Página 1 dos resultados de 1649 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Estudo de algumas variáveis que interferem na concentração de flavonóides do cultivo de folhas de de Passiflora incarnata L.; Multivariate analysis of factors on flavonoid content of Passiflora incarnata L. leaves

Reimberg, Maria Celia Hibari
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/08/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.32%
O gênero Passifloraceae possui mais de 400 espécies, sendo uma delas Passiflora incarnata L., detentora de diversas aplicações , principalmente no âmbito farmacêutico como uma planta capaz de atuar no sistema nervoso central para o tratamento de distúrbios da ansiedade. As substâncias mais abundantes existentes nas folhas dessa espécie pertencem à classe dos flavonóides, principalmente os C-glicosilados, que podem estar diretamente relacionados à atividade farmacológica da planta. Assim, o objetivo do presente trabalho , foi avaliar a influência (ou não ) de fatores externos na concentração dos flavonóides, em um cultivo experimental realizado na região de Botucatu .Os flavonóides analisados foram a luteolina, homoorientina, vitexina, isovitexina e orientina , com sua quantificação realizada por HPLC-UV/DAD e expressos em flavonóides totais calculados com base no padrão de rutina, através do método descrito por Pereira (2002). Realizou-se a correlação quimiométrica destes resultados pela análise multivariada , através de PCA (análise de componentes principais ) e HCA (análise hierárquica de agrupamentos), para avaliar se ocorreu a influência direta de determinados elementos do solo (pH, macronutrientes e micronutrientes) e do ambiente (temperatura e umidade) no teor de flavonóides encontrados nas folhas. Concluiu-se que as amostras se apresentaram de forma heterogênea no decorrer do cultivo (quanto à classificação ) ...

Efeitos citoprotetor e/ou citotóxico dos flavonóides: estudo estrutura-atividade envolvendo mecanismos mitocondriais, com ênfase na apoptose; Protective/toxic effects of flavonoids: structure-activity study involving mitochondrial mechanisms, with emphasis on apoptosis.

Dorta, Daniel Junqueira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/05/2007 PT
Relevância na Pesquisa
37.35%
Realizou-se um estudo estrutura-atividade sobre os efeitos citoprotetor/citotóxico de 5 flavonóides envolvendo processos mitocondriais, com ênfase na apoptose. Nossos resultados mostram que a dupla ligação na posição 2-3 / grupos 3-OH em conjugação com a função 4-oxo no anel C da estrutura dos flavonóides parece favorecer a interação destes compostos com a membrana mitocondrial, diminuindo a sua fluidez, e tanto inibindo a cadeia respiratória das mitocôndrias, quanto causando desacoplamento. Por outro lado, a estrutura o-di-OH no anel B parece favorecer a inibição da cadeia respiratória, sendo que a ausência desta estrutura parece favorecer a atividade desacopladora. Os flavonóides que não afetaram a respiração mitocondrial, induziram a transição de permeabilidade mitocondrial. A capacidade dos flavonóides em liberar o Ca2+ acumulado pelas mitocôndrias correlaciona-se com a sua capacidade de afetar a respiração mitocondrial e sua inabilidade em induzir a transição de permeabilidade mitocondrial. Já os dados referentes aos estudos da atividade protetora contra a formação de radicais livres demonstraram que a quercetina, luteolina e a galangina foram substancialmente mais potentes que a taxifolina e a catequina em conferir proteção contra a lipoperoxidação...

Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TBCA-USP): dados de flavonóides; Brazilian Food Composition Database (TBCA-USP): flavonoid data

Santos, Nelaine Cardoso dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.32%
Os flavonóides são compostos bioativos presentes em alimentos de origem vegetal. Em função de suas propriedades antioxidante, anti-inflamatória e antimicrobiana podem estar associados com o efeitos cardioprotetores e anticarcinogênicos. O conteúdo de flavonóides em alimentos brasileiros vem sendo quantificado por vários pesquisadores, entretanto essas informações estão dispersas em publicações, teses e em dados internos de laboratórios. O objetivo deste trabalho foi compilar e a avaliar a qualidade de dados de flavonóides de alimentos brasileiros, visando sua disponibilização na Tabela Brasileira de Composição de Alimentos. Para a compilação, os compostos mais abundantes dentro das subclasses dos flavonóides (flavonóis, flavonas, isoflavonas, flavanonas, flavanóis e antocianidinas) foram considerados e a separação desses compostos por cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE) foi adotada como critério de inclusão dos dados. Para avaliar a qualidade dos dados brasileiros foi aplicado o sistema de avaliação da qualidade de dados padronizado pelo USDA (United States Department of Agriculture), que considera cinco categorias, sendo 20 a nota máxima atribuída a cada categoria. Para cada dado foram atribuídos códigos de confiança (A...

Mecanismo de ação de flavonóides no metabolismo oxidativo e na fagocitose de neutrófilos humanos desencadeados por receptores Fc-gama e CR; Mechanism of action of flavonoids in the human neutrophils oxidative burst and phagocytosis triggered by Fc gamma and CR receptors.

Santos, Éverton de Oliveira Lima dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/03/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37.32%
O sistema imune inato é organizado por processos complexos que envolvem os diversos tipos celulares que culminam na eliminação de uma variedade de microorganismos a fim de proteger o organismo de infecções. Os neutrófilos são células importantes neste sistema, sendo capazes de migrar rapidamente ao foco da infecção. Estas células reconhecem e fagocitam partículas estranhas e atuam no sentido de elimina-los através da produção de espécies reativas de oxigênio (EROs), proteínas antimicrobianas e enzimas proteolíticas dos grânulos, que são liberadas no fagossomo e no espaço extracelular. Entretanto, em algumas doenças inflamatórias e autoimunes têm sido encontradas lesões nos tecidos envolvendo a produção excessiva de EROs pelos neutrófilos, desencadeada por imunocomplexos (ICs) via receptores Fc gama (Fc) e de complemento (CR). Assim, a modulação da ativação destes receptores e da produção de EROs é importante na manutenção da homeostasia. Nas últimas décadas, flavonóides são considerados como metabólitos secundários promissores mostrando atividade antioxidante e imunomodulatória. Neste trabalho foi avaliado o efeito modulatório dos flavonóides galangina, kaempferol, quercetina e miricetina em algumas funções efetoras de neutrófilos humanos...

Estudo analítico dos flavonoides dos frutos do maracujá (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Degener); Analytical studies of the flavonoids in passion fruit (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Degener)

Zeraik, Maria Luiza
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/04/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37.28%
Atualmente tem-se dado grande ênfase aos alimentos funcionais, pois atuam na prevenção e auxiliam na recuperação de várias doenças, como doenças inflamatórias crônicas, cardiovasculares e câncer, por apresentarem principalmente flavonoides, que previnem lesões oxidativas, propiciando benefícios à saúde. O Brasil é o maior produtor mundial do maracujá, e em vista disto é de suma importância o desenvolvimento de métodos analíticos e estudos de atividade antioxidante e anti-inflamatória do fruto de maracujá, visando sua possível utilização como alimento funcional e produção de possíveis fármacos. Passiflora edulis Sims. f. flavicarpa Degener, conhecida como maracujá azedo ou amarelo é a espécie mais cultivada e comercializada no Brasil. Desta forma, os objetivos deste trabalho foram: desenvolver e validar um método analítico por CLAE-UV/DAD (cromatografia líquida de alta eficiência acoplada detector de arranjo de fotodiodos) para quantificação da flavona isoorientina, presente na polpa de P. edulis; quantificação dos flavonoides totais desta espécie, usando um padrão de baixo custo (rutina); comparar as técnicas CLAE e CCDAE (cromatografia em camada delgada de alta eficiência) e analisar a isoorientina nas cascas dos frutos de P. edulis infectada com o vírus PWV e cascas sadias por CCDAE; quantificar as proteínas totais e avaliar as atividades antioxidantes e anti-inflamatória dos extratos de cascas de P. edulis e da polpa dos frutos de P. edulis e P. alata...

Desenvolvimento e avaliação da estabilidade de formulações cosméticas anticelulíticas contendo o extrato comercial de Trichilia catiguá Adr. Juss (e) Ptychopetalum olacoides Bentham, padronizado em flavonóides totais; Development and stability assay of anticelulitic cosmetic formulations containing the Trichilia catigua Adr. Juss (e) Ptychopetalum olacoides Bentham commercial extract, standardized in total flavonoids

Baby, André Rolim
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/07/2005 PT
Relevância na Pesquisa
37.28%
A hidrolipodistrofia ginóide, popularmente denominada de celulite, é caracterizada como um processo distrófico que produz alterações estruturais dos elementos presentes na pele, como: modificações no tecido conjuntivo, comprometimento da microcirculação periférica cutânea, hipertrofia e hiperplasia dos adipócitos e edema. Os flavonóides são utilizados como substâncias ativas em preparações anticelulíticas por reduzirem a permeabilidade capilar. Os objetivos estabelecidos para esta pesquisa foram: (1) desenvolver emulsões cosméticas com finalidades anticelulíticas; (2) validar metodologia analítica para o doseamento de flavonóides totais, equivalentes em rutina, por espectrofotometria na região do ultravioleta; (3) avaliar a estabilidade física, físico-química e química das formulações. Formulações cosméticas anticelulíticas foram desenvolvidas contendo o extrato vegetal comercial de Trichilia catiguá Adr. Juss (e) Ptychopetalum olacoides Bentham (Slimbuster® H1), padronizado em flavonóides totais, equivalentes em rutina, e avaliadas quanto à estabilidade física, físico-química e química. Para sua quantificação, o método espectrofotométrico na região do ultravioleta a 361,0 nm foi empregado...

Efeitos do chimarrão (Ilex paraguariensis) na absorção de flavonóides, na concentração dos lipídeos e sobre a circulação; Effects of chimarrão (Ilex paraguariensis St. Hil) on the flavonoid absorption, lipid concentration and circulation

Salerno, Zaíra Tronco
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.32%
Introdução: O chimarrão (mate) é um preparado com folhas secas de Ilex paraguariensis St. Hil (IP); é hábito milenar do sul do Brasil, Bolívia, Paraguai, Uruguai e Argentina. Os extratos da IP possuem compostos polifenóis, flavonóides, saponinas, metilxantinas. Estudos sugerem que os flavonóides presentes na dieta podem estar envolvidos na prevenção da aterosclerose, por inibirem a oxidação das LDL. Objetivo: Avaliar os efeitos da ingestão de chimarrão sobre a concentração plasmática de flavonóides, sobre os lipídios e sobre a circulação. Material e Métodos: Ensaio clínico experimental não-randomizado, realizado com 19 pacientes entre 50 a 80 anos, de ambos os sexos, acompanhados no Ambulatório de Cardiopatia Isquêmica do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. O período de washout durou 4 dias, seguidos de mais 5 dias de intervenção com chimarrão. A dieta oferecida foi restrita de alimentos com flavonóides. A coleta de dados foi realizada entre 2003 a 2004. Foram avaliados concentração sangüínea de flavonóides, perfil lipídico, substância reativa de ácido tiobarbitúrico (TBARS) ingestão alimentar, Índice de Massa Corporal (IMC), pressão arterial sistólica (PAS), pressão arterial diastólica (PAD)...

Estudo da interação entre flavonóides e a albumina do soro humano

Caruso, Ícaro Putinhon
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 67 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
37.28%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Pós-graduação em Biofísica Molecular - IBILCE; Os flavonóides são uma grande classe de polifenóis ocorrendo de forma natural amplamente distribuídos nas plantas, essas moléculas exibem algumas atividades farmacológicas importantes como anti-inflamatória, antioxidante, anticancerígena e antibacteriana. A interação entre os flavonóides Rutina (Ru) e Guaijaverina (Gua) e a Albumina do Soro Humano (HSA) em pH 7,0 fisiológico foi investigado usando a técnica de espectroscopia de fluorescência de estado estacionário, cálculo ab initio e de modelagem molecular. A partir da supressão de fluorescência da HSA pelos flavonóides, a constante de supressão de Stern-Volmer ( SVK ) e sua forma modificada ( aK ) foram calculadas em 298, 303 e 308 K, como também os parâmetros termodinâmicos correspondentes H , G e S , para cada flavonóide. A análise do equilíbrio de ligação foi utilizada para determinar os valores do número de sítios de ligação ( n ) e a constante de ligação ( bK ) para a Rutina e a Guaijaverina em 298, 303 e 308 K. A distância média entre o doador (HSA-214Trp ) e o aceitador (Ru e Gua) foi estimada de acordo com a teoria de transferência de energia ressonante fluorescente. A otimização geométrica dos flavonóides Rutina e Guaijaverina foi realizada nos seus estados fundamentais usando o funcional DFT/B3LYP ab initio com um conjunto de bases 6-31G(d...

Estudo do potencial antimutagênico, mutagênico, estrogênico e antibacteriano de flavonoides

Resende, Flávia Aparecida
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 181 f. : il., gráf., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.28%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Biociências e Biotecnologia Aplicadas à Farmácia - FCFAR; Os flavonoides exibem uma multiplicidade de atividades biológicas tanto in vivo como in vitro. No entanto, não existem dados suficientes para fornecer provas conclusivas sobre os efeitos benéficos da maioria das subclasses de flavonoides. Dessa maneira, neste estudo tornou-se relevante avaliar a mutagenicidade, antimutagenicidade, estrogenicidade e atividade antibacteriana dos flavonoides, com o objetivo de traçar o perfil relação estrutura-atividade, uma vez que a atividade biológica dos flavonoides depende da sua estrutura química. A mutagenicidade e antimutagenicidade foram avaliadas pelo teste de Ames, em cepas de Salmonella typhimurium TA98, TA100 e TA102, com e sem ativação metabólica. Para comparação do efeito protetor dos flavonoides foram utilizados 4-nitro-o-fenilenodiamina (NPD), azida sódica (AZS) e mitomicina C (MMC) como mutágenos de ação direta e benzo[a]pireno (B[a]P), aflatoxina B1 (AFB1) e 2-aminoantraceno (2-AA) como mutágenos de ação indireta. A atividade estrogênica foi avaliada por meio do ensaio com leveduras recombinantes (RYA - Recombinant Yeast Assay) e pelo ensaio de proliferação de células de câncer de mama humano (MCF-7⁄BUS) responsivas à estrógeno (E-screen). A determinação da atividade antibacteriana in vitro foi realizada neste estudo utilizando a técnica de diluição em microplacas...

Estudo do potencial antimutagênico de flavonoides pelo ensaio bacteriano de mutação reversa (teste de ames)

Almeida, Carolina Pereira da Silva
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 48 f.
POR
Relevância na Pesquisa
37.38%
Flavonoides são constituintes fenólicos de plantas que possuem diversas atividades terapêuticas, dentre elas, a atividade antimutagênica. Eles são caracterizados por um esqueleto carbônico C6-C3-C6, em que os componentes C6 são anéis aromáticos e o C3 um anel heterocíclico. Diferenças nessa estrutura podem alterar a atividade e o seu potencial antimutagênico. Para melhor compreensão da atividade antimutagênica exercida pelos flavonoides, neste estudo, os compostos quercetina, kaempferol, luteolina, fisetina, galangina, crisina, flavona, 3-hidroxiflavona, 5-hidroxiflavona e 7-hidroxiflavona, flavonoides que apresentam diferenças no padrão de hidroxilação, foram analisados pelo teste de Ames. Para realização dos ensaios foram utilizadas as cepas TA98, TA100 e TA102 de Salmonella typhimurium em testes com e sem ativação metabólica. Os mutágenos utilizados para comparação do efeito protetor dos flavonoides foram 4-nitro-o-fenilenodiamina (NPD), azida sódica (AZS), mitomicina C (MMC), benzo[a]pireno (B[a]P), aflatoxina B1 (AFB1) e 2-aminoantraceno (2-AA). No ensaio contra o NPD sem ativação metabólica, todos os flavonoides apresentaram efeito antimutagênico, com exceção da fisetina. No ensaio com ativação metabólica contra o B[a]P...

Influência dos flavonoides cítricos na inflamação e controle da obesidade

Pereira, Robson Valentim
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 34 f.
POR
Relevância na Pesquisa
37.32%
Nas últimas décadas, o mundo tem vivenciado um grande aumento da prevalência de obesidade. Entre os fatores que levam a esta condição, estão o sedentarismo e o consumo de alimentos altamente calóricos. A obesidade é considerada uma condição de inflamação crônica de baixo grau, que leva ao desenvolvimento de doenças crônicas não transmissíveis, como diabetes mellitus tipo 2 e hipertensão arterial. O consumo de compostos biologicamente ativos, dentre eles os flavonoides cítricos, tem mostrado ter papel importante no controle da inflamação, e de alterações no metabolismo decorrentes do excesso de peso e gordura corporal. Neste trabalho foram revisados trabalhos sobre flavonoides cítricos e seu papel na inflamação relacionada à obesidade, assim como nas alterações decorrentes desse processo. Os artigos foram divididos em dois grupos: suplementação com extratos de flavonoides e com flavonoides isolados. Nos dois grupos os trabalhos demonstraram o papel benéfico dos flavonoides cítricos no metabolismo lipídico, e diminuindo marcadores biológicos de inflamação, como proteínas e enzimas, tanto nos modelos experimentais quanto em linhagens celulares de adipócitos e hepatócitos. A redução de massa corpórea também foi observada em ratos e camundongos suplementados com os flavonoides cítricos. Entretanto...

Efeito de flavonoides sobre a atividade enzimatica de fosfatases in vitro e in vivo

Marcio Andre Miranda
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/08/2005 PT
Relevância na Pesquisa
37.32%
Flavonóides são compostos polifenólicos amplamente consumidos na dieta humana, podendo chegar ao consumo diário de 1,0 grama. Uma variedade de efeitos biológicos in vitro e in vivo é descrita para os flavonóides tais como: inibição e alteração da expressão enzimática, antioxidantes e pró-oxidantes, síntese e reparo de DNA, indução a apoptose e anti-tumorais. Fosfatases são enzimas da classe das hidrolases que catalisam a desfosforilação de monoésteres fosfatos e são divididas em três grupos principais: proteínas fosfatases, fosfatases ácidas e fosfatases alcalinas. Juntamente com as proteínas quinases, as proteínas fosfatases são responsáveis pelo mecanismo de fosforilação/ desfosforilação que controla os principais eventos celulares como crescimento, diferenciação e divisão celular.Após a purificação, caracterização cinética e eletroforética da fosfoproteína tirosina fosfatase de membrana de linfócitos (CD45), verificou-se que está enzima era inibida por morina na concentração máxima de 400mM (30%) e ativada por fisetina na mesma concentração (30%), sendo estes efeitos dependentes da concentração dos flavonóides analisados. Nos testes biológicos com a linhagem de células promielocíticas (HL60) pode-se verificar que...

Identificação, quantificação e caracterização antioxidante de flavonoides e vitamina C presentes em geleias de frutas; Identification, quantification and antioxidant characterization of flavonoids and vitamin C in fruit jellies

Raquel Grando de Oliveira
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 26/02/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37.28%
O presente estudo buscou aperfeiçoar e validar metodologias de análise de ácido ascórbico e flavonóides em geléias de frutas. A identificação e a quantificação do ácido ascórbico se deram por três formas: (1) método colorimétrico, utilizando o reagente 2,6- diclorofenol-indofenol, (2) Cromatografia Líquida de Alta Eficiência, (3) Eletroforese Capilar. O primeiro e o segundo método foram aplicados em 10 geléias naturais. Em vista dos resultados obtidos, o fabricante modificou a formulação das geléias para aumentar a quantidade de ácido ascórbico. Posteriormente, seis novas geléias foram analisadas pelo segundo e terceiro método. Os resultados foram comparados entre si e a Eletroforese Capilar foi considerada mais adequada. O ácido ascórbico presente nas geléias variou de ¿não detectado¿ a 608 mg em 100 g de amostra. A identificação e a quantificação de flavonóides se deram por Cromatografia Líquida de Alta Eficiência e também pela Eletroforese Capilar. Os flavonóides quantificados foram: (+)-catequina, (-)-epicatequina, rutina, narirutina, kaempferol, miricetina e quercetina. Os métodos mostraram boa aptidão para a análise em questão. A verificação da composição dos flavonóides nas amostras exige uma etapa extrativa complexa...

Estabilidade de carotenóides, flavonóides e vitamina C em alimentos submetidos às tecnologias emergentes de processamento; Stability of carotenoids, flavonids and vitamin C in foods subjected to emerging processing technologies

José Emilson Macêdo Ferreira
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/02/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.38%
A implementação de novas tecnologias de processamento e o desenvolvimento de novos produtos amplia a necessidade de se estudar não apenas seus atributos sensoriais e sua vida de prateleira, mas também os seus aspectos nutricionais e funcionais. Dentre estas tecnologias emergentes, o uso da microencapsulação na preservação dos carotenóides e flavonóides em alimentos durante o processamento e na estocagem do produto, focando os materiais de parede e as condições operacionais utilizadas foram objetos da revisão bibliográfica no primeiro capítulo. No segundo capítulo, as técnicas de processamento sob alta pressão e seus possíveis efeitos na isomerização e degradação dos carotenóides em frutas e hortaliças foi o foco da pesquisa bibliográfica. A microfiltração de sucos e polpas de frutas, suas limitações tecnológicas, a permeação e possíveis perdas de carotenóides, flavonóides e da vitamina C foram descritos na revisão do terceiro capítulo. No quarto capítulo, a otimização da microencapsulação por spray drying da polpa de pitanga com maltodextrina, amido modificado e goma arábica, visando a maior retenção dos carotenóides e dos flavonóides, foi realizada por metodologia de superfície de resposta. As melhores retenções dos carotenóides e dos flavonóides no processamento por spray drying ocorreram na temperatura de entrada de 150°C...

Efeito do óxido nítrico sobre a expressão de genes envolvidos na síntese de glutationa e de flavonóides

Mello, Carla Souza de
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 69 f.| grafs, tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.28%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Agrárias. Programa de Pós-Graduação em Ciência dos Alimentos.; Compostos bioativos presentes em vegetais e frutas são fatores de regulação da expressão de genes humanos. Dentre os compostos bioativos, os antioxidantes desempenham importante função na promoção da saúde, e grande parte da atividade antioxidante de frutas é proporcionada por flavonóides. Flavonóides são compostos que desempenham importante função nas relações entre vegetais e o ambiente. Estão envolvidos nos mecanismos de defesa da planta contra condições não favoráveis ao seu desenvolvimento, como em estresses abióticos. Entre os diversos antioxidantes encontrados em plantas, glutationa é fortemente relacionado à tolerância a estresses abióticos. O óxido nítrico (NO) é uma molécula diretamente envolvida no processo de adaptação ambiental de plantas, e tem sido descrita como um importante elemento sinalizador. As atividades biológicas do NO são inúmeras e complexas, estando inclusive envolvido na regulação da rota de síntese de flavonóides. Visando um melhor entendimento do mecanismo molecular de ação de NO em plantas, este trabalho teve como objetivo utilizar milho (Zea mays) como modelo para verificar a influência de doadores ou indutores de NO na expressão de actina e de cinco genes envolvidos na síntese de glutationa...

Mutagênese induzida por flavonóides presentes do decocto das cascas da aroeira (Schinus terebinthifolius, Raddi)

Barca, Francisco Napoleão Tulio Varela
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.46%
The decoction of Brazilian pepper tree barks (Schinus terebinthifolius, Raddi), is used in medicine as wound healing and antiinflamatory. Once extracts from this plant are used for acceleration of scar s process, it is important to study their mutagenic and genotoxic potential. In previous works in our laboratory, it was observed mutagenicity caused by the decoction when in high concentrations. Among the chemical compounds of this plant that could be able to induce mutation, the flavonoids were the only group that was referred to have either an oxidant or antioxidant potential. The flavonoids were isolated, purified and quantified by adsorptive column chromatography under silica gel, bacterial and in vitro genotoxic tests were realized to determine if the flavonoids were the responsible agents for this mutagenicity found. The tests realized with plasmidial DNA were indicative that the flavonoids are probably genotoxic, due to the presence of correlation between increase of the flavonoid concentration and in plasmidial DNA double strand breakage visualized in agarose gel, as well as they were capable to generated abasic sites shown by the in vitro treatment with exonuclease III. The same tests with plasmidial DNA in the presence of copper [10 µM] and of a Tris-HCl pH 7.5 [10 µM] buffer were realized with the isolated flavonoids to determine if there would be or not participation of reactive oxygen species (ROS). The transformation of plasmidial DNA in different bacterial strains proficient and deficient in DNA repair enzymes in the presence or not of a Tris-HCl buffer...

Efecto de los flavonoides sobre la función endotelial en ratas con hipertensión arterial

Paredes Carreras, María Dolores
Fonte: Universidade de Múrcia Publicador: Universidade de Múrcia
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
37.35%
Introducción De acuerdo con las estadísticas de la Organización Mundial de la Salud (OMS), las enfermedades cardiovasculares constituyen la principal causa de muerte en los países desarrollados, siendo la hipertensión arterial (HTA) su principal factor de riesgo confirmando, por tanto, que sigue siendo un problema mundial de salud pública. Durante las últimas décadas, se han logrado avances significativos en el tratamiento de la hipertensión mediante el uso de inhibidores del sistema renina-angiotensina (SRAA), ya sea con inhibidores de la enzima convertidora de angiotensina (IECAs), antagonistas de los receptores de angiotensina II de tipo 1 (ARA II), diuréticos, betabloqueantes o bloqueantes de los canales de calcio. Un número creciente de estudios epidemiológicos observacionales han examinado la asociación entre la ingesta de alimentos ricos en polifenoles y flavonoides, con el desarrollo y evolución de ciertas enfermedades crónicas. En general, la evidencia epidemiológica muestra que una mayor ingesta de flavonoides se asocia con un menor riesgo de padecer enfermedades cardiovasculares. El creciente interés en la búsqueda de soluciones farmacológicas eficaces y carentes de efectos secundarios significativos...

Efeito de flavonoides na fosfoproteina tirosina fosfatase : mecanismos cineticos e relações estrutura-atividade

Marcio Andre Miranda
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/08/2000 PT
Relevância na Pesquisa
37.38%
Enzimas importantes em muitos sistemas celulares são inibidas ou ativadas por flavonóides. No entanto, não existe nenhum dado literário referente ao efeito dos flavonóides sobre as fosfoproteínas tiro sina fosfatase (PTP). Este trabalho propõe o estudo dos flavonóides sobre a atividade da fosfoproteína tirosina fosfatase de baixa massa molecular relativa (LMrPTP) de rim bovino relacionando a sua estrutura com o seu efeito sobre a atividade enzimática. A atividade enzimática foi determinada em pR 5,0 utilizando pnitrofenilfosfato (p-NPP), flavina mononuc1eotídio (FMN) e tirosina fosfato (Tyr-P) como substratos, a 37°C, por 20 minutos. Quercetina mostrou ser um ativador da enzima na concentração de 400 JlM, da ordem de 260,20 e 10% para p-NPP, FMN e Tyr-P respectivamente. Já a murina mostrou ser um excelente inibidor competitivo da atividade enzimática, com constantes de inibição da ordem de 58, 56,5 e 55 JlM/ L para p-NPP, FMN e Tyr-P respectivamente. Diferentemente do efeito ativador da quercetina, o efeito inibidor da murina foi dependente do pR. Estudos de estabilidade térmica na ausência e presença de agentes protetores ou redutores indicam que os flavonóides interagem com o sítio ativo mas não afetam as cisteínas. A interação entre a enzima e os flavonóides envolve fortemente um componente eletrostático...

Evaluación de la actividad bactericida de fracciones enriquecidas en flavonoides a partir de: psidium guajava l. (guayaba), calendula officinalis l. (caléndula), l. (romero) y matricaria chamomilla l. (manzanilla) sobre: erwinia carotovora (dye).

Ruiz Hurtado, Freddy Mauricio; Betancourt Calderón, Germán Camilo
Fonte: Ibagué : Universidad del Tolima, 2014.; 170 COL CO Publicador: Ibagué : Universidad del Tolima, 2014.; 170 COL CO
Tipo: Trabajo de grado - Pregrado; Text; info:eu-repo/semantics/bachelorThesis; info:eu-repo/semantics/updatedVersion Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
37.35%
88 Páginas; Las plantas alimenticias son infectadas por bacterias originando graves problemas fitosanitarios que generan pérdidas económicas a los agricultores. Estos microorganismos desarrollan resistencia hacia los antibióticos debido a su uso inadecuado. Una alternativa en el control de bacterias fitopatógenas es el empleo de extractos botánicos, con lo cual se busca reducir el impacto económico y ambiental en el sector agrícola. Empleando diversos órganos de Psidium guajava L. (guayaba), Calendula officinalis L. (caléndula), Rosmarinus officinalis L. (romero) y Matricaria chamomilla L. (manzanilla) se elaboraron extractos etanólicos, de los cuales se obtuvieron cuatro (4) fracciones mediante una serie eluotrópica de solventes (éter de petróleo, acetato de etilo, n-butanol y agua). Los extractos y sus fracciones fueron caracterizados fitoquímicamente con cromatografías en capa delgada para detectar flavonoides (fracción etérea descartada) y su actividad in vitro se evaluó frente a la cepa E. carotovora mediante el método de inhibición zonal (método de difusión en agar), utilizando concentraciones de 5.000, 7.000 y 10.000 (μg/mL), con mediciones de halos de inhibición a las 24 y 48 horas. Los resultados obtenidos mediante estas pruebas determinaron un control positivo de las plantas P. guajava con su extracto etanólico y sus 3 fracciones y C. officinalis en su fracción acetato de etilo. Los resultados obtenidos a partir del estudio de actividad biológica in vitro sugieren que las fracciones n-butanol y acuosa en la especia P. guajava y la fracción acetato de etilo en la especia C. officinalis son promisorias para futuros ensayos de actividad bactericida y otros estudios químicos.; ABSTRACT Food plants are infected by causing serious phytosanitary problems caused economic losses to farmers bacteria. These microorganisms develop resistance to antibiotics due to improper use. An alternative in the control of plant pathogenic bacteria is the use of botanical extracts...

El Color como indicador del contenido de flavonoides en miel

Ciappini,María C; Gatti,María B; Di Vito,María V
Fonte: Revista de Ciencia y Tecnología Publicador: Revista de Ciencia y Tecnología
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 ES
Relevância na Pesquisa
37.35%
Los pigmentos naturales presentes en la miel son fundamentalmente carotenos y flavonoides; éstos además de aportar color a la miel, le otorgan capacidad antioxidante. El objetivo de este trabajo fue establecer una relación entre el contenido de flavonoides totales y el color de la miel y estudiar la viabilidad de éste parámetro, como indicador de la capacidad antioxidante. Se analizaron 81 muestras, en las que se determinó espectrofotométricamente el contenido de compuestos flavonoides y se midió el color, utilizando un colorímetro digital HANNA. El contenido de flavonoides estuvo comprendido entre 1,42 y 17,75 mg QE/100 g de miel. El rango de colores estuvo completamente representado. La correspondencia entre los valores de color y contenido de flavonoides en las mieles estudiadas (r2=0,93), indicó que los compuestos flavonoides contribuyeron con su presencia, a constituir este atributo de apariencia, cuya determinación resultaría útil como indicador del contenido de flavonoides en la miel.