Página 1 dos resultados de 67 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Pilares protéticos de dimensão horizontal discrepante: biomecânica e desempenho clínico

Rocha, Salomão
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
26.45%
Introdução A utilização de pilares de cicatrização ou componentes protéticos de diâmetro inferior ao da plataforma do implante, conceito conhecido como platform switching (PS), tem sido associado a uma menor remodelação óssea marginal. Ainda que existam vários trabalhos publicados que sustentam esta teoria, todas as revisões sistemáticas são unânimes em considerar a necessidade de mais estudos clínicos prospetivos controlados e randomizados, com condições comparáveis entre os grupos teste e controlo e com períodos de seguimento de pelo menos 5 anos. O trabalho apresentado nesta tese teve duas linhas de investigação: uma foi a realização de um estudo numérico pelo método dos elementos finitos (MEF), para simular o comportamento dinâmico e estático de um implante osteointegrado na região posterior mandibular e reabilitado com pilares convencionais e pilares de plataforma horizontal discrepante, e a segunda, um estudo clínico prospetivo randomizado, cujo objetivo foi avaliar a eficácia de implantes reabilitados com coroas unitárias cimentadas sobre pilares protéticos coincidentes (PM) ou sobre pilares protéticos com platform switching, no sector posterior mandibular. Materiais e métodos No estudo numérico avaliou-se o comportamento biomecânico de um implante Camlog® Screw-Line 4.3x13 mm...

Avaliação da discriminação interoclusal para microespessuras e da força máxima de mordida em pacientes portadores de disfunções temporomandibulares; Evaluation of Interocclusal Discrimination for Micro-Thickness and Maximal Bite Force in Temporomandibular Disorders Patients

Kogawa, Evelyn Mikaela
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/03/2005 PT
Relevância na Pesquisa
36.47%
Algumas funções sensoriais e motoras podem ser influenciadas pela presença das Disfunções Temporomandibulares (DTM). Este trabalho teve como objetivo avaliar a discriminação interoclusal para microespessuras e a força máxima de mordida em pacientes portadores de DTM. Duzentos individuos do sexo feminino foram divididos igualmente em quatro grupos: grupo controle (assintomáticos), DTM de origem miogênica, DTM de origem artrogênica e DTM de origem mista. Inicialmente foi realizada a avaliação da capacidade de discriminação interoclusal para microespessuras, utilizando lâminas de alum¨ªnio produzidas industrialmente com 0,010mm; 0,024 mm; 0,030 mm; 0,050mm; 0,080 mm e 0,094 mm de espessura, inseridas na região de pr¨¦-molares. A força máxima de mordida foi avaliada na região de primeiro molar de ambos os lados, em duas sessões, usando um dinamômetro digital modelo IDDK (Kratos), adaptado para as condições bucais. Os dados obtidos foram analisados estatisticamente (ANOVA, Kruskal- Wallis, Correlação de Spearman e Pearson) num nível de significância de 5%. Os pacientes do grupo misto apresentaram um limiar tátil mediano interoclusal reduzido (0,018 mm), semelhante ao do grupo controle (0,017 mm), e os grupos muscular e articular apresentaram o limiar tátil oclusal de 0...

"Avaliação da força de tração da sela modificada para prótese" ; Evaluation of traction force in modified saddle for prosthesis.

Costa, Edna Goncalves da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/08/2005 PT
Relevância na Pesquisa
26.62%
Do planejamento à execução da prótese mucosa-dento-suportada, a literatura apresenta trabalhos que aponta m as dificuldades do desempenho de uma prótese que se relaciona com tecidos de comportamentos distintos, dente e fibromucosa. Estes trabalhos abordam os problemas biomecânicos e os prejuízos que sofrem o osso e os dentes, sob pressão, durante a mastigação, bem como as dificuldades de distribuição das cargas sobre os tecidos bucais no movimento ocluso-gengival. Porém, essa prótese também sofre forças de tração, por diversas situações clínicas, as quais levam a sela a se deslocar da fibromucosa num movimento gêngivo-oclusal. O objeto desta pesquisa foi desenvolver e testar, em laboratório, um método que possibilitasse à prótese mucosa-dento-suportada dispor de maior retenção na região da fibromucosa, reduzindo o movimento gêngivo-oclusal, e conferindo maior estabilidade à prótese e conforto ao paciente. Para realizar o experimento , foi construída uma base acrílica modificada, correspondente à sela da prótese, com uma canaleta na região que contata a fibromucosa. Esta canaleta foi preenchida com reembasador macio para prótese, à base de silicone. Em seguida, a base foi reembasada no modelo resiliente...

"Influência dos materiais restauradores protéticos na transmissão da carga oclusal : método da interferometria holográfica" ; Influence of prosthetic restorative materials at occlusal load transmission. Holographic Interferometry Method

Uono, Carla Rumi Hanada
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/10/2005 PT
Relevância na Pesquisa
26.32%
Apesar dos pesquisadores afirmarem que os materiais odontológicos restauradores, devido às suas diferentes propriedades mecânicas, influenciam na transmissão da carga para os tecidos de suporte, não foi encontrada comprovação científica concludente. Os trabalhos de análise da distribuição da carga oclusal com diferentes materiais de reconstrução protética não são concordantes em seus resultados. Assim, diante da importância da seleção de materiais restauradores protéticos no prognóstico da reabilitação oral, este trabalho se propôs a estudar a influência de coroas protéticas metalo-cerâmica e de resina, cimentadas no canino, na transmissão de tensões para o tecido ósseo em mandíbulas frescas de cães, utilizando o método de interferometria holográfica de dupla exposição. Seis hemi-mandíbulas frescas de cães da espécie Canis familiares foram fixadas em um dispositivo para garantir a invariabilidade da força aplicada durante o experimento. Uma carga de 0,98 N foi aplicada sobre as coroas, seguindo o longo eixo do dente. Pelo método de interferometria holográfica, foram obtidos 12 hologramas, 6 para cada grupo de amostras. As coroas metalo-cerâmicas apresentaram maior deslocamento, com movimento de intrusão no alvéolo...

Avaliação in vitro do efeito da aplicação de carregamento oclusal na qualidade marginal de restaurações cervicais em cavidades em forma de cunha; In viitro evaluation of the effects of occlusal loading on the marginal quality of cervical tooth restoration for wedge-shaped cavities

Francisconi, Luciana Fávaro
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/11/2008 PT
Relevância na Pesquisa
56.92%
A abfração, uma das causas das lesões cervicais não cariosas, caracteriza-se pela perda de tecido mineralizado, em forma de cunha, próxima à junção cementoesmalte. Hipoteticamente, é o resultado de forças oclusais excêntricas aplicadas sobre os dentes. Essas lesões são freqüentemente restauradas para impedir sua progressão, para proteger e aumentar a resistência do remanescente dental, reduzir a hiperestesia dentinária e manter a saúde periodontal. Entretanto, pouco se sabe quanto ao efeito dos fatores causadores da abfração na qualidade marginal de restaurações cervicais, quando da reabilitação dessas lesões. Este estudo in vitro propõe-se, portanto, a analisar o efeito da aplicação de carga oclusal na qualidade marginal de restaurações de cavidades cervicais em forma de cunha, utilizando microscopia confocal de varredura a laser. Para tal, foram utilizados 40 dentes prémolares superiores humanos hígidos, extraídos, nos quais foram preparadas cavidades padronizadas em forma de cunha, em sua região cervical vestibular, por meio da utilização de pontas diamantadas cilíndricas de topo plano nº 3100 (1,6 mm de diâmetro e 21 mm de comprimento), posicionadas em 45º com a superfície mais plana e próxima à junção amelo-cementária. As cavidades (1...

Estudo da correlação biomecânica entre desordens oclusais e desvio de coluna no plano sagital; Study of biomechanics correlaction between oclusal disorders and spine deviation in the sagital plane

Bittar, Ana Elise Lobo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/11/2007 PT
Relevância na Pesquisa
26.25%
Este estudo avaliou biomecanicamente o efeito da força resultante, em região de coluna cervical, exercida por um aparelho odontológico ortopédico mecânico, instalado em um paciente tipo classe III de Angle, durante o período de 06 meses. Para isso, selecionou-se um paciente de 10 anos e 04 meses de idade, leucoderma, do sexo masculino, para servir de modelo para este estudo. Ao exame intra-oral foram observadas chave de molares em classe III de Angle, mordida cruzada anterior, dentição mista e arcada superior atrésica. Na avaliação radiográfica, juntamente com análises de USP, Mac Namara, Bimler e Petrovic, foram constatadas maloclusão tipo classe III e potencial de crescimento mandibular maior que maxilar. Na análise de modelos, observaram-se, discrepâncias positivas tanto no sentido transversal como ântero-posterior nas duas arcadas. Foram solicitados exames radiográficos panorâmico, tele-radiografia lateral e de coluna torácica para elaboração do diagnóstico e plano de tratamento. Após isso, foi proposta a disjunção da arcada superior através de disjuntor de Mc Namara modificado e tracionamento da maxila com máscara facial de Petit, utilizando para isso, elásticos extra-orais com tração de força média (400gf). Após o uso da máscara por 06 meses...

Análise eletromiográfica e de força de mordida de pacientes acometidos por desordens temporomandibulares submetidos ao tratamento com placa oclusal; Electromyographic and bite force analysis of patients suffering from temporomandibular disorders undergoing treatment with occlusal splints

Gentil, Flávio Henrique Umeda
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/01/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.73%
O diagnóstico das desordens temporomandibulares toma como base as informações colhidas sobre a sintomatologia durante a anamnese, o exame clínico da oclusão e os exames radiológicos das articulações temporomandibulares. Na busca de melhor compreensão da fisiopatologia que afeta a musculatura do sistema estomatognático, a análise eletromiográfica tem sido incluída em muitos estudos, pois permite a identificação de quando e como um músculo é ativado e, ainda, a determinação de como se estabelece a coordenação dos músculos envolvidos no movimento. Outros estudos têm demonstrado ainda a utilidade de se mensurar a força de mordida de sujeitos com desordens temporomandibulares, como um método adicional para se compreender a função dos músculos mastigatórios dos mesmos. O objetivo geral desse trabalho foi analisar e comparar a atividade de pares de músculos por meio de eletromiografia, durante provas de apertamento dental e de mastigação, além de analisar o desempenho dos músculos mastigatórios pela mensuração da força de mordida, antes e após o tratamento com placa oclusal, realizando ainda para ambos uma análise de confiabilidade dos testes (repetibilidade). A amostra foi composta por 15 sujeitos com desordem temporomandibular e 20 sujeitos controle...

Avaliação da fadiga neuromuscular por meio da análise de frequência do sinal eletromiográfico de sujeitos controle e pacientes acometidos por disfunção temporomandibular tratados com placa oclusal resiliente e rígida; Assessment of neuromuscular fatigue by frequency analysis of the electromyographic signal of the control subjects and patients suffering from temporomandibular disorders treated with occlusal splints resilient and rigid

Botelho, André Luís
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/04/2012 PT
Relevância na Pesquisa
26.62%
A incapacidade de produzir repetidamente no tempo um determinado nível de força ou potência muscular designa-se por fadiga neuromuscular. A etiologia da fadiga muscular tem atraído o interesse de pesquisadores há mais de um século. Contudo, os seus agentes e locais definitivos permanecem ainda por serem identificados. Este trabalho teve por objetivo avaliar a fadiga neuromuscular por meio da análise de frequência do sinal eletromiográfico dos músculos masseter e temporal anterior de ambos os lados em 3 grupos distintos: sujeitos saudáveis assintomáticos para disfunção temporomandibular (DTM), pacientes acometidos por DTM tratados com placa oclusal resiliente e pacientes acometidos por DTM tratados com placa oclusal rígida. Para isso, participaram da pesquisa 100 sujeitos assintomáticos para DTM e 30 pacientes com DTM subdivididos em 2 grupos: tratados com placa rígida tipo FARC; e tratados com placa resiliente. Todos realizaram exame eletromiográfico antes e após o tratamento com placa oclusal. Os resultados demonstraram que houve diferenças estatisticamente significantes na comparação da taxa de fadiga avaliada antes e após o tratamento com placa oclusal, tanto para o grupo Placa FARC como para o grupo Placa Soft. Houve diminuição da taxa de fadiga após o tratamento com placa para os músculos masseter esquerdo e temporal anterior direito para o grupo Placa Soft; e diminuição da taxa de fadiga após o tratamento para o músculo temporal anterior esquerdo para o grupo Placa FARC. Pode-se concluir que o tratamento com ambos tipos de placa oclusal foi eficiente na redução da taxa de fadiga neuromuscular em pacientes acometidos por DTM.; The repeated failure to produce in time a certain level of strength or muscle power is called neuromuscular fatigue. The etiology of muscle fatigue has attracted the interest of researchers for over a century. However...

Efeitos do uso da placa oclusal sobre o equilíbrio postural em indivíduos dentados, não reprogramados, com sinais e sintomas de desordem temporomandibular diagnosticados pelo RDC/TMD e ressonância magnética; Effects of using occlusal splint on postural equilibrium in dentate, non-reprogrammed, individual with signs and symptoms of temporomandibular disorder diagnosed via RDC/TMD and magnetic-resonance imaging

Oliveira, Simone Saldanha Ignacio de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 08/05/2013 PT
Relevância na Pesquisa
36.65%
A desordem temporomandibular (DTM) de origem multifatorial pode estar associada a fatores oclusais e também a alterações posturais. O objetivo desse estudo foi investigar os efeitos do uso da placa sobre o equilíbrio postural em indivíduos dentados, não reprogramados, com sinais e sintomas de desordem temporomandibular (DTM). Colaboraram com a pesquisa 70 pacientes (59 placa e 21 controle), entre 18e 84 anos, de ambos os gêneros, diagnosticados com DTM por meio do questionário do RDC/TMD além de ressonância magnética da articulação temporomandibular. O estudo foi de ensaio clínico, randomizado, controlado, prospectivo e de intervenção. Foram respondidos os questionários de risco de quedas - FES-I e de qualidade de vida - SF-36 antes que fosse realizada a avaliação do equilíbrio postural por meio da plataforma de força. Cumprida estas etapas eram feita a randomização: o grupo da amostra recebia placa oclusal com critérios de estabilidade oclusal além de orientação para que fizesse exercícios terapêuticos, enquanto o grupo controle era orientado para fazer apenas exercícios terapêuticos. Após 12 semanas, os dois grupos eram reavaliados. A análise estatística foi feita por frequências, avaliação da associação entre grupos por teste de Fisher; medidas quantitativas considerando por média...

Força e mobilidade da língua na fissura labiopalatina; Tongue strength and mobility in cleft lip and palate

Prandini, Estefânia Leite
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/02/2015 PT
Relevância na Pesquisa
26.76%
Objetivo: Os indivíduos com fissura labiopalatina vivenciam um desequilíbrio morfofuncional desde a vida intrauterina influenciando o crescimento craniofacial e o desempenho das funções orais. O objetivo deste estudo foi avaliar a força e a mobilidade da língua em indivíduos com fissura labiopalatina operada, bem como de um grupo controle formado por indivíduos sem esta malformação e com boa relação dento-oclusal, para verificar a relação entre a força e a mobilidade da língua; a relação entre a força da língua e as funções de respiração, mastigação, deglutição e fala; assim como a diferença quanto a força e a mobilidade da língua entre os grupos. Método: Após aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa, foram avaliados 59 indivíduos com idade entre 18 e 28 anos (média=23 anos e 3 meses), de ambos os gêneros, 30 com fissura unilateral completa de lábio e palato reparada e 29 com boa relação dento-oclusal, sem fissura labiopalatina e outras malformações. Foi realizado o exame miofuncional orofacial (MBGR) para verificar a mobilidade da língua e as funções de respiração, mastigação, deglutição e fala. Imagens do exame foram registradas e analisadas por três examinadores, com boa concordância entre eles verificada pela medida Kappa. O exame da força da língua utilizou o instrumento Iowa Oral Performance Instrument (IOPI) nas provas de elevação...

Influência do cálculo subgengival nas medidas de sondagem periodontal com sonda manual e eletrônica de força controlada: estudo em humanos

Trentin, Micheline Sandini
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 83 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
26.33%
Pós-graduação em Odontologia - FOAR; O objetivo deste estudo foi avaliar clinicamente a influência do cálculo subgengival nas medidas de profundidade de sondagem com sonda manual e eletrônica de força controlada. Para tanto, foram avaliados 614 sítios com cálculo subgengival visível em radiografias periapicais e detectáveis clinicamente através do índice de cálculo de Greene e Vermillion, 1967. Os exames foram realizados por um profissional calibrado que avaliou o índice de sangramento gengival à sondagem e realizou a sondagem com os dois tipos de sondas em seis áreas de cada dente: mesio-vestibular, vestibular, disto-vestibular, mesio-lingual, lingual e disto-lingual, com o auxílio de um stent oclusal. As sondagens foram realizadas em dois instantes. Inicial: com a presença do cálculo subgengival, imediato: imediatamente após a remoção do cálculo subgengival. Para a análise dos dados obtidos, as profundidades de sondagens foram estratificadas em rasa (=3mm), média (4-6mm) e profunda (= 7mm). Através do teste de Wilcoxon à 5%, observou-se que as medidas de profundidades de sondagens médias (4.78mm para o momento inicial e 4.56mm para o momento imediato) e profundas (7.60mm para o momento inicial e 6.79 mm para o momento imediato) para a sonda eletrônica de força controlada apresentaram diferenças significativas entre os diferentes momentos...

Avaliação clínica da estabilidade dimensional de próteses totais submetidas à desinfecção por microondas

Basso, Michael Frederico Manzolli
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 153 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
26.49%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Reabilitação Oral - FOAR; A energia por microondas tem sido recomendada para desinfetar próteses totais. Entretanto, os ciclos de desinfecção podem afetar a estabilidade dimensional das bases de próteses. Assim, o objetivo deste estudo clínico foi avaliar o efeito de dois protocolos de desinfecção por microondas na estabilidade dimensional de próteses totais, analisando a estabilidade dimensional linear, o percentual de força oclusal obtido a partir dos contatos oclusais cêntricos e as ocorrências clínicas. Foram confeccionadas próteses totais para quarenta pacientes totalmente edêntulos. Todas as próteses foram prensadas com a resina Lucitone 550. Após a colocação, aguardou-se 30 dias para submeter as próteses às condições experimentais como a seguir: Grupo 1 (G1)- 20 pacientes tiveram as próteses maxilares submetidas a desinfecção por microondas (650 W / 3 minutos), uma vez por semana, durante 4 semanas. Grupo 2 (G2)- 20 pacientes tiveram as próteses maxilares submetidas a desinfecção por microondas (650 W / 3 minutos), três vezes por semana, durante 4 semanas. Para avaliar a estabilidade dimensional linear...

Espessura dos musculos mastigatorios, força de mordida, contatos oclusais e morfologia facial de crianças com mordida cruzada posterior unilateral

Paula Midori Castelo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/2004 PT
Relevância na Pesquisa
26.47%
Estudos sobre as características funcionais e estruturais da maloclusão em crianças de pouca idade são raros. Sendo assim, este trabalho teve como objetivos avaliar a espessura dos músculos masseter e temporal anterior, a força de mordida bilateral, o número de contatos oclusais em molares decíduos e a morfologia facial de crianças com oclusão normal e mordida cruzada posterior unilateral das fases de dentição decídua e mista inicial. A amostra consistiu de 49 crianças, de ambos os sexos, divididas em quatro grupos: decídua-normal, decídua-cruzada, mista-normal e mista-cruzada. A espessura muscular foi avaliada através da ultra-sonografia, no repouso e em máxima intercuspidação, e comparada entre os lados direito e esquerdo, e cruzado e normal, na oclusão normal e na mordida cruzada, respectivamente. As variáveis da morfologia facial, altura facial anterior (AFA), distância bizigomática e intergoniana (DB e DI) e as razões AFA/DB e AFA/DI, foram avaliadas através de fotografias frontais. Os resultados foram submetidos à análise estatística descritiva, ao teste de correlação de Pearson, teste “t” de Student, à análise de variância e ao teste Mann-Whitney Rank Sum. Observou-se que somente a espessura do músculo temporal anterior...

Avaliação in vitro da força de atrito entre braquetes e fios ortodonticos na distalização do canino superior pela Tecnica de Força Direcional Seqüencial de Tweed-Merrifield; Evaluation of frictional forces in vitro between brackets and orthodontic wires in upper cusp distalization according to the Tweed-Merrifield Sequential Directional Force Technique

Mayury Kuramae
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 21/06/2006 PT
Relevância na Pesquisa
36.48%
O objetivo desse estudo foi avaliar in vitro a força de atrito gerada na mecânica de distalização do canino superior pelo uso do gancho ?J? na Técnica da Força Direcional Seqüencial de Tweed-Merrifield, de acordo com as variáveis: tipo e marcas dos braquetes; espessura e marcas dos fios; técnica de amarração e análise das superfícies dos fios e braquetes em microscopia eletrônica de varredura, microscopia de força atômica, além de rugosímetro. Foram utilizados 192 braquetes Edgewise de aço inoxidável de dois tipos e duas marcas comerciais e duas marcas de fios ortodônticos (Morelli, Sorocaba, São Paulo, Brasil e GAC, Central Islip, Nova Iorque, EUA) de aço inoxidável em quatro espessuras, amarrados por ligadura metálica e elastomérica em meio seco e à temperatura ambiente. Foi utilizada uma placa de acrílico retangular simulando um segmento de aparelho fixo composto por quatro braquetes duplos. Cada fio a ser testado teve suas extremidades dobradas justas aos braquetes terminais para que não deslizasse na canaleta e foi amarrado aos braquetes com ligadura de aço inoxidável. A placa de acrílico juntamente com o segmento do fio montado foi fixada no mordente da base da máquina de ensaio universal Instron 4411 (Instron Ltd....

Força máxima da língua em pacientes com bruxismo; Tongue force in subjects with bruxism

Lis Meirelles
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/04/2014 PT
Relevância na Pesquisa
26.87%
O bruxismo é assunto de intensa investigação na área odontológica e está correlacionado a fatores emocionais e a eventos de estresse experimentado pelos indivíduos. Uma vez que o hábito de ranger de dentes pode levar a edentações na língua, este estudo avaliou a força da língua em pacientes bruxistas antes e após a terapia por meio de placas oclusais estabilizadoras. Para tanto, voluntários foram selecionados na Faculdade de Odontologia de Piracicaba - UNICAMP e separados em dois grupos: (1) com bruxismo (experimental, n=20), e (2) sem bruxismo (controle, n=20), selecionados segundo os critérios de inclusão. O diagnóstico de bruxismo foi realizado por meio de exame clínico com identificação de sinais e sintomas e por meio da utilização de eletromiografia portátil, Bitestrip®. Posteriormente, todos os voluntários tiveram a força da língua avaliada por meio de sensores de pressão (T0 - baseline). A seguir, os voluntários do grupo experimental receberam placa oclusal estabilizadora, como controle para o bruxismo; e os do grupo controle receberam placa palatina (placebo), sendo todos os voluntários instruídos a utilizá-las durante o sono. Após 30 e 60 dias de uso das placas, a força da língua foi reavaliada. Os resultados obtidos foram submetidos à análise de variância para medidas repetidas...

Desenvolvimento de um dinamômetro digital para padronização da força de cimentação e sua influência na espessura de película de restaurações cerâmicas

Barbosa, Marcelo Taveira
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 328 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
36.48%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Odontologia; O objetivo deste estudo foi propor uma padronização da força na técnica de cimentação. Inicialmente, desenvolveu-se um dinamômetro digital, aplicável clinicamente, para padronizar a força de cimentação. Em seguida, realizou-se uma avaliação comparativa da adaptação interna de coroas cerâmicas cimentadas com força manual e com o dinamômetro. Dez molares humanos receberam preparo para coroa total. Para cada molar confeccionou-se uma coroa cerâmica pelo sistema injetável de IPS Empress 2 e cobertura com cerâmica IPS e.max Ceram. Para os testes, um manequim com os dentes naturais foi acoplado a uma cabeça simulando lábios e bochechas. Para a cimentação, cada coroa foi preenchida com o silicone de adição específico recém-manipulado e imediatamente adaptada a seu respectivo dente. No grupo mecânico, a ponteira do dinamômetro foi inserida na cavidade oral, e a ponta com o silicone de proteção foi posicionada sobre a coroa cerâmica. A mordida foi estabilizada por 3min com uma força de ~20,00N. Para a cimentação manual, selecionaram-se três operadores com pós-graduações. Cada operador executou a força de cimentação...

Avaliação in vitro da microilfiltração marginal em cavidades classe II submetidas a diferentes estresses mecânicos

Markus Carvalho, Carine; José Cabral, Adolfo (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.49%
O objetivo desta pesquisa foi avaliar in vitro a influência da carga mecânica na infiltração marginal de restaurações classe II confeccionadas com o sistema restaurador adesivo Filtek Z-250®. Utilizaram 16 pré-molares humanos hígidos, com raízes completamente formadas, que tiveram o terço apical e superfície oclusal seccionados. Foram confeccionadas cavidades, com término cervical em cemento, sendo os espécimes restaurados, identificados aleatoriamente e divididos em 4 grupos. Todos os espécimes do primeiro foram mantidos em água destilada a 37°C, enquanto os espécimes dos grupos restantes sofreram ciclagem mecânica sob 8Kgf(quilograma força) por 100.000, 250.000 e 500.000 ciclos, respectivamente. Todos os elementos foram levados à termociclagem em temperatura variando entre 5°C (±5°C) e 55°C (±5°C) durante 500 ciclos e submersos em fucsina básica a 0,5%. Os espécimes foram avaliados com auxílio de lupa estereoscópica, com um aumento de 40 vezes, e os resultados, analisados através do teste de Kruskal-Wallis com p>0,05. Estes demonstraram que os espécimes submetidos apenas à termociclagem apresentaram grau 1 de infiltração marginal, enquanto os submetidos a ambas as ciclagens demonstraram maior quantidade de corpos-de-prova infiltrados e maiores escores de infiltração. Concluiu-se que a associação da ciclagem térmica à mecânica provocou efeitos negativos à interface dente/restauração de cavidades classe II restauradas com compósitos...

Análise eletromiográfica e da força do músculo masseter em indivíduos com distintos padrões craniométricos; Electromyographic analysis and strength of the masseter muscle in individuals with distinct craniometric patterns

Danilo Dressano
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/01/2012 PT
Relevância na Pesquisa
47.1%
Eletromiografia de superfície é uma ferramenta que auxilia um estudo aprofundado sobre patologias em áreas que trabalham com o movimento muscular. Muitos estudos relatam que indivíduos com padrões craniométricos distintos podem apresentar diferenças no padrão do movimento mandibular. Foram analisados 31 sujeitos, divididos em três grupos (09 dolicocéfalos, 14 mesocéfalos e 08 braquicéfalos), gêneros masculino e feminino, entre 18 e 28 anos de idade, Classe I de Angle, saudáveis, não apresentando disfunção temporomandibular, bruxismo e/ou apertamento dental e sem agenesia. As dimensões cranianas foram tomadas com o compasso antropométrico de Willis. Para a investigação da atividade elétrica foi realizada eletromiografia de superfície no músculo masseter e um transdutor de mordida posicionado em todos os dentes a fim de captar o biofeedback das forças oclusais. Todos os voluntários foram orientados a aplicar e manter uma força oclusal de 20 Kgf por 5 segundos. Para análise da amplitude média do sinal eletromiográfico e da força muscular foi calculado o valor do Root Means Square (RMS). Para cada grupo foram relacionados os valores do RMS no movimento de contração voluntária e aplicação de força oclusal...

Comparação da força de mordida pré e pós tratamento endodôntico em molares inferiores com periodontite apical assintomática; Comparison of bite force pre and post endodontic treatment in lower molar with asymptomatic periodontitis

Felipe Nogueira Anacleto
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/03/2015 PT
Relevância na Pesquisa
46.47%
Tão importante quanto a avaliação pulpar, o diagnóstico periapical dos dentes com necessidade de tratamento endodôntico, é realizado por testes com resultados imprecisos, inquantificáveis e de difícil validação. Portanto, o objetivo deste trabalho foi comparar a força de mordida (FM) pré e pós-operatória em molares inferiores com periodontite apical assintomática. Foram avaliados 31 pacientes (20 mulheres e 11 homens), o dente incluído foi mensurado quanto a força de mordida (FM) registrada em Newton(N) com o medidor de força oclusal Occlusal Force-Meter GM10 e também seu representante contralateral. O tratamento foi realizado em duas sessões, na primeira o dente foi acessado, descontaminado por técnica crown down, a odontometria realizada por um localizador apical Root ZX II (J. Morita, Japão). O comprimento de trabalho adotado foi 1mm aquém do forame apical com patência e a substância química auxiliar foi o hipoclorito de sódio 6%, o preparo mecânico foi realizado com sistema rotatório Protaper® Universal (Dentsply, EUA) e os dentes foram medicados com hidróxido de cálcio e soro fisiológico por 07 dias. Na segunda sessão o dente foi novamente acessado, a medicação removida, o dente obturado com guta percha e restaurado definitivamente com resina composta. As avaliações de força de mordida pós operatória foram feitas com 48 horas e 7 dias pós obturação. Os valores foram comparados por análise estatística ANOVA e teste t Tuckey (?= 0.05) com os resultados dos dentes contralaterais. Os resultados apresentaram diferença estatística do grupo teste com o grupo contralateral na avaliação inicial da FM e na avaliação da FM 48 horas pós obturação. Conclui-se que os dentes tratados tiveram nas primeiras 48 horas redução da força de mordida...

Comparação entre métodos de fixação interna utilizadas no tratamento de fraturas do ângulo mandibular : estudo mecânico; Comparison of internal fixation methods in the management of mandibular angle fractures : mechanical study

Mariana Camilo Negreiros Lyrio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
26.25%
Apesar dos diversos tipos de fixação interna existentes ainda não há um consenso quanto ao método de imobilização das fraturas do ângulo mandibular. Além disso, são poucos os estudos sobre a utilização de placas grade ultimamente lançadas no mercado. O presente estudo visou avaliar comparativamente a resistência entre três tipos de fixação interna em réplicas de hemimandíbulas de poliuretano seccionadas na região de ângulo mandibular, simulando uma fratura linear. As formas de fixação incluíram a utilização de placas em forma de grade com e sem barra intermediária e o método descrito por Champy (1978). O objetivo foi definir por meio de análise mecânica a técnica que permitiu maior resistência na fixação deste tipo de fratura. Os testes de carregamento linear vertical foram realizados em amostras de cada grupo estudado (n = 10) utilizando uma unidade de testes mecânicos para registro da carga atingida, nos momentos que o deslocamento vertical alcançou 3 mm e 5 mm. Médias e desvio padrão foram avaliados aplicando-se a Análise de Variância e o teste de Duncan em nível de significância de 5%. Concluiu-se que a técnica de fixação interna para as fraturas de ângulo mandibular descrita por Champy (1976) foi a mais resistente e...