Página 1 dos resultados de 614 itens digitais encontrados em 0.060 segundos

Mapping injuries in traffic accident victims: a literature review; Identificación de lesiones en víctimas de accidentes de tránsito: revisión sistemática de la literatura; Mapeamento das lesões em vítimas de acidentes de trânsito: revisão sistemática da literatura

CALIL, Ana Maria; SALLUM, Elias Aissar; DOMINGUES, Cristiane de Alencar; NOGUEIRA, Lilia de Souza
Fonte: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo Publicador: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
76.21%
The objective of this study was to identify the body regions most affected in traffic accident victims and to map the trauma and severity of the lesions. A systematic literature review using key words related to traffic accidents, transportation accidents, wounds and injuries found a total of 248 articles. The electronic bases LILACS, MEDLINE, and PAHO were surveyed between the years 1990 and December 2006. This review emphasized a series of conclusive studies about the most frequent body regions involved and the major injuries occurring in these situations. It also indicated information gaps in the Brazilian literature. We believe that these findings are valuable for pre-hospital and intra-hospital teams and point the way to new investigations.; El objetivo del estudio fue identificar las regiones corpóreas más afectadas en víctimas de accidentes de transporte e identificar la gravedad de las lesiones y del trauma. Fue realizada una revisión sistemática de la literatura, utilizándose descriptores relacionados a los accidentes de tránsito, accidentes de transporte, heridas y lesiones, totalizando 248 artículos. Las bases electrónicas investigadas fueron LILACS, MEDLINE y PAHO, entre 1990 y diciembre de 2006. Esta revisión destacó una serie de estudios conclusivos sobre las regiones corpóreas más frecuentes y aquellas de mayor gravedad afectadas en esos eventos y apuntó lagunas de conocimiento en la literatura nacional. Pensamos que lo encontrado puede ser de gran importancia para los equipos en los escenarios de prehospitalario e intrahospitalario y apuntan caminos en dirección de nuevas investigaciones.; O objetivo do estudo foi identificar as regiões corpóreas mais atingidas em vítimas de acidentes de transporte e mapear a gravidade das lesões e do trauma. Foi realizada revisão sistemática da literatura...

Evolução e complicações de ferimentos cardíacos: estudo de coorte prospectivo na cidade de Manaus; Evolution and complications of cardiac wounds: cohort prospective study in the city of Manaus

Costa, Cleinaldo de Almeida
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 08/05/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.37%
Objetivos: Avaliar a evolução e as complicações dos doentes que sobreviveram a ferimentos cardíacos, atendidos no Pronto-Socorro Municipal 28 de Agosto e Hospital Pronto-Socorro Dr. João Lúcio Pereira Machado, em Manaus, no período de janeiro de 1998 a junho de 2006. Métodos: Foi realizada uma busca de prontuários dos doentes atendidos nos dois prontossocorros, nos quais durante a toracotomia exploradora evidenciou-se o ferimento cardíaco. Os sobreviventes que retornaram ao ambulatório foram avaliados prospectivamente por meio de eletrocardiograma e ecocardiograma, para averiguar a morfologia e a funcionalidade do coração. Foi preenchido um protocolo com registro dos dados dos doentes, tais como: idade, sexo, mecanismo de trauma, complicações intra e pós-operatórias, dentre outras variáveis. Resultados: A população de referência totalizou 100 doentes, dos quais 95% eram homens, 69% entre 20 e 30 anos; 81% das lesões foram por arma branca, sendo que em 78% delas, a entrada se encontrava no precórdio; 41% das lesões acometeram o ventrículo direito (VD) e 38% acometeram o ventrículo esquerdo (VE); em 48% dos casos foi realizada toracotomia ântero-lateral esquerda. A sobrevivência foi de 72%. A população de estudo foi composta por 25 doentes que retornaram ao ambulatório e foram avaliados prospectivamente por meio de eletrocardiograma e ecocardiograma. Das 33 alterações no ecocardiograma (ECO)...

Análise crítica do tratamento de pacientes com ferimentos descolantes nos membros inferiores; Critical analysis of the treatment of patients with lower extremity degloving injuries

Milcheski, Dimas Andre
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/09/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.29%
INTRODUÇÃO: Os ferimentos descolantes nos membros inferiores frequentemente se apresentam como lesões graves. Há dificuldade na decisão sobre o tratamento mais adequado, o reposicionamento e sutura do retalho ou o emagrecimento e enxertia da pele avulsionada. Este estudo avaliou os pacientes com ferimentos descolantes nos membros inferiores, analisando o perfil epidemiológico e a evolução dos pacientes de acordo com o tratamento realizado. Após a análise dos dados e a revisão da literatura, propõe-se um protocolo para padronização do atendimento. MÉTODOS: Foram avaliados retrospectivamente 42 pacientes vitimas de ferimentos descolantes em membros inferiores atendidos no HC-FMUSP entre julho de 2003 e junho de 2007. Os pacientes foram divididos de acordo com o tratamento em 2 grupos: grupo 1 (n = 21; reposicionamento do retalho) e grupo 2 (n = 21; ressecção do retalho e enxertia imediata). Os pacientes do grupo 1 foram atendidos inicialmente em outros serviços e referenciados ao HC-FMUSP com mais de 24 horas após o trauma (16 pacientes) ou foram atendidos pela cirurgia do trauma do HC-FMUSP (5 pacientes) sem a participação da cirurgia plástica nas primeiras 24 horas. Os pacientes do grupo 1 foram tratados com limpeza...

Estudo multicêntrico internacional sobre a associação entre o uso de álcool e a ocorrência de lesões em pacientes atendidos em unidades de emergência; Comparative cross-national emergency room analysis of alcohol and injuries

Andreuccetti, Gabriel
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/04/2014 PT
Relevância na Pesquisa
66.14%
INTRODUÇÃO: Estudos prévios já foram capazes de prover evidências científicas suficientes de que o álcool é um fator causal na ocorrência de lesões traumáticas. No entanto, informações sobre o risco de lesão de acordo com o tipo de bebida alcoólica consumida e o contexto do uso de álcool ainda são escassas na literatura. No presente estudo, uma comparação internacional sobre a associação entre o uso de álcool e a ocorrência de lesões foi realizada, com o objetivo principal de expandir o entendimento de como variáveis contextuais relacionadas ao uso de álcool e ao evento que ocasionou a lesão podem influenciar a ocorrência de lesões associadas ao consumo dessa substância. MÉTODOS: Os dados são provenientes de pacientes que foram atendidos com lesões em unidades de emergência de oito países da região da América Latina e do Caribe (ALC). Foram obtidas informações dos pacientes que relataram o uso de álcool até seis horas antes da lesão a respeito do tipo de bebida alcoólica e o volume total de álcool consumido (antes da lesão e durante uma ocasião típica no último ano), além do local do evento que ocasionou a lesão. Os pacientes que relataram não ter bebido antes da lesão também foram questionados quanto ao consumo típico de álcool no último ano e sobre o local do evento que resultou na lesão. As diferenças intra- e entre-grupos foram analisadas segundo o consumo de álcool relatado antes da lesão e durante uma ocasião típica de consumo. RESULTADOS: A cerveja foi o tipo de bebida alcoólica mais comumente relatada pelos pacientes com lesões relacionadas ao uso de álcool entre os países avaliados. Entretanto...

Acidentes de trânsito com adultos e suas consequências após a alta hospitalar; Traffic accidents with adults and their consequences after hospital discharge

Magalhães, Ana Paula Nogueira de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/02/2014 PT
Relevância na Pesquisa
75.84%
Introdução: Os acidentes de trânsito representam um dos principais problemas de saúde da atualidade, atingindo principalmente os adultos em faixa produtiva de vida. Além das mortes, esses eventos podem resultar em incapacidades e outras implicações para as vítimas e seus familiares. Objetivo: O presente estudo propôs-se a avaliar os acidentes de trânsito com adultos e suas consequências após a alta hospitalar. Método: Trata-se de um estudo quantitativo, do tipo coorte retrospectivo, realizado na cidade de Arapiraca, Alagoas, ano de 2011. Os dados foram obtidos por meio dos registros de atendimentos a vítimas de acidentes de trânsito no serviço de atendimento pré-hospitalar, na unidade de emergência de referência para traumas e durante a realização de entrevistas domiciliares. Estatísticas descritivas e teste de regressão logística múltipla foram utilizados. Resultados: Dentre as vítimas estudadas (n=105), houve predomínio do sexo masculino (72,3%), na faixa etária de 20 a 29 anos (42,8%), de cor parda (63,8%), baixa escolaridade (61,9%), casado/união estável (59%) e que trabalhavam principalmente como vendedores (18,1%). Os motociclistas predominaram entre as vítimas (84,7%), sendo a queda de moto o tipo de acidente mais frequente (35...

Prevalência e fatores associados às lesões por fricção em idosos de instituições de longa permanência; Prevalence and factors associated with skin tears in elderly long-stay institutions

Peres, Giovana Ribau Picolo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/10/2014 PT
Relevância na Pesquisa
66.1%
Introdução: Lesão por fricção é uma ferida traumática, que ocorre principalmente nas extremidades de idosos. Objetivo: O objetivo do estudo foi identificar e analisar a prevalência de lesão por fricção e os fatores demográficos e clínicos associados a essa ocorrência, em pessoas idosas residentes em Instituições de Longa Permanência para Idosos. Métodos: Trata-se de um estudo epidemiológico, transversal, analítico, exploratório, com abordagem quantitativa, realizado em três instituições do município de São Paulo que aceitaram participar do estudo, dentre 135 contactadas previamente. Os dados foram coletados mediante consulta ao prontuário, entrevista com o próprio residente e/ou responsável e exame físico do idoso. Os residentes foram entrevistados e avaliados quanto aos aspectos sócio-demográficos e clínicos, condições da pele e quanto às características das lesões encontradas. Para a coleta de dados, empregaram-se os seguintes instrumentos: instrumento de coleta de dados sócio-demográficos e clínicos, Teste Mini Exame do Estado Mental, Escala de Katz e Sistema de Classificação STAR Lesão por Fricção. Os dados foram analisados por meio de: teste exato de Fisher, teste de Wilcoxon-Mann-Whitney e modelo de regressão logística (backwardstepwise). Resultados: A amostra de 69 residentes foi composta predominantemente por mulheres (51/73...

Infecções cutâneas e acidentes por animais traumatizantes e venenosos ocorridos em aquários comerciais e domésticos no Brasil: descrição de 18 casos e revisão do tema

Haddad Junior, Vidal
Fonte: Sociedade Brasileira de Dermatologia Publicador: Sociedade Brasileira de Dermatologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 157-167
POR
Relevância na Pesquisa
66.09%
FUNDAMENTOS: O aquarismo a cada dia ganha novos adeptos no Brasil. Impulsionado por belos peixes e objetos de decoração, o hábito pode trazer problemas como infecções e envenenamentos por diversos animais. OBJETIVOS: Demonstração dos animais causadores e dos quadros clínicos envolvidos com estes acidentes, das infecções cutâneas encontradas após traumas e das medidas terapêuticas e preventivas para controle do problema, pouco conhecido pela população em geral. MÉTODOS: Utilizou-se um estudo prospectivo para a detecção de acidentes por animais e infecções ocorridas após traumas em aquários. Estes dados serviram de base para um estudo epidemiológico, clínico e terapêutico sobre o problema. RESULTADOS: em cerca de 300 acidentes por animais aquáticos, 12 ou 4% do total foram causados por animais venenosos em aquários. Cinco infecções bacterianas e uma fúngica foram identificadas após traumas em aquários. CONCLUSÕES: Os acidentes em aquários domésticos e comerciais são relativamente comuns e podem acarretar infecções cutâneas e ferimentos por animais venenosos ou traumatizantes. Os proprietários de aquários na maioria das vezes não têm informações sobre estes acidentes. Os autores fornecem as espécies de microorganismos e animais mais freqüentemente envolvidas com ferimentos e as medidas terapêuticas e preventivas adequadas ao manejo do problema.; BACKGROUND: Among the recreation activities that more they grew in the last years...

Lesões esportivas em atletas com deficiencia visual; Sport injuries in athletes with visual disability

Marilia Passos Magno e Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/02/2010 PT
Relevância na Pesquisa
66.15%
Estudos na área de lesões esportivas em atletas com deficiência apresentam em sua maioria um desenho de pesquisa que agrega dados de diferentes deficiências (físicas e sensoriais) e modalidades esportivas, criando dificuldades na interpretação dos resultados. Já que diferentes deficiências e modalidades esportivas podem causar diferentes tipos de lesão. Este estudo teve como objetivo principal analisar a frequência das lesões esportivas em atletas com deficiência visual. Além de identificar as áreas corporais mais lesionadas; o mecanismo das lesões esportivas; as principais lesões esportivas que acometem os atletas com deficiência visual; traçar as características lesionais pertinente a cada modalidade; verificar se o grau de deficiência visual apresenta relação com a frequência de lesões esportivas. Fizeram parte do estudo atletas com deficiência visual, de ambos os gêneros, integrantes da seleção brasileira nas modalidades de atletismo, futebol de 5, goalball, judô e natação, em competições internacionais, entre os anos de 2004 a 2008. A coleta de dados se deu através de uma ficha utilizada pela Confederação Brasileira de Desporto para Cegos e pelo Comitê Paraolímpico Brasileiro, contendo as seguintes informações: nome...

Fatores preditivos de morbidade e mortalidade no trauma penetrante do cólon; Prognostic factors in penetrating colon inuries

Thiago Rodrigues Araujo Calderan
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/02/2014 PT
Relevância na Pesquisa
66.34%
A lesão de cólon, que ocorre em 25% a 41% dos ferimentos por projétil de arma de fogo (FPAF) e em 5% a 20% dos ferimentos por arma branca (FAB) que acometem o abdome, apesar de possuir baixa mortalidade, apresenta uma alta morbidade. O presente estudo teve como objetivo analisar quais os fatores prognósticos envolvidos no aumento da morbidade e da mortalidade no trauma penetrante do cólon. Foi realizado um estudo retrospectivo de 21 anos, em que 462 pacientes foram admitidos com trauma de cólon, excluindo os traumas contusos e lesões grau I, sendo incluídos neste estudo 324 pacientes. Destes, 90,7% eram do sexo masculino, com média de idade de 28,9 anos, sendo que 59,6% encontravam entre 14 e 29 anos. Os FPAF foram responsáveis em 82,4% dos casos. As médias dos escores de trauma foram: RTS de 7,3 (± 1,31), ISS de 16,9 (± 9) e ATI de 25,1 (± 12). Reparo primário foi realizado em 72,2% dos casos. A morbidade global foi de 39,8%, com infecção abdominal em 8% dos pacientes. A mortalidade foi de 13,6%. Fístula ou deiscência de anastomose aconteceu em 14 pacientes (4,3%), sem fator de risco específico para sua ocorrência. Lesões destrutivas do cólon e pacientes com RTS alterado na admissão apresentaram maior taxa de morbidade e mortalidade. Pacientes com hemoperitônio estimado em mais de 1000 mL...

Correlação entre o índice de dependência de nicotina e lesões de mucosa oral nos índios Guarani Kaiowá/Nandeva

Lamers, Fernando
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.1%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, 2007.; O objetivo da presente pesquisa foi avaliar o índice de dependência de nicotina, utilizando o índice de dependência de Fagerström, examinar as condições da mucosa oral e correlacionar os índices obtidos entre os índios Guarani Kaiowá/Nandeva, moradores da aldeia Bororó, localizada muito próxima à cidade de Dourados (MS). A amostra constou de 312 indígenas, todos maiores de 20 anos, que procuraram o atendimento odontológico no posto de saúde, de modo que, a cada dois pacientes atendidos, um foi convidado a participar da pesquisa. A aplicação do questionário e o exame clínico da mucosa foram realizados após assinatura do termo de consentimento livre e esclarecido, de acordo com a legislação brasileira. Os pacientes, baseados em auto-declarações, foram distribuídos em quatro grupos: fumantes, exfumantes, não fumantes e fumantes passivos. Além disso, foram selecionados por faixa etária. Dos 312 índios entrevistados, 80 pertencem ao sexo masculino e 232 ao sexo feminino. O estudo demonstrou que 24,68% (77) dos entrevistados são fumantes, o que corresponde a 41,25% (33) dos homens e 18,97% (44) das mulheres. A aplicação do teste de Fagerström mostrou que 36...

Qualidade de vida do doente com ferida crónica nos membros inferiores

Costa, Isabel Alves
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 24/06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.12%
Enquadramento: A ferida crónica é considerada um problema significativo para o doente, família e sistema de saúde, com repercussões na qualidade de vida (QV) do doente. Objetivos: Avaliar a QV do doente com ferida crónica nos membros inferiores e identificar as variáveis sociodemográficas, familiares e clínicas que a influenciam. Métodos: Estudo analítico, transversal, realizado numa amostra não probabilística com 149 doentes com ferida crónica nos membros inferiores. O questionário elaborado inclui variáveis sociodemográficas, escala de “Gijón”, escala de Apgar familiar, caracterização clínica, índice de Katz, escala da dor e Esquema Cardiff de Impacto na Ferida. Resultados: Amostra maioritariamente do sexo masculino (69,8%), com idade média (71,34±12,482 anos), com níveis intermédios de QV (49,0%), destacando-se a dimensão “bem-estar” com valores negativos (36,00%). A idade, estado civil, situação profissional, funcionalidade familiar, dor, tipologia da ferida e exercício físico associaram-se com a dimensão “bem-estar”. O nível de escolaridade, IMC, capacidade funcional, dor, hábitos alcoólicos, exercício físico e o local de realização do penso relacionaram-se com a dimensão “sintomas físicos e vida diária”; a zona de residência...

Análise comparativa entre os mecanismos de trauma, as lesões e o perfil de gravidade das vítimas, em Catanduva - SP

Batista,Sandra Elisa Adami; Baccani,Juliana Govoni; Silva,Raquel Amarante de Paula e; Gualda,Kamila de Paula Ferlin; Vianna Jr.,Raul José de Andrade
Fonte: Colégio Brasileiro de Cirurgiões Publicador: Colégio Brasileiro de Cirurgiões
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.35%
OBJETIVO: Realizar uma análise comparativa entre os principais mecanismos de trauma, a gravidade das vítimas e os principais ferimentos que proporcionaram. MÉTODO: Estudo randomizado de 1486 fichas de vítimas traumatizadas atendidas pela Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros em Catanduva - SP, no período de janeiro/1997 a dezembro/2003. Foi realizada uma avaliação a partir dos itens ferimentos, Revised Trauma Score e mecanismos de trauma, cujas variáveis foram expressas em porcentagens e correlacionadas pelo Teste X². RESULTADOS: Houve predomínio de acidentes motociclísticos com 42,2% dos traumas. As regiões corpóreas mais acometidas foram os membros inferiores/cintura pélvica (32,2%). Os ferimentos superficiais acometeram 88% das vítimas. Para todos os eventos, prevaleceram vítimas com RTS=6 excetuando-se os acidentes envolvendo veículos pesados em que 25% das vítimas obtiveram RTS<2. As quedas representaram 63,4% dos eventos quando excluimos da análise os acidentes de trânsito. Houve correlação estatística somente entre o mecanismo de trauma e a região corpórea lesada (p<0,01). Os membros inferiores/pelve foram mais acometidos em atropelamentos e acidentes de moto. Cabeça/pescoço foram lesados nas agressões...

Controle de danos no trauma abdominal e lesões associadas: experiência de cinco anos em um serviço de emergência

Stalhschmidt,Carla Martinez Menini; Formighieri,Beatriz; Lubachevski,Fábio Luiz
Fonte: Colégio Brasileiro de Cirurgiões Publicador: Colégio Brasileiro de Cirurgiões
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.25%
OBJETIVO: Baseado no conceito de cirurgia para controle de danos (damage control), o presente estudo tem por objetivo analisar, epidemiologicamente, os pacientes submetidos a esta modalidade cirúrgica no Hospital Universitário Cajuru (HUC), em Curitiba, PR. MÉTODO: No período de Janeiro de 2001 à Março de 2005, foram revisados os prontuários de pacientes atendidos no HUC, vítimas de traumatismos diversos, sendo encontrados 39 pacientes submetidos à cirurgia para controle de danos abdominal. RESULTADOS: Dos 39 prontuários de pacientes analisados, 35 foram do sexo masculino (87,74%) e quatro do sexo feminino (10,26%). A idade dos pacientes variou de 4 a 73 anos, sendo sua média de 30,35 anos. Trauma penetrante ocorreu em 24 pacientes (61,54%), sendo que 18 destes (46,15%) sofreram ferimentos por armas de fogo e seis (15,38%), ferimentos por arma branca. O trauma fechado ocorreu em 15 pacientes, perfazendo um total de 38,46%. O ISS (Injury Severity Score) médio dos pacientes foi de 44,03. A quantidade média de hemoderivados utilizados foi de 7,2 unidades papa de hemácias e 4,95 unidades de plasma fresco. O pH médio no intraoperatório foi de 7,1 e o BE (base excess) de -14,4. O intervalo de tempo médio entre o início e o término da primeira cirurgia foi de 174...

Análise comparativa entre as lesões encontradas em motociclistas envolvidos em acidentes de trânsito e vítimas de outros mecanismos de trauma fechado

Parreira,José Gustavo; Gregorut,Felipe; Perlingeiro,Jacqueline A. Giannini; Solda,Silvia C.; Assef,José Cesar
Fonte: Associação Médica Brasileira Publicador: Associação Médica Brasileira
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.3%
OBJETIVO: Realizar uma análise comparativa entre as lesões encontradas em motociclistas envolvidos em acidentes de trânsito e vítimas de outros mecanismos de trauma fechado. MÉTODOS: Análise dos protocolos (colhidos prospectivamente) dos traumatizados com idade superior a 13 anos, admitidos de 10/06/2008 a 01/09/2009, vítimas de trauma fechado. Foram coletadas informações sobre mecanismo de trauma, dados vitais à admissão, exames complementares, lesões e tratamento. A estratificação da gravidade do trauma e das lesões foi realizada pelo cálculo dos índices de trauma: RTS, escala de coma de Glasgow (ECG), AIS, ISS e TRISS. Comparamos as variáveis entre os motociclistas (grupo A) e os demais (grupo B). Consideramos graves as lesões com AIS > 3. Para a análise estatística, utilizamos os testes t de Student, Mann Whitney, qui-quadrado e Fisher, considerando p < 0,05 significativo. RESULTADOS: Foram incluídos no estudo 3.783 vítimas de trauma fechado, com idade de 14 a 99 anos, sendo 76,0% do sexo masculino. Os mecanismos de trauma mais frequentes foram os acidentes com motociclistas (24,4%) e atropelamentos (22,6%). Na comparação das variáveis entre os grupos A e B, observamos que os motociclistas apresentaram...

Lesões cervicais não cariosas: prevalência, severidade e correlação com fatores etiológicos

Silva, Fernanda Martins Leão e
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
66.13%
Este estudo teve por objetivo identificar a presença e a severidade de lesões cervicais não cariosas (LCNCs) e correlacioná-las à ocorrência de contatos dentários prematuros e aos fatores de risco envolvidos em seu desenvolvimento. Foram avaliados 66 pacientes da Universidade Federal de Ubrelândia, de ambos os gêneros, com idade de 15 a 70 anos, envolvendo 1.863 dentes, os quais foram avaliados por dois examinadores, de acordo com critérios para identificação de LCNCs, facetas de desgaste e prematuridades oclusais. Os indivíduos responderam ao questionário com perguntas referentes à idade, gênero, problemas gastrointestinais, uso de medicação, hipersensibilidade dentinária, dieta e hábitos parafuncionais. A avaliação das facetas de desgaste realizou-se por meio de inspeção visual clínica das faces oclusais e incisais dos dentes. Na identificação de lesões cervicais, as faces vestibulares e linguais ou palatinas dos dentes foram examinadas com sonda periodontal posicionada paralelamente ao longo eixo do dente. Os dentes com LCNC foram avaliados quanto à severidade, utilizando-se o Índice de Desgaste Dental (IDD) e, posteriormente, foram examinados com relação à oclusão em relação cêntrica (RC), máxima intercuspidação habitual (MIH) e nos movimentos excursivos. Dois terços dos indivíduos apresentaram o total de 273 lesões cervicais. Quanto à distribuição de lesões por grupo de dentes...

Lesões bucais em pacientes idosos: estudo retrospectivo de 838 casos diagnosticados e registrados no laboratório de patologia bucal da Universidade Federal de Uberlândia-MG-Brasil

Costa Junior, Gabriel Tadeu
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
66.13%
A população idosa mundial tem crescido em ritmo mais acelerado que qualquer outra faixa etária. Dentro desta perspectiva, grande interesse tem sido direcionado para a saúde da população idosa, que também tem sido focado no status de saúde bucal. Vale lembrar que a mucosa bucal apresenta funções protetoras essenciais que afetam significativamente a saúde geral do paciente. Com o avanço da idade a mucosa bucal se torna mais permeável a estímulos externos em função de declínio na capacidade renovadora de seu epitélio favorecendo maior exposição do indivíduo a variedade de agentes agressores que adentram a cavidade bucal, entre os quais álcool, fumo, medicamentos, deficiência nutricional, doenças crônicas, próteses e agentes infecciosos em geral. Contudo existe um número limitado de estudos, no mundo, relatando a prevalência de lesões na mucosa bucal dos pacientes idosos que tem sido, essencialmente, de natureza clínica. Estudos sobre lesões cujos diagnósticos têm sido necessariamente realizados por meio do exame histológico têm sido raramente relatados. O objetivo deste trabalho foi realizar um estudo epidemiológico retrospectivo das doenças bucais em idosos, baseado no levantamento dos casos diagnosticados no Laboratório de Patologia Bucal da Universidade Federal de Uberlândia no período compreendido entre 1978 e 2006. Para tanto...

Lesões craniofaciais decorrentes de acidentes por motocicleta: uma revisão integrativa

Silva,Maria Gabriella Pacheco da; Silva,Vanessa de Lima; Lima,Maria Luiza Lopes Timóteo de
Fonte: CEFAC Saúde e Educação Publicador: CEFAC Saúde e Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2015 PT
Relevância na Pesquisa
66.1%
Resumo:Os acidentes de trânsito têm constituído um problema de saúde pública que mais cresce no Brasil e no mundo, com destaque para as motocicletas. Além dos altos índices de mortalidade, destacam-se também as lesões e sequelas causadas aos sobreviventes ao acidente. As lesões de face são comuns neste tipo de acidente, causando deformidades estéticas e funcionais no rosto, necessitando de reabilitação. Foi realizada uma busca na literatura para mapear as lesões na região craniofacial decorrentes de acidentes de trânsito por motocicleta, buscando também suas possíveis implicações para a Comunicação Humana. As bases de dados Pubmed, Lilacs e Scielo foram acessadas, selecionando os artigos pelos títulos, em seguida pelos resumos, para ao final selecionar os artigos para leitura na íntegra. Após este processo, foram selecionados 10 estudos para a revisão. Na região facial, as fraturas mais frequentes foram nos ossos da Mandíbula, Zigomático e Nasal, por serem os mais proeminentes na região. Destacaram-se os Traumas Cranianos como os tipos de lesões com maior gravidade, uma vez que podem levar ao óbito. Apesar do detalhamento das lesões, as sequelas e dados sobre a reabilitação dessas vítimas de acidentes por motocicletas foram raros na literatura.

Mapeamento das lesões em vítimas de acidentes de trânsito: revisão sistemática da literatura; Identificación de lesiones en víctimas de accidentes de tránsito: revisión sistemática de la literatura; Mapping injuries in traffic accident victims: a literature review

Calil, Ana Maria; Sallum, Elias Aissar; Domingues, Cristiane de Alencar; Nogueira, Lilia de Souza
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/02/2009 ENG; POR; SPA
Relevância na Pesquisa
76.21%
O objetivo do estudo foi identificar as regiões corpóreas mais atingidas em vítimas de acidentes de transporte e mapear a gravidade das lesões e do trauma. Foi realizada revisão sistemática da literatura, utilizando-se descritores relacionados aos acidentes de trânsito, acidentes de transporte, ferimentos e lesões, totalizando 248 artigos. As bases eletrônicas pesquisadas foram LILACS, MEDLINE e PAHO, entre 1990 e dezembro de 2006. Essa revisão destacou uma série de estudos conclusivos sobre as regiões corpóreas mais freqüentes e aquelas de maior gravidade atingidas nesses eventos e apontou lacunas de conhecimento na literatura nacional. Acredita-se que esses achados possam ser de grande valia para as equipes nos cenários de pré-hospitalar e intra-hospitalar e apontem caminhos na direção de novas pesquisas.; El objetivo del estudio fue identificar las regiones corpóreas más afectadas en víctimas de accidentes de transporte e identificar la gravedad de las lesiones y del trauma. Fue realizada una revisión sistemática de la literatura, utilizándose descriptores relacionados a los accidentes de tránsito, accidentes de transporte, heridas y lesiones, totalizando 248 artículos. Las bases electrónicas investigadas fueron LILACS...

Lesão do esôfago e de tronco braquiocefálico em trauma fechado: uma associação incomum; Uncommon esophagic lesion associated with brachiocephalic trunk lesion in patient victim of blunt trauma's report case

Kobata, Cristina Helena Prado; Neves, Murilo Catafesta das; Rocha, Felipe Veleirinho de Oliveira; Silva, Francisco Salles Collet e; Dutenhefner, Simone Elisa; Fidelis, Ronald
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 29/12/2004 POR
Relevância na Pesquisa
66.1%
Relato de lesão incomum de esôfago e rara associação desta com lesão em tronco braquiocefálico (TBC) em paciente vítima de trauma fechado. Paciente vítima de acidenteautomobilístico (auto x caminhão), masc., 19a., passageiro do banco traseiro do auto e sem cinto de segurança. Chegou ao PSHC-FMUSP consciente, orientado e estável hemodinamicamente. Exames iniciais evidenciaram alargamento de mediastino. À arteriografia, identificou-se alargamento proximal de TBC sugestivo de pseudoaneurisma e à endoscopia, duas lesões esofágicas de aproximadamente 6cm que acometiam a serosa e a muscular, mas poupavam a mucosa. Foi submetido a uma esternotomia para enxerto do TBC e posterior toracotomia ântero-lateral para correção das lesões esofágicas. Evoluiu bem, sem intercorrências significativas, recebendo alta no 10o PO. Consideram os autores, após revisão da literatura, que lesões de esôfago e de TBC causados por trauma fechado são individualmente raras e, a associação das lesões não foi observada na literatura estudada.; Uncommon esophagic lesion associated with brachiocephalic trunk lesion in patient victim of blunt trauma’s report case. A 19-year-old man victim of an automobilistic accident without seat belt arrived at PSHC-FMUSP conscient...

CARACTERIZAÇÃO DAS AGRESSÕES E FERIMENTOS ATENDIDOS PELO SIATE NA CIDADE DE LONDRINA-PR

Wakiuchi, Julia; Universidade Estadual de Londrina; Martins, Eleine Aparecida Penha
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 22/12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.23%
Para compreender a relação entre agressões e ferimentos e o dia-a-dia, este estudo busca caracterizar as agressões, os ferimentos por arma branca e de fogo ocorridos em 2007. É um estudo descritivo, retrospectivo, com análise das ocorrências atendidas pelo Serviço de Atendimento ao Trauma em Emergência, na cidade de Londrina-Paraná. Entre elas, (54,1%) eram agressões; (32,5%), ferimentos por arma de fogo e (13,4%), ferimentos por arma branca, todas mais prevalentes em vítimas do sexo masculino e em idade reprodutiva. Os períodos mais críticos foram o noturno (65,6%) e os finais de semana. As principais lesões encontradas foram, nas agressões, ferimentos corto – contusos em crânio (35,2%); e nos ferimentos por arma branca e arma de fogo, os penetrantes em tórax (9,9% e 26%, respectivamente). O estudo sugere ações de prevenção de violência nas áreas mais afetadas da cidade, além de ações educativas para a diminuição do consumo de álcool.