Página 1 dos resultados de 79 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Paniculite no Contexto de Leishmaniose Visceral

Lencastre, A; João, A; Paiva Lopes, MJ
Fonte: Centro Editor e Livreiro da Ordem dos Médicos Publicador: Centro Editor e Livreiro da Ordem dos Médicos
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
26.11%
Um homem de 38 anos com história pregressa de toxicofilia endovenosa, Síndroma da Imunodeficiência Adquirida (SIDA) e Leishmaniose Visceral em 2000, foi internado por febre, mioartralgias, cansaço fácil, hepatoesplenomegália e edema dos membros inferiores. Ao décimo dia de internamento surgiram nódulos subcutâneos das coxas e foi solicitada avaliação pela Dermatologia. O diagnóstico clínico e histológico das lesões foi compatível com Paniculite a Leishmania no contexto de recidiva de Leishmaniose Visceral. A Paniculite a Leishmania é um achado raramente encontrado no contexto de Leishmaniose Visceral, sendo mais frequente nos indivíduos coinfectados pelo VIH. Neste caso, o atingimento cutâneo permitiu o diagnóstico precoce e a confirmação histopatológica de recidiva de Leishmaniose.

Granulomas do Pénis - Uma Complicação Rara da Terapia Intravesical com Bacilo Calmette-Guérin

Lestre, S; João, A; Gameiro, C; Paiva Lopes, MJ
Fonte: Scielo Publicador: Scielo
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
26.11%
A imunoterapia com o Bacilo Calmette-Guérin é amplamente usada no tratamento e profilaxia da neoplasia urotelial superficial. As complicações associadas ao tratamento são comuns. Os autores relatam um caso de inflamação granulomatosa do pênis, associada à terapia intravesical com Bacilo Calmette-Guérin, com múltiplos nódulos eritematosos indolores localizados na glande. É também efetuada uma revisão da literatura. A balanopostite granulomatosa é uma complicação rara associada à imunoterapia com Bacilo Calmette-Guérin, com uma apresentação clinicamente heterogênea que pode dificultar o diagnóstico. O seu reconhecimento clínico é essencial para o início precoce de tuberculostáticos e interrupção de Bacilo Calmette-Guérin.

Dermite de Contacto à Mitomicina C. 6 Casos

Martins, A; Gil, L; Paiva Lopes, MJ; Mendes, I; Almeida Santos; Lobo, L
Fonte: Associação Portuguesa de Urologia Publicador: Associação Portuguesa de Urologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2005 POR
Relevância na Pesquisa
26.11%
A Mitomicina C está entre uma variedade de agentes quimioterapêuticos intravesicais actualmente disponíveis para o tratamento do carcinoma superficial da bexiga. Cerca de9% destes doentes desenvolve reacções adversas cutâneas, geralmente dermites de contacto, localizadas nas mãos, pés, genitais, ou erupções mais disseminadas. Descrevem-se 6 casos de dermite de contacto alérgica à Mitomicina C, observados entre Junho/2004 e Março/2005,emcinco doentes do sexo masculino e umdo sexo feminino, com uma idade média de 70 anos.

Porque Reclamam os Nossos Doentes? Casuística de uma Consulta de Dermatologia

Cabete, J; Lencastre, A; Apetato, M; Paiva Lopes, MJ
Fonte: Centro Editor e Livreiro da Ordem dos Médicos Publicador: Centro Editor e Livreiro da Ordem dos Médicos
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
26.11%
Introdução: A satisfação do utente constitui um indicador frequentemente usado na aferição da qualidade em saúde. Deste modo, é reconhecida a importância do utente como agente activo na melhoria dos serviços de saúde. Em Portugal, têm sido dados passos na caracterização das preocupações e necessidades do utilizador do Sistema Nacional de Saúde, pela análise oficial de reclamações e litígios. Objectivo: Analisar as reclamações dos utentes da consulta externa do serviço de dermatologia de um hospital português. Material e Métodos: Foram analisadas retrospectivamente todas as reclamações efectuadas pelos utentes no Livro Amarelo ou no Gabinete do Utente no período que decorreu entre os anos de 2000 e 2010, inclusive. Resultados: Identificaram-se 106 reclamações nos onze anos em estudo, com uma taxa de reclamações média de 0,4‰. A propensão para reclamar acentuou-se no tempo, predominando o reclamante do sexo feminino (60,4%). As reclamações ‘Administrativas ou referentes ao Sistema’ foram mais frequentes do que aquelas alusivas aos ‘Profissionais de Saúde’ (58,5% vs 41,5%). Nas primeiras, destacam-se as reclamações da tipologia ‘Leis ou Normas’ seguidas das relacionadas com ‘Procedimentos Administrativos’. As reclamações dirigidas aos ‘Profissionais de Saúde’ referem-se apenas a médicos ou actos médicos. A tipologia mais prevalente neste subgrupo foi a ‘Expectativa Frustrada’...

Apparent Safe Use of Single Dose Rituximab for Recalcitrant Atopic Dermatitis in the First Trimester of a Twin Pregnancy

Ponte, P; Paiva Lopes, MJ
Fonte: Elsevier Publicador: Elsevier
Tipo: Outros
Publicado em //2010 ENG
Relevância na Pesquisa
26.11%

Necrólise Epidérmica Tóxica – Valproato de Sódio e Vancomicina?

Antunes, J; Lestre, S; Gonçalves, A; Borges, A; Viseu, R; Baptista, I
Fonte: Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica Publicador: Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
26.11%
A prevalência de reacções adversas a medicamentos (RAM) em doentes hospitalizados é estimada em 10 -20% e estas podem ser potencialmente fatais. A necrólise epidérmica tóxica (NET) é uma das apresentações de RAM mais severa, com baixa incidência mas mortalidade elevada. Os autores apresentam o caso de uma mulher de 79 anos, com doença cerebrovascular hemorrágica grave, pós -traumática, com necessidade de internamento em cuidados intensivos que, sob terapêutica com meropenem, vancomicina e valproato de sódio, desenvolveu um quadro de NET. Para identificação do fármaco responsável realizou -se teste de transformação linfoblástica (TTL). Os índices de estimulação obtidos foram < 2,0 para o meropenem, 7,4 para vancomicina e 6,4 para o valproato de sódio; a sua valorização foi efectuada com cut -off >3. Apesar de ser ainda um instrumento de investigação, o TTL foi decisivo na confirmação da base imunológica da reacção. Vancomicina e valproato de sódio estão totalmente contraindicados nesta doente.

Fototerapia como Adjuvante da Terapêutica Biológica na Psoríase

Cabete, J; Serrão, V; Lestre, S; Páris, F; Apetato, M
Fonte: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos Publicador: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos
Tipo: Outros
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
26.11%
Introdução: A associação terapêutica é uma estratégia frequentemente usada no tratamento da psoríase. Contudo, a associação de fármacos biológicos com terapêuticas convencionais, e em particular com fototerapia, tem sido pouco explorada. Objectivo: Caracterizar a eficácia e a segurança da associação fototerapia-terapêutica biológica no tratamento da psoríase. Métodos: Foram analisados retrospectivamente os processos clínicos de doentes com o diagnóstico de psoríase vulgar ou artropática com seguimento em Consulta de Psoríase entre 2003 e 2011, e identificados aqueles com história de associação entre fármaco biológico e fototerapia e pelo menos um ano de follow-up. Resultados: Dos 231 doentes em terapêutica biológica por psoríase vulgar ou artropática, 10 (4,3%) efectuaram fototerapia adjuvante, num total de 13 ciclos de tratamento. Nestes 10 doentes a média etária foi de 38,8 anos e tinham em média 13,7 anos de evolução de doença. Cinco (50%) tinham sido previamente tratados com fototerapia (80% dos quais não responderam). A fototerapia em associação foi instituída em média 2 anos após o início de terapêutica com etanercept (n=9) e adalimumab (n=1). Foram efectuados 9 ciclos de tratamento com PUVA sistémico...

Dermatose Marítima por Contato com uma Caravela-Portuguesa

Moleiro, S; Pereira, A; Paiva Lopes, MJ
Fonte: Centro Editor e Livreiro da Ordem dos Médicos Publicador: Centro Editor e Livreiro da Ordem dos Médicos
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
26.11%
Durante a época do Verão, as lesões cutâneas que surgem na praia são um motivo frequente de recurso aos serviços de urgência e de consulta de dermatologia. Os autores descrevem o caso de uma criança com uma lesão maculopapular dolorosa que resultou de um provável contato com uma caravela-portuguesa. Não apresentava outros sinais ou sintomas pelo que foi medicada em ambulatório com analgesia, anti-histamínico e corticoide tópico. Após uma semana de evolução constatou-se resolução completa das lesões cutâneas. Apesar da gravidade da maioria dos casos de dermatoses marítimas encontradas em Portugal ser ligeira, considera-se ser importante o estudo da fauna e da flora de cada região para adequar os cuidados terapêuticos.

Onychoscopy

Lencastre, A; Lamas, A; Sá, D; Tosti, A
Fonte: Elsevier Publicador: Elsevier
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2013 ENG
Relevância na Pesquisa
26.11%
Dermatoscopy can be used to evaluate the nail apparatus (ie, onychoscopy), and it is helpful for the diagnosis of numerous nail diseases and tumors. This article reviews the information that can be obtained in cases of nail dyschromia and especially in cases of melanonychia, in which the distinction between benign melanocytic activation or proliferation and malignancy is crucial. Dermatoscopic changes that accompany specific nail diseases are also reviewed, such as those observed with subungual hemorrhage, bacterial and fungal nail infections, psoriasis of the nail, lichen planus of the nail, and vascular abnormalities of the nail fold.

Long-Term Evaluation of Recurrence after Photodynamic Therapy with Topical Methyl Aminolevulinate for Non-Melanoma Skin Cancer: a Hospital-Based Study

Cabete, J; Rafael, M; Cravo, M; Moura, C; Sachse, F; Pecegueiro, M
Fonte: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE; Serviço de Dermatologia do Instituto Português de Oncologia de Lisboa Francisco Gentil Publicador: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE; Serviço de Dermatologia do Instituto Português de Oncologia de Lisboa Francisco Gentil
Tipo: Outros
Publicado em //2013 ENG
Relevância na Pesquisa
26.11%
Introduction & Objectives: Several factors may influence the decision to pursue nonsurgical modalities for the treatment of non-melanoma skin cancer. Topical photodynamic therapy (PDT) is a non-invasive alternative treatment reported to have a high efficacy when using standardized protocols in Bowen’s disease (BD), superficial basal cell carcinoma (BCC) and in thin nodular BCC. However, long-term recurrence studies are lacking. The aim of this study was to evaluate the long-term efficacy of PDT with topical methylaminolevulinate (MAL) for the treatment of BD and BCC in a dermato-oncology department. Materials & Methods: All patients with the diagnosis of BD or BCC, treated with MAL-PDT from the years 2004 to 2008, were enrolled. Treatment protocol included two MAL-PDT sessions one week apart repeated at three months when incomplete response, using a red light dose of 37-40 J/cm2 and an exposure time of 8’20’’. Clinical records were retrospectively reviewed, and data regarding age, sex, tumour location, size, treatment outcomes and recurrence were registered. Descriptive analysis was performed using chi square tests, followed by survival analysis with the Kaplan-Meier and Cox regression models. Results: Sixty-eight patients (median age 71.0 years...

Vulvar Lichen Sclerosus: Efficacy of Photodynamic Therapy Under Conscious Sedation with Inhaled 50% Nitrous Oxide and Oxygen Mixture

Cabete, J; Campos, S; Lestre, S
Fonte: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE Publicador: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE
Tipo: Outros
Publicado em //2013 ENG
Relevância na Pesquisa
26.11%
Anogenital lichen sclerosus is a chronic, inflammatory, mucocutaneous disorder of significant morbidity. Common symptoms include pruritus, pain, dysuria, and dyspareunia, frequently of difficult control. Photodynamic therapy (PDT) may be an effective therapeutic option in selected cases refractory to first--‐line treatment options. However, procedure--‐related pain is a limiting factor in patient adherence to treatment. Conscious sedation and analgesia with a ready--‐to--‐use gas mixture of nitrous oxide and oxygen is useful in short--‐term procedures. It provides a rapid, effective, and short--‐lived effect, without the need for anesthesiology support. A 75--‐year--‐old woman presented with a highly symptomatic, histologically confirmed vulvar lichen sclerosus, with at least 15 years of evolution. Pain, pruritus, and dysuria were intense and disabling. Treatment with ultrapotent topical corticosteroids proved to be ineffective despite patient compliance. She was then referred for PDT. A total of 3 sessions were performed, held at a mean interval of 9 weeks, and under the analgesic and sedative effect of nitrous oxide/oxygen gas. Response to treatment was evaluated through a daily, self--‐reported pain rating scale. Dysuria remitted completely after the first PDT session. An 80% reduction in pruritus and pain was observed after the third session...

Recalcitrant Leg Ulcers as the Only Manifestation of Essential Type 2 Cryoglobulinemia

Brasileiro, A; Barreto, P; Salvado, V; Diamantino, F; Pinheiro, S
Fonte: Serviço de Dermatologia e Serviço de Medicina Interna do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE; Serviço de Medicina Interna do Hospital de S. José, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE Publicador: Serviço de Dermatologia e Serviço de Medicina Interna do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE; Serviço de Medicina Interna do Hospital de S. José, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE
Tipo: Outros
Publicado em //2013 ENG
Relevância na Pesquisa
26.38%
Chronic leg ulcers are persistent conditions that might be a diagnostic and therapeutic challenge, with great impact in health care costs and patients’ quality of life. We report a case of a 60-year-old woman, with long-lasting recalcitrant leg ulcers, which led to left leg amputation 10 years ago. Several attempts to heal the right leg were made, including skin grafting in three different occasions and several surgical debridements, all with unsatisfactory outcome. Some months before the ulcers began, the patient had been diagnosed with undifferentiated connective tissue disease because of arthralgia and positive antinuclear antibodies, therefore low dose systemic corticosteroids and azathioprine were prescribed. For the last 4 years she has been followed in our department and since then no evidence of clinical or laboratorial criteria for autoimmune diseases was found, thus the immunosuppressive therapy was stopped. She maintained ever since a high rheumatoid factor but without other evidence of autoimmune disease. Medical history was otherwise irrelevant. Several cutaneous biopsies were performed, with no evidence of malignancy or vasculitis. Recently, cryoglobulins became positive, with type 2b cryoglobulin identification on immunofluorescence. Serology for Hepatitis C virus was consistently negative...

Scalp Porocarcinoma: a Rare Diagnosis

Brasileiro, A; Santos, G; Fidalgo, A; João, A
Fonte: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE Publicador: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE
Tipo: Outros
Publicado em //2013 ENG
Relevância na Pesquisa
26.11%
Adnexal skin tumours are rare conditions, and often clinically indistinguishable from other cutaneous neoplasms. Porocarcinoma, a sweat gland malignant tumour, is more commonly found on extremities. Few reports in other anatomic locations can be found in the literature, and those arising on the scalp are even scarcer. The authors report the case of an 84-year-old diabetic man, with a tumour on the left parietal region for 1 year, which histopathological features were consistent with porocarcinoma. The importance of histopathologic diagnosis is hereby emphasized by the more aggressive behaviour of this tumour, therefore requiring clinical actuation accordingly.

Recidiva de Cancro Cutâneo Não-Melanoma após Terapêutica Fotodinâmica num Serviço de Dermatologia

Cabete, J; Rafael, M; Cravo, M; Moura, C; Sachse, F; Pecegueiro, M
Fonte: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE; Serviço de Dermatologia do Instituto Português de Oncologia de Lisboa Francisco Gentil Publicador: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE; Serviço de Dermatologia do Instituto Português de Oncologia de Lisboa Francisco Gentil
Tipo: Outros
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
26.11%
Introdução: São escassos os estudos de eficácia a longo prazo da terapêutica fotodinâmica(TFD) no tratamento da doença de Bowen (DB) e do carcinoma basocelular (CBC). Objectivos: Determinar a eficácia a longo prazo da TFD com metilaminolevulinato (MAL) no tratamento da DB e do CBC pela análise de recidiva. Material e método: Foram analisados retrospectivamente os processos clínicos de doentes com o diagnóstico de DB ou CBC tratados com TFD-MAL num serviço de Dermato- Oncologia entre 2004 e 2008. Foi efectuada a análise descritiva dos dados pelo teste do chiquadrado, seguida da análise de sobrevivência pelos métodos de Kaplan-Meier e regressão de Cox. Resultados: Foram tratados 68 doentes (mediana etária 71 anos, P25;P75=30;92) com um total de 78 tumores (31 DB, 45 CBC superficiais, 2 CBC nodulares finos). No período de seguimento efectuado (mediana 43,5 meses, P25;P75=0;100) observou-se uma taxa de recidiva de 25% no CBC e 45,2% na DB. As taxas de recidiva estimadas para os CBC e DB foram de 5,0% vs. 7,4% aos 6 meses, 23,4% vs. 27,9% aos 12 meses e de 30,0% vs. 72,4% aos 60 meses. Idade e diagnóstico constituíram factores independentes de prognóstico, com taxas de recidiva significativamente maiores nos doentes com DB (p=0...

Exantema Mercurial com Reação Pustular. Uma Forma de Dermite de Contacto Sistémica Associada a Tatuagem

Campos, S; Lestre, S; João, A; Lobo, L
Fonte: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE Publicador: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE
Tipo: Outros
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
26.11%
INTRODUÇÃO: A realização de tatuagens é uma prática muito comum. Está demonstrado que muitos dos constituintes dos diferentes pigmentos estão associados a uma diversidade de manifestações cutâneas, como é o caso da dermite de contacto sistémica (DCS). O pigmento vermelho, cujo um dos principais constituintes é o mercúrio, é o mais frequentemente associado a estes episódios. A DCS quando associada à exposição sistémica de mercúrio (sobretudo por via inalatória ou transcutânea) manifesta-se principalmente sobre a forma de eritema simétrico das grandes pregas e região glútea/inguinal. Esta forma de apresentação clinica tem a designação de Síndrome de Baboon ou Exantema Mercurial. O seu principal diagnóstico diferencial é a pustulose exantemática generalizada aguda. CASO CLÍNICO:Mulher de 45 anos, saudável, com história de realização de três tatuagens de cor negra no tronco há 5 anos, foi referenciada à consulta de Dermatologia por dermatose pruriginosa bilateral, simétrica, monomorfa, caracterizada por placas eritematosas e edematosas com incontáveis pústulas foliculares sobrepostas. Inicialmente, as lesões encontravam-se confinadas à área da tatuagem com posterior progressão para o tronco superior...

Líquen Aureus. A Propósito de um Caso Clínico

Campos, S; Lestre, S
Fonte: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE Publicador: Serviço de Dermatologia do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE
Tipo: Outros
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
26.11%
INTRODUÇÃO: O Líquen Aureus (LA), uma forma rara de dermatite purpúrica pigmentada crónica, caracteriza-se clinicamente por manchas ou placas liquenoides, solitárias ou em pequeno número, de coloração purpúrica ou acastanhada-dourada, localizadas predominantemente nos membros inferiores. As lesões com evolução estável e assintomática podem persistir por vários anos. Os tratamentos disponíveis incluem corticoides tópicos de alta/média potência, inibidores da calcineurina tópicos, ou fototerapia com PUVA nos casos refratários. CASO CLÍNICO: Homem de 53 anos, caucasiano, referenciado à consulta de dermatologia por mancha única assintomática, rosa-acastanhada, grosseiramente circular com cerca de 3 cm de diâmetro, de bordos bem definidos, localizada na superfície pré-tibial da perna esquerda com seis meses de evolução. A biópsia cutânea revelou a presença de infiltrado linfocitário perivascular na derme superficial, com extravasamento de eritrócitos e depósitos de hemossiderina. De acordo com o resultado histopatológico e pelo facto de se tratar de uma lesão única foi estabelecido o diagnóstico de líquen aureus. O doente foi tratado com dipropionato de betametasona pomada durante 4 meses. Após este período...

O Pé Diabético com Infecção Aguda: Tratamento no Serviço de Urgência em Portugal

Neves, J; Matias, R; Formiga, A; Cabete, J; Moniz, L; Figueiredo, J; Sampaio, C
Fonte: Sociedade Portuguesa de Cirurgia Publicador: Sociedade Portuguesa de Cirurgia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
26.38%
O pé diabético é uma complicação major comum da Diabetes mellitus sendo o cirurgião geral o responsável pelo seu diagnóstico e tratamento. A infecção aguda é uma urgência médico-cirúrgica. Este artigo tem como objectivos orientar o cirurgião no diagnóstico e tratamento do pé diabético infectado no serviço de urgência. Antibioterapia de largo espectro, drenagem/ desbridamento cirúrgico no serviço de urgência, internamento, repouso do membro e apósitos adequados são medidas essenciais para o correcto tratamento do pé diabético com infecção moderada-grave. Os desbridamentos devem, sempre que possível, preservar a estrutura e funcionalidade do pé. A intervenção atempada é essencial para reduzir o número de amputações major, a mortalidade e custo social associados.

Recalcitrant Leg Ulcers as the Only Manifestation of Essential Type 2 Cryoglobulinemia

Brasileiro, A; Barreto, P; Salvado, V; Diamantino, F; Pinheiro, S
Fonte: Serviço de Dermatologia e Serviço de Medicina Interna do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE; Serviço de Medicina Interna do Hospital de S. José, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE Publicador: Serviço de Dermatologia e Serviço de Medicina Interna do Hospital dos Capuchos, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE; Serviço de Medicina Interna do Hospital de S. José, Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE
Tipo: Outros
Publicado em //2013 ENG
Relevância na Pesquisa
26.38%
Chronic leg ulcers are persistent conditions that might be a diagnostic and therapeutic challenge, with great impact in health care costs and patients’ quality of life. We report a case of a 60-year-old woman, with long-lasting recalcitrant leg ulcers, which led to left leg amputation 10 years ago. Several attempts to heal the right leg were made, including skin grafting in three different occasions and several surgical debridements, all with unsatisfactory outcome. Some months before the ulcers began, the patient had been diagnosed with undifferentiated connective tissue disease because of arthralgia and positive antinuclear antibodies, therefore low dose systemic corticosteroids and azathioprine were prescribed. For the last 4 years she has been followed in our department and since then no evidence of clinical or laboratorial criteria for autoimmune diseases was found, thus the immunosuppressive therapy was stopped. She maintained ever since a high rheumatoid factor but without other evidence of autoimmune disease. Medical history was otherwise irrelevant. Several cutaneous biopsies were performed, with no evidence of malignancy or vasculitis. Recently, cryoglobulins became positive, with type 2b cryoglobulin identification on immunofluorescence. Serology for Hepatitis C virus was consistently negative...

O Pé Diabético com Infecção Aguda: Tratamento no Serviço de Urgência em Portugal

Neves, J; Matias, R; Formiga, A; Cabete, J; Moniz, L; Figueiredo, J; Sampaio, C
Fonte: Sociedade Portuguesa de Cirurgia Publicador: Sociedade Portuguesa de Cirurgia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
26.38%
O pé diabético é uma complicação major comum da Diabetes mellitus sendo o cirurgião geral o responsável pelo seu diagnóstico e tratamento. A infecção aguda é uma urgência médico-cirúrgica. Este artigo tem como objectivos orientar o cirurgião no diagnóstico e tratamento do pé diabético infectado no serviço de urgência. Antibioterapia de largo espectro, drenagem/ desbridamento cirúrgico no serviço de urgência, internamento, repouso do membro e apósitos adequados são medidas essenciais para o correcto tratamento do pé diabético com infecção moderada-grave. Os desbridamentos devem, sempre que possível, preservar a estrutura e funcionalidade do pé. A intervenção atempada é essencial para reduzir o número de amputações major, a mortalidade e custo social associados.

A gene cluster encoding cholesterol catabolism in a soil actinomycete provides insight into Mycobacterium tuberculosis survival in macrophages

Van der Geize, Robert; Yam, Katherine; Heuser, Thomas; Wilbrink, Maarten H.; Hara, Hirofumi; Anderton, Matthew C.; Sim, Edith; Dijkhuizen, Lubbert; Davies, Julian E.; Mohn, William W.; Eltis, Lindsay D.
Fonte: National Academy of Sciences Publicador: National Academy of Sciences
Tipo: Artigo de Revista Científica
EN
Relevância na Pesquisa
26.53%
Rhodococcus sp. strain RHA1, a soil bacterium related to Mycobacterium tuberculosis, degrades an exceptionally broad range of organic compounds. Transcriptomic analysis of cholesterol-grown RHA1 revealed a catabolic pathway predicted to proceed via 4-androstene-3,17-dione and 3,4-dihydroxy-9,10-seconandrost-1,3,5(10)-triene-9,17-dione (3,4-DHSA). Inactivation of each of the hsaC, supAB, and mce4 genes in RHA1 substantiated their roles in cholesterol catabolism. Moreover, the hsaC− mutant accumulated 3,4-DHSA, indicating that HsaCRHA1, formerly annotated as a biphenyl-degrading dioxygenase, catalyzes the oxygenolytic cleavage of steroid ring A. Bioinformatic analyses revealed that 51 rhodococcal genes specifically expressed during growth on cholesterol, including all predicted to specify the catabolism of rings A and B, are conserved within an 82-gene cluster in M. tuberculosis H37Rv and Mycobacterium bovis bacillus Calmette–Guérin. M. bovis bacillus Calmette–Guérin grew on cholesterol, and hsaC and kshA were up-regulated under these conditions. Heterologously produced HsaCH37Rv and HsaDH37Rv transformed 3,4-DHSA and its ring-cleaved product, respectively, with apparent specificities ≈40-fold higher than for the corresponding biphenyl metabolites. Overall...