Página 1 dos resultados de 16 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

A Aplicação da Etnografia Crítica nas Relações de Poder

Gérin Lajoie, Diane
Fonte: Edições Universitárias Lusófonas Publicador: Edições Universitárias Lusófonas
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
36.63%
A utilização da etnografia tradicional não é um fenómeno novo no domínio da investigação qualitativa. Antropólogos e, de seguida, sociólogos privilegiaram esta abordagem metodológica desde há muito tempo. Em meados dos anos 1970, alguns investigadores « críticos » voltaram-se para a etnografia enquanto abordagem de investigação, porque lhes permitia perceber melhor a realidade dos grupos oprimidos, e, deste modo, compreender melhor as realções de poder e o modo como elas evoluem. O presente artigo procura demonstrar a pertinência da etnografia crítica no exame das relações de poder. Os resultados de dois estudos etnográficos servem para mostrar de que modo a abordagem etnográfica permite um exame mais aprofundado das práticas sociais existentes, permitindo assim ao investigador dissecar no plano teórico a noção de poder. A análise comparativa de resultados apresentados centram-se nas minorias linguísticas no Canadá, sejam francófonos que vivem no exterior do Quebeque sejam anglófonos vivendo no Quebeque. A análise comparativa demonstra que as relações de poder não se situam somente entre as duas minorias linguísticas e a sua maioria respetiva, mas também entre as próprias minorias linguísticas.

Girando entre Princesas: performances e contornos de gênero em uma etnografia com crianças; Spinning among Princesses: performances and gender outlines in ethnography with children

Bueno, Michele Escoura
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 09/11/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.23%
Olha tia, eu rodo que nem a Princesa era o que dizia uma menininha anos atrás enquanto girava sobre seu próprio eixo até que sua saia atingisse o ar. Cinderela era a referência por ela destacada para construir uma corporalidade dita de princesa e daquela cena surgiu o desenho desta pesquisa. Há mais de meio século Cinderela vem encantando gerações de crianças e, hoje, ao lado também de Branca de Neve, Aurora, Bela, Ariel, Jasmin, Mulan e Tiana formam famoso time Princesas Disney. Inspirando produtos mundialmente consumidos, as Princesas entram no cotidiano infantil e se tornam presentes entre os referenciais para a construção da feminilidade entre as crianças. Buscando entender a forma pela qual as Princesas são lidas e significadas entre as crianças, durante um ano convivi com crianças de três escolas no interior do estado de São Paulo. A partir de uma etnografia comparativa, entre crianças de diferentes camadas econômicas, busquei as nuances entre as narrativas das personagens Disney e as possibilidades de leituras oferecidas por sua audiência. Iniciando pela divisão proposta pela Disney entre princesas clássicas e rebeldes, selecionamos Cinderela e Mulan como representantes destes dois perfis de princesas e levantamos uma análise em dois níveis: primeiro o nível textual e...

O espaço da diferença no Brasil : etnografia de políticas públicas de reconhecimento territorial e cultural negro no sul do país

Carvalho, Ana Paula Comin de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
26.02%
Esta tese tem como tema o reconhecimento social da diferença no Brasil no que concerne à população negra. A problematização desta questão se dá a partir da análise de políticas públicas de regularização fundiária de territórios quilombolas e de patrimonialização de bens culturais relacionados a este segmento social, com o intuito de compreender como se dá o reconhecimento da diferença negra nesses processos sociais e refletir sobre a participação dos antropólogos nessas situações. Deste modo, procuramos explorar as nuances desse fenômeno, os impactos que ele produz sobre os grupos que são objetos dele e as reações que ele provoca na esfera pública. O universo de pesquisa deste trabalho é composto pelos processos de reconhecimento territorial da comunidade remanescente de quilombo Família Silva, em Porto Alegre, e de reconhecimento cultural do Cerro de Porongos, em Pinheiro Machado, ambos municípios do estado do Rio Grande do Sul. A análise comparativa desses processos nos leva a acreditar que a cultura continua sendo o lugar por excelência reservado ao tema da população negra em nosso país; isto é o espaço da diferença.; This work has as its subject the social acknowledgment of the difference in Brazil related to afro-descendent population. The problematization of such question is made from the analysis of the public policies of land regularization of quilombolas territories and the patrimonialization of cultural goods related to this social segment...

Movimentos em movimento : uma visão comparativa de dois movimentos sociais juvenis no Brasil e Estados Unidos

Saraiva, Adriana Coelho
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
26.02%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Centro de Pesquisa e Pós-Graduação sobre as Américas, 2010.; Esta tese está centrada na observação e compreensão de movimentos sociais juvenis urbanos da contemporaneidade que adotam uma perspectiva radical de luta social. Para isso, apoiou-se em uma pesquisa etnográfica sobre o Movimento Passe Livre–DF – um movimento que foca sua luta na questão dos transportes e na concepção do direito à cidade – comparando-o com o movimento estadunidense Baltimore Algebra Project, um ‘programa- movimento’, concebido por um ex-ativista da luta por direitos civis, voltado para a educação pública de qualidade e com foco na questão identitária negra. Em Baltimore, esse programa desenvolveu características radicais, ao enfrentar uma crise fiscal que se abateu sobre a cidade. Enquanto na parte brasileira, foram utilizados os recursos habituais da pesquisa etnográfica, no caso do movimento norte-americano, dado o curto período de tempo para realizar a etnografia, os dados foram complementados por pesquisa documental. Para analisar os movimentos, são recuperadas parte da literatura referente aos Novos Movimentos Sociais, perspectivas teóricas sobre juventude...

Os Proprietários da Sombra "Vila Velha Revisitada"

Ramos, Francisco Martins
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
16.02%
"Sem resumo feito pelo autor"; - A Etnografia que se segue corresponde a um trabalho de investigação que concebe a noção etnográfica no sentido da construção do texto antropológico, numa perspectiva actualizada pelas correntes pós-modernistas.Os Os Proprietários da Sombra. Vila Velha Revistada não deixa de ser, todavia, uma monografia an-tropológica que, sem abandonar a matriz da investigação e do conhecimento etnológico tradicionais (ou seja, clássicos e habituais), envereda por alguns caminhos inovadores que a "fermentação" antropológica em final do século XX tem vindo a produzir. O objectivo do presente estudo apresenta-se sob uma tríplice perspectiva: Elaborar o reestudo de uma comunidade; analisar a vida quotidiana de uma pequena vila rural do Alentejo; identificar e interpretar os mecanismos mais significativos da prática das relações de sociabilidade. Paralelamente, focam-se aspectos relacionados com a mudança social, a nível da família, do contacto urbano e do fenómeno turístico, em abordagens que poderão servir de referência comparativa em relação a outras comunidades semelhantes. Numa perspectiva dialógica, a monografia inicial articula-se com um diário etnográfico que constitui a segunda parte do trabalho e funciona como uma referência legitimadora da prática no terreno. O cariz descritivo do texto não rejeita a necessidade analítica de compreender os habitas geradores das condutas individuais e grupais: − Como se processa a vivência quotidiana numa comunidade que...

Teatro anatômico digital: práticas de representação do corpo na ciência

Monteiro,Marko
Fonte: Casa de Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Casa de Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2011 PT
Relevância na Pesquisa
26.02%
Investigam-se etnograficamente as práticas de representação do corpo na ciência contemporânea, por meio de uma análise comparativa com o teatro anatômico renascentista, uma prática de conhecimento do corpo nos primórdios da ciência moderna. Busca-se desvendar, sobretudo, de que modo a visualização do interior do corpo atua na produção de conhecimento sobre seu funcionamento. Conclui-se que, contemporaneamente, a produção de saberes privilegia sobremaneira a validação de um código e a modelagem de processos biológicos nos quais se busca intervir. Procura-se, assim, desvendar os sentidos da circulação de imagens, dados e teorias que unem corpos materiais, técnicas de visualização e cientistas, possibilitando, desse modo, a produção de verdades sobre o corpo biológico.

Interculturalidade e educação escolar indígena em Roraima: da normatização à prática cotidiana

Nascimento, Raimundo Nonato Ferreira do; Souza, Vânia Rocha Fialho de Paiva e (orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Tese de Doutorado
BR
Relevância na Pesquisa
16.02%
No presente trabalho, procuramos refletir sobre os significados que a interculturalidade e a educação intercultural têm adquirido no campo da educação escolar indígena no Brasil. O debate sobre uma educação intercultural para os povos indígenas tem suas raízes atreladas às reivindicações dos movimentos indígenas e indigenistas dos anos de 1970. Neste período, o movimento indígena organizado começou a questionar os modelos educativos homogeneizantes que lhes eram impostos e passou a reivindicar uma educação que fosse pautada no respeito e na valorização de sua diversidade étnica e cultural. Com a Constituição Federal de 1988, que reconhece o Brasil como Estado Pluricultural, foi dada também aos povos indígenas a garantia da manutenção de suas culturas e assegurada uma educação específica e diferenciada pautada nos seus valores e que, acima de tudo, respeitasse sua diversidade, assim como seus modos próprios de ser e fazer educação. Com este reconhecimento, a educação escolar destinado aos povos indígenas no Brasil passou a ser normativamente reconhecida como educação escolar indígena, específica e diferenciada intercultural e bilíngue. É, portanto, partindo do pressuposto da existência de uma educação intercultural para os povos indígenas que propomo-nos a esta análise...

Da esperança aos dilemas: doação e comércio de órgãos humanos

Ávila, Gustavo Noronha de
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
16.02%
A dissertação visou abordar os procedimentos de transplantação humana, especificamente a tutela penal relativa ao comércio de órgãos humanos que tem sido dispensada não só pelo legislador pátrio (Lei 9. 434/97), como também em relação ao direito comparado a esta revolucionária técnica. Tal objetivo foi desenvolvido através de análise eminentemente interdisciplinar, com a abordagem de elementos da história das idéias, psiquiatria, filosofia, etnografia, bioética e direito. Primeiramente buscou-se investigar a transição das visões de corpo na modernidade e contemporaneidade: indo desde uma idéia de sacralidade até a de profanação. Após, buscou-se, além da realização de análise histórico-comparativa dos principais avanços científicos na área com a evolução legislativa, principalmente em nosso país, a definição de conceitos relacionados à temática, como o de transplante, suas modalidades e a polêmica relativa a morte encefálica. A questão de escassez demonstrou-se essencial à discussão, já que ensejadora de um dos mais debatidos e controversos temas relativos aos transplantes de órgão na atualidade: o comércio de órgãos humanos. Após discussão de casos documentados sobre a prática...

Vocalização dos fonemas /l/ e /r/ pós-vocálicos: Jaraguá-Goiás; Vocalization of postvocalic phonemes /l/ and /r/: Jaraguá-Goiás

FERREIRA, Ester
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Letras e Linguística; Lingüística, Letras e Artes Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Letras e Linguística; Lingüística, Letras e Artes
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
16.02%
This research is an investigative study of a descriptive, comparative and interpretive nature under the auspices of the Historical Linguistics. This study presents the analysis of the vocalization of postvocalic /l/ and /r/ in speech community of Jaraguá, located in the midwest of Goiás, Brazil. In the process of vocalization, the /l/ is replaced by [y] and /r/, whose analyzed variant is [ö], with [y] and [w], providing falling diphthongs (vowel + semivowel). The postvocalic vocalization occurs in CVC and CV syllables within words, for example, salgada > saygada, alma > ayma, garfo > gayfu ~ gawfu; at the end of words the process of erasure or resyllabication predominated, as in enxoval > inxovali ~ inxová, cobertor > cubeytori ~ cubeytô. The sample group consists of 17 speakers (male and female) above 65 years old, born near the town, or people that have lived for more than 50 years in the place, with little or no level of literacy. We applied the technique of data collection based on the methodological assumptions of Ethnography, adopting a semi-structured interview. The themes of the interviews were directed to narratives and dialogues about family, childhood, migration, religious, cultural and professional activities, and especially about history and the beginning of the locality. The focus is primarily phonological...

Análise comparativa da metodologia dos estudos de tendências

Marques, Miguel Maria Barroso Paula
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 10/02/2014 POR
Relevância na Pesquisa
26.02%
Este tema surge da necessidade de entender quais as melhores metodologias para pesquisar e estudar as tendências emergentes na sociedade. O estudo das tendências é, cada vez mais, um assunto a ser explorado, pois atualmente, as sociedades são cada vez mais complexas e fragmentadas a nível cultural, e os indivíduos possuem comportamentos de consumo muito distintos e por vezes, imprevisíveis. Esta conclusão é rapidamente retirada ainda na fase de introdução deste trabalho, após um correto enquadramento temático. Como é comprovado ao longo do trabalho, as metodologias utilizadas na identificação e compreensão das tendências são ferramentas estratégicas excelentes para as empresas, fornecendo uma direção a ser seguida para o desenvolvimento de produtos, serviços, e a comunicação dos mesmos. Excluindo a introdução e as considerações finais, esta dissertação está categorizada em 3 capítulos. Nos primeiros 2 capítulos, é executada uma revisão de literatura que aborda não só o conceito de ‘tendência’, como todos os elementos que as influenciam. Ainda nesta fase, é explicada a importância do estudo das tendências, e quais as metodologias existentes para a sua identificação e análise. A revisão de literatura foi elaborada com base em fontes credíveis...

Relaciones y experiencias de los gitanos y los rom con la escuela. Una aproximación comparativa

Ábel Bereményi, Bálint
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2007 SPA
Relevância na Pesquisa
26.23%
Este artículo presenta las similitudes y diferencias entre las estrategias y prácticas escolares de dos grupos de gitanos. A partir del trabajo de campo etnográfico realizado con gitanos de Badalona (España) y con rom de Bogotá (Colombia), y en las respectivas escuelas, se analizan algunas condiciones sociales y políticas que conducen a prácticas escolares aparentemente semejantes entre gitanos y rom, mientras las razones subyacentes demuestran diferencias substanciales. El artículo así mismo ofrece un marco de análisis del problema basado en la teorías norteamericanas desarrolladas por antropólogos de la educación.; This article examines some similarities and differences between schooling strategies and practices of two Gitano/Rom groups. Based on ethnographic field work carried out with Gitano in Badalona (Spain) and with Rom in Bogotá (Colombia) as well as in the corresponding local schools, I will analyse some social and political conditions that lead to apparently similar schooling strategies in those communities, while underlying motives show significant differences in it. Moreover, I will also allude to within group variability. The article proposes some elements of a wider analytical framework in order to approach our issue.

Etnografía comparativa en el ámbito educativo de algunas escuelas indígenas del Estado de Chiapas, México

Ramírez Poloche, Nancy
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2007 SPA
Relevância na Pesquisa
56.68%
Este texto se presentó como comunicación al II Congreso Internacional de Etnografía y Educación: Migraciones y Ciudadanías. Universidad Autónoma de Barcelona, Barcelona, 5-8 Septiembre 2008.; En esta ponencia se pretende resumir y exponer algunas de las principales reflexiones que resultan del trabajo de investigación realizado con niños indígenas mayas en escuelas bilingües del estado de Chiapas- México. La investigación se realizó a lo largo de tres años (durante 2004- 2007), en la que se realizaron permanencias de hasta 6 meses, y se visitaron diferentes comunidades indígenas en el estado de Chiapas. El interés por el funcionamiento de los sistemas educativos en poblaciones indígenas surgió (hace aproximadamente 7 años) debido a los diversos acercamientos etnográficos que tuve con comunidades indígenas de Colombia y Ecuador. Durante el trabajo de investigación se visitaron diferentes instituciones educativas en diversas partes del estado de Chiapas incluyendo algunas “escuelas autónomas zapatistas”: la escuela primaria de Guadalupe Tepeyac, el Caracol de La Realidad, el Caracol de Roberto Barrios ubicados en la zona de las Cañadas y el albergue de primaria y secundaria (ESRAZ) ubicado en Oventik, zona de los Altos. La investigación en su conjunto se amparó en la observación participante y en las herramientas metodológicas de la I.A.P (Investigación...

Through U.S. Eyes: Examining Spanish Multilingual Education Policies

Relaño Pastor, Ana M.; Mijares, Laura
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2011 ENG
Relevância na Pesquisa
26.02%
This article offers an overview of the main language education policies aimed at addressing the needs of immigrant background students currently implemented in Spain’s multilingual schools. In particular, the article examines the politics of segregation of language immersion programs for newcomers in the Spanish State, as well as their relationship with other language learning programs implemented as part of European initiatives to promote the use of Global English. This study is based on long-term ethnographic research conducted in different schools in Madrid. Adopting a comparative perspective, we also discuss different language programs in U.S. public schools: e.g., English as a Second Language (ESL) programs, bilingual education initiatives, Transitional and Dual Immersion programs. We examine how different educational policies for English language learners in the U.S. might be able to inform Spanish language education policies, forcing us to rethink the current school integration of immigrant origin students in Spain. We conclude with a critical discussion of the lessons we can draw from both cases; Este artículo revisa las principales políticas lingüísticas dirigidas a los estudiantes de origen inmigrante en los centros educativos españoles con una amplia población multilingüe. Adoptando una perspectiva comparativa...

Militância, cultura e política em movimentos afro-culturais

Silva, Ana Claudia Cruz da
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2009 POR
Relevância na Pesquisa
26.02%
Conceitos como cultura e política, assim como formas de classificação derivadas deles como 'ser político' ou 'ser cultural', são utilizados pelos atores sociais e conformam suas organizações e formas de atuação de maneira singular. Por meio de uma análise comparativa entre trabalhos etnográficos realizados junto a grupos do interior da Bahia (Brasil) organizados com base em relações com o que se convencionou denominar de cultura negra, a proposta deste artigo é refletir sobre as posições e concepções de lideranças desses grupos em relação aos conceitos de cultura e de política e, conseqüentemente, sobre o que significa ser militante em cada um deles. As abordagens etnográficas e a comparação entre elas permite tornar as práticas de grupos culturais mais inteligíveis a partir da recusa de explicações baseadas em suas 'faltas': de consciência política, de senso de coletividade, de propostas de mudança social etc.; Concepts as culture and politics, as well as forms of classification derived from them as 'to be polític' or 'to be cultural', are used by social actors and conform their organizations and forms of performance in a singular way. From a comparative analysis among ethnographic searches about groups of Bahia (Brazil) organized on the basis of relations with what is called black culture...

ANÁLISE COMPARATIVA DAS COMPETÊNCIAS DOS GESTORES DE DESIGN E GESTORES DE ORGANIZAÇÕES COLABORATIVAS FAMILIARES DA VITIVINICULTURA

Fornasier, Cleuza Bittencourt Ribas; Demarchi, Ana Paula Perfetto; Martins, Rosane Fonseca de Freitas
Fonte: Universidade Federal da Paraíba Publicador: Universidade Federal da Paraíba
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; "Avaliado por Pares"; Pesquisa ethnográfica com observação participante Formato: application/pdf
Publicado em 22/12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
26.02%
Este artigo visa observar quais são as competências individuais utilizadas pelos gestores de organizações colaborativas familiares referenciais (de três empresas do setor da vitivinicultura brasileira) e compará-las com as de Design Thinkers na transmissão do conhecimento e para fomentar a aprendizagem. Como metodologia apresenta natureza descritiva e como delineamento estudo de campo realizado por etnografia visando reforçar o perfil analítico e sintético do designer. Como resultado, descreve o modelo de gestão utilizado nestas organizações, bem como as competências dos gestores ao inserirem e integrarem a inovação (considerando como competência o saber mobilizar, integrar e transferir conhecimentos, e as habilidades e atitudes no contexto organizacional).

A aplicação da etnografia crítica nas relações de poder

Gérin-Lajoie,Diane
Fonte: Centro de Estudos e Intervenção em Educação e Formação (CeiEF); Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias Publicador: Centro de Estudos e Intervenção em Educação e Formação (CeiEF); Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.66%
A utilização da etnografia tradicional não é um fenómeno novo no domínio da investigação qualitativa. Antropólogos e, de seguida, sociólogos privilegiaram esta abordagem metodológica desde há muito tempo. Em meados dos anos 1970, alguns investigadores «críticos» voltaram-se para a etnografia enquanto abordagem de investigação, porque lhes permitia perceber melhor a realidade dos grupos oprimidos, e, deste modo, compreender melhor as realções de poder e o modo como elas evoluem. O presente artigo procura demonstrar a pertinência da etnografia crítica no exame das relações de poder. Os resultados de dois estudos etnográficos servem para mostrar de que modo a abordagem etnográfica permite um exame mais aprofundado das práticas sociais existentes, permitindo assim ao investigador dissecar no plano teórico a noção de poder. A análise comparativa de resultados apresentados centram-se nas minorias linguísticas no Canadá, sejam francófonos que vivem no exterior do Quebeque sejam anglófonos vivendo no Quebeque. A análise comparativa demonstra que as relações de poder não se situam somente entre as duas minorias linguísticas e a sua maioria respetiva, mas também entre as próprias minorias linguísticas.