Página 1 dos resultados de 5201 itens digitais encontrados em 0.017 segundos

As fraudes no Internet Banking e sua evolução para o Social Banking; Internet Banking fraud and its trends to Social Banking

Damiano, André Luis
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
36.2%
A tecnologia da informação e comunicação é um fator importante no desenvolvimento futuro da indústria de serviços financeiros, com especial atenção ao setor bancário. A maioria dos bancos utiliza a Internet como um canal estratégico de distribuição onde seus serviços e produtos possuem uma relação muito próxima com o conceito mais amplo possível de marketing, aquele que descreve plenamente um ambiente e um nicho de negócio e onde o desenvolvimento e evolução deste canal associa-se diretamente a própria evolução do marketing em si. O tema central deste trabalho é apresentar uma revisão bibliográfica sobre o canal Internet Banking analisando as principais questões e desafios referentes às fraudes eletrônicas e suas ameaças, além de descrever o impacto das mídias sociais que estão ocasionando dentro das corporações. Realiza-se também um paralelo de como os serviços e produtos bancários acompanharam de perto a evolução do marketing e como, hoje, neste momento de transição de um paradigma econômico para outro, estes dois modelos se relacionam em um ponto específico: a tendência das fraudes no ambiente de Internet Banking e sua evolução para o Social Banking. Analisam-se também quais caminhos serão abertos dentro do novo paradigma de economia e marketing sociais para este tipo de ocorrência. Para atenuar de forma eficaz o risco de fraude...

Responsabilidade social corporativa : a evolução e o estágio atual do tema nas subsidiárias brasileira e chinesa do Grupo X

Prates, Caroline Chagas
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.21%
A Responsabilidade Social Corporativa remete ao papel das empresas em proporcionar o desenvolvimento sustentável através da relação justa e adequada com os seus diversos stakeholders. Este relacionamento é um tema de relevo na atualidade, tendo em vista as limitações das organizações governamentais em suprir todas as demandas sociais, principalmente em países emergentes. Buscando aprofundar o referido assunto, esta pesquisa teve como objetivo descrever e analisar a evolução e o estágio atual da Responsabilidade Social Corporativa em empresas internacionalizadas. Optou-se pelo contexto de internacionalização em função da grande exposição que o mesmo propicia às empresas e, também, pela lacuna acadêmica existente na relação entre este processo e a Responsabilidade Social Corporativa. Para tanto, realizou-se uma pesquisa em duas subsidiárias do grupo X, uma situada no Brasil e outra na China, dois países emergentes. A abordagem teórica referente à evolução da Responsabilidade Social Corporativa baseou-se nos estudos de Hoff (2008, 2011), que elucidam uma estrutura analítica para fenômenos path dependents. Para o posicionamento atual da referida temática, foram utilizados os aportes de Steurer et al. (2005) e Maon...

Articulação entre as políticas internas e externas no Brasil dos anos de 1980 aos nossos dias: uma análise valorativa sobre o desenvolvimento social e política-cultural

Garrefa, Paula Francine
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 91 f.
POR
Relevância na Pesquisa
45.8%
Assim como, as vivências nos intercâmbios internacionais podem e devem contribuir em grau elevado na constituição das mesmas políticas públicas, angariando recursos e investimentos externos, elas também podem se aprofundar em experiência de conscientização dos sujeitos políticos. Quanto mais a difusão cultural entre os povos é incentivada, pelos governos e iniciativas não governamentais, somada à atividade política dos sujeitos, mais trará contribuições aos entremeios das sociedades complexas, que por sua vez, refletirão na melhoria das condições de vida dos indivíduos e de suas instituições. O plano discursivo ideal propõe a superação das amarras econômicas para contemplar os estratos sociais, essa seria a primeira etapa para iniciar o aperfeiçoamento das instâncias democráticas e, convém assistir às transformações desde as estrutura, ou seja, dos modos de pensar, ser e agir dos seres humanos em busca de um novo tipo de desenvolvimento, que de fato se reconheça globalizado. Para tanto, o método utilizado se ancorou na revisão bibliográfica da análise histórica e da análise de discursos dos ex-presidentes, a partir da época de redemocratização brasileira. A todo o momento, frisou-se a articulação entre as mais diversas frentes de organização social...

Darwinismo social e educação no Brasil

Antonio Carlos Bergo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/09/1993 PT
Relevância na Pesquisa
45.76%
A tese propõe expor as idáis européias que influenciaram o pensamento brasileiro e que conexão tiveram com a realidade que corresponde ao século XIX no Brasil. AS idéias européias de que falo são as desenvolvidas pelo darwinismo e como foi feito dele na própria Europa. A 1º parte trata das influências econômicas que tiveram influências em Darwin, Spencer e seus seguidores; e o que depois se convencionou chamar de "darwinismo social". É importante a presença de Spencer por ser um dos fundadores da sociologia como ciência e por ter organizado uma cosmovisão do estágio do capitalismo no século XIX. A 2 º parte trata das influências deles na realidade brasileira e nos seguidores como Tobias Barreto, Silvio Romero e Clóvis Bevilácqua. Foram estes que pensam em um novo modelo nas idéias do evolucionismo e na adequação do Brasil às novas mudanças mundiais. A parte trata especificamente da obra pedagógica de Spencer resultado de sua cosmovisão geral. É a proposta e sintese de toda a nova educação liberal que chegam para superar a tradição obsoleta ao novo momento da história. Conclui pela influência na educação brasileira, no curriculo das escolas e no pensamento de Silvio Romero sobre a educação

Evolução da situação socioprofissional dos licenciados em Gestão e Desenvolvimento Social

Pereira, Paulo Almeida
Fonte: Universidade Católica Portuguesa. Instituto Universitário de Desenvolvimento e Promoção Social Publicador: Universidade Católica Portuguesa. Instituto Universitário de Desenvolvimento e Promoção Social
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2001 POR
Relevância na Pesquisa
45.95%
Nos últimos anos, o Instituto Universitário de Desenvolvimento e Promoção Social tem-se empenhado em seguir o percurso dos seus licenciados, nomeadamente do curso de Gestão e Desenvolvimento Social. Apresentam-se resultados de estudos anuais, desde 1998 a 2001, que permitem avaliar a evolução de diversos aspectos relacionados com a situação socioprofissional dos referidos diplomados, como a taxa de desemprego e características do trabalho desempenhado: sector de actividade em que se integra, localização geográfica, nível de remuneração e tipo de contrato de trabalho, entre outros. A avaliação realizada resulta extremamente positiva. Apresenta-se também a importância para as funções desempenhadas, reconhecida pelos licenciados, das diferentes áreas científicas da licenciatura e a relevância de diversos factores para a obtenção do emprego. Procede-se, finalmente, ao estudo das áreas de especialização, preferidas pelos diplomados com intenção de prosseguir os seus estudos, ao nível de pós-graduação.

A evolução da Previdência Social em perspectiva comparada: 1935-1974

Costa, André Luís Marques
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.15%
Este trabalho pretendeu analisar a importância e o contributo do sistema português de Previdência Social no processo de institucionalização do Estado Social em Portugal, e compreender a evolução da Previdência Social através de uma comparação com o contexto internacional. Para efectuar essa comparação recorreu-se à análise da evolução e composição da despesa social em percentagem do Produto Interno Bruto. O período histórico analisado inicia-se em 1935, com a criação da Previdência Social, e termina em 1974, com o fim do Estado Novo. Com base nos elementos e dados recolhidos foi possível tirar algumas conclusões acerca da importância da Previdência Social na institucionalização do actual Estado Social português, nomeadamente na configuração do sistema português de segurança social desenvolvido a partir de 1974. Como resultados mais relevantes, concluiu-se que: em primeiro lugar, o Estado desempenhou o principal papel na institucionalização do Estado Social em Portugal; em segundo lugar, a génese do actual Estado Social português começou durante o período do Estado Novo, assim, Portugal começou a construir um sistema de protecção social embora com algum atraso em relação à realidade existente nesse domínio na maioria dos países desenvolvidos; em terceiro lugar...

A doença mental: determinação individual ou construção social

Gonçalves, Amadeu Matos
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /02/2006 POR
Relevância na Pesquisa
55.93%
Neste artigo procura-se reflectir sobre as representações da doença mental à luz da evolução social. Centra-se na discussão dos conceitos chave da Sociologia da saúde, desde logo, nos conceitos de saúde e doença, mas também de cultura, relações sociais, crenças e preconceitos acerca da doença mental. A este propósito distinguem-se alguns modelos de racionalidade que circulam na sociedade e abordam-se as principais determinantes sociais e culturais da sua construção e reprodução. A análise da produção científica neste domínio sublinha a construção social da doença mental e valoriza a interpretação histórica e cultural deste fenómeno.

Concerto de Natal: construção social e desenvolvimento da musicalidade

Silva, Domingos Manuel Bonito da
Fonte: Escola Superior de Educação, Instituto Politécnico de Setúbal Publicador: Escola Superior de Educação, Instituto Politécnico de Setúbal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /03/2014 POR
Relevância na Pesquisa
45.8%
Mestrado em Ensino de Educação Musical no Ensino Básico; Este Projeto Educativo assume um carater exploratório e enquadra-se no paradigma da investigação ação. Através do mesmo, pretendeu-se escrutar o papel da educação musical em contexto escolar, como promotora de desenvolvimento de aprendizagens musicais e da musicalidade, bem como, meio facilitador do desenvolvimento de aprendizagens sociais. Ao formar um grupo vocal e instrumental Orff, constituído por alunos do quarto ano de escolaridade, do 1º ciclo do ensino básico, no âmbito da Atividade de Enriquecimento Curricular de Educação Musical, tentou-se apurar, de que modo a constituição de um grupo com estas características se poderia constituir como um catalisador positivo, adequado para potenciar as referidas aprendizagens, bem como, identificar quais as aprendizagens/competências que foram adquiridas pelas crianças. O projeto culminou com a realização de um espetáculo -“Concerto de Natal” - dirigido às comunidades educativa e local, possibilitando desta forma às crianças a oportunidade de mostrar e partilhar o seu trabalho. A adesão e o envolvimento das crianças refletiu-se através da forma como se apropriavam dos conteúdos transformando-os e (re)significando-os para si...

A evolução cultural da cooperação

Pipa, Francisco Sá Ferreira Loureiro, 1987-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.14%
Tese de mestrado, Ciência Cognitiva, Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, Faculdade de Letras Faculdade de Medicina, Faculdade de Psicologia, 2011; Este trabalho tenta mostrar como na evolução humana a cognição e a cooperação podem estar relacionadas. As vantagens oferecidas pelo comportamento anti-social podem ter levado à evolução de certas capacidades cognitivas (Capítulo 2), que garantem a emergência de sociedades altamente cooperativas, através de diferentes mecanismos (Capítulo 3). Um dos mecanismos com maior sucesso para alcançar a cooperação entre humanos é a reciprocidade indirecta. Nesta, os indivíduos agem sob influência de normas sociais, e desenvolvem estratégias baseadas na reputação que são usadas para decidir com quem é que o indivíduo coopera. O sucesso de uma norma social particular depende de diferentes características cognitivas dos indivíduos e, também, da informação disponível sobre as interacções de um terceiro partido (Capítulo 4). Neste contexto, argumento que a reciprocidade indirecta tem como base várias capacidades cognitivas individuais, tais como a teoria da mente de grau superior, as emoções/intuições morais e a linguagem (Capítulo 5 e 6). De igual modo com outros grupos de primatas a cooperação pode ter sido essencial para a sobrevivência e reprodução dos humanos. Em particular...

Perspectiva evolucionária na teoria social crítica de Habermas

Bannwart Júnior,Clodomiro José
Fonte: Universidade Estadual Paulista, Departamento de Filosofia Publicador: Universidade Estadual Paulista, Departamento de Filosofia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 PT
Relevância na Pesquisa
56.06%
Busca-se acompanhar o desenvolvimento da teoria evolucionária no pensamento de Habermas, a partir da afirmação colhida no prólogo de Problemas de Legitimação do Capitalismo Tardio, de 1973: "O caráter programático evidencia que uma teoria da evolução social hoje se encontra apenas esboçada, mas que, no entanto, deveria constituir a base da teoria da sociedade". A atenção é direcionada à forma como Habermas reorienta o sentido evolucionário do desdobramento histórico à luz do conceito de mundo da vida, como esfera de realização da ação comunicativa. Objetiva-se investigar como é projetada nesse modelo de ação, por meio da linguagem, a tarefa de produção e reprodução simbólica do consenso normativo entre os participantes do mundo social, ao mesmo tempo em que Habermas sinaliza haver um telos de integração social imanente à própria prática comunicativa. Nesse sentido, procurar-se-á demonstrar que, assim como a pragmática universal serve de base teórica para a análise de processos de distorção da linguagem e de socialização anormais, a teoria da evolução social serve de parâmetro para uma teoria social crítica com intenção emancipatória de avaliar o desdobramento empírico e contingente da dinâmica histórica.

Tecnologias de informação, cotidianos e psicologia social: considerações teórico-metodológicas

Lima,Alexandre Bonetti
Fonte: Associação Brasileira de Psicologia Social Publicador: Associação Brasileira de Psicologia Social
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 PT
Relevância na Pesquisa
45.8%
Vivemos em um mundo complexo. O processo de globalização atualmente produz efeitos incisivos na sociedade contemporânea. Compreendê-la exige levar em conta os estados das técnicas e da política, visto que ambos caminham indissociavelmente na história. Nos dias atuais, com a evolução das tecnologias de informação, possibilidades fantásticas se apresentam para uma revolução social e estética com a produção de novas relações sociais e subjetividades cosmopolitas, multiculturais e verdadeiramente democráticas. A apropriação política destas tecnologias, da forma como vem sendo realizada, tem intensificado desigualdades e intolerâncias. Tal situação convoca o posicionamento de uma Psicologia Social comprometida politicamente, procurando somar forças no sentido de desconstruir relações de opressão e implodir ideologias hegemônicas que dão sustentação a tais relações nos cotidianos da vida sendo vivida. Neste artigo, procuro discorrer teórica e metodologicamente sobre esse tema, trazendo como ilustração uma experiência de pesquisa e intervenção junto a portadores de LER/DORT de Londrina (PR).

A evolução do Direito na era contemporânea

Delgado, José Augusto
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 87319 bytes; application/pdf
PT_BR
Relevância na Pesquisa
45.93%
O autor reflete sobre a necessidade da evolução do direito como ciência responsável pela regulação da sadia convivência entre os homens, convocado para impor regras que resultem em harmonia, equilíbrio e paz social. Ressalta a contribuição do jurista para que exista maior respeito aos direitos do homem, entendendo que é seu dever tomar parte da grave realidade que o mundo está mostrando, estudando-a e fixando diretrizes que contribuam para serem menores os atentados à cidadania. Cita Ariano Suassuna, e pensamentos democráticos de contribuidores para o aperfeiçoamento das garantias fundamentais do cidadão como José de Alencar, e sua teoria democrática, Alvin Tofler, Egas Moniz Nunes e, por fim, Rui Barbosa.

Análise de comportamento e evolução cultural : relações entre propostas conceituais de B. F. Skinner e S.S. Glenn

Brunkow, Fernanda
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: 284f. : ., tabs.; application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.14%
Orientador: Prof. Dr. Alexandre Dittrich; Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Psicologia. Defesa: Curitiba, 15/08/2014; Inclui referências; Área de concentração: Psicologia; Resumo: Skinner inclui a cultura como parte do objeto de estudo da Análise do Comportamento e afirma que esta sofre a ação de um terceiro nível de seleção, nomeado evolução cultural. Esta compreensão sobre a evolução cultural é revolucionada em 1986, ocasião em que Glenn introduz sua proposta conceitual envolvendo o conceito de metacontingência. O conceito de metacontingência é identificado por Glenn e por uma parcela da literatura analítico-comportamental como referente a este terceiro nível de seleção; todavia, não ficam imediatamente claras as relações entre esta nova proposta teórica e os conceitos skinnerianos precedentes. O objetivo deste trabalho é indicar tais relações no tratamento dado à evolução cultural. O método desenvolvido parte do pressuposto de que a pesquisa conceitual é comportamento verbal, e que o "referente" de uma resposta deve ser encontrado entre as variáveis que a determinam. Assim, investigamos nos relatos de eventos apresentados pelos próprios autores quais propriedades físicas parecem controlar a emissão dos conceitos relacionados à evolução cultural. Em Skinner...

Ecologia e evolução do comportamento social em pseudoescorpiões neotropicais: o exemplo de Paratemnoides nidificator (Atemnidae); Ecology and evolution of social behavior in Neotropical pseudoscorpions: the example of Paratemnoides nidificator (Atemnidae)

Pedroso, Everton Tizo
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
36.14%
Nas últimas duas décadas foram descobertas novas espécies vivendo em complexas organizações sociais, além dos himenópteros e isópteros. Exemplos como ratos-toupeira, camarões, afídeos, pulgões e besouros foram adicionados às listas de espécies eussociais. Estágios intermediários de socialidade também foram descritos em novos aracnídeos como as aranhas, amblipígeos e uropigídeos, opiliões, escorpiões, e agora pseudoescorpiões. Embora ainda existam grandes ressalvas no uso das classificações do comportamento social, que geralmente privilegiam as espécies eussociais, não se pode negar que muitas espécies tomaram caminhos convergentes. Independentemente do grau de complexidade social, cada espécie tem um poder único de abrir novas perspectivas na compreensão da evolução dos comportamentos cooperativos, em especial as espécies intermediárias. Neste manuscrito apresento a história de um pequeno aracnídeo social obrigatório, capaz de constituir grandes colônias mantidas pelo trabalho coletivo e complexos comportamentos cooperativos. Embora não seja novo para a ciência, ainda conhecemos muito pouco sobre seu comportamento social. Atualmente, sabemos que apenas duas dentre as mais de três mil espécies conhecidas de pseudoescorpiões vivem em complexas sociedades permanentes. Neste volume apresentaremos a história natural de Paratemnoides nidificator (Balzan...

Estruturas normativas da teoria da evolução social de Habermas; Normative structures of Habermas' social evolution theory

Clodomiro Jose Bannwart Junior
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/05/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.19%
O trabalho parte do pressuposto, afirmado por Habermas em Problemas de legitimação do Capitalismo Tardio, de que a teoria da evolução social deve servir de base para a formulação de uma teoria da sociedade. A vinculação dessas duas teorias no início da década de 1970 orienta-se pela colocação de duas outras importantes teorias: a teoria da ação comunicativa e a teoria da modernidade. Num primeiro momento, explora-se a construção da teoria da sociedade verificando-se como Habermas reformula os pressupostos da teoria crítica, inscritos numa base evolucionária com pretensões emancipatórias. Num segundo momento, discute-se a estruturação da teoria da evolução social nos textos da década de 1970, principalmente em Para a Reconstrução do Materialismo Histórico, enfatizando-se o problema da homologia entre ontogênese e filogênese e as tentativas de Habermas em equacionar indivíduo e sociedade por intermédio de três caminhos: a formação da identidade pós-convencional, a dimensão prático-moral e a capacidade de aprendizagem. Num terceiro momento, destaca-se a capacidade de aprendizagem como caminho que mantém aberta a possibilidade da relação ontofilogenética e única alternativa de que Habermas dispõe para manter em pé a sua teoria da evolução social na Teoria da Ação Comunicativa. Nesta obra...

Cerâmica e mudança social em Bracara Augusta: uma análise da evolução das produções e dos produtos desde a fundação da cidade à Antiguidade Tardia

Ribeiro, Jorge Manuel Pinto
Fonte: GM Gráfica Editora Publicador: GM Gráfica Editora
Tipo: Parte de Livro
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
45.97%
As cerâmicas constituem uma importante expressão dos contextos de produção de qualquer sociedade, bem como da sua evolução social, transportando-nos ao universo da economia, da organização do trabalho, da inovação e dos gostos. Na época romana, foram fabricadas com técnicas, estilos e formas que sofreram mudanças e evoluções significativas, fato que nos permite aceder ao passado de Bracara Augusta, denunciando aspetos econômicos e políticos, mas igualmente indícios de sociabilidades relativas quer à produção, quer ao consumo. Pretendemos, com este texto, tentar aceder ao passado da cidade de Bracara Augusta por intermédio da análise de algumas das suas produções cerâmicas. Com efeito, a leitura desse material dá acesso a um mundo de informações de natureza variada, que pode ajudar a entender a evolução da cidade, desde a sua fundação à Antiguidade Tardia, mas também falar dos seus habitantes, do seu dia a dia e das suas práticas de sociabilidade.

O Banco Mundial e as Reformas da Previdência Social na América Latina

Magioni, Mirella Januário
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Política Social da UFES Publicador: Programa de Pós-Graduação em Política Social da UFES
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 15/12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
45.82%
Neste artigo apresentamos a trajetória do Banco Mundial na sua aproximação com a política de Previdência Social, bem como sua evolução ao longo das décadas de 1980, 1990 e 2000. Partimos da premissa de que tal perspectiva não se apresentou de forma igual nessas três décadas, uma vez que as condições objetivas que a sustentam também se modificaram. Assim, a crise de endividamento dos países da América Latina na década de 1980, os ajustes estruturais, as reforma dos sistemas de repartição e o aumento da pobreza são processos dinâmicos em que o Banco Mundial atuou e ao mesmo tempo se modificou no decorrer dessa atuação.

Política Social no Brasil contemporâneo: velhas essências sob novos rótulos

Alves, Getúlio Henrique Ferreira
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Política Social da UFES Publicador: Programa de Pós-Graduação em Política Social da UFES
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 23/12/2015 POR
Relevância na Pesquisa
45.84%
O objetivo deste artigo consiste em questionar se as ações propostas pelo dito neodesenvolvimentismo implicaram em rupturas com a dogmática neoliberal ou se trata de um novo rótulo recheado com a velha essência econômica conservadora? Para tanto, foram analisados os dados, da última década, acerca do crescimento do PIB e do PIB per capita, evolução do gasto social e seus impactos na redução da pobreza e da desigualdade social. Com base nisso, conclui-se que as ações em curso em nada justificam o rótulo de novo. Ao contrário, seguem sacrificando recursos sociais – principalmente os da seguridade social – em prol da rolagem da dívida pública brasileira, mascaram a real estatística da pobreza e mantém uma carga tributária regressiva, que limita uma redistribuição efetiva de renda.

Recintos de laboratório, evolução darwiniana e magia da obliteração –

Marras, Stelio; Instituto de Estudos Brasileiros (IEB) - Universidade de São Paulo (USP
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Antropolgia Social da UFSC Publicador: Programa de Pós-Graduação em Antropolgia Social da UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 21/12/2013 POR
Relevância na Pesquisa
45.84%
http://dx.doi.org/10.5007/2175-8034.2013v15n1-2p7Motivado pela etnografia, este artigo focaliza a produtividade prática e cosmológica que os recintos de laboratório (de microtubos a salas de cultura celular) parecem alcançar entre as ciências modernas. Paralelamente, aborda o moderno, conforme o caracteriza Bruno Latour, a partir do pensamento darwiniano da evoluçao. Tais estudos levam a considerar a hipótese da fecundidade do mecanismo modernista, constitutivamente ambíguo, em ocultar paradoxos e contradições, para que assim possa surtir seus efeitos.

Serviço social em Portugal: percurso cruzado entre a assistência e os direitos

Carvalho, Maria Irene Lopes Bogalho de
Fonte: Serviço Social & Saúde Publicador: Serviço Social & Saúde
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 07/05/2015 POR
Relevância na Pesquisa
45.83%
Este ensaio analisa o desenvolvimento da formação e da profissão do Serviço Social em Portugal a partir de tempos e espaços determinados. Para o efetuar realizamos uma pesquisa bibliográfica centrada em textos de referência, publicados nestes últimos anos e também na experiência da autora enquanto docente no Sistema de Ensino Superior em Portugal. Situamos a emergência, a construção e os desenvolvimentos recentes nas duas dimensões em estudo, a formação e a profissão e refletimos sobre os desafios na atualidade. Consideramos que, quer a formação quer a profissão do Serviço Social sofreram mudanças substantivas desde o seu surgimento até à atualidade, decorrente das transformações sociais associadas à mudança do sistema político, da evolução do conhecimento das Ciências Sociais e Humanas e da complexidade dos problemas sociais constituindo-se enquanto percurso cruzado entre a assistência e os direitos.