Página 1 dos resultados de 2075 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Metodologias de formação de formadores a distância: duas experiências europeias

Miranda, Rosa; Morgado, Lina; Pereira, Alda
Fonte: Universidade Aberta Publicador: Universidade Aberta
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2006 POR
Relevância na Pesquisa
37.09%
Um dos desafios da educação no início do século XXI é a integração das tecnologias da informação e da comunicação (TIC) de uma forma que resulte num valor acrescentado para o processo de aprendizagem. A educação de adultos pode ser pioneira neste campo, porque o seu grupo-alvo é perfeito para a utilização das TIC nas várias formas de ensino a distância. Contudo, iniciar o ensino a distância não é uma tarefa simples nem óbvia e exige uma preparação metódica. A educação a distância coloca novos desafios aos formadores requerendo destes para além das competências sobre o assunto que leccionam, outro tipo de competências como sejam: pedagógicas, sociais, organizacionais e tecnológicas. A formação de formadores tem de considerar estas novas questões e existe ainda alguma incerteza quanto às melhores metodologias a adoptar na formação de formadores para ensino a distância. Esta comunicação apresenta duas experiências europeias em que a equipa de investigadoras esteve recentemente envolvida sobre esta temática.

Formadores de "matemática para a vida" e reconhimento de adquiridos experenciais : reflexões sobre a prática docente em EJA

Fantinato, Cecilia; Moreira, Darlinda
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.09%
Este artigo tem como objetivo discutir os principais resultados de uma pesquisa de pós-doutorado, que estudou os dilemas vivenciados por formadores da área “Matemática para a Vida” (MV), do processo RVCC de nível básico de Portugal. O quadro teórico da investigação concilia a literatura das áreas da Educação de adultos, da Etnomatemática e da Formação Experiencial. Foi realizada uma pesquisa qualitativa multissituada, acompanhando a dinâmica dos Centros Novas Oportunidades, os profissionais que trabalham no Processo RVCC e particularmente os formadores da área MV. O trabalho de campo contou com a utilização de diferentes instrumentos de coleta de dados: análise documental, observação participante e entrevista semiestruturada. Os resultados apontaram para complexidade e as contradições inerentes à prática desses profissionais, ao procurar reconhecer, validar e certificar competências de adultos pouco escolarizados. Pelo fato de a metodologia do Processo RVCC ter um foco no reconhecimento de saberes e não no ensino de conteúdos, sua prática parece estimular nos formadores de MV uma postura dialógica e de legitimação de saberes matemáticos do cotidiano, que muito se aproxima de uma perspectiva etnomatemática. Esta ênfase no reconhecimento do saberes já adquiridos sobre os saberes a serem ensinados traz uma oportunidade de ampliação e discussão de outras concepções e práticas de educação de adultos...

Os saberes de orientação dos professores formadores: desafios para ações tutoriais emancipatórias; The Advising Knowledge of the Superviosing Teachers: Chalenges to the tutoring actions towards emancipation

Azevedo, Maria Antonia Ramos de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/05/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.21%
Estudos recentes sobre os processos de formação docente têm destacado a importância da formação dos formadores como elemento fundamental para a melhoria da formação e atuação de futuros professores. Com essa perspectiva, pesquisas sobre saberes docentes têm trazido contribuições importantes à compreensão e aprimoramento dos processos de formação. Neste trabalho colocamos como temática principal o estudo sobre os saberes docentes relativos aos processos de orientação de estágio que seriam essenciais aos formadores de professores. Com este objetivo, buscamos identificar os saberes de orientação que professores orientadores mobilizam mediante o trabalho desenvolvido em atividades de Prática de Ensino e Estágio Supervisionado por meio de suas ações tutorais. Na pesquisa realizada sob os parâmetros de uma metodologia qualitativa, investigamos o trabalho de quatro professores formadores de um Curso de Licenciatura em Química de uma Universidade brasileira, através de pesquisa teórica e de campo, com uso de questionários, entrevistas individuais e coletivas, e a análise documental do Projeto Pedagógico do referido Curso. Ao analisarmos as informações obtidas por meio de articulações com os aportes teóricos e com saberes apontados por estes professores nas ações tutorais desenvolvidas nos processos de orientação dos futuros professores...

Formação de formadores para o ensino de ciências baseado em investigação; Training teacher trainers for inquiry based science education

Borges, Rita de Cassia Pereira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 11/05/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37.09%
O ensino de ciências baseado em investigação nas séries iniciais do ensino fundamental tem sido recomendado por muitos educadores, pelas academias de ciências de todo mundo e também pela Academia Brasileira de Ciências, que desenvolve o programa ABC na Educação Científica Mão na Massa. Este estudo se insere na temática de formação de formadores e foi realizado em um dos polos do programa, a Estação Ciência da Universidade de São Paulo, no projeto Mão na Massa - Iniciação Científica no Ciclo I realizado em parceria entre a Estação Ciência e a Secretaria Municipal de Educação de São Paulo (SME). O projeto teve como objetivo a implantação do ensino de ciências baseado em investigação em escolas municipais do fundamental I e envolveu dez Diretorias Regionais de Educação (DRE), cerca de oitenta escolas da SME e foi desenvolvido de 2006 a 2008. Consistiu na formação: de um formador de cada uma das Diretorias pela equipe da Estação Ciência, de um coordenador pedagógico de cada escola realizada pela Estação Ciência e pela DRE; dos professores do ensino fundamental I, que foi realizada pelos coordenadores pedagógicos na própria escola e dos alunos desses professores nas aulas de ciências. Acompanhamos e analisamos o grupo de formação continuada de formadores das Diretorias Regionais de Educação coordenado pela equipe da Estação Ciência. Realizamos pesquisa qualitativa com observação participativa dos encontros...

Indícios da ação formativa dos formadores de professores de química na prática de ensino de seus licenciandos; Evidence of formative action of chemistry teacher educators in teaching practice of its undergraduates.

Freire, Leila Inês Follmann
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 15/06/2015 PT
Relevância na Pesquisa
37.29%
A pesquisa sobre formação de professores reconhece que existem conhecimentos fundamentais ao exercício da profissão. Neste trabalho adota-se a visão de que o Conhecimento Pedagógico de Conteúdo (PCK) é o elemento articulador da Base de Conhecimentos para o Ensino, o conhecimento central de um professor. No processo de formação inicial de professores de química, várias ações são conduzidas para o desenvolvimento dos conhecimentos necessários para a docência dos licenciandos, através das diferentes disciplinas e atividades, sendo ainda pouco pesquisada a influência da ação formativa dos formadores de professores na prática de ensino de química de seus licenciandos. Nesta investigação o foco é analisar a influência dos formadores de professores de um curso de Licenciatura em Química na prática de ensino dos licenciandos. O objetivo maior é apontar as relações entre a ação formativa dos formadores de professores e os conhecimentos mobilizados na prática de ensino por licenciandos em Química durante o curso de licenciatura. A pesquisa tem caráter qualitativo em que um estudo de caso múltiplo foi realizado com três licenciandos do curso de Licenciatura em Química de uma universidade pública do interior do estado do Paraná e seus professores formadores tendo por foco de ensino o conteúdo reações de oxirredução. Para tanto os dados coletados com os licenciandos foram baseados em questionários da literatura - Representação de Conteúdo (CoRe) - entrevistas...

Práticas pedagógicas de professores formadores relacionadas à educação física escolar

Stadnik, Adriana Maria Wan; Pereira, Beatriz Oliveira; Cunha, António Camilo
Fonte: Universidade do Minho - IEC Publicador: Universidade do Minho - IEC
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /02/2008 POR
Relevância na Pesquisa
37.09%
Variadas investigações e publicações revelam a importância e a necessidade da Educação Física, como um direito fundamental de todas as pessoas, importante vertente na promoção da saúde e de um estilo de vida saudável, especialmente relacionada à melhoria da qualidade de vida dos indivíduos. Paralelamente, também variados estudos e publicações, reforçam a necessidade de melhorias na prática pedagógica dos professores de educação física, especialmente nas escolas. Ainda, outras investigações ilustram a importância de práticas positivamente exemplares por parte dos professores em geral, mas especialmente, dos professores formadores, em função da alta incidência da aprendizagem por modelação da parte dos seus alunos – futuros professores. Com base nestas 3 idéias – da importância e necessidade da educação física relacionada à melhoria da qualidade de vida dos indivíduos; da importância e necessidade de uma educação física escolar de qualidade; e da relevância do exemplo positivo por parte dos professores –, realizamos esta pesquisa a partir de uma amostra deliberadamente escolhida: 2 homens e 2 mulheres, todos professores universitários, com elevada experiência e grau acadêmico...

Equitação Militar – Análise de modelos de formação de formadores

Silva, David
Fonte: Academia Militar. Direção de Ensino Publicador: Academia Militar. Direção de Ensino
Tipo: Outros
Publicado em 01/07/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.09%
No âmbito do Trabalho de Investigação Aplicada, o presente trabalho intitulado “Equitação Militar- Análise de modelos de formação de formadores” estuda o modelo de formação de formadores de equitação adotado pelo Exército Português. Como instrumento de recolha de dados, foi constituído um modelo de entrevista, associado às capacidades exigidas a um ajudante de monitor, monitor e instrutor de equitação. Esta entrevista foi aplicada a um conjunto de oficiais e sargentos de Cavalaria atualmente associados à formação tanto no Exército como na Escola Nacional de Equitação. O objetivo principal deste trabalho é demonstrar as diferenças entre o modelo de formação adotado atualmente e o anteriormente utilizado, tendo em conta, os requisitos exigidos, os módulos ministrados e a carga horária dos cursos no meio militar e civil. As opiniões dos entrevistados acerca do novo modelo diferem. Uns defendem um modelo militar equiparado ao civil enquanto outros apoiam uma distinção entre eles. Porém, todos consideram que a equitação militar é importante e deve continuar, apoiando a sua continuidade no Centro Militar de Educação Física e Desportos. As diferenças mais significativas entre os dois modelos de formação de formadores aparecem ao nível do curso de monitores e de instrutores. No novo referencial de curso de monitores de equitação...

Avaliação de desempenho dos formadores : estudo de um dispositivo de avaliação implementado numa Escola da Armada

Caldeira, Joana de Matos, 1981-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
37.34%
Tese de mestrado, Ciências da Educação (Avaliação em Educação), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2010; Inseridas numa dinâmica de grande competitividade, as empresas precisam de encontrar mecanismos de resposta rápida que permitam o conhecimento e a melhoria dos níveis de produtividade dos seus desempenhos e dos recursos humanos que as compõem. A avaliação de desempenho tem vindo a ocupar um lugar central no conjunto das ferramentas da gestão dos recursos humanos e actualmente considera-se fulcral que se faça este tipo de avaliação em todas as organizações, de modo a serem valorizados os seus recursos humanos, mas também para que as organizações possam crescer cada vez mais e melhor, garantindo a sua própria qualidade. Estando conscientes da importância deste tipo de avaliação na monitorização e melhoria das práticas organizacionais, e perante a infinidade de abordagens e questões que se podem desencadear ao nível da avaliação, dada a sua complexidade e importância, impôs-se-nos centrar esta análise ao nível do dispositivo de avaliação de desempenho de formadores que está a ser implementado no âmbito do Sistema de Formação Profissional de Marinha (SFPM). A implementação de um dispositivo desta natureza constitui um dos mecanismos de controlo e garantia da qualidade...

Análise de necessidades de formação de formadores de cursos para profissionais da Associação Protectora dos Diabéticos de Portugal

Costa, Alexandra Maria Martins Fernandes
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
37.21%
Trabalho de projeto de mestrado, Ciências da Educação (Formação de Professores), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2012; A Associação Protectora dos Diabéticos de Portugal (APDP) é a instituição de referência da diabetes a nível nacional. Foi reconhecida em 2009 como o primeiro Centro de Educação em Diabetes pela Federação Internacional de Diabetes (IDF). A Escola da Diabetes surgiu em 2011 confirmando a evolução e apostas crescentes nos cursos de formação que existem desde 1974 nesta instituição. Os cursos da Escola da Diabetes são destinados a dois grandes grupos, os profissionais de saúde e as pessoas com diabetes e suas famílias. Os cursos para profissionais promovem a partilha do know-how dos formadores da associação com profissionais e técnicos de saúde interessados em aprofundar os seus conhecimentos na área e em ter um papel interventivo na educação para a diabetes em todo o país. Os cursos para pessoas com diabetes e seus familiares têm o objetivo de fomentar conhecimentos que proporcionem uma maior autonomia a quem vive com diabetes, fornecendo-lhes ensinamentos úteis para a gestão diária desta patologia. Este trabalho de projeto tem como principal finalidade melhorar a qualidade de formação dos cursos para profissionais...

O perfil do formador da educação de adultos: o caso dos formadores de duas escolas do norte de Portugal

Paradela, Ana Paula Figueiredo Morgado
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.09%
Mestrado em Ciências da Educação – Especialização em Educação de Adultos; A realização deste estudo teve como ponto de partida a questão: qual é o perfil dos formadores da educação de adultos? Estes actores são e têm uma importância cada vez maior no nosso sistema educativo. Por isso se procurou perceber quem são os formadores da educação de adultos, o que fazem e como sentem a actividade que realizam e perspectivam este tipo muito particular de educação. Consideramos, por isso, que se justifica a realização deste estudo tendo em conta a temática referida. O objectivo geral deste estudo consistiu em procurar chegar à identificação de um perfil dos formadores da Educação de Adultos, tendo por base as seguintes categorias de análise: dados pessoais, formação e profissionais (género, idade, estado civil, habilitações académicas, formação contínua, experiência profissional); actividades que realizam na educação de adultos (tipos de educação de adultos em que trabalha, actividade exercida, principais problemas decorrentes dessa actividade, estratégias para resolver esses problemas); identidade (o que é ser formador de adultos, reconhecimento e identificação como formador, reconhecimento do papel de formador pela sociedade em geral...

Modos individuados de relação ao trabalho dos formadores de adultos na sociedade portuguesa: a fabricação de identidades híbridas e incertas num contexto hegemónico do novo precariado flexível

Martins, João Eduardo
Fonte: Escola Superior de Educação - Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Escola Superior de Educação - Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
37.09%
Com este texto pretende-se divulgar os resultados parciais de uma investigação de doutoramento em Sociologia realizada na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa em que uma das dimensões em análise esteve directamente relacionada com os modos individuados de relação ao trabalho dos formadores de educação básica de adultos no âmbito do programa de políticas públicas Iniciativa Novas Oportunidades. Tendo como um dos olhares teóricos centrais a sociologia da individuação e procurando a investigação compreender em profundidade os modos de apropriação desta medida de política educativa a partir da perspectiva dos actores que têm a responsabilidade de a implementar, foi possível constatar que os modos individuados de relação ao trabalho dos formadores de adultos estão marcados socialmente pela fabricação de identidades híbridas e incertas e pelo modelo hegemónico da precariedade flexível. Este modelo que é claramente dominante da condição face ao trabalho dos formadores está em consonância com as exigências do novo espírito do capitalismo. Instalados na precariedade, a maior parte destes indivíduos querem-se adaptáveis, flexíveis, disponíveis a todo o momento para as necessidades do mercado da formação e estão socialmente marcados por uma identidade projecto.

Formadores de adultos: dilemas e práticas profissionais na área de matemática

Fantinato,Maria Cecilia; Moreira,Darlinda
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2015 PT
Relevância na Pesquisa
37.21%
Este artigo tem por objetivo problematizar os desafios colocados aos formadores da área Matemática para a Vida (MV), bem como analisar a adaptação e criação de práticas profissionais que emergem da concretização do processo de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências (RVCC) existente na educação de adultos, em Portugal. Metodologicamente, o estudo desenvolveu-se por meio de uma abordagem qualitativa e multissituada, acompanhando a dinâmica dos Centros Novas Oportunidades e, particularmente, os formadores da área MV, os quais na sua maioria já tinham sido ou eram professores de matemática no ensino regular. Tendo por enquadramento os documentos oficiais de referência, emergiram, dos resultados da análise de conteúdo das entrevistas realizadas com os formadores, dilemas e desafios que são analisados face: às novas práticas pedagógicas que os formadores têm de desenvolver e implementar para atuar nesse modelo específico da educação de adultos; à diversidade existente entre os adultos que recorrem ao processo RVCC; à necessidade de descodificar e adaptar os documentos oficiais na área da MV. A pesquisa desenvolvida permitiu constatar que a metodologia do processo RVCC parece estimular nos formadores de MV uma postura dialógica e de legitimação de saberes matemáticos do cotidiano...

A formação continuada nas representações sociais de seus formadores

da Costa Lima, Renata; da Conceição Carrilho de Aguiar, Maria (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.29%
Esta pesquisa buscou compreender quais representações sociais de formação continuada são compartilhadas por seus formadores. Tomamos como categorias centrais a formação e a formação continuada. Essas categorias foram compreendidas a partir da teoria das representações sociais, tendo como suporte Moscovici (1978, 2003, 2003a), Sá (1995, 1996, 1998, 1998a), Abric (1994,1998). Para atingir os objetivos propostos e atender às características do objeto, tomamos como encaminhamento metodológico a abordagem qualitativa. Para tanto, buscamos no Centro de Estudos em Educação e Linguagem (CEEL) os formadores colaboradores deste estudo. Como procedimento metodológico, a pesquisa contou com três etapas, quais sejam: análise da proposta de formação continuada do Centro, aplicação de um teste de associação livre a 20 formadores e, por fim, a entrevista semiestruturada com 10 formadores. A análise da proposta revelou que o CEEL propõe uma formação continuada com base na abordagem crítico-reflexiva, dando ênfase à questão da reflexão, da troca de saberes e do estudo teórico. O teste de associação livre indicou que os formadores entendem o termo formação, principalmente, voltado para a questão da formação de professores especificamente. Quanto ao termo formação continuada...

AS INFLUÊNCIAS DOS FORMADORES SOBRE OS LICENCIADOS EM MATEMÁTICA DO IME-UFG; THE INFLUENCES OF TRAINERS ON THE GRADUATES IN MATHEMATICS OF IME-UFG

SANTOS, Ronan Santana dos
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Educação em Ciências e Matemática; Ciências Exatas e da Terra Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Educação em Ciências e Matemática; Ciências Exatas e da Terra
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.29%
The aim of this search, whose central theme is training of teachers of mathematics, is to study the influences of trainers course in mathematics degree in exercise of the graduates of this course. In the case of a course of study in an institution of higher education, this research is characterized as a case study in a qualitative approach that seeks to establish relations between the uniqueness and complexity of teacher training. In the discussions were addressed various aspects of the issue: public policies for the Brazilian Education, curriculum guidelines for undergraduate courses, particularly for the degree in mathematics, knowledge and expertise relevant to teachers and dichotomies in teacher education in mathematics. The theoretical contributions substantiate that these discussions were made of contributions from various national and international researchers. Of national literature in Education: Ludke (1996), Rosa (2003), André (2007). The international literature: Shulman (1986), Zichner (1993), Marcelo García (1999) and Tardif (2004). Brazilian literature of specific IFIC s Mathematics Education: Fiorentini (2005), Lins (2005), Garnica (2006). International literature of Mathematics Education: Bridge (1992), Sztajn (2002)...

Formadores de professores no ensino superior: olhares para trajetórias e ações formativas

Souza, Cirlei Evangelista Silva
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
37.09%
Este estudo teve como objetivo analisar a trajetória formativa dos formadores de professores da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), tendo em vista discutir a articulação entre a formação e a ação formadora desses profissionais. A partir de uma abordagem quantiqualitativa, a pesquisa constituiu-se num estudo de caso e fundamentou-se na psicologia histórico-cultural. Os participantes dessa investigação foram os docentes da UFU que atuam em vinte e três cursos de licenciatura, ministrando aulas nas disciplinas do Núcleo de Formação Pedagógica: Didática; Estágio Supervisionado; Metodologia e Prática de Ensino; Psicologia da Educação; Política e Gestão da Educação; e Projeto Integrado de Prática Educativa (Pipe). Durante o desenvolvimento deste trabalho, os instrumentos utilizados foram questionários, entrevistas semiestruturadas, observações de aula e análise documental, o que permitiu traçar o perfil e a trajetória formativa dos docentes da UFU, apontando aspectos de seus percursos de formação pessoal, acadêmica e profissional; além de possibilitar um contato direto com o formador de professores em seu ambiente de atuação, conhecendo assim a situação que está sendo investigada e as relações que o docente estabelece com esse meio ao realizar sua prática pedagógica. Os resultados evidenciaram que: 1) os formadores de professores da UFU são...

Representações de formadores sobre a avaliação das aprendizagens em educação de adultos

Vale,Sandra Maria do; Ferreira,Carlos Alberto
Fonte: Fundação Carlos Chagas Publicador: Fundação Carlos Chagas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2015 PT
Relevância na Pesquisa
37.09%
O artigo visa a apresentar uma análise sobre as representações de formadores do sistema de reconhecimento, validação e certificação de competências - RVCC - acerca da avaliação das aprendizagens dos adultos que se encontram em formação. Para isso, foi realizada uma investigação qualitativa, concretizada pelo estudo documental e pela entrevista semiestruturada de quatro formadores desse sistema. Os resultados obtidos permitiram concluir que os formadores associaram uma maior objetividade à avaliação sumativa, apontando como foco de debilidade do sistema de RVCC a subjetividade na interpretação dos referenciais de competências-chave e a indução de competências por meio da análise de textos reflexivos de caráter autobiográfico, que devem fazer parte do portefólio reflexivo de aprendizagem. Eles defendem uma maior responsabilização do formador pelas validações efetuadas.

Formação, saberes e práticas de formadores de professores: um estudo em cursos de Licenciatura em História e Pedagogia

Machado, Liliane Campos
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
37.38%
Trata-se de uma investigação que tem como objeto de pesquisa as relações entre os sujeitos formadores, saberes, e as práticas no processo de formação de professores e como essas relações se expressam nos currículos dos cursos de Licenciatura em História e Pedagogia da Universidade Estadual de Montes Claros – Unimontes, localizada na cidade de Montes Claros MG - Brasil. A questão norteadora foi: como se dão as relações entre os sujeitos formadores, os saberes e as práticas no processo de formação de professores e como essas relações (re) produzem determinadas configurações de currículos de formação de professores? A pesquisa constitui-se em um estudo de caso que articula os seguintes procedimentos metodológicos: pesquisa bibliográfica, documental, iconográfica (fotografias e mapas) aplicação de questionários, entrevistas orais e temáticas, transcritas e textualizadas. Privilegiou-se a abordagem quali-quantitativa na perspectiva histórico-cultural. Os sujeitos, investigados, foram os professores formadores atuantes nos anos de 2007 a 2009 nos referidos cursos. A tese está organizada em quatro capítulos. O primeiro apresenta o cenário e as histórias das Instituições Formadoras de Professores. O segundo aborda os sujeitos da pesquisa...

La indagación en las propuestas de formación inicial de maestros : análisis de entrevistas a formadores de Didáctica de las Ciencias Experimentales

Martínez-Chico, María; López-Gay Lucio-Villegas, Rafael; Jiménez-Liso, Mª Rut
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2014 SPA
Relevância na Pesquisa
37.16%
Presentamos el análisis de las entrevistas audio-grabadas a catorce especialistas en didáctica de las ciencias, formadores de maestros, sobre lo que declaran acerca de qué es prioritario para la formación inicial de maestros y cómo lo desarrollan en el aula. Hemos analizado las entrevistas para caracterizar los elementos del enfoque de enseñanza de las ciencias por indagación basada en modelos que los formadores de maestros destacan entre las prioridades de la formación inicial. Los resultados muestran elementos de indagación destacados por casi todos los formadores como trabajar a partir del planteamiento de preguntas y explicar fenómenos cotidianos, elementos muy próximos a las características de este enfoque de enseñanza. También hemos identificado perfiles de formadores de maestros (en función de los elementos del enfoque que declaran) que pueden resultar útiles de cara a facilitar la diseminación de propuestas de indagación en la formación de maestros.; In this paper we show the analysis of audio-taped interviews carried out with fourteen Science Teacher Educators who declare their opinion about what is a priority for pre-service Primary School Teachers training and how they develop it in their science education classroom. These interviews were analyzed in order to characterize the elements of the Model-based Inquiry approach that teacher trainers stand out among the priorities of pre-service primary teachers training. The results show elements of inquiry highlighted by almost all Science Teacher Educators such as asking questions and explaining everyday phenomena...

Informe formación de formadores - España

Ferrández Arenaz, Adalberto; Francisca Salvà Mut; Jaume Sureda Negre
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //1996 SPA
Relevância na Pesquisa
37.16%
Para el estudio de las características de los formadores de formación profesional en Espafia, hay que plantear previamente las distintas modalidades de FP existentes. Esta diferenciación es imprescindible hoy por estar inmersos en una situación de cambio del sistema educativo. La FP no está exenta de los movimientos de reforma. Se estudia aquí el papel de los formadores en los diversos ámbitos en los que el sistema educativo contempla la FP; pero no se olvide que no hay un plan coherente de formación de formadores. Se ha reticulado bien el panorama general y especifico de la FP, pero no se ha tenido en cuenta la necesaria competencia docente en cada caso. Se presenta aquí el modelo contextual-critico como punto de partida para llenar la laguna inicial de la formación de formadores.; Per l'estudi de les característiques dels formadors de formació professional a Espanya, s'han de plantejar previament les diferents modalitats de FP existents. Aquesta diferenciació és imprescindible avui, ja que ens trobem immersos en una situació de canvi del sistema educatiu. La FP no es troba exempta dels moviments de reforma. S'estudia aquí el paper dels formadors en els diversos àmbits en els quals el sistema educatiu contempla la FP...

A relevância profissional da formação de professores e enfermeiros no ensino superior: uma análise a partir das identidades dos formadores

Marta,Margarida; Lopes,Amélia; Pereira,Fátima; Leite,Madalena
Fonte: Centro de Estudos e Intervenção em Educação e Formação (CeiEF); Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias Publicador: Centro de Estudos e Intervenção em Educação e Formação (CeiEF); Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 PT
Relevância na Pesquisa
37.32%
A relação estabelecida entre os lugares da formação e os lugares da ação profissional é um dos analisadores centrais da formação de profissionais no ensino superior. Com base numa conceção da identidade e da sua construção como constructo ecológico, este artigo focaliza essa relação com o objetivo de identificar o que une e o que distingue os formadores do campo da formação e do campo da ação profissional, e como cada campo profissional influi nessas relações.O estudo foi realizado com formadores de um curso de enfermagem e de um curso de formação de professores e os dados foram recolhidos através do Inventário de Identidade Psicossocial e posterior entrevista. Os resultados indicam que todos os formadores se assemelham quanto à importância dada ao perfil do profissional para se pensarem como formadores e a características pessoais e profissionais que valorizam nos formadores. Os formadores do campo da formação e do campo da prática diferenciam-se em aspetos relacionados com o espaço da ocupação principal. Os formadores de cada um dos campos profissionais estudados divergem em aspetos associados à área de saber a que se reportam.