Página 1 dos resultados de 33 itens digitais encontrados em 0.005 segundos

Um Caso de Tromboembolismo Paradoxal

Pelicano, NJ; Sousa, L; Meireles, N; Banazol, N; Bandeira Costa; Bico, P; Quininha, J
Fonte: Sociedade Portuguesa de Cardiologia Publicador: Sociedade Portuguesa de Cardiologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2003 POR
Relevância na Pesquisa
36.67%

Síndrome de Churg-Strauss, Aneurismas Femorais Venosos e Tromboembolismo Pulmonar

Meireles, N; Ferreira, E; Silva Castro, J; Amaral, C; Sobrinho, G; Franca, T; Albino, JP; Carvalho, CS
Fonte: Sociedade Portuguesa de Cirurgia Cardio-Torácica e Vascular Publicador: Sociedade Portuguesa de Cirurgia Cardio-Torácica e Vascular
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2003 POR
Relevância na Pesquisa
36.58%
OBJECTIVE: Venous aneurysms of the lower limbs are rare. When they involve the deep venous system, they can be associated with deep venous thrombosis and pulmonary embolism. The authors report the case of a 63-year-old women evaluated by duplex imaging and venography, in the context of a pulmonary embolism, and detected bilateral large aneurysms of the femoral veins (5 cm in the right femoral vein and 4 cm in the left femoral vein). The aneurysms were located at the bifurcation of the common femoral vein with the superficial and profound veins. METHOD: The right aneurysm was partially thrombosed. The patient was asymptomatic in the lower-limb extremities. After a period of anticoagulation, the authors proceeded to surgically excise the right aneurysm and replaced the venous system using a polytetrafluoroethylene (PTFE) graft with the construction of an a-v fistula. RESULT: The patient had no complications in the postoperative period and her 8-month follow-up examination revealed no symptoms, not even leg edema. The duplex scan showed patency of the graft. She continued with oral anticoagulation. The histologic examination revealed an eosinophilic inflammatory reaction of the vein wall, compatible with the diagnosis of Churg-Strauss syndrome. CONCLUSION: The authors conclude that they have probably described the first case in the international literature of a venous aneurysm with a Churg-Strauss syndrome and pulmonary embolism.

Aneurismas das Artérias Viscerais: Alternativa Terapêutica

Vasconcelos, L; Silva, S; Garcia, AC; Medeiros, D; Albuquerque e Castro, J; Mota Capitão, L
Fonte: Sociedade Portuguesa de Cirurgia Cardiotorácica e Vascular Publicador: Sociedade Portuguesa de Cirurgia Cardiotorácica e Vascular
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2006 POR
Relevância na Pesquisa
36.41%
The authors report two cases in which stent grafts were used to treat visceral artery aneurysms. Case number 1 was a 42-year old woman with a history of renal colic who was found to have a right renal artery aneurysm. Two 6-mm x 20-mm Wallgraft endoprosthesis (Boston Scientific, Watertown, Mass) were placed across the aneurysm neck. Case number 2 was a 72 year-old woman with a past medical history significant for hepatic angioma and hypothyroidism. She was found to have a superior mesenteric artery aneurysm that was treated with a 6-mm x 17-mm Jostent stent graft (Jomed, GmbH, Ra). In both cases the aneurysm was completely excluded and distal end-organ flow preserved. Stent graft placement is a safe and effective treatment for visceral artery aneurysms. If this approach proves durable and reproducible, it can become the method of choice for the management of visceral artery aneurysms in selected patients.

Tromboembolismo Venoso na Gravidez. Diagnóstico e Tratamento

Silva, S; Santos, L; Vasconcelos, L; Gonçalves, F; Medeiros, D; Albuquerque e Castro, J; Mota Capitão, L
Fonte: Maternidade Dr. Alfredo da Costa Publicador: Maternidade Dr. Alfredo da Costa
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2006 POR
Relevância na Pesquisa
36.41%
O tromboembolismo venoso é uma das principais causas de morbilidade e mortalidade materna. Quando não diagnosticado e não tratado, o embolismo pulmonar (EP) pode levar a morte materna. É assim, muito importante a classe médica estar atenta para esta patologia.O eco-Doppler-colorido e a cintigrafia de ventilação-perfusão são fundamentais, durante a gravidez, para o diagnóstico de trombose venosa profunda (TVP) e EP respectivamente. Em doentes com suspeita clínica de TVP ou EP, deve-se iniciar terapêutica com heparina não fraccionada ou de baixo peso molecular, até que o diagnóstico seja excluído, a menos que a anticoagulação seja fortemente contra-indicada.

Insuficiência Venosa dos Membros Inferiores na Gravidez

Silva, S; Santos, L; Vasconcelos, L; Valentim, H; Medeiros, D; Albuquerque e Castro, J; Mota Capitão, L
Fonte: Maternidade Dr. Alfredo da Costa Publicador: Maternidade Dr. Alfredo da Costa
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2006 POR
Relevância na Pesquisa
36.41%
Durante a gravidez é frequente a manifestação de insuficiência venosa, aparecendo em cerca de 70% das gestações. Umas das explicações para esta frequência, são os elevados níveis de estrogénio e progesterona a que a grávida está exposta e as alterações anatómicas e hemodinâmicas condicionadas pelo útero grávido. É importante aplicar medidas profilácticas desde o início da gravidez para evitar o desenvolvimento da doença venosa e suas complicações. Os autores realizaram uma revisão da literatura relativa à epidemiologia, etiopatogenia, manifestações clínicas e tratamento da insuficiência venosa dos membros inferiores durante a gravidez.

Clinical Outcome and Morphologic Analysis after Endovascular Aneurysm Repair Using the Excluder Endograft

Bastos Gonçalves, F; Jairam, A; Voûte, M; Moelker, A; Rouwet, E; Raa, S; Hendriks, J; Verhagen, H
Fonte: Elsevier Publicador: Elsevier
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2012 ENG
Relevância na Pesquisa
36.41%
OBJECTIVE: Long-term follow-up after endovascular aneurysm repair (EVAR) is very scarce, and doubt remains regarding the durability of these procedures. We designed a retrospective cohort study to assess long-term clinical outcome and morphologic changes in patients with abdominal aortic aneurysms (AAAs) treated by EVAR using the Excluder endoprosthesis (W. L. Gore and Associates, Flagstaff, Ariz). METHODS: From 2000 to 2007, 179 patients underwent EVAR in a tertiary institution. Clinical data were retrieved from a prospective database. All patients treated with the Excluder endoprosthesis were included. Computed tomography angiography (CTA) scans were retrospectively analyzed preoperatively, at 30 days, and at the last follow-up using dedicated tridimensional reconstruction software. For patients with complications, all remaining CTAs were also analyzed. The primary end point was clinical success. Secondary end points were freedom from reintervention, sac growth, types I and III endoleak, migration, conversion to open repair, and AAA-related death or rupture. Neck dilatation, renal function, and overall survival were also analyzed. RESULTS: Included were 144 patients (88.2% men; mean age, 71.6 years). Aneurysms were ruptured in 4.9%. American Society of Anesthesiologists classification was III/IV in 61.8%. No patients were lost during a median follow-up of 5.0 years (interquartile range...

Estenose Intra-Stent na Artéria Femoral Superficial: Soluções Actuais Para um Problema Crescente

Rodrigues, H; Bastos Gonçalves, F; Alves, G; Amaral, C; Rodrigues, G; Abreu, R; Quintas, A; Oliveira, N; Ferreira, E; Albuquerque e Castro, J; Mota Capitão, L
Fonte: Sociedade Portuguesa de Angiologia e Cirurgia Vascular Publicador: Sociedade Portuguesa de Angiologia e Cirurgia Vascular
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.41%
Os últimos anos de tratamento da doença arterial obstrutiva periférica na artéria femoral superficial observaram uma mudança de paradigma, da cirurgia clássica para a endovascular, o que se traduziu na utilização progressiva de stents metálicos para a manutenção da permeabilidade a longo prazo. Apesar dos avanços tecnológicos, a restenose intra-stent é uma das principais limitações do tratamento endovascular, com um tratamento complexo e não consensual, traduzindo a escassez de resultados obtidos ou a sua manutenção no tempo. Os autores procuraram recolher os dados mais recentes sobre este tipo de patologia e as principais opções disponíveis para o seu tratamento.

Risco da Exposição à Radiação Ionizante Durante Procedimentos Endovasculares

Eufrásio, S; Sousa, P; Oliveira, N; Bastos Gonçalves, F; Alves, G; Rodrigues, H; Rodrigues, G; Quintas, A; Abreu, R; Aragão Morais, J; Albuquerque e Castro, J; Ferreira, E; Manzano, MJ; Mota Capitão, L
Fonte: Sociedade Portuguesa de Angiologia e Cirurgia Vascular Publicador: Sociedade Portuguesa de Angiologia e Cirurgia Vascular
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.58%
Objectivos: Com a generalização dos procedimentos endovasculares, cresce a preocupação com os efeitos deletérios que a execução continuada de tais procedimentos radiológicos acarreta. Com este trabalho pretendeu-se avaliar e quantificar a distribuição pela equipa cirúrgica da exposição à radiação dispersa, emitida por um aparelho portátil de radioscopia com arco cirúrgico (arco em C), durante a utilização em bloco operatório. Material e métodos: O registo e avaliação da dose de radiação foram efectuados em sala do bloco operatório reproduzindo as condições habituais em que decorrem os procedimentos endovasculares. Para a simulação geométrica do tórax do doente foi utilizado um fantoma cilíndrico de polimetilmetacrilato (PMMA) com 15 cm de espessura. A radiação dispersa foi medida para o local do cirurgião, ajudante, anestesista e enfermeira instrumentista, através de um monitor de radiação portátil RaySafe Xi Survey Detector, tendo sido ajustada a medição para a avaliação da taxa de dose de exposição à radiação em mGy/s a diversas alturas do solo e distâncias do doente. Utilizou-se ainda o detetor RaySafe Xi R/F para a medição da taxa de dose de exposição na superfície de entrada da pele do doente. As medições foram efectuadas em modo de fl uoroscopia pulsada de 4 quadros por segundo (qps)...

Giant Aneurysm of the Abdominal Aorta

Rodrigues, H; Bastos Gonçalves, F; Ferreira, E
Fonte: Elsevier Publicador: Elsevier
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2014 ENG
Relevância na Pesquisa
36.41%

Úlceras de Perna. Opções Diagnósticas e Terapêuticas

Albino, JP; Farrajota, A
Fonte: Centro Editor e Livreiro da Ordem dos Médicos Publicador: Centro Editor e Livreiro da Ordem dos Médicos
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //1995 POR
Relevância na Pesquisa
36.41%
As úlceras de perna são uma doença frequente, causadora de grande morbilidade, cujo diagnóstico é por vezes difícil. Dele depende a terapêutica que quando não adequada pode levar a situações graves com risco de amputação. Os autores descrevem as bases que permitem um diagnóstico simples destes quadros assim como a terapêutica médica mais habitual, focando a sua atenção no tratamento local destas lesões.

Feocromocitoma

Monteiro Castro, J; Palla Garcia, J
Fonte: Centro Editor e Livreiro da Ordem dos Médicos Publicador: Centro Editor e Livreiro da Ordem dos Médicos
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //1994 POR
Relevância na Pesquisa
36.74%
Os autores apresentam o caso clínico de uma mulher de 51 anos, internada por Hipertensão Arterial (H.T.A.) grave, com paroxismos, não controlável médicamente. A investigação clínico laboratorial-Imagiológica, permitiu detectar um feocromocitoma da glândula supra-renal direita, que foi excisado cirurgicamente com êxito. Discutem em seguida o Diagnóstico,diferencial, e terminam com uma breve revisão da literatura dos aspectos clínicos, diagnósticos, preparação préoperatória e de técnica cirúrgica mais relevantes.

Familial Abdominal Aortic Aneurysm Is Associated With More Complications After Endovascular Aneurysm Repair

Luijtgaarden, K; Bastos Gonçalves, F; Hoeks, S; Majoor-Krakauer, D; Rouwet, E; Stolker, R; Verhagen, H
Fonte: Elsevier Publicador: Elsevier
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2014 ENG
Relevância na Pesquisa
36.41%
OBJECTIVE: A familial predisposition to abdominal aortic aneurysms (AAAs) is present in approximately one-fifth of patients. Nevertheless, the clinical implications of a positive family history are not known. We investigated the risk of aneurysm-related complications after endovascular aneurysm repair (EVAR) for patients with and without a positive family history of AAA. METHODS: Patients treated with EVAR for intact AAAs in the Erasmus University Medical Center between 2000 and 2012 were included in the study. Family history was obtained by written questionnaire. Familial AAA (fAAA) was defined as patients having at least one first-degree relative affected with aortic aneurysm. The remaining patients were considered sporadic AAA. Cardiovascular risk factors, aneurysm morphology (aneurysm neck, aneurysm sac, and iliac measurements), and follow-up were obtained prospectively. The primary end point was complications after EVAR, a composite of endoleaks, need for secondary interventions, aneurysm sac growth, acute limb ischemia, and postimplantation rupture. Secondary end points were specific components of the primary end point (presence of endoleak, need for secondary intervention, and aneurysm sac growth), aneurysm neck growth, and overall survival. Kaplan-Meier estimates for the primary end point were calculated and compared using log-rank (Mantel-Cox) test of equality. A Cox-regression model was used to calculate the independent risk of complications associated with fAAA. RESULTS: A total of 255 patients were included in the study (88.6% men; age 72 ± 7 years...

Mid-Term Results of EVAR in Severe Proximal Aneurysm Neck Angulation.

Oliveira, NFG; Bastos Gonçalves, F; Vries, J; Ultee, K; Hoeks, S; Moll, F; Herwaarden, J; Verhagen, H
Fonte: Elsevier Publicador: Elsevier
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2015 ENG
Relevância na Pesquisa
36.41%
OBJECTIVE: To determine if mid-term outcome following endovascular aneurysm repair (EVAR) with the Endurant Stent Graft (Medtronic, Santa Rosa, CA, USA) is influenced by severe proximal neck angulation. METHODS: A retrospective case-control study was performed using data from a prospective multicenter database. All measurements were obtained using dedicated reconstruction software and center-lumen line reconstruction. Patients with neck length >15 mm, infrarenal angle (β) >75°, and/or suprarenal angle (α) >60°, or neck length >10 mm with β >60°, and/or α >45° were compared with a matched control group. Primary endpoint was primary clinical success. Secondary endpoints were freedom from rupture, type 1A endoleak, stent fractures, freedom from neck-related reinterventions, and aneurysm-related adverse events. Morphological neck variation over time was also assessed. RESULTS: Forty-five patients were included in the study group and were compared with a matched control group with 65 patients. Median follow-up time was 49.5 months (range 30.5-58.4). The 4-year primary clinical success estimates were 83% and 80% for the angulated and nonangulated groups (p = .42). Proximal neck angulation did not affect primary clinical success in a multivariate model (hazard ratio 1.56...

Um Caso de Tromboembolismo Paradoxal

Pelicano, NJ; Sousa, L; Meireles, N; Banazol, N; Bandeira Costa; Bico, P; Quininha, J
Fonte: Sociedade Portuguesa de Cardiologia Publicador: Sociedade Portuguesa de Cardiologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2003 POR
Relevância na Pesquisa
36.67%

Síndrome de Churg-Strauss, Aneurismas Femorais Venosos e Tromboembolismo Pulmonar

Meireles, N; Ferreira, E; Silva Castro, J; Amaral, C; Sobrinho, G; Franca, T; Albino, JP; Carvalho, CS
Fonte: Sociedade Portuguesa de Cirurgia Cardio-Torácica e Vascular Publicador: Sociedade Portuguesa de Cirurgia Cardio-Torácica e Vascular
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2003 POR
Relevância na Pesquisa
36.58%
OBJECTIVE: Venous aneurysms of the lower limbs are rare. When they involve the deep venous system, they can be associated with deep venous thrombosis and pulmonary embolism. The authors report the case of a 63-year-old women evaluated by duplex imaging and venography, in the context of a pulmonary embolism, and detected bilateral large aneurysms of the femoral veins (5 cm in the right femoral vein and 4 cm in the left femoral vein). The aneurysms were located at the bifurcation of the common femoral vein with the superficial and profound veins. METHOD: The right aneurysm was partially thrombosed. The patient was asymptomatic in the lower-limb extremities. After a period of anticoagulation, the authors proceeded to surgically excise the right aneurysm and replaced the venous system using a polytetrafluoroethylene (PTFE) graft with the construction of an a-v fistula. RESULT: The patient had no complications in the postoperative period and her 8-month follow-up examination revealed no symptoms, not even leg edema. The duplex scan showed patency of the graft. She continued with oral anticoagulation. The histologic examination revealed an eosinophilic inflammatory reaction of the vein wall, compatible with the diagnosis of Churg-Strauss syndrome. CONCLUSION: The authors conclude that they have probably described the first case in the international literature of a venous aneurysm with a Churg-Strauss syndrome and pulmonary embolism.

Aneurismas das Artérias Viscerais: Alternativa Terapêutica

Vasconcelos, L; Silva, S; Garcia, AC; Medeiros, D; Albuquerque e Castro, J; Mota Capitão, L
Fonte: Sociedade Portuguesa de Cirurgia Cardiotorácica e Vascular Publicador: Sociedade Portuguesa de Cirurgia Cardiotorácica e Vascular
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2006 POR
Relevância na Pesquisa
36.41%
The authors report two cases in which stent grafts were used to treat visceral artery aneurysms. Case number 1 was a 42-year old woman with a history of renal colic who was found to have a right renal artery aneurysm. Two 6-mm x 20-mm Wallgraft endoprosthesis (Boston Scientific, Watertown, Mass) were placed across the aneurysm neck. Case number 2 was a 72 year-old woman with a past medical history significant for hepatic angioma and hypothyroidism. She was found to have a superior mesenteric artery aneurysm that was treated with a 6-mm x 17-mm Jostent stent graft (Jomed, GmbH, Ra). In both cases the aneurysm was completely excluded and distal end-organ flow preserved. Stent graft placement is a safe and effective treatment for visceral artery aneurysms. If this approach proves durable and reproducible, it can become the method of choice for the management of visceral artery aneurysms in selected patients.

Risco da Exposição à Radiação Ionizante Durante Procedimentos Endovasculares

Eufrásio, S; Sousa, P; Oliveira, N; Bastos Gonçalves, F; Alves, G; Rodrigues, H; Rodrigues, G; Quintas, A; Abreu, R; Aragão Morais, J; Albuquerque e Castro, J; Ferreira, E; Manzano, MJ; Mota Capitão, L
Fonte: Sociedade Portuguesa de Angiologia e Cirurgia Vascular Publicador: Sociedade Portuguesa de Angiologia e Cirurgia Vascular
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.58%
Objectivos: Com a generalização dos procedimentos endovasculares, cresce a preocupação com os efeitos deletérios que a execução continuada de tais procedimentos radiológicos acarreta. Com este trabalho pretendeu-se avaliar e quantificar a distribuição pela equipa cirúrgica da exposição à radiação dispersa, emitida por um aparelho portátil de radioscopia com arco cirúrgico (arco em C), durante a utilização em bloco operatório. Material e métodos: O registo e avaliação da dose de radiação foram efectuados em sala do bloco operatório reproduzindo as condições habituais em que decorrem os procedimentos endovasculares. Para a simulação geométrica do tórax do doente foi utilizado um fantoma cilíndrico de polimetilmetacrilato (PMMA) com 15 cm de espessura. A radiação dispersa foi medida para o local do cirurgião, ajudante, anestesista e enfermeira instrumentista, através de um monitor de radiação portátil RaySafe Xi Survey Detector, tendo sido ajustada a medição para a avaliação da taxa de dose de exposição à radiação em mGy/s a diversas alturas do solo e distâncias do doente. Utilizou-se ainda o detetor RaySafe Xi R/F para a medição da taxa de dose de exposição na superfície de entrada da pele do doente. As medições foram efectuadas em modo de fl uoroscopia pulsada de 4 quadros por segundo (qps)...

Feocromocitoma

Monteiro Castro, J; Palla Garcia, J
Fonte: Centro Editor e Livreiro da Ordem dos Médicos Publicador: Centro Editor e Livreiro da Ordem dos Médicos
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //1994 POR
Relevância na Pesquisa
36.74%
Os autores apresentam o caso clínico de uma mulher de 51 anos, internada por Hipertensão Arterial (H.T.A.) grave, com paroxismos, não controlável médicamente. A investigação clínico laboratorial-Imagiológica, permitiu detectar um feocromocitoma da glândula supra-renal direita, que foi excisado cirurgicamente com êxito. Discutem em seguida o Diagnóstico,diferencial, e terminam com uma breve revisão da literatura dos aspectos clínicos, diagnósticos, preparação préoperatória e de técnica cirúrgica mais relevantes.

Carcinoma de Células Renais com Trombo Gigante na Veia Cava Inferior: Abordagem Cirúrgica Multidisciplinar; Renal Cell Carcinoma with Giant Caval Thrombus: Multidisciplinary Surgical Approach

Furtado, A; Graça, B; Bastos Gonçalves, F; Ferrito, F; Morais, A; Laranjeira, A
Fonte: Hospital Prof. Dr. Fernando Fonseca, E.P.E. Publicador: Hospital Prof. Dr. Fernando Fonseca, E.P.E.
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.58%
A nefrectomia radical associada a trombectomia da veia cava inferior constitui a única opção terapêutica passível de melhoria prognóstica dos carcinomas de células renais com trombos venosos major. Descrevemos o caso de um homem, 55 anos, com o diagnóstico de tumor renal com trombo intra-cávico de grandes dimensões. O doente foi alvo de uma abordagem multidisciplinar, tendo sido submetido a nefrectomia radical à direita, trombectomia e cavoplastia, com recurso ainda a bypass cardiopulmonar e circulação extra-corpórea. O pós-operatório não registou intercorrências. A análise histológica concluiu tratar-se de um carcinoma de células renais, variante células claras e trombo excisado na totalidade, sem invasão da parede venosa. Aos dois anos de pós-operatório o doente encontra-se sem evidência de recidiva tumoral nem foram descritos eventos de embolização pulmonar.

Cirurgia Reconstrutiva das Grandes Veias Intratorácicas,a Propósito de Quatro Casos Clínicos; Reconstructive Surgery of the Large Intrathoracic Veins, Four Case Reports

Abreu, R; Valentim, H; Martelo, F; Rodrigues, H; Bravio, I; Bastos Gonçalves, F; Ferreira, E; Albuquerque e Castro, J; Fragata, J; Mota Capitão, L; Castro, J
Fonte: Sociedade Portuguesa de Cirurgia Cardio-Torácica e Vascular Publicador: Sociedade Portuguesa de Cirurgia Cardio-Torácica e Vascular
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.58%
Trabalho apresentado na XV Reunião da SPCCTV e galardoado com o Prémio Nacional Cid dos Santos, Santa Eulália, Algarve, Novembro de 2013; A resseção e reconstrução dos grandes troncos venosos do tórax está indicada no tratamento dos sintomas de hipertensão venosa causados pelo Síndrome da Veia Cava Superior e para permitir a ressecção de tumores do mediastino que invadem a Veia Cava Superior (VCS) e os Troncos Venosos Braquiocefálicos (TVB), esquerdo e direito. Apresentamos quatro casos clínicos ilustrativos, operados entre 2010 e 2013. Todos eles sofriam de um tumor do mediastino com envolvimento dos grandes troncos venosos, cujo propósito foi a ressecção completa do tumor. Pretendemos avaliar os resultados em termos de melhoria da sintomatologia, complicações decorrentes dos procedimentos, permeabilidade das pontagens a curto e médio prazo e taxas de mortalidade. Utilizamos próteses de ePTFE aneladas para a realização das seguintes reconstruções vasculares: • pontagem em Y da veia subclávia esquerda e veia jugular interna esquerda para o TVB esquerdo; • duas pontagens do início do TVB esquerdo para o apêndice auricular direito; • pontagem do TVB esquerdo para o apêndice auricular direito e uma pontagem do TVB direito para a VCS. Todos os doentes tiveram alta hospitalar e todas as pontagens se encontravam permeáveis à data da alta e aos 30 dias. Ocorreram dois casos de trombose tardia...