Página 1 dos resultados de 4664 itens digitais encontrados em 0.015 segundos

Popularização do autoexame da boca: um exemplo de educação não formal - Parte II; Popularization of oral self-examination: an example of non formal education - Part II

ALMEIDA, Fernanda Campos Sousa de; SILVA, Dorival Pedroso da; AMOROSO, Maria Alice; DIAS, Reinaldo de Brito e; CRIVELLO JUNIOR, Oswaldo; ARAÚJO, Maria Ercilia de
Fonte: Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva Publicador: Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.22%
Um dos maiores desafios das universidades, em especial das públicas, é transpor o conhecimento científico produzido entre seus muros para a população em geral. A educação não formal é uma ferramenta importante e ainda pouco utilizada pelos pesquisadores e docentes para aproximar o cotidiano do conhecimento científico. O câncer de boca atinge mais 11.000 brasileiros por ano. A despeito da alta incidência, esta patologia é ainda pouco conhecida da população em geral e de parte da classe médica e odontológica. Baseando-se nos dados epidemiológicos, em pesquisas e artigos científicos, o câncer de boca foi o tema eleito para a ação em educação e comunicação da primeira campanha nacional, de caráter não governamental, de prevenção de câncer de boca, um ótimo exemplo de como isso pode ser feito. Este trabalho se propõe a descrever a metodologia de comunicação utilizada e os resultados obtidos nesta experiência.; One of the largest challenges of the universities, especially the public ones, is to transpose the scientific knowledge produced into their walls for the general population. The non-formal education is an important tool, and yet very little used by researchers and professors to approximate the scientific knowledge. The oral cancer reaches more than 11.000 Brazilians a year. In spite of the high incidence...

Educação não formal de crianças e adolescentes: expectativas quanto ao programa de núcleos comunitários em Campinas, SP.; Infantile and juvenile non-formal education: expectations about the program núcleos comunitários em Campinas (Campinas Community Center), SP.

Oliveira, Cristiane Gonçalves de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/03/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.29%
O problema proposto para esta pesquisa é: como se relacionam as expectativas das pessoas implicadas no programa de Núcleos Comunitários de Crianças e Adolescentes frente a este mesmo programa? Trata-se de uma política municipal em Campinas, SP, destinado a crianças e adolescentes de 7 a 14 anos no período inverso ao escolar, numa proposta de educação não formal. A hipótese principal é que aquelas expectativas são basicamente convergentes, embora haja também pontos nos quais divergem ou em relação aos quais se confrontam. Foi feita uma reconstituição histórica do programa, situando-o nas variações de significados das noções de infância, adolescência, assistência social, educação integral, educação não formal. Além da coleta de documentos oficiais e da sistematização de registros de matrículas, o estudo do caso empregou entrevistas abertas com roteiro semi-estruturado. O objetivo central foi identificar as expectativas das pessoas implicadas no programa, considerando os grupos: usuários (crianças, pré-adolescentes, adolescentes e jovens egressos); famílias (mães de crianças, de pré-adolescentes, de adolescentes e de jovens); profissionais (monitoras e assistentes sociais); autoridades (coordenadoras regionais e setoriais; diretora e secretários municipais). Os grandes aspectos do programa examinados foram: apoio à escola; formação para o trabalho; sociabilidade; proteção. A análise procurou estabelecer se as expectativas convergiam...

Um diálogo entre a política cultural e a educação não-formal: contribuições para o processo de constituição da cidadania das pessoas com deficiência; A dialogue between cultural policies and non-formal education: contributions to the process of citizenship building for disabled people

Vidal, Jussara
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/03/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.25%
Esta pesquisa qualitativa busca estabelecer um diálogo entre a política cultural e a educação não-formal, destacando a importância de tal relação para a constituição da cidadania das pessoas com deficiência. A pouca visibilidade dessas pessoas provoca sua exclusão das políticas públicas. Nessa lógica cria-se um ciclo, pois face à inexistência de serviços não há inclusão e, conseqüentemente, a falta de visibilidade contribui para que a discriminação continue (BIELER, 2005). Assim, evoca-se a responsabilidade do Estado na formulação de políticas públicas no caso deste estudo mais especificamente as políticas culturais que possibilitem a ruptura do ciclo da invisibilidade, proporcionando a essas pessoas maior acesso à cidade, aos bens culturais e à vida comunitária. Esse segmento normalmente é ignorado na formulação das políticas culturais que parecem mais voltadas para a produção de eventos e atividades artísticas. Neste estudo concebe-se a cultura num sentido amplo, encontrada em todas as dimensões da sociedade, presente ao longo da história e no cotidiano das pessoas, num conjunto de símbolos e significados com os quais os homens criam a própria vida social, atribuindo significados às suas experiências (BRANDÃO...

Terceiro Setor e educação não formal: o impacto da formação continuada da ação comunitária na consciência política de educadores sociais das organizações conveniadas da zona sul e região metropolitana de São Paulo; Third sector and non-formal education: the impact of the continuing education of Ação Comunitária in the political consciousness of social educators partner organizations from south area and São Paulo metropolitan region

Grégorio, Maria Eugenia Augusto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 07/11/2014 PT
Relevância na Pesquisa
66.27%
A presente pesquisa teve por objetivo analisar o impacto da formação continuada na Consciência Política de educadores sociais. Considerando as práticas de Educação Não Formal e a reconfiguração neoliberal entre Estado, mercado e sociedade civil a partir dos anos de 1990 no Brasil, foi estudada a formação continuada de uma Organização do Terceiro Setor, a Ação Comunitária, localizada no bairro do Campo Limpo, zona sul da cidade de São Paulo que firma convênios com Organizações de bairro da zona sul e região metropolitana de São Paulo para a oferta de Programas socioeducativos e formação continuada para líderes comunitários, gestores e educadores sociais. Foi realizada uma pesquisa qualitativa com documentos públicos e internos da Ação Comunitária; grupo focal, entrevistas semiestruturadas e observação das aulas com os educadores sociais. Para a análise, foi utilizada a Análise de Conteúdo relacionando-a ao referencial teórico da Consciência Política. Os documentos revelaram que a formação continuada tem um modelo neoliberal construído dado o contexto onde está inserida contribuindo para a ampliação do desmantelamento do Estado quase como um caminho sem volta. O grupo focal, as entrevistas e a observação das aulas dos educadores sociais revelaram que a sua Consciência Política vem se construindo numa relação de oposição à Escola.; The present research aimed to analyze the impact of continuing training in political consciousness of social educators. Considering the practices of Non-Formal education and neoliberal rewriting between State...

Estudo exploratório sobre a delimitação e práticas contemporâneas da educação não formal

Perez, Deivis
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 28-40
POR
Relevância na Pesquisa
56.42%
This paper presents the survey, demarcation and discussion of different forms of education, which are education unintentional or intentional informal education, which unfolds in formal and non-formal education. The study of the proposed theme was carried through the review, critical analysis and synthesis of academic and scientific literature relevant to different forms of education. It approaches so prominent non-formal education, due to the significant rise of the practices related to it and increase the visibility of the professionals who took teaching as craft specifically in this educational modality. The main sub-areas of non-formal education presented in the article are: corporate education, non-formal education in social held on nongovernmental organizations (NGOs), non-formal education aimed at prevention and health promotion, formation of free courses to people in different areas of knowledge and practice. At the end, pointing to the importance of considering the non-formal education records within its ambit the existence of political and pedagogical rationales different, even opposite, which requires teachers and researchers in the educational field constant vigilance epistemological, so to contribute to the construction and consolidation of a critical education...

A educação não-formal como acontecimento; The non formal education as event

Valeria Aroeira Garcia
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/05/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.39%
Esta pesquisa se propõe a analisar a criação do conceito de educação nãoformal partindo da filosofia deleuziana, que compreende a criação de um conceito com seus movimentos e suas recriações. Nessa perspectiva, defendemos a educação não-formal como um conceito autônomo, com fazeres particulares e um campo próprio, a partir de uma lógica específica de funcionamento. Através de uma pesquisa bibliográfica, considerando autores internacionais, especialmente espanhóis, norteamericanos e autores brasileiros, a trajetória histórica do conceito de educação não-formal é apresentada, tanto internacionalmente, quanto nacionalmente. A educação não-formal é analisada a partir das políticas públicas para crianças, adolescentes e jovens, e nesse contexto é considerada sua relação com a educação social, assim como uma pequena apresentação e discussão da trajetória da educação social no Brasil. Foram pesquisadas três instituições de caráter não-formal em Campinas (SP) e região, sendo uma de origem religiosa, uma vinculada ao poder público e uma de caráter comunitário. A partir da pesquisa de campo, as concepções dos educadores dessas instituições foram consideradas como constituintes da criação de nuances do conceito de educação não-formal. Consideramos ainda as idéias divulgadas pela grande imprensa sobre os fazeres da educação não-formal e como os meios de comunicação vêm divulgando esse campo. Dessa maneira...

Roda de conversa na educação não-formal : conflitos e diálogos em busca do encontro para a convivência e o respeiro às diferenças; Conversation circles in non-formal education : conflict and dialogues in search of meeting for the coexitence and respect for differences

Mara Rita Oriolo de Almeida
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/02/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.26%
O presente trabalho apresenta a prática da roda de conversa e sua importância para uma educação que busca a emancipação e a autonomia. A pesquisa aconteceu em duas instituições do município de Campinas/SP, PROGEN (Projeto Gente Nova - atende crianças e adolescentes na Vila Castelo Branco e mediações) e CPTI (Centro Promocional Tia Ileide que atende crianças e adolescentes no Distrito de Nova Aparecida), que têm um trabalho consolidado no âmbito da educação não-formal e a roda como atividade para a busca do diálogo. Teve por objetivo observar as rodas de conversa realizadas nas instituições citadas e entrevistar crianças de 07 a 11 anos participantes dos dois projetos, utilizando a História Oral. Partiu-se da hipótese de que a roda de conversa, quando mal utilizada, ao invés de proporcionar processos de diálogo, emancipação e participação, permite o silenciamento dos sujeitos, uma vez que funciona como instrumento de controle, vigilância e contenção. A pesquisa tem abordagem dialética e caráter de pesquisa participante. Tem como pressupostos teóricos as obras de Paulo Freire, Antonio Gramsci e Istvan Mészáros para a discussão de educação emancipatória e trabalhos de Alessandro Portelli, Zeila Demartini e Olga von Simson para a metodologia da História Oral...

Educação não-formal, sexualidade e violência : possibilidades de enfrentamento da exploração infanto juvenil; Non formal education, sexuality and violence : possibilities for dealing with the sexual exploration of children and youth

Mônica Alves Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/02/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.27%
A exploração sexual infanto-juvenil é um fenômeno presente na sociedade brasileira e tema que têm ganhado espaço nos meios acadêmico, de comunicação e político. Frente a essa problemática, como uma das formas de enfrentamento ao fenômeno, sociedade e Estado vêm se organizando e implementando ações de intervenção junto às crianças e jovens que vivenciam a exploração sexual. Este trabalho buscou investigar uma experiência de educação não-formal que acontece no município de Campinas (SP), o Projeto EESCCA, desenvolvido pela organização nãogovernamental (ONG) Centro de Educação e Assessoria Popular (CEDAP), e cuja proposta é o trabalho com jovens em situação de exploração sexual comercial. A realização desse trabalho se deu através de uma pesquisa qualitativa de caráter etnográfico e participante. Fez-se uso de observação participante e de entrevistas como técnicas para o trabalho de campo. Buscou-se analisar as práticas e ações educativas e os sentidos atribuídos a esse contexto pelos sujeitos participantes do Projeto EESCCA, ou seja, profissionais e jovens. Para tanto, buscou-se essa compreensão a partir de teorias a respeito da educação não formal, de estudos sobre a exploração sexual comercial e de alguns aspectos abordados no livro Respeito...

Educação não-formal e religiosidade : outro front para o debate da laicidade do Estado; Non-Formal Education and Religiousness : another front for the discussion of secular State

Denis Alves de Souza
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/08/2014 PT
Relevância na Pesquisa
66.26%
O objetivo da pesquisa é analisar a participação das instituições religiosas nos serviços sociais (educação não formal) conveniados com a Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento de São Paulo (SMADS), com vistas a identificar a presença ou não da prática de proselitismo religioso e mecanismos de controle por parte do poder público. Assim, a pesquisa pretende contribuir para a ampliação do debate em torno da laicidade da educação através da modalidade de educação não formal. Para isto, tivemos, como objeto de análise, dois projetos educativos destinados ao atendimento de crianças e adolescentes. Estes projetos são oferecidos à sociedade paulistana por instituições religiosas (católica e evangélica) e são financiadas pelo poder público, através da rede de serviços sociais da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de São Paulo (SMADS). A constatação de proselitismo religioso nos projetos analisados mostrou que as instituições religiosas de maior representatividade no país possuem, além da escola pública, outra via estratégica para a disseminação de suas crenças: o serviço social público. Deste modo, procuramos estabelecer o nexo causal da predominância religiosa na composição do terceiro setor...

O Planetário: Espaço Educativo Não Formal Qualificando Professores da Segunda Fase do Ensino Fundamental para o Ensino Formal; The Planetarium: Space Qualified non-formal educational Teachers of the Second Stage of Primary School to formal education

MARTINS, Cláudio Souza
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Educação em Ciências e Matemática; Ciências Exatas e da Terra Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Educação em Ciências e Matemática; Ciências Exatas e da Terra
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.34%
Despite the changes introduced in the Brazilian Educational System since the LDB from 1996, and of the introduction in the PCN s Natural Science of the transversal theme Earth and the Universe, it is still practically null the knowledge of the teachers about the Astronomy concepts presents in the school curriculum, the formal Education scope. This work emphasizes the need and importance of the study of Astronomy, analyses how the Museums and Science Centers, in particular Planetariums, as non-formal education spaces, can suppress partially this need, having in account that the education is not restricted to the classrooms, but happens on a diversity of other spaces where the human life develops and proposes a kind of minimize the teaching formation deficiencies to treat this theme. The Planetariums, devices destined to reproduce the starry sky, with the Sun, the Moon and the planets, as well as other astros, with their movements as we see then from Earth s surface, exist since Archimedes. It s conception evolved from small celestial globes and armillary spheres that can be placed on a table to huge Planetariums with thirty to forty meters of diameter domes, capable of shelter in it s interior three hundred people, and capable of simulating space travels through the Solar System or beyond the limits of our Galaxy to the frontiers of the known Universe. A special attention is given to the Planetarium of the UFG...

A olimpiada brasileira de física em Goiás enquanto ferramenta para a alfabetização científica: tradução de uma educação não formal; The Brazilian Physics Olympiad in Goiás as a tool for science literacy: translation of a non-formal education

SÁ, Karlla Karollina de
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Letras e Linguística; Lingüística, Letras e Artes Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Letras e Linguística; Lingüística, Letras e Artes
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.3%
This paper examines the reality and prospects of the Brazilian Physics Olympiad in Goiás as a possible tool of scientific literacy in the manner of a non-formal education. Reflects on the history, relevance and general characteristics of that Olympics. Analyze science education as a cornerstone in the promotion of citizenship and the quest for sustainable economic, environmental, cultural, social, and to help break the stereotype of science as intangible. Presents an analysis, diagnostic tests, the evidence of the Brazilian Physics Olympiad, pointing suggestions of issues in context and better prepared. It is proposed to Brazilian Physics Olympiad as a contextual education partner and as we historically Brazilian Olympiad of Astronomy and Astronautics. The work highlights also the Brazilian Physics Olympiad as non-formal education, a characteristic that helps in the fulfillment of the education. Paper also an analysis of the vision of those involved in the Olympics, namely teachers, students and coordinators; Este trabalho analisa a realidade e perspectivas da Olimpíada Brasileira de Física em Goiás enquanto possível ferramenta de alfabetização científica nos moldes de uma educação não formal. Tece considerações sobre a história...

O movimento escoteiro e as contribuições da educação não formal para o ensino de geografia e cartografia; The scout movement and the contributions of non-formal education for the teaching of geography and cartography

Sabota, Heitor Silva
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Geografia (IESA); Instituto de Estudos Socioambientais - IESA (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Geografia (IESA); Instituto de Estudos Socioambientais - IESA (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.29%
This paper refers to the contributions and colaborations of non-formal education to the formal knowlodge of Geography and Cartography. For that, it was realized a Participant research in Scouting and in the State Public Education. This investigation ocurred between 2012 and 2013, in Goiânia-GO, at Escoteiro Goias group and at Carlos Alberto de Deus State College. The research discuss how the adoption of methodologies, which involves the apprentice's routine, affects directly the process of construction of the cartography and geography knowledge. The gold of the paper was investigate the contributions of the scouting to the Geography knowledge using teaching strategies used by the movement, turned to the understanding of the physical space and the Cartographic language. To accomplish that gold, it was analyzed: the history of scouting, the theoretic grounding of the project and of the educated method of this institution and the education practices that were done. After those steps,it was also made a didactic intervention in the formal teaching, starting from the observation and systematization of three scouting activities that presented significant efficiency in the mediation of topics and Geographic and Cartographic's definitions. After the pedagogical practice...

Contribuição do ensino não formal para o desenvolvimento de competências do currículo de ciências do 3º Ciclo do Ensino Básico

Borges, Isabel Maria Rato Pinto de Almeida
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
56.4%
Dissertação de Mestrado em Supervisão Pedagógica apresentada à Universidade Aberta; A realização deste estudo para dissertação de mestrado resultou fundamentalmente de experiência profissional da investigadora, docente de Física e de Química do 3º Ciclo do Ensino Básico e do Ensino Secundário e do seu recurso frequente a contextos de ensino não formal. Consequentemente, ao longo do tempo foi-se desenhando a percepção empírica sobre as potencialidades do ensino não formal como contributo válido para a educação e formação integral dos seus alunos em ciências, com aquisição e desenvolvimento de competências, simultaneamente finalidades dos currículos do ensino formal. A fim de explicitar e fundamentar essa percepção, o estudo focou as aprendizagens de um grupo de 26 alunos do 8º ano de uma escola pública da Amadora, proporcionadas por contextos de ensino não formal num centro de ciência em Sintra. Partiu-se do pressuposto que a possível diversidade de processos de ensino planeados e desenvolvidos em contexto formal de ensino das ciências deve convergir no desenvolvimento de competências gerais, essenciais e específicas, enunciadas no Currículo Nacional do Ensino Básico para as Ciências Físicas e Naturais. O problema da investigação foi então...

Gênero, sexualidade e educação formal no Brasil: uma análise preliminar da produção acadêmica entre 1990 e 2006; Gender, sexuality and formal education in Brazil: a preliminary analysis of the academic production between 1990 and 2006; Genré, sexualité et éducation formelle au Brésil: une analyse préliminaire de la production universitaire entre 1990 et 2006

VIANNA, Claudia Pereira; CARVALHO, Marilia Pinto de; SCHILLING, Flavia Ines; MOREIRA, Maria de Fatima Salum
Fonte: Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes Publicador: Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.29%
Este artigo apresenta resultados da pesquisa Democratizando o conhecimento: o estado da arte sobre gênero e educação formal como subsídio para a formulação de agendas e ações de políticas governamentais e não governamentais. Desenvolvida entre 2006 e 2007, teve por objetivo atualizar, sistematizar e difundir o conhecimento acumulado na produção acadêmica nacional sobre a educação formal em seu cruzamento com as temáticas de gênero, mulheres e/ou sexualidade. Organizou-se um banco de dados com 1.213 títulos e resumos de dissertações, teses e artigos. Aqui destacamos os desafios de caráter teórico, voltados para uma melhor compreensão dos conceitos perseguidos pelo levantamento, e os de caráter metodológico, tais como a definição dos descritores e de fontes a serem investigadas. Concluímos com a apresentação de tabelas e gráficos que traçam um retrato inicial do material disponível na base e indicam que as temáticas foram objeto de interesse crescente dentro do período estudado.; This paper refers to the results of a research called Democratizing knowledge: the state-of-the-art about gender and formal education as a resource to formulate governmental and nongovernmental agendas and political actions. Conducted through 2006-2007...

Definição e abordagem de currículo: exame de um curso de formação de professores para a educação não formal em Ongs; Definition of curriculum and approach: study of a training course for teachers of non-formal education in NGOs

Perez, Deivis; UNESP - Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho Departamento de Psicologia Evolutiva, Social e Escolar
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; "Avaliados por pares"; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em 18/06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.18%
http://dx.doi.org/10.5902/198464448472 Este artigo apresenta pesquisa cujo objetivo foi analisar a definição e abordagem de currículo norteadores da formação de professores para o trabalho na educação não formal em organizações não governamentais (Ongs). Optou-se pela perspectiva qualitativa de pesquisa e estudo de caso do curso Formação de Professores para Ongs, desenvolvido por Ong de São Paulo-SP. Os instrumentos de pesquisa foram: análise dos documentos do curso, entrevistas semidiretivas com formadores e coordenador e revisão da literatura. Nesse curso define-se currículo como caminho a ser percorrido por alunos e formadores e como organizador das temáticas estudadas. Adota-se abordagem nomeada Currículo Integrado, em que o ensino ocorre pelo estudo de situações-problema e projetos integradores das aprendizagens. Ao final, sugere-se aperfeiçoamento do curso e seguem informações que, espera-se, apoiem a produção ulterior de pesquisas comparativas. ; This article presents a research aimed to analyze the approach and the definition of guiding curriculum of teacher training for work in the non-formal education in non-governmental organizations(NGOs). We opted for a qualitative approach and case study of Teacher Training Course for NGOs...

EDUCAÇÃO NÃO FORMAL E ANIMAÇÃO SOCIOCULTURAL: LAZER E TURISMO NO CONTEXTO DO PATRIMÔNIO CULTURAL RURAL NO ESTADO DE SÃO PAULO (BRASIL); EDUCACIÓN NO FORMAL Y ANIMACIÓN SOCIOCULTURAL: OCIO Y TURISMO EN EL CONTEXTO DEL PATRIMONIO CULTURAL RURAL EN REGIÓN DE SAO PAULO (BRASIL); NON-FORMAL EDUCATION AND SOCIOCULTURAL ANIMATION: LEISURE AND TOURISM IN THE CONTEXT OF CULTURAL RURAL HERITAGE IN STATE OF SAO PAULO (BRAZIL)

Lima, Lívia Morais Garcia
Fonte: ANPEL Publicador: ANPEL
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Avaliado por Pares Formato: application/pdf
Publicado em 18/05/2015 POR
Relevância na Pesquisa
66.34%
Este artigo tem por objetivo analisar o papel e as possibilidades da atividade turística e de lazer na educação, reabilitação e promoção do patrimônio cultural rural em fazendas históricas paulistas, como uma das modalidades da animação sociocultural. Esse processo foi realizado a partir da metodologia da História Oral onde o patrimônio é explorado como espaço turístico educacional dentro do campo da educação não formal, voltado para o público adulto e idoso. Este estudo vem contribuir para uma reflexão no campo da educação não formal não como alternativa à escolarização, mas como parte integrante da discussão do tempo livre e do lazer como um campo da educação não formal que continua existindo ao longo da vida do indivíduo.; Este artículo tiene como objetivo examinar el papel y las posibilidades del turismo y del ocio en la educación, la rehabilitación y la promoción del patrimonio cultural rural en haciendas históricas en región de São Paulo, como una de las modalidades de la animación sociocultural. Este proceso se llevó a cabo sobre la base de la metodología de la historia oral en el que el patrimonio es explorado como una área turística educativa en el campo de la educación no formal...

Optical geometry demonstration: a proposal for non-formal education environment; Demonstrações em óptica geométrica: uma proposta de montagem para ambientes de educação não formal

Silva, Osmar Henrique Moura; Universidade Estadual de Londrina; Zaparolli, Ferdinando Vinicius Domenes; Universidade Estadual de Londrina; Arruda, Sérgio de Mello; Universidade Estadual de Londrina
Fonte: Imprensa Universitária - UFSC Publicador: Imprensa Universitária - UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 14/12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.27%
http://dx.doi.org/10.5007/2175-7941.2012v29n3p1188Centers of non-formal education, such as Science and Technology Museums, are commonly interested in engaging demonstrations in which visitors freely interact by themselves in what is expected to be a fun and different way to acquire scientific knowledge. This work presents an automated equipment to adapted standard 127V electricity covering demonstrations of geometrical optics usually performed with a beam of light incident on a plan-convex lens focused on a trigonometric rotating circle. It contributes to the development of the alternative environments typically useful for non-formal education as any interested in this type of demonstration.; http://dx.doi.org/10.5007/2175-7941.2012v29n3p1188Centros de educação não formal, como museus de ciência e tecnologia (MCTs), comumente interessam em demonstrações cativantes em que os visitantes, por si só, interajam livremente no que se espera ser uma forma diferente e divertida de envolver o conhecimento científico. Este trabalho apresenta a montagem de um equipamento automatizado à energia elétrica padrão de 127 V que abrange as demonstrações de óptica geométrica costumeiramente realizadas com um raio de luz incidente em uma lente cilindro-plano-convexa centrada em um círculo trigonométrico giratório. Dessa forma...

Escola, educação não-formal e a formação do profissional de Educação Físicadoi: 10.5007/2175-8042.2010v22n35p286; SCHOOL, NON-FORMAL EDUCATION AND THE FORMATION OF PHYSICAL EDUCATION PROFESSIONALS

Bendrath, Eduard Angelo; Faculdade de Tecnologia e Ciências de Vitória da Conquista, BA
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 30/06/2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.35%
O presente artigo procura fazer uma discussão do novo cenário educacional no Brasil, especificamente aquele voltado para o modelo de educação não-formal. É apresentado o contexto atual e indaga-se sobre a formação em Educação Física, que dentro da atual legislação do MEC não possui diretrizes para a formação profissional nesse segmento, criando uma confusão conceitual sobre a responsabilidade de atuação nos programas de educação não-formal, criando lacunas em um setor de importância não só para a Educação Física, mas como para a sociedade que se beneficia desse modelo educacional que cresce a cada ano.; This article aims at discussing the new education patterns in Brazil, specially the one dedicated to non-formal education design. The current context of The Educations is shown by raising questions about the education in the field of Physical Education, within the current Brazilian Culture and Education Ministry (MEC) has no specific guidelines for professional education in this field, so that causes a conceptual confusion about the responsibility of non-formal education programs, that creates a gap in a important area not only for Physical Education, but also to the society who gets benefits from this kind of education which grows every year.

Esporte e educação não-formal no contexto do Programa Abrindo Espaços da UNESCO; Sport and non-formal education in the context of space program opening of Unesco

Bendrath, Eduard Angelo; UNESP
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 13/09/2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.26%
http://dx.doi.org/10.5007/2175-8042.2012v24n38p123A adoção de medidas que visam contribuir para a aproximação entre Escola e Comunidade passaram a ser uma das grandes apostas da UNESCO para a melhoria da qualidade da educação e redução da violência entre jovens no Brasil. Nesse sentido o Programa Abrindo Espaços, matriz pedagógica conceitual da organização, propõe a abertura das escolas públicas aos finais de semana, oferecendo à comunidade acesso a projetos baseados no modelo de educação não-formal, sendo o esporte um eixo fundamental nessa ação. Esse texto visa, portanto, discutir os conceitos teóricos relativos à implantação dessa política pública, identificando os marcos de aproximação entre esporte e educação não-formal na proposta da UNESCO.; The adoption of actions aiming to contribute to the rapprochement between schooland community became one of the major tasks UNESCO to improve the quality ofthe education and reduce youth violence in Brazil. In that sense, the Abrindo EspaçosProgram, pedagogical conceptual source of the organization, proposes the openingof public schools on weekends, offering the community access to projects based onthe non-formal education model, with sports practice being at the basis of the project.Therefore...

Perceptions of registered nurses in four state health insititutions on continuing formal education

Richards,L; Potgieter,E
Fonte: Curationis Publicador: Curationis
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 EN
Relevância na Pesquisa
66.33%
This study investigated registered nurses in four selected state health institutions' perceptions with regard to continuing formal education. The relevance of continuing formal education is being emphasised globally by the increasing quest for quality assurance and quality management systems within an ethos of continuous improvement. According to Tlholoe (2006:5), it is important to be committed to continual learning, as people's knowledge become less relevant because skills gained early in a career are insufficient to avoid costly mistakes made through ignorance. Continuing formal education in nursing is a key element to the maintenance of quality in health care delivery. The study described: • registered nurses’ views on continuing formal education • registered nurses’ perceived barriers to continuing formal education A quantitative descriptive survey design was chosen using a questionnaire for data collection. The sample consisted of 40 registered nurses working at four state health institutions in the Western Cape Province, South Africa. Convenience sampling was selected to include registered nurses who were on duty on the days during which the researcher visited the health institutions to distribute the questionnaires. The questionnaire contained mainly closed-ended and a few open-ended questions. Content validity of the instrument was ensured by doing a thorough literature review before construction of items and a pretest. Reliability was established by the pretest and providing the same information to all respondents before completion of the questionnaires. The ethical considerations of informed consent...