Página 1 dos resultados de 7 itens digitais encontrados em 0.014 segundos

O processo de construção de cuidados enfermeiro/pessoa em fim de vida : encontro de corpos

Frias, Cidália de Fátima Cabral de, 1965-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
16.16%
Tese de doutoramento, Enfermagem, Universidade de Lisboa, com a participação da Escola Superior de Enfermagem, 2011; É cada vez mais consensual que a singularidade da pessoa dita necessidades em cuidados de enfermagem, as quais exigem respostas diferenciadas e complexas. Perante uma pessoa em fim de vida, as intervenções revestem-se de tal peculiaridade que se tornou para mim imperioso compreender como se constroem esses cuidados, numa época em que cada vez mais as pessoas morrem no hospital. Nessa perspectiva, tive como questão orientadora: “Como é que o enfermeiro e a pessoa em fim de vida constroem o processo de cuidados, num serviço de internamento de um hospital de agudos?”. Para tal, realizei um estudo de natureza indutiva, recorrendo à metodologia grounded theory, com o intuito de compreender a natureza e o processo de interacção enfermeiro/pessoa em fim de vida; identificar as intervenções terapêuticas dos enfermeiros na interacção/partilha de corpos; e contribuir para o desenvolvimento de uma teoria de médio alcance. A amostragem foi teórica. Recorri à observação não participante e às entrevistas narrativas (realizadas aos enfermeiros, doentes e familiares) como técnicas de colheita de dados...

Avaliação do desempenho da ventilação natural em lares de idosos

Sobreira, César Diogo de Borba
Fonte: Universidade Nova de Lisboa Publicador: Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /01/2015 POR
Relevância na Pesquisa
16.16%
A esperança média de vida está a aumentar e Portugal é um dos países mais envelhecidos da Europa, sabendo-se que a população idosa apresenta elevada prevalência de doenças crónicas e problemas respiratórios. Estudos indicam que as pessoas desta faixa etária estão em média 19 a 20 horas em ambientes fechados. A Qualidade do Ar Interior (QAI) desempenha um papel crucial na qualidade de vida e na saúde dos idosos. Os adultos pertencentes a faixas etárias mais avançadas, particularmente os idosos, podem ter sistemas imunitários enfraquecidos e problemas de saúde associados à idade incrementando a sua vulnerabilidade a problemas de saúde associados à poluição do ar interior. Este facto torna-se ainda mais evidente e tem mais impacto em grupos de risco com doenças crónicas tais como infeções respiratórias, doenças cardiovasculares e na doença pulmonar obstrutiva cronica (DPOC). Nesta dissertação estuda-se o a qualidade da ventilação analisando a concentração de dióxido de carbono (CO2) gerado através do metabolismo humano nos quartos de dormir e nas salas de estar. A dissertação foi desenvolvida no âmbito do projeto GERIA (Estudo Geriátrico dos Efeitos na Saúde da Qualidade do Ar Interior em Lares da 3ª Idade de Portugal) que pretende determinar o impacte da QAI na saúde.

Avaliação das condições de ventilação de lares de idosos

Cerqueira, Fábio André Azevedo
Fonte: Universidade Nova de Lisboa Publicador: Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /07/2015 POR
Relevância na Pesquisa
16.78%
Publicações Funchal, 16-19 Dezembro 2014 Cerqueira, F., Azevedo, S., Aelenei, D., Viegas, J., (2014). “Assessment of Ventilation in Elderly Care Centres”, 40th IAHS World Congress in Housing – Sustainable Housing Construction. Porto, 26 – 28 de Março 2015 Aelenei, D., Nogueira, S., Viegas, J., Mendes, A., Cano, M., Cerqueira, F. (2015), “Caracterização experimental das taxas de renovação horária em residências para pessoas idosas”, 5ª Conferência sobre Patologia e Reabilitação de Edifícios – PATORREB 2015; Os utentes das estruturas residências para pessoas idosas (ERPI) permanecem grande parte do tempo em ambientes interiores. Portanto, a exposição a uma fraca qualidade do ar interior (QAI) poderá afetar a saúde e qualidade de vida dos mesmos. A ventilação, é uma técnica reconhecida que visa melhorar a QAI e da qual se espera um impacto significativo na saúde dos ocupantes. Assim, este estudo, inserido no âmbito do projeto GERIA, pretende avaliar as condições de ventilação dos lares de idosos. Como parte do projeto GERIA, 33 instituições na cidade de Lisboa, foram escolhidas aleatoriamente e convidadas a participar. Em cada um dos lares efetuou-se o levantamento das características construtivas...

Capacidade funcional de indivíduos idosos portadores da doença de Alzheimer; Study of protein Turnover in health elderly Brazilian using 15N-Glycine technique.

Perroni, Gisele Gonçalves Garcia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
16.16%
Introdução: A doença de Alzheimer (DA) é considerada um dos importantes pro blemas de Saúde Pública, significando, portanto, grande desafio para a geron tologia e geriatria. É causa mais comum de demência que cursa com declínio cognitivo e funcional e alterações com portamentais, porém, poucos estudos relatam a correlação existente entre o declínio motor, considerando o equilíbrio, a força e a implicação na capacidade funcional e na ocorrência de quedas nessa população, principalmente na fase inicial da DA. Objetivos: Identificar o grau de capacidade funcional dos idosos portadores da DA e adequação do seu ambiente domiciliar propício às suas atividades de vida diária, e ocorrência de quedas, proporcionando, assim, melhor qualidade de vida. Métodos: Foi efetuado um estudo epide miológico descritivo, tipo inquérito pros pectivo. Foram estudados 30 pacientes portadores de DA, com idade acima de 60 anos. Foi utilizada avaliação pes soal do paciente, do ambiente e instru mento de avaliação da Medida de Inde pendência Funcional (MIF). Resultados e Conclusões: Dos pacientes estudados, 60% eram do sexo feminino, 47% a profissão era do lar, o intervalo modal do tempo de DA foi de 1,5 - 2 anos e 57% deles apresentaram pelo menos uma queda. Em relação aos cuidadores...

Colaboração na realização da espirometria numa população de idosos: estudo GERIA

Caires, Iolanda; Belo, Joana; Palmeiro, Teresa; Sousa, Rui; Monteiro, Diogo; Botelho, Amália; Martins, Pedro; Neuparth, Nuno
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /11/2014 POR
Relevância na Pesquisa
56.64%
A espirometria é o método de eleição para a identificação de alterações ventilatórias, porém é pouco utilizada em idosos pelo fato de habitualmente se considerar que estes não conseguem colaborar. Este estudo tem como objetivo avaliar a colaboração na realização da espirometria antes e após administração de broncodilatador numa população de idosos residente num lar de Lisboa.

Classificação GOLD e sintomas respiratórios em idosos: estudo GERIA

Palmeiro, Teresa; Belo, Joana; Caires, Iolanda; Sousa, Rui; Monteiro, Diogo; Botelho, Amália; Martins, Pedro; Neuparth, Nuno
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /11/2014 POR
Relevância na Pesquisa
56.64%
A Europa assiste ao envelhecimento da população, onde a doença respiratória assume relevância. Com o aumento da idade, da exposição à poluição ambiental e do tabagismo, a prevalência da Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (DPOC) tende a ser elevada, nomeadamente na população idosa. A idade avançada poderá associar-se com uma menor percepção de sintomas, pelo que a espirometria será útil nesta faixa etária. Objetivo do estudo - Descrever o resultado da espirometria com prova de broncodilatação, de acordo com os critérios GOLD e prevalência de sintomas respiratórios dos idosos residentes num lar de Lisboa.

Perfil espirométrico e sintomas respiratórios numa amostra de idosos sem história de doença respiratória: estudo GERIA

Belo, Joana; Palmeiro, Teresa; Caires, Iolanda; Sousa, Rui; Monteiro, Diogo; Botelho, Amália; Martins, Pedro; Neuparth, Nuno
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /11/2014 POR
Relevância na Pesquisa
56.64%
O sistema respiratório sofre alterações inerentes ao envelhecimento que, aliadas à exposição ambiental e à carga tabágica contribuem para um maior declínio da função respiratória. Os testes de função respiratória (e.g. espirometria) contribuem para uma melhor identificação alterações ventilatórias nas vias aéreas, tendo em conta que idade avançada poderá ser um fator para má perceção de sintomas. Objetivo do estudo - Caracterizar o perfil espirométrico e os sintomas respiratórios em idosos sem história de doença respiratória, residentes num lar de Lisboa.