Página 1 dos resultados de 22 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Diagnóstico ambiental de indústrias de fabricação de estruturas metálicas e esquadrias de metal de pequeno e médio porte

Moro,Patrícia Dal; Pandolfo,Adalberto; Moro,Leila Dal; Barbacovi,Naira Elizabete; Tagliari,Leandro Doro
Fonte: Universidade Federal de São Carlos Publicador: Universidade Federal de São Carlos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.12%
O crescimento populacional na última metade do século XX, acompanhado dos avanços tecnológicos, levou ao desenvolvimento acelerado das indústrias, o que ocasionou o aumento da poluição ambiental causada pelos resíduos sólidos. Assim, a legislação tem se tornado cada vez mais exigente, o que obriga as empresas a serem cada vez mais responsáveis, no que se refere à questão ambiental em sua estratégia operacional. Diante deste fato, este trabalho buscou realizar um diagnóstico ambiental em indústrias de fabricação de estruturas metálicas e esquadrias de metal de pequeno e médio porte, a fim de verificar as formas de fabricação, gerenciamento, resíduos sólidos gerados e os programas ambientais adotados. Para a obtenção das informações, foram visitadas 18 empresas, as quais participaram da aplicação de um questionário semiestruturado.

Estudo de liga??es parafusadas em perfis formados a frio

Silva, Alexandre Camillo
Fonte: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.4%
As liga??es estruturais desempenham um papel fundamental nas estruturas met?licas influindo no comportamento global das mesmas. Neste contexto, o presente trabalho apresenta estudos te?rico-experimentais para a avalia??o do comportamento de uma tipologia, n?o padronizada, de liga??o viga-coluna parafusada, utilizando se??es transversais em perfis de a?o formados a frio. Os estudos deram continuidade ?s pesquisas anteriormente desenvolvidas no Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia Civil ? PROPEC/EM/UFOP. Foi desenvolvido um programa experimental que consistiu na realiza??o de quatro ensaios em quatro diferentes configura??es de liga??es viga-coluna, agrupadas em dois grupos: sem enrijecedores (SE) e com enrijecedores (CE) de alma soldados nos flanges da coluna, estabelecendo assim par?metros de compara??o; diferiram tamb?m as espessuras das vigas. Os resultados experimentais permitiram determinar as curvas momento-rota??o e rigidezes, bem como os momentos ?ltimos, os campos de deslocamento e deforma??o e os respectivos mecanismos de colapso de cada liga??o ensaiada. Os resultados foram ent?o confrontados com os resultados de pesquisas anteriores e mencionadas caracter?sticas particulares a cada modelo ensaiado. Como resultado, verificou-se que as liga??es com enrijecedores de alma na coluna...

An?lise num?rica de elementos estruturais com intera??o parcial.

Silva, Amilton Rodrigues
Fonte: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.35%
Elementos estruturais compostos por dois ou mais membros, com diferentes materiais e se??es, conectados entre si atrav?s de liga??es deform?veis, aparecem em diversas situa??es pr?ticas de Engenharia. O exemplo cl?ssico na Engenharia Civil ? o caso da viga mista de a?o e concreto, na qual uma laje de concreto se combina a um perfil met?lico. Os conectores de cisalhamento que fazem a liga??o entre os dois elementos permitem um deslocamento relativo entre os componentes, gerando um comportamento estrutural diferente de um sistema composto por dois elementos rigidamente conectados. No contexto das estruturas mistas este fen?meno ? conhecido como intera??o parcial. Outras estruturas, como vigas de madeira formadas por m?ltiplas chapas coladas, apresentam comportamento semelhante. O objetivo deste trabalho ? o desenvolvimento, implementa??o e teste de ferramentas num?ricas, baseadas no M?todo dos Elementos Finitos, para a simula??o computacional de estruturas onde haja conex?o deform?vel. Desta forma, foram formulados, implementados e testados em uma plataforma computacional diversos elementos finitos capazes de representar estruturas com este tipo de comportamento. Numa primeira etapa foram desenvolvidas formula??es de elementos unidimensionais de interface...

O uso do a?o nas interven??es em edifica??es hist?ricas: interfaces da arquitetura e da estrutura

Lloyd, Ana Lu?sa Lima
Fonte: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.02%
A consci?ncia cada vez maior de se preservar o patrim?nio arquitet?nico possibilitou aos projetos de interven??o contempor?neos uma preocupa??o maior com a valoriza??o do pr?-existente. Essas interven??es buscam um di?logo entre o presente e o passado, aliado a uma procura de t?cnicas adequadas que permitam diferenciar as duas ?pocas, explicitando mudan?as tecnol?gicas e proporcionando, ao mesmo tempo, harmonia ao conjunto. A partir da?, o trabalho procurou analisar o comportamento do a?o quando utilizado nas interven??es em edifica??es hist?ricas, de acordo com as teorias relativas ? preserva??o do patrim?nio. Aliado a essa preocupa??o com a valoriza??o do antigo, o trabalho buscou analisar a adequa??o do a?o nas interfaces da arquitetura e estrutura, no que se refere ? est?tica, funcionalidade, conforto, t?cnica, economia, resist?ncia do material. _______________________________________________________________________________________________________________________________________; ABSTRACT: The conscience of preserving the architectural patrimony made possible for the contemporary intervention projects an increasing valuation of the preexisting. These interventions seek establishing a dialogue between the present and the past, allied to a search of adequate techniques that allow to differentiate these times...

Seguran?a de estruturas em perfis formados a frio

Brand?o, Andr? Lu?s Riqueira
Fonte: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
76.51%
As estruturas devem oferecer seguran?a e boas condi??es de utiliza??o. Seguran?a significa que a estrutura n?o ir? se romper ou falhar, durante sua vida ?til, de modo que a integridade da vida de seus usu?rios seja obtida, ou ainda provocar um grande preju?zo econ?mico. Em um projeto estrutural, procura-se a solu??o mais econ?mica e segura poss?vel. Isto significa que a estrutura deve apresentar-se resistente, est?vel, duradoura e com o menor custo. Durante v?rias d?cadas as estruturas foram projetadas segundo normas em tens?es admiss?veis. A partir da d?cada de 1980, as normas brasileiras para o dimensionamento de estruturas met?licas passaram a ser baseadas no m?todo dos estados limites. Nestas normas s?o utilizados coeficientes de pondera??o das a??es e da resist?ncia de forma a se obter n?veis de seguran?a nelas definidos. Neste trabalho apresenta-se um estudo da seguran?a de elementos de barras e liga??es de perfis formados a frio, para v?rios estados limites, abordados em alguns c?digos de projeto. Os objetivos deste estudo s?o a avalia??o do ?ndice de confiabilidade, ?, para diversas rela??es a??o permanente/a??o vari?vel, bem como, comparar os valores encontrados considerando diversas combina??es de a??es. O estudo comparativo inclui o procedimento de calibra??o...

Sistema computacional para an?lise avan?ada est?tica e din?mica de estruturas met?licas

Silva, Andr?a Regina Dias da
Fonte: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Tese de Doutorado
PT_BR
Relevância na Pesquisa
96.75%
Este trabalho tem como objetivo o desenvolvimento de uma ferramenta computacional para an?lise avan?ada est?tica e din?mica de estruturas met?licas reticuladas baseada no M?todo dos Elementos Finitos. O conhecimento do comportamento est?tico e din?mico de uma estrutura ? essencial para a concep??o de estruturas mais leves e esbeltas sem afetar o seu padr?o de seguran?a e de qualidade. Assim, torna-se necess?rio utilizar teorias mais complexas, como formula??es n?o lineares, evitando simplifica??es no processo de an?lise/projeto. Nesse sentido, s?o consideradas neste trabalho duas fontes de n?o linearidades: a geom?trica, que considera os efeitos da deslocabilidade da estrutura, e a f?sica, causada principalmente pelas caracter?sticas mec?nicas dos materiais utilizados na constru??o civil. A inelasticidade do a?o e a semi-rigidez das liga??es entre os membros estruturais caracterizam a n?o linearidade f?sica. Em uma An?lise Avan?ada, esses efeitos n?o lineares s?o diretamente considerados na formula??o do elemento. Isso elimina a necessidade de processar a an?lise e o dimensionamento estrutural em fases distintas, permitindo assim estimar precisamente os poss?veis modos de colapso. Os fundamentos te?ricos necess?rios para um melhor entendimento do comportamento estrutural e das formula??es desenvolvidas para a considera??o de cada um dos efeitos citados ser?o apresentados ao longo do trabalho. Avalia-se a estabilidade est?tica e din?mica de v?rios sistemas estruturais com liga??es r?gidas e semi-r?gidas cujas solu??es anal?ticas ou num?ricas s?o encontradas na literatura. Essas an?lises s?o usadas tamb?m para a valida??o da metodologia de solu??o adotada. Ao final da tese...

As liga??es semirr?gidas na an?lise avan?ada com zona pl?stica de portais planos de a?o

Alvarenga, Arthur Ribeiro de
Fonte: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Tese de Doutorado
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.3%
Neste trabalho, estuda-se como desenvolver a An?lise Avan?ada empregando o m?todo da Zona Pl?stica em portais planos de a?o, agora incluindo o efeito das liga??es. Primeiramente, define-se esta an?lise como a inel?stica de segunda ordem, na qual se avalia a plasticidade distribu?da (por meio da t?cnica das fatias) e consideram-se os chamados ?Aspectos importantes?, como as imperfei??es geom?tricas (curvatura inicial e fora de prumo) e f?sicas (tens?es residuais). Em seguida, introduz-se o efeito das liga??es, mediante uma revis?o bibliogr?fica abrangendo hist?rico, propriedades, tipos, modelos de comportamento de momento rota??o M-?. Prop?e-se um novo modelo, chamado Rigidez Bilinear (RBL), que ? empregado tamb?m em v?rias an?lises e permite fazer uma estimativa de curvas M-? por analogia. ? desenvolvida a formula??o num?rica do EF com liga??o numa extremidade e se define um novo par?metro ?ndice de giro pr?prio da liga??o ?. Estuda-se a sua influ?ncia na formula??o, seus valores, varia??es e seu efeito nas an?lises produzidas. A Integra??o Iterativa do Esfor?o Axial (IIEA), que ? uma corre??o necess?ria quando ocorre o escoamento na se??o, ? ajustada e empregada. Estuda-se o deslocamento do centro de gravidade pl?stico, que leva a comportamentos da plasticidade n?o abordados...

Fadiga em estruturas met?licas tubulares soldadas

Lage, Carmem Miranda
Fonte: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
96.74%
Perfis tubulares estruturais de se??o circular e retangular s?o usados extensamente no campo da constru??o e da engenharia mec?nica em todos os tipos de estruturas, tais como plataformas offshore, torres de comunica??o, condutores de fluidos, pontes, passarelas e outras, sob diferentes tipos de carregamento. Essas estruturas quando submetidas a cargas c?clicas, ainda que em situa??o de baixa tens?o nominal, podem resultar num enfraquecimento progressivo, localizado e posterior ruptura do material, o que representa o fen?meno da fadiga. Quando se trata de estruturas soldadas, o comportamento ? fadiga ? condicionado pela exist?ncia de descontinuidades geom?tricas que produzem concentra??o de tens?es mais ou menos severas. A ocorr?ncia de pontos de concentra??o de tens?es pode levar a inicia??o e posterior propaga??o de trincas de fadiga. Muitas an?lises de fadiga em liga??es soldadas foram t?m sido feitas, levando em conta o carregamento din?mico, que representa a principal causa dos problemas relativos a esses tipos de estruturas. Neste trabalho ? feita uma revis?o bibliogr?fica do fen?meno da fadiga e seu comportamento em estruturas tubulares soldadas. S?o analisados os procedimentos adotados em algumas normas de dimensionamento de estruturas met?licas para a verifica??o de fadiga. S?o finalmente estudados dois exemplos pr?ticos de estruturas tubulares usando os m?todos de c?lculo da tens?o geom?trica e classifica??o segundo o Eurocode 3 (2005) e CIDECT 8 (2000). _______________________________________________________________________________________________________________________________________; ABSTRACT: Circular and rectangular hollow sections are used extensively in the field of the construction and mechanical engineering in all types of structures...

An?lise n?o-linear geom?trica de vigas-colunas com intera??o parcial.

Oliveira, Cla?dio Ernani Martins
Fonte: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.12%
A idealiza??o de estruturas cada vez mais complexas, a ado??o de formas arquitet?nicas mais elaboradas e o desenvolvimento de novos materiais e m?todos construtivos t?m gerado grandes avan?os na Engenharia Civil e na Arquitetura. Em geral, estes avan?os s?o alcan?ados durante a busca pela supera??o de problemas construtivos e tamb?m durante tentativas de aperfei?oamento das solu??es cl?ssicas destes problemas. Quando se trata da an?lise estrutural, o aperfei?oamento de uma t?cnica ou m?todo geralmente est? ligado ao tipo de an?lise feito. Assim, ? comum separar estas t?cnicas ou m?todos em dois grandes grupos: an?lise linear e an?lise n?o-linear. A caracter?stica linear pode ser atribu?da ?s propriedades f?sicas, geom?tricas ou ambas. O mesmo ? verdade para a an?lise n?o-linear. O objetivo deste trabalho ? analisar o comportamento n?o-linear de vigas colunas mistas com intera??o parcial na superf?cie de deslizamento aplicando o M?todo dos Elementos Finitos. Para isto foi desenvolvido e implementado um elemento unidimensional para an?lise num?rica. Em seguida foram feitas compara??es entre os resultados obtidos aqui e resultados encontrados na literatura. Desta maneira, pretendese verificar a confiabilidade e acur?cia do elemento proposto e tamb?m a sua aplicabilidade a casos onde a an?lise dos efeitos de segunda ordem ? especialmente importante. _______________________________________________________________________________________________________________________________________; ABSTRACT: The idealization of more complex structures...

Avalia??o do desempenho de solu??es estruturais em a?o para telhados coloniais

Melo, Mirvane Vasconcelos Santos
Fonte: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.35%
Neste trabalho foi realizado um estudo focado na avalia??o do desempenho das solu??es estruturais em a?o visando ? aplica??o em telhados coloniais. As tipologias estruturais consistem em tesouras met?licas do tipo Howe, Howe simplificada, Pratt e Fink empregadas em coberturas coloniais de duas ?guas e direcionadas para a arquitetura de pequenos e m?dios v?os, constitu?das por perfis formados a frio. A metodologia adotada levou-se em considera??o a varia??o de caracter?sticas que influencia na resposta estrutural do objeto de estudo como os v?os livres de 06, 08, 10, 12 metros, espa?amentos entre tesouras de 1,50; 2,00 e 3,00 metros e p? direito da edifica??o de 3,00 metros, comprimento longitudinal da edifica??o de 12,00 e 18,00 metros. O estudo destas varia??es de caracter?sticas possibilitou desenvolver 48 modelos estruturais que foram analisados no programa computacional SAP 2000, vers?o 11. O dimensionamento dos elementos constituintes das tesouras foi realizado em planilhas elaboradas no programa computacional Microsoft Excel, vers?o 2007, de acordo com as prescri??es da norma brasileira para o dimensionamento de estruturas de a?o constitu?das por perfis formados a frio. Para avaliar a efici?ncia do sistema estrutural utilizou-se como par?metro de avalia??o tanto a taxa de consumo de a?o e a resposta estrutural quanto ao desempenho das tesouras. __________________________________________________________________________________________; ABSTRACT: In this paper a study was carried out focused on performance evaluation of the structural steel solutions aiming at the application in colonial roofs. The structural typologies consist of metal shears like Howe...

Avalia??o do desempenho frente ? corros?o de um a?o galvanizado em extratos aquosos de solo

Lopes, Isabela Maria Ferreira
Fonte: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia de Materiais. Rede Tem?tica em Engenharia de Materiais, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s-Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia de Materiais. Rede Tem?tica em Engenharia de Materiais, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s-Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.12%
Os sistemas de transmiss?o de energia el?trica est?o constantemente sujeitos ? agressividade do solo, o que pode resultar em problemas s?rios de corros?o que afetam a integridade estrutural dos mesmos. Existe um grande n?mero de fatores, intr?nsecos e extr?nsecos aos solos, que dificultam o entendimento do mecanismo de corros?o de estruturas met?licas enterradas. Esses fatores s?o considerados cr?ticos isoladamente, e ao agirem em conjunto podem levar a problemas ainda mais graves de corros?o. O principal objetivo desse trabalho foi avaliar o desempenho frente ? corros?o de um a?o galvanizado, material largamente empregado em torres de transmiss?o de energia el?trica, em extratos aquosos de dois solos. A primeira etapa do trabalho constituiu em caracterizar os solos, os extratos provenientes dos mesmos, e o material met?lico estrutural empregado. Em uma segunda etapa, foram aplicadas t?cnicas eletroqu?micas de polariza??o potenciodin?mica e espectroscopia de imped?ncia eletroqu?mica visando o estudo do desempenho frente ? corros?o do a?o galvanizado nos dois solos em estudo, e os resultados foram correlacionados com os resultados obtidos na etapa anterior. As t?cnicas eletroqu?micas indicaram valores de resist?ncia ? corros?o do a?o galvanizado pr?ximas para os dois extratos de solo...

Programa computacional com interface gr?fica para identifica??o estoc?stica de par?metros modais de estruturas civis: aplica??o em pontes e torres de linha de transmiss?o

AMADOR, Sandro Diord Rescinho
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.75%
O interesse no comportamento din?mico de estruturas met?licas vem crescendo nas ?ltimas d?cadas no Brasil, em decorr?ncia de acidentes com colapso total de algumas estruturas devido ?s vibra??es ambientes em diversas regi?es do pa?s. Na regi?o amaz?nica, por exemplo, onde esse tipo de estrutura deve vencer obst?culos como florestas e rios de grande largura, casos de colapso total de estruturas met?licas tamb?m s?o relatados. O foco principal dessa disserta??o ? o estudo do comportamento modal de estruturas met?licas submetidas ?s vibra??es ambientes cuja magnitude das for?as de excita??o ? desconhecida. Dois estudos de caso s?o apresentados: no primeiro deles, o comportamento modal de uma torre de linha de transmiss?o de energia el?trica ? investigado; e no segundo caso, tanto o comportamento modal como os n?veis de desconforto de uma ponte s?o estudados. Os estudos realizados neste ?ltimo caso visam avaliar os n?veis de desconforto da ponte quando submetida ?s excita??es ambientes como rajadas de vento e o tr?fego de ve?culo de acordo a norma brasileira NBR 8800 (1986). Em ambos os estudos de caso foram realizadas an?lises experimentais e computacionais. Na etapa experimental, ambas as estruturas foram monitoradas com emprego de um conjunto de aceler?metros de baixa freq??ncia e tamb?m de um sistema de aquisi??o apropriados para ensaios de vibra??o de estruturas civis. Como ? muito dif?cil medir a magnitude das for?as de excita??o ambientes...

Avalia??o da resist?ncia ? fratura de pr?teses unit?rias sobre implantes revestidas em resina composta laboratorial com refor?o de fibras de vidro

FREITAS, Alysson Cruz de
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
26.21%
O sucesso dos implantes osseointegrados ? comprovado cientificamente e com isso, veio outras preocupa??es como a de se solucionar esteticamente e funcionalmente o tratamento restaurador, tendo como escolha na maioria das vezes a confec??o de coroas metalocer?micas ou metalopl?sticas. Este trabalho teve como objetivo comparar a resist?ncia ? fratura por compress?o axial e avaliar o tipo de fratura de 30 coroas unit?rias sobre implante do primeiro pr?-molar superior, confeccionadas com diferentes infraestruturas met?licas (infra-estruturas enceradas e fundidas em n?quel-cromo sobre pilares UCLA calcin?veis e infra-estruturas representadas por pilares UCLA provis?rios pr?-fabricados em tit?nio), ambos restaurados com resina composta laboratorial, sendo que, as restaura??es totais em resina compostas laboratoriais confeccionadas sobre o pilar UCLA pr?-fabricado em tit?nio foram refor?adas internamente com fibras de vidro. N?o foram encontradas diferen?as estatisticamente significantes entre as m?dias tanto de resist?ncia ? fratura quanto da deforma??o m?xima de rompimento entre os grupos (p= 0.5812 e p= 0.1743 respectivamente). As fraturas apresentadas pelos esp?cimes com infra-estruturas fundidas em n?quel-cromo com e sem reten??o apresentaram em sua totalidade fraturas parciais adesivas enquanto que no grupo com infra-estruturas com fibras-de-vidro o tipo de fratura foi a parcial coesiva. A resina composta laboratorial suporta for?as acima das encontradas na mastiga??o indiferente do tipo de refor?o utilizado...

Propriedades magn?ticas de nanoestruturas de metais de transi??o 3d em superf?cies de Pd

RODRIGUES, D?bora Carvalho de Melo
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.23%
Motivados por estudos experimentais acerca de monocamadas de metais de transi??o 3d sobre superf?cies de Pd, nesta disserta??o investigamos o complexo magnetismo de nanoestruturas, embebidas ou adsorvidas, em superf?cies met?licas atrav?s de c?lculos de primeiros princ?pios. Utilizamos o m?todo RS-LMTO-ASA (Real Space - Linear MuffinTin Orbital - Atomic Sphere Approximation), o qual ? baseado na teoria do funcional da densidade (DFT - Density Functional Theory) e implementado para o c?lculo de estruturas magn?ticas n?o colineares. Com este prop?sito, investigamos nanoestruturas embebidas e ligas (2 x 2) de metais 3d (Cr, Mn, Fe, Co e Ni) na superf?cie Pd (110), al?m de nanoestruturas de Cr adsorvidas sobre a superf?cie de Pd (111). Primeiro, para as nanoestruturas embebidas na superf?cie Pd (110), analisamos a varia??o do momento magn?tico de spin orbital com rela??o ao n?mero de vizinhos e de val?ncia dos metais 3d. Tamb?m mostramos que estas estruturas t?m ordenamento magn?tico colinear, exceto as de Cr e Mn, que apresentam magnetismo n?o colinear associado ? frustra??o geom?trica. Para o caso de nanofios de Cr adsorvidos sobre a superf?cie de Pd (111), verificamos uma configura??o colinear antiferromagn?tica para cadeias com at? 9 ?tomos. Para o nanofio com 10 ?tomos obtivemos uma configura??o tipo antiferromagn?tica inclinada (canted). No caso de nanoestruturas de Cr bidimensionais...

Propriedades magn?ticas de nanoestruturas adsorvidas em superf?cies met?licas

BEZERRA NETO, Manoel Maria
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.44%
Neste trabalho, utilizamos o m?todo de primeiros princ?pios RS-LMTO-ASA (Real Space ? Linear Muffin-Tin Orbital - Atomic Sphere Approximation) baseado na Teoria do Funcional da Densidade (DFT - Density Functional Theory) e implementado para o c?lculo de estruturas magn?ticas n?o-colineares, para investigar as propriedades magn?ticas de nanoestruturas adsorvidas em superf?cies met?licas. Consideramos aglomerados com diferentes geometrias e tamanhos como ad?tomos, d?meros, tr?meros, nanofios e nanoestruturas de geometria triangular de Fe, Fe-Co e Fe-Pt adsorvidos sobre a superf?cie de Pt(111) e tratamos tamb?m nanoestruturas de Mn sobre a superf?cie de Ag(111). Mostramos que os nanofios de Fe-Co sobre a superf?cie de Pt(111) apresentam um ordenamento ferromagn?tico. Devido ? redu??o do n?mero de coordena??o presente na superf?cie, os momentos de spin e orbital nos s?tios de Fe e Co mostram-se elevados comparados com os respectivos valores dos momentos destes metais como bulk. Analisamos tamb?m como estes momentos variam em fun??o da concentra??o destes elementos nos nanofios. Para os sistemas compostos por nanofios Fe-Pt adsorvidos em Pt(111), mostramos que ? poss?vel sintonizar as intera??es de troca entre os ad?tomos magn?ticos Fe atrav?s da introdu??o de um diferente n?mero de ?tomos Pt para lig?-los. Por exemplo...

Propriedades magn?ticas de nanoestruturas de metais de transi??o 3d adsorvidas na superf?cie de Pt(111)

CORR?A J?NIOR, Greg?rio Barbosa
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.02%
Neste trabalho, utilizamos o m?todo de primeiros princ?pios, RS-LMTO-ASA (?Real Space - Linear Muffin-Tin Orbital - Atomic Sphere Approximation?), baseado na Teoria do Funcional da Densidade (DFT) e implementado para o c?lculo de estruturas magn?ticas n?o-colineares, para investigar as propriedades magn?ticas de nanoestruturas de metais de transi??o 3d (Cr, Mn, Fe, Co e Ni) adsorvidas na superf?cie de Pt(111). Diferentes geometrias como ad?tomos, d?meros, tr?meros, fios lineares e zig-zag foram consideradas e, o tamanho dos aglomerados foi variado de 2 a 7 ?tomos. Mostramos que os aglomerados de Fe, Co e Ni sobre a superf?cie de Pt(111), para todas as geometrias simuladas, apresentam um ordenamento ferromagn?tico. Devido ? redu??o do n?mero de coordena??o presente na superf?cie, os momentos de spin e orbital nos s?tios de Fe, Co e Ni, para as diferentes geometrias, mostram-se elevados comparados com os respectivos valores dos momentos destes metais como bulk. Para os glomerados de Cr e Mn mostramos que a intera??o de troca antiferromagn?tica entre primeiros vizinhos leva a um ordenamento antiferromagn?tico colinear no caso de geometrias lineares. No entanto, se o antiferromagnetismo ? frustrado por restri??o geom?trica imposta aos aglomerados pela superf?cie triangular do substrato...

Avalia??o do desempenho t?rmico de coberturas met?licas utilizadas em edifica??es estruturadas em a?o.

Dias, Alexandra da Silva
Fonte: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
76.65%
Uma cobertura eficiente deve apresentar caracter?sticas tais como estanqueidade, resist?ncia ao impacto, leveza e durabilidade, al?m de propriedades termofisicas adequadas ?s condi??es clim?ticas externas. No Brasil, muitos estudos v?m sendo desenvolvido com o intuito de avaliar a comportamento t?rmico de v?rios tipos de telhas. Todavia, poucos avaliam a contribui??o das telhas compostas por materiais met?licos e a geometria do telhado para o ganho t?rmico interno de uma edifica??o. Desta forma, este estudo procurou avaliar o desempenho t?rmico de diferentes tipologias de coberturas met?licas utilizadas em galp?es estruturados em a?o, para as oito zonas bioclim?ticas, estabelecidas pela norma NBR 15220. S?o avaliadas a cor e a forma do telhado e tamb?m o material da telha. O desenvolvimento do trabalho foi dividido em duas etapas: a primeira, investigativa, sobre galp?es e coberturas met?licas mais utilizadas no pa?s e a segunda etapa consistiu na realiza??o de simula??es num?ricas, utilizando software Energy Plus. Para avalia??o do desempenho t?rmico, utilizou-se como par?metro de avalia??o a evolu??o temporal da temperatura interna do galp?o e a temperatura superficial da cobertura. Os resultados obtidos mostraram que as tipologias de coberturas que permitem ventila??o natural apresentam melhor desempenho...

Ventila??o natural em galp?es utilizando lanternins

Mazon, Ana Am?lia Oliveira
Fonte: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s Gradua??o em Engenharia Civil. Departamento de Engenharia Civil, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.02%
A ventila??o natural no interior das edifica??es proporciona condi??es favor?veis de conforto t?rmico aos ocupantes, al?m da melhoria da qualidade do ar interno. O projeto arquitet?nico, mesmo quando otimizado em rela??o aos v?rios n?veis de conforto, nem sempre ? suficiente para atingir plenamente a satisfa??o dos usu?rios de uma edifica??o. Para se estar satisfeito com a arquitetura, esta precisa ser resultado de um conjunto de elementos que incluem o entorno, o projeto e tamb?m o uso racional dos ambientes constru?dos. Estes elementos devem estar associados ao conforto e satisfa??o dos usu?rios e a funcionalidade. No caso da constru??o de galp?es industriais e edifica??es comerciais, ? usual construir aberturas nas coberturas (lanternins) al?m daquelas aberturas nas fachadas, para se obter ilumina??o natural e tamb?m melhorar a ventila??o natural. A efici?ncia da ventila??o natural numa edifica??o est? associada ao n?mero, posi??o, tipo e tamanho das aberturas existentes para a passagem de ar (entrada e sa?da) e tamb?m ? a??o combinada das for?as do vento e das diferen?as de temperatura (efeito chamin?). Este trabalho enfoca a ventila??o natural em galp?es por meio de lanternins nas coberturas. Apresenta-se uma modelagem matem?tica...

An??lise e considera????es dos sistemas estruturais mistos a??o-concreto

Afonso, Guilherme Henrique Borsato
Fonte: Centro Universitário de Brasília Publicador: Centro Universitário de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.23%
O Brasil cada vez mais tem apresentado inova????es em sistemas construtivos. Em grande parte o sistema adotado ?? o concreto armado. Este trabalho apresenta uma abordagem sobre estruturas mistas de a??o-concreto em edif??cios e os elementos que comp??em esse sistema. Os sistemas construtivos de estrutura de concreto armado e estrutura met??licas n??o devem rivalizar entre si e sim trabalhar em conjunto para que se tire melhor proveito de cada sistema. Ser??o abordadas as vantagens na utiliza????o do sistema de estrutura met??lica em obras da constru????o civil.

Aspectos gerais dos sistemas de prote????o contra inc??ndio em estruturas met??licas

Soares, ??derson Freitas
Fonte: Centro Universitário de Brasília Publicador: Centro Universitário de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.4%
O r??pido crescimento das cidades exige solu????es verticais em projetos edif??cios, e nos elementos estruturais em a??o, a seguran??a e resist??ncia contra inc??ndios tamb??m ?? um dos quesitos que devem ser seguidos. O emprego de materiais modernos na constru????o civil ?? uma tend??ncia que tem permitido melhorar a tecnologia das edifica????es, dentre os quais incluem os materiais que permitem aumentar a resist??ncia ??s altas temperaturas. Dentre estes materiais, os que podem ser pulverizados s??o os mais econ??micos encontrados no mercado. O objetivo deste trabalho ?? apresentar os principais materiais e processos dispon??veis para a prote????o passiva contra inc??ndio em edif??cios em elementos estruturais de a??o. Tamb??m foi desenvolvida uma pesquisa com o levantamento estimativo dos custos relativos aos principais tipos de prote????o contra inc??ndio dispon??veis no mercado.