Página 1 dos resultados de 237 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

A nova gestão pública nos governos locais: o caso dos municípios dos distritos de Vila Real e Bragança

Rodrigues, Miguel
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.2%
Os modelos de Gestão Pública têm-se sucedido ao longo dos tempos, associados às mudanças das concepções de Estado, mais ou menos intervencionista. As últimas décadas têm representado um ataque ao modelo de gestão pública associado ao Estado de Providência Social. Acusando-o de ser ineficiente e demasiado lento a reagir as necessidades dos cidadãos e as mutações do meio onde se insere. Também é acusado de prejudicar o desenvolvimento e o crescimento económico. É tido como um meio que permite a criação de agentes e processos burocráticos que desenvolvem a sua actuação com um único propósito, o aumento do seu bem-estar e do seu poder. Diversas pressões de carácter económico, financeiro, político, ideológico, bem como o esgotamento das soluções protagonizadas por este modelo, condicionaram o aparecimento de um novo modelo de gestão, a Nova Gestão Pública. A NGP baseia-se então, na introdução de mecanismos de mercado e na adopção de ferramentas de gestão privada, na promoção de competição entre fornecedores de bens e serviços públicos, na expectativa da melhoria do serviço para o cidadão, no aumenta da eficiência e da flexibilização da Gestão. A NGP convida novos actores a serem parte activa do Estado de Providencia Social. Estas alterações...

O papel do Estudo Geral, repositório institucional da Universidade de Coimbra, na gestão das Provas Científicas e Académicas

Miguéis, Ana; Silva, Ana Luísa; Neves, Bruno Pinheiro; Trindade, Álvaro; Bernardes, José Augusto Cardoso
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
36.2%
O Estudo Geral (http://estudogeral.sib.uc.pt), o repositório digital da Universidade de Coimbra (UC), foi desenvolvido pelo Serviço Integrado das Bibliotecas da Universidade de Coimbra (SIBUC), cujo principal objectivo é a preservação e divulgação da produção científica dessa instituição. Apresentado ao público em Junho de 2008, a sua criação inseriu-se no movimento de acesso livre à literatura científica (Open Access), ao qual o Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas aderiu em 2006. A Reitoria da Universidade de Coimbra subscreveu os princípios desse movimento no início de 2007, com o intuito, em geral, de promover a circulação do conhecimento científico e, em particular, de aumentar a sua presença na rede informática mundial, tornando-se cada vez mais um emissor de saber e de cultura capaz de chegar a todo o lado. Visando preservar o património intelectual, e em concordância com os princípios subscritos do movimento de acesso livre, a UC definiu e viu aprovada a sua Política de Acesso Livre, em 2010, que estabelece e assegura os procedimentos necessários à preservação dos conteúdos registados no Estudo Geral, e à garantia de acesso permanente aos materiais aí depositados. Para que essa política se concretizasse com sucesso...

Processo de participação pública colaborativa em planeamento : o estudo de caso do plano de gestão da região hidrográfica do Algarve

Dores, Anabela Cabrita das
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
36.46%
Dissertação de Mestrado em Cidadania Ambiental e Participação apresentada à Universidade Aberta; A Directiva Quadro da Água introduz um novo conceito de gestão integrada da água por bacia hidrográfica, dando ênfase à componente de participação pública nas várias fases de elaboração dos respectivos Planos de Gestão. Diversos estudos e artigos científicos sobre o estado da cidadania activa, de âmbito internacional e nacional, têm revelado que a grande maioria dos cidadãos ainda não tem o hábito de participar e evidenciam também a deficiente preparação das instituições para a promoção e incentivo à prática contínua da participação pública activa, optando, preferencialmente, por um formato de participação de carácter passivo assente na transmissão de informação e ou na consulta pública. O presente trabalho de projecto teve como objectivo geral proceder à concepção do processo de participação pública para o estudo de caso do Plano de Gestão da Região Hidrográfica do Algarve, bem como à implementação da participação pública da 2ª fase deste Plano relativa à identificação das Questões Significativas sobre a Gestão da Água. Os resultados dos procedimentos adoptados para esta fase...

Futebol: gestão do plantel: análise realizada em equipas inseridas em quadros competitivos de elevada densidade competitiva

Mourato, Rui Miguel da Silva
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.19%
Uma das primeiras inquietações do treinador de Futebol prende-se fundamentalmente com a criação de uma equipa e de uma estrutura de comunicação entre eles, para que, em qualquer momento da competição, possam responder de forma concertada às exigências do contexto. Esta investigação teve como objectivo saber de que forma os treinadores de Futebol conceptualizam, (re)formulam e operacionalizam a problemática relacionada com a gestão do plantel. Por isso, procurou-se perceber como efectuam as mudanças de jogadores durante os jogos e entre jogos. Para além disso, procurou-se identificar quais são, os diversos estatutos dentro de um plantel, bem como identificar se há factores que o influenciam e o alteram ao longo da época. Por fim, pretendeu-se verificar de que forma os treinadores concretizam o modelo de gestão da sua equipa, se os mesmos têm em conta estatutos dentro do plantel (titular, suplente, não convocado), posições (sectores e corredores) quando efectuam mudanças, ou se são condicionados pela competição ou pela dificuldade do jogo para efectuar as trocas de jogadores durante e entre jogos. Neste âmbito, estabelecemos um desenho experimental, onde 10 equipas de Futebol com participação activa nas competições da UEFA (Liga dos Campeões e Liga Europa)...

A nova gestão pública na governação local

Rodrigues, Miguel Ângelo Vilela; Araújo, Joaquim Filipe
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2005 POR
Relevância na Pesquisa
36.22%
Comunicação apresentada no 3.º Congresso Nacional de Administração Pública, Oeiras, Portugal, 2005.; Os modelos de Gestão Pública têm-se sucedido ao longo dos tempos, muitas vezes associados às mudanças na concepção e ideologia do Estado (mais ou menos intervencionistas). As últimas décadas têm representado um ataque ao modelo de gestão pública associado ao Welfare State. Acusam-no de ser ineficiente e demasiado lento a reagir às necessidades dos cidadãos e às mutações do meio onde se insere. Também é acusado de prejudicar o desenvolvimento e o crescimento económico. Este modelo é tido como um meio que permite a criação de agentes e processos burocráticos que desenvolvem a sua actuação com um único propósito, o aumento do seu bem-estar e do seu poder. (Nordhaus, 1975; Damgaard, 1997). Diversas pressões de carácter económico, financeiro, político, ideológico, bem como o esgotamento das soluções protagonizadas pela Administração Tradicional proporcionaram as condições para o aparecimento de um novo modelo de gestão, a Nova Gestão Pública. A Nova Gestão Pública baseia-se na introdução de mecanismos de mercado e na adopção de ferramentas de gestão privada, na promoção de competição entre fornecedores de bens e serviços públicos...

Implementação dum sistema integrado de gestão de resíduos no Campus da UA

Cunha, Susana Patrícia Rodrigues Teixeira Lopes da
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.23%
Um dos problemas considerado mundialmente como urgente e fundamental, associado à gestão ambiental é o da gestão dos resíduos. O padrão de desenvolvimento actual traduz-se na exploração intensa dos recursos existentes e na produção excessiva de resíduos. Os números são impressionantes e fazem da gestão de resíduos um tema de topo nas agendas ambientais. A sociedade e, em particular as Instituições de Ensino Superior (IES), devem encarar o problema, responder de forma activa e assumir-se como um exemplo de progresso no caminho da sustentabilidade. Com o estudo do caso do campus da Universidade de Aveiro (UA), pretendese determinar em que medida a implementação de um Sistema de Gestão de Resíduos (SGR) numa IES pode contribuir para a melhoria do seu desempenho, nas vertentes ambiental, económica e social. Esta dissertação pretende ainda fornecer orientações para IES que pretendam gerir os resíduos gerados nos seus campi. O Projecto GeReSUA II apurou informações, através de várias entrevistas, relativamente aos meios alocados para a gestão de resíduos, à tipologia produzida, ao conhecimento e à sensibilização da comunidade universitária para a temática. Após análise dos resultados da quantificação de produção de resíduos sólidos urbanos e outras tipologias...

Gestão do deslastre de cargas: Évora como caso de estudo

Fagundes, André Ribeiro
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /05/2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.07%
Desenvolve-se neste trabalho uma metodologia para criar um modelo de demand response, DR, que pretende auxiliar o utilizador e os operadores da rede de energia elétrica a tirar proveito das informações e da comunicação bidirecional de uma Smart Grid. A metodologia apresentada pretende ser a base para criar um modelo DR que se adapte às necessidades do consumidor e que faça a gestão das cargas, definidas pelo utilizador, de acordo com as informações provindas da rede de energia elétrica, como a potência disponível e o preço da eletricidade. Esta metodologia baseia-se na lógica fuzzy associada a técnicas de clustering para reconhecer padrões de consumo e implementá-los num controlador fuzzy. Neste trabalho é apresentado um modelo DR a partir da metodologia desenvolvida e aplica-se posteriormente esse modelo a uma residência e a uma rede de energia elétrica. São apresentados e analisados os resultados e por fim retiram-se as conclusões finais do trabalho.; In this work a methodology was developed to create a demand response, DR, model which pretends to help both user and grid operators to exploit the information and the bidirectional communication of a Smart Grid. The methodology pretends to be the basic tool to create one DR model which adapts to consumption needs and loads management...

Curso EFA de Técnico de Contabilidade : a relevância da aprendizagem inserida numa vida laboral activa : Unidade Didáctica : UFCD, Unidade 23, 6218 Gastos de produção

Madeira, Rita Maria da Silva Rosa Torres Ereio
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.24%
Relatório da Prática de Ensino Supervisionada, Mestrado em Ensino de Economia e Contabilidade, Universidade de Lisboa, 2011; Este relatório tem como objectivo a análise das lógicas de acção às ofertas de educação e formação, frequentadas por adultos inseridos numa vida laboral activa. Na análise, tenta-se compreender de que modo as orientações profissionais e experiências profissionais dos formandos contribuem de forma enriquecedora para a sua aprendizagem lectiva, de que forma influenciam as práticas de educação e formação de adultos, a nível local (nível micro). O estudo debruça-se sobre o facto de os formandos terem experiências de vida que poderão enriquecer a sua forma e postura de aprendizagem. A proposta de investigação desenvolveu-se na Escola Secundária de Gama Barros, no Cacém, concelho de Sintra, os sujeitos do estudo são os formandos do Curso EFA de Técnico de Contabilidade 2010/2011, e incide numa unidade lectiva, Unidade Didáctica – “Unidade de Formação de Curta Duração (UFCD): Unidade 23 – 6128 Gastos de Produção.” O estudo desta problemática pretende compreender os procedimentos, as formas de actuar que os formadores têm na gestão concreta em sessão entre a vida activa e a vida escolar de cada formando...

Estratégias de gestão da sala de aula na disciplina de economia do ensino secundário

Paulo, Cidália Maria dos Santos
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.19%
Relatório da Prática de Ensino Supervisionada, Mestrado em Ensino de Economia e Contabilidade, Universidade de Lisboa, 2011; As Estratégias de Gestão da Sala de Aula são acções desenvolvidas pelos professores para criar as condições apropriadas ao processo de ensino - aprendizagem. O interesse dos alunos depende da utilização de estratégias adequadas, entre outros factores. Compete ao professor de Economia, do Ensino Secundário, ensinar o aluno a compreender a complexidade do mundo que o rodeia. Isto remete para conteúdos que levem o aluno a entender a natureza, o meio social onde ele se insere e fornecer ao aluno instrumentos para ele poder resolver alguns assuntos fundamentais do seu dia a dia. Para isso é preciso que o professor promova estratégias de gestão da sala de aula em que o conhecimento é retido e lembrado por mais tempo e aumente a capacidade de aprender outros conteúdos de forma mais fácil e inovadora. O estudo foi realizado com os alunos do 10.º ano, da turma de Ciências Económico – Sociais, na Escola Secundária de Carcavelos, na disciplina de Economia e teve como finalidade desenvolver estratégias de gestão de sala de aula, utilizando diferentes recursos didácticos que envolvessem activamente todos os alunos. Na primeira fase do estudo e durante as aulas que observei na Escola Secundária de Carcavelos...

As tecnologias de informação e comunicação (TIC) na qualificação da população activa: o papel dos canais formais e informais de aquisição e desenvolvimento de competências em TIC na qualificação da população activa

Ferreira, André Filipe de Sousa da Trindade
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /10/2007 POR
Relevância na Pesquisa
36.44%
Mestrado em Economia e Gestão da Ciência e Tecnologia e Inovação; Como pode a utilização quotidiana das TIC, principalmente o computador e a Internet, em casa e no emprego, contribuir para a qualificação da população activa? Podem as TIC criar gosto e reconhecimento pela aprendizagem numa população cujos baixos níveis médios de qualificação condicionam o reconhecimento da necessidade de aprender? Estas são as questões geradoras do trabalho que aqui se apresenta. Com um carácter exploratório procurou-se respostas fazendo uma reflexão sobre as relações e articulações entre o desenvolvimento das competências em TIC e a necessidade de melhoria do nível de qualificações da população activa, através da integração desta população em processos inclusivos e sustentados de ALV, de âmbito mais alargado. Tendo como objecto central a população activa portuguesa, tentou-se compreender como esta constrói e reconstrói o seu portfólio de competências e qualificações, atendendo às suas experiências nos sistemas de ensino e formação e no meio social e institucional em que está inserida. A análise inclui duas metodologias complementares: a primeira, quantitativa, compreendeu a concepção e administração de um inquérito por questionário...

Investir em acções segundo Warren Buffett: caso português

Jorge, Ricardo Humberto Dias
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
46.31%
Mestrado em Finanças; Warren Buffett é um dos investidores mais bem sucedidos nos mercados de capitais dos últimos 50 anos. Segundo o último estudo da revista norte-americana Forbes (2008), Buffett é considerado o segundo homem mais rico do Mundo, com um património acumulado de aproximadamente 38 mil milhões USD. Este estudo tentará replicar o modelo de investimento utilizado por Warren Buffett no Índice PSI-20. Para tal, são comparadas três carteiras de investimentos representativas de diferentes estratégias de investimento, incluindo a estratégia buffettiana. Os resultados apontam para a estratégia de investimento buffetiana como o estilo de investimento com melhor relação retorno / risco durante o período de investimento traçado (2000-2008). Destaque ainda para a demonstração das vantagens comparativas da Gestão Activa (e Market Timing) e Security Selection (análise fundamental e qualitativa) em relação à Gestão Passiva e Diversificação, respectivamente.; Warren Buffett is one of the most successful investors in capital markets over the last 50 years. According to the latest study by U.S. magazine Forbes (2008), Buffett is considered the second richest man in the world, with an accumulated wealth of nearly 38 billion USD. This study attempts to reproduce the investment model used by Warren Buffett in the PSI-20 Index. For that...

Diversificação internacional: modelo de Treynor & Black

Brito, Patrícia Vieira
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
46.44%
Projecto, Mestrado em Finanças/ G11; G15; Tendo em conta a globalização dos mercados financeiros e a evidência do contágio das tendências de subida ou de descida entre os vários mercados, faz sentido questionar até que ponto a diversificação geográfica ainda acrescenta valor na gestão de uma carteira de activos financeiros e, mais especificamente, de uma carteira de acções. Para analisar esta situação, consideraram-se duas carteiras diversificadas de acções europeias, de gestão passiva e, a partir de cada uma delas, utilizando o modelo de Treynor & Black construíram-se novas carteira através do investimento parcial numa carteira de gestão activa formada por diversos índices de países europeus, de outros mercados desenvolvidos e de mercados emergentes, verificou-se o impacto da diversificação internacional no aumento ou diminuição da rendibilidade e do risco esperados dessas carteiras. Na constituição dessas carteiras de gestão activa e no peso que terão na carteira total tiveram-se em conta três possíveis perfis de risco: conservador, equilibrado e arrojado. Paralelamente, procurou verificar-se se o investimento no mercado Português permite ou não acrescentar valor em cada uma das carteiras a construir. Os resultados obtidos demonstram claramente as vantagens da diversificação internacional...

A Gestão do Turismo de Natureza na Rede Nacional de Áreas Protegidas: a Carta de Desporto de Natureza do Parque Natural de Sintra-Cascais

Laranjo, José Manuel
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /08/2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.39%
Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Gestão do Território; O presente estudo problematiza a dinâmica territorial do Turismo de Natureza na Rede Nacional de Áreas Protegidas, identificando ameaças e oportunidades que as Actividades de Animação Turística e as Actividades Físicas de Aventura na Natureza colocam, analisando e sugerindo medidas para optimizar os processos de planeamento e gestão. Um dos principais propósitos deste estudo é verificar a eficácia dos modelos de gestão territorial existentes, nesta era de “retorno à natureza” caracterizada pelo lazer activo, materializado na proliferação de actividades de aventura, actores, fluxos e por uma nova geografia do efémero uso dos lugares de prática. Com o propósito de fazer o diagnóstico da situação actual, submetemos um questionário às 25 áreas classificadas da Rede Nacional de Áreas Protegidas, de modo a conhecer a situação e aptidão de cada Área Protegida para a prática das actividades de animação turística, os promotores, os impactes socio-ambientais e as medidas de mitigação, o estado actual dos processos de elaboração e implementação das Cartas de Desporto de Natureza...

Intervenção de enfermagem na gestão do 3º estadio do trabalho de parto

Cândido, Ana Paula Lopes Ferreira
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.41%
No século XXI, a hemorragia pós-parto continua a ser um problema global. Todos os anos cerca de 140.000 mulheres morrem de hemorragia pós-parto, uma das principais causas de mortalidade e morbilidade associadas à gravidez, mesmo em países desenvolvidos. A gestão activa do 3.º estadio do trabalho de parto é uma prática baseada em evidências científicas, importante na prevenção de hemorragia pós-parto e, consequentemente, na redução da mortalidade e morbilidade materna. O questionário aplicado aos enfermeiros ESMO do serviço de urgência da MAC confirmou a existência de diferentes procedimentos durante o 3. º estadio do trabalho de parto. A intervenção de enfermagem, pretendeu sensibilizar os enfermeiros para a importância da gestão activa na prevenção da hemorragia pós-parto. O fato de interrogarmos a prática abre portas a sugestões, correcções e alternativas, contribuindo para um cuidado de excelência. A realização deste relatório permitiu apresentar as etapas desenvolvidas ao longo desta intervenção de enfermagem; ABSTRACT: In the twenty-first century, the post-partum haemorrhage remains a global problem. Every year about 140,000 women die of postpartum haemorrhage, which is one of the major causes of mortality and mobility associated with pregnancy even in developed countries. The active management of the 3rd stage of labour is a practice based on scientific evidence...

Inventariação da ictiofauna presente no sítio de Monfurado e propostas para a sua gestão

Rodrigues, Maria da Glória Martins
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.16%
A extrema sensibilidade ecológica e o carácter de bem público, da maioria dos recursos aquícolas, torna-os altamente vulneráveis. Portugal e um país com um vastíssimo património aquícola, cerca de 150 000 ha de massas de água superficiais povoadas por mais de 40 espécies piscícolas, algumas de elevado valor conservacionista e que contribuem para a manutenção da biodiversidade a nível mundial (MADRP, 2003). Neste contexto, o trabalho a desenvolver e parte integrante do projeto “GAPS - Gestão Ativa e Participada do Sitio de Monfurado “_ Numa primeira fase pretende-se fazer a inventariação das espécies de ictiofauna existentes no Sitio de Monfurado para, posteriormente, elaborar um plano de gestão dos recursos piscícolas aí presentes. Assim sendo, os principais objetivos do trabalho foram: - estudar e cartografar a distribuição das espécies ictíicas existentes no Sitio de Monfurado; - cartografar os principais obstáculos à migração da ictiofauna dulciaquícola; - propor medidas de gestão quer para as espécies autóctones, quer para as espécies exóticas, presentes na maioria das albufeiras. /ABSTRACT - Most of the aquatic resources are ecologically sensitive, this together with being a public commodity...

Comparação entre gestão activa e gestão passiva de um portfolio de acções: um estudo empírico com base no psi 20

Oliveira, Vitor Manuel Branco
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /03/2009 POR
Relevância na Pesquisa
76.67%
Mestrado em Finanças; Este trabalho visa avaliar o contributo de uma gestão activa comparativamente a uma gestão passiva no desempenho de determinado portfolio, composto por acções do PSI20. A gestão activa teve em conta uma carteira de acções determinada com base no modelo de Markowitz, enquanto que, a gestão passiva tem por base uma carteira composta por acções com proporções iguais. Na gestão activa, as proporções a investir nos activos foram revistas tendo em conta a evolução do mercado, numa base mensal. No entanto, a determinação das ponderações óptimas teve em atenção diferentes cenários em "sistema de janela". Como segundo objectivo, foi definido o estudo do impacto dos custos de intermediação financeira na performance de ambos os portfolios anteriores. Foram utilizados títulos cotados do PSI 20 durante um período de 11 anos (entre 1 de Janeiro de 1996 e 31 de Dezembro de 2006). As conclusões mostram que não compensa optar por uma gestão activa face a uma gestão passiva, quando a carteira objecto da gestão seja composta por activos cotados no PSI20. Para esta conclusão contribuem dois factores: os custos de intermediação financeira e os erros cometidos na estimação dos principais inputs para cálculo das ponderações óptimas da carteira. A melhor opção revelou-se no investimento no índice de Mercado (PSI 20).; The goal of this Thesis is to evaluate the contribution of an active management versus passive management to the portfolio performance...

A eficiência nas Carteiras de Markowitz, Variância Mínima e Naïve aplicada ao índice italiano

Martins, Luís Pedro Rosa
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
56.61%
Mestrado em Finanças; O objectivo deste trabalho é verificar as possíveis vantagens da gestão activa face à gestão passiva de uma carteira de acções com a mesma composição do índice de acções italiano FTSE MIB. A gestão passiva baseia-se no método Naïve (1/N), onde a composição da carteira inclui todos os activos do indice com proporções iguais. A gestão activa baseia-se no método de Markowitz que tem como objectivo maximizar a rendibilidade tendo definido um determinado nível de risco, ou minimizar o risco tendo em conta um nível de rendibilidade esperada. Também é utilizado o método da variância mínima que consiste em minimizar o risco independentemente da rendibilidade. Nesta abordagem as proporções a investir em cada activo são revistas mensalmente tendo em conta a evolução do mercado. Para as determinar são consideradas ?janelas? de dados de 1 e 2 anos. O segundo objectivo deste trabalho é determinar o efeito dos custos de intermediação financeira no desempenho da carteira. São utilizados os títulos que compõem o índice FTSE MIB, representativo do mercado italiano desde Janeiro de 2004 até Dezembro de 2013. Os resultados mostram a superioridade da gestão activa face à passiva, sendo a carteira de Markowitz a que obteve melhor desempenho. A carteira de variância mínima obteve resultados inferiores à de Markowtiz...

Estratégias de gestão activa em portfólios de acções

Loureiro, Ramiro Manuel Marques
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.2%
Projecto de Mestrado em Finanças; Nos mercados accionistas, existem alguns modelos desenvolvidos ao longo de décadas, que ajudam os investidores na sua tomada de decisão para a compra de uma acção. Ao comprar uma acção, o investidor torna-se dono de uma parte da empresa. Esse titulo representa parte do capital da empresa e confere dando ao seu detentor o direito de voto nas assembleias gerais, partilha dos resultados empresa e participação nos lucros, por norma sob a forma de dividendos. Desta forma, ao adquirir hoje uma acção, o investidor fá-lo na perspectiva de ganho futuro. A grande questão é saber se o preço que está a pagar por essa participação se situa acima, abaixo ou no justo valor da mesma. Nesta dissertação pretendemos fazer uma nova abordagem de investimento em acções, baseada em modelos matemáticos e estatísticos, ou seja, numa realidade quantitativa. O objectivo final passa pela criação de uma carteira de gestão activa, assente em processos automáticos de filtragem de títulos do mercado norte-americano (por uma questão de dimensão), mas que gere melhores resultados que os índices de referência, assumindo como benchmark o S&P 500 e o Nasdaq 100.; Several models have been developedthroughout the last decades that have helped investors in the decision making process regarding the stock market. When an investor buys a share it becomes a stakeholder of that company. This share represents part of the company's capital and gives its holder voting rights at the shareholders meetings and also gives it the right to participate in profit distribution (normally though dividends). As such...

Gestão activa versus gestão passiva: análise comparativa da performance dos exchange traded funds

Fonseca, Cláudia Sofia Gouveia
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.46%
Mestrado em Finanças; O estudo tem como objectivo analisar o comportamento dos Fundos de Investimento tradicionais face aos Exchange Traded Funds (ETF), instrumento recentemente introduzido no mercado e que tem vindo a assumir cada vez mais importância nas preferências dos investidores. Pretende-se verificar se a gestão activa, no caso dos fundos tradicionais, apresenta uma melhor performance face à gestão passiva, no caso dos ETF. A análise incide sobre o mercado Europeu e Americano e procura demonstrar qual das duas estratégias tem sido mais vantajosa para os investidores neste tipo de instrumento, para o período de 2005 a 2011. De forma a avaliar estes dois instrumentos foram utilizados os indicadores de performance tradicionais, tais como, Rendibilidade e Desvios-Padrão, Tracking Error, Índice de Treynor e de Índice de Sharpe, um Modelo de Factor Único baseado no Capital Asset Pricing (CAPM) e o Modelo do Três factores de Fama & French para avaliar as capacidades e qualidades dos gestores. Os resultados obtidos demonstraram que ambos os instrumentos não tiverem performances superiores ao benchmark. Os fundos tradicionais, no entanto, tiveram resultados mais favoráveis do que os ETF, apesar de não terem conseguido obter resultados significativos de rendibilidades em excesso. A análise com base no modelo de múltiplos factores veio comprovar que os resultados foram obtidos através de exposição a outros factores de risco...

A gestão de carteira de acções aplicada ao mercado francês

Félix, João Pedro Santos Silva
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.61%
Mestrado em Finanças; O principal objectivo deste estudo é avaliar as possíveis vantagens de uma carteira caracterizada por uma gestão activa face a uma carteira caracterizada pela gestão passiva, com base no índice de acções CAC-40. A gestão activa teve por base em 2 modelos: Modelo de Markowitz (carteira óptima) e Modelo de Variância Mínima. Já a gestão passiva é baseada numa carteira composta por todas as acções em proporções iguais (carteira naïve). Na gestão activa as proporções dos activos constituintes de cada carteira foram revistos mensal, trimestral, semestral e anualmente tendo em conta a evolução do mercado. Foram consideradas janelas de dados de 1 e 2 anos para determinar as ponderações a investir em cada activo. O segundo objectivo foi analisar o impacto dos custos de intermediação financeira no desempenho das carteiras calculadas anteriormente. Foram utilizados os títulos que se mantiveram em bolsa durante o período compreendido entre Janeiro de 1997 e Dezembro de 2006, o que corresponde a 31 acções do CAC-40. Depois de realizado este trabalho, concluiu-se que a 1 mês a carteira naïve é a melhor opção de investimento e a 3 meses tanto esta carteira como a carteira de mercado são boas opções de investimento. Já a 6 e 12 meses...