Página 1 dos resultados de 2 itens digitais encontrados em 0.005 segundos

Limites precisos ou fronteiras que desaparecem? as construções impessoais e passivas com o clítico SE/SE no português brasileiro e no espanhol; Precise limits or disappearing borders? impersonal SE/SE and passive SE/SE constructions in Brazilian Portuguese and Spanish

Araújo Júnior, Benivaldo José de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 26/02/2014 PT
Relevância na Pesquisa
96.44%
Este trabalho tem como objetivo realizar um estudo constrastivo das construções impessoais e passivas com o clítico SE/SE no espanhol e no português brasileiro. A hipótese central deste estudo é que as passivas com SE/SE passaram a ser interpretadas como impessoais nas duas línguas, porém com diferentes implicações: no espanhol, o clítico SE se mantém; no português brasileiro, esse clítico se apaga em alguns casos e, em outros, sinaliza um sujeito humano genérico na construção. A partir dessa hipótese e utilizando como referencial teórico a Gramática Cognitiva (LANGACKER, 1991; KEMMER, 1993, 1994; MALDONADO, 2006, 2012), são examinados os critérios sintáticos e semânticos que possibilitam reconhecer as passivas e impessoais, considerando sua coexistência com outras construções com clíticos, especialmente as reflexivas e as médias. Igualmente, são avaliados alguns fenômenos relacionados às passivas e impessoais nas duas línguas, tais como a perda da concordância verbal, a supressão do clítico em construções finitas e sua inserção em construções infinitivas. O trabalho se divide em três partes. O primeiro capítulo trata da fundamentação teórica e discute conceitos importantes na análise...

Estudo fonético-fenológico contrastivo entre a língua portuguesa falada no Brasil e a língua espanhola.; Estudio fonético-fonológico contrastivo entre la lengua portuguesa hablada en Brasil y la lengua española.

Oliveira, Aline Vieira Bezerra Higino de
Fonte: Universidade Federal de Alagoas; BR; Linguística; Literatura Brasileira; Programa de Pós-Graduação em Letras e Linguística; UFAL Publicador: Universidade Federal de Alagoas; BR; Linguística; Literatura Brasileira; Programa de Pós-Graduação em Letras e Linguística; UFAL
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
26.51%
El fomento a la entrada de la enseñanza del español, en nivel nacional, en la red pública y privada trajo varios estudios contrastivos entre la Lengua Portuguesa hablada en Brasil y la Lengua Española. Una de las cuestiones observadas en esta investigación es la interferencia de la lengua materna (LM) en el aprendizaje de la lengua extranjera (LE) en el nivel fonéticofonológico, considerando que, un estudio fonético-fonológico contrastivo entre los idiomas estudiados puede disminuir la fosilización de los errores. Esta investigación se destina a establecer las diferencias fonético-fonológicas más problemáticas para el aprendiz de español hablante de portugués brasileño a través de un esbozo contrastivo de los fonemas consonánticos y vocálicos entre estos sistemas lingüísticos. Comprendemos un repaso de la literatura sobre del proceso histórico de la Lengua Portuguesa y de la Lengua Española, estudio sobre la línea del análisis contrastivo, elaboración de un esbozo contrastivo de los dos sistemas en cuestión, explicitando semejanzas y diferencias tanto en el nivel fonético, cuanto en el nivel fonológico, a traves de los cuadros contrastivos entre fonemas, sonidos y representación gráfica. Utilizamos como base teórica el análisis contrastivo...