Página 1 dos resultados de 165 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

O eufemismo do medo na perspectiva antropológica : relatos marcados pela tensão entre conflito e cidadania em um bairro de estabelecidos em Porto Alegre, RS; The fear euphemism under the anthropological perspective: tension between conflict and citizenship throughout the reports of established from a neighborhood in Porto Alegre, RS

Braga, Vinícius Gil
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
55.86%
Este trabalho de pesquisa insere-se no campo da antropologia urbana e tem como objetivo refletir sobre as representações de moradores de uma rua pertencente a um bairro de urbanização recente e habitado por camadas médias, na cidade de Porto Alegre-RS. A partir de um estudo etnográfico analiso as tensões a respeito da presença de uma vila contígua e as repercussões que decorrem desse contato no âmbito dos temas da cidadania, da vulnerabilidade e da violência, em especial, ao que toca os sentimentos de medo e insegurança. Nesse particular, sugiro a presença de um dado basilar para a construção dessas representações, isto é, a existência de um grupo estabelecido e seu potencial de estigmatização sobre um grupo considerado outsider. Ainda, indica-se o fenômeno da segregação espacial como relevante aspecto para a compreensão da situação da etnografia.; The present work, inserted in the urban anthropology field, aims to reflect upon the representations projected by the middle-class inhabitants of a certain street which belongs to a recently urbanized neighborhood in Porto Alegre-RS. Throughout an ethnographic study, I have analyzed tensions between the existence of a nearby slum and the repercussions originated on the touchline ambit of themes such as citizenship...

Os espaços de medo e os de castigo nas pequenas cidades do estado de São Paulo: o caso Itirapina

Soriano, Érico
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 151 f. : il., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
46.1%
Pós-graduação em Geografia - IGCE; A criminalidade vêm apresentando contornos graves e o sentimento de medo e de insegurança da população também vêm crescendo significativamente, deixando de ser um “privilégio” das grandes cidades e atingindo, cada vez mais as pequenas. Neste trabalho, buscou-se relacionar o medo com as estatísticas criminais e, em seguida, com a geografia, através nas modificações espaciais que o medo é capaz de provocar e nos valores e percepções das pessoas. Além dos espaços de medo que as cidades, cada vez mais, apresentam, há também os espaços de castigo. A multiplicação do crime impõe penalidades que acabam sendo cumpridas de forma coletiva e confinada. Disto resultam os espaços de detenção que representam locais de punição para os criminosos. Porém, de forma controversa, representam grande apreensão e insegurança para a população das cidades onde estão inseridos. A primeira etapa do trabalho se caracterizou por um embasamento teórico acerca dos temas. A segunda correspondeu ao desenvolvimento do perfil de Itirapina, contemplando empiricamente o estudo do medo, com a aplicação de questionários para uma amostra da cidade. O campo teve a finalidade de medir a percepção da população com respeito à criminalidade e ao medo na localidade...

Crime e insegurança na população jovem e sénior : um estudo exploratório no Concelho de Cabeceiras de Basto; Crime and insecurity in young and senior population : an exploratory study in the county of Cabeceiras de Basto

Pacheco, Emanuela de Sousa
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
46.24%
Dissertação de mestrado em Crime, Diferença e Desigualdade; A insegurança surge associada a um clima generalizado de ansiedade relacionada com o processo de mudanças sociais que carateriza a sociedade moderna e de que o aumento da criminalidade é uma das consequências mais visíveis (Lourenço, 2004). Este estudo tem como principal objetivo explorar os sentimentos de insegurança e medo gerados pelo fenómeno do crime e da violência nos indivíduos em meio rural em função da idade. Método: Trata-se de uma pesquisa de caráter qualitativo, em que 40 participantes, divididos em 2 grupos etários – jovens e idosos - são inquiridos mediante entrevista semiestruturada. Resultados: Os resultados alcançados permitiram perceber que em ambos os grupos o medo não é prevalecente, uma vez que a população habita no meio rural, onde o crime e a violência pública são praticamente inexistentes. Os inquiridos afirmam estar atentos à situação do dia-a-dia através de conversas com amigos, familiares, vizinhos e pelos meios de comunicação social. São os assaltos, especialmente no período da noite, o que mais receiam. A crise económica, o domínio de valores capitalistas e a morosidade da justiça são identificados como fatores de insegurança. Conclusões: Em ambientes sentidos como seguros...

A construção das representações sociais na relação da polícia militar e a sociedade Aracajuana

Mendonça, Rildo César Menezes
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.15%
In recent years, issues involving public safety have gained more prominence in scientific debates, the media, and common sense, because undoubtedly the feeling of fear and insecurity caused by the increase in violence overall, has spread like construction element of social representations, both in individual levels, as well as collectively. Violence is a social phenomenon existing in human manifestations, from the older societies, ie it was present in all historical periods, but in different ways in the subjective and objective, having had the task of being the central element in modeling process for the formation of individual behavior, both in older societies as in modern society. However, it has a peculiar feature of acquiring new contours to the extent that the individual and collective behaviors are modified in relation individual-violence. In this sense, the institutions that establish the order from the control of violence, have their social representations in the context of social relationships permeated by elements of violence, fear and insecurity, that shift the subjective feeling of insecurity, or existential, for a concrete plan and goal, namely to the level of physical insecurity in daily life in the modern world. The objective of this study was to capture the construction of social representations of the population in Aracaju on the police institution and the figure of the policeman in the contemporary context. We focus our attention only to the institutions of order...

Imagens do medo na mídia: uma análise das representações da violência em Natal-RN

Araújo, Francisco Cruz de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
45.85%
Social violence is one of the phenomena of human life that produce effects on the social imaginary as it is in it that are designed conflicting values concerning what is most vital to humans, such as respect for the strength and the fear of death, pleasure trespass for injury and pain, the rejection of injustice and anger that is born of revolt. The variability of feelings and reasons that constitute violence has required academic knowledge increasingly sensitive reflections that encompass the complexity of its manifestations. The feeling of fear and insecurity which constitute the collective social imagination has caused large changes in the behavior of both individuals and the society as a whole. This study aims to reflect on media representations the social violence in Natal-RN. Through a thematic survey and documentary analysis of three newspapers of Rio Grande do Norte - Tribuna do Norte, Novo Jornal and Jornal Metropolitano - was possible to list events and trace different discursive strategies that lead to receptors ideological interests of class, constitute social and spatial segregations and maximize violations of rights and of the human dignity, with important implications in the construction of social representations concerning the reality of violence; Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; A violência social é um dos fenômenos da vida humana que mais produzem efeitos sobre o imaginário social...

Cidade vigiada: segurança e controle em tempos de biopoder; City surveillance: security and control in times of biopower

Oliveira, Ludmilla Alves de
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Comunicação (FIC); Faculdade de Informação e Comunicação - FIC (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Comunicação (FIC); Faculdade de Informação e Comunicação - FIC (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.01%
The contemporary world lives the reality of the culture of fear, culminating in a society under constant surveillance. And the surveillance cameras are part of the urban scenario being necessary to exercise of controlling and security. This paper aims to identify how the individual is incurred as a subject before surveillance. Insecurity, fear and social conflicts guided by contemporary capitalism. This is a qualitative exploratory study that pursued to know the current surveillance control universe established in the contemporary world. The following study of the surveillance cameras usage in Goiânia uses as a theoretical and methodological referential the discourse analysis (DA) based on the method of Eni P. Orlandi (2005). All the evoked notions and theories such as power, knowledge, subjectivity and discourse, in view of authors as Foucault (2009: 2008: 2007: 2006: 1999a: 1999b: 1987), Guattari and Rolnik (2011: 1992), Deleuze (2005: 2001: 1992) and Agamben (2009), are worked in the theoretical chapters and resumed during the analysis process. Were interviewed passers-by and traders present in the monitored areas as well as representatives of the monitoring central station. Throughout the analysis and interviews the attention was turned to the process of subjectivity of the subject. Their subjection process (acceptance and resistance/biopower) and still the ways of knowing and the power present in the relation between the subject and the surveillance cameras. From these categories of analysis and interviews it was observed the presence of a hegemonic discourse where the subject is incurred by the relation of forces...

O sofrimento psíquico na formação médica: percepções e enfrentamento do estresse por acadêmicos do curso de Medicina; The psychic distress in medical education: perceptions and stress coping by students of Medicine

Pereira, Maria Amélia Dias
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde (FM); Faculdade de Medicina - FM (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde (FM); Faculdade de Medicina - FM (RG)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
45.93%
In this research the object of study was the psychic suffering of the medicine students. The general goal was to discuss stressors e possible abuses or violences of the medical course according to the perception of medicine students from a public university in the center west part of Brazil, analyzing the contributions of an elective course offered in the medical school, in which stress coping strategies were explored. The project is in accordance with the ethics aspects of Resolution 466/12. It is a descriptive-exploratory using the qualitative approach characterized as case study. The sample was 33 medicine students in 2011 and 76 in 2013. The data collection was made through focus groups, semi-structured questionnaires and notes from the teachers during the time spent with the students. The data was registered, organized and analyzed with the use of a software that support qualitative analysis called WebQDA. The analysis of the content was based on the methodology of Bardin. The results were presented in articles about the stress factors with the following categories: curriculum, evaluations, relation with teachers, support structure, interpersonal relations, professional perspectives, personal expectations, fear and insecurity...

Crime and Victimization

Baliki, Ghassan
Fonte: World Bank, Washington, DC Publicador: World Bank, Washington, DC
EN_US
Relevância na Pesquisa
45.89%
Historically, higher crime rates have been associated with higher inequality and poverty. Nevertheless, there remains an ambiguity over the most prominent socioeconomic factors that increase crime rates and individual victimization. This paper discusses victimization and crime rate data collections from the International Crime Victimization Survey (ICVS), the UNODC, and the World Value Surveys (WVS) in an effort to achieve three goals: (1) conduct an assessment on perceptions of public and private insecurity, as well as the fear of victimization; (2) provide a robust cross-regional comparison, where possible, on incidence of crime and evaluate the variability of exposure to victimization across gender and urban and rural residences; and (3) undertake a supplementary regional assessment for Latin America and the Caribbean to match perceptions with actual experience of crime to evaluate the magnitude of the gap in perceived risk of victimization among individuals.

International education and the post-9/11 syndrome: A study of international educators in selected Miami-area colleges

Tella, Oluyinka
Fonte: FIU Digital Commons Publicador: FIU Digital Commons
Tipo: Artigo de Revista Científica
EN
Relevância na Pesquisa
45.67%
This dissertation investigated the relationship between the September 11, 2001 terrorist attacks and the internationalization agenda of U.S. colleges and universities. The construct, post-9/11 syndrome, is used metaphorically to delineate the apparent state of panic and disequilibrium that followed the incident. Three research questions were investigated, with two universities in the Miami-area of South Florida, one private and the other public, as qualitative case studies. The questions are: (a) How are international student advisors and administrators across two types of institutions dealing with the post-9/11 syndrome? (b) What, if any, are the differences in international education after 9/11? (c) What have been the institutional priorities in relation to international education before and after 9/11?^ Data-gathering methods included interviews with international student/study abroad advisors and administrators with at least 8 years of experience in the function(s) at their institutions, document and institutional data analysis. The interviews were based on the three-part scheme developed by Schuman (1982): context of experience, details of experience and reflection on the meaning of experiences. Taped interviews, researcher insights...

Disarming Fears of Diversity : Ethnic Heterogeneity and State Militarization, 1988-2002

de Soysa, Indra; Neumayer, Eric
Fonte: World Bank, Washington, DC Publicador: World Bank, Washington, DC
Tipo: Publications & Research :: Policy Research Working Paper; Publications & Research
ENGLISH
Relevância na Pesquisa
45.67%
The authors address the question of state militarization under conditions of ethnic and other diversity. "Primordialist" claims about ancient hatreds, fear, and insecurity in such societies would lead one to expect that fractionalization, polarization, and ethno-nationalist exclusion would prompt governments to militarize heavily. But contrary to such expectations, the authors find that higher levels of ethnic diversity predict lower levels of militarization, whereas higher polarization and ethno-nationalist exclusion trigger neither lower nor higher levels of militarization. If fractionalization lowers the hazard of civil war, as many find, then it does not happen by way of a "garrison state" effect. The authors discuss two potential explanations for their findings, one drawing from the empirical conflict literature, the other stemming from economists' study of public goods provision under conditions of diversity. They argue that their findings are best seen as consistent with and complementary to the empirical literature on conflict onset and duration.

Violência em meio escolar: fatos e representações na produção da realidade; Violence at schools: facts and representations in the production of reality

RUOTTI, Caren
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
45.67%
Este artigo tem como objetivo central investigar as conexões e os distanciamentos entre a violência em meio escolar e a violência nos bairros de onde provém sua clientela. Procuraram-se identificar fatos que caracterizam a realidade escolar como também as representações sobre a violência. O estudo teve uma abordagem qualitativa, no qual foi utilizada a metodologia de estudo de caso. Os dados foram obtidos por meio de entrevistas e observações das relações escolares. A escolha da escola esteve pautada em critérios socioeconômicos da população residente, na condição de violência no entorno e na situação de violência da própria escola. Os resultados obtidos indicam tanto a existência de manifestações de violência, próprias da realidade externa penetrando o interior das escolas, quanto o modo como essas representações interferem na conduta dos profissionais e agentes da educação. Essas representações têm por referência dois momentos. O primeiro em que relatos de acentuada violência estimulam sentimentos de medo e insegurança entre os atores da escola, impedindo ou dificultando a ação educativa. Um segundo momento, datado a partir da chegada de nova direção, no qual são percebidas tentativas de reversão desse quadro mediante adoção de disciplina rígida. Os efeitos dessa mudança revelam...

Visions of Fear - The Power of Shock of du Maurier's Suicide Birds

LIMA, Maria Antónia
Fonte: Caleidoscópio Publicador: Caleidoscópio
Tipo: Parte de Livro
POR
Relevância na Pesquisa
45.92%
“Visions of Fear: the power of shock of Du Maurier’s suicide birds.” Not all gothic fictions of the past are able to adapt themselves to the cultural fears of the present recreating the same feelings of unrest and insecurity that stimulated readers’ emotions many years ago. In spite of the trivialization of terrifying and violent images in contemporary film and fiction, the visual and psychological impact of Daphne Du Maurier’s suicide birds on readers’ imagination is still very strong. Its shocking waves continue to reverberate through time and space like the blood red colours of the skyline in Edvard Munch’s Scream. In an age full of natural disasters and aerial terrorist attacks, we should never ignore the consciousness – raising portrait of terror presented by Du Maurier in “Birds”, for its references to the bombing raids in England during the World War II and its analogy to the atmosphere of fear in the Cold War years. The prophetic vision of this story will always be able to translate the existential crisis of contemporary times so well as Picasso’s Guernica, Conrad’s The Heart of Darkness, Francis Bacon’s paintings or Kafka’s tales. The secret for this so big success, is not merely due to a screen version by Alfred Hitchcock...

A cultura do medo no cotidiano da escola : afetos, acolhimentos, violências, sofrimentos, como manifestações de um querer-viver societal

Santos, Josivaldo Constantino dos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
45.89%
A especificidade desta investigação é a compreensão das violências no ambiente escolar como promotoras de medo e insegurança entre os professores, tornando a escola um espaço permeado pela cultura do medo. O foco do olhar do pesquisador são as violências na escola, entendidas como violências praticadas pelos alunos. A investigação foi realizada no Centro de Educação de Jovens e Adultos “Benedito Sant’Ana da Silva Freire” – CEJA, em Sinop, Mato Grosso, a partir de novembro de 2011 e no decorrer do ano de 2012. Os sujeitos da investigação foram oito alunos do Ensino Fundamental, tidos pela escola como alunos violentos, nove professores em sala de aula e na gestão, bem como doze familiares de todos os alunos envolvidos. A abordagem metodológica da pesquisa trilha por caminhos fenomenológicos, pautados pela abdicação de quaisquer tipos de julgamentos a priori e a posteriori, tanto dos sujeitos como de suas ações. Procura-se exercitar a “mostração” do fenômeno tal como ele é e tal como se apresenta. Para tal, Oficinas de Literatura de Cordel foram procedimentos de aproximação através das produções dos alunos em versos rimados sobre suas vidas e sua escola. O sociólogo francês Michel Maffesoli e a sua Sociologia da Compreensão dão suporte teórico a este estudo...

Young people in Rio de Janeiro: routes, insecurities and risks; Jovens no Rio de Janeiro: percursos, inseguranças e riscos

Pérez, Beatriz Corsino; NIPIAC/UFRJ; Castro, Lucia Rabello de; NIPIAC/ UFRJ
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; "Avaliados por pares"; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em 20/04/2011 POR
Relevância na Pesquisa
55.89%
Youngsters create representations of the city based on their routes and the relationships they establish with people and space. City’s diversity can be seen as something negative, which produces fear and insecurity. In the present work we discuss how youngsters face the risks of living in a big city: their actions and strategies, the spaces they attend, their feelings once they are in places where they feel threatened. In order to discuss these topics, we interviewed seven young people (four boys and three girls), with ages between 18 and 28 years old, using semi-structured interviews, who live in different neighborhoods of Rio de Janeiro city. In our analysis of the empirical material, we discuss how insecurity is related to the bonds these youngsters establish with the urban space, to their knowledge and feelings of belonging to that place. We explore the conflicts that some of these youngsters face when they want to enjoy the opportunities and diversity of the city, but, at the same time, become concerned by other people’s social and economic reality, marked by violence and precariousness. For some of these youngsters, the urban experience is marked by the desire for cultural and symbolic goods of the city, avoiding prejudice and discrimination.; Os jovens criam representações sobre a cidade a partir dos seus percursos e das relações que estabelecem com as pessoas e com o espaço. A diversidade da cidade pode ser vista como algo negativo...

Monsters of the Economic: Inequality, Fear, and Loathing in America

Folbre, Nancy
Fonte: Indiana University William T. Patten Foundation Publicador: Indiana University William T. Patten Foundation
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
EN_US
Relevância na Pesquisa
45.89%
In “Monsters of the Economic: Inequality, Fear, and Loathing in America”, Folbre examines the trend toward extreme income inequality within the U.S. and the global economy as a whole is clear. But the numbers don’t reveal the emotional consequences of this information. The threat of downward mobility and economic insecurity generates fear and loathing, increases vulnerability to political manipulation, and impedes our ability to work together to solve important economic problems—including, paradoxically, the problem of extreme inequality itself. This presentation flushes out some of the monsters lurking behind economic policy debates, many of which have been projected onto a vivid cultural screen portraying conflicts between vampire and zombie, robot and werewolf, superhuman and subhuman. Which should we ordinary mortals fear the most?

Violência em meio escolar: fatos e representações na produção da realidade; Violence at schools: facts and representations in the production of reality

Ruotti, Caren
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/04/2010 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
45.67%
Este artigo tem como objetivo central investigar as conexões e os distanciamentos entre a violência em meio escolar e a violência nos bairros de onde provém sua clientela. Procuraram-se identificar fatos que caracterizam a realidade escolar como também as representações sobre a violência. O estudo teve uma abordagem qualitativa, no qual foi utilizada a metodologia de estudo de caso. Os dados foram obtidos por meio de entrevistas e observações das relações escolares. A escolha da escola esteve pautada em critérios socioeconômicos da população residente, na condição de violência no entorno e na situação de violência da própria escola. Os resultados obtidos indicam tanto a existência de manifestações de violência, próprias da realidade externa penetrando o interior das escolas, quanto o modo como essas representações interferem na conduta dos profissionais e agentes da educação. Essas representações têm por referência dois momentos. O primeiro em que relatos de acentuada violência estimulam sentimentos de medo e insegurança entre os atores da escola, impedindo ou dificultando a ação educativa. Um segundo momento, datado a partir da chegada de nova direção, no qual são percebidas tentativas de reversão desse quadro mediante adoção de disciplina rígida. Os efeitos dessa mudança revelam...

Comunicación entre estudiantes de efermería y pacientes con Aids; Communication between nursing students and patients with Aids; Comunicação entre acadêmicos de enfermagem e clientes com AIDS

Lima, Ivana Cristina Vieira de; Galvão, Marli Teresinha Gimeniz; Costa, Ênia; Freitas, Julyana Gomes; Freitag, Lorita Marlena
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/04/2011 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
45.67%
Propôs-se analisar a comunicação entre acadêmicos de enfermagem e pacientes com aids quando da realização da punção venosa periférica. Filmaram-se seis duplas (acadêmico-cliente) durante a execução da punção venosa em maio de 2009 em um hospital-dia em Fortaleza-Ceará. Em grupo, quatro juízes avaliaram as cenas das interações estabelecidas entre as duplas. As análises foram categorizadas em: Valorização da técnica em oposição à comunicação; Máscara: barreira para a comunicação; Invasão do espaço pessoal; Interferência do ambiente na comunicação. Concluiu-se que diferentes fatores dificultaram a efetividade da comunicação, particularmente a necessidade de o acadêmico receber um treinamento sobre a importância do estabelecimento de comunicação no cuidado, de modo a viabilizar uma assistência humanizada e peculiar, na qual a sensibilidade e a empatia se sobreponham ao medo e à insegurança.; Se propuso analizar la comunicación entre estudiante de enfermería y paciente con AIDS en ocasión de punción venosa periférica. Se filmaron seis duplas (estudiante-paciente) durante ejecución de punción venosa en mayo 2009 en hospital-día de Fortaleza-Ceará. En grupo, cuatro jueces evaluaron las escenas de interacción establecida en cada dupla. Los análisis se categorizaron en: Valorización de técnica versus comunicación...

Percepções de indivíduos com transtornos mentais e familiares sobre o desempenho ocupacional: contribuições da terapia ocupacional; Perceptions of individuals with mental disorders and their families about the occupational performance: contributions of occupational therapy

Motizuki, Camila Sayuri; Mariotti, Milton Carlos
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 14/10/2014 POR
Relevância na Pesquisa
45.67%
O estudo teve como objetivos: investigar a percepção de indivíduos com transtornos mentais e de seus famíliares sobre o desempenho ocupacional em atividades cotidianas e as difi culdades para isto e descrever as contribuições da Terapia Ocupacional para auxiliar na melhora do desempenho ocupacional nas atividades cotidianas. Confi gura-se como uma pesquisa qualitativa, descritiva que utiliza entrevista semi-estruturada para a coleta de dados e o Método Fenomenológico de Sanders para a análise. As temáticas emergentes foram relacionadas ao lazer e a produtividade. Constatou-se que várias das atividades que os sujeitos gostavam de realizar antes de adoecer, foram as mesmas que deixaram de realizar após a doença mental. Há o desejo de retomar, bem como executar novas atividades cotidianas, porém existem barreiras que são desde a difi culdade fi nanceira, até problemas intrínsecos ao sujeito como medo e insegurança. O terapeuta ocupacional realiza uma parceria com o sujeito e sua família, a fi m de auxilia-ló a tornar-se um agente ativo. Pode-se evidenciar ainda a necessidade do desenvolvimento da produção científi ca que contextualize a atuação e o objeto de estudo da Terapia Ocupacional na saúde mental.; The objectives of study is: determine the perception of individuals with mental disorders and their families about the occupational performance in daily activities and the diffi cultiesfor this and describe the contributions of Occupational Therapy to assist in the improvement of the occupational performance in these daily activities. This study is a qualitative...

Rising job insecurity, victimisation, and bullying mean we are getting angrier at work. And so we should be – anger often leads to change

Cotton, Elizabeth
Fonte: Blog post from London School of Economics & Political Science Publicador: Blog post from London School of Economics & Political Science
Tipo: Website; NonPeerReviewed Formato: application/pdf
Publicado em 27/09/2011 EN; EN
Relevância na Pesquisa
45.82%
With job insecurity and unemployment on the rise, many of us have reasons to get angry, and yet, anger is often seen as a character failing rather than a reaction to fear and uncertainty. In the second article in her series on public policy, work, and mental health Elizabeth Cotton looks at the virtues of getting angry.

Youth, fear and urban space in Cochabamba

Ostria,Gustavo Rodríguez; Serrano,Humberto Solares; Canedo,María Lourdes Zabala
Fonte: T'inkazos Publicador: T'inkazos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2008 EN
Relevância na Pesquisa
55.79%
For upper-middle-class young people in the city of Cochabamba, the limits of the habitable world are reached a few blocks away from the Plaza Colón, in the heart of the old city centre. Just metres further on begins an invisible wall that separates two worlds, two cultures and two aesthetics, where fear and insecurity play an important role. In this article, the authors share some of the findings from their research on young people and the decline of the public space in Cochabamba.