Página 1 dos resultados de 2113 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

Facebook : diálogos na rede social estimulando a participação de alunos nas olímpiadas científicas

Silva, Alessandra Lisboa da; Barbosa, Marcos Paulo
Fonte: Universidade Aberta; LE@D Publicador: Universidade Aberta; LE@D
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /12/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.35%
As redes sociais fazem parte da vida dos nossos alunos na atualidade. Estudos relatam experiências positivas das redes sociais como o Facebook utilizadas nos contextos educacionais, que passaram a ter outros significados vinculados à aprendizagem. O perfil colaborativo das redes sociais interativas como o Facebook potencializa a interação e dialogicidade entre professores e alunos, promovendo linguagem próxima da conversação e transformando o contexto escolar com jovens trabalhando em grupo desenvolvendo espírito colaborativo. O trabalho de investigação relata uma experiência de um grupo fechado do Facebook intitulado Projeto Matemática Todo Dia e Olimpíadas CEM09 que objetiva estimular a participação dos alunos em eventos científicos, gerar um canal de comunicação aberto, acesso mais rápido as informações e compartilhamentos de materiais voltados a preparação dos estudantes de uma escola pública de Brasília, participantes de olimpíadas científicas nacionais. Para as análises dos dados da pesquisa qualitativa e interpretativa foram utilizados registros do grupo do Facebook e das respostas do questionário Google docs. Os dados analisados apontaram que o Facebook contribuiu para o acesso às informações olímpicas...

O impacto da presença no Facebook para as marcas de grande consumo

Coelho, Joana Isabel Pereira Desport
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
37.38%
Dissertação de mestrado em Marketing e Gestão Estratégica; Um nome, um termo, um design, um símbolo ou outra característica que identifique o produto ou serviço de um vendedor do dos distintos vendedores. É deste modo que o constructo principal desta dissertação – a marca – é definido pela American Marketing Association (2007). Por sua vez, as marcas foram estudadas no âmbito da sua presença na rede social Facebook. O Facebook nasceu em fevereiro de 2004 na Universidade norte-americana de Harvard e só a partir de 2006 é que passou a estar disponível a todos aqueles que tenham 13 anos ou mais e um endereço de e-mail válido. Este estudo tem como objetivo perceber o impacto que a presença no Facebook tem para as marcas de grande consumo. Para atingir este propósito, foi desenvolvida uma análise quantitativa. Para recolha de dados foram desenvolvidos dois questionários, um para os consumidores e outro para as marcas. Grande parte das perguntas coincidia nos dois questionários, visto que o objetivo era perceber o ponto de vista dos consumidores e o das marcas em aspetos comuns. A amostra dos consumidores é constituída por 269 inquiridos e a das marcas por 42 marcas de grande consumo. Esta dissertação aborda questões...

A relação entre os utilizadores e as marcas no Facebook : TMN e Vodafone em estudo

Conde, Rita Maria Martins
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 11/02/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.38%
Através da presente investigação, pretendemos estudar a relação entre os utilizadores do Facebook em Portugal e as marcas presentes nesta plataforma. As principais questões exploradas são: a) o que motiva os utilizadores do Facebook a tornarem-se fãs de uma marca e a seguirem-na?; e b) quais são as suas expetativas e o que pensam sobre a utilização desta plataforma por parte das marcas?. Para responder às questões definidas, foram utilizados métodos mistos: inquérito por questionário e discussões de grupo. Estes métodos incluíram apenas os utilizadores de Facebook portugueses que seguem, no mínimo, uma marca nesta plataforma. Complementando uma abordagem exploratória mais genérica, estas questões foram aprofundadas relativamente a duas marcas nacionais - a TMN e a Vodafone – por serem as duas marcas de telecomunicações mais representativas no setor a nível nacional e por se encontrarem entre as cinco marcas com mais fãs no Facebook em Portugal. Neste sentido, propomo-nos a explicar as razões do desinteresse manifestado pelos utilizadores face às páginas destas marcas e a relação, não necessária, entre ser cliente e acompanhar, de fato, a(s) página(s) da rede no Facebook.; Through this investigation...

Social Media : a importância do Facebook na estratégia de comunicação

Mendes, Ana Isabel Peres Martins
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 08/03/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.44%
O tema desta tese é a importância do Facebook na estratégia de comunicação das marcas. Tendo em vista esta questão, procuramos compreender, através da revisão de literatura, como é que uma marca pode criar valor com a sua presença no Facebook. Criar uma página nesta rede social permite à marca conversar com o consumidor, possibilitando que ouça as suas sugestões e opiniões e que o incentive a passar a palavra, em particular através da partilha de publicações da marca. Tendo em conta estes aspetos, tornou-se pertinente perceber os diferentes níveis de interação do consumidor com uma marca no Facebook, e o que motiva o consumidor a essas interações. De modo a perceber a influência das cinco principais motivações, indicadas pela literatura - a procura por informação, a influência social, o entretenimento, a confiança e a remuneração – sobre a interação do consumidor com uma marca, no Facebook, recorreu-se à realização de um estudo exploratório quantitativo, que resultou na aplicação de um questionário a 160 utilizadores do Facebook. Através deste estudo procuramos ainda compreender a importância dada à presença das marcas, no Facebook, e os diferentes tipos de interação dos consumidores com a marca. Os resultados do estudo indicam que...

O impacto do Facebook na publicidade online : uma perspetiva Google versus Facebook

Branquinho, Inês Maria Pereira
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 28/02/2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.37%
Este trabalho teve como objetivo perceber qual o impacto do Facebook na publicidade online. Para tal, decidiu-se realizar uma comparação do seu modelo de negócio online, com o do Google, e perceber qual dos dois é mais eficaz para as empresas portuguesas, na área das telecomunicações, em Portugal. A metodologia utilizada para esta investigação assentou na utilização do crosssectional, um estudo observacional e descritivo que envolveu a recolha de dados, de uma certa população através de, neste caso, um questionário. Posteriormente cruzaram-se os dados obtidos, percebendo-se, assim, quais as variáveis que as empresas consideravam como mais importantes, aquando da sua implementação de campanhas online nestas plataformas. Aquilo que foi possível concluir através deste estudo resulta que o fator temporal, para estas empresas, não tem qualquer importância no seu processo de escolha. Isto é, o fato de o Google ter surgido primeiro que o Facebook, desenvolvendo o negócio nesta área, não influencia a sua escolha em detrimento da outra plataforma. O que estas sim, consideraram como importante, é a circunstância de o mesmo ser um motor de pesquisa, dando mais importância a isso do que ao Facebook como rede social. Além disso...

O facebook e os estudantes universitários: função, interacções e contributos da rede social

Teixeira, Marisa Alexandra Pinto
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.37%
Redes sociais são hoje serviços muito utilizados permitindo a comunicação, troca de informação, acesso a conteúdos, entre outras. Com mais de mil milhões de utilizadores, o Facebook é a rede mais usada. Assim, pretendeu-se saber quais as funções, interacções e contributos que o Facebook tem para os estudantes universitários. Após recolha de dados junto de 20 estudantes da Universidade de Évora, as respostas foram submetidas a uma análise de conteúdo, permitindo encontrar cinco grandes temas: Caracterização, Funcionalidade, Utilização, Aspectos Sociais e Privacidade do Facebook. Os resultados obtidos indicaram que os estudantes utilizam o Facebook para fins essencialmente sociais, como contacto com pessoas, incluindo amigos distantes ou novas pessoas e para partilha de informação, nomeadamente fotografias, músicas, vídeos, ou mesmo aspectos académicos. Estes resultados apontam para uma crescente utilização das redes sociais para comunicação e relações interpessoais, evidenciando a pertinência na investigação sobre os contributos que redes como o Facebook trazem; ABSTRACT: Social network services are now widely used enabling communication, information exchange, access to content, among others. With over a billion users...

O uso do facebook em empreendimentos turísticos da região centro

Rodrigues, Joana Isabel da Silva
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /05/2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.44%
O uso do Facebook nas redes sociais é visto como uma ferramenta de grande utilidade na divulgação/promoção junto dos empreendimentos turísticos. O estudo desta dissertação incide sobre o uso do Facebook nas empresas de hotelaria da região centro de Portugal e consistiu essencialmente na análise de um questionário sobre o uso do Facebook em empreendimentos turísticos desta Região. Com os objetivos alcançados, este estudo permitiu observar a presença e a frequência com que os empreendimentos turísticos utilizam as redes sociais, em particular o Facebook, para divulgação dos seus produtos/serviços, identificar a rede social usada pela indústria hoteleira, analisar que tipo de informação a indústria hoteleira publica nas redes sociais e ainda identificar que tipo de conteúdos gera maior interação pelos seguidores do Facebook. Com as respostas obtidas do questionário online, este estudo permitiu concluir: que o uso do Facebook é o mais utilizado como meio de divulgação dos empreendimentos turísticos; que estes têm por hábito, algumas vezes durante a semana, criarem formas de interação com os “Amigos”/“Seguidores” da página de Facebook do empreendimento turístico; que das informações partilhadas na página de Facebook dos empreendimentos turísticos as que têm maior impacto são publicadas em outros meios de comunicação sendo que os empreendimentos turísticos na adesão à rede social Facebook...

3G Facebook: social networks for the elderly

Graças, Gonçalo Gomes da Silva Santos das
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 ENG
Relevância na Pesquisa
37.48%
Tese de mestrado em Engenharia Informática, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2013; Uma mudança demográfica está a decorrer tanto na União Europeia (UE) como em outras nações e países industrializados. A população mundial está cada vez a envelhecer mais e como consequência, os índices de dependência que os idosos revelam estão notoriamente a aumentar. O aumento da longevidade é algo que também está a alterar a distribuição etária da população em relação aos grupos etários mais velhos e depois de 2010, tal mudança vai acelerar o seu ritmo na maioria dos países industrializados, à medida que os “baby boomers” começarem a atingir a idade dos sessenta e cinco anos. Alguns países – tais como a Austrália, o Canadá, a França, a Alemanha, o Japão, a Nova Zelândia, o Reino Unido, e os Estados Unidos – estão a sentir os efeitos do envelhecimento das suas populações em diversas áreas, tais como gastos na área da saúde, políticas de reforma, uso de serviços de cuidados de longo prazo, composição da mão-de-obra e concretamente nas receitas. O processo de envelhecimento está geralmente relacionado com a entrada na reforma, que por sua vez traz solidão e isolamento. Vários trabalhos anteriormente desenvolvidos na área demonstram que estes sentimentos estão ligados a pessoas que não têm por hábito comunicar com a família e/ou amigos mais próximos...

A dependência do facebook dos estudantes do ensino superior

Félix, Francisco Coimbra de Oliveira Domingues
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.42%
Mestrado em Marketing; O Facebook é utilizado por milhões de pessoas em Portugal. É um espaço de profusão de mensagens, que permite que os estudantes do ensino superior se relacionem, interajam e comuniquem entre si. É a maior rede social do mundo, e é utilizada diariamente pelos estudantes do ensino superior. No entanto os comportamentos destes últimos, relacionados com a frequência de utilização do Facebook podem evidenciar uma relação de dependência. Podendo esta relação trazer consequências negativas na vida social e escolar dos estudantes, analisou-se o nível de dependência do Facebook dos estudantes do ensino superior, e a sua relação com a produtividade escolar e posse de um Smartphone. A inclusão dos smartphones nesta investigação deve-se ao facto de haver cada vez mais estudantes do ensino superior com este objecto sendo que uma larga maioria utilizam-no para aceder ao Facebook. O smartphone pelas suas funcionalidades tornam o Facebook ainda mais ubíquo, e o seu acesso mais prático e tentador. Neste estudo foi possível inferir que há diferenças significativas no nível de dependência do Facebook dos estudantes do ensino superior que mais tempo acedem a esta rede social.; Facebook is used by millions of people in Portugal. It is a space for the profusion of messages and enables higher education students to relate...

Estudo da participação em eventos culturais divulgados através das redes sociais: o caso prático do Facebook

Rebelo, Márcia Filipa Franco
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
37.38%
Mestrado em Comunicação Cultura e Tecnologias da Informação; A presente dissertação estuda a participação em eventos culturais divulgados através das redes sociais, sendo estudado o caso prático do Facebook. Após um enquadramento teórico, propõe-se um modelo conceptual que identifica e analisa as hipóteses desta investigação. Defende-se que “a leitura de um convite para um evento recebido através do Facebook é positivamente influenciada pelo facto de ser enviado por um amigo”; “os utilizadores que lêem regularmente convites para eventos culturais que recebem através do Facebook, são aqueles que mais aceitam e participam nos mesmos eventos”; “os principais motivos que levam os utilizadores a aceitarem convites para eventos culturais feitos através do Facebook são: receber os convites por alguém conhecido, interesse pelo evento e comentários dos amigos acerca desse evento” e “os comentários dos amigos influenciam positivamente a aceitação e participação nos eventos culturais para os quais recebeu convite. Confirmam-se a maioria das hipóteses de investigação e a aferição empírica do modelo conceptual. Os resultados obtidos são pertinentes para as entidades culturais e para profissionais em organização de eventos. Estes devem ter particular atenção aos estudos realizados...

Réseaux sociaux et communication en temps de crises au Mali : l’exemple des groupes de discussion sur facebook

Sangare, Boukary
Fonte: Centro de Estudos Internacionais do Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL) Publicador: Centro de Estudos Internacionais do Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL)
Tipo: Parte de Livro
Publicado em //2014 FRA
Relevância na Pesquisa
37.38%
Il serait difficile de parler des crises de façon générale en Afrique (Printemps arabe, crise ivoirienne, crise malienne etc.) sans évoquer le rôle prépondérant joué par les réseaux sociaux, plus singulièrement Facebook, dans leur évolution globale. Le présent papier traite de l’usage de Facebook par les internautes maliens dans la diffusion des informations sur la crise au Mali. Eclatée en janvier 2012, la crise malienne a connu des tournures énormes à travers d’une part au nord, l’occupation des deux tiers du territoire national1 par des rebelles, islamistes, djihadistes, narcotrafiquants etc. et d’autre part, le sud dominé par le coup d’Etat, les tensions politiques, les manifestations pro-putchistes à Bamako réclamant la tenue de concertations nationales, la démission du gouvernement de transition etc. Ainsi Facebook est devenu le réseau social le plus utilisé par les internautes maliens et étrangers pour échanger, discuter et informer sur l’évolution de la crise au Mali. Des groupes de discussion, comme Anti-MNLA au Mali, Sofas de la République, Journal Foufou, Election Présidentielle au Mali, Douentza groupe etc. créés depuis le début des évènements sont de plus en plus dynamiques et véhiculent des informations relatives à l’actualité de la crise en temps réel. Au delà de son caractère informatif...

A Influência da Rede Social Facebook na Decisão de Voto

Gonçalves, Cláudia Isabel Silvério
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /09/2012 POR
Relevância na Pesquisa
37.38%
Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Comunicação Estratégica; A rede social Facebook reúne aproximadamente mil milhões de utilizadores em todo o mundo, segundo dados oficiais da própria empresa, e é o site com o maior número de páginas visitadas, por mês, em Portugal. Candidatos eleitorais, governantes e outras entidades públicas ao nível mundial utilizam cada vez mais o Facebook para comunicar com os respectivos públicos, procurando mobilizá-los para obter o seu apoio e voto. Apesar do consenso generalizado de que esta rede social desempenha progressivamente um papel de relevo nas campanhas eleitorais, o real impacto deste novo canal de comunicação na decisão de voto permanece questionável e envolto em debate, até pela sua dificuldade de mensuração. A presente investigação colocou assim como objectivos (i) apurar se a rede social Facebook contribui para a decisão de voto dos eleitores e (ii) construir um modelo preditor desse contributo, com base num conjunto de variáveis seleccionadas da revisão da literatura. Para tal, a metodologia seleccionada consistiu na pesquisa empírica qualitativa e quantitativa, através de um inquérito por questionário e respectiva análise estatística das respostas. A amostra reúne 1214 inquiridos...

A utilização da rede social Facebook nas bibliotecas escolares portuguesas (2010-2011).

Caldeira, Filipa Maria de Sousa Marinho da Silva
Fonte: Universidade Portucalense Publicador: Universidade Portucalense
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.45%
Orientação: Prof.º Doutor José António Frias e Prof.ª Doutora Manuela Barreto Nunes.; O surgimento da Internet e, mais tarde, as tecnologias da Web social, transformaram não só a forma as pessoas e instituições se relacionam entre si, como também a forma como lidam com a informação. Essas mudanças também têm interferido na forma como as bibliotecas respondem às necessidades informacionais dos seus utilizadores, pelo que a adesão às tecnologias 2.0 se tornou inevitável. Assim, a utilização das redes sociais virtuais tornou-se, nos últimos anos, uma via de difusão, armazenamento e partilha de conteúdos, através da chamada "inteligência coletiva". Uma dessas redes sociais virtuais, o Facebook, tem-se revelado um dos meios para atingir tal fim. Neste sentido, torna-se necessário averiguar de que forma as bibliotecas selecionam e estruturam a informação nestes espaços virtuais, assim como a interação que estabelecem com os seus utilizadores. Em Portugal tem-se assistido a uma crescente adesão das Bibliotecas Escolares a esta rede social, razão de ser deste estudo, no qual procuramos perceber, não só a forma com as bibliotecas escolares utilizam a ferramenta Facebook, como também os objetivos que pretendem alcançar e se esses objetivos são ou não atingidos...

Protection de la vie privée chez les jeunes adultes dans le contexte de leur utilisation de Facebook : ce qui dessine leurs choix

Goulet, Maripier
Fonte: Université de Montréal Publicador: Université de Montréal
Tipo: Thèse ou Mémoire numérique / Electronic Thesis or Dissertation
FR
Relevância na Pesquisa
37.42%
L’étude présentée dans ce mémoire concerne ce qui amène les jeunes adultes (18-25 ans) à afficher certains éléments et pas d’autres, sur Facebook, en relation avec leur conception personnelle de la vie privée. J’aborde ce processus en mobilisant les notions de présentation de soi, de relations en public et, plus particulièrement, de territoires du moi élaborées par le sociologue Erving Goffman (1973). Les territoires du moi sont ici perçus comme ce qui appartient à l’individu de manière privée et qu’il souhaite protéger. Ces notions de la pensée de Goffman sont pour moi interdépendantes puisque les territoires du moi d’une personne sont influencés à la fois par le rôle que la personne tient ainsi que par les normes et les règles encadrant l'interaction. Cette étude a été réalisée auprès de huit jeunes adultes âgés entre 18 et 25 ans. Une entrevue individuelle a été faite avec chacun d’entre eux. Lors de celle-ci, les participants avaient à présenter leur compte Facebook. Je les invitais, par exemple, à me raconter ce qui les motivait à afficher certaines choses, qui sont les personnes qui peuvent voir ces choses et, à l’inverse, ce qui n’a pas sa place sur la page Facebook et qui sont les personnes qui ne peuvent pas voir certaines publications. Suite à ce terrain...

Facebook : arquitetônica que organiza interações; Facebook : architectonic that organizes interactions

Katia Sayuri Fujisawa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/08/2015 PT
Relevância na Pesquisa
37.38%
Este trabalho tem por objetivo analisar o Facebook, um site de rede social propriamente dito, acessado mensalmente, em 2014, por 89 milhões de brasileiros, segundo informações da própria empresa . No Facebook, os usuários, atores da rede, conectam-se com outros atores e fazem suas enunciações por mensagens privadas, fotos, vídeos, diversos enunciados verbais ou multimodais, que compõem a cadeia de comunicação discursiva dentro dos limites do site (transposto pelo cadastramento de e-mail e senha válidos). A base teórica abrange o conceito de arquitetônica de Bakhtin e seu Círculo, alicerçado na avaliação social (mediadora entre os sistemas de avaliação - diversas linguagens - e a realidade concreta), a teoria dos gêneros do discurso, na perspectiva bakhitiniana, o conceito de rede social na internet, das lógicas comunicacionais e culturais, das gerações tecnológicas, dos multiletramentos, dos novos letramentos e de remidiação. A pesquisa fez uso da metodologia qualitativa observacional e com base em "documentos", documentos gerados a partir de navegação na web, utilizando o recurso de captura de tela para o registro, além de artigos da esfera jornalística. Pelo estudo, a arquitetônica do site de rede social Facebook tem por base os valores da cultura da visibilidade...

Autoestima e a utilização do Facebook

Sousa, Mariana Rodrigues Serrano Gomes de
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.38%
Mestrado em Marketing; As redes sociais têm vindo a ganhar um papel importante na rotina diária de cada pessoa e nas suas relações sociais. O Facebook é uma das redes sociais com mais sucesso, pois oferece diversas funcionalidades que permitem comunicar e partilhar o dia-a-dia com a rede de contactos escolhida por cada utilizador. Visto que esta rede social pode ser utilizada por qualquer pessoa que possua um endereço de email válido, a importância das funções disponibilizadas vai variar de utilizador para utilizador. O modo como cada indivíduo se apresenta no seu perfil do Facebook irá estar então intrinsecamente ligado à percepção de si próprio ou como deseja ser visto. Sendo que autoestima é a avaliação que cada pessoa faz de si própria, esta pode-se vir a refletir na maneira em como utilizamos o Facebook. Este estudo tem como objectivo entender a relação entre o Facebook e os diferentes níveis de autoestima dos seus utilizadores. Para isso, foi estudado o comportamento do utilizador quanto à sua atitude em relação ao Facebook, bem como o uso das suas funções que este disponibiliza. Foi aplicado um questionário online, tendo-se obtido de 352 respostas válidas, com questões relacionadas com a utilização da rede social e com a autoestima de cada um. Os resultados revelam que os utilizadores do Facebook valorizam de forma diferente as funcionalidade desta rede social...

A influência do modelo de aceitação da tecnologia na utilização da rede social Facebook na perspetiva do perfil pessoal

Ferreira, Daniela Bárbara de Sousa
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.38%
Dissertação de Mestrado apresentada ao Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto para a obtenção do grau de Mestre em Marketing Digital, sob orientação do Mestre José Duarte Santos; Atualmente, a Internet faz parte do nosso quotidiano destacando-se a utilização das redes sociais. É neste contexto que a rede social Facebook, criada em 2004 por Mark Zuckerberg, atinge níveis de utilização e de notoriedade bastante altos. Considerando que o Facebook não pode ser menosprezado pelo Marketing e que o seu uso, por parte dos utilizadores pessoais, pode ser condicionado por alguns fatores, neste estudo procuramos obter informações acerca de variáveis que poderão influenciar a utilização da rede social Facebook na perspetiva do perfil pessoal, tendo como base de partida para a investigação o TAM - Technology Acceptance Model e outros modelos que evoluíram a partir do primeiro. Assim, apresentamos a proposta de um novo modelo, incorporando nove dimensões, sendo quatro resultantes da preocupação em contemplar as características e funcionalidades do Facebook. Para validar o modelo e as catorze hipóteses apresentadas efetuou-se um estudo empírico de natureza quantitativa, com recurso a um questionário online...

A influência do eWOM gerado pelos grupos de referência no Facebook, em Portugal

Gomes, Ângelo Telmo Monteiro
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
37.38%
Dissertação apresentada ao Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto para a obtenção do Grau de Mestre em Marketing Digital. Orientado por Mestre Inês Veiga Pereira; A Internet veio facilitar a pesquisa de informações sobre produtos e marcas. A nova dinâmica na interação dos consumidores possibilitada pelas redes sociais, permitiu aos consumidores o acesso a muitas opiniões registadas por outros consumidores (Riegner, 2007). Para Siegel (1999) muitos sites de marcas na internet utilizam como esforço de persuasão depoimentos de indivíduos que consumiram os produtos dessas marcas. Com o aparecimento das redes sociais o consumidor passa a produzir conteúdos e a necessidade dos consumidores exprimirem as suas opiniões e experiencias de compra e consumo tomou novas proporções. O Facebook é atualmente a rede social de maior sucesso mundial, tornando-se imperativo conhecer o comportamento do consumidor nesta plataforma. Este estudo permitiu através de uma amostra de conveniência de 719 indivíduos perceber a influência do eWOM gerado pelos Grupos de referência no Facebook, em Portugal. Adicionalmente analisou-se a utilização desta rede social para pesquisa de informações sobre marcas e partilha de outras informações. Conclui-se que...

Facebook: perigos e seguranças na educação escolar

Mattos, Juliane De
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.41%
Esta monografia apresenta uma discussão sobre o tema “Facebook: Perigos e Segurança, na Educação Escolar”. E o faz considerando a questão problema: “a que perigos e a que seguranças adolescentes estão expostos quando fazem uso da rede social Facebook?”. Tendo-se uma direção sobre a fundamentação teórica, se buscou aporte, em autores de relevância estudados no decorrer do curso, capazes de contribuir para a construção do referencial e, igualmente, para dar concretude ao tema, permitindo que se chegasse aos fins propostos: analisar perigos e seguranças do uso do Facebook na educação escolar e reconhecer as possibilidades de utilização responsável e segura da rede social facebook na educação escolar; reconhecer os perigos provenientes do seu mau uso e apresentar uma proposta de ensino mediada pela informática sob o tema do uso consciente e responsável do facebook no ensino fundamental. A partir daí, pretendeu-se chegar ao objetivo geral de discutir em torno da o estudo investigativo sobre os perigos e seguranças do uso do Facebook, na educação escolar. Revisando-se a teoria pode se chegar à certeza de que um estudo sobre o uso das redes sociais na educação tem extrema importância e pode representar oportunidades de novas pesquisas sobre o tema. E chegou-se...

O Facebook como canal de comunicação e interação nas bibliotecas universitárias : o caso da UFRGS

Silva, Adaiane Oliveira da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.44%
Objetiva estudar a comunicação das bibliotecas universitárias da UFRGS com suas comunidades usuárias por intermédio do Facebook, assim como as interações ocorridas nesta rede social virtual, a partir dos conteúdos publicados por estas unidades de informação. Contextualiza, teoricamente, Bibliotecas Universitárias, Web 2.0, Biblioteca 2.0, Redes Sociais, Facebook e Facebook nas Bibliotecas Universitárias. Apresenta uma pesquisa descritiva e exploratória, com um universo de oito bibliotecas da UFRGS que aderiram ao uso do Facebook. Usa como procedimento técnico a pesquisa de campo, com abordagem quanti-qualitativa. Os dados quantitativos são levantados por meio de formulário, através de observações sistemáticas; os qualitativos por meio de entrevistas estruturadas, aplicadas junto aos responsáveis pela manutenção do Facebook. Utiliza a estatística para análise dos dados quantitativos e o método análise de conteúdo para os dados coletados nas entrevistas. Mostra que menos da metade das bibliotecas universitárias da UFRGS possui Facebook, sendo que o perfil é a forma de presença mais incidente. Exibe os tipos de informação divulgados pelas bibliotecas e as interações ocorridas nestes. Averigua como foram criadas as contas do Facebook pelas bibliotecas...