Página 1 dos resultados de 1557 itens digitais encontrados em 0.005 segundos

Análise da estrutura genética de populações e sistema reprodutivo de Oryza glumaepatula por meio de microssatélites; Genetic structure and mating system of Oryza glumaepatula steud. populations using microsatellite markers

Karasawa, Marines Marli Gniech
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/08/2005 PT
Relevância na Pesquisa
46.4%
As informações existentes em torno da estrutura genética e do sistema reprodutivo das populações de Oryza glumaepatula são poucas e ainda precárias. Este estudo teve como objetivo caracterizar a estrutura genética de 11 populações provenientes dos Rios Japurá, Solimões, Purus, Negro, Xingú e Tapajós (provenientes da bacia Amazônica) e dos Rios Paraguai e Taquari (provenientes da bacia do Paraguai) amostrando-se 30 indivíduos por população e avaliar o sistema reprodutivo em três dessas populações (SO-6, XI-1 e PG-1) a partir de 10 progênies maternas, com 10 plantas por progênie, em cada população. O DNA dos indivíduos foi extraído, quantificado e avaliado com base em oito locos de microssatélites e uma média de 10 alelos/loco. Estimaram-se parâmetros de diversidade genética, as estatísticas F e o fluxo gênico, verificando-se a existência de estruturação espacial, por meio do coeficiente de correlação de Pearson (r), e teste de Mantel. O sistema reprodutivo foi avaliado pela taxa de cruzamento aparente (nas populações) e pela taxa multilocos para as famílias das três populações. Obtiveram-se as seguintes estimativas de parâmetros genéticos: 77,3% de locos polimórficos; Ho (heterozigosidade observada média)= 0...

Organogênese in vitro e transformação genética de limão 'Volkameriano' (Citrus volkameriana) e laranja azeda (Citrus aurantium); In vitro organogenesis and genetic transformation of the Volkamer lemon (Citrus volkameriana) and sour orange (Citrus aurantium)

Tavano, Eveline Carla da Rocha
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/10/2008 PT
Relevância na Pesquisa
46.36%
A transformação genética possibilita a introdução de genes de interesse agronômico no genoma das plantas e pode ser empregada na tentativa de obter plantas resistentes a doenças. No entanto, para se obter uma planta transgênica é necessário primeiramente estabelecer um procotolo eficiente de regeneração de plantas in vitro. Assim, o objetivo desse trabalho foi estudar a organogênese in vitro e a transformação genética de limão Volkameriano e laranja azeda com um fragmento do gene da capa protéica do CTV. Para a organogênese in vitro utilizou-se, como explante, segmento internodal, obtido de planta cultivada em casa-de-vegetação, segmento de epicótilo, coletado de plântula cultivada in vitro e segmento de cotilédone associado ao hipocótilo obtido de semente introduzida in vitro. Esses explantes foram mantidos em meio de cultura EME suplementado com 6-benzilaminopurina (BAP 0,0; 0,5; 1,0; 1,5; 2,0 mg L- 1), sendo incubados sob fotoperíodo de 16 h de luz ou em condições de escuro por 30 dias e então transferidos para fotoperíodo de 16 h de luz. A avaliação foi realizada após 45 dias de cultivo, determinando-se o número de explantes responsivos e o número de gemas por explante. A caracterização anatômica do processo de regeneração foi realizada por meio de cortes histológicos. Pela análise dos dados foi possível verificar que a organogênese in vitro ocorreu a partir dos três tipos de explantes testados...

Desenvolvimento de metodologias biotecnológicas para micropropagação, regeneração e transformação genética de teca (Tectona grandis L. f) visando resistência a Hyblaea puera; Development of biotechnological methods for micropropagation, regeneration and genetic transformation of teak (Tectona grandis L. f) to resistance for Hyblaea puera

Tambarussi, Evandro Vagner
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/02/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.39%
A transformação genética possibilita a introdução de genes de interesse nos genomas, podendo assim ser empregada na tentativa de melhorar características agronômicas e florestais. No entanto, para a obtenção de plantas transgênicas são necessários protocolos eficientes de regeneração de plantas in vitro. Em teca, dados sobre cultura de tecidos são escassos, havendo a necessidade de determinar condições ótimas para a mesma. Com isso, o trabalho teve por objetivos estudar a organogênese in vitro de teca visando desenvolver um método de regeneração eficiente, avaliar condições para o processo de transformação e testar a susceptibilidade da lagarta Hyblaea puera a toxinas produzidas pelo Bacillus thuringiensis. Foram avaliadas a influência de TDZ e BAP na indução da competência organogenética em hipocótilos, nó cotiledonar e cotilédones de teca. Os biorreguladores AIB, BAP, NAA e GA3 foram utilizados na regeneração de segmentos de hipocótilo, nó cotiledonar, raiz, epicótilo e cotilédone. Antibióticos supressores de Agrobacterium tumefaciens e a higromicina (seleção de células transgênicas), foram também avaliados. Finalmente, testes com o inseticida biológico DipelTM e esporos de B. thuringiensis crescidos em laboratório foram realizados com as lagartas de Hyblaea puera. Na aquisição de competência organogenética o TDZ proporcionou um aumento de 46% na regeneração e o BAP 26% quando comparados ao controle. Para a organogênese in vitro foi avaliado um máximo de 70% de regeneração em nó cotiledonares em meio MS adicionado de 1 mg.L-1 de BAP + 0...

Transformação genética de laranja doce (Citrus sinensis L. Osbeck) com o gene D4E1 dirigido pelos promotores CaMV35S ou AtPP2; Sweet orange (Citrus sinensis L. Osbeck) genetic transformation using D4E1 gene driven by CaMV35S or AtPP2 promoters

Attílio, Lísia Borges
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
46.26%
O Brasil é o maior produtor de laranja doce do mundo. O histórico da citricultura brasileira é marcado por uma sucessão de doenças causadas por diferentes agentes etiológicos. Entre as principais doenças que afetam a cultura, têm levado a maiores prejuízos, as bacterianas, com destaque para o cancro cítrico causado por Xanthomonas citri subsp. citri e o Huanglongbing associado a três espécies de "Candidatus Liberibacter". Devido à ausência de cultivares de laranja doce resistentes a estas doenças, a transformação genética é uma alternativa promissora para obtenção de plantas resistentes. Uma das estratégias no uso da transgenia para conferir ação contra bactérias é a inserção de genes que codificam peptídeos antimicrobianos como o D4E1, um peptídeo sintético, que tem apresentado eficiência no controle de doenças fúngicas e bacterianas de várias culturas, in vivo e in vitro. Este trabalho foi realizado com o objetivo de obter plantas transgênicas de laranja doce das cultivares 'Hamlin', 'Pêra' e 'Valência', via Agrobacterium tumefaciens, expressando o gene D4E1, dirigido pelos promotores CaMV35S (Cauliflower mosaic virus 35S promoter) de expressão constitutiva ou pelo AtPP2 (Arabidopsis thaliana phloem protein 2) com expressão preferencial no floema...

Isolamento e caracterização de linhagens de Bacillus e Paenibacillus promotores de crescimento vegetal em lavouras de arroz e trigo do Rio Grande do Sul

Silveira, Anelise Beneduzi da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.31%
Bacilos são bactérias aeróbias ou anaeróbias facultativas, Gram positivas ou Gram variáveis, produtoras de endósporos, que lhes conferem resistência ao estresse ambiental. Os gêneros Bacillus e Paenibacillus são os que possuem as espécies reconhecidamente fixadoras de nitrogênio. Outra característica dos bacilos é o grande potencial em produzir substâncias capazes de promover o crescimento vegetal, como hormônios, sideróforos, antibióticos e a capacidade de solubilização de fosfatos. Enquanto múltiplas espécies de bacilos podem ser detectadas nos solos e na rizosfera de várias plantas, muito pouco tem sido feito para estimar a sua diversidade e para indicar quais são as espécies mais comumente isoladas. Dois estudos semelhantes foram conduzidos nesse trabalho, com os seguintes objetivos: i) isolar as espécies de bacilos fixadores de nitrogênio predominantes em diferentes regiões orizícolas e tritícolas do Estado do Rio Grande do Sul, ii) estimar a sua diversidade; e iii) avaliar suas atividades como bactérias promotoras de crescimento de plantas, para utilização como futuros inoculantes. Das espécies que foram identificadas, através do seqüenciamento parcial do gene do RNA ribossomal 16S, as mais comuns foram P. borealis e P. graminis. Para a grande maioria das bactérias isoladas não foi possível a identificação em nível de espécie. Há uma alta probabilidade de que tais bactérias constituam espécies ainda não descritas...

Caracterização fenotípica e genética da resistência parcial à ferrugem da folha em aveia (Avena sativa L.); Phenotipic and genetic caracterization of partial resistance to crown rust in oat (Avena sativa L.)

Zambonato, Felipe
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.26%
A ferrugem da folha (Pucccina coronata f. sp. avenae) é a moléstia que mais ocasiona danos de rendimento na cultura da aveia e a resistência genética quantitativa é uma das estratégias mais promissoras em busca de resistências mais duráveis. O objetivo deste trabalho foi de caracterizar fenotípica e geneticamente a resistência parcial à ferrugem da folha em genótipos brasileiros de aveia. Para isso foi efetuado um experimento preliminar com 40 linhagens derivadas de URS 21 no ano de 2009 e um ensaio utilizando as seis gerações básicas do cruzamento URS 21 x URS 22 (P1, P2, F1, F2, RC1, RC2) em 2010. Através da análise do progresso da severidade de plantas individuais foi determinada a área sob a curva de progresso da doença normalizada e corrigida (ASCPDNC) e posteriormente as estimativas genéticas das variâncias e herdabilidades no sentido amplo e restrito além do número de genes governando a característica. Os resultados evidenciam que as 40 linhagens apresentam elevado nível de resistência e não apresentam reduções no rendimento de grãos quando não efetuada a aplicação de fungicida. Por outro lado, o tratamento com fungicida proporcionou incremento no PH e PMG. Os genitores apresentaram valores de ASCPDNC diferentes...

Variabilidade e diversidade genética de populações de Ocotea notata (Nees & Mart.) Mez (Lauraceae)

Silva, Dayane Pires da
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 32 f.
POR
Relevância na Pesquisa
46.34%
O presente trabalho analisou os parâmetros genéticos populacionais de variabilidade e diversidade genética de diferentes populações de Ocotea notata (Nees & Mart.) Mez, através de marcadores de DNA do tipo ISSR (Inter Single Sequence Repeats). Para tanto, foram amostrados 243 indivíduos de 12 populações selecionadas na Bahia e Espírito Santo, que ocorrem em campos rupestres e vegetações de restinga, a saber, morfotipos de Ocotea glaucina (Meisn.) Mez: Morro do Chapéu: populações do Tabuleiro dos Guaribas, Ferro Doido, Cria Bode e Lajes; Umburanas; Jacobina; Lençóis: população da Serra das Paridas, e os morfotipos de O. notata, Esplanada: população de Baixios; Salvador: população das Dunas do Abaeté, Alcobaça, Mucuri, e Vila Velha, ES: população de Jacarenema. O DNA total já se encontrava extraído e quantificado em gel de agarose. Foram testados 20 primers de ISSR (University of British Columbia), dos quais quatro apresentaram resultados adequados para as análises, a saber: Manny, Mao, John e UBC 844. A otimização dos protocolos de reações de PCR foi feita no Laboratório de Evolução Molecular, da UNESP de Rio Claro, com a execução das reações de PCR para cada um dos primers, para cada população...

Caracterização molecular, citogenética e fenotípica de acessos do Complexo Saccharum para fins de introgressão genética

Melloni, Maria Natália Guindalini
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: v, 135 p. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
46.36%
Pós-graduação em Agronomia (Genética e Melhoramento de Plantas) - FCAV; The growing demand for ethanol fuel as a renewable source of energy brings several new challenges to the breeding programs, since aside to the productivity increase there is a need to develop new sugarcane cultivars with high biomass production to be used in electricity production and cellulosic ethanol from second generation. The introduction of wild germplasm as a source of new genes for fiber, tillering among others constitutes one of the strategies to promote significant increases in biomass. Therefore, it is of imperative importance to characterize the basic germplasm composed by sugarcane wild accessions focusing on their use as parents in crosses. This project had as objective the characterization at the agronomic, cytogenetic and molecular level of accessions from the Saccharum Complex. The biometric and quality atrtributes of the wild accessions were evaluate at field experiments. The magnitude of the genetic variability of the wild accessions and commercial cultivars used as parents in the IAC genetic introgression program were obtain through microsatellite molecular markers. In addition, commercial varieties, cytotypes of S.spontaneum and hybrids selected from families derived from crosses between cultivars and wild accessions were characterizing by cytogenetic techniques. The obtained results will give support to the Genetic Introgression Program from the IAC Sugarcane Breeding Program in the development of high biomass cultivars; A demanda crescente pelo etanol combustível como fonte de energia renovável traz uma série de novos desafios aos programas de melhoramento...

Desenvolvimento e aplicações de microssatélites, análise de cpDNA e modelagem computacional para estudos da estrutura e dinâmica genética de maçaranduba - Manilkara huberi (Ducke) Chev. Sapotaceae

Azevedo, Vânia Cristina Rennó
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.26%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Biologia Celular, 2007.; Marcadores microssatélites têm sido utilizados com grande freqüência como uma ferramenta efetiva para estudos de estrutura genética de populações, fluxo gênico, parentesco e para quantificar os efeitos da fragmentação de habitats e guiar estratégias de conservação. Como parte do Projeto de Dendrogene nosso interesse está centrado na conservação e na definição de estratégias de manejo de árvores madeireiras da floresta amazônica. Este trabalho tem como objetivo estudar a diversidade e a estrutura genética de uma população natural de Manilkara huberi, conhecida como maçaranduba, usando marcadores microssatélites. Aliado a isso, avaliar a variabilidade do cpDNA e por estudo de modelagem avaliar o potencial efeito da exploração na estrutura genética populacional. Esta espécie é intensamente explorada pela indústria madeireira devido à alta densidade de sua madeira. Treze locos microssatélite altamente polimórficos foram desenvolvidos a partir de uma biblioteca genômica enriquecida para repetições de AG/TC. Os níveis de polimorfismo foram avaliados utilizando-se um total de 12 árvores adultas provenientes de uma população natural. Para os estudos de estrutura genética de populações...

Delimitação taxonômica e variabilidade genética de Paspalum polyphyllum Nees ex Trin. e Paspalum bicilium Mez (Poaceae, Paspaleae)

Silva, Anádria Stéphanie da
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
46.38%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Botânica, 2013.; Paspalum é um dos maiores gêneros de Poaceae com, aproximadamente, 350 espécies. No Brasil, está representado por 203 espécies, das quais, 73 são endêmicas. Tradicionalmente, a caracterização taxonômica de algumas espécies de Paspalum é complexa. A poliploidia é frequente no gênero, muitas espécies possuem citótipos diplóides-sexuais e poliplóides-apomíticos e algumas, surgiram através de hibridação natural. Há discordâncias, entre os autores, quanto à circunscrição de Paspalum polyphyllum Nees ex Trin. e P. bicilium Mez, esta última espécie, incluída na sua sinonímia, baseada em espécimes herborizados. A hipótese do presente estudo é de que estas espécies são distintas. Para essa análise, foram coletados 184 indivíduos de P. polyphyllum e P. bicilium provenientes de 29 populações das regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste do Brasil, Argentina e Bolívia. Procedeu-se a uma análise multivariada de 23 descritores morfológicos e da variabilidade genética das populações de ambas as espécies por marcadores moleculares ISSR (Inter Simple Sequence Repeat). As análises multivariadas dos dados morfométricos permitiram a distinção das espécies e as características que mais contribuíram para essa distinção foram: largura da ráquis e tamanho das espiguetas e antécios. Os marcadores ISSR geraram um total de 92 bandas polimórficas obtidas através de 15 primers. A análise de variância molecular indicou baixa diversidade genética dentro das populações de P. polyphyllum (11.64%) e P. bicilium (15.69%) em contraste com elevada diferenciação genética entre as populações: 88.36% e 84.31%...

Análise do comportamento in vitro de explantes foliares de pequizeiro (Caryocar brasiliense camb.) através de RAPD.

LANDA, F. de S.; PAIVA, R.; PAIVA, P.D.O.; GOMES, G.A.C.; PAIVA, E.
Fonte: Revista Brasileira de Fisiologia Vegetal, Brasilia, v. 11, p. 97, 1999. Suplemento. Publicador: Revista Brasileira de Fisiologia Vegetal, Brasilia, v. 11, p. 97, 1999. Suplemento.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.26%
1999; Edição de resumos do 7º Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, Brasília, 1999.

Bioprospecção e identificação de bactérias isoladas de raízes de milho (Zea mays L.) para promoção de crescimento vegetal e controle biológico

Ikeda, Angela Cristina
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.31%
Resumo: A cultura de milho (Zea mays L.) tem um papel de destaque mundial, sendo matéria-prima principalmente no ramo de produção de ração. O desenvolvimento de inoculantes com cepas bacterianas é uma alternativa procurada para incrementar na produtividade da cultura e diminuir tanto o impacto ambiental como o custo para o produtor. Bactérias endofíticas e rizobactérias podem interagir com a planta de forma direta, fornecendo substâncias que auxiliam no crescimento vegetal. Dentre essas substâncias estão o ferro, por meio da produção de sideróforos; o fósforo, por meio da solubilização de fosfato e o ácido indol acético (AIA), pela produção direta de fitormônios. Denominadas PGPB (Plant Growth Promoting Bacteria), estas bactérias também podem atuar como antagonistas a fitopatógenos, produzindo enzimas líticas que impedem sua colonização ou por meio de competição por espaço e nutrientes. O objetivo deste trabalho foi caracterizar fisiológica e filogeneticamente, isolados de bactérias com ação de promoção de crescimento em plantas de milho por meio de testes in vivo e sequenciamento do gene ribossomal 16S. De uma coleção de 150 isolados, nove foram identificados por sequenciamento parcial do gene 16S rRNA em sete diferentes gêneros. Todos foram caracterizados quanto à fixação biológica de nitrogênio...

Diversidade e estrutura genética espacial de Annona crassiflora MART. (Annonaceae) em área conservada e antropizada do Cerrado; Diversity and spatial genetic structure of Annona crassiflora MART. (Annonaceae) in conservation and disturbed Cerrado area.

GOUVEIA, Felipe Oliveira
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Ecologia e Evolução; Ciências Biológicas - Biologia Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Ecologia e Evolução; Ciências Biológicas - Biologia
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.27%
The spatial genetic structure is the non-random distribution of genotypes within a population as the outcome of gene flow, genetic drift and selection. Annona crassiflora (Annonaceae) is a hermaphroditic tree. Pollination is entomophilous, being carried by beetles of the genus Cyclocephala (Scarabeidae). Seed dispersal is zoochorous mainly done by Tapirus terrestris. This study aimed to compare the genetic diversity and spatial genetic structure in two populations of Annona crassiflora, one in a conserved area and other in a disturbed area. We analyzed 97 plants from a population at the Ecological Station of Águas Emendadas (ESECAE) in the Federal District (conserved area) and 87 plants in Padre Bernardo (PBE), Goiás (disturbed area), based on eight microsatellite loci developed for the species. PCR products were electrophoresed in ABI3100 automatic DNA sequencer to obtain the genotypes. For a total of eight loci, the number of alleles ranged from 6 to 23 with an average of 15,75 alleles per locus.The allelic richness per population was larger in ESECAE population than PBE population. Expected and observed heterozygosity values were 0,614±0,145 and 0,499±0,181, significant f values were found for PBE, showing nonrandom mating. In ESECAE population expected and observed heterozygosity values were 0...

Estrutura genética e sistema de cruzamento em Eugenia dysenterica DC. (Mvrtaceae); Genetic structure and mating system in Eugenia dysenterica DC. (Myrtaceae)

Barbosa, Ana Clara de Oliveira Ferraz
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Genetica e Melhoramentode Plantas; Escola de Agronomia e Engenharia de Alimentos - EAEA (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Genetica e Melhoramentode Plantas; Escola de Agronomia e Engenharia de Alimentos - EAEA (RG)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.29%
The genetic structure of a species corresponds to the amount of genetic variability and its distribution within and among local populations and individuals. The patterns of variability among individuals in a local population are highly dependent of mating system. The goal of this study was to evaluate the mating system, the diversity and genetic structure in populations of E. dysenterica in local and regional scale. The assessment of the mating system and the analysis of genetic structure at the local scale were performed in a population of Mimoso – GO and for the analysis of genetic structure at the regional scale were analyzed 23 natural populations of E. dysenterica derived from six Brazilian states (Goiás, Minas Gerais, Bahia, Mato Grosso, Tocantins and Piauí). For all studies seven polymorphic microsatellite loci were used. Considering the 20 families analyzed, the multilocus outcrossing rates (tm = 0.918) and single locus (ts = 0.797) were high and significant. From a total of 399 seeds evaluated, it was possible to determine the pollen donor to 218 seeds (55%) with confidence level of 90%, 174 seeds (44%) with confidence level of 95% and 65 seeds (16%) with confidence level of 99%. In 15 families evaluated were possible to verify the occurrence of multiple paternity...

Divergência genética e predição de valores genotípicos em soja; Genetic divergence and genotypic values prediction in soybean

Godoi, Cláudio Roberto Cardoso de
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Genetica e Melhoramentode Plantas; Escola de Agronomia e Engenharia de Alimentos - EAEA (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Genetica e Melhoramentode Plantas; Escola de Agronomia e Engenharia de Alimentos - EAEA (RG)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.25%
Soybean breeding programs practice selection of high genetic value genotypes with two main objectives: a) to use them as parents in the hybridization process (first stage of the program), and b) to indicate them as new cultivars (final stage of the program). In this context, a first study used microsatellite markers (SSR) to assess the genetic diversity of soybean germplasm adapted to the Brazilian conditions. The experimental material consisted of 192 accessions, which included both introductions and Brazilian germplasm. The genetic divergence was assessed by descriptive analysis and the Rogers-W genetic distance. A total of 222 alleles were identified in the 37 genotyped loci, with an average of six alleles and a range of 2 to 14 alleles per locus. The genotypes were clustered according to the origin of the germplasm, and resulted in two groups: one group formed by introductions and other by Brazilian genotypes. Eighty five percent of the genetic distances estimates were above 0.70, suggesting that the assessed germplasm has good potential for hybridization in soybean breeding programs. It was concluded that the SSR markers are useful to identify divergent genotypic groups, as well as genotypic combinations with high genetic variability. It also became clear that the use of introduced germplasm ensures the incorporation of alleles necessary to increase the genetic base of soybeans and...

Transferibilidade e variabilidade genética de marcadores microssatélites gênicos em Egenia klotzschiana Berg (Myrtaceae); Transferability and genetic variability of microsatellite markers genec Eugenia klotzschiana Berg (Myrtaceae)

Siqueira, Mariana Natalice de
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Genetica e Biologia Molecular; Instituto de Ciências Biológicas - ICB (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Genetica e Biologia Molecular; Instituto de Ciências Biológicas - ICB (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.26%
Eugenia klotzschiana Berg is a species of Myrtaceae with restricted distribution in the Cerrado. Its fruits present nutritional potential and can be used in extractive way, as raw material for production of jams, jellies and juices. In this context, it is necessary to evaluate population-genetic aspects in order to provide information to assist in targeting strategies for management and conservation. To assess the genetic variability in a population context microsatellite markers have been used in recent years. The sequences flanking the microsatellite regions of the genome are highly conserved between related species, enabling the portability of these markers, reducing thereby the costs of developing the same for each species under study. In this context, the aim of this study was to test the potential for transferability to the genome of E. klotzschiana of genic microsatellite markers developed for Eucalyptus, as well as to characterize the genetic variability in their populations. For this purpose, DNA was extracted from leaf tissue of E. klotzschiana individuals and used to test the cross 120 pairs of amplification primers. Samples from seven locations were used to characterize the population genetic variability. The amplification products were analyzed on agarose and polyacrylamide capillary electrophoresis gel in different stages. Of total primers tested...

Estrutura genética molecular de uma coleção de Germoplasma in vivo e ex situ de Dipteryx alata Vog.; Molecular genetic structure of a Germplasm collection of in vivo and ex situ Dipteryx alata Vog.

Guimarães, Rejane Araújo
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Genetica e Biologia Molecular; Instituto de Ciências Biológicas - ICB (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Genetica e Biologia Molecular; Instituto de Ciências Biológicas - ICB (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.27%
The distribution patterns of genetic variability within and among subpopulations are important to know the performance of evolutionary processes, to adopt effective conservation strategies and to use genetic plant resources. The population genetic structure is focused on how the genetic variability is distributed within and between subpopulations. Microsatellite markers are especially useful for such analyzes because are highly informative. The Baru (Dipteryx alata Vogel), belongs to the Fabaceae family and is widely distributed in the Cerrado biome, also has a great potential for use in local cooking, as ornamental plant and in popular medicine, so being an important genetic resource plant. This study aimed to evaluate the genetic structure among subpopulations of D. alata which constitute a germplasm collection, maintained by the Escola de Agronomia, of the Universidade Federal de Goiás. The collection consists of 600 individuals from 150 progenies of 25 subpopulations from different regions of Cerrado biome. Nine pairs of primers were used, eight developed for the species D. alata and one developed and transferred from Phaseolus vulgaris for molecular analysis. The number of alleles ranged from 2 to 14 alleles, with an average of 5.5 allele per locus. The average of observed heterozygosity was equal to 0.340 and ranged from 0.102 (DaE06) to 0.711 (DaE41). The expected heterozygosity...

Diversidade e estrutura genética de Bertholletia excelsa, uma espécie amazônica de ampla distribuição; Genetic diversity and struture of Bertholletia excelsa, an Amazonian species of wide distribution

Patrícia Sanae Sujii
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/03/2011 PT
Relevância na Pesquisa
46.27%
Matas de terra-firme da Amazônia são formações florestais extensas e podem ser encontradas compondo grandes florestas contínuas. Existem diversos estudos a respeito da estrutura genética populacional de espécies presentes nessas florestas, mas são poucos os trabalhos que buscam compreender a estruturação genética ao longo da Amazônia. A castanheira-do-brasil é uma espécie monotípica, Bertholletia excelsa, endêmica de matas de terra-firme e distribuída ao longo de quase toda extensão da Amazônia. Este trabalho teve como objetivo avaliar a estruturação genética de populações de Bertholletia excelsa ao longo da Amazônia e verificar se a estruturação é influenciada pela distância que as separa. Foi coletado material de 379 indivíduos, pertencentes a nove subpopulações distribuídas em cinco estados brasileiros. Foram desenvolvidos sete marcadores microssatélites que foram somados a outros quatro anteriormente publicados, para genotipagem das amostras. Análises populacionais intra e interpopulacionais foram realizadas para avaliar a diversidade genética e sua estruturação. As estimativas de distância genética encontradas foram correlacionadas com diferentes fatores para encontrar possíveis causas para estruturação. O número de alelos encontrado em cada subpopulação foi baixo. Os alelos presentes em diferentes subpopulações e suas frequências apresentaram grande variação...

Implementación de un laboratorio biotecnológico integral para análisis fitopatológico y de pureza genética

Corporación de Desarrollo Social del Sector Rural; Fitopatología y Genética Vegetal Limitada; Elena Moreno G. – Emprendimiento
Fonte: Corporação de Fomento da Produção Publicador: Corporação de Fomento da Produção
Tipo: Proyecto
Publicado em 19/04/2007
Relevância na Pesquisa
66.38%
Este proyecto consiste en el desarrollo e implementación de un laboratorio de análisis fitopatológico y de pureza genética, para proveer los servicios de análisis biotecnológicos integrados a los productores frutícolas, vitivinícolas y de semillas, especialmente a aquellos productores y exportadores comprendidos entre las regiones Metropolitana y VIII, comprendiendo con ello al 61% de toda la superficie agrícola del país. El servicio integral de análisis fitopatológico y certificación de pureza genética para el sector agrícola, permitirá establecer un sistema eficiente de monitoreo preventivo-predictivo del ataque de agentes fitopatógenos (hongos, bacterias, virus y nemátodos) y el monitoreo de la integridad genética de especies vegetales. En este contexto, los objetivos del proyecto, son generar un sistema eficiente que satisfaga la necesidad de la identificación, monitoreo y predicción de agentes fitopatológicos, así como también, la certificación de la pureza genética, para detectar contaminación varietal y con transgénicos.; Desarrollar una nueva empresa en el área biotecnológica.; Corporación de Fomento de la Producción

La genética y el estado actual de la obtención y adopción de cultivares forrajeros en Argentina

Rimieri,Pedro; Wolff,Renata
Fonte: BAG. Journal of basic and applied genetics Publicador: BAG. Journal of basic and applied genetics
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 ES
Relevância na Pesquisa
46.36%
Resulta evidente que para conducir programas de mejoramiento genético de forrajeras es necesario conocer y entender conceptos de la genética vegetal e interrelaciones entre esta y las demás disciplinas que competen a la agronomía, particularmente la producción animal. La selección tradicional de las principales especies forrajeras se basó en la introducción de colecciones y en la utilización del método de selección masal en algunas de esas poblaciones. La estimación e interpretación de la heredabilidad ha presentado numerosos desafíos a los investigadores en plantas. Así fue que a los conceptos de la genética de poblaciones se le sumó la genética cuantitativa. Estas dos disciplinas de la genética, junto a la biometría, permitieron un avance más acotado empleando métodos de mejoramiento más específicos. El análisis se ilustra con la obtención de cultivares de dos especies forrajeras, una perenne y una anual: la Festuca Alta (Lolium arundinaceum (Schreb.) Darbysh.) y de la Cebadilla Criolla (Bromus. catharticus Vahl.). Se evalúa en nuestro ámbito y en los últimos años, cuál fue el verdadero avance logrado en cuanto a la transferencia del conocimiento, su aplicación al "arte" del mejoramiento vegetal y su adopción en el sector productivo. Es evidente que los cultivares mejorados tendrán un rol más importante en el futuro por la demanda creciente de tecnología...