Página 1 dos resultados de 125 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Criação, implementação e avaliação de um recurso didático multimídia como suporte para o ensino presencial de fisioterapia respiratória; Development and evaluation of a multimedia on-line tool for teaching respiratory therapy

Berto, Cibele Cristine de Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/09/2006 PT
Relevância na Pesquisa
36.42%
As novas tecnologias da informação têm sido amplamente utilizadas no ensino em saúde. No entanto, não há relatos do uso desses recursos no ensino em fisioterapia respiratória. Os objetivos foram: criar um material didático para o ensino de manobras de higiene brônquica (MHB), manobras de reexpansão pulmonar (MRP) e oxigenioterapia (OT), disponibilizá-lo na Web e avaliar o aprendizado dos alunos que o utilizaram. O material elaborado foi dividido em três partes: 1) princípios fisiológicos, 2) fisiopatologia e 3) MHB, MRP ou OT. Cada parte foi composta de conteúdo teórico e/ou recursos audiovisuais desenvolvidos especificamente para o ensino dos temas MHB, MRP e OT. O material foi desenvolvido e implementado didaticamente em páginas eletrônicas utilizando-se vídeos, fotos e uma apostila resumindo as evidências da literatura sobre os temas selecionados. Para testar o material foram convidados 50 alunos de duas instituições de ensino superior de fisioterapia (IES-A e IES-B), dos quais 38 aceitaram participar (22 da IES-A; 16 da IES-B). Os alunos realizaram um teste e depois foram, aleatoriamente, divididos em dois grupos (controle, CL e on-line, OL). O grupo OL teve 15 dias de acesso ao material e os dois grupos repetiram o teste 15 dias após o término do período de acesso. O teste foi composto por questões elaboradas por fisioterapeutas chefes de grandes hospitais de São Paulo que não tiveram acesso ao material. Os alunos da IES-A obtiveram melhor nota no 1o teste em relação aos alunos da IES-B. O grupo OL da IES-B obteve maior nota no 2o teste...

Fatores de predição de mortalidade em pacientes com insuficiência respiratória crônica em uso de oxigenoterapia domiciliar prolongada

Daniela Fernandes Lima
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 85 f.
POR
Relevância na Pesquisa
36.42%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Pós-graduação em Fisiopatologia em Clínica Médica - FMB; Introdução: A fase avançada de pneumopatias, cardiopatias e doenças sistêmicas está associada com o desenvolvimento de insuficiência respiratória crônica (IRespC). O tratamento desta complicação inclui o uso de oxigenoterapia domiciliar prolongada. Na literatura nacional poucos estudos avaliaram a sobrevida em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) ou com IRespC recebendo oxigenoterapia domiciliar prolongada (ODP). Objetivo: O objetivo deste estudo foi avaliar os fatores de predição de mortalidade em pacientes com IRespC tratados com ODP no período de um, dois e três anos. Pacientes e Métodos: Foram avaliados e acompanhados pelo período mínimo de três anos ou até o óbito, 142 pacientes cadastrados no ambulatório de oxigenoterapia da Faculdade de Medicina de Botucatu (FMB) até julho de 2005. Na avaliação inicial, foram coletados dados de identificação pessoal, história de tabagismo, o uso de medicação, composição corporal, força de preensão manual, função pulmonar, gases sanguíneos e hemograma. Também foram aplicados a escala de dispnéia de Borg...

Avaliação da qualidade de vida, força muscular respiratória e distância percorrida no teste de caminhada de seis minutos em pacientes com hipertensão arterial pulmonar sob tratamento farmacológico específico

Serrão Júnior, Nelson Francisco
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 56 f.
POR
Relevância na Pesquisa
36.42%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Fisiopatologia em Clínica Médica - FMB; A Hipertensão Pulmonar (HP) é definida clinicamente como aumento na pressão vascular pulmonar causada por condições associadas com aumento na pressão arterial pulmonar e/ou venosa. Hemodinamicamente, é definida como aumento na pressão arterial pulmonar média (PAPm) ≥ 25mmHg no repouso, resistência vascular pulmonar (RVP) superior a 4 Unidades Wood, ou quando o gradiente transpulmonar é superior a 10-12 mmHg. Muitos pacientes e clínicos atribuem a dispnéia e fadiga ao descondicionamento físico e à fraqueza muscular global e dos músculos respiratórios, podendo levar o paciente a piora da qualidade de vida. Objetivos: Avaliar a qualidade de vida, a força muscular respiratória (FMR) e a distância percorrida no teste de caminhada de seis minutos (DTC6) em pacientes com hipertensão arterial pulmonar sob tratamento farmacológico específico. Metodologia: Estudo descritivo, prospectivo, série de casos de hipertensão pulmonar em maiores de 18 anos, avaliados no Ambulatório de Hipertensão Pulmonar no período entre fevereiro de 2007 a fevereiro de 2011. Após a consulta médica, foi aplicado o questionário SF-36 para avaliação da qualidade de vida. A seguir...

Comparação entre os efeitos da posição prona e do óxido nítrico inalatório sobre oxigenação, mecânica respiratória, lesão histopatológica e inflamação na lesão pulmonar aguda induzida experimentalmente

Satrapa, Debora Avellaneda Penatti
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 47 f.
POR
Relevância na Pesquisa
36.58%
Pós-graduação em Fisiopatologia em Clínica Médica - FMB; Background/Objectives: The Acute Respiratory Distress Syndrome (ARDS) is associated with high mortality rate despite better understanding of its pathophysiology and treatment advances. There are several adjuvant therapies that can be associated to mechanical ventilation (MV), among which stands out the prone position, which allows homogeneous tidal volume (VT) distribution and promotes alveolar recruitment; and inhaled nitric oxide (iNO) which promotes selective pulmonary vasodilation directing blood flow from areas poorly ventilated to well-ventilated areas and decreased perfusion, optimizing the ventilation/perfusion ratio and improving oxygenation with reduced pulmonary vascular resistance. Improved ventilation/perfusion ratio, allows the use of lesser aggressive mechanical ventilation (MV) treatment, which reduces the risk of lung injury induced by MV and morbidity. Objective: To compare the effects of prone position with iNO on oxygenation, respiratory mechanics, inflammatory and histological injury in an experimental model of acute lung injury (ALI). Methods: Fifty rabbits were instrumented with tracheotomy and vascular access and mechanically ventilated. ALI was induced by tracheal infusion of warm saline (30mL/kg...

Mitochondrial plasticity in pathophysiological conditions; Plasticidade mitocôndrial em condições patofisiológicas

Padrão, Ana Isabel Martins Novais
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
ENG
Relevância na Pesquisa
26.47%
Both skeletal and cardiac muscles daily burn tremendous amounts of ATP to meet the energy requirements for contraction. So, it is not surprising that the maintenance of mitochondrial morphology, number, distribution and functionality in striated muscle are important for muscle homeostasis. In these tissues mitochondria present the added dimension of two populations, the intermyofibrillar (IMF) and the subsarcolemmal (SS) mitochondria, being IMF the most abundant one. In the present thesis, the molecular mechanisms harboured in mitochondria of striated muscles were studied using animal models, to better comprehend the role of mitochondrial plasticity in several pathophysiological conditions such as aging, diabetes mellitus and bladder cancer. The comparative analysis of IMF and SS populations isolated from heart evidenced a higher respiratory chain activity of mitochondria interspersed in the contractile apparatus. The higher susceptible of SS respiratory chain complexes subunits to carbonylation, but not to nitration, seems to justify the lower respiratory chain activity observed in this mitochondrial population. Our results showed that in heart from aged mice there is an accumulation of dysfunctional mitochondria. The age-related decrease of oxidative phosphorylation activity seems to be justified...

Fisiopatologia respiratória: o ano em revista científica - Hot topics

Dias, Hermínia Brites
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /03/2014 POR
Relevância na Pesquisa
46.47%

Fisiopatologia Respiratória - da Biopatologia à Exploração Funcional. Papel da Gasometria Arterial no Exame Funcional Respiratório

Cardoso, J
Fonte: Sociedade Portuguesa de Pneumologia Publicador: Sociedade Portuguesa de Pneumologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //1997 POR
Relevância na Pesquisa
36.26%

Fisiopatologia Respiratória - da Biopatologia à Exploração Funcional. Papel da Gasometria Arterial no Exame Funcional Respiratório

Cardoso, J
Fonte: Sociedade Portuguesa de Pneumologia Publicador: Sociedade Portuguesa de Pneumologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //1997 POR
Relevância na Pesquisa
36.26%

Síndroma de dificuldade respiratória aguda: incidência e estratégias terapêuticas

Carvalho, Carina Sofia Maroco
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.63%
Dissertação de mest., Ciências Farmacêuticas, Faculdade de Ciências e Tecnologia, Univ. do Algarve, 2012; A dificuldade respiratória, patologicamente, pode desenvolver-se em dois estadios, a Lesão Pulmonar Aguda (LPA) e o Síndroma de Dificuldade Respiratória Aguda (SDRA). A progressão fisiopatológica verificada em ambos os casos apresenta uma similitude significativa, a diferença consiste na gravidade dos efeitos ao nível da compliance pulmonar, na SDRA a capacidade pulmonar está mais reduzida do que na LPA, sendo antecipado um pior prognóstico [1]. Apesar de serem efetivamente patologias distintas, é constante direcionar-se a investigação científica para a análise conjunta das mesmas, originando uma oferta farmacológica comum. A presente monografia tem o preceito de clarificar a fisiopatologia inerente à LPA/SDRA, através da identificação dos processos e mediadores envolvidos. A perceção da natureza da patologia é indispensável ao delineamento de estratégias terapêuticas, assim, a abordagem sobre as atuais opções de tratamento exige uma prévia menção às características da doença. A evolução das sociedades avança no sentido da otimização da qualidade de vida das populações, para tal, promover a saúde...

Função pulmonar e força muscular respiratória em pacientes com doença renal crônica submetidos à hemodiálise

Kovelis,Demetria; Pitta,Fábio; Probst,Vanessa Suziane; Peres,Celeide Pinto Aguiar; Delfino,Vinicius Daher Alvares; Mocelin,Altair Jacob; Brunetto,Antônio Fernando
Fonte: Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia Publicador: Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2008 PT
Relevância na Pesquisa
36.36%
OBJETIVO: Avaliar a função pulmonar e a força muscular respiratória de pacientes com doença renal crônica e correlacioná-las com a variação de peso ligada à realização de hemodiálise; estudar a correlação entre o tempo de hemodiálise e possíveis alterações respiratórias. MÉTODOS: Foram avaliados 17 pacientes (mediana de idade, 47 anos; intervalo interquartílico, 41-52 anos) submetidos a três sessões semanais de hemodiálise (mediana de tempo, 27 meses; intervalo interquartílico, 14-55). Doze eram do sexo masculino. Realizaram espirometria e mensuração das pressões máximas inspiratória (PImáx) e expiratória (PEmáx) antes e após a primeira sessão semanal de hemodiálise. O peso corporal foi quantificado antes e após as três sessões semanais. RESULTADOS: Oito pacientes apresentaram distúrbio restritivo leve antes da primeira sessão de hemodiálise. Desses, 2 normalizaram após a sessão. Houve aumento da capacidade vital forçada (p = 0,02) e diminuição de peso (p = 0,0001) ao final da primeira sessão semanal. A variação de peso durante três dias sem hemodiálise tendeu a se correlacionar com a variação da capacidade vital forçada na primeira sessão (r = 0,47; p = 0,055). O tempo de hemodiálise correlacionou-se com os valores da porcentagem do predito da PImáx (r = -0...

Desenvolvimento de um recurso didático multimídia para o ensino de higiene brônquica

Silva,Cibele Cristine Berto Marques da; Carvalho,Sonia Lucia Pacheco de Toledo; Carvalho,Celso Ricardo Fernandes de
Fonte: Universidade de São Paulo Publicador: Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2009 PT
Relevância na Pesquisa
26.57%
As novas tecnologias da informação têm sido amplamente utilizadas no ensino em saúde. No entanto, não há descrição na literatura do desenvolvimento de recurso multimídia para o ensino de fisioterapia respiratória. O objetivo deste trabalho foi desenvolver material didático multimídia para o ensino de manobras de higiene brônquica (MHB) disponibilizado na internet. O material elaborado foi dividido em três módulos: Princípios fisiológicos, Fisiopatologia e MHB. O material foi disponibilizado em diversos formatos (páginas on-line, apostila e recursos audiovisuais) e inserido no sítio da internet Ambiente Colaborativo de Aprendizagem. A página on-line de introdução contém links para acesso aleatório aos módulos e um link para acesso à apostila. No módulo Princípios fisiológicos há links para informações sobre o aparelho mucociliar, produção do muco e fatores prejudiciais à defesa pulmonar. No módulo Fisiopatologia há links para informações sobre as principais doenças ou condições causadoras de hipersecreção pulmonar. No módulo MHB há links para informações sobre as manobras e para vídeos. Este recurso didático multimídia para o ensino de MHB, disponibilizado na internet, pode facilitar o aprendizado em fisioterapia respiratória. Entretanto...

Contributo dos músculos respiratórios para a fisiopatologia da hipercápnia na doença pulmonar crónica estabilizada: parte 1 = The role of the respiratory muscles in the pathophisiology of chronic hypercapnia in clinically stable chronic obstructive pulmonary diseases: part 1

Bárbara, Cristina; Carmo, Miguel Mota; Gonçalves, Isabel; Rendas, António Bensabat; Ávila, Ramiro; Correia, Iolanda; Santos, Rosa; Canteiro, Maria Camila
Fonte: Sociedade Portuguesa de Pneumologia Publicador: Sociedade Portuguesa de Pneumologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2001 POR
Relevância na Pesquisa
37.06%
Rev Port Pneumol. VII(2): 191-208, 2001; Este trabalho resultou de um projecto de parceria entre o Departamento de Pneumologia do Hospital de Pulido Valente e o Departamento de Fisiopatologia da Faculdade de Ciências Médicas de Lisboa e constituíu a dissertação de doutoramento do seu primeiro autor. Debruça-se sobre a importância dos músculos respiratórios no ecodir da hipercápnia crónica na fase avançada da história natural da doença pulmonar obstrutiva crónica. (...)]. Os doentes com doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC) podem desenvolver hipercápnia crónica em dado momento da sua história natural, correspondendo o aparecimento desta condição a uma fase de maior gravidade clínica. Os mecanismos fisiopatológicos que levam à hipercápnia crónica são ainda hoje incompletamente compreendidos. Apesar da retenção de CO2 estar na dependência da gravidade da obstrução das vias aéreas, existe uma variabilidade considerável na relação entre os valores de PaCO2 e o volume expiratório forçado em um segundo (FEV1). Existem outros factores, como alterações de ventilação-perfusão, perturbações do comando ventilatório, fraqueza dos músculos respiratórios, o próprio padrão respiratório e a hiperinsuflação pulmonar...

Optimización de la mecánica respiratoria en el tratamiento de soporte ventilatorio de pacientes con insuficiencia respiratoria aguda grave

Morán Chorro, Indalecio
Fonte: Bellaterra : Universitat Autònoma de Barcelona, Publicador: Bellaterra : Universitat Autònoma de Barcelona,
Tipo: Tesis i dissertacions electròniques; info:eu-repo/semantics/doctoralThesis Formato: application/pdf
Publicado em //2013 SPA; SPA
Relevância na Pesquisa
36.54%
Esta tesis se articula como compendio de publicaciones. En ella se incluyen tres estudios originales y una revisión que se enmarcan en una misma línea de investigación clínica enfocada a analizar la implementación de diferentes estrategias durante la ventilación mecánica invasiva de pacientes con insuficiencia respiratoria aguda grave. Las maniobras estudiadas se han dirigido a la optimización individual de los parámetros ventilatorios, a la mejora del intercambio de gases y a la minimización los efectos de la carga mecánica asociados a la humidificación de los gases inspirados en el transcurso de la ventilación mecánica. En concreto, nos hemos centrado principalmente en tres aspectos. En primer lugar hemos estudiado los efectos fisiológicos agudos de las maniobras de reclutamiento alveolar (RM) a altas presiones de vía aérea en pacientes con lesión pulmonar aguda (LPA) y síndrome de distrés respiratorio agudo (SDRA). En segundo lugar, hemos evaluado los efectos en la mecánica respiratoria y el intercambio de gases del empleo de diferentes dispositivos de humidificación en la LPA y el SDRA. En tercer lugar hemos comparado los efectos de estos diferentes tipos de humidificación sobre la resistencia al flujo aéreo del tubo endotraqueal y el consecuente aumento del trabajo respiratorio durante la retirada de la ventilación mecánica. Los principales resultados obtenidos muestran que: - El uso de RM realizadas a altas presiones puede mejorar la oxigenación de los pacientes en fase precoz de la LPA y el SDRA. Sin embargo...

Insuficiência respiratória aguda na criança; Respiratory failure in children

Matsuno, Alessandra Kimie
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 30/06/2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.36%
Este texto apresenta uma revisão da definição, da fisiopatologia e do manejo das emergências respiratórias e da insuficiência respiratória aguda na criança, enfatizando os dispositivos mais adequados deliberação de oxigênio. As crianças são mais suscetíveis aos problemas respiratórios graves, sendoestes, causas importantes de procura pela sala de emergência em pediatria. O reconhecimento precoce e o início rápido de tratamento são pontos fundamentais para o melhor desfecho desses pacientes.; This paper presents a review of the definition, pathophysiology and management of respiratory distressand failure in children, and emphasizes the most appropriate devices for oxygen delivery. Children aremore susceptible to severe respiratory problems, which are leading causes of pediatric emergencyroom demand. Prompt recognition and effective management of respiratory problems are essential toimprove outcome of these patients.

SÍNDROME DA ANGÚSTIA RESPIRATÓRIA AGUDA (SARA); ACUTE RESPIRATORY DISTRESS SYNDROME (ARDS)

Antoniazzi, Paulo; Pereira Júnior, Gerson Alves; Marson, Flávio; Abeid, Mario; Baldisserotto, Sérgio; Basile-Filho, Anibal
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 30/12/1998 POR
Relevância na Pesquisa
36.36%
A síndrome da angústia respiratória aguda (SARA) é descrita como um quadro de lesão pulmonar aguda, associada a um edema pulmonar, agudo, não hidrostático e hipoxemia severa, acompanhado de altas taxas de mortalidade, entre 10 e 90% (média = 50%), dependendo do fator etiológico. Apesar de a SARA ter sido descrita há mais de trinta (30) anos, várias dúvidas ainda persistem quanto à sua definição, fisiopatologia e tratamento, em decorrência da complexidade e diversidade dos fatores envolvidos. O objetivo desse artigo de revisão é descrever a SARA nos seus aspectos clínicos, radiológicos e fisiopatológicos, abordando os fatores de risco, estratégias terapêuticas e as técnicas de assistência ventilatória, empregadas no seu tratamento.; The acute respiratory distress syndrome (ARDS) is described as an acute lung injury, with pulmonary edema and severe hypoxemia, associated with high mortality rates (10-90%,mean=50%), depending upon its etiology. Although ARDS had been described for 30 years, its several aspects such as definition, physiopathology and adequate treatment still remain unclear. The purpose of this paper is to describe an updated review of the clinical, radiologic and physiopathological aspects of ARDS...

Avaliação do efeito da cirurgia abdominal na força muscular respiratória em adultos

Rolim, Denise de Souza; Lunardi, Adriana C.; Carvalho, Celso Ricardo Fernandes
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 07/12/2002 POR
Relevância na Pesquisa
36.36%
Muitos estudos comprovam que os pacientes submetidos à anestesia geral e que sofrem incisões cirúrgicas, principalmente no tórax e abdômen superior, passam a ter alterações temporárias importantes na função respiratória, provavelmente, por um decréscimo na capacidade residual funcional pulmonar aliado a uma diminuição do volume corrente, o que pode levar a complicações respiratórias, em especial no período pós-operatório,

Desenvolvimento de um recurso didático multimídia para o ensino de higiene brônquica; Development of a multimedia tool for teaching bronchial hygiene

Silva, Cibele Cristine Berto Marques da; Carvalho, Sonia Lucia Pacheco de Toledo; Carvalho, Celso Ricardo Fernandes de
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2009 POR
Relevância na Pesquisa
26.57%
As novas tecnologias da informação têm sido amplamente utilizadas no ensino em saúde. No entanto, não há descrição na literatura do desenvolvimento de recurso multimídia para o ensino de fisioterapia respiratória. O objetivo deste trabalho foi desenvolver material didático multimídia para o ensino de manobras de higiene brônquica (MHB) disponibilizado na internet. O material elaborado foi dividido em três módulos: Princípios fisiológicos, Fisiopatologia e MHB. O material foi disponibilizado em diversos formatos (páginas on-line, apostila e recursos audiovisuais) e inserido no sítio da internet Ambiente Colaborativo de Aprendizagem. A página on-line de introdução contém links para acesso aleatório aos módulos e um link para acesso à apostila. No módulo Princípios fisiológicos há links para informações sobre o aparelho mucociliar, produção do muco e fatores prejudiciais à defesa pulmonar. No módulo Fisiopatologia há links para informações sobre as principais doenças ou condições causadoras de hipersecreção pulmonar. No módulo MHB há links para informações sobre as manobras e para vídeos. Este recurso didático multimídia para o ensino de MHB, disponibilizado na internet, pode facilitar o aprendizado em fisioterapia respiratória. Entretanto...

25 Anos de diagnóstico em fisiopatologia respiratória

Dias, Hermínia Brites
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /03/2012 POR
Relevância na Pesquisa
46.47%

Tórax inestable: Fisiopatología, tratamiento

Llera Domínguez,Gerardo; Rabell Hernández,Sergio; Valls Martín,Arnaldo; Menéndez Guerrero,Aurelio
Fonte: Revista Cubana de Cirugía Publicador: Revista Cubana de Cirugía
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/1996 ES
Relevância na Pesquisa
36.58%
Se reporta que el traumatismo de tórax tiene una alta mortalidad y el tórax inestable que es una modalidad, mostró en Cuba, en una serie de 1985 a 1988, el 25 %. Se indica que el tratamiento del tórax batiente ha ido cambiando de acuerdo con la fisiopatología que ha sido aceptada en cada momento. Se refiere que cuando se pensó que el problema principal era la inestabilidad torácica, los métodos usados fueron para inmovilizar. Posteriormente se utilizó la estabilización neumática interna, pero a largo plazo producía mortalidad por infección respiratoria y estenosis traqueales. Se destaca que con el concepto actual de que lo principal es la contusión pulmonar subyacente se seleccionan los pacientes y se ventilan sólo los que tienen función respiratoria comprometida, y los otros se tratan con fisioterapia y bloqueos o anestesia peridural para combatir el dolor. Se concluye en que a los pacientes que se ventilan es importante desacoplarlos tempranamente del respirador mecánico, para lo que son útiles los fijadores externos como el de Valls. En los pacientes que tienen que ser sometidos a una toracotomía se puede aprovechar para hacer una osteosíntesis

Tórax inestable: Fisiopatología, tratamiento

Llera Domínguez,Gerardo; Rabell Hernández,Sergio; Valls Martín,Arnaldo; Menéndez Guerrero,Aurelio
Fonte: Revista Cubana de Cirugía Publicador: Revista Cubana de Cirugía
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/1996 ES
Relevância na Pesquisa
36.58%
Se reporta que el traumatismo de tórax tiene una alta mortalidad y el tórax inestable que es una modalidad, mostró en Cuba, en una serie de 1985 a 1988, el 25 %. Se indica que el tratamiento del tórax batiente ha ido cambiando de acuerdo con la fisiopatología que ha sido aceptada en cada momento. Se refiere que cuando se pensó que el problema principal era la inestabilidad torácica, los métodos usados fueron para inmovilizar. Posteriormente se utilizó la estabilización neumática interna, pero a largo plazo producía mortalidad por infección respiratoria y estenosis traqueales. Se destaca que con el concepto actual de que lo principal es la contusión pulmonar subyacente se seleccionan los pacientes y se ventilan sólo los que tienen función respiratoria comprometida, y los otros se tratan con fisioterapia y bloqueos o anestesia peridural para combatir el dolor. Se concluye en que a los pacientes que se ventilan es importante desacoplarlos tempranamente del respirador mecánico, para lo que son útiles los fijadores externos como el de Valls. En los pacientes que tienen que ser sometidos a una toracotomía se puede aprovechar para hacer una osteosíntesis