ocurriendo la construcci??n del saber sobre RSSS en el proceso de formaci??n en salud...

Constru????o de pol??ticas para a gest??o dos res??duos em uma institui????o de ensino superior na perspectiva da educa????o ambiental.

Corr??a, Luciara Bilhalva
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
35.9%
Tese (doutorado)-Universidade Federal do Rio Grande, Programa de P??s-Gradua????o em Educa????o Ambiental, Instituto de Educa????o, 2009.; Os res??duos resultantes das diferentes atividades existentes nas institui????es de ensino superior ??? IES quando gerenciados de maneira inadequada, causam riscos ?? sa??de e degrada????o ao ambiente. Nesse sentido, torna-se necess??rio e urgente a constru????o de pol??ticas de gest??o integrada dos res??duos nesses ??mbitos, o que requer a vincula????o a um processo educativo na perspectiva da educa????o ambiental, de forma a potencializar envolvimento e a participa????o da comunidade universit??ria na constru????o da sustentabilidade. Com o objetivo de construir pol??ticas para a gest??o dos res??duos em uma Institui????o Federal de Ensino Superior - IFES, a partir de sua implementa????o no Hospital de Cl??nicas Veterin??ria - HCV na perspectiva da educa????o ambiental e do pensamento complexo foi realizado um estudo de cunho qualitativo, aproximando-se da modalidade pesquisa-a????o. A partir da an??lise tem??tica dos dados coletados das reuni??es com grupos focais ??? Grupo Desencadeador, composto por 28 sujeitos de diferentes setores da institui????o e Grupo Construtor, composto por 36 sujeitos pertencentes ao HCV; da an??lise documental acerca do Estatuto...

Avalia??o da efic?cia da descontamina??o de res?duos biol?gicos do subgrupo A1 por tratamento t?rmico em autoclave a vapor: um estudo de caso.

Galv?o, Maria Aparecida
Fonte: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia Ambiental. PRO?GUA, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia Ambiental. PRO?GUA, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
25.81%
O tratamento t?rmico dos res?duos infectantes do subgrupo A1 ? indispens?vel para garantir uma disposi??o final ambientalmente correta e segura para os funcion?rios que os manipulam, tendo em vista que, alguns micro-organismos patog?nicos podem permanecer vi?veis, inclusive no solo, por per?odos de at? 180 dias. Este trabalho objetivou verificar a efic?cia da descontamina??o dos res?duos infectantes gerados em laborat?rios de microbiologia que realiza diagn?stico e monitoramento das doen?as de interesse a sa?de p?blica, ap?s tratamento pr?vio pelo m?todo de autoclava??o. Visou ainda observar o gerenciamento destes res?duos na institui??o. Para alcan?ar os objetivos propostos realizou-se uma pesquisa de campo alicer?ada em dois estudos de caso, ambos realizados no Laborat?rio Central de Sa?de P?blica de Minas Gerais, que tem descrito e aprovado em seu Plano de Gerenciamento dos Res?duos Servi?os de Sa?de o tratamento preliminar dos res?duos do subgrupo A1 por autoclava??o. Os res?duos foram submetidos ao processo de autoclava??o a 121?C por 40 minutos e 127?C por 30 minutos. Para investigar a efic?cia da descontamina??o utilizou-se um bioindicador termorresistente (suspens?o de esporos de Bacillus stearotermophilus - ATCC 7953) que...

Sustainable Energy for All 2013-2014 : Global Tracking Framework

World Bank; International Energy Agency
Fonte: World Bank, Washington, DC Publicador: World Bank, Washington, DC
EN_US
Relevância na Pesquisa
25.76%
In declaring 2012 the international year of sustainable energy for all, the United Nations (UN) general assembly (2011) established at the personal initiative of the UN secretary general- three global objectives to be accomplished by 2030. Those goals are to ensure universal access to modern energy services (including electricity and clean, modern cooking solutions), to double the global rate of improvement in energy efficiency, and to double the share of renewable energy in the global energy mix. Some 70 countries have formally embraced the Sustainable Energy for All (SE4ALL) initiative, while numerous corporations and agencies have pledged tens of billions of dollars to achieve its objectives. As 2012 drew to a close, the UN general assembly announced a decade of sustainable energy for all stretching from 2014 to 2024. Sustaining momentum for the achievement of the SE4ALL objectives will require a means of charting global progress over the years leading to 2030. Construction of the necessary framework has been coordinated by the World Bank and Energy Sector Management Assistance Program (ESMAP) and the International Energy Agency (IEA)...

Pilot Commercialization of Improved Cookstoves in Nicaragua

Terrado, Ernesto N.; Eitel, Birgit
Fonte: World Bank, Washington, DC Publicador: World Bank, Washington, DC
EN_US
Relevância na Pesquisa
25.87%
The problems facing the fuel wood sector in Nicaragua can be summarized as follows: First, almost all harvest or production is based on non-sustainable forestry, with little or no regulation or enforcement of wood cutting laws, no incentives for conservation and no long-term supply-side planning. Second, almost all fuel wood is consumed by users in low efficiency stoves or kilns, and no demand-side management efforts have been carried out. Although wood is the major energy source and forest product of Nicaragua, and strongly linked to the lives of the poor, there appears to be no government agency charged with the planning and modernization of this sector. The present ESMAP technical assistance activity strongly emphasizes the role of the private sector in improved stoves dissemination. Its expected outcomes were: 1) useful knowledge gained by small private stoves producers of more efficient, less polluting stoves designs, 2) considerably heightened public awareness of the health impacts of traditional open fire stoves used in typical closed kitchens...

Household Cooking Fuel Choice and Adoption of Improved Cookstoves in Developing Countries : A Review

Malla, Sunil; Timilsina, Govinda R
Fonte: World Bank, Washington, DC Publicador: World Bank, Washington, DC
EN_US
Relevância na Pesquisa
25.93%
Improving access to affordable and reliable energy services for cooking is essential for developing countries in reducing adverse human health and environmental impacts hitherto caused by burning of traditional biomass. This paper reviews empirical studies that analyze choices of fuel and adoption of improved stoves for cooking in countries where biomass is still the predominant cooking fuel. The review highlights the wide range of factors that influence households cooking fuel choices and adoption of improved stoves, including socioeconomic (access and availability, collection costs and fuel prices, household income, education and awareness), behavioral (food tastes, lifestyle), and cultural and external factors (indoor air pollution, government policies). The paper also summarizes the evidence on the significant adverse health impacts from exposure to indoor smoke, especially among women and young children. In low-income households, perceived health benefits of adopting improved stoves and financial benefits from fuel savings tend to be outweighed by the costs of improved stoves...

Environmental and Social Management System Implementation Handbook : Animal Production

International Finance Corporation
Fonte: Washington, DC Publicador: Washington, DC
EN_US
Relevância na Pesquisa
25.78%
Environmental and social responsibility is becoming more and more important in todayapos;s global economy. There are thousands of environmental and social codes and standards in the world today. The codes and standards define the rules and the objectives. But the challenge is in the implementation. An environmental and social management system (ESMS) helps companies to integrate the rules and objectives into core business operations, through a set of clearly defined, repeatable processes. This Handbook is intended to be a practical guide to help companies in the animal production industry develop and implement an environmental and social management system, which should help to improve overall operations. Some people think that an environmental and social management system must be big, complicated and expensive. But that is not really true. To be effective, a management system needs to be scaled to the nature and size of the company. If a company has existing management systems for quality or health and safety...

Household Energy Access for Cooking and Heating : Lessons Learned and the Way Forward

Ekouevi, Koffi; Tuntivate, Voravate
Fonte: Washington, DC: World Bank Publicador: Washington, DC: World Bank
Tipo: Publications & Research :: Publication; Publications & Research :: Publication
ENGLISH
Relevância na Pesquisa
25.9%
Half of humanity about 3 billion people are still relying on solid fuels for cooking and heating. Of that, about 2.5 billion people depend on traditional biomass fuels (wood, charcoal, agricultural waste, and animal dung), while about 400 million people use coal as their primary cooking and heating fuel (UNDP and WHO 2009). The majority of the population relying on solid fuels lives in Sub-Saharan Africa and in South Asia. In some countries in Central America and in East Asia and the Pacific, the use of solid fuels is also significant. The inefficient and unsustainable production and use of these fuels result in a significant public health hazard, as well as negative environmental impacts that keep people in poverty. Strategies to improve energy access to the poor have focused mainly on electricity access. They have often neglected non electricity household energy access. It is, however, estimated that about 2.8 billion people will still depend on fuel wood for cooking and heating in 2030 in a business-as-usual modus operandi (IEA 2010). The need for urgent interventions at the household level to provide alternative energy services to help improve livelihoods is becoming more and more accepted. This report's main objective is to conduct a review of the World Bank's financed operations and selected interventions by other institutions on household energy access in an attempt to examine success and failure factors to inform the new generation of upcoming interventions. First...

China : Accelerating Household Access to Clean Cooking and Heating

World Bank
Fonte: Washington, DC Publicador: Washington, DC
Tipo: Publications & Research :: Working Paper; Publications & Research
ENGLISH; EN_US
Relevância na Pesquisa
25.9%
The China Clean Stove Initiative (CSI), a collaborative effort of the Chinese government and the World Bank, aims to scale up access to clean cooking and heating stoves for poor, primarily rural households, who are likely to continue using solid fuels beyond 2030. More than half of China's population still relies on solid fuels (coal and biomass) for cooking and heating; many of these households, located mainly in rural areas, are likely to continue using solid fuels in the near future. Switching to modern energy alternatives would be the most effective way to achieve clean cooking and heating solutions and should be encouraged; yet such fuels are more expensive than solid fuels, requiring more costly stoves and delivery infrastructure. Effective strategies to scale up the dissemination of clean burning, fuel-efficient stoves for household cooking and heating can mitigate the health hazards associated with the burning of solid fuels. It is estimated that Household Air Pollution (HAP) from solid fuel use results in more than a million premature deaths each year in China. Scaled-up access to clean and efficient stoves is consistent with China's strategy to promote energy conservation...

Clean Stove Initiative Forum Proceedings, Phnom Penh, Cambodia, March 18, 2013

World Bank
Fonte: Washington, DC Publicador: Washington, DC
Tipo: Publications & Research :: Working Paper; Publications & Research
ENGLISH; EN_US
Relevância na Pesquisa
25.86%
The East Asia and Pacific (EAP) clean stove initiative (CSI) forum is part of the World Bank's EAP CSI regional program, which focuses on achieving access to modern cooking and heating solutions in the EAP region, particularly through the scaled-up access to advanced cooking and heating stoves for poor, primarily rural households, who are likely to continue using solid fuels to meet their cooking and heating needs beyond 2030. The objectives of the EAP CSI forum are twofold. The first is to share results from implementing the first phase of the CSI, including reports on initial stocktaking activities in the four participating countries and the intervention strategies. The second is to promote collaboration, learning, and knowledge-sharing as the country initiatives move into their second phase. Market forces and mechanisms are powerful tools for ensuring a sustainable supply of clean cooking stoves and should be harnessed in a way that helps the private sector develop, market, and deliver modern cooking solutions. Thus...

Estudo da viabilidade de implanta??o de pr?ticas de produ??o mais limpa em laborat?rios da funda??o Ezequiel Dias - MG

Silva, Mariana Pereira da
Fonte: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia Ambiental. PRO?GUA, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia Ambiental. PRO?GUA, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
55.79%
A proposta de metodologia de gest?o ambiental denominada Produ??o Mais Limpa (P+L) visa incentivar e apoiar pr?ticas voltadas ao desenvolvimento sustent?vel e tem sido adotada mundialmente. O objeto desta disserta??o de mestrado ? o estudo da viabilidade da implanta??o de pr?ticas de P+L nos laborat?rios da Funda??o Ezequiel Dias (FUNED), institui??o ligada ao Sistema Estadual de Sa?de do Estado de Minas Gerais, que incluiu em seu Programa de Gest?o Ambiental o eixo para as pr?ticas de P+L. No desenvolvimento do estudo foram descritas e ilustradas todas as fases do diagn?stico da situa??o atual de vinte e seis laborat?rios da FUNED e realizado o diagn?stico detalhado de dois laborat?rios, selecionados como ?focos do estudo?. O trabalho previu a identifica??o de oportunidades de P+L, bem como a avalia??o t?cnica, ambiental e econ?mica das propostas, e a sele??o das op??es vi?veis. Durante o desenvolvimento do trabalho, procurou-se provocar no corpo t?cnico e gerencial da FUNED a reflex?o sobre a possibilidade de se implantar efetivamente pequenas mudan?as nas atividades rotineiras, visando encontrar solu??es diferenciadas e integradas para otimizar os recursos produtivos e minimizar a gera??o de res?duos perfurocortantes e os impactos ambientais decorrentes...

Aspectos ambientais, sociais e a saúde em território kalunga no Estado de Goiás, em 2012; Enviromental and social aspects and the health situation in the Kalunga territory, state of Goiás, 2012

Rangel, Débora Luiza de Oliveira
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
35.73%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Departamento de Enfermagem, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, 2014.; Introdução - Este estudo tem como base o conceito de saúde na interface com seus determinantes sociais. Na comunidade quilombola Kalunga é notória a existência de fragilidade quanto ao acesso a bens e serviços. As consequências históricas do processo de escravidão e sua forma de libertação influenciaram negativamente na inclusão deste grupo como partícipes no âmbito das políticas públicas, contexto, que, além de impactar nas condições de vida, contribuiu para manutenção de deletéria invisibilidade social geradora de iniquidades. Objetivos - Avaliar as condições sanitárias da população Kalunga dos municípios de Cavalcante, Teresina de Goiás e Monte Alegre, Estado de Goiás; caracterizar seu perfil socioeconômico-demográfico eepidemiológico (idade, ocupação, grau de escolaridade, estado civil, renda familiar, número de filhos); e conhecer o ambiente e as condições de saúde deste grupo em relação a doenças prevalentes, moradia, transporte, abastecimento e qualidade da água, destinação de resíduos e dejetos humanos. Metodologia - Estudo do tipo transversal analítico...

Estudo com enfermeiros e médicos da atenção básica à saúde: uma abordagem socioambiental

Vaz, Marta Regina Cezar; Weis, Alísia Helena; Costa, Valdecir Zavarese da; Soares, Jorgana Fernanda de Souza; Bonow, Clarice Alves; Cardoso, Leticia Silveira; Sant'Anna, Cynthia Fontella; Soares, Maria Cristina Flores; Baisch, Ana Luiza Muccillo
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
45.74%
Trata-se de estudo quantitativo sobre o processo organizativo do trabalho na Atenção Básica de Saúde, a partir de uma abordagem socioambiental. Os objetivos foram analisar como enfermeiras e médicos identificam as estratégias para trabalharem a relação entre saúde e ambiente; que problemas ambientais influenciam a saúde das comunidades e como eles atuam com as comunidades frente aos mesmos. Foram realizadas entrevistas estruturadas com 36 enfermeiros e 19 médicos, seguindo-se uma análise quantitativa e contextual. O quesito referente ao conhecimento das situações ambientais que implicam em riscos à saúde recebeu média significativamente maior dos enfermeiros (p=0,000) e dos médicos (p=0,042). A falta de saneamento básico, presença de vetores, manejo inadequado de resíduos sólidos e ruas sem pavimentação foram os problemas ambientais da comunidade que os entrevistados atribuíram as melhores médias (p=0,000). Conclui-se que a estrutura organizativa do trabalho na atenção básica à saúde, ainda não é influenciada significativamente pela relação saúde e ambiente.; This is a quantitative study which, using a socio-environmental approach, analyzed the organizational process of work in primary health care. The objectives were to analyze how nurses and physicians identified strategies in order to work the relationship between health and the environment; which environmental problems influence the health oc communities; and how they act as communities in the face of such problems. Structured interviews were carried out with 36 nurses and 19 physicians in two cities in southern Brazil...